Diz101

345 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
345
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Diz101

  1. 1. DIZ: Todo Mundo Gosta Niterói 26/10 a 09/11/13 Edição Online para Hum Milhão e Duzentos Mil Leitores M a r i n a R a m a l h o - V i s u a l: W a g n e r R a i o l * f o t o: J u l i o C e r i n o www.dizjornal.com Jornal Plural Ano 05 Nº 101 2ª Quinzena de Fevereiro de 2014 Na Porrada ! Nova Modalidade de Assalto. Página 03 Diz O jornal Diretor Responsável: Edgard Fonseca Zona Sul, Oceânica e Centro de Niterói 16 Mil Exemplares Impressos
  2. 2. Edição na internet para Hum milhão de leitores 2 Cultura Niterói 26/10 a 09/11/13 Paulo Roberto Cecchetti prcecchetti@ig.com.br www.dizjornal.com DIZ pra mim... (que eu conto) - A exposição “Antônio Parreiras”, em exibição no Museu do Ingá (Rua Presidente Pedreira, Ingá) foi prorrogada até dia 5 de março de 2014. Vale uma visita! - A Galeria de Arte La Salle apresenta a exposição “Ressonâncias”, com Ricardo Basílio e Lívia Abreu. A visitação é gratuita e fica até 20 de março de 2014. Local: Rua Gastão Gonçalves, 79 - Stª Rosa - Niterói – RJ. - “Nestor Tangerini e o Café Paris” é o novo livro de crônicas de Nelson Tangerini. Ótima oportunidade para conhecer as histórias da boemia literária de Niterói do início do século 20. Para comprá-lo acesse: http://nitpress.webstorelw.com.br/products/nestor-tangerini-eo-cafe-paris - Juliana Porto Marçal de Almeida foi aprovada no Cur- so de Direito da UERJ. A jovem niteroiense Juliana vai seguir os passos do pai, Robson Marçal, advogado, professor, psicólogo e poeta. Parabéns Juliana, por esta conquista! - O livro “Um amor segundo Luís Antônio Pimentel”, de Luiz A. Barros, relançado dia 8 de fevereiro na Livraria Ideal, fez parte do evento Giro Cultural. Na foto, o poeta e jornalista centenário que, em março, irá completar 102 anos. - A GLIA, cultura, aprendizagem e saúde apresenta a instrutora Leila Costa que promove aula de Hatha Yoga, 2ªs e 4ªs, às 20 h; 3ªs e 5ªs, às 8 h. Mais informações: 3601-2092. REGISTRO: a praia de Camboinhas, neste verão, ainda aguarda a “visita” da CLIN para limpar a areia que permanece suja! Uma pena, pois a bela praia é um dos cartões postais de nossa cidade e o turismo está esquecido. Ele representa a nossa cultura dos ambientes do município. Uma cidade culta não pode ficar abandonada enquanto a sujeira nos representa. Vale uma vistoria das Secretarias da Região Oceânica e de Meio Ambiente, com acompanhamento da Neltur. Anna Carolina Peret annaperet@gmail.com N ão há nada mais empolgante do que tentar dar palpites e falar sobre as premiações que já ocorreram, imaginar os possíveis ganhadores da próxima, etc. Eu adoro! Nas próximas semanas, alguns filmes indicados ao Oscar entrarão em cartaz, além daqueles que já invadiram as salas cariocas. Então, é bom ficar de olho e não perder nenhum! Imagine um idoso que recebe uma propaganda dizendo que ficou milionário. Ele acredita na farsa e decide ir resgatar seu prêmio. O filho, que deseja que ele tenha a chance de ter esse último “direito realizado”, o apóia de certa forma. O problema é que, aos poucos, as pes- soas ao redor são informadas de que há um milionário em potencial na cidade, o que desperta nelas a cobiça... O tema é interessante e o filme, “Nebraska”, é magistralmente dirigido por Alexander Payne, também responsável pelos ótimos “Os Descendentes” e “Sideways Apostas - Entre Umas e Outras”. “Nebraska” concorre a melhor filme, melhor direção (Payne), melhor ator, atriz coadjuvante, roteiro original e fotografia. E por falar em fotografia, o filme é monocromático, ressaltando o que realmente importa: a estratégia de abrir mão da cor vem a calhar, uma vez que não se deseja mostrar vibrações neste retrato “preto no branco” da hostilidade e da ambição. O que interessa é mostrar o que ocorre quando o dinheiro – mesmo que apenas em uma “menção” – sobe a cabeça. Só a possibilidade de sua existência já altera humores, desvirtua comportamentos, criando um verdadeiro caos. Qualquer semelhança com o mundo contemporâneo é mera coincidência! Outra produção interessantíssima que concorre ao prêmio máximo da academia e que entra em cartaz nesta semana é “Philomena”. A personagem título, interpretada por Judi Dench (“Orgulho & Preconceito” e “Shakespeare Apaixonado”) – que também concorre como melhor atriz – é uma senhora que vivia em um orfanato e que foi obrigada a dar seu filho de apenas um ano para adoção há 50 anos. Após todo esse tempo, ela não consegue esquecer esse fato e ainda se pergunta onde está seu neném. É nesse gancho que entra em ação um jornalista em depressão após perder seu emprego... Mesmo sem interesse nenhum neste tipo de investigação, ele vê que o caso pode lhe render uma matéria e, conseqüentemente, uma fonte de renda. Porém, engana-se quem crê que o filme narra apenas a história de Philomena. Na verdade, há muito a ser discutido a respeito da Igreja Católica. Mesmo tendo sofrido nas mãos das freiras, a personagem não perdeu sua fé. Toda intransigência do catolicismo não conseguiu abalá-la. Paralelo a isso, a produção esbarra na ortodoxia antissexualidade, na aversão a homossexualidade e em toda a crueldade que pode ser – e é – feita em nome da fé. Vale a pena perceber como o diretor Stephen Frears (“A Rainha” e “Alta Fidelidade”) consegue mesclar uma história tão tocante com um tema tão polêmico. Nota dez! E não dá para não falar de “12 Anos de Escravidão” (“12 Years A Slave”, no original). O tema é batido, a história é sabida, o desfecho tem spoiler no título, etc. Porém, mesmo com todos os contras, o filme é um espetáculo de atuação e fotografia. Quem deseja conhecer um pouco mais do trabalho de dois grandes atores da contemporaneidade e do diretor Steve McQueen (“Fome” e “Shame”) precisa assistir a essa produção. O filme deixa claro o talento do sempre injustiçado Chiwetel Ejiofor. Este ator de grande talento sempre brilha em papéis coadjuvantes (“O Gângster”, “O Plano Perfeito”, “Amistad”, etc.). Já era hora de ganhar um protagonista a sua altura. Um presentão do qual ele faz jus e faz bonito! E, por sua interpretação fantástica, concorre ao Oscar de melhor ator. Michael Fassbender já deixou claro que nasceu para ser uma estrela – aliás, uma linda estrela! Roubou a cena em “Bastardos Inglórios”, arrancou suspiros em “O Conselheiro do Crime”, mostrou sua versatilidade em “Um Método Perigoso “ e invade agora as telas na pele de um capataz muito ruim... E, por tal trabalho, tem chances de levar para casa a estatueta de melhor ator coadjuvante. Não há desculpa para não ir ao cinema. A disputa do Oscar 2014 está bastante acirrada e quem ganha somos nós, os cinéfilos de plantão. No próximo dia 2 de março, todas as dúvidas sobre os vencedores serão sanadas na premiação. Porém, até lá, eu quero mais é assistir a tudo o que eu puder e apostar nos meus prediletos! Vejo vocês no cinema!
  3. 3. 3 Niterói 26/10 a 09/11/13 Documento Edição na internet para Hum milhão de leitores dizjornal@gmail.com N www.dizjornal.com Nova Modalidade de Assalto: Na Porrada! iterói enfrenta hoje um dos piores períodos da sua história em relação à segurança pública. Os recentes movimentos de expurgo de bandidos do Rio de Janeiro, visando oferecer uma aparência condizente com o “Padrão Fifa”, afetaram sobre maneira os municípios do entorno, em particular, Niterói. E porque Niterói? Primeiro pela proximidade. Fica fácil se instalar aqui e administrar os “negócios” acontecendo no Rio. Com a vantagem de poder se expandir para São Gonçalo, Itaboraí, Maricá e Rio Bonito. A localização é estratégica. Em segundo, por esta prática vaidosa e mercantilista, de apresentar Niterói como a melhor qualidade de vida do Estado e a cidade das transformações (futuro?), que só interessa aos especuladores e produtores do mercado imobiliário. Atrai para Niterói pessoas que desconhecem a nossa realidade e tem dinheiro para pagar por imóveis, com preços irreais e inflados por uma política perversa, que resultará em reais prejuízos futuros, quando esta “bolha dourada” explodir. Nada é real. É só especulativo! Terceiro, por políticas públicas de segurança inteiramente inadequadas, defasadas, até na informação para o modelo atual. Diariamente são proferidas promessas, promessas... Mas, o governo do Estado, faz a “maquiagem”, apresenta mais alguns policiais militares como reforço, para dias depois transferí-los para áreas de interesses da Copa. O que a cidade ouve, não é real! São tantas promessas ensaiadas por marqueteiros de constante plantão, que no final se confundem palavras e promessas e a dura realidade corrói a cidade. Os mecanismos de segurança do município são insignificantes e impróprios para o enfrentamento de bandidos fortemente armados e desafiando qualquer um. É armamento em níveis de guerra na Faixa de Gaza. Em lugares como a Grota da Surucucu, no bairro de São Francisco, existe delimitação de área, A polícia está proibida de entrar, exceto uma minoria que tem algum tipo de “acerto”. Quem adentrar além da área do campo de futebol e não piscar os faróis para em seguida apagá-los, além de acender a parte interna do veículo, vai ser alvejado por munições de alto calibre. E isso, não é privilégio da Grota. Quem se arrisca a adentar a Favela do Sabão (Cen- tro), Vila Ipiranga (Fonseca) e Rato Molhado (Itaipu)? Vai levar chumbo grosso! E são tantas outras. Isso quando eles não entram em guerra entre eles. A turma daqui contra os invasores do Rio de Janeiro. O morador humilde destas regiões vivem como camarões diante da luta entre o mar e o rochedo. Perdem em tudo... A insegurança é total, pois os crimes perpetrados nos bairros, especialmente da Zona Sul,Oceânica e agora, o Centro, serão facilmente ocultados em qualquer comunidade das vítimas de surpresa e vão batendo e batendo para valer. No Jardim Icaraí, um idoso de 76 anos, sem esperar levou um soco no rosto, que o deixou semi-desacordado, possibilitando o roubo dos seus pertences. Esta semana aconteceram mais duas mulheres agredidas nas imediações da Otávio Kelly. Existem muitos casos de “assaltos na porrada”, na Lemos Cunha, Domingues de Sá, Sete de Setembro e Cinco de Julho. E se pergunta por quê? É, se forem pegos, não estarão deste porte. Estamos numa cidade sitiada com propaganda de paraíso. Apresentam belíssimos projetos, de se imaginar a impossibilidade de realizações. Mas, a cantilena continua, enquanto meia dúzia de interessados faturam, e de uma outra forma sitiam a cidade para os empreiteiros poderosos que neste “quintal de ninguém” faturam como querem. É uma luta absolutamente desigual. De um lado os marginais fortemente armados e do outro, a força do capital, sem se responsabilizar pelos danos atuais e futuros, atropelam quem estiver na frente e faturam, impiedosamente, faturam! Agora surgiu uma nova modalidade de assalto: sem armas e na porrada! Poderia se dizer, ainda bem, pelo menos, o risco de morte é menor... Entretanto, as maiores vítimas têm sido os idosos, mulheres e préadolescentes. Os assaltantes se aproximam portando armas, e dependendo da situação dá para alegar que se tratava de uma briga de rua, que foram insultados, etc. Na justiça dá para confundir e cai o patamar de gravidade. Vai ser apenas furto, agressão, que são discutíveis se não existirem testemunhas. Poderão até ficar impunes. Afinal, atacar idosos é tarefa fácil para homens jovens e, muitas vezes, fisicamente muito fortes. Quando se trata de idosos, o único atenuante é não portar arma de fogo ou arma branca. Tem o agravante de agredir um idoso, mas vai ficar na categoria de furto e não de assalto. Agora passaram a agir no Centro da cidade, nas ruas residenciais, que apesar de serem ruas sem proteção policial, sempre foram ruas tranquilas. E, eles não respeitam mais as delegacias próximas e nenhum aparato policial. Atrás do edifício Tower, na Visconde de Sepetiba, reúnem todas as “tribos” e a localidade é conhecida pelos adeptos ao uso de Crack. Ali, dá para misturar tudo. Qualquer meliante, principalmente assaltantes. Nesta quarta feira, na pacata Rua Consul Francisco Cruz, por volta das 22 horas, um casal, que buscava um táxi para moça retornar para casa, foi surpreendido por dois homens que desceram de um Uno cor prata, e já partiram para cima da moça a socos, tentando levar a bolsa. O rapaz, num gesto automático foi em defesa da moça, ignorando a possibilidade de estarem armados. Foi agredido por trás pelo comparsa e dalí travaram uma luta corporal. Nesta queda a sua carteira, com todos os documentos e pouco dinheiro, caiu no chão, sendo logo recolhida por um dos assaltantes. Enfurecido e tentando tomar sua carteira, atracou-se com o bandido que tinha a posse da carteira. O outro, entrou no carro e atropelou o rapaz, que caído no chão com muita escoriações e muita dor, não teve mais como reagir. Os dois bandidos, entraram no carro, e pela contra mão, fugiram pela Rua São João, onde a cem metros funciona uma unidade policial da Polícia Civil. É de lastimar e temer. Nesta Rua (São João), a uns 150 metros do ocorrido, situa-se o principal ponto de ônibus do Supermercado Guanabara. Muitas senhoras fazem compras e ficam naquele ponto esperando uma condução, muitas vezes sozinhas ou acompanhadas de outras poucas senhoras. É um local perigoso, embora situa-se em frente do Presídio Edgard Costa, que tem vigilância, mas que não evitará um assalto desta espécie, a menos que naquela guarita de observação esteja um atirador de elite. Caso contrário, seria uma temeridade atirar, pois poderia atingir inocentes. Apesar das viaturas da PM circulando (número insuficiente) e algumas paradas nas ruas, inclusive uma em frente a casa do prefeito da cidade, a Polícia Militar, tem que ser prestigiada com mais viaturas, mais policiais nas ruas de Niterói com o mesmo “Padrão Fifa”. Caso contrário, entreguemos as nossas vidas nas mãos de Deus, pois nada mais nos protegerá.
  4. 4. www.dizjornal.com O Edição na internet para Hum milhão de leitores s vereadores de oposição, Bruno Lessa (PSDB), Paulo Eduardo Gomes, Henrique Vieira e Renatinho (todos do PSOL), entraram com uma ação popular na justiça contra o aumento das tarifas dos ônibus de Niterói. As passagens foram aumentadas de 2,75 para 3,00. Eles defendem uma redução que seja ainda maior que os 2,75 anteriores, pois concluíram no Relatório em Separado da CPI dos Ônibus, que as planilhas de custo das empresas não lançam receitas como a de publicidade, que mudaria a configuração do cálculo; além do custo por quilômetro ser excessivamente lucrativo, comparado com outras cidades, como V ai para Niterói o título da 9ª edição do Concurso Nacional de Marchinhas Carnavalescas da Fundição Progresso no Rio de Janeiro. São de lá os compositores Cássio e Rita Tucunduva, que além de casal são parceiros na marchinha “Cadê a viga?”, vencedora da disputa com 65% dos votos dos telespectadores do Fantástico. A marcha, que rendeu aos vencedores o troféu Marlene e um prêmio de R$ 15 mil, foi defendida no palco da Fundição Progresso por Cássio Tucunduva e seus companheiros no grupo Perdidos na Ponte, todos também moradores de Niterói: Cely Trece, Naiana Péres e Paulinho Pereira. Tania Malheiros Canta Samba a sexta de carnaval , dia 28 de Fevereiro, a niteroiense Tania Malheiros apresenta o melhor do samba no show “Canta Samba”. com início às 21h, no Bar Cariocando (Rua Silveira Martins, 139, perto da estação do metrô do Catete), Terá a participação dos músicos Kiko Chavez (violão), Buzunga (percussão) e Amendoim (cavaquinho). O ingresso custa R$ 22,00 – aceita cartões e tem estacionamento ao lado (táxi na porta). O ambiente é refrigerado e o astral é altíssimo. É só conferir, Niterói 26/10 a 09/11/13 clara.petrucci@dizjornal.com | Instagram: Clara Petrucci Polêmica Nutricional Paulo Eduardo Gomes e Bruno Lessa o Rio de Janeiro, onde as distâncias são bem maiores. A expectativa é que a justiça considere os argumentos técnicos apresentados e promova a redução tão desejada. Concurso de Marchinhas N D! Nutrição Informes Ação Popular Contra Aumento dos Ônibus 4 Expediente Edgard Fonseca Comunicação Ltda. Rua Otavio Carneiro 143/704 Niterói/RJ. Diretor Responsável: Edgard Fonseca Editor: Edgard Fonseca Registro Profíssional MT 29931/RJ Distribuição e circulação: Ernesto Guadelupe Diagramação: Erisvelton Santana Impressão: Tribuna RJ Tiragem 16.000 exemplares Redação do Diz End: Rua Cônsul Francisco Cruz, nº 3 Centro - Niterói, RJ Tel: 3628-0552 | 36285252 | 9613-8634 Correspondência para Administração Rua Cônsul Francisco Cruz, nº 3 Centro Niterói, - CEP 24.020-270 dizjornal@gmail.com www.dizjornal.com Os artigos assinados são de integral e absoluta responsabilidade dos autores. C onfesso que essa semana foi bem polêmica e confusa para mim. Muitos acontecimentos relacionados à nutrição e saúde que me fizeram repensar as mínimas condutas de um profissional de saúde e de até aonde vai a vaidade associada à falta de informação. Mais uma vez volto a repetir que dietas da moda não são solução e que o ser humano não é receita de bolo....Faço de tudo para transmitir o máximo de informações que pesquiso e sempre aprendo, mas chegamos ao ponto de uma pessoa perder os movimentos da perna temporariamente por uma deficiência de vitamina B1. A pessoa faz uma dieta líquida, com um "Shake da vida", por 8 meses, toma remédios estimulantes e tudo isso para ficar magra para o carnaval, sem acompanhamento, sem prescrição, sem nada, inclusive informação . Outra febre que fiquei debatendo muito e venho pesquisando é a dieta paleolítica , realmente assim como outras dietas com um maior aporte de proteínas, gorduras boas, fibras, vão ter um efeito “emagrecedor” e em alguns pontos, saudáveis (é melhor do que comer coxinha e refrigerante), mas, é preciso levar em conta todas as circunstâncias químicas, a atual situação de saúde do indivíduo, saúde renal, intestinal, hepática...Enfim são muitos pontos a serem debatidos em todas essas dietas. O grau de toxidade, acidez... Muitos pontos positivos, pois sei que algumas filosofias destas dietas mudaram a vida de muitos seres humanos e para sempre, nada mais justo serem eternamente grato e adeptos das mesmas, mas isso não pode ser generalizado, pois o risco de algum dano à saúde continua iminente. Todos os pontos levantados devem ser debatidos antes de uma escolha tratando-se de saúde, o custo-benefício da sua integridade imunológica, emocional e da saúde em geral. Uma pessoa aparentemente saudável pode se adaptar e outra aparentemente saudável não. Gente! Por favor, procure um nutricionista antes de mergulhar no escuro nesse “mar de alimentação”; você pode se deparar com um cardume lindo e de cores maravilhosas, ou pode se deparar com um tubarão: uma doença grave, um efeito reverso, uma intoxicação. Então, por favor, não se proponha a fazer o que não está apto! O tempo perdido é caro, o tratamento também, além dos períodos de recuperação de uma doença... Vale a pena?
  5. 5. 5 Internet Olha o Carnaval Niterói 26/10 a 09/11/13 Edição na internet para Hum milhão de leitores www.dizjornal.com Juliana Demier - juliana.demier@gmail.com M ais de 460 blocos autorizados pela prefeitura do Rio de Janeiro numa cidade que vive um verdadeiro carnaval de obras. Mas, com ou sem obras e com ou sem ruas, semana que vem a folia começa efetivamente, apesar de, na prática, a cidade estar em clima de festa desde o réveillon. Vários blocos já saíram pelas ruas desde a semana passada e nesta próxima a promessa é de mais deles de norte a sul, chova ou faça sol. Segue um pequeno desfile de 4 sites com as melhores indicações para curtir a folia. O guia mais completo de blocos da cidade do Rio está em www.wikirio.com.br, que traz também informações sobre todo o carnaval e até os endereços das redes sociais dos blocos de lá. Outro site que vale a pena é o http://www. rioguiaoficial.com.br, da prefeitura do Rio, que além de blocos, dá dicas de bailes e praticamente todas as atrações espalhadas pela cidade, com informações de onde comer e onde ficar, por exemplo. Em Niterói, a lista mais esperada da cidade pode ser acessada através de http://carnavalniteroi. wordpress.com. O blog já tem a lista completa dos blocos, que está com tudo já nesse fim de semana. Para fechar esse pequeno desfile, tem o www.1001roteirinhos. c o m . b r , que dá várias dicas para a criançada de Niterói (e de São Gonçalo também) cair na folia. Para os avessos à festa, a dica é ter paciência, que não demora tanto. A ORAÇÃO A SANTO EXPEDITO Festa 19 de abril. Comemora-se todo dia 19 Se vc. está com algum Problema Difícil e aparentemente sem Solução, precisa de Ajuda Urgente, peça a Santo Expedito. Ele é o Santo dos Negócios que precisam de pronta solução e cuja invocação nunca é tardia. ORAÇÃO: Meu Santo Expedito da Causas Justas e Urgentes, socorrei-me nesta hora de aflição e desespero. Intercedei junto ao Nosso Senhor Jesus Cristo! Vós que sois o Santo dos Aflitos, Vós que sois o Santo das Causas Urgentes, protegei-me, ajudai-me, Dai-me Força, Coragem e Serenidade. Atendei o meu pedido: (fazer o pedido) Ajudai-me a superar estas Horas Difíceis, protegei-me de todos que possam me prejudicar; Protegei minha família, atendei o meu pedido com urgência. Devolvei-me a Paz a Tranqüilidade Serei grato pelo resto da minha vida e levarei seu nome a todos que têm fé. Obrigado. Rezar 1 Padre Nosso,1 Ave Maria e Fazer o sinal da cruz. “para que os pedidos sejam atendidos é necessário que sejam justos”. Santo Expedito Agradeço a Santo Expedito a Graça Alcançada. Acesse o Nosso Site: www.dizjornal.com ou no Facebook Diz Jornal folia acaba e o ano, enfim, começa. Bom... Mais ou menos, pois vai parar de novo no feriadão de abril e depois na copa e depois nas eleições... Mas, enquanto isso resta baixar filmes, porque os cinemas estarão cheios e as ruas lotadas, estocar comidinhas, pra não ter de ir à padaria nem ao mercado, que também serão palco de folia, e tentar reunir outros amigos não simpatizantes, pra pelo menos animar um pouco o ambiente... Para os que vão pras ruas, xixi só no banheiro e, agora, definitivamente, o lixo é na lixeira, senão a festa acaba em multa... Isso vale inclusive para guimba de cigarro, ok? Pelo menos na cidade do Rio, mas essa educação, com ou sem multa, deverá funcionar em Niterói também. Bom carnaval!
  6. 6. Edição na internet para Hum milhão de leitores www.dizjornal.com O Brasil, e em particular o Estado do Rio de Janeiro, vive um momento atípico de contradições e excessos. É como se a desordem governamental, vinda de cima para baixo, disseminasse desconfianças em todos os níveis. A troca de acusações, trapaças, elaboração de dossiês desqualificadores e acusatórios fazem da nossa sociedade uma fritura perversa e de consequências imprevisíveis. O modelo petista de fazer política, com características que vão do modelo stalinista, passando pelo populismo vulgar até chegar ao último degrau que é a tal revolução bolivariana, fazem uma sujeira putrefata no terreiro como se fosse uma mistura de porcos e pombos. Baixaram tanto o nível, na moral e na política, ao raso rasteiro dos seus pensamentos e forma de viver, que subvertem todos os valores e nos faz parecer um país de miseráveis dividindo o resto do furto entre mentes roubadas. Uma vergonha! Dilapidaram o Brasil, apropriaram-se de tudo como formigas carregadeiras famintas por cargos, posses da nação e até da dig- Edgard Fonseca edgard.fonseca22@gmail.com 6 Niterói 26/10 a 09/11/13 O Apocalipse Petista nidade alheia. Foi como uma invasão de um povo bárbaro e injusto. Nunca tiveram escrúpulos e passam, como um trator cruel, por cima de quem se opõe aos seus projetos de poder ilimitado. Mas, o demônio só entra em nossa casa quando o convidamos, e o Brasil foi ludibriado por este prestigiador do mal, o senhor Lula da Silva. Ele fez e faz toda mágica contrária e desestabiliza para poder reinar entre destroços. Ele é a representação do mal. Passou o seu bastão (ou seria bastardo?) para uma aliada dos últimos tempos e o resultado negativo é visto a olho nu. Este país nunca foi tão mal... Lula mira-se e defende o modelo Chavista, como o fez recentemente, afirmando que os propósitos mancomunados virão e são os piores possíveis. A Venezuela é um campo de guerra desigual, que hoje tem como gestor (com todo respeito aos motoristas profissionais) um condutor de ônibus analfabeto e enlouquecido, que fala com fantasma incorporado num passarinho, diz asneiras que nenhuma sociologia é capaz de explicar. (Talvez apenas psiquiatras forenses sejam capazes de passar perto). Manda massacrar, prender e até matar opositores e estudantes, sem pestanejar. Se não aceitarem suas sandices, faz como os petistas fizeram com o prefeito Celso Daniel em São Paulo. A ordem é extirpar quem atrapalhar o processo desenfreado, que nem eles mesmos sabem no que vai dar. Basta ver as disputas internas do PT. Campo disso, versus campo daquilo, e se odiando, vão fazendo uma vaquinha e ações entre inimigos cordiais para manutenção do poder a qualquer custo, ainda que venham a se matar num futuro próximo. É a sensação de um ônibus lotado ladeira abaixo, sem freios e direção, pilotado por um sociopata. Até seus aliados se contaminam e entram na esbórnia golpista, aprendendo rapidamente como usufruir o máximo sem acrescentar nada! Mentem, depois mentem, e mentem sempre! A falta de pudor para mentir é o primeiro aprendizado. Uma piorra girando onde aglutinam espoliadores de toda natureza. Reúnem oportunistas, golpistas de esquerda e direita e outras agremiações criminosas para dividir aquilo que pilharam. Ideologia? Que piada vendida! A Enganação da Empresa Só a Morte para Vivo da Escuridão E P rimeiro vamos falar da Ampla. Recebemos cotidianamente uma infinidade de denúncias e reclamações que se repetem como cascatas. O pior é que a uma espécie de coincidência no tocante há dois fatos: muita burocracia e nenhuma resolução. Os resultados obtidos por clientes contra prejuízos e maus serviços da Ampla, só acontecem por via judicial. É preciso penar meses de espera para ressarcimento dos prejuízos pelos picos de energia que avariam aparelhos elétricos e as faltas constantes de energia por horas a fio. A empresa já tem, novamente, novos donos, mas, os danos continuam. Sabemos que o nosso setor de Minas e Energia anda muito mal das pernas. Basta ver o Ministro Lobão falar. A voz dele é cadavérica. Está de pé por amor ao poder. O caos energético do Brasil está programado. Se nada se fizer este país vai apagar. sta foi comigo. Não costumo ficar conferindo detalhes de contas e há meses venho pagando por um serviço que nunca contratei. Ele vem camuflado na categoria de “Serviços de Terceiros”. Na minha displicência de conferência eu achava que aquilo deveria ser ligações para outras operadoras ou algo no gênero. Não era. Só descobri quando pedimos uma conta detalhada e apareceu um tal de”Kantoo Online”, que me cobrava mensalmente 59 reais. Como nunca usei e nem sabia do que se tratava ligamos e fui informado que : “em algum momento foi oferecido, e como não houve recusa formal, consideraram que a proposta era aceita”. Como sempre paguei sem espernear, eles “deduziram” a minha aceitação tácita. Uma grande picaretagem! Nem sei para que serve e como um inocente útil venho pagando há meses, anos, sei lá! Imagino que como eu, deva existir muita gente. Já imaginaram que lucro fantástico a custa de displicentes como eu? Milhões de pessoas contribuindo para a caixinha Vivo. É mesmo para morrer. Atenção! Confiram suas contas. Com enganadores e simuladores que se fazem de mortos para ficarem muito vivos e ricos, é claro, não se brinca! Tim, tim! Eu já nem digo oi para ninguém!
  7. 7. 7 Niterói 26/10 a 09/11/13 N Edição na internet para Hum milhão de leitores Uma Parceria para a Mudança www.dizjornal.com a semana passada, o auditor da Receita Federal Sergio Artur do Nascimento inaugurou, junto com o empresário Sávio Neves, um escritório em Niterói, no Edifício Tower, (na Rua Visconde de Sepetiba), para ser um centro de convívio e discussão dos problemas do Estado do Rio de Janeiro. De lá sairão projetos de melhoria e combate a nulidades constantes na nossa sociedade e na atuação distorcida de certas políticas públicas. Sávio Neves preside o setor de turismo da Associação Comercial do Estado Rio de Janeiro e tem sérias discordâncias quanto ao tratamento que a cidade de Niterói tem recebido, muito abaixo das suas potencialidades e de possíveis avanços. Neste contexto, ele passará a atuar em prol da cidade, visto que as possibilidades para as futuras Olimpíadas ainda poderão ser aplicadas. Sergio Artur do Nascimento e Sávio Neves F No Guanabara... ui fazer umas comprinhas usando o folheto promocional do Supermercado Guanabara. Grifamos alguns produtos que pareciam mais baratos e fomos nós. Num determinado momento, não encontramos um produto chamado Leite Fermentado Paulista. Perguntei a funcionária que arrumava prateleiras onde poderia encontrá-lo. Ele secamente nos respondeu que a empresa não trabalhava com aquele produto. Perguntei: como assim? Está aqui no folheto de ofertas de hoje... Ela respondeu que naquela loja este produto nunca entrou. E completou: “vai ver que tem em outra loja. Tem coisa que tem aqui que não tem em outros lugares. Vai ver que isso. Tem em outra e não tem aqui.” No folheto não havia a ressalva; e os empregados do Guanabara são mal preparados. Poderia dizer simplesmente que acabou o produto e as ofertas existem até enquanto durarem os estoques. Não precisava ser tão contrária ao patrão. Vai ver que o patrão também não é lá muito bem visto entre os funcionários. Daí, fazem a política do contra. Quanto pior, melhor! E nós clientes que nos danemos... Cidadão Niteroiense G eneral de Brigada, Carlos Alberto Maciel Teixeira, foi indicado pelo vereador Jorge Andrigo de Carvalho para receber o Título de Cidadão Niteroiense, em data a ser marcada. Na oportunidade contará com a presença do ministro Welington Moreira Franco, que foi quem o presenteou com o espadim de formatura na AMANAcademia Militar de Agulhas Negras. ZAPS... ... A Comissão de Educação da Alerj, presidida pelo deputado Comte Bittencourt (PPS), realiza a primeira audiência pública de 2014 sobre o tema: “A nova política da EJA no CEDERJ”. Foram convidados para a reunião representantes da Fundação Centro de Educação a Distância do Estado do Rio de Janeiro (Cederj), do Sepe e da Uppes. ... O vereador Andrigo de Carvalho indicou a entrega da Medalha Felisberto de Carvalho à professora Renata Dreux, diretora da Escola Especial Crescer. Clínica Dr. Helder Machado Urologia Tratamento de Cálculo Renal a Raio Laser Atendemos UNIMED e Particular Atendimento 24H pelo tels: 8840-0001 e 9956-1620 Rua Dr. Celestino, 26 Centro - Niterói. Tels: 2620-2084 / 2613-1747
  8. 8. Edição na internet para Hum milhão de leitores www.dizjornal.com 8 Renda Fina Niterói 26/10 a 09/11/13 Casamento de Shayenne Torres e Paulo Vinnicius Fotos Raquel & Julio Cerino Em clima de absoluta confraternização, os familiares e amigos de longa data do casal Shayenne Torres e Paulo Vinnicius , festejaram o enlace ao ar livre num belo dia ensolarado na Pousada Pedras Brancas, em Itaipu, Niterói. Tudo fotografado e regiamente documentado pelas lentes de Raquel e Julio Cerino. Aniversariantes da Edição Angélica Mattos Paulo Jucá Luis Jourdan Amora Gabriel Petrucci Matilde Slaibi Conti
  9. 9. 9 Niterói 26/10 a 09/11/13 E! Games T! News contato@erisveltonsantana.com erisveltonsantana.com Terapeuta Holística thatiana.ncunha@gmail.com M Energias Negativas: Como se Proteger esmo que não acredite, certos ambientes ou pessoas nos fazem sentir um desconforto como tontura, queda de pressão ou enjôo. O que na correria do dia - a - dia, não damos a devida atenção a esses sinais, que pode até acontecer inúmeras vezes. Mas, para tentar resolver logo, tomamos um remédio qualquer para sanar o mau estar. Claro que às vezes a razão para uma indisposição pode realmente ser do físico. Por isso, de todo jeito, o primeiro passo é identificar nossas sensações, percebendo quando e em quais condições elas acontecem. Só que, para isso dar certo, é necessário estarmos mais atentos ao próprio corpo. Assim, para saber diferenciar quando o mal-estar que sentimos é orgânico ou uma reação a alguma energia que está fora de sintonia. Geralmente, quando se trata de uma questão energética, só o simples fato de focar o pensamento nela, já a faz se dissipar. Para que fique mais claro, imagine um momento que sinta um peso nos ombros repentino. Se você tentar se distrair com outra coisa e ignorar a sensação, acreditando que assim ela sumirá sozinha, você permitirá que ela permaneça em você. Por outro lado, se você prestar atenção nela, no seu significado, ficando alerta ao seu redor, é como se automaticamente sua energia mudasse, contribuindo para que fique livre dela. É bem como aquele pernilongo que estava lhe picando despercebido e que alça voo tão logo você percebe que ele está lá. Outra dica é meditar, relaxar, fazer algo que distraia. Esta prática costuma dar certo, pois quando nos sentimos mal nossa energia se esvai, enfraquece, começamos a ver as coisas sob uma www.dizjornal.com Consoles vs Pcs Que comecem as batalhas, ou melhor, que os jogos comecem! N ão é segredo pra ninguém que a maioria dos aficionados por games tenha sua paixão direcionada para um ou outro console (playstation, xbox, nintendo wii), contudo essa história está mudando e já existem gamers que preferem os Pcs (computadores pessoais) como plaformas para os seus jogos preferidos. Os motivos para tal migração são os mais ótica mais negativa e, assim, vamos nos afinando e nos ajustando cada vez mais com aquela energia de baixa frequência. Ou seja, se não nos precavemos no início, quando o desconforto ainda é evidente, a tendência é que nos adaptemos, não percebendo mais as nuances. Assim, poderemos simplesmente mudar nosso comportamento e vibração, atraindo outros tipos de situação e pessoas para nossa vida. Portanto, para evitar se contagiar ao ponto de transformar sua vida negativamente, procure: Manter o pensamento elevado em coisas boas, evitando reclamar ou julgar demais; Prestar atenção ao mal-estar e onde e quando ele acontece; Verificar se existe um padrão de saúde que se repete na sua vida; Identificar os lugares que lhe fazem passar mal, criando rotinas para se proteger antes de ir até eles, seja fazendo mentalizações, ou seja, ficando mais atento. Se puder, evite ir ao lugar simplesmente. Namastê! Fonte: Personare tão grande quanto nos consoles, e até raro um game para PC não ter nenhuma expansão ou algo que mantenha seus fãs jogando horas e horas a fio. Não se trata de uma guerra, muito pelo contrário. O mundo dos games é amplo e há espaço pra todos. Tanto os games para os consoles quanto para os Pcs, tem seus méritos e deméritos. Afinal um jogo não é variados, desde preços menores, visto que os games para Pcs custam relativamente mais baratos, até a qualidade gráfica superior que o processador dos computadores oferece, algo ainda inalcançado pelos consoles, embora eles estejam buscando firmemente. Tentando manter seu público fiel, uma grande aposta dos consoles são os games exclusivos como o novo “Uncharted - PlayStation 3 ”, “Mario Kart 8 - Nintendo wii U” e “Quantum Break - Xbox One”. Mas tem gente que não dá a mínima importância para esses títulos e se preocupa mais com as expansões de "World of Warcraft", a fase beta de "Starbound" ou fica aguardando 'Summer Sale' do Steam. Esses são os entusiastas dos jogos de PC. Para este grupo os jogos exclusivos não fazem falta, pois o mundo dos games para computador é avaliado por sua qualidade gráfica e sonora e, sim, por seu potencial de encantar quem está do outro lado da tela. Você é aficionado por games de console? Ótimo! - É fã de games para Pcs? Maravilha! - Odeia videogames? Tá tudo certo! O importante é cada um se divertir e se distrair com o que mais lhe agrada respeitando o direito e a vontade de seu semelhante! Inté!!!
  10. 10. www.dizjornal.com M Fernando de Farias Mello 10 Niterói 26/10 a 09/11/13 Fernando Mello - fmelloadv@gmail.com Um “Pizzolato Aqui, Outro Pizzolato Acolá...” uita gente acha que a pessoa se transforma em bandido de repente, de uma hora para outra e sem aviso. Não é bem assim que acontece. Quando o assunto é caráter, surpresas sempre ocorrem. Suponho que o bandido, malfeitor e calhorda já nasce assim. É algo que está lá dentro dele e que começa dar os primeiro sinais já na mais tenra idade. Observa-se que até dentro de escolinhas já se vê aquela criança que inicia a sua vida incorreta, pegando sorrateiramente o lápis colorido do coleguinha. No início, até pode ser um engano. Mas, mesmo assim, se esta criança não for corrigida com carinho, logo estará no circuito do mal. Creio que foi assim com muitos bandidos e até os famosos. Esta ideia me ocorreu quando do comportamento, julgamento e fuga do Pizzolato, ex-diretor do Banco do Brasil e que foi um dos marginais no esquemão do mensalão. Pizzolato já tinha em mente o que fazer, já que seu caráter bandido já havia nascido com ele. Portanto, meter a mão na grana que não lhe pertence, já lhe deu a sensação de poder e conforto. Deve ser a mesma sensação do traficante quando toma o mor- SEUS PROBLEMAS NÃO PRECISAM VIRAR UMA NOVELA. EXIJA. RECLAME. DENUNCIE. CONTE COM O ALÔ ALERJ. ro da outra facção. Mas o Pizzolato foi muito além do que ficar rico ilicitamente. Planejou um modo de fugir se as coisas começassem a dar errado, hipótese que ele contava, mas que estava de certa maneira dentro das impossibilidades. O planejamento iniciou-se com uma coisa muito fria, coisa de bandido: tirou passaporte em nome do irmão, que havia falecido num acidente de trânsito. Aproveitou que o cartório civil onde havia o registro do nascimento do irmão não tinha sido notificado do falecimento, tratou de tirar CPF e outros documentos. Assim, o ex-diretor do Banco do Brasil, além de corrupto, também era um falsário e se passou por outra pessoa, um irmão que havia falecido. Neste momento, Pizzolato não pensava em mais nada, a não ser na possibilidade de ir para Itália, pois é um cidadão italiano. E poderia viver por lá “eternamente” usando a sua cidadania italiana. São raríssimos os casos de extradição de um cidadão do seu país. Mas Pizzolato não contava com a Interpol, a polícia internacional da qual o Brasil também faz parte. Todo esperto não é inteligente. Esperteza se escreve na areia, mas a inteligência fica gravada na rocha. Todo mundo sabe que a polícia inicia uma busca vigiando os parentes do fugitivo. E não é que o espertalhão do Pizzolato foi parar na casa de parente lá na Itália. Claro que montaram vigia e cortaram a luz do apartamento que supostamente estaria vazio, pois o único morador havia saído para trabalhar. O pombinho saiu para a rua para se informar o que acontecera com a falta de energia e ... Foi preso. Simples. Agora, o bandido vai contar o dinheiro na cadeia, além de responder ao processo preso porque ficou com fama de fujão e a justiça italiana não dá mole para este tipo de “aloprado”. Genuíno, Dirceu e Cunha devem estar tristes. Talvez com saudades do colega, que sequer conseguiu prisão domiciliar. Quem sabe, no futuro, sairá da prisão com o braço erguido e punho serrado, igual aos seus iguais que estão no Brasil Lugar de bandido é na cadeia. Pizzolato nasceu assim e não vai mudar. Fernando Mello, Advogado www.fariasmelloberanger.com.br e-mail: fmelloadv@gmail.com
  11. 11. 11 Niterói 26/10 a 09/11/13 Pela Cidade Edição na internet paraHum milhão de leitores www.dizjornal.com 1973 – O Ano Que Reinventou a MPB Circuito de Bodyboard C T eve início na terça-feira, dia 18 de fevereiro, em Pipeline, no Havaí, o Circuito Mundial de Bodyboard, com a presença de quatro atletas niteroienses. A competição tem previstas nove etapas: Havaí, Chile, Austrália, Brasil, Portugal, Venezuela, Porto Rico e Ilhas Canárias, que serão confirmadas nesta semana pela organização do evento. O início do bodyboard mundial será na histórica praia havaiana com quatro atletas gerados em Itacoatiara-Niterói. A niteroiense Paola Simão será a única representante feminina no certame. Ela já esteve em águas havaianas em outras duas temporadas (2000 e 2011), e promete grande atuação neste ano. Entre representantes masculinos estão, o experiente Dudu Pedra, que teve expressiva participação no Itacoatiara Pro 2013, e também os niteroienses João Zik e Kalani Latanzi, que já estão na disputa no Havaí. Em julho deste ano a deve acontecer uma etapa na Praia de Itacoatiara. Na Aliança Francesa: “A Gente Sabe Quando Começa...” N o Ciné-club Jean Vigo, da Aliança Francesa de Niterói, no dia 24, segunda fei- ra, às 19h, estará em cartaz o filme, A Gente Sabe Quando Começa... (Travaux, on sait quand ça commence...), com entrada gratuita sujeita a lotação e legendas em português. Chantal é uma brilhante advogada, especializada em defender imigrantes. Implacável e imbatível no tribunal. Na vida íntima ela é condescendente com o ex-marido e seus dois filhos adolescentes. Decidiu fazer uma reforma no seu apartamento, e contrata os serviços de um grupo de colombianos. A obra se transforma num pandemônio, e Chantal chega à beira de um ataque de nervos. Classificação etária livre. A Aliança Francesa fica na Rua Lopes Trovão, 52, em Icaraí- Niterói. om organização de Célio de Albuquerque, foi lançado no dia 18, na Livraria Gutemberg, em Icaraí, o livro “1973 – O ano que reinventou a MPB”, que fala das transformações ocorridas na música popular brasileira no período pós Bossa Nova e final dos grandes festivais de música, realizados entre 1965-1972. A obra composta de 432 páginas reúne alguns dos principais discos lançados naquele ano (cerca de 50), resenhados por nomes de destaque da crônica musical brasileira, entre eles: Luiz Antonio Mello, Silvio Essinger, Beto Feitosa, André Cananéa, Rildo Hora, Tavito, Regina Zappa, Moacyr Luz, e Ricardo Schott. O ano de 1973 foi singular para a MPB e neste conjunto de lançamentos destaca-se “Araçá Azul” de Caetano Veloso, ainda lançamentos de Elton Medeiros, Raul Seixas, Fagner, Gonzaguinha, Francis Hime e João Bosco. O livro editado pela Sonora Editora custa R$ 59,90, e encontra-se na Livraria Gutemberg da Moreira César, em Icaraí. Documentário Trabalhar é Viver R ealizado em parceria com a UFF e a Unitevê, no dia 25 de fevereiro, às 18h, no Museu do Ingá, será lançado o documentário “Trabalhar e Viver”, cujo roteiro enfatiza a vida e obra de Antonio Parreiras, através de falas de significativas personalidades vinculadas ao artista, entremeadas por imagens de suas obras. Contêm depoimentos coletados de diversas personalidades vinculadas aos conteúdos do MAP e suas coleções. Esse lançamento faz parte da expo Antonio Parreiras e seu museu, em cartaz, no vizinho, Museu do Ingá, até 09 de março. A exposição, com curadoria de Pedro Vasquez, Paulo Knauss e Kátia de Marco encontra-se dividida em quatro segmentos para apre- sentar um panorama do acervo do MAP , com 62 obras, entre pinturas e desenhos do artista e seus contemporâneos, aspectos de sua biografia, uma cronologia histórica do prédio - casa, atelier e museu, além do Programa de Requalificação Institucional, com a proposta de sua restauração civil e renovação de conteúdos e programação.
  12. 12. Em Foco Edição na internet para Hum milhão de leitores www.dizjornal.com dizjornal@gmail.com Plenário da Câmara Muda no Carnaval P Sergio Gomes ara a abertura oficial do carnaval de Niterói estão faltando poucos dias. A Câmara de Vereadores realiza uma tarde inteira dedicada ao samba e a folia. O evento está marcado para o próximo dia 24, às 15 horas e faz parte das comemoGuilherme Cauâ - Puxador mirin rações do Dia Nacional do Samba, que não pode ser realizado em 02 de dezembro. Sambistas, passistas, compositores, cantores, ritmistas, jornalistas e pesquisadores do carnaval participam de mesas de debate e, ao final, o som adentrará o Plenário Brígido Tinoco em grande estilo, transformando-o numa animada roda de samba. Comporá a mesa principal dos debates o secretário municipal de Cultura de Niterói, Arthur Maia; o presidente da Fundação Niteroiense de Artes (FAN), André Diniz; o radialista Adelzon Alves, que é pesquisador da Música Popular Brasileira, integra o grupo de jurados do Prêmio Estandarte de Ouro, criado pelo Jornal O Globo; o presidente da União das Escolas de Samba e Blocos Carnavalescos de Niterói (UESBCN), Ito Machado; e o jornalista, escritor e produtor musical Mario Dias. 12 Curso de Segurança para Moradores e Porteiros Niterói 26/10 a 09/11/13 Protesto Contra o Aumento das Passagens O 12º BPM (Niterói) criou um curso para esclarecimento e métodos de prevenção a assaltos e invasões. Desde que começou, há aproximadamente um mês, já formou 600 alunos, entre porteiros, síndicos e Coronel Gilson Chagas moradores de condomínios. Foram expedidos certificados, no total de 250, entregues pelo comando do 12º BPM, na pessoa do coronel Gilson Chagas. Ricardo Garcia, precursor do curso, declarou que dividiu os temas das palestras em três partes: conscientizadora para moradores, explicativa para síndicos e motivacional para funcionários: Salientou ainda a importância de os moradores dos condomínios entenderem melhor os porteiros. Os interessados em novos cursos ainda podem se inscrever no 12º Batalhão, à Rua Jansen de Mello, sem número, ou pelos telefones 98650-5236 e 7742-8213. Turmas de até 50 alunos. U ma manifestação organizada pelo Fórum de Lutas de Niterói levou cerca de 300 pessoas a protestarem contra o aumento contra o aumento das passagens de ônibus e Barcas, em Niterói. A concentração foi na Praça Araribóia, na útlima quarta feira,19. E seguiu de forma ordeira pela Rua da Conceição indo parar em frente da Prefeitura Municipal, onde ouve um ruidoso ato de protesto, que incluiu a queima de uma catraca de ônibus, simbolizando a redução em cinzas do aumento. Os organizadores disseram que irão preparar outras manifestações, exigindo a diminuição dos preços das passagens, principalmente por não ter havido qualquer melhoria do serviço e as tarifas de Niterói são abusivas, considerando os curtos trajetos.

×