Perfil dos Parlamentares - Guilherme de Oliveira - n° 12 - 1°CDB

250 visualizações

Publicada em

Perfil dos Parlamentares - Guilherme de Oliveira - n° 12 - 1°CDB

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
250
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
50
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Perfil dos Parlamentares - Guilherme de Oliveira - n° 12 - 1°CDB

  1. 1. Senador- Fernando Affonso Collor De Mello PTB-Al Total de Receitas: R$ 2.070.569,34 Alguns Doadores: AGUA BRANCA PARTICIPAÇÕES LTDA, BRASKEM S.A Total de Despesas: R$ 2.070.565,09 Patrimônio de: R$20.308.319,48 Alguns Bens: FERRARI SCAGLIETTI PRETA, PLACA DRR0612, JET KART, N. 7315198 MARCA YAMAHA ADQ EM 25/10/1991, VEIC. MERCEDES E320, PLACA DIK 7664, EMPRESTIMO EFETUADO AGUA BRANCA CNPJ: 08.048.216/0001-39 Registro de Candidatura: 144 Fernando Affonso Collor de Mello (Rio de Janeiro, 12 de agosto de 1949) é um empresário e político brasileiro, atualmente filiado ao Partido Trabalhista Brasileiro. Foi o trigésimo segundo presidente da República Federativa do Brasil, cargo que exerceu de 15 de março de 1990 a 29 de dezembro de 1992. Foi também o primeiro presidente eleito por voto direto após o Regime Militar, em 1989. O governo foi marcado pela implementação do Plano Collor, pela abertura do mercado nacional às importações e pelo início do Programa Nacional de Desestatização. Filho de Arnon Affonso de Farias Mello e Leda Collor, Fernando Collor de Mello é proveniente de uma família com grande tradição política. O avô materno, Lindolfo Collor, exerceu vários mandatos políticos e foi ministro do Trabalho no governo Getúlio Vargas, quando elaborou e consolidou o conjunto das leis trabalhistas brasileiras – considerado, na época, um dos maiores avanços sociais da América Latina. Seu pai, Arnon de Mello, foi senador da República e governador de Alagoas. Em 2006, após mais de 10 anos afastado da política, Collor elegeu-se senador por Alagoas, numa campanha recorde, de apenas 28 dias, reelegendo-se em 2014 e tornando-se o primeiro senador da história de Alagoas a ser o mais votado em todos os municípios do Estado. Para a Legislatura 2015-2019 assumiu a Liderança do PTB e do Bloco Parlamentar União e Força (PTB – PR – PSC – PRB).
  2. 2. Senador- Fernando Affonso Collor De Mello PTB-AL Alguns Projetos e Matérias Legislativas: Ementa: Altera a Lei nº 8.541, de 23 de dezembro de 1992, para isentar do imposto de renda da pessoa física a remuneração percebida pelo servidor licenciado para tratamento de doenças graves. Local: 13/02/2015 - CAS - Comissão de Assuntos Sociais Situação: 13/02/2015 - AGUARDANDO DESIGNAÇÃO DO RELATOR. Ementa: Dispõe sobre a restituição de contribuição social a que se refere o § 2º do art. 31 da Lei nº 8.212, de 24 de julho de 1991, que dispõe sobre a organização da Seguridade Social, institui o Plano de Custeio, e dá outras providências. Local: 13/03/2015 - CAE - Comissão de Assuntos Econômicos Situação: 13/03/2015 - PRONTA PARA A PAUTA NA COMISSÃO. Ementa: Altera o art. 237 e institui o art. 243-A na Lei Complementar nº 75, de 20 de maio de 1993, que "dispõe sobre a organização, as atribuições e o estatuto do Ministério Público da União", para estabelecer a responsabilidade administrativa, civil e criminal do membro do Ministério Público da União que praticar ato temerário ou com deliberada má-fé, ou ainda visando promoção pessoal ou perseguição política. Local: 13/05/2015 - CCJ - Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania Situação: 13/05/2015 - MATÉRIA COM A RELATORIA. Conclusão: Collor efetuou vários empréstimos de altos valores a companhia Água Branca (você pode constar no site do TSE), que é um de seus doadores de campanha. Ele é um dos senadores com mais valor de patrimônio. Recentemente o STF quebrou o sigilo bancário do senador.
  3. 3. Deputado Federal-Major Olímpio Gomes PDT-SP Total de Receitas: R$ 1.008.241,81 Alguns Doadores: SUCOCITRICO CUTRALE LTDA, COMPANHIA METALURGICA PRADA Total de Despesas: R$ 1.008.241,81 Patrimônio de: R$ 752.499,81 Alguns Bens: VEICULO HYUNDAI TUCSON GLS 2013, TERRENO COM AREA DE 3200 m², TRANSFERENCIA PATRIMONIAL, IMOVEL EM ILHA BELA Registro de Candidatura: 1200 Nascido no município paulista de Presidente Venceslau, Sérgio Olímpio Gomes é bacharel em Ciências Jurídicas e major da Polícia Militar do Estado de São Paulo. Major Olimpio Gomes, como é mais conhecido, exerceu a função de oficial por 29 anos, quando em 2006 tornou-se deputado estadual, sendo reeleito em 2010. Na Assembléia Legislativa de São Paulo, apresentou diversos projetos, entre eles o que cria o Código Estadual Contra Incêndios e Emergências, que dá poderes ao Corpo de Bombeiros de aplicar multas à local sem segurança. Foi eleito para seu primeiro mandato como deputado federal com 179.196 votos. Em junho de 2013, Olímpio criticou o prefeito de São Paulo Fernando Haddad e o governador de São Paulo Geraldo Alckmin pela postura de ambos diante dos protestos gerais, afirmando que os dois estariam mais preocupados com as eleições do ano seguinte do que com a violência, e que "faltou pulso firme".
  4. 4. Deputado Federal-Major Olímpio Gomes PDT-SP Alguns Projetos e Matérias Legislativas: Data de apresentação: 9/4/2015 Ementa: Altera a Lei nº 8.078, de 11 de setembro de 1990, Código de Defesa do Consumidor. Explicação: Proibição de manter o cliente em cadastro negativo após quitação da dívida. Data de apresentação: 10/2/2015 Ementa: Altera a pena do crime de receptação previsto no artigo 180 do Código Penal, Decreto-Lei nº 2.848, de Sete de dezembro de 1940, e dá outras providências. Explicação: Aumenta a pena do crime de receptação. Data de apresentação: 11/2/2015 Ementa: Altera a Lei nº 12.850, de Dois de agosto de 2013, que define organização criminosa e dispõe sobre a investigação criminal, os meios de obtenção da prova, infrações penais correlatas e o procedimento criminal; altera o Decreto-Lei no 2.848, de Sete de dezembro de 1940 (Código Penal); revoga a Lei no 9.034, de Três de maio de 1995; e dá outras providências. Explicação: Estabelece critérios para apreensão, arrecadação e destinação de bens no caso de crimes que envolvem organizações criminosas. Conclusão: Seus projetos de lei abrangem varias áreas, algo que chamou minha atenção foi o alto valor de doações para a sua campanha, algo que é incomum para o cargo de Deputado Federal. Nas eleições de 2014 o PMB (Partido Militar Brasileiro) apoiou o Major na disputa de governador do estado de São Paulo.
  5. 5. Deputado Estadual-Coronel Camilo PSD-SP Total de Receitas: R$ 413.137,77 Alguns Doadores: PRAIAMAR INDÚSTRIA COMERCIO E DISTRIBUICAO LTDA, JBS S/A Total de Despesas: R$ 412.913,93 Patrimônio de: R$ 867.740,37 Alguns Bens: CREDITO DE CAPITAL NA COOPMIL, NISSAN ANO 2013, RENAULT ANO 2013 Registro de Candidatura: 55190 O Vereador Coronel Álvaro Camilo é administrador de empresas formado pelo Mackenzie, pós-graduado (MBA) em Gestão de Tecnologia da Informação pela FIAP e Gestor de Segurança Pública pela Secretaria Nacional de Segurança Pública. Especializou-se e atuou nas áreas de Bombeiros e de Tecnologia da Informação. Também trabalhou na área de Inteligência no Estado-Maior, na Coordenadoria de Análise e Planejamento da Secretaria de Segurança Pública e comandou a região Central de São Paulo. Como Comandante-Geral da Polícia Militar, primou pela transparência das ações e pela valorização dos policiais militares. Criou a Operação Delegada e sempre teve foco no cidadão. Adepto da Polícia Comunitária pretende fazer um gabinete aberto e aplicar a experiência de gestão no Comando da PM para ouvir a comunidade e melhorar a qualidade de vida das pessoas. O posto de alto comando foi decisivo para ouvir e entender os anseios das pessoas. Foi assim que surgiu a frase sempre utilizada por ele: “Sempre é possível fazer mais e melhor”. Candidato a deputado estadual pelo Partido Social Democrático (PSD) foi eleito com 64.448 votos nas eleições de 2014.
  6. 6. Deputado Estadual-Coronel Camilo PSD-SP Alguns Projetos e Matérias Legislativas: Projeto de lei 455/2015 Dispõe sobre a emissão de ruídos sonoros provenientes de aparelhos de som portáteis ou instalados em veículos automotores estacionados e dá outras providências. Projeto de lei 625/2015 Dispõe sobre a adoção de medidas visando à segurança e ao conforto dos torcedores de jogos de futebol profissional, estabelece penalidades às entidades relacionadas à prática desse esporte, em razão de ilícitos praticados por seus torcedores, e dá providências correlatas. Conclusão: A área de atuação do deputado é a segurança publica, tanto que em seu site tem uma área que diz “Dicas de Segurança” o que é bem legal para o cidadão. Mesmo sendo deputado estadual Coronel Camilo mantém seu cargo de vereador.

×