Aulas 1 estrutura da terra

274 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
274
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Aulas 1 estrutura da terra

  1. 1. Aulas 1º série EM Professora Doralice Amarante Estrutura da terra A Terra é formada por camadas concêntricas - o núcleo, o manto e a crosta-, cada uma comsuas características físicas e químicas distintas. Essas camadas não são homogêneas; asvariações em seu interior explicam a existência de fenômenos como a deriva continental, osvulcões, os terremotos e o campo magnético do planeta. O interior da TerraA Terra é composta por quatro distintas camadas concêntricas. Crosta. Camada superficial da parte sólida do globo, cuja espessura varia de 5km sob asmais altas cadeias de montanhas. Existem dois tipos de crosta:a crosta oceânica, jovem, depouca espessura, densa e constituída por rochas basálticas, abrangendo 65% da superfícieda Terra; e a crosta continental mais antiga, espessa e menos densa, correspondente a 35%da superfície da Terra. Manto. Camada sobretudo sólida, com 2900km de espessura. Densidade média:3-4,5vezes a da água. Temperatura 700-1800°C. Composto em grande parte por uma rochachamada periodotito de granada. As correntes de convecção numa zona parcialmente emestado de fusão sobre o manto fornecem a força impulsora para a deriva continental.Embrasólido, o resto do manto também se move em lentas correntes Núcleo. Inicia a 2900km de profundidade.Diãmetro total 6.900km. Compostoessencialmente de ferro, níquel e uma quantidade menor de um elemento mais leve -talvês oenxofre. O núcleo se divide em: Núcleo externo. Camada líquida de 2.100km de espessura Núcleo interno. Camada sólida de 2.700km de diâmetro, que se supões girar a umavelocidade diferente da do resto da Terra. A temperatura no centro é estimada em 4.000-5.000°C. Campo magnético da Terra
  2. 2. A Terra tem um poderoso campo magnético, semelhante a uma gigantesca barra de ímãsituada ao centro. O campo é criado por interações entre movimentos no núcleo externolíquido e a rotação da Terra que, juntos, funcionam como um dínamo natural, gerandoeletricidade e, em consequência, um campo magnético. O campo magnético da Terra não é fixo. No momento, forma um ângulo de cerca de 11grau com o eixo em torno do qual gira o planeta, de modo que os pólos magnéticos da terranão coincidem exatamente com seus pólos geográficos. Porém, essa posição mudaligeiramente com o tempo; atualmente se move em direção ao pólo geográfico a umaproporção de 11km por ano. A polaridade do campo também se inverte a intervalos de aproximadamente 1 milhão deanos, de modo que o norte magnético se torna sul e vice-versa. Essas inversões seguramentese devem aos movimentos líquidos do núcleo externo. Fato: Um novo assoalho vem se formando nas dorsais mesooceânicas a uma proporçãode 3,5km por ano. Placas tectônicas A crosta terrestre e o manto superior(em conjunto denominados de litosfera) dividem-seem segmentos rígidos encaixados, ou placas, que estão em constante movimento em relaçãoum ao outro. O movimento é dirigido pelas correntes de convecção no mando. As placasarrastam os continentes e delimitam os oceanos, embora suas margens não necessariamentecoincidam com os limites dos continentes. Elas são criadas e destruídas ao longo de fronteirasconstrutivas ao longo de fronteiras construtivas e convergentes. Fronteiras construtivas. Ocorrem nas dorsais mesooceânicas. O magma sobre o manto eas placas são forçadas a afastar-se, acrescentando durante o processo novo material aolongo de suas margens. A Dorsal mesoatlântica é um importante exemplo. Nas dorsaismesooceânicas as placas afastam-se em média 15cm por ano. Fronteiras conservativas. Duas placas deslizam em sentidos opostos. Suas fronteiras nãosão criadas nem destruídas, transformando-se em uma falha. São caracterizadas pelaatividade sísmica. A Falha de Santo André, na Califórnia, é um exemplo de fronteitaconservativa. Placas: Placa do Pacífico, Placa do Caribe, Placa Norte Americana, Placa Eurasiática,Placa dos Cocos, Placa Africana, Placa Arábica, Placa Filipina, Placa Nazca, Placa Indo-australiana, Placa Sul-americana, Placa Antártica.

×