SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 19
Baixar para ler offline
[object Object],[object Object],CURSO ELABORAÇÃO DE PROJETOS (40h)
Vídeo:  Apresentação do curso Maria Elizabeth de Almeida Maria Elisabette Prado
OBJETIVOS DO EIXO 1 – OBJETIVOS DE APRENDIZAGEM OBJETIVOS EIXO 1  OBJETIVOS DE PRENDIZAGEM Conceituar Projetos e suas características.  Reconhecer o conceito de projeto bem como suas características no uso das  TIC. Proporcionar  a identificação das contribuições das TIC no desenvolvimento de projetos.  Identificar e compreender  as contribuições das TIC nas distintas instâncias educativas Planejar e elaborar projetos de sala de aula integrado com o uso das TIC. Desenvolver projeto de sala de aula integrando as TIC Propiciar reflexão sobre a aprendizagem. Refletir sobre a própria vivência de aprendizagem.
ESTRUTURA E ORGANIZAÇÃO  DISTRIBUIÇÃO TEMPORAL DAS ATIVIDADES   Encontro Presencial EIXO 1 Ativ. 1.1  –- Meu projeto pessoal / profissional.  (Presencial – Fórum ) Ativ. 1.2  – Diálogo Teórico  (Fórum) Ativ. 1.3  - Projetos e suas características  (Fórum) Ativ. 1.4  – Banco de Projetos  (Leitura) Ativ. 1.5  –  Proposta de projetos  (Biblioteca)  - Construção do projeto – dúvidas  (Fórum) Ativ. 1.6  –  Painel das Proposta de projetos  (Elaboração) Ativ. 1.7  -  Reflexão sobre a aprendizagem  (Diário de Bordo)
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],CONHECENDO A REALIDADE...
A pedagogia de projeto deve permitir que o aluno aprenda-fazendo e reconheça a própria autoria naquilo que produz por meio de questões de investigação que lhe impulsionam a contextualizar conceitos já conhecidos e descobrir outros que emergem durante o desenvolvimento do projeto.  (PRADO, 2005) TRABALHO POR PROJETO
 
 
 
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
Não somos bons juízes dos nossos próprios trabalhos ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
PROJETO PROBLEMA ONDE? PORQUE ? PARA  QUE ? COMO ? QUANDO  ? definem os AVALIAÇÃO INICIAL OBJETIVOS IDÉIAS INICIAIS SONHOS VONTADES EXPECTATIVAS tem origem em levam uma finaliza-se quando são atingidos CRONOGRAMA geralmente sintetizado em um permite reavaliar o permitem a construção de uma METODOLOGIA (PLANO DE AÇÃO) AVALIAÇÃO PERMANENTE permitem corrigir o deve prever um processo de
[object Object],[object Object],[object Object]
Aparecida de Fátima Vilas Boas Guidelli Eronilda Afonso Ribeiro Fernanda Santos Estrada Maria Madalena Lopes Buscarioli Zilda Muniz de Oliveira Email NTE / RM  - ntermro@yahoo.com.br Créditos ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],ROLIM DE MOURA - RO Formadora Daniela Fontana Almenara Email: danialmenara@yahoo.com.br

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Desenvolvimento Projeto de Pesquisa
Desenvolvimento Projeto de PesquisaDesenvolvimento Projeto de Pesquisa
Desenvolvimento Projeto de Pesquisaguesta4d5f4
 
Modelo de Design Instrucional ILDF Online
Modelo de Design Instrucional ILDF OnlineModelo de Design Instrucional ILDF Online
Modelo de Design Instrucional ILDF Onlinexpeering
 
Como elaborar um_projeto
Como elaborar um_projetoComo elaborar um_projeto
Como elaborar um_projetoMariza Antunes
 
Como ensinar o pensamento projetual na escola
Como ensinar o pensamento projetual na escolaComo ensinar o pensamento projetual na escola
Como ensinar o pensamento projetual na escolaFelipe Eiras
 
Boas Práticas na Avaliação a Distância
Boas Práticas na Avaliação a DistânciaBoas Práticas na Avaliação a Distância
Boas Práticas na Avaliação a DistânciaCélio Gonçalo Marques
 
Designer instrucional na prática
Designer instrucional na práticaDesigner instrucional na prática
Designer instrucional na práticaLaís Silva
 
Designer Instrucional - O que é e o que faz
Designer Instrucional - O que é e o que fazDesigner Instrucional - O que é e o que faz
Designer Instrucional - O que é e o que fazCoradini Lucas, PMP
 
Planificação Técnicas Multimédia (CPTM)
Planificação Técnicas Multimédia (CPTM)Planificação Técnicas Multimédia (CPTM)
Planificação Técnicas Multimédia (CPTM)Universidade de Lisboa
 
Apresentacao monografia Design Instrucional para EaD Virtual
Apresentacao monografia Design Instrucional para EaD VirtualApresentacao monografia Design Instrucional para EaD Virtual
Apresentacao monografia Design Instrucional para EaD VirtualFernando Chadu
 
Publicação: Histórias de aprendizagem com as TIC
Publicação:  Histórias de aprendizagem com as TICPublicação:  Histórias de aprendizagem com as TIC
Publicação: Histórias de aprendizagem com as TICFernanda Ledesma
 
Fundamentos do design instrucional para ead
Fundamentos do design instrucional para eadFundamentos do design instrucional para ead
Fundamentos do design instrucional para eadEAD Amazon
 
Code week - Introdução à programação no Ensino Básico
Code week - Introdução à programação no Ensino BásicoCode week - Introdução à programação no Ensino Básico
Code week - Introdução à programação no Ensino BásicoFernanda Ledesma
 
Flipped classroom
Flipped classroomFlipped classroom
Flipped classroomPaula Peres
 
Plano de Ação Intel Educar
Plano de Ação Intel EducarPlano de Ação Intel Educar
Plano de Ação Intel EducarManuel de Abreu
 
Desenvolvimento de projetos com apoio da Web
Desenvolvimento de projetos com apoio da WebDesenvolvimento de projetos com apoio da Web
Desenvolvimento de projetos com apoio da WebDiego Leal
 

Mais procurados (20)

Modelo ADDIE
Modelo ADDIEModelo ADDIE
Modelo ADDIE
 
Dinâmica do Lied
Dinâmica do LiedDinâmica do Lied
Dinâmica do Lied
 
Desenvolvimento Projeto de Pesquisa
Desenvolvimento Projeto de PesquisaDesenvolvimento Projeto de Pesquisa
Desenvolvimento Projeto de Pesquisa
 
Modelo de Design Instrucional ILDF Online
Modelo de Design Instrucional ILDF OnlineModelo de Design Instrucional ILDF Online
Modelo de Design Instrucional ILDF Online
 
Como elaborar um_projeto
Como elaborar um_projetoComo elaborar um_projeto
Como elaborar um_projeto
 
Como ensinar o pensamento projetual na escola
Como ensinar o pensamento projetual na escolaComo ensinar o pensamento projetual na escola
Como ensinar o pensamento projetual na escola
 
Boas Práticas na Avaliação a Distância
Boas Práticas na Avaliação a DistânciaBoas Práticas na Avaliação a Distância
Boas Práticas na Avaliação a Distância
 
Designer instrucional na prática
Designer instrucional na práticaDesigner instrucional na prática
Designer instrucional na prática
 
Designer Instrucional - O que é e o que faz
Designer Instrucional - O que é e o que fazDesigner Instrucional - O que é e o que faz
Designer Instrucional - O que é e o que faz
 
Planificação Técnicas Multimédia (CPTM)
Planificação Técnicas Multimédia (CPTM)Planificação Técnicas Multimédia (CPTM)
Planificação Técnicas Multimédia (CPTM)
 
Apresentacao monografia Design Instrucional para EaD Virtual
Apresentacao monografia Design Instrucional para EaD VirtualApresentacao monografia Design Instrucional para EaD Virtual
Apresentacao monografia Design Instrucional para EaD Virtual
 
aula 7
aula 7aula 7
aula 7
 
Publicação: Histórias de aprendizagem com as TIC
Publicação:  Histórias de aprendizagem com as TICPublicação:  Histórias de aprendizagem com as TIC
Publicação: Histórias de aprendizagem com as TIC
 
Fundamentos do design instrucional para ead
Fundamentos do design instrucional para eadFundamentos do design instrucional para ead
Fundamentos do design instrucional para ead
 
Code week - Introdução à programação no Ensino Básico
Code week - Introdução à programação no Ensino BásicoCode week - Introdução à programação no Ensino Básico
Code week - Introdução à programação no Ensino Básico
 
Flipped classroom
Flipped classroomFlipped classroom
Flipped classroom
 
Plano de Ação Intel Educar
Plano de Ação Intel EducarPlano de Ação Intel Educar
Plano de Ação Intel Educar
 
5 encontro[1]
5 encontro[1]5 encontro[1]
5 encontro[1]
 
Aula1
Aula1Aula1
Aula1
 
Desenvolvimento de projetos com apoio da Web
Desenvolvimento de projetos com apoio da WebDesenvolvimento de projetos com apoio da Web
Desenvolvimento de projetos com apoio da Web
 

Destaque

Gerenciamento de Projetos
Gerenciamento de ProjetosGerenciamento de Projetos
Gerenciamento de ProjetosMarcos Abreu
 
Projetos Pedagógicos
Projetos PedagógicosProjetos Pedagógicos
Projetos PedagógicosClaudia Dutra
 
Pedagogia de Projetos na Ed. Infantil
Pedagogia de Projetos na Ed. InfantilPedagogia de Projetos na Ed. Infantil
Pedagogia de Projetos na Ed. InfantilVania Duarte
 
Sequencia didática e projetos
Sequencia didática e projetosSequencia didática e projetos
Sequencia didática e projetosNaysa Taboada
 
Aula Pronta - Gerenciamento de Projetos
Aula Pronta - Gerenciamento de ProjetosAula Pronta - Gerenciamento de Projetos
Aula Pronta - Gerenciamento de ProjetosAyslanAnholon
 
Trabalhar com projetos em sala de aula
Trabalhar com projetos em sala de aulaTrabalhar com projetos em sala de aula
Trabalhar com projetos em sala de aulaGreisomar
 
Gerenciamento de projetos apostila completa
Gerenciamento de projetos   apostila completaGerenciamento de projetos   apostila completa
Gerenciamento de projetos apostila completaPaulo Junior
 

Destaque (11)

Gerenciamento de Projetos
Gerenciamento de ProjetosGerenciamento de Projetos
Gerenciamento de Projetos
 
Projetos Pedagógicos
Projetos PedagógicosProjetos Pedagógicos
Projetos Pedagógicos
 
Pedagogia de Projetos na Ed. Infantil
Pedagogia de Projetos na Ed. InfantilPedagogia de Projetos na Ed. Infantil
Pedagogia de Projetos na Ed. Infantil
 
Sequencia didática e projetos
Sequencia didática e projetosSequencia didática e projetos
Sequencia didática e projetos
 
Planejamento De Projetos
Planejamento De ProjetosPlanejamento De Projetos
Planejamento De Projetos
 
O que são projetos?
O que são projetos?O que são projetos?
O que são projetos?
 
Gestao De Projetos
Gestao De ProjetosGestao De Projetos
Gestao De Projetos
 
Aula Pronta - Gerenciamento de Projetos
Aula Pronta - Gerenciamento de ProjetosAula Pronta - Gerenciamento de Projetos
Aula Pronta - Gerenciamento de Projetos
 
Trabalhar com projetos em sala de aula
Trabalhar com projetos em sala de aulaTrabalhar com projetos em sala de aula
Trabalhar com projetos em sala de aula
 
Gerenciamento de projetos apostila completa
Gerenciamento de projetos   apostila completaGerenciamento de projetos   apostila completa
Gerenciamento de projetos apostila completa
 
Fundamentos da Gestão de Projetos
Fundamentos da Gestão de ProjetosFundamentos da Gestão de Projetos
Fundamentos da Gestão de Projetos
 

Semelhante a Projetos de sala de aula com TIC

Apresentação presencial
Apresentação   presencialApresentação   presencial
Apresentação presencialanamariadis
 
A biblioteca escolar e o trabalho de projecto
A biblioteca escolar e o trabalho de projectoA biblioteca escolar e o trabalho de projecto
A biblioteca escolar e o trabalho de projectoAntónio Nogueira
 
Apresentação1 do 3º encontro
Apresentação1 do 3º encontroApresentação1 do 3º encontro
Apresentação1 do 3º encontromaucandido
 
Avmc tarefa semana 5 e 6 Tarefa das Semanas 5 e 6 criando um curso no ambient...
Avmc tarefa semana 5 e 6 Tarefa das Semanas 5 e 6 criando um curso no ambient...Avmc tarefa semana 5 e 6 Tarefa das Semanas 5 e 6 criando um curso no ambient...
Avmc tarefa semana 5 e 6 Tarefa das Semanas 5 e 6 criando um curso no ambient...Jovert Freire
 
Inquietações sobre o Design Instrucional
Inquietações sobre o Design InstrucionalInquietações sobre o Design Instrucional
Inquietações sobre o Design InstrucionalMiguel Siano da Cunha
 
Apresentação tarefa da semana 3
Apresentação  tarefa da semana 3Apresentação  tarefa da semana 3
Apresentação tarefa da semana 3VIENA LIBÂNIO
 
Relatór reflexcrític.sandramarques
Relatór reflexcrític.sandramarquesRelatór reflexcrític.sandramarques
Relatór reflexcrític.sandramarquesSandra Marques
 
Os Sistemas de e-Learning no Ensino Superior
Os Sistemas de e-Learning no Ensino SuperiorOs Sistemas de e-Learning no Ensino Superior
Os Sistemas de e-Learning no Ensino SuperiorPaula Peres
 
Apresentação ied 2014
Apresentação ied 2014Apresentação ied 2014
Apresentação ied 2014Elainemat
 
Apresentação ied 2014
Apresentação ied 2014Apresentação ied 2014
Apresentação ied 2014mardasrour
 
Apresentação ied 2014
Apresentação ied 2014Apresentação ied 2014
Apresentação ied 2014julivibruno
 
Como elaborar um_projeto
Como elaborar um_projetoComo elaborar um_projeto
Como elaborar um_projetomlfmlopes
 
Apresentacao Geral
Apresentacao GeralApresentacao Geral
Apresentacao GeralMônix Sousa
 
INOVAÇÃO PEDAGÓGICO-ANDRAGÓGICA: SISTEMA DE AVALIAÇÃO NA EaD DA FUMEC
INOVAÇÃO PEDAGÓGICO-ANDRAGÓGICA: SISTEMA DE AVALIAÇÃO NA EaD DA FUMEC INOVAÇÃO PEDAGÓGICO-ANDRAGÓGICA: SISTEMA DE AVALIAÇÃO NA EaD DA FUMEC
INOVAÇÃO PEDAGÓGICO-ANDRAGÓGICA: SISTEMA DE AVALIAÇÃO NA EaD DA FUMEC Enilton Ferreira Rocha
 
I encontropresencial 11-08-12
I encontropresencial  11-08-12I encontropresencial  11-08-12
I encontropresencial 11-08-12Ntm Aracaju
 

Semelhante a Projetos de sala de aula com TIC (20)

Apresentação presencial
Apresentação   presencialApresentação   presencial
Apresentação presencial
 
A biblioteca escolar e o trabalho de projecto
A biblioteca escolar e o trabalho de projectoA biblioteca escolar e o trabalho de projecto
A biblioteca escolar e o trabalho de projecto
 
Apresentação1 do 3º encontro
Apresentação1 do 3º encontroApresentação1 do 3º encontro
Apresentação1 do 3º encontro
 
Avmc tarefa semana 5 e 6 Tarefa das Semanas 5 e 6 criando um curso no ambient...
Avmc tarefa semana 5 e 6 Tarefa das Semanas 5 e 6 criando um curso no ambient...Avmc tarefa semana 5 e 6 Tarefa das Semanas 5 e 6 criando um curso no ambient...
Avmc tarefa semana 5 e 6 Tarefa das Semanas 5 e 6 criando um curso no ambient...
 
Aprendizagem baseada em projetos e tecnologias móveis
Aprendizagem baseada em projetos e tecnologias móveisAprendizagem baseada em projetos e tecnologias móveis
Aprendizagem baseada em projetos e tecnologias móveis
 
Inquietações sobre o Design Instrucional
Inquietações sobre o Design InstrucionalInquietações sobre o Design Instrucional
Inquietações sobre o Design Instrucional
 
Apresentação tarefa da semana 3
Apresentação  tarefa da semana 3Apresentação  tarefa da semana 3
Apresentação tarefa da semana 3
 
Relatór reflexcrític.sandramarques
Relatór reflexcrític.sandramarquesRelatór reflexcrític.sandramarques
Relatór reflexcrític.sandramarques
 
Relatório Final Estágio 2
Relatório Final Estágio 2Relatório Final Estágio 2
Relatório Final Estágio 2
 
Apresentacao Doutorado
Apresentacao DoutoradoApresentacao Doutorado
Apresentacao Doutorado
 
Os Sistemas de e-Learning no Ensino Superior
Os Sistemas de e-Learning no Ensino SuperiorOs Sistemas de e-Learning no Ensino Superior
Os Sistemas de e-Learning no Ensino Superior
 
O Que é Projeto?
 O Que é Projeto? O Que é Projeto?
O Que é Projeto?
 
eTwinning: Project Based Learning
eTwinning: Project Based LearningeTwinning: Project Based Learning
eTwinning: Project Based Learning
 
Apresentação ied 2014
Apresentação ied 2014Apresentação ied 2014
Apresentação ied 2014
 
Apresentação ied 2014
Apresentação ied 2014Apresentação ied 2014
Apresentação ied 2014
 
Apresentação ied 2014
Apresentação ied 2014Apresentação ied 2014
Apresentação ied 2014
 
Como elaborar um_projeto
Como elaborar um_projetoComo elaborar um_projeto
Como elaborar um_projeto
 
Apresentacao Geral
Apresentacao GeralApresentacao Geral
Apresentacao Geral
 
INOVAÇÃO PEDAGÓGICO-ANDRAGÓGICA: SISTEMA DE AVALIAÇÃO NA EaD DA FUMEC
INOVAÇÃO PEDAGÓGICO-ANDRAGÓGICA: SISTEMA DE AVALIAÇÃO NA EaD DA FUMEC INOVAÇÃO PEDAGÓGICO-ANDRAGÓGICA: SISTEMA DE AVALIAÇÃO NA EaD DA FUMEC
INOVAÇÃO PEDAGÓGICO-ANDRAGÓGICA: SISTEMA DE AVALIAÇÃO NA EaD DA FUMEC
 
I encontropresencial 11-08-12
I encontropresencial  11-08-12I encontropresencial  11-08-12
I encontropresencial 11-08-12
 

Mais de Daniela F Almenara (20)

Trabalho mandalas
Trabalho mandalasTrabalho mandalas
Trabalho mandalas
 
Aec 9º-ano-1º-bim
Aec 9º-ano-1º-bimAec 9º-ano-1º-bim
Aec 9º-ano-1º-bim
 
Atividade em classe 1º bim 6º ano
Atividade em classe 1º bim 6º anoAtividade em classe 1º bim 6º ano
Atividade em classe 1º bim 6º ano
 
Atividade extraclasse 1º ano
Atividade extraclasse 1º anoAtividade extraclasse 1º ano
Atividade extraclasse 1º ano
 
Mandalas
MandalasMandalas
Mandalas
 
Mandalas
MandalasMandalas
Mandalas
 
Pg
PgPg
Pg
 
Função horária das posições
Função horária das posiçõesFunção horária das posições
Função horária das posições
 
Atividade de reforço algarismos romanos
Atividade de reforço algarismos romanosAtividade de reforço algarismos romanos
Atividade de reforço algarismos romanos
 
Dilatação térmica
Dilatação térmicaDilatação térmica
Dilatação térmica
 
6º ano-avaliação-diagnótica-2016
6º ano-avaliação-diagnótica-20166º ano-avaliação-diagnótica-2016
6º ano-avaliação-diagnótica-2016
 
Avaliação de diagnóstica 8º ano
Avaliação de diagnóstica 8º ano Avaliação de diagnóstica 8º ano
Avaliação de diagnóstica 8º ano
 
As formas geométricas espaciais
As formas geométricas espaciaisAs formas geométricas espaciais
As formas geométricas espaciais
 
2º atv em classe 2º bim 2014
2º atv em classe  2º bim 20142º atv em classe  2º bim 2014
2º atv em classe 2º bim 2014
 
Álbum 7º C
Álbum 7º CÁlbum 7º C
Álbum 7º C
 
Álbum 7º B
Álbum  7º BÁlbum  7º B
Álbum 7º B
 
Álbum 7º A
Álbum 7º  AÁlbum 7º  A
Álbum 7º A
 
Dilatação térmica dos líquidos
Dilatação térmica dos líquidosDilatação térmica dos líquidos
Dilatação térmica dos líquidos
 
Atividade extraclasse 2º ano
Atividade extraclasse 2º anoAtividade extraclasse 2º ano
Atividade extraclasse 2º ano
 
Aula 1 temperatura
Aula 1   temperaturaAula 1   temperatura
Aula 1 temperatura
 

Último

HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24RITA CALAIM_2023_24.pdf
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24RITA CALAIM_2023_24.pdfHORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24RITA CALAIM_2023_24.pdf
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24RITA CALAIM_2023_24.pdfSandra Pratas
 
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.Paula Meyer Piagentini
 
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...azulassessoria9
 
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24pdf
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24pdfHORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24pdf
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24pdfSandra Pratas
 
música paródia cmsp conteúdo 1 bimestre.pdf
música paródia cmsp conteúdo 1 bimestre.pdfmúsica paródia cmsp conteúdo 1 bimestre.pdf
música paródia cmsp conteúdo 1 bimestre.pdfWALDIRENEPINTODEMACE
 
NOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOM
NOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOMNOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOM
NOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOMHenrique Pontes
 
Modelos Evolutivos em História das Religiões
Modelos Evolutivos em História das ReligiõesModelos Evolutivos em História das Religiões
Modelos Evolutivos em História das ReligiõesGilbraz Aragão
 
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxAULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxGislaineDuresCruz
 
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoGametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoCelianeOliveira8
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas BrasileirosMary Alvarenga
 
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...Unidad de Espiritualidad Eudista
 
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...nexocan937
 
As teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
As teorias de Lamarck e Darwin. EvoluçãoAs teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
As teorias de Lamarck e Darwin. Evoluçãoprofleticiasantosbio
 
19 de abril - Dia dos Povos Indígenas do Brasil
19 de abril - Dia dos Povos Indígenas do Brasil19 de abril - Dia dos Povos Indígenas do Brasil
19 de abril - Dia dos Povos Indígenas do BrasilMary Alvarenga
 
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...azulassessoria9
 
Algumas Curiosidades do uso da Matemática na escrita Phyton
Algumas Curiosidades do uso da Matemática na escrita PhytonAlgumas Curiosidades do uso da Matemática na escrita Phyton
Algumas Curiosidades do uso da Matemática na escrita PhytonRosiniaGonalves
 
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxSlides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao  bullyingMini livro sanfona - Diga não ao  bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao bullyingMary Alvarenga
 
8 ano - Congruência e Semelhança e Angulos em Triangulos.ppt
8 ano - Congruência e Semelhança e  Angulos em Triangulos.ppt8 ano - Congruência e Semelhança e  Angulos em Triangulos.ppt
8 ano - Congruência e Semelhança e Angulos em Triangulos.pptDaniloConceiodaSilva
 

Último (20)

HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24RITA CALAIM_2023_24.pdf
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24RITA CALAIM_2023_24.pdfHORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24RITA CALAIM_2023_24.pdf
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24RITA CALAIM_2023_24.pdf
 
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
 
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
 
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24pdf
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24pdfHORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24pdf
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24pdf
 
música paródia cmsp conteúdo 1 bimestre.pdf
música paródia cmsp conteúdo 1 bimestre.pdfmúsica paródia cmsp conteúdo 1 bimestre.pdf
música paródia cmsp conteúdo 1 bimestre.pdf
 
NOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOM
NOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOMNOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOM
NOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOM
 
Modelos Evolutivos em História das Religiões
Modelos Evolutivos em História das ReligiõesModelos Evolutivos em História das Religiões
Modelos Evolutivos em História das Religiões
 
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxAULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
 
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoGametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
 
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE” _
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE”       _“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE”       _
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE” _
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
 
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
 
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
 
As teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
As teorias de Lamarck e Darwin. EvoluçãoAs teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
As teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
 
19 de abril - Dia dos Povos Indígenas do Brasil
19 de abril - Dia dos Povos Indígenas do Brasil19 de abril - Dia dos Povos Indígenas do Brasil
19 de abril - Dia dos Povos Indígenas do Brasil
 
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
 
Algumas Curiosidades do uso da Matemática na escrita Phyton
Algumas Curiosidades do uso da Matemática na escrita PhytonAlgumas Curiosidades do uso da Matemática na escrita Phyton
Algumas Curiosidades do uso da Matemática na escrita Phyton
 
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxSlides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
 
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao  bullyingMini livro sanfona - Diga não ao  bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
 
8 ano - Congruência e Semelhança e Angulos em Triangulos.ppt
8 ano - Congruência e Semelhança e  Angulos em Triangulos.ppt8 ano - Congruência e Semelhança e  Angulos em Triangulos.ppt
8 ano - Congruência e Semelhança e Angulos em Triangulos.ppt
 

Projetos de sala de aula com TIC

  • 1.
  • 2. Vídeo: Apresentação do curso Maria Elizabeth de Almeida Maria Elisabette Prado
  • 3. OBJETIVOS DO EIXO 1 – OBJETIVOS DE APRENDIZAGEM OBJETIVOS EIXO 1 OBJETIVOS DE PRENDIZAGEM Conceituar Projetos e suas características. Reconhecer o conceito de projeto bem como suas características no uso das TIC. Proporcionar a identificação das contribuições das TIC no desenvolvimento de projetos. Identificar e compreender as contribuições das TIC nas distintas instâncias educativas Planejar e elaborar projetos de sala de aula integrado com o uso das TIC. Desenvolver projeto de sala de aula integrando as TIC Propiciar reflexão sobre a aprendizagem. Refletir sobre a própria vivência de aprendizagem.
  • 4. ESTRUTURA E ORGANIZAÇÃO DISTRIBUIÇÃO TEMPORAL DAS ATIVIDADES Encontro Presencial EIXO 1 Ativ. 1.1 –- Meu projeto pessoal / profissional. (Presencial – Fórum ) Ativ. 1.2 – Diálogo Teórico (Fórum) Ativ. 1.3 - Projetos e suas características (Fórum) Ativ. 1.4 – Banco de Projetos (Leitura) Ativ. 1.5 – Proposta de projetos (Biblioteca) - Construção do projeto – dúvidas (Fórum) Ativ. 1.6 – Painel das Proposta de projetos (Elaboração) Ativ. 1.7 - Reflexão sobre a aprendizagem (Diário de Bordo)
  • 5.
  • 6. A pedagogia de projeto deve permitir que o aluno aprenda-fazendo e reconheça a própria autoria naquilo que produz por meio de questões de investigação que lhe impulsionam a contextualizar conceitos já conhecidos e descobrir outros que emergem durante o desenvolvimento do projeto. (PRADO, 2005) TRABALHO POR PROJETO
  • 7.  
  • 8.  
  • 9.  
  • 10.
  • 11.
  • 12.
  • 13.
  • 14.
  • 15.
  • 16.
  • 17. PROJETO PROBLEMA ONDE? PORQUE ? PARA QUE ? COMO ? QUANDO ? definem os AVALIAÇÃO INICIAL OBJETIVOS IDÉIAS INICIAIS SONHOS VONTADES EXPECTATIVAS tem origem em levam uma finaliza-se quando são atingidos CRONOGRAMA geralmente sintetizado em um permite reavaliar o permitem a construção de uma METODOLOGIA (PLANO DE AÇÃO) AVALIAÇÃO PERMANENTE permitem corrigir o deve prever um processo de
  • 18.
  • 19.