SlideShare uma empresa Scribd logo
ESTRUTURANDO UMA
EQUIPE FRONT-END
DIEGO EIS
slideshare.net/diegoeis
bit.ly/locawebstyle
@diegoeis
@tableless
tableless.com.br
ALGUMAS OBRIGAÇÕES
DE UM
DEV FRONT-END
ACESSIBILIDADE
Mantém o sistema/site acessível. Isso quer dizer que qualquer coisa na
web precisa ser acessível de qualquer lugar e a partir de qualquer coisa.
SEO
Tem que fazer com que os sistemas de busca encontrem o que precisam
da maneira mais rápida e fácil possível.
COMPORTAMENTO E
INTERAÇÃO
Ele precisa entender, criticar e ajudar na criação de comportamentos e
interações visuais ou de fluxo.
PSD 2 HTML
O front-end nasceu inicialmente para passar o PSD para HTML. O
problema é que todo mundo caiu na real e entendeu que o HTML ( que
é quem carrega a informação) é o cara mais importante de tudo.
PERFORMANCE
O front-end é responsável por 80% ou mais da performance.
Um estudo diz que 94% da performance de websites mobiles está sob
responsabilidade do código front-end.
RESPONSIVE E GRIDS
Formatar sistemas para diversas telas.
Manter um sistema de grid, iniciando um padrão no design e passando
este padrão para o código CSS.
TRABALHAR NO LIMITE DO
BACK-END
Consumir APIs parseando dados em diversos formatos para inserir as
informações no layout são requisitos que podem ser requiridos em
algumas equipes.
O FLUXO
FLUXO LINEAR E PARALELO
Geralmente os fluxos são lineares. Principalmente quando se trata de
websites ou projetos pequenos.
Com a adoção dos padrões web, esse fluxo ficou paralelo.
wireframe
protótipo
design
front-end
back-end
wireframe
protótipo
design front-end back-end
UX PSD back-end
UX back-endPSD
HTML & CSS
UX back-endfront-end
UX back-endfront-end
ENSINE AS EQUIPES A
TRABALHAREM COM O
TIME DE FRONT
CUIDADO COM OS
DEVS BACK-END
Eles vão meter a mão no seu código, eles não vão entregar o json da
maneira correta, eles vão querer escrever seu HTML em HAML.
“IN FACT, HAVING ONLY ONE
FRONT-END DEVELOPER IN
A TEAM WITH OTHER
DEVELOPERS DOING ONLY
SERVER-SIDE WORK IS A
RECIPE FOR DISASTER.”
bit.ly/18MX8cg
Don Roby no StackOverflow
CUIDADO COM OS
DESIGNERS
Eles vão mudar de ideia o tempo inteiro. Eles vão trocar de cor. Eles vão
trocar a maldita sombrinha do lugar... Eles vão.
Ensine-os sobre performance, sobre compatibilidade de browsers e
mostre a quantidade de código que se usa para fazer aquela firula besta.
INCLUA SUAS DATAS NAS
ESTIMATIVAS DE ENTREGA
As equipes podem não estar acostumadas com a equipe de front-end,
por isso é importante estar presente nas estimativas de planejamentos
de sprints.
O QUE VOCÊ RECEBE?
Como UX vai entregar os layouts e especificações é muito importante.
Já vi projetos atrasarem por que o front-end começou a codificar antes
do layout ficar pronto. Não é errado, mas precisa ter cuidado.
O QUE VOCÊ ENTREGA?
Até onde a equipe de front-end pode ir? Nós entregamos apenas
layouts estáticos ou vamos consultar as APIs dos projetos?
CONTROLANDO
TENTE NÃO FAZER MICRO
GERENCIAMENTO
Não dá para fazer um controle interno decente, você tem que jogar com
os controles existentes em cada projeto. Use os softwares que eles
usam.
QUAL MODELO AGILE
PODEMOS USAR?
Para a equipe de front? Depende do escopo da equipe de front-end. Se
ela está sendo representada por um integrante em cada projeto, esse
integrante deve seguir as regras do projeto.
O PERFIL DA EQUIPE
Como sua equipe será? Você vai precisar de pessoas especialistas em
determinada área? Será que todos devem ter os mesmos
conhecimentos?
ux / ai back-endfront-end
É aquele cara que vai prezar pela
fidelidade do layout e vai pensar
junto com o UX quais
experiências, transições e etc o
usuário vai ver.
FRONT-END PROGRAMADOR
É aquele front-end que manja muito de
programação, mas não é programador.
Ele conhece pelo menos uma
linguagem de programação e manja dos
truques da área de back-end.
FRONT-END DESIGNER
FRONT-END OPS
Front-end Ops é aquele cara que vai aprender a falar de igual para igual
com os SysAdmins e outros responsáveis pela infra.
AGILIDADE TÉCNICA
Não adianta, uma equipe pequena não é páreo para atender diversas
equipes ao mesmo tempo com prioridades diferentes. Você precisa
agilizar a entrega. Na Locaweb fizemos um framework. Isso nos deu boa
parte da agilidade de entrega que temos hoje.
VANTAGENS DE TER UM
FRAMEWORK
• Controle
• Prototipação
• Produtividade
• Manutenção
• Padronização
PROBLEMAS
NA HORA DE ESTIMAR, NÃO
TENTE AGRADAR NINGUÉM
Estimar prazos não quer dizer que você tem que acertar a data de
entrega.
PADRÃO DE CÓDIGO
Mesmo tendo um framework, pode ser que alguns projetos precisem de
código específico. É necessário ter um padrão para códigos como esse,
de preferência o mesmo padrão usado no Framework.
MUITA DEMANDA
Uma equipe pequena ágil é sempre uma equipe pequena. Cuidado com
o crescimento da demanda de outras equipes. Se eles aumentam a
equipe deles, pode ser que você precise aumentar a sua depois de um
tempo.
SE CRIAR UM FRAMEWORK,
CUIDE DELE
A velocidade da sua equipe só é possível se seu framework funcionar
perfeitamente. Não se perca totalmente nas demandas dos projetos,
separe algum tempo para cuidar do seu framework.
ENSINE E APRENDA
Não importa o que aconteça, sempre tem algo novo para aprender.
Cursos ou palestras rápidas (rápidas mesmo) frequentes.
TENHA SEMPRE UM DEV
FRONT-END POR PERTO
ENTÃO, FECHOU!
A palestra vai ficar aqui:
slideshare.net/diegoeis
@diegoeis
@tableless
tableless.com.br
bit.ly/locawebstyle

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Aula 3. frameworks front end
Aula 3. frameworks front endAula 3. frameworks front end
Aula 3. frameworks front end
andreluizlc
 
Node.js e Express
Node.js e ExpressNode.js e Express
Node.js e Express
Dan Vitoriano
 
Aula - Metodologias Ágeis
Aula - Metodologias ÁgeisAula - Metodologias Ágeis
Aula - Metodologias Ágeis
Mauricio Cesar Santos da Purificação
 
Flaky tests: O flakiness que há em você!
Flaky tests: O flakiness que há em você!Flaky tests: O flakiness que há em você!
Flaky tests: O flakiness que há em você!
minastestingconference
 
Ciclo de Vida Clássico da Engenharia de Software
Ciclo de Vida Clássico da Engenharia de SoftwareCiclo de Vida Clássico da Engenharia de Software
Ciclo de Vida Clássico da Engenharia de Software
Eduardo Santos
 
MDL - Elaborando diagramas em Micro Development Language
MDL - Elaborando diagramas em Micro Development LanguageMDL - Elaborando diagramas em Micro Development Language
MDL - Elaborando diagramas em Micro Development Language
Gustavo Sanchez - Palência
 
Ux design - Conceitos Básicos
Ux design - Conceitos BásicosUx design - Conceitos Básicos
Ux design - Conceitos Básicos
Heraldo Gonçalves Lima Junior
 
O Papel do desenvolvedor Front End
O Papel do desenvolvedor Front EndO Papel do desenvolvedor Front End
O Papel do desenvolvedor Front End
Rael Max
 
Apresentação UX e UI - Webdesign - Aula 07
Apresentação UX e UI - Webdesign - Aula 07Apresentação UX e UI - Webdesign - Aula 07
Apresentação UX e UI - Webdesign - Aula 07
Renato Melo
 
Curso de Node JS Básico
Curso de Node JS BásicoCurso de Node JS Básico
Curso de Node JS Básico
Victor Hazin da Rocha
 
Curso de design thinking FIAP 2016 - MBA Gestão de Projetos
Curso de design thinking FIAP 2016 - MBA Gestão de ProjetosCurso de design thinking FIAP 2016 - MBA Gestão de Projetos
Curso de design thinking FIAP 2016 - MBA Gestão de Projetos
Julien Condamines
 
Minicurso de JavaScript (Portuguese)
Minicurso de JavaScript (Portuguese)Minicurso de JavaScript (Portuguese)
Minicurso de JavaScript (Portuguese)
Bruno Grange
 
Aplicando métodos ágeis utilizando o Framework SCRUM
Aplicando métodos ágeis utilizando o Framework  SCRUMAplicando métodos ágeis utilizando o Framework  SCRUM
Aplicando métodos ágeis utilizando o Framework SCRUM
Sony Maia
 
Scrum
ScrumScrum
Processo de Desenvolvimento de Software - Design de Software, Interface, Arqu...
Processo de Desenvolvimento de Software - Design de Software, Interface, Arqu...Processo de Desenvolvimento de Software - Design de Software, Interface, Arqu...
Processo de Desenvolvimento de Software - Design de Software, Interface, Arqu...
Natanael Simões
 
Aula javascript
Aula  javascriptAula  javascript
Aula javascript
Gabriel Moura
 
Scrum
ScrumScrum
Introdução ao Android
Introdução ao AndroidIntrodução ao Android
Introdução ao Android
Janynne Gomes
 
Curso de Desenvolvimento Web - Módulo 01 - HTML
Curso de Desenvolvimento Web - Módulo 01 - HTMLCurso de Desenvolvimento Web - Módulo 01 - HTML
Curso de Desenvolvimento Web - Módulo 01 - HTML
Rodrigo Bueno Santa Maria, BS, MBA
 
JavaScript - Introdução com Orientação a Objetos
JavaScript - Introdução com Orientação a ObjetosJavaScript - Introdução com Orientação a Objetos
JavaScript - Introdução com Orientação a Objetos
Eduardo Mendes
 

Mais procurados (20)

Aula 3. frameworks front end
Aula 3. frameworks front endAula 3. frameworks front end
Aula 3. frameworks front end
 
Node.js e Express
Node.js e ExpressNode.js e Express
Node.js e Express
 
Aula - Metodologias Ágeis
Aula - Metodologias ÁgeisAula - Metodologias Ágeis
Aula - Metodologias Ágeis
 
Flaky tests: O flakiness que há em você!
Flaky tests: O flakiness que há em você!Flaky tests: O flakiness que há em você!
Flaky tests: O flakiness que há em você!
 
Ciclo de Vida Clássico da Engenharia de Software
Ciclo de Vida Clássico da Engenharia de SoftwareCiclo de Vida Clássico da Engenharia de Software
Ciclo de Vida Clássico da Engenharia de Software
 
MDL - Elaborando diagramas em Micro Development Language
MDL - Elaborando diagramas em Micro Development LanguageMDL - Elaborando diagramas em Micro Development Language
MDL - Elaborando diagramas em Micro Development Language
 
Ux design - Conceitos Básicos
Ux design - Conceitos BásicosUx design - Conceitos Básicos
Ux design - Conceitos Básicos
 
O Papel do desenvolvedor Front End
O Papel do desenvolvedor Front EndO Papel do desenvolvedor Front End
O Papel do desenvolvedor Front End
 
Apresentação UX e UI - Webdesign - Aula 07
Apresentação UX e UI - Webdesign - Aula 07Apresentação UX e UI - Webdesign - Aula 07
Apresentação UX e UI - Webdesign - Aula 07
 
Curso de Node JS Básico
Curso de Node JS BásicoCurso de Node JS Básico
Curso de Node JS Básico
 
Curso de design thinking FIAP 2016 - MBA Gestão de Projetos
Curso de design thinking FIAP 2016 - MBA Gestão de ProjetosCurso de design thinking FIAP 2016 - MBA Gestão de Projetos
Curso de design thinking FIAP 2016 - MBA Gestão de Projetos
 
Minicurso de JavaScript (Portuguese)
Minicurso de JavaScript (Portuguese)Minicurso de JavaScript (Portuguese)
Minicurso de JavaScript (Portuguese)
 
Aplicando métodos ágeis utilizando o Framework SCRUM
Aplicando métodos ágeis utilizando o Framework  SCRUMAplicando métodos ágeis utilizando o Framework  SCRUM
Aplicando métodos ágeis utilizando o Framework SCRUM
 
Scrum
ScrumScrum
Scrum
 
Processo de Desenvolvimento de Software - Design de Software, Interface, Arqu...
Processo de Desenvolvimento de Software - Design de Software, Interface, Arqu...Processo de Desenvolvimento de Software - Design de Software, Interface, Arqu...
Processo de Desenvolvimento de Software - Design de Software, Interface, Arqu...
 
Aula javascript
Aula  javascriptAula  javascript
Aula javascript
 
Scrum
ScrumScrum
Scrum
 
Introdução ao Android
Introdução ao AndroidIntrodução ao Android
Introdução ao Android
 
Curso de Desenvolvimento Web - Módulo 01 - HTML
Curso de Desenvolvimento Web - Módulo 01 - HTMLCurso de Desenvolvimento Web - Módulo 01 - HTML
Curso de Desenvolvimento Web - Módulo 01 - HTML
 
JavaScript - Introdução com Orientação a Objetos
JavaScript - Introdução com Orientação a ObjetosJavaScript - Introdução com Orientação a Objetos
JavaScript - Introdução com Orientação a Objetos
 

Destaque

O básico sobre Web Semântica, JSON-LD e Linked Data
O básico sobre Web Semântica, JSON-LD e Linked DataO básico sobre Web Semântica, JSON-LD e Linked Data
O básico sobre Web Semântica, JSON-LD e Linked Data
Diego Eis
 
O que você precisa saber para se tornar um dev front-end
O que você precisa saber para se tornar um dev front-endO que você precisa saber para se tornar um dev front-end
O que você precisa saber para se tornar um dev front-end
Diego Eis
 
Estruturar Para Conquistar
Estruturar Para ConquistarEstruturar Para Conquistar
Estruturar Para Conquistar
Enrico Cardoso
 
Palestra Marketing Juridico - Cruz Alta-RS
Palestra Marketing Juridico - Cruz Alta-RSPalestra Marketing Juridico - Cruz Alta-RS
Palestra Marketing Juridico - Cruz Alta-RS
guest39616b
 
Visão de marketing para escritórios de advocacia
Visão de marketing para escritórios de advocaciaVisão de marketing para escritórios de advocacia
Visão de marketing para escritórios de advocacia
Marco Antonio P. Gonçalves
 
Marketing jurídico no Brasil: Uma visão crítica
Marketing jurídico no Brasil: Uma visão críticaMarketing jurídico no Brasil: Uma visão crítica
Marketing jurídico no Brasil: Uma visão crítica
Marco Antonio P. Gonçalves
 
Palestra Marketing Jurídico - Fenalaw 2015
Palestra Marketing Jurídico - Fenalaw 2015Palestra Marketing Jurídico - Fenalaw 2015
Palestra Marketing Jurídico - Fenalaw 2015
ALEXANDRE DE SOUZA TEIXEIRA
 
Marketing jurídico como diferencial competitivo de mercado
Marketing jurídico como diferencial competitivo de mercadoMarketing jurídico como diferencial competitivo de mercado
Marketing jurídico como diferencial competitivo de mercado
Marco Antonio P. Gonçalves
 
Marketing jurídico: O diferencial competitivo do futuro advogado
Marketing jurídico: O diferencial competitivo do futuro advogadoMarketing jurídico: O diferencial competitivo do futuro advogado
Marketing jurídico: O diferencial competitivo do futuro advogado
Marco Antonio P. Gonçalves
 
10 coisas sobre marketing jurídico que você não vai aprender na faculdade
10 coisas sobre marketing jurídico que você não vai aprender na faculdade10 coisas sobre marketing jurídico que você não vai aprender na faculdade
10 coisas sobre marketing jurídico que você não vai aprender na faculdade
Ricardo Orsini
 
Marketing jurídico como diferencial de carreira
Marketing jurídico como diferencial de carreiraMarketing jurídico como diferencial de carreira
Marketing jurídico como diferencial de carreira
Marco Antonio P. Gonçalves
 
Palestra Marketing Jurídico OAB PR incompany
Palestra Marketing Jurídico OAB PR incompanyPalestra Marketing Jurídico OAB PR incompany
Palestra Marketing Jurídico OAB PR incompany
ALEXANDRE DE SOUZA TEIXEIRA
 
Palestra Gestâo de marketing jurídico IBDP Incompany
Palestra Gestâo de marketing jurídico IBDP Incompany Palestra Gestâo de marketing jurídico IBDP Incompany
Palestra Gestâo de marketing jurídico IBDP Incompany
ALEXANDRE DE SOUZA TEIXEIRA
 
Business Intelligence como aliado do marketing jurídico e do desenvolvimento ...
Business Intelligence como aliado do marketing jurídico e do desenvolvimento ...Business Intelligence como aliado do marketing jurídico e do desenvolvimento ...
Business Intelligence como aliado do marketing jurídico e do desenvolvimento ...
Marco Antonio P. Gonçalves
 
WPI – Pós Design de Interação IEC PUC Minas aula05
WPI – Pós Design de Interação IEC PUC Minas aula05WPI – Pós Design de Interação IEC PUC Minas aula05
WPI – Pós Design de Interação IEC PUC Minas aula05
Leandro Alves
 
WPI – Pós Design de Interação IEC PUC Minas aula06
WPI – Pós Design de Interação IEC PUC Minas aula06WPI – Pós Design de Interação IEC PUC Minas aula06
WPI – Pós Design de Interação IEC PUC Minas aula06
Leandro Alves
 
Programação web e o front-end
Programação web e o front-endProgramação web e o front-end
Programação web e o front-end
Anderson Luís Furlan
 
WPI – Pós Design de Interação IEC PUC Minas aula04
WPI – Pós Design de Interação IEC PUC Minas aula04WPI – Pós Design de Interação IEC PUC Minas aula04
WPI – Pós Design de Interação IEC PUC Minas aula04
Leandro Alves
 
WPI Aula 01
WPI Aula 01WPI Aula 01
WPI Aula 01
Leandro Alves
 
Front end, back end, full stack. onde vivem o que comem hoje na uni_granrio
Front end, back end, full stack.  onde vivem  o que comem   hoje na uni_granrioFront end, back end, full stack.  onde vivem  o que comem   hoje na uni_granrio
Front end, back end, full stack. onde vivem o que comem hoje na uni_granrio
Anna Cruz
 

Destaque (20)

O básico sobre Web Semântica, JSON-LD e Linked Data
O básico sobre Web Semântica, JSON-LD e Linked DataO básico sobre Web Semântica, JSON-LD e Linked Data
O básico sobre Web Semântica, JSON-LD e Linked Data
 
O que você precisa saber para se tornar um dev front-end
O que você precisa saber para se tornar um dev front-endO que você precisa saber para se tornar um dev front-end
O que você precisa saber para se tornar um dev front-end
 
Estruturar Para Conquistar
Estruturar Para ConquistarEstruturar Para Conquistar
Estruturar Para Conquistar
 
Palestra Marketing Juridico - Cruz Alta-RS
Palestra Marketing Juridico - Cruz Alta-RSPalestra Marketing Juridico - Cruz Alta-RS
Palestra Marketing Juridico - Cruz Alta-RS
 
Visão de marketing para escritórios de advocacia
Visão de marketing para escritórios de advocaciaVisão de marketing para escritórios de advocacia
Visão de marketing para escritórios de advocacia
 
Marketing jurídico no Brasil: Uma visão crítica
Marketing jurídico no Brasil: Uma visão críticaMarketing jurídico no Brasil: Uma visão crítica
Marketing jurídico no Brasil: Uma visão crítica
 
Palestra Marketing Jurídico - Fenalaw 2015
Palestra Marketing Jurídico - Fenalaw 2015Palestra Marketing Jurídico - Fenalaw 2015
Palestra Marketing Jurídico - Fenalaw 2015
 
Marketing jurídico como diferencial competitivo de mercado
Marketing jurídico como diferencial competitivo de mercadoMarketing jurídico como diferencial competitivo de mercado
Marketing jurídico como diferencial competitivo de mercado
 
Marketing jurídico: O diferencial competitivo do futuro advogado
Marketing jurídico: O diferencial competitivo do futuro advogadoMarketing jurídico: O diferencial competitivo do futuro advogado
Marketing jurídico: O diferencial competitivo do futuro advogado
 
10 coisas sobre marketing jurídico que você não vai aprender na faculdade
10 coisas sobre marketing jurídico que você não vai aprender na faculdade10 coisas sobre marketing jurídico que você não vai aprender na faculdade
10 coisas sobre marketing jurídico que você não vai aprender na faculdade
 
Marketing jurídico como diferencial de carreira
Marketing jurídico como diferencial de carreiraMarketing jurídico como diferencial de carreira
Marketing jurídico como diferencial de carreira
 
Palestra Marketing Jurídico OAB PR incompany
Palestra Marketing Jurídico OAB PR incompanyPalestra Marketing Jurídico OAB PR incompany
Palestra Marketing Jurídico OAB PR incompany
 
Palestra Gestâo de marketing jurídico IBDP Incompany
Palestra Gestâo de marketing jurídico IBDP Incompany Palestra Gestâo de marketing jurídico IBDP Incompany
Palestra Gestâo de marketing jurídico IBDP Incompany
 
Business Intelligence como aliado do marketing jurídico e do desenvolvimento ...
Business Intelligence como aliado do marketing jurídico e do desenvolvimento ...Business Intelligence como aliado do marketing jurídico e do desenvolvimento ...
Business Intelligence como aliado do marketing jurídico e do desenvolvimento ...
 
WPI – Pós Design de Interação IEC PUC Minas aula05
WPI – Pós Design de Interação IEC PUC Minas aula05WPI – Pós Design de Interação IEC PUC Minas aula05
WPI – Pós Design de Interação IEC PUC Minas aula05
 
WPI – Pós Design de Interação IEC PUC Minas aula06
WPI – Pós Design de Interação IEC PUC Minas aula06WPI – Pós Design de Interação IEC PUC Minas aula06
WPI – Pós Design de Interação IEC PUC Minas aula06
 
Programação web e o front-end
Programação web e o front-endProgramação web e o front-end
Programação web e o front-end
 
WPI – Pós Design de Interação IEC PUC Minas aula04
WPI – Pós Design de Interação IEC PUC Minas aula04WPI – Pós Design de Interação IEC PUC Minas aula04
WPI – Pós Design de Interação IEC PUC Minas aula04
 
WPI Aula 01
WPI Aula 01WPI Aula 01
WPI Aula 01
 
Front end, back end, full stack. onde vivem o que comem hoje na uni_granrio
Front end, back end, full stack.  onde vivem  o que comem   hoje na uni_granrioFront end, back end, full stack.  onde vivem  o que comem   hoje na uni_granrio
Front end, back end, full stack. onde vivem o que comem hoje na uni_granrio
 

Semelhante a Primeiros passos para estruturar uma equipe front-end

São Paulo MuleSoft Meetups - DevOps
São Paulo MuleSoft Meetups - DevOpsSão Paulo MuleSoft Meetups - DevOps
São Paulo MuleSoft Meetups - DevOps
Guilherme Pereira Silva
 
DrupalCamp SP 2015 - DevOps, por onde começar? Por Sebastian Ferrari
DrupalCamp SP 2015 - DevOps, por onde começar? Por Sebastian FerrariDrupalCamp SP 2015 - DevOps, por onde começar? Por Sebastian Ferrari
DrupalCamp SP 2015 - DevOps, por onde começar? Por Sebastian Ferrari
Taller Negócio Digitais
 
Design System: Dominando o Design at Scale
Design System: Dominando o Design at ScaleDesign System: Dominando o Design at Scale
Design System: Dominando o Design at Scale
Guilherme Gonzalez
 
Composição e Integração de Sistemas em 2013
Composição e Integração de Sistemas em 2013Composição e Integração de Sistemas em 2013
Composição e Integração de Sistemas em 2013
Leandro Silva
 
[JS EXPERIENCE 2018] Do jQuery aos microfrontends: os desafios de manter uma ...
[JS EXPERIENCE 2018] Do jQuery aos microfrontends: os desafios de manter uma ...[JS EXPERIENCE 2018] Do jQuery aos microfrontends: os desafios de manter uma ...
[JS EXPERIENCE 2018] Do jQuery aos microfrontends: os desafios de manter uma ...
iMasters
 
Vivenciando dev ops para além da automação de infraestrutura 2.0
Vivenciando dev ops para além da automação de infraestrutura 2.0Vivenciando dev ops para além da automação de infraestrutura 2.0
Vivenciando dev ops para além da automação de infraestrutura 2.0
Diego Pacheco
 
Big Data, Performance, Posix, RTB no mercado de publicidade online
Big Data, Performance, Posix, RTB no mercado de publicidade onlineBig Data, Performance, Posix, RTB no mercado de publicidade online
Big Data, Performance, Posix, RTB no mercado de publicidade online
Tiago Peczenyj
 
Xamarin UI Test + BDD Specflow
Xamarin UI Test + BDD SpecflowXamarin UI Test + BDD Specflow
Xamarin UI Test + BDD Specflow
Cleiton Felipe Moraes
 
Design for change: Fatores que influenciam na longevidade de um Software PHP
Design for change: Fatores que influenciam na longevidade de um Software PHPDesign for change: Fatores que influenciam na longevidade de um Software PHP
Design for change: Fatores que influenciam na longevidade de um Software PHP
Pablo Dall'Oglio
 
Além do MVP com PHP - TDC POA 2015
Além do MVP com PHP  - TDC POA 2015Além do MVP com PHP  - TDC POA 2015
Além do MVP com PHP - TDC POA 2015
Romeu Mattos
 
além do mvp com php
além do mvp com phpalém do mvp com php
além do mvp com php
tdc-globalcode
 
Clean Architecture com .NET Core
Clean Architecture com .NET CoreClean Architecture com .NET Core
Clean Architecture com .NET Core
Gabriel Schade Cardoso
 
Drupal e a Qualidade de Software
Drupal e a Qualidade de SoftwareDrupal e a Qualidade de Software
Drupal e a Qualidade de Software
Daniel Carvalhinho
 
Além do MVP com PHP - TDC Floripa 2016
Além do MVP com PHP - TDC Floripa 2016Além do MVP com PHP - TDC Floripa 2016
Além do MVP com PHP - TDC Floripa 2016
Romeu Mattos
 
Hangout Tempo Real Eventos - Javascript - Os Primeiros Passos
Hangout  Tempo Real Eventos - Javascript - Os Primeiros PassosHangout  Tempo Real Eventos - Javascript - Os Primeiros Passos
Hangout Tempo Real Eventos - Javascript - Os Primeiros Passos
Jackson F. de A. Mafra
 
Encontrando equilíbrio do DDD enquanto sua aplicação cresce
Encontrando equilíbrio do DDD enquanto sua aplicação cresceEncontrando equilíbrio do DDD enquanto sua aplicação cresce
Encontrando equilíbrio do DDD enquanto sua aplicação cresce
Carolina Karklis
 
Palestra - Profissão: Desenvolvedor
Palestra - Profissão: DesenvolvedorPalestra - Profissão: Desenvolvedor
Palestra - Profissão: Desenvolvedor
Daniel Brandão
 
O que vi na QCon 2012 São Paulo
O que vi na QCon 2012 São PauloO que vi na QCon 2012 São Paulo
O que vi na QCon 2012 São Paulo
Ismael
 
Quebrando barreiras entre desenvolvimento e operação de software com DevOps
Quebrando barreiras entre desenvolvimento e operação de software com DevOpsQuebrando barreiras entre desenvolvimento e operação de software com DevOps
Quebrando barreiras entre desenvolvimento e operação de software com DevOps
José Alexandre Macedo
 
Agile User Experience
Agile User ExperienceAgile User Experience
Agile User Experience
Lógica Digital
 

Semelhante a Primeiros passos para estruturar uma equipe front-end (20)

São Paulo MuleSoft Meetups - DevOps
São Paulo MuleSoft Meetups - DevOpsSão Paulo MuleSoft Meetups - DevOps
São Paulo MuleSoft Meetups - DevOps
 
DrupalCamp SP 2015 - DevOps, por onde começar? Por Sebastian Ferrari
DrupalCamp SP 2015 - DevOps, por onde começar? Por Sebastian FerrariDrupalCamp SP 2015 - DevOps, por onde começar? Por Sebastian Ferrari
DrupalCamp SP 2015 - DevOps, por onde começar? Por Sebastian Ferrari
 
Design System: Dominando o Design at Scale
Design System: Dominando o Design at ScaleDesign System: Dominando o Design at Scale
Design System: Dominando o Design at Scale
 
Composição e Integração de Sistemas em 2013
Composição e Integração de Sistemas em 2013Composição e Integração de Sistemas em 2013
Composição e Integração de Sistemas em 2013
 
[JS EXPERIENCE 2018] Do jQuery aos microfrontends: os desafios de manter uma ...
[JS EXPERIENCE 2018] Do jQuery aos microfrontends: os desafios de manter uma ...[JS EXPERIENCE 2018] Do jQuery aos microfrontends: os desafios de manter uma ...
[JS EXPERIENCE 2018] Do jQuery aos microfrontends: os desafios de manter uma ...
 
Vivenciando dev ops para além da automação de infraestrutura 2.0
Vivenciando dev ops para além da automação de infraestrutura 2.0Vivenciando dev ops para além da automação de infraestrutura 2.0
Vivenciando dev ops para além da automação de infraestrutura 2.0
 
Big Data, Performance, Posix, RTB no mercado de publicidade online
Big Data, Performance, Posix, RTB no mercado de publicidade onlineBig Data, Performance, Posix, RTB no mercado de publicidade online
Big Data, Performance, Posix, RTB no mercado de publicidade online
 
Xamarin UI Test + BDD Specflow
Xamarin UI Test + BDD SpecflowXamarin UI Test + BDD Specflow
Xamarin UI Test + BDD Specflow
 
Design for change: Fatores que influenciam na longevidade de um Software PHP
Design for change: Fatores que influenciam na longevidade de um Software PHPDesign for change: Fatores que influenciam na longevidade de um Software PHP
Design for change: Fatores que influenciam na longevidade de um Software PHP
 
Além do MVP com PHP - TDC POA 2015
Além do MVP com PHP  - TDC POA 2015Além do MVP com PHP  - TDC POA 2015
Além do MVP com PHP - TDC POA 2015
 
além do mvp com php
além do mvp com phpalém do mvp com php
além do mvp com php
 
Clean Architecture com .NET Core
Clean Architecture com .NET CoreClean Architecture com .NET Core
Clean Architecture com .NET Core
 
Drupal e a Qualidade de Software
Drupal e a Qualidade de SoftwareDrupal e a Qualidade de Software
Drupal e a Qualidade de Software
 
Além do MVP com PHP - TDC Floripa 2016
Além do MVP com PHP - TDC Floripa 2016Além do MVP com PHP - TDC Floripa 2016
Além do MVP com PHP - TDC Floripa 2016
 
Hangout Tempo Real Eventos - Javascript - Os Primeiros Passos
Hangout  Tempo Real Eventos - Javascript - Os Primeiros PassosHangout  Tempo Real Eventos - Javascript - Os Primeiros Passos
Hangout Tempo Real Eventos - Javascript - Os Primeiros Passos
 
Encontrando equilíbrio do DDD enquanto sua aplicação cresce
Encontrando equilíbrio do DDD enquanto sua aplicação cresceEncontrando equilíbrio do DDD enquanto sua aplicação cresce
Encontrando equilíbrio do DDD enquanto sua aplicação cresce
 
Palestra - Profissão: Desenvolvedor
Palestra - Profissão: DesenvolvedorPalestra - Profissão: Desenvolvedor
Palestra - Profissão: Desenvolvedor
 
O que vi na QCon 2012 São Paulo
O que vi na QCon 2012 São PauloO que vi na QCon 2012 São Paulo
O que vi na QCon 2012 São Paulo
 
Quebrando barreiras entre desenvolvimento e operação de software com DevOps
Quebrando barreiras entre desenvolvimento e operação de software com DevOpsQuebrando barreiras entre desenvolvimento e operação de software com DevOps
Quebrando barreiras entre desenvolvimento e operação de software com DevOps
 
Agile User Experience
Agile User ExperienceAgile User Experience
Agile User Experience
 

Mais de Diego Eis

Carreira de Product Manager em 18 minutos
Carreira de Product Manager em 18 minutosCarreira de Product Manager em 18 minutos
Carreira de Product Manager em 18 minutos
Diego Eis
 
Service Dominant Logic - S-D Logic em Produtos Digitais
Service Dominant Logic - S-D Logic em Produtos DigitaisService Dominant Logic - S-D Logic em Produtos Digitais
Service Dominant Logic - S-D Logic em Produtos Digitais
Diego Eis
 
Métricas para times Ágeis usando Estatística Básica
Métricas para times Ágeis usando Estatística BásicaMétricas para times Ágeis usando Estatística Básica
Métricas para times Ágeis usando Estatística Básica
Diego Eis
 
Um pequeno estudo sobre a microsoft
Um pequeno estudo sobre a microsoftUm pequeno estudo sobre a microsoft
Um pequeno estudo sobre a microsoft
Diego Eis
 
DOM, CSSOM e RenderThree - Introdução ao Browser Render Path
DOM, CSSOM e RenderThree - Introdução ao Browser Render PathDOM, CSSOM e RenderThree - Introdução ao Browser Render Path
DOM, CSSOM e RenderThree - Introdução ao Browser Render Path
Diego Eis
 
Flexbox and Grid Layout: How you will structure layouts tomorrow.
Flexbox and Grid Layout: How you will structure layouts tomorrow.Flexbox and Grid Layout: How you will structure layouts tomorrow.
Flexbox and Grid Layout: How you will structure layouts tomorrow.
Diego Eis
 
CSS 4 - What's coming up
CSS 4 - What's coming upCSS 4 - What's coming up
CSS 4 - What's coming up
Diego Eis
 
Os cuidados e os limites do Responsive Web Design
Os cuidados e os limites do Responsive Web DesignOs cuidados e os limites do Responsive Web Design
Os cuidados e os limites do Responsive Web Design
Diego Eis
 
WAI-ARIA - Interações acessíveis na web
WAI-ARIA - Interações acessíveis na webWAI-ARIA - Interações acessíveis na web
WAI-ARIA - Interações acessíveis na web
Diego Eis
 
Construindo seu framework CSS
Construindo seu framework CSSConstruindo seu framework CSS
Construindo seu framework CSS
Diego Eis
 
Construindo um framework CSS
Construindo um framework CSSConstruindo um framework CSS
Construindo um framework CSS
Diego Eis
 
A verdadeira semântica do HTML
A verdadeira semântica do HTMLA verdadeira semântica do HTML
A verdadeira semântica do HTML
Diego Eis
 
HTML5 e CSS3 - A nova novidade
HTML5 e CSS3 - A nova novidadeHTML5 e CSS3 - A nova novidade
HTML5 e CSS3 - A nova novidade
Diego Eis
 
Manual de Sobrevivência do Desenvolvedor Empreendedor
Manual de Sobrevivência do Desenvolvedor EmpreendedorManual de Sobrevivência do Desenvolvedor Empreendedor
Manual de Sobrevivência do Desenvolvedor Empreendedor
Diego Eis
 
Acessibilidade para web
Acessibilidade para webAcessibilidade para web
Acessibilidade para web
Diego Eis
 
CSS3 - Novo contexto
CSS3 - Novo contextoCSS3 - Novo contexto
CSS3 - Novo contexto
Diego Eis
 
Padrões Web passado, presente, futuro
Padrões Web passado, presente, futuroPadrões Web passado, presente, futuro
Padrões Web passado, presente, futuro
Diego Eis
 
Padrões Web e algumas vantagens para o designer
Padrões Web e algumas vantagens para o designerPadrões Web e algumas vantagens para o designer
Padrões Web e algumas vantagens para o designer
Diego Eis
 
Padrões Web - Um elogio ao ócio do desenvolvedor
Padrões Web - Um elogio ao ócio do desenvolvedorPadrões Web - Um elogio ao ócio do desenvolvedor
Padrões Web - Um elogio ao ócio do desenvolvedor
Diego Eis
 

Mais de Diego Eis (19)

Carreira de Product Manager em 18 minutos
Carreira de Product Manager em 18 minutosCarreira de Product Manager em 18 minutos
Carreira de Product Manager em 18 minutos
 
Service Dominant Logic - S-D Logic em Produtos Digitais
Service Dominant Logic - S-D Logic em Produtos DigitaisService Dominant Logic - S-D Logic em Produtos Digitais
Service Dominant Logic - S-D Logic em Produtos Digitais
 
Métricas para times Ágeis usando Estatística Básica
Métricas para times Ágeis usando Estatística BásicaMétricas para times Ágeis usando Estatística Básica
Métricas para times Ágeis usando Estatística Básica
 
Um pequeno estudo sobre a microsoft
Um pequeno estudo sobre a microsoftUm pequeno estudo sobre a microsoft
Um pequeno estudo sobre a microsoft
 
DOM, CSSOM e RenderThree - Introdução ao Browser Render Path
DOM, CSSOM e RenderThree - Introdução ao Browser Render PathDOM, CSSOM e RenderThree - Introdução ao Browser Render Path
DOM, CSSOM e RenderThree - Introdução ao Browser Render Path
 
Flexbox and Grid Layout: How you will structure layouts tomorrow.
Flexbox and Grid Layout: How you will structure layouts tomorrow.Flexbox and Grid Layout: How you will structure layouts tomorrow.
Flexbox and Grid Layout: How you will structure layouts tomorrow.
 
CSS 4 - What's coming up
CSS 4 - What's coming upCSS 4 - What's coming up
CSS 4 - What's coming up
 
Os cuidados e os limites do Responsive Web Design
Os cuidados e os limites do Responsive Web DesignOs cuidados e os limites do Responsive Web Design
Os cuidados e os limites do Responsive Web Design
 
WAI-ARIA - Interações acessíveis na web
WAI-ARIA - Interações acessíveis na webWAI-ARIA - Interações acessíveis na web
WAI-ARIA - Interações acessíveis na web
 
Construindo seu framework CSS
Construindo seu framework CSSConstruindo seu framework CSS
Construindo seu framework CSS
 
Construindo um framework CSS
Construindo um framework CSSConstruindo um framework CSS
Construindo um framework CSS
 
A verdadeira semântica do HTML
A verdadeira semântica do HTMLA verdadeira semântica do HTML
A verdadeira semântica do HTML
 
HTML5 e CSS3 - A nova novidade
HTML5 e CSS3 - A nova novidadeHTML5 e CSS3 - A nova novidade
HTML5 e CSS3 - A nova novidade
 
Manual de Sobrevivência do Desenvolvedor Empreendedor
Manual de Sobrevivência do Desenvolvedor EmpreendedorManual de Sobrevivência do Desenvolvedor Empreendedor
Manual de Sobrevivência do Desenvolvedor Empreendedor
 
Acessibilidade para web
Acessibilidade para webAcessibilidade para web
Acessibilidade para web
 
CSS3 - Novo contexto
CSS3 - Novo contextoCSS3 - Novo contexto
CSS3 - Novo contexto
 
Padrões Web passado, presente, futuro
Padrões Web passado, presente, futuroPadrões Web passado, presente, futuro
Padrões Web passado, presente, futuro
 
Padrões Web e algumas vantagens para o designer
Padrões Web e algumas vantagens para o designerPadrões Web e algumas vantagens para o designer
Padrões Web e algumas vantagens para o designer
 
Padrões Web - Um elogio ao ócio do desenvolvedor
Padrões Web - Um elogio ao ócio do desenvolvedorPadrões Web - Um elogio ao ócio do desenvolvedor
Padrões Web - Um elogio ao ócio do desenvolvedor
 

Último

ATIVIDADE 1 - ADSIS - ESTRUTURA DE DADOS II - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - ADSIS - ESTRUTURA DE DADOS II - 52_2024.docxATIVIDADE 1 - ADSIS - ESTRUTURA DE DADOS II - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - ADSIS - ESTRUTURA DE DADOS II - 52_2024.docx
2m Assessoria
 
PRODUÇÃO E CONSUMO DE ENERGIA DA PRÉ-HISTÓRIA À ERA CONTEMPORÂNEA E SUA EVOLU...
PRODUÇÃO E CONSUMO DE ENERGIA DA PRÉ-HISTÓRIA À ERA CONTEMPORÂNEA E SUA EVOLU...PRODUÇÃO E CONSUMO DE ENERGIA DA PRÉ-HISTÓRIA À ERA CONTEMPORÂNEA E SUA EVOLU...
PRODUÇÃO E CONSUMO DE ENERGIA DA PRÉ-HISTÓRIA À ERA CONTEMPORÂNEA E SUA EVOLU...
Faga1939
 
Escola Virtual - Fundação Bradesco - ITIL - Gabriel Faustino.pdf
Escola Virtual - Fundação Bradesco - ITIL - Gabriel Faustino.pdfEscola Virtual - Fundação Bradesco - ITIL - Gabriel Faustino.pdf
Escola Virtual - Fundação Bradesco - ITIL - Gabriel Faustino.pdf
Gabriel de Mattos Faustino
 
Logica de Progamacao - Aula (1) (1).pptx
Logica de Progamacao - Aula (1) (1).pptxLogica de Progamacao - Aula (1) (1).pptx
Logica de Progamacao - Aula (1) (1).pptx
Momento da Informática
 
História da Rádio- 1936-1970 século XIX .2.pptx
História da Rádio- 1936-1970 século XIX   .2.pptxHistória da Rádio- 1936-1970 século XIX   .2.pptx
História da Rádio- 1936-1970 século XIX .2.pptx
TomasSousa7
 
Manual-de-Credenciamento ANATER 2023.pdf
Manual-de-Credenciamento ANATER 2023.pdfManual-de-Credenciamento ANATER 2023.pdf
Manual-de-Credenciamento ANATER 2023.pdf
WELITONNOGUEIRA3
 
Certificado Jornada Python Da Hashtag.pdf
Certificado Jornada Python Da Hashtag.pdfCertificado Jornada Python Da Hashtag.pdf
Certificado Jornada Python Da Hashtag.pdf
joaovmp3
 
DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE I_aula1-2.pdf
DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE I_aula1-2.pdfDESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE I_aula1-2.pdf
DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE I_aula1-2.pdf
Momento da Informática
 
Segurança Digital Pessoal e Boas Práticas
Segurança Digital Pessoal e Boas PráticasSegurança Digital Pessoal e Boas Práticas
Segurança Digital Pessoal e Boas Práticas
Danilo Pinotti
 
TOO - TÉCNICAS DE ORIENTAÇÃO A OBJETOS aula 1.pdf
TOO - TÉCNICAS DE ORIENTAÇÃO A OBJETOS aula 1.pdfTOO - TÉCNICAS DE ORIENTAÇÃO A OBJETOS aula 1.pdf
TOO - TÉCNICAS DE ORIENTAÇÃO A OBJETOS aula 1.pdf
Momento da Informática
 

Último (10)

ATIVIDADE 1 - ADSIS - ESTRUTURA DE DADOS II - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - ADSIS - ESTRUTURA DE DADOS II - 52_2024.docxATIVIDADE 1 - ADSIS - ESTRUTURA DE DADOS II - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - ADSIS - ESTRUTURA DE DADOS II - 52_2024.docx
 
PRODUÇÃO E CONSUMO DE ENERGIA DA PRÉ-HISTÓRIA À ERA CONTEMPORÂNEA E SUA EVOLU...
PRODUÇÃO E CONSUMO DE ENERGIA DA PRÉ-HISTÓRIA À ERA CONTEMPORÂNEA E SUA EVOLU...PRODUÇÃO E CONSUMO DE ENERGIA DA PRÉ-HISTÓRIA À ERA CONTEMPORÂNEA E SUA EVOLU...
PRODUÇÃO E CONSUMO DE ENERGIA DA PRÉ-HISTÓRIA À ERA CONTEMPORÂNEA E SUA EVOLU...
 
Escola Virtual - Fundação Bradesco - ITIL - Gabriel Faustino.pdf
Escola Virtual - Fundação Bradesco - ITIL - Gabriel Faustino.pdfEscola Virtual - Fundação Bradesco - ITIL - Gabriel Faustino.pdf
Escola Virtual - Fundação Bradesco - ITIL - Gabriel Faustino.pdf
 
Logica de Progamacao - Aula (1) (1).pptx
Logica de Progamacao - Aula (1) (1).pptxLogica de Progamacao - Aula (1) (1).pptx
Logica de Progamacao - Aula (1) (1).pptx
 
História da Rádio- 1936-1970 século XIX .2.pptx
História da Rádio- 1936-1970 século XIX   .2.pptxHistória da Rádio- 1936-1970 século XIX   .2.pptx
História da Rádio- 1936-1970 século XIX .2.pptx
 
Manual-de-Credenciamento ANATER 2023.pdf
Manual-de-Credenciamento ANATER 2023.pdfManual-de-Credenciamento ANATER 2023.pdf
Manual-de-Credenciamento ANATER 2023.pdf
 
Certificado Jornada Python Da Hashtag.pdf
Certificado Jornada Python Da Hashtag.pdfCertificado Jornada Python Da Hashtag.pdf
Certificado Jornada Python Da Hashtag.pdf
 
DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE I_aula1-2.pdf
DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE I_aula1-2.pdfDESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE I_aula1-2.pdf
DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE I_aula1-2.pdf
 
Segurança Digital Pessoal e Boas Práticas
Segurança Digital Pessoal e Boas PráticasSegurança Digital Pessoal e Boas Práticas
Segurança Digital Pessoal e Boas Práticas
 
TOO - TÉCNICAS DE ORIENTAÇÃO A OBJETOS aula 1.pdf
TOO - TÉCNICAS DE ORIENTAÇÃO A OBJETOS aula 1.pdfTOO - TÉCNICAS DE ORIENTAÇÃO A OBJETOS aula 1.pdf
TOO - TÉCNICAS DE ORIENTAÇÃO A OBJETOS aula 1.pdf
 

Primeiros passos para estruturar uma equipe front-end

  • 3.
  • 5. ACESSIBILIDADE Mantém o sistema/site acessível. Isso quer dizer que qualquer coisa na web precisa ser acessível de qualquer lugar e a partir de qualquer coisa.
  • 6. SEO Tem que fazer com que os sistemas de busca encontrem o que precisam da maneira mais rápida e fácil possível.
  • 7. COMPORTAMENTO E INTERAÇÃO Ele precisa entender, criticar e ajudar na criação de comportamentos e interações visuais ou de fluxo.
  • 8. PSD 2 HTML O front-end nasceu inicialmente para passar o PSD para HTML. O problema é que todo mundo caiu na real e entendeu que o HTML ( que é quem carrega a informação) é o cara mais importante de tudo.
  • 9. PERFORMANCE O front-end é responsável por 80% ou mais da performance. Um estudo diz que 94% da performance de websites mobiles está sob responsabilidade do código front-end.
  • 10. RESPONSIVE E GRIDS Formatar sistemas para diversas telas. Manter um sistema de grid, iniciando um padrão no design e passando este padrão para o código CSS.
  • 11. TRABALHAR NO LIMITE DO BACK-END Consumir APIs parseando dados em diversos formatos para inserir as informações no layout são requisitos que podem ser requiridos em algumas equipes.
  • 13. FLUXO LINEAR E PARALELO Geralmente os fluxos são lineares. Principalmente quando se trata de websites ou projetos pequenos. Com a adoção dos padrões web, esse fluxo ficou paralelo.
  • 21. ENSINE AS EQUIPES A TRABALHAREM COM O TIME DE FRONT
  • 22. CUIDADO COM OS DEVS BACK-END Eles vão meter a mão no seu código, eles não vão entregar o json da maneira correta, eles vão querer escrever seu HTML em HAML.
  • 23. “IN FACT, HAVING ONLY ONE FRONT-END DEVELOPER IN A TEAM WITH OTHER DEVELOPERS DOING ONLY SERVER-SIDE WORK IS A RECIPE FOR DISASTER.” bit.ly/18MX8cg Don Roby no StackOverflow
  • 24. CUIDADO COM OS DESIGNERS Eles vão mudar de ideia o tempo inteiro. Eles vão trocar de cor. Eles vão trocar a maldita sombrinha do lugar... Eles vão. Ensine-os sobre performance, sobre compatibilidade de browsers e mostre a quantidade de código que se usa para fazer aquela firula besta.
  • 25. INCLUA SUAS DATAS NAS ESTIMATIVAS DE ENTREGA As equipes podem não estar acostumadas com a equipe de front-end, por isso é importante estar presente nas estimativas de planejamentos de sprints.
  • 26. O QUE VOCÊ RECEBE? Como UX vai entregar os layouts e especificações é muito importante. Já vi projetos atrasarem por que o front-end começou a codificar antes do layout ficar pronto. Não é errado, mas precisa ter cuidado.
  • 27. O QUE VOCÊ ENTREGA? Até onde a equipe de front-end pode ir? Nós entregamos apenas layouts estáticos ou vamos consultar as APIs dos projetos?
  • 29. TENTE NÃO FAZER MICRO GERENCIAMENTO Não dá para fazer um controle interno decente, você tem que jogar com os controles existentes em cada projeto. Use os softwares que eles usam.
  • 30. QUAL MODELO AGILE PODEMOS USAR? Para a equipe de front? Depende do escopo da equipe de front-end. Se ela está sendo representada por um integrante em cada projeto, esse integrante deve seguir as regras do projeto.
  • 31.
  • 32. O PERFIL DA EQUIPE Como sua equipe será? Você vai precisar de pessoas especialistas em determinada área? Será que todos devem ter os mesmos conhecimentos?
  • 33. ux / ai back-endfront-end É aquele cara que vai prezar pela fidelidade do layout e vai pensar junto com o UX quais experiências, transições e etc o usuário vai ver. FRONT-END PROGRAMADOR É aquele front-end que manja muito de programação, mas não é programador. Ele conhece pelo menos uma linguagem de programação e manja dos truques da área de back-end. FRONT-END DESIGNER
  • 34. FRONT-END OPS Front-end Ops é aquele cara que vai aprender a falar de igual para igual com os SysAdmins e outros responsáveis pela infra.
  • 35. AGILIDADE TÉCNICA Não adianta, uma equipe pequena não é páreo para atender diversas equipes ao mesmo tempo com prioridades diferentes. Você precisa agilizar a entrega. Na Locaweb fizemos um framework. Isso nos deu boa parte da agilidade de entrega que temos hoje.
  • 36. VANTAGENS DE TER UM FRAMEWORK • Controle • Prototipação • Produtividade • Manutenção • Padronização
  • 38. NA HORA DE ESTIMAR, NÃO TENTE AGRADAR NINGUÉM Estimar prazos não quer dizer que você tem que acertar a data de entrega.
  • 39. PADRÃO DE CÓDIGO Mesmo tendo um framework, pode ser que alguns projetos precisem de código específico. É necessário ter um padrão para códigos como esse, de preferência o mesmo padrão usado no Framework.
  • 40. MUITA DEMANDA Uma equipe pequena ágil é sempre uma equipe pequena. Cuidado com o crescimento da demanda de outras equipes. Se eles aumentam a equipe deles, pode ser que você precise aumentar a sua depois de um tempo.
  • 41. SE CRIAR UM FRAMEWORK, CUIDE DELE A velocidade da sua equipe só é possível se seu framework funcionar perfeitamente. Não se perca totalmente nas demandas dos projetos, separe algum tempo para cuidar do seu framework.
  • 42. ENSINE E APRENDA Não importa o que aconteça, sempre tem algo novo para aprender. Cursos ou palestras rápidas (rápidas mesmo) frequentes.
  • 43. TENHA SEMPRE UM DEV FRONT-END POR PERTO
  • 44. ENTÃO, FECHOU! A palestra vai ficar aqui: slideshare.net/diegoeis @diegoeis @tableless tableless.com.br bit.ly/locawebstyle