Formação de preço questionário

389 visualizações

Publicada em

Formação de Preço

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
389
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Formação de preço questionário

  1. 1. 1 IFB – Instituto Federal de Brasília – Unidade Taguatinga Professor: José Vicente da Silva Lima Percílio Disciplina: Técnico em Suporte e Manutenção de Informática Matéria: Empreendedorismo Plano Financeiro - Formação de preço de vendas Uma pessoa está abrindo uma empresa para fabricar camisetas, blusas, saias e vestidos, visando principalmente uniformes escolares e de eventos. Como calcular o preço dos produtos para a venda? Pretende-se vender as mercadorias para ter um ganho um pouco maior daquele que ganharia se pessoa fosse empregada. Para responder esta questão, o cálculo deve considerar todos os custos da empresa e a geração do lucro desejado. É como dizer que a venda do produto estará cobrindo todos os custos e ainda dando lucro. Assim, devemos recordar dos conceitos de Custo Fixo, Custo Variável, Ponto de Equilíbrio, Despesas, imposto e lucro desejado. Custos: podem ser fixos ou variáveis Fixos: Constantes em relação ao volume produzido no período. Ex.: Aluguel, salário (pró-labore), impostos, taxas, manutenção, seguro. Pró-labore: Outra questão é saber se haverá pró-labore que é a remuneração dos sócios/dono pela sua dedicação na empresa como administrador, executor de projetos, todos os demais serviços. Variáveis: Alteram em função do volume produzido no período. Ex.: tecido, linha, botão, zíper, tinta de silkScreem. Ponto de Equilíbrio - É a quantidade produzida que cobre exatamente os custos fixos mais os custos variáveis. Ex.: Em empresa de vestuário, é a quantidade de roupas que devem ser confeccionadas para cobrir o valor dos custos fixos mais os custos variáveis. Lucro: É o retorno positivo de um investimento feito por uma pessoa nos negócios. Em outras palavras, para calcular e determinar o preço de venda de um produto e obter um lucro consistente é necessário primeiro entender os conceitos citados e, a partir daí, traçar sua meta de remuneração do capital investido, ou seja, o “seu lucro”. A questão é: quanto eu espero que determinado produto dê de lucro para que eu invista no negócio?
  2. 2. 2 IFB – Instituto Federal de Brasília – Unidade Taguatinga Professor: José Vicente da Silva Lima Percílio Disciplina: Técnico em Suporte e Manutenção de Informática Matéria: Empreendedorismo Preço de venda: Para determinar o preço de venda, primeiramente calculam-se os custos fixos e variáveis. Exemplo de cálculo custo fixo – folha de pagamento: Horas de trabalho próprio- Administrador–Pró-labore 45 horas semanais 195 horas mensais Valorda hora: R$ 10,77 Total mensal: R$ 2.100,00 Horas de trabalho de dois colaboradores 45 horas semanais 390 horas mensais Valorda hora: R$ 5,13 Total mensal: R$ 2.000,00 Encargos trabalhistas Total mensal: R$ 4.100,00 total da folhade pagamento Total mensal: R$ 8.200,00 Aluguel,água, telefone,taxas e impostos Total mensal: R$ 3.000,00 Total dos custos fixos: R$ 11.200,00 Em seguida, calcula o ganho em cada peça, considerando: Custos Fixos + Custos Variáveis + Lucro = Preço de Venda Margem de contribuição: é o preço de venda de cada peça menos os custos variáveis, também de cada peça. Custo variável por peça, considerando: tecido, linha, zíper, ilhoes ≅ R$ 12,00 Exercício – Complete os espaços em branco 1. Em pesquisa de mercado, foi apurado que as outras fábricas similares estão vendendo confecções semelhantes ao preço médio de R$ 40,00. Como a empresa é nova na praça, pretende vender por R$ 37,00. Isso gera uma margem de contribuição de R$ ______ (37,00 menos 12,00). • Ponto de Equilíbrio: é a razão entre os custos fixos e a margem de contribuição e determina a quantidade a ser produzida para cobrir os custos fixos mais os custos variáveis. PE = CF/MgC ou CF/(PV – CV) 2. PE = 11.200 / (37 – 12) 3. PE = 11.200/25
  3. 3. 3 IFB – Instituto Federal de Brasília – Unidade Taguatinga Professor: José Vicente da Silva Lima Percílio Disciplina: Técnico em Suporte e Manutenção de Informática Matéria: Empreendedorismo 3. PE ≅ ____ peças 4. Então, em ______ peças confeccionadas pago todos os meus custos. Lucro: é o total das vendas, menos o custo das mercadorias vendidas, menos as despesas variáveis e menos as despesas fixas, inclusive o pró-labore. Cada tipo de atividade tem uma margem de lucro. Custo Fixo + Custo Variável + Lucro = Preço de Venda Podemos deduzir que o Lucro em cada peça é o mesmo que margem de contribuição. Concluímos também que em determinado volume produzido o lucro é igual à quantidade que supera o ponto de equilíbrio multiplicado pela margem de contribuição. 5. Se essa empresa produzir 600 peças, ou seja, ____ unidades além do ponto de equilíbrio, qual será o lucro? 6. 600 – _____ = ______ peças 7. ______ peças * R$ 37,00 = R$ _______ 8. O que são variáveis não controladas? 9. O que são variáveis que pode e deve controlar.
  4. 4. 4 IFB – Instituto Federal de Brasília – Unidade Taguatinga Professor: José Vicente da Silva Lima Percílio Disciplina: Técnico em Suporte e Manutenção de Informática Matéria: Empreendedorismo Ambiente Interno - Local onde se encontram as Variáveis controláveis 10. Strengths – Forças – 11. Weaknesses – Fraquezas – Ambiente externo – Onde estão as variáveis que não se pode controlar 12. Opportunities – Oportunidades 13. Threats - ameaças - 14. Dê exemplos nos espaços em branco nos 4 quadros. Análise Interna Pontosfortes PontosFracos
  5. 5. 5 IFB – Instituto Federal de Brasília – Unidade Taguatinga Professor: José Vicente da Silva Lima Percílio Disciplina: Técnico em Suporte e Manutenção de Informática Matéria: Empreendedorismo swot AnáliseExterna Oportunidades Ameaças

×