SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 12
Baixar para ler offline
Governo do Estado de Rondônia
            Secretaria de Estado da Educação – SEDUC
             E.E.E.F.M. Cel. Aluízio Pinheiro Ferreira
                       Rolim de Moura – RO




MOVIMENTO RETILÍNEO
     UNIFORME


    PROF.ª.: DANIELA FONTANA ALMENARA
DISTÂNCIA, VELOCIDADE E TEMPO

• Quando um corpo
  se desloca com
  velocidade
  constante,         ao
  longo      de    uma
  trajetória retilínea,
  dizemos que seu
  movimento           é
  retilíneo uniforme
MOVIMENTO RETILÍNEO UNIFORME

 Para o MRU a velocidade instantânea tem o
  mesmo valor da velocidade média.
 Movimento que se dá sobre uma trajetória
  retilínea e a velocidade constante.
 Como a velocidade não muda em nada
  (direção, sentido ou intensidade) a
  aceleração nula.



            Vm = Vinst
FÓRMULAS PARA O MRU
GRÁFICO VELOCIDADE X TEMPO (v x t)

                  Automóvel           se
                  deslocando         em
                  movimento uniforme
                  com velocidade v =
                  60     km/h     e    a
                  velocidade é mantida
                  no tempo t = 5,0 h
                  No         movimento
                  uniforme o gráfico v x
                  t é uma reta paralela
                  ao eixo dos tempos e
                  a área sob esse
                  gráfico nos fornece o
                  valor da distância
                  percorrida
EXEMPLO DE MOVIMENTO NÃO
             UNIFORME

S = 30 x 1,0 h = 30 km
S = 90 x 2,0 = 180 km
S = 60 x 1,0 = 60 km
Somando todos
S = 30 + 180 + 60
S = 270 km
VELOCIDADE NEGATIVA

• Quando um corpo se desloca em uma trajetória,
  costumamos convencionar que um dos sentidos do
  movimento é positivo; o outro sentido, portanto,
  será considerado negativo.
GRÁFICO DISTÂNCIA X TEMPO (s x t)

                • Em qualquer movimento
                  uniforme (v =
                  constante), o espaço
                  percorrido por um
                  objeto é diretamente
                  proporcional ao tempo t
                  decorrido neste
                  percurso.
                • Em qualquer movimento
                  uniforme o gráfico de
                  percurso é uma reta que
                  passa pela origem dos
                  eixos
O QUE É A POSIÇÃO DE UM MÓVEL E
         SUA TRAJETÓRIA
• Para se determinar a posição de um corpo
  em uma dada trajetória, basta que se
  forneça o valor da sua distância, medida
  sobre a trajetória, a um ponto dela
  adotado como referência (origem).
GRÁFICO POSIÇÃO X TEMPO
ATIVIDADES


Utilizando como referência essa aula e
também o texto do livro, realize as
atividades do livro na pág. 42.

Exer.: 5 a 10 e 12
REFERÊNCIAS

MÁXIMO, Antônio: ALVARENGA,
Beatriz. Curso de Física. São Paulo:
Scipione, 2010.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados (20)

Movimento Uniforme
Movimento UniformeMovimento Uniforme
Movimento Uniforme
 
Resumo mruv raissa e katherine 2ºc
Resumo mruv raissa e katherine 2ºcResumo mruv raissa e katherine 2ºc
Resumo mruv raissa e katherine 2ºc
 
MRU & MRUV
MRU & MRUVMRU & MRUV
MRU & MRUV
 
Cinemática introdução
Cinemática introduçãoCinemática introdução
Cinemática introdução
 
Física cinemática - aula - 11
Física   cinemática - aula - 11Física   cinemática - aula - 11
Física cinemática - aula - 11
 
Movimento Uniforme
Movimento UniformeMovimento Uniforme
Movimento Uniforme
 
Movimento Uniforme (MU)
Movimento Uniforme (MU)Movimento Uniforme (MU)
Movimento Uniforme (MU)
 
Cinemática mruv
Cinemática mruvCinemática mruv
Cinemática mruv
 
Noções básicas de cinemática
Noções básicas de cinemáticaNoções básicas de cinemática
Noções básicas de cinemática
 
Fundamentos da cinematica escalar
Fundamentos da cinematica escalarFundamentos da cinematica escalar
Fundamentos da cinematica escalar
 
CINEMÁTICA CONCEITOS INICIAIS - AULA PARA 26-02-2015
CINEMÁTICA CONCEITOS INICIAIS - AULA PARA 26-02-2015CINEMÁTICA CONCEITOS INICIAIS - AULA PARA 26-02-2015
CINEMÁTICA CONCEITOS INICIAIS - AULA PARA 26-02-2015
 
Cinemática (1º Ensino Médio)
Cinemática (1º Ensino Médio)Cinemática (1º Ensino Médio)
Cinemática (1º Ensino Médio)
 
Cinemática Escalar
Cinemática EscalarCinemática Escalar
Cinemática Escalar
 
Movimento variado
Movimento variadoMovimento variado
Movimento variado
 
Aula de física movimento, repouso, velocidade média
Aula de física  movimento, repouso, velocidade médiaAula de física  movimento, repouso, velocidade média
Aula de física movimento, repouso, velocidade média
 
Cinemática introdução
Cinemática introduçãoCinemática introdução
Cinemática introdução
 
Aula 2
Aula 2Aula 2
Aula 2
 
Física mru
Física  mruFísica  mru
Física mru
 
Grandezas da Cinemática
Grandezas da CinemáticaGrandezas da Cinemática
Grandezas da Cinemática
 
Física - Cinemática [Editável]
Física - Cinemática [Editável]Física - Cinemática [Editável]
Física - Cinemática [Editável]
 

Destaque (13)

Movimento Retilineo Uniforme
Movimento Retilineo UniformeMovimento Retilineo Uniforme
Movimento Retilineo Uniforme
 
M.R.U.
M.R.U.M.R.U.
M.R.U.
 
Ativ4 planodeaula-luciano
Ativ4 planodeaula-lucianoAtiv4 planodeaula-luciano
Ativ4 planodeaula-luciano
 
Mrufinalg3
Mrufinalg3Mrufinalg3
Mrufinalg3
 
Movimento retilíneo
Movimento retilíneoMovimento retilíneo
Movimento retilíneo
 
Apresentacao sobre movimentos
Apresentacao sobre movimentosApresentacao sobre movimentos
Apresentacao sobre movimentos
 
Blog Esquema
Blog EsquemaBlog Esquema
Blog Esquema
 
Movimento Uniforme
Movimento UniformeMovimento Uniforme
Movimento Uniforme
 
MUV no Powepoint
MUV no PowepointMUV no Powepoint
MUV no Powepoint
 
Sinais no movimento retilíneo uniformemente variado
Sinais no movimento retilíneo uniformemente variadoSinais no movimento retilíneo uniformemente variado
Sinais no movimento retilíneo uniformemente variado
 
Movimento retilíneo uniforme - MRU
Movimento retilíneo uniforme - MRUMovimento retilíneo uniforme - MRU
Movimento retilíneo uniforme - MRU
 
M.R.U.V.
M.R.U.V.M.R.U.V.
M.R.U.V.
 
919 Questões de Física (resolvidas)
919 Questões de Física (resolvidas)919 Questões de Física (resolvidas)
919 Questões de Física (resolvidas)
 

Semelhante a MRU em

Aula 3 movimento retilíneo uniforme
Aula 3 movimento retilíneo uniformeAula 3 movimento retilíneo uniforme
Aula 3 movimento retilíneo uniformeDaniela F Almenara
 
Descrição do movimento aula 4
Descrição do movimento aula 4Descrição do movimento aula 4
Descrição do movimento aula 4Pedro Barata
 
1 ano movimento uniforme
1 ano movimento uniforme1 ano movimento uniforme
1 ano movimento uniformerositafelix
 
1 ano movimento uniforme
1 ano movimento uniforme1 ano movimento uniforme
1 ano movimento uniformerositafelix
 
Resumo Cinemática em uma dimensão
Resumo Cinemática em uma dimensãoResumo Cinemática em uma dimensão
Resumo Cinemática em uma dimensãoMaurcioBorges17
 
Coordenadas cartesianas, deslocamento, distância e velocidade média
Coordenadas cartesianas, deslocamento, distância e velocidade médiaCoordenadas cartesianas, deslocamento, distância e velocidade média
Coordenadas cartesianas, deslocamento, distância e velocidade médiaanajaneca
 
Apos eletro fisica
Apos eletro fisicaApos eletro fisica
Apos eletro fisicaresolvidos
 
Movimento uniforme, uniformemente variado e
Movimento uniforme, uniformemente variado eMovimento uniforme, uniformemente variado e
Movimento uniforme, uniformemente variado eRoniel Santos
 
Trabalho de fisica
Trabalho de fisicaTrabalho de fisica
Trabalho de fisicaSergio Luis
 
Tipos de movimento e aceleração
Tipos de movimento e aceleraçãoTipos de movimento e aceleração
Tipos de movimento e aceleraçãoPiedade Alves
 
Cinematica
CinematicaCinematica
Cinematicaartbio
 

Semelhante a MRU em (20)

Aula 3 movimento retilíneo uniforme
Aula 3 movimento retilíneo uniformeAula 3 movimento retilíneo uniforme
Aula 3 movimento retilíneo uniforme
 
2 movimentos
2  movimentos2  movimentos
2 movimentos
 
Física- Aula 4
Física- Aula 4Física- Aula 4
Física- Aula 4
 
Descrição do movimento aula 4
Descrição do movimento aula 4Descrição do movimento aula 4
Descrição do movimento aula 4
 
1 ano movimento uniforme
1 ano movimento uniforme1 ano movimento uniforme
1 ano movimento uniforme
 
1 ano movimento uniforme
1 ano movimento uniforme1 ano movimento uniforme
1 ano movimento uniforme
 
Cinematica
CinematicaCinematica
Cinematica
 
Cinematica
CinematicaCinematica
Cinematica
 
Resumo Cinemática em uma dimensão
Resumo Cinemática em uma dimensãoResumo Cinemática em uma dimensão
Resumo Cinemática em uma dimensão
 
Coordenadas cartesianas, deslocamento, distância e velocidade média
Coordenadas cartesianas, deslocamento, distância e velocidade médiaCoordenadas cartesianas, deslocamento, distância e velocidade média
Coordenadas cartesianas, deslocamento, distância e velocidade média
 
Apos eletro fisica
Apos eletro fisicaApos eletro fisica
Apos eletro fisica
 
Física
FísicaFísica
Física
 
Física
FísicaFísica
Física
 
Física
FísicaFísica
Física
 
Física
FísicaFísica
Física
 
Movimento uniforme, uniformemente variado e
Movimento uniforme, uniformemente variado eMovimento uniforme, uniformemente variado e
Movimento uniforme, uniformemente variado e
 
Trabalho de fisica
Trabalho de fisicaTrabalho de fisica
Trabalho de fisica
 
Tipos de movimento e aceleração
Tipos de movimento e aceleraçãoTipos de movimento e aceleração
Tipos de movimento e aceleração
 
Cinematica
CinematicaCinematica
Cinematica
 
Cinematica
CinematicaCinematica
Cinematica
 

Mais de Daniela F Almenara (20)

Trabalho mandalas
Trabalho mandalasTrabalho mandalas
Trabalho mandalas
 
Aec 9º-ano-1º-bim
Aec 9º-ano-1º-bimAec 9º-ano-1º-bim
Aec 9º-ano-1º-bim
 
Atividade em classe 1º bim 6º ano
Atividade em classe 1º bim 6º anoAtividade em classe 1º bim 6º ano
Atividade em classe 1º bim 6º ano
 
Atividade extraclasse 1º ano
Atividade extraclasse 1º anoAtividade extraclasse 1º ano
Atividade extraclasse 1º ano
 
Mandalas
MandalasMandalas
Mandalas
 
Mandalas
MandalasMandalas
Mandalas
 
Pg
PgPg
Pg
 
Função horária das posições
Função horária das posiçõesFunção horária das posições
Função horária das posições
 
Atividade de reforço algarismos romanos
Atividade de reforço algarismos romanosAtividade de reforço algarismos romanos
Atividade de reforço algarismos romanos
 
Dilatação térmica
Dilatação térmicaDilatação térmica
Dilatação térmica
 
6º ano-avaliação-diagnótica-2016
6º ano-avaliação-diagnótica-20166º ano-avaliação-diagnótica-2016
6º ano-avaliação-diagnótica-2016
 
Avaliação de diagnóstica 8º ano
Avaliação de diagnóstica 8º ano Avaliação de diagnóstica 8º ano
Avaliação de diagnóstica 8º ano
 
As formas geométricas espaciais
As formas geométricas espaciaisAs formas geométricas espaciais
As formas geométricas espaciais
 
2º atv em classe 2º bim 2014
2º atv em classe  2º bim 20142º atv em classe  2º bim 2014
2º atv em classe 2º bim 2014
 
Álbum 7º C
Álbum 7º CÁlbum 7º C
Álbum 7º C
 
Álbum 7º B
Álbum  7º BÁlbum  7º B
Álbum 7º B
 
Álbum 7º A
Álbum 7º  AÁlbum 7º  A
Álbum 7º A
 
Dilatação térmica dos líquidos
Dilatação térmica dos líquidosDilatação térmica dos líquidos
Dilatação térmica dos líquidos
 
Atividade extraclasse 2º ano
Atividade extraclasse 2º anoAtividade extraclasse 2º ano
Atividade extraclasse 2º ano
 
Aula 1 temperatura
Aula 1   temperaturaAula 1   temperatura
Aula 1 temperatura
 

Último

As teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
As teorias de Lamarck e Darwin. EvoluçãoAs teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
As teorias de Lamarck e Darwin. Evoluçãoprofleticiasantosbio
 
Pizza_literaria.pdf projeto de literatura
Pizza_literaria.pdf projeto de literaturaPizza_literaria.pdf projeto de literatura
Pizza_literaria.pdf projeto de literaturagomescostamma
 
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoGametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoCelianeOliveira8
 
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.Mary Alvarenga
 
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...azulassessoria9
 
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...Unidad de Espiritualidad Eudista
 
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREVACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREIVONETETAVARESRAMOS
 
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_2024Sandra Pratas
 
Ler e compreender 7º ano - Aula 7 - 1º Bimestre
Ler e compreender 7º ano -  Aula 7 - 1º BimestreLer e compreender 7º ano -  Aula 7 - 1º Bimestre
Ler e compreender 7º ano - Aula 7 - 1º BimestreProfaCintiaDosSantos
 
atividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetizaçãoatividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetizaçãodanielagracia9
 
PARC 2024 Cadastro de estudante, turma e enturmação - BAHIA (2).pdf
PARC 2024 Cadastro de estudante, turma e enturmação - BAHIA (2).pdfPARC 2024 Cadastro de estudante, turma e enturmação - BAHIA (2).pdf
PARC 2024 Cadastro de estudante, turma e enturmação - BAHIA (2).pdfceajajacu
 
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxSlides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Romero Britto - biografia 6º ano (1).pptx
Romero Britto - biografia 6º ano (1).pptxRomero Britto - biografia 6º ano (1).pptx
Romero Britto - biografia 6º ano (1).pptxLuisCarlosAlves10
 
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxAULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxGislaineDuresCruz
 
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)Paula Meyer Piagentini
 
Slides Lição 2, Betel, Ordenança para participar da Ceia do Senhor, 2Tr24.pptx
Slides Lição 2, Betel, Ordenança para participar da Ceia do Senhor, 2Tr24.pptxSlides Lição 2, Betel, Ordenança para participar da Ceia do Senhor, 2Tr24.pptx
Slides Lição 2, Betel, Ordenança para participar da Ceia do Senhor, 2Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...azulassessoria9
 
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitaçãoSer Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitaçãoJayaneSales1
 
PROPUESTA DE LOGO PARA EL DISTRITO DE MOCHUMI, LLENO DE HISTORIA 200 AÑOS DE ...
PROPUESTA DE LOGO PARA EL DISTRITO DE MOCHUMI, LLENO DE HISTORIA 200 AÑOS DE ...PROPUESTA DE LOGO PARA EL DISTRITO DE MOCHUMI, LLENO DE HISTORIA 200 AÑOS DE ...
PROPUESTA DE LOGO PARA EL DISTRITO DE MOCHUMI, LLENO DE HISTORIA 200 AÑOS DE ...MANUELJESUSVENTURASA
 
Jogo de Revisão Primeira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Primeira  Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Primeira  Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Primeira Série (Primeiro Trimestre)Paula Meyer Piagentini
 

Último (20)

As teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
As teorias de Lamarck e Darwin. EvoluçãoAs teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
As teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
 
Pizza_literaria.pdf projeto de literatura
Pizza_literaria.pdf projeto de literaturaPizza_literaria.pdf projeto de literatura
Pizza_literaria.pdf projeto de literatura
 
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoGametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
 
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
 
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
 
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
 
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREVACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
 
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
 
Ler e compreender 7º ano - Aula 7 - 1º Bimestre
Ler e compreender 7º ano -  Aula 7 - 1º BimestreLer e compreender 7º ano -  Aula 7 - 1º Bimestre
Ler e compreender 7º ano - Aula 7 - 1º Bimestre
 
atividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetizaçãoatividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetização
 
PARC 2024 Cadastro de estudante, turma e enturmação - BAHIA (2).pdf
PARC 2024 Cadastro de estudante, turma e enturmação - BAHIA (2).pdfPARC 2024 Cadastro de estudante, turma e enturmação - BAHIA (2).pdf
PARC 2024 Cadastro de estudante, turma e enturmação - BAHIA (2).pdf
 
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxSlides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
 
Romero Britto - biografia 6º ano (1).pptx
Romero Britto - biografia 6º ano (1).pptxRomero Britto - biografia 6º ano (1).pptx
Romero Britto - biografia 6º ano (1).pptx
 
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxAULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
 
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
 
Slides Lição 2, Betel, Ordenança para participar da Ceia do Senhor, 2Tr24.pptx
Slides Lição 2, Betel, Ordenança para participar da Ceia do Senhor, 2Tr24.pptxSlides Lição 2, Betel, Ordenança para participar da Ceia do Senhor, 2Tr24.pptx
Slides Lição 2, Betel, Ordenança para participar da Ceia do Senhor, 2Tr24.pptx
 
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
 
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitaçãoSer Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
 
PROPUESTA DE LOGO PARA EL DISTRITO DE MOCHUMI, LLENO DE HISTORIA 200 AÑOS DE ...
PROPUESTA DE LOGO PARA EL DISTRITO DE MOCHUMI, LLENO DE HISTORIA 200 AÑOS DE ...PROPUESTA DE LOGO PARA EL DISTRITO DE MOCHUMI, LLENO DE HISTORIA 200 AÑOS DE ...
PROPUESTA DE LOGO PARA EL DISTRITO DE MOCHUMI, LLENO DE HISTORIA 200 AÑOS DE ...
 
Jogo de Revisão Primeira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Primeira  Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Primeira  Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Primeira Série (Primeiro Trimestre)
 

MRU em

  • 1. Governo do Estado de Rondônia Secretaria de Estado da Educação – SEDUC E.E.E.F.M. Cel. Aluízio Pinheiro Ferreira Rolim de Moura – RO MOVIMENTO RETILÍNEO UNIFORME PROF.ª.: DANIELA FONTANA ALMENARA
  • 2. DISTÂNCIA, VELOCIDADE E TEMPO • Quando um corpo se desloca com velocidade constante, ao longo de uma trajetória retilínea, dizemos que seu movimento é retilíneo uniforme
  • 3. MOVIMENTO RETILÍNEO UNIFORME  Para o MRU a velocidade instantânea tem o mesmo valor da velocidade média.  Movimento que se dá sobre uma trajetória retilínea e a velocidade constante.  Como a velocidade não muda em nada (direção, sentido ou intensidade) a aceleração nula. Vm = Vinst
  • 5. GRÁFICO VELOCIDADE X TEMPO (v x t) Automóvel se deslocando em movimento uniforme com velocidade v = 60 km/h e a velocidade é mantida no tempo t = 5,0 h No movimento uniforme o gráfico v x t é uma reta paralela ao eixo dos tempos e a área sob esse gráfico nos fornece o valor da distância percorrida
  • 6. EXEMPLO DE MOVIMENTO NÃO UNIFORME S = 30 x 1,0 h = 30 km S = 90 x 2,0 = 180 km S = 60 x 1,0 = 60 km Somando todos S = 30 + 180 + 60 S = 270 km
  • 7. VELOCIDADE NEGATIVA • Quando um corpo se desloca em uma trajetória, costumamos convencionar que um dos sentidos do movimento é positivo; o outro sentido, portanto, será considerado negativo.
  • 8. GRÁFICO DISTÂNCIA X TEMPO (s x t) • Em qualquer movimento uniforme (v = constante), o espaço percorrido por um objeto é diretamente proporcional ao tempo t decorrido neste percurso. • Em qualquer movimento uniforme o gráfico de percurso é uma reta que passa pela origem dos eixos
  • 9. O QUE É A POSIÇÃO DE UM MÓVEL E SUA TRAJETÓRIA • Para se determinar a posição de um corpo em uma dada trajetória, basta que se forneça o valor da sua distância, medida sobre a trajetória, a um ponto dela adotado como referência (origem).
  • 11. ATIVIDADES Utilizando como referência essa aula e também o texto do livro, realize as atividades do livro na pág. 42. Exer.: 5 a 10 e 12
  • 12. REFERÊNCIAS MÁXIMO, Antônio: ALVARENGA, Beatriz. Curso de Física. São Paulo: Scipione, 2010.