Anp trilhos balanco 2012-2013

8.280 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
8.280
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
7.819
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
11
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Anp trilhos balanco 2012-2013

  1. 1. Apoio: BALANÇO DO SETOR METROFERROVIÁRIO DE PASSAGEIROS 2012/2013 Associação Nacional dos Transportadores de Passageiros sobre Trilhos - ANPTrilhos
  2. 2. 2 ANPTrilhos é uma Associação Civil, sem fins lucrativos, de âmbito nacional, com sede em Brasília/DF. Missão Promover o desenvolvimento e o aprimoramento do transporte de passageiros sobre trilhos no Brasil Visão Ser reconhecida e respeitada como referência na defesa do setor de transporte de passageiros sobre trilhos, no Brasil e no exterior Valores Ética; Responsabilidade; Transparência; Comprometimento; e Sustentabilidade QUEM SOMOS
  3. 3. 3 Representatividade ANPTrilhos Com 3 anos de atuação, a ANPTrilhos já fala em nome do setor de transporte de passageiros sobre trilhos no Brasil.
  4. 4. 4 BALANÇO 2012/2013 - Movimentação de Passageiros Já somos responsáveis pelo transporte sobre trilhos de 9 milhões de passageiros diariamente no Brasil A expectativa é de que o número total de passageiros transportados entre 2012/2013, a ser apurado no final do ano, tenha um acréscimo de 10%. 2,6 bilhões passageiros 2012 2,4 bilhões passageiros 2011 1,9 bilhão passageiros 2010 21% 8%
  5. 5. 5 BALANÇO 2012/2013 – Dados da Rede O Brasil tem 15 sistemas urbanos de transporte de passageiros sobre trilhos, distribuídos em 11 Estados e mais o Distrito Federal. Esses sistemas são operados por 15 empresas, das quais 3 são privadas. Sistemas sobre trilhos estão presentes em menos de 45% dos Estados Brasileiros.
  6. 6. 6 996,2 km de extensão 37 linhas 467 estações 3624 carros 1.028 km de extensão 3919 composições 491 estações 38 linhas Rede 2011 Rede 2012 BALANÇO 2012/2013 – Dados da Rede
  7. 7. 7 O consumo das operadoras de transporte público de passageiros sobre trilhos somaram 1,8 GWH em 2012. Esse total representou cerca de 0,5% do consumo total energético do país. A participação da tração elétrica dos trens no consumo energético total do Brasil é insignificante face à sua importância para a mobilidade dos brasileiros. BALANÇO 2012/2013 – Consumo Energético
  8. 8. 8 BALANÇO 2012/2013 – Qualidade Ambiental 60% menos 40% menos O transporte sobre trilhos ainda tem muito a contribuir para a qualidade ambiental e a sustentabilidade das nossas cidades. É necessário aumentar sua participação na matriz de transporte urbano, saindo dos 3,8% atuais. Os sistemas sobre trilhos emitem Emissão Média de CO2 dos Sistemas de Transporte no Mundo Carro Emissão por passageiro/quilômetro (pkm) Ônibus Metrô Metrô SP 8
  9. 9. 9 Uma única linha implantada de metrô, por exemplo, é capaz de transportar cerca de 60 mil passageiros por hora/sentido. BALANÇO 2012/2013 – Capacidade do Sistema 60 mil passageiros/ hora 6,7 mil passageiros/ hora 1,8 mil passageiros/ hora
  10. 10. 10 Imagina o que aconteceria com os nossos centros urbanos, que hoje já estão em situação complicada, se não existissem os sistemas metroferroviários de passageiros. A existência do sistema metroferroviário de passageiros no Brasil é responsável pela retirada de 1 milhão de carros e mais de 14.000 ônibus por dia dos centros urbanos onde há sistemas implantados. BALANÇO 2012/2013 – Contribuição Social
  11. 11. 11 O sistema sobre trilhos gera um ganho da ordem de R$16 bilhões à toda a comunidade. Esse ganho é medido em relação à redução: do tempo de deslocamento; do consumo de combustíveis; da emissão de gases poluentes; e do número de acidentes de trânsito. BALANÇO 2012/2013 – Benefício Social
  12. 12. 12 Nossos operadores se preparam para os grandes jogos Os operadores filiados à ANPTrilhos vêm se preparando não só para a Copa das Confederações, mas também para atender à população na Copa do Mundo de Futebol da FIFA (2014) e nas Olímpiadas (2016). Várias ações são desenvolvidas buscando, especialmente, o atendimento ao grande número de turistas que circularão pelos sistemas. O objetivo é que eles possam instruir os turistas com relação à compra de passagens, acesso aos sistemas e horários. BALANÇO 2012/2013 – Copa das Confederações
  13. 13. 13 5 projetos definidos: três adiados e dois incertos. Projetos para a Copa 2014 Manaus/AM – Monotrilho Linha Norte/Centro Brasília/DF – VLT Aeroporto/Asa Sul Cuiabá/MT – VLT Cuiabá/Vargem Grande Fortaleza/CE – VLT Parangaba/Mucuripe São Paulo/SP – Monotrilho Linha 17 - Ouro BALANÇO 2012/2013 – Obras para a Copa 2014 Dos cinco projetos definidos, três foram retirados da matriz de responsabilidade do governo e não ficarão prontos para a Copa. Outros dois ainda são incertos.
  14. 14. 14 É PRECISO MUDAR A REALIDADE DOS TRENS DE PASSAGEIROS NO BRASIL! BALANÇO 2012/2013 – Mudança de Paradigma Com os grandes jogos, o maior legado que ficará para as cidades é, essencialmente, a infraestrutura de mobilidade, que será usufruída por toda a população durante décadas. A ANPTrilhos defende e propõe a mudança dessa realidade por meio da conscientização dos governantes e da priorização do transporte sobre trilhos no planejamento urbano de nossas cidades. Não só o planejamento, mas a sua efetiva realização. O momento é propicio. Há vários programas de investimentos para a mobilidade no País e o sistema de transporte sobre trilhos deve estar presente nesse plano.
  15. 15. 15 O Brasil pode dobrar a sua malha metroferroviária de passageiros nos próximos 5 anos BALANÇO 2012/2013 – Investimentos Com 22 projetos bastante adiantados, grande parte já em licitação/execução, o Brasil pode vir a dobrar sua malha metroferroviária de passageiros até 2018. São 1.136 km em novos projetos de trilhos, que incluem metrôs, VLT, monotrilho e trens regionais.
  16. 16. 16 Projetos com potencial para operação até 2018 Metrô de Porto Alegre Metrô e VLT de Fortaleza e VLT de Sobral Metrô e VLT de Recife VLT de Natal VLT João Pessoa Monotrilho de Manaus Metrô de Salvador Linha 4 do Metrô VLT Área Central e Portuária Monotrilho Linhas 17 e 18 Extensão linha 5 Metrô Trens Intercidades VLT Baixada Santista VLT São José dos Campos Trem Brasília-Goiânia VLT de Brasília Trem de Alta Velocidade Rio-São Paulo-Campinas: Expectativa para 2020 BALANÇO 2012/2013 - Investimentos VLT de Cuiabá
  17. 17. 17 Faltam investimentos para a implantação e expansão dos sistemas, aumento da frota e modernização. Os investimentos não corresponderam às necessidades da população, nem acompanharam o crescimento da demanda, independente da existência de vários projetos, que não se concretizaram. BALANÇO 2012/2013 - Investimentos
  18. 18. 18 18 É preciso que os projetos sejam efetivamente implantados. Projetos não executados não ampliam a capacidade de deslocamento em nossas cidades, não aumentam a mobilidade e não garantem um serviço de transporte adequado ao cidadão. Atualmente no Brasil temos 63 médias e grandes regiões metropolitanas no País e só 12 delas possuem algum tipo de sistema de transporte de passageiros sobre trilhos. Dada a atual taxa média de crescimento da população brasileira, até 2016 mais 8 regiões se integrarão à esse rol, o que ensejará um melhor planejamento no que tange à questão da mobilidade. BALANÇO 2012/2013– Investimentos
  19. 19. 19 Por essa razão, a Associação Nacional dos Transportadores de Passageiros sobre Trilhos (ANPTrilhos), trabalhando de forma integrada com entidades, operadores dos sistemas e com a indústria metroferroviária, defende, como ponto central, a ampliação do investimento no setor. BALANÇO 2012/2013 – Ampliação dos investimentos
  20. 20. 20 Obrigado ANPTrilhos - Associação Nacional dos Transportadores de Passageiros sobre Trilhos Brasília: SAS Quadra 01, Bloco J, Edifício CNT, Sala 605 Fone: (61) 3226-5434 Fax: (61) 3321-0135 contato@anptrilhos.org.br www.anptrilhos.org.br Twitter: @ANPTrilhos Facebook: Anp Trilhos Apoio:

×