CPW – Preparatório HISTÓRIA___
REVOLUÇÃO RUSSA
No século XIX, a Rússia juntamente com a Inglaterra, França, Ale-
manha e Á...
CPW – Preparatório HISTÓRIA___
Avisado que seria acusado pelo Governo de ser um agente a serviço
da Alemanha, Lenin fugiu ...
CPW – Preparatório HISTÓRIA___
d) A fase inicial do processo caracterizou-se pela alteração nas leis
dos direitos civis, p...
CPW – Preparatório HISTÓRIA___
embora as suas raízes devam ser buscadas em condições especifi-
camente russas.
Dentre essa...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Revolução Russa

133 visualizações

Publicada em

Teoria e exercícios de História

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
133
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Revolução Russa

  1. 1. CPW – Preparatório HISTÓRIA___ REVOLUÇÃO RUSSA No século XIX, a Rússia juntamente com a Inglaterra, França, Ale- manha e Áustria, era uma das maiores potências europeias. Entre os anos de 1854 e 1856, a Rússia entrou em guerra com a Inglaterra, França e Turquia (Guerra da Crimeia), mas foi derrotada justamente por causa do atraso em que se encontrava o país. No começo do século XX, sua economia estava atrasada e depen- dente da agricultura, pois 80% de sua economia estava concentrada no campo (produção de gêneros agrícolas). A saída encontrada pelo governo foi estimular um programa de industrialização, isso permitiu que muitos estrangeiros fossem para a Rússia e várias fábricas foram implantadas. Enquanto o país se modernizava o absolutismo continuava intacto e isso causava descontentamento entre a população que se unia cada vez mais. No ano de 1905, Nicolau II, czar russo, mostra a cara violenta e repressiva de seu governo. No conhecido Domingo Sangrento, man- da seu exército fuzilar milhares de manifestantes. Apesar de tudo, ele fez algumas concessões e dentre elas estava a instalação do parlamento (Duma). Grande parte da oposição era socialista e se baseava nas ideias de Karl Marx, eles acreditavam que todos os problemas do país só acabariam se o capitalismo fosse abolido e o comunismo fosse implantado. Os comunistas se dividiam em dois grupos: Bolcheviques e Menche- viques. - Bolcheviques: queriam derrubar o czarismo pela força, eram lide- rados por Lênin. - Mencheviques: propunham a implantação do socialismo através de reformas moderadas. A deposição do Imperador em 1917 (período da 1ª Guerra Mundial) não trouxe tranquilidade aos russos, pelo contrário, o conflito pas- sou a se dar entre os elementos da oposição. Os sovietes eram organizações políticas que nasceram no seio das camadas populares e representavam os interesses dos trabalhado- res. Assim, havia os sovietes de operários, de camponeses e de soldados. Expressavam uma forma de poder popular em oposição ao governo provisório e se tornaram decisivos nos rumos políticos do país. Lênin apoiado pelos sovietes e por uma milícia popular conquista a capital obrigando o governo provisório a renunciar e assumindo o governo em 1917. Eles acreditavam que só o comunismo poderia trazer felicidade para os russos. No poder, eles tentaram realizar e criar uma sociedade onde todos fossem iguais e livres. Várias foram as dificuldades que surgiram durante o governo e o novo regime se tornava mais autoritário, distanciando cada vez mais o sonho de criar uma sociedade onde todos fossem livres e iguais. A Revolução compreendeu duas fases distintas________________ A Revolução de Fevereiro de 1917 (março de 1917, pelo calendário ocidental), que derrubou a autocracia do Czar Nicolau II da Rússia, o último Czar a governar, e procurou estabelecer em seu lugar uma república de cunho liberal. Czar da Rússia Nicolau II A Revolução de Outubro (novembro de 1917, pelo calendário oci- dental), na qual o Partido Bolchevique, liderado por Vladimir Lênin, derrubou o governo provisório e impôs o governo socia- lista soviético. 1º presidente do Partido Bolchevique e líder da União Soviética Vladmir Lênin O Governo Provisório e o Soviete de Petrogrado________________ O Governo Provisório iniciou de imediato diversas reformas liberali- zantes, inclusive a abolição da corporação policial e sua substituição por uma milícia popular. Mas os líderes bolcheviques, entre os quais estava Lenin, formaram os Sovietes (Conselhos) em Petrogrado e outras cidades, estabelecendo o que a historiografia, posteriormen- te, registraria como ‘duplo poder’: o Governo Provisório e os Sovie- tes. Ao expor as chamadas Teses de abril, Lenin declarou que os bolche- viques não apoiariam o Governo Provisório, e pediu a união dos soldados numa frente que viesse pôr fim à guerra imperialista (I Guerra Mundial) e iniciasse a revolução proletária, em escala inter- nacional, ideia que seria fortalecida com a propaganda de Leon Trotski. Enquanto isso, Alexander Kerenski buscava fortalecer a moral das tropas. Teses de Abril__________________________________________ Foram escritas por Lenin ao retornar do exílio para a Rússia, logo após a vitória da revolução de fevereiro, que derrubou o czar e instaurou o governo provisório burguês. Nelas, Lenin polemizou com alguns dirigentes do Partido Bolchevique (entre eles Stalin), que defendiam a política de dar "apoio crítico" ao governo provisório. Lenin se colocou contra essa política, defendendo que a política do Partido deveria ser iniciar imediatamente a defesa e a preparação da revolução proletária. No Congresso de Sovietes de toda a Rússia, realizado em 16 de junho, foi criado um órgão central para a organização dos Sovietes: o Comitê Executivo Central dos Sovietes que organizou, em Petro- grado, uma enorme manifestação, como demonstração de força. O aumento do poder dos Bolcheviques_______________________
  2. 2. CPW – Preparatório HISTÓRIA___ Avisado que seria acusado pelo Governo de ser um agente a serviço da Alemanha, Lenin fugiu para a Finlândia. Em Petrogrado, os bol- cheviques enfrentavam uma imprensa hostil e a opinião pública, que os acusava de traição ao exército e de organização de um golpe de Estado. A 20 de julho, o general Lavr Kornilov tentou implantar uma ditadura militar, através de um fracassado golpe de Estado. Da Finlândia, Lenin começou a preparar uma rebelião armada. Havia chegado o momento em que o Soviete enfrentaria o poder. Foi Trotski, então presidente do Soviete de Petrogrado, quem encon- trou a solução: depois de formar um Comitê Militar Revolucionário, convenceu Lenin de que a rebelião deveria coincidir com o II Con- gresso dos Sovietes, convocado para 7 de novembro, ocasião em que seria declarado que o poder estava sob o domínio dos Sovietes. Na noite de 6 de novembro a Guarda Vermelha ocupou as principais praças da capital, invadiu o Palácio de Inverno, prendendo os minis- tros do Governo Provisório, mas Kerenski conseguiu escapar. No dia seguinte, Teotski anunciou, conforme o previsto, a transferência do poder aos Sovietes. O novo governo_________________________________________ O poder supremo, na nova estrutura governamental, ficou reserva- do ao Congresso dos Sovietes de toda a Rússia. O cumprimento das decisões aprovadas no Congresso ficou a cargo do Soviete dos Co- missários do Povo, primeiro Governo Operário e Camponês, que teria caráter temporário, até a convocação de uma Assembleia Constituinte. Lênin foi eleito presidente do Soviete, onde Trotski era comissário do povo e ministro das Relações Exteriores e, Stalin, das Nacionalidades. Josef Stalin foi o dirigente máximo da União das Repúblicas Socialistas Soviéticas (URSS) de 1929 a 1953. Governou por meio do terror, embora também tenha conver- tido a URSS em uma das principais potên- cias mundiais. A 15 de novembro, o Soviete ou Conselho dos Comissários do Povo estabeleceu o direito de autodeterminação dos povos da Rússia. Os bancos foram nacionalizados e o controle da produção entregue aos trabalhadores. A Assembleia Constituinte foi dissolvida pelo novo governo por representar a fase burguesa da revolução, já que fora convocada pelo Governo Provisório. Em seu lugar foi reuni- do o III Congresso de Sovietes de toda a Rússia. O Congresso apro- vou a Declaração dos Direitos do Povo Trabalhador e Explorado como introdução à Constituição, pela qual era criada a República Soviética Federativa Socialista da Rússia (RSFSR). A guerra civil_______________________________ O novo governo pôs fim à participação da Rússia na I Guerra Mundi- al, através do acordo de Paz de Brest-Litovsk assinado em 3 de mar- ço de 1918. O acordo provocou novas rebeliões internas que termi- nariam em 1920, quando o Exército Vermelho derrotou o desorgani- zado e impopular Exército Branco antibolchevique. Lenin e o Partido Comunista Russo (nome dado, em 1918, à forma- ção política integrada pelos bolcheviques do antigo POSDR) assumi- ram o controle do país. A 30 de dezembro de 1922, foi oficialmente constituída a União de Repúblicas Socialistas Soviéticas (URSS). A ela se uniriam os territórios étnicos do antigo Império russo. ............................................................................................................. EXERCÍCIOS 1- (Uerj) http://www.apaginavermelha.hpg.ig.com.br Camaradas, a vida de nosso bem-amado Stalin pertence ao povo inteiro. Stalin é nosso guia, nosso sol. Morte a todos os restos do bando fascista. Sokorine, militante do Partido Comunista da URSS, 1936. O terror e a propaganda foram dois lados complementares do regi- me stalinista. Contudo, muitos historiadores afirmam que eles não são suficientes para explicar o grau de aprovação conseguido por este regime tanto dentro como fora da União Soviética. O apoio político dado a Stalin dentro da URSS também é explicado pela: a) eclosão da segunda revolução russa, que modificou as bases ideológicas do bolchevismo e excluiu lideranças como a de Trotski b) manipulação estatal do nacionalismo, que possibilitou a mobiliza- ção popular e revitalizou o caráter messiânico da cultura russa c) entrada de capitais estrangeiros após a Segunda Guerra Mundial, que facilitou a retomada da industrialização e permitiu a diminuição do desemprego. d) introdução da Nova Política Econômica, que permitiu a manuten- ção da pequena propriedade privada e assegurou a permanência da aliança operário-camponesa. .............................................................................................................. 2- (Ufes) A Revolução Russa de 1917 derrubou o regime czarista e estabeleceu o socialismo no país. Assinale a alternativa correta em relação às medidas adotadas pelo novo governo. a) Com a abdicação do Czar, estabeleceu-se uma aliança política entre os líderes do regime czarista e os dirigentes do governo provi- sório. b) Lênin, prisioneiro político exilado na Sibéria, ficou excluído do processo revolucionário. c) O governo socialista colocou em prática, imediatamente, o proje- to de reconstrução da economia, a Nova Política Econômica (NEP).
  3. 3. CPW – Preparatório HISTÓRIA___ d) A fase inicial do processo caracterizou-se pela alteração nas leis dos direitos civis, pela anulação dos títulos de nobreza, pela separa- ção entre Igreja e Estado, pela reforma agrária e pelo fim da propri- edade privada. e) No nível político, o governo revolucionário promulgou, no mesmo ano, uma nova constituição, que legitimou a União das Repúblicas Socialistas Soviéticas (URSS). .............................................................................................................. 3- (Ufjf) Sobre o contexto social da Rússia, anterior à Revolução Bolchevique de 1917, é incorreto dizer que: a) a grande massa da população era camponesa, reflexo das condi- ções econômicas e sociais anteriores, havendo grande concentração fundiária nas mãos de poucos. b) a industrialização estava restrita a poucas cidades, como Moscou e São Petersburgo, e fora financiada, em grande parte, pelo capital europeu ocidental. c) apresentava uma burguesia forte e organizada, com um projeto revolucionário amadurecido, que defendia, entre outros aspectos, a criação de uma República no lugar do governo czarista. d) o proletariado enfrentava péssimas condições de vida nas cida- des, fruto dos baixos salários, mas dispunha de um certo grau de organização política, que possibilitava sua mobilização. e) após o fim da servidão, houve uma intensa migração do campo em direção à cidade, contribuindo para o aumento da mão-de-obra disponível, que seria direcionada, em grande parte, para a indústria. .............................................................................................................. 4- (Ufrrj) "DECRETO SOBRE TERRAS DA REUNIÃO DOS SOVIETES DE DEPUTADOS OPERÁRIOS E SOLDADOS. 26 de outubro (8 de novembro) de 1917 1) Fica abolida, pelo presente decreto, sem nenhuma indenização, a propriedade latifundiária. 2) Todas as propriedades dos latifundiários, bem como as dos con- ventos e da igreja, acompanhadas de seus inventários, construções e demais acessórios ficarão a disposição dos comitês de terras e dos Sovietes de Deputados Camponeses, até a convocação da Assem- bleia Constituinte. 3) Quaisquer danos causados aos bens confiscados, que pertencem, daqui por diante, ao povo, é crime punido pelo tribunal revolucioná- rio. Presidente do Soviete de Comissários do Povo - Vladimir Ulianov - Lênin". A edição deste decreto pelo novo governo revolucionário russo imediatamente após a tomada do poder exprime a necessidade de a) explicitar o caráter camponês da Revolução Russa. b) dar a burguesia russa uma garantia de que seus bens e proprie- dades permaneceriam intocados. c) enfraquecer o poder dos antigos latifundiários e ganhar a imensa massa camponesa russa para a causa da Revolução, garantindo seu acesso à terra a partir de uma reforma agrária. d) permitir aos antigos proprietários das terras, a nobreza expropri- ada pela Revolução de fevereiro de 1917, a retomada de seus direi- tos. e) garantir a propriedade privada da terra para os novos detentores do poder, os Sovietes de Deputados e Camponeses. .............................................................................................................. 5- (FUVEST-2008) “Há oitenta anos, a Rússia era forte por causa do dinamismo revolucionário do comunismo, incluindo o poder de atração da sua ideologia. Há quarenta anos, a Rússia Soviética era forte por causa do poderio do Exército Vermelho. Hoje, a Rússia de Putin é forte por causa do gás e do petróleo.” a) manteve inalterada sua posição de grande potência em todo o período mencionado. b) recuperou, na atualidade, o seu papel de país líder da Europa. c) conheceu períodos de altos e baixos em função das conjunturas externas. d) passou de força política, a força militar e desta, a força econômi- ca. e) conservou, sempre, a sua preeminência graças ao incomparável poderio militar. ............................................................................................................. 6- (Vunesp) Leon Trotski argumentava em 1904 que a tese política defenda por Lênin poderia "conduzir a organização do partido a substituir o partido, o Comitê central a substituir a organização do partido, e finalmente um 'ditador' a substituir o Comitê central". Assinale a alternativa com o nome do responsável pelo regime que, na prática, confirmou a previsão de Trotski. a) Bukharin. b) Stalin. c) Kalinin. d) Brejnev. e) Molotov. .............................................................................................................. 7- (Vunesp) "A ascensão da direita radical após a Primeira Guerra Mundial foi sem dúvida uma resposta ao perigo, na verdade à reali- dade, da revolução social e do poder operário em geral, e à Revolu- ção de Outubro e ao leninismo em particular." (Eric Hobsbawm - ERA DOS EXTREMOS). Identifique a "direita radical" que ascendia no período Entre- Guerras, opondo-se à expansão dos movimentos revolucionários. a) Bolchevista. b) Liberal. c) Menchevista. d) Nazi-fascista. e) Anarco-sindicalista. .............................................................................................................. 8- (UERJ-1998) Em outubro deste ano, a Revolução Russa de 1917 comemorou seus 80 anos, continuando a ser alvo de intensas dis- cussões que polarizaram as opiniões: de um lado, uma etapa decisi- va na libertação da sociedade russa; de outro, uma conjuntura de- nunciada como um período de crimes e de desastre. Vista por qual- quer um dos prismas, a Revolução de 1917 teve significado mundial,
  4. 4. CPW – Preparatório HISTÓRIA___ embora as suas raízes devam ser buscadas em condições especifi- camente russas. Dentre essas condições que desencadearam o processo da Revolu- ção Russa, pode-se destacar: a) a autocracia czarista, que convivia com uma economia rural es- tagnada e um campesinato faminto. b) o fim da servidão, que possibilitou o progresso agrícola e o acesso à terra de grande parcela do campesinato. c) a mobilidade das classes sociais, que garantiu a ascensão de inú- meros trabalhadores fabris e pequenos proprietários. d) o papel fundamental de uma burguesia industrial e financeira, que estimulou o desenvolvimento de uma indústria de base. ..............................................................................................................

×