A pureza do movimento pentecostal

1.272 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.272
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
91
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

A pureza do movimento pentecostal

  1. 1.  Falamos muito em movimento pentecostal, mais até onde vai o nosso conhecimento a respeito? A sua origem, e as suas muitas características. Existe um modelo padrão, qual é? Atos 1;2, demarca o início desse mover do Espírito na vida dos discípulos. É a partir deles que vamos traçar a pureza do movimento pentecostal. A palavra chave: Pureza: Estado ou qualidade de puro. Nada pode ser puro se não estiver ligado em Deus, se não estiver de acordo com a sua palavra. Qual o principal objetivo do movimento pentecostal? Não é a demonstração de poder. Não é a operação dos dons. Não é pregação do evangelho. É a glorificação de Deus. Deus sempre ocupará a primazia, sempre! Deus vem sempre antes de tudo. Porque sem Ele nada do que existe subsistiria.
  2. 2.  Conhecer a origem do pentecoste cristão. Descrever a trajetória histórica do pentecostalismo. Saber distinguir o verdadeiro do falso. O parâmetro sempre será a Bíblia, as Escrituras é a nossa regra de fé e doutrina, o modelo de cristianismo e de cristãos autenticamente pentecostais vamos encontrar na palavra de Deus. A Bíblia traz para nós os princípios que caracterizam esse movimento, ignorar o estudo da Bíblia e o estudo da história, é descaracterizar o que realmente nos identifica como pentecostais. Se há um mover do Espírito em nosso meio ele só poderá nos levar para estarmos mais perto do criador do pentecoste, através da oração e da meditação da sua Palavra.
  3. 3.  Para muitos o início foi atos 2, mas o ponto inicial veio antes, começa com Cristo fazendo a promessa: “ E, estando com eles, determinou-lhes que não se ausentassem de Jerusalém, mas que esperassem a promessa do Pai, que (disse ele) de mim ouvistes.” (atos 1.4) (Lc 24.49) Com base nisso os discípulos entregaram-se a oração: “Todos estes perseveravam unanimente em oração e suplicas, com as mulheres, e Maria mãe de Jesus, e com seus irmãos”. (Atos 1.14) Observe a pureza do movimento pentecostal, obediência a palavra de Cristo e entrega a oração. O movimento pentecostal iniciou-se com uma palavra de Cristo dirigida aos seus discípulos. Seguida de uma unanimidade entre os irmãos para a oração. Então quais são as suas características? Obediência, fé, união, perseverança, oração.
  4. 4.  “E todos foram cheios do Espírito Santo, e começaram a falar noutras línguas, conforme o Espírito Santo lhes concedia que falassem” (Atos 2.4). Um fato extraordinário aconteceu, que fato aconteceu? “...começaram a falar noutras línguas,...” Com que propósito? Durante a dispersão os judeus tinham sido espalhados por quase todas as partes do mundo habitado, e em seu exílio tinham aprendido a falar várias línguas. Muitos desses judeus estavam nessa ocasião em Jerusalém assistindo às festas religiosas que então se realizavam. Cada língua conhecida estava por eles representada. Pensemos nessa diversidade de línguas ali representada, que dificuldade não seria para os discípulos, formado por uma maioria de homens leigos, se comunicar com eles sem um interprete. Esta diversidade de línguas teria sido um grande embaraço à proclamação do evangelho. Deus, portanto de maneira miraculosa, supriu a deficiência dos apóstolos. O Espírito Santo fez por eles o que não teriam podido fazer por si mesmos. Observemos que todo o propósito do falar línguas jamais estudadas, foi com o objetivo de se fazerem entender, para que o evangelho fosse anunciado, essa forma de manifestação do Espírito, foi de caráter puramente evangelístico. A prioridade era a palavra de Deus.
  5. 5.  Qual o primeiro objetivo da pregação do evangelho? O objetivo supremo desta obra é glorificar a Deus. Esse é o ponto central. Esse é o objetivo que deve dominar e sobrepujar todos os demais. O primeiro objetivo do evangelho não é salvar almas é glorificar a Deus. Não se tolerará que nenhuma coisa, por melhor que seja, nem por mais nobre, usurpe esse primeiro lugar. A pureza do movimento pentecostal é glorificar a Deus. Por meio da propagação do evangelho. Essa era prioridade dos apóstolos: “E perseveravam na doutrina dos apóstolos, e na comunhão, e no partir do pão, e nas orações.” “E em toda alma havia temor...” “Todos os que criam estavam juntos, e tinham tudo em comum”. Isso é característico do movimento pentecostal. A salvação de almas vem como consequência. “E todos os dias acrescentava o Senhor à igreja aqueles que se haviam de salvar.” “De sorte que foram batizados os que de bom grado receberam a sua palavra; e naquele dia agregaram-se quase três mil almas.”
  6. 6.  Quando surgiu uma questão de ordem social no meio da igreja que requeria uma atenção especial, o testemunho dos apóstolos foi: “Não é razoável que nós deixemos a palavra de Deus e sirvamos às mesas”. “Mas nós perseveraremos na oração e no ministério da palavra”. (atos 6.2,4) A falta de pureza pentecostal se dá pelo fato de que pouca importância se tem dado a palavra de Deus, e a oração. A palavra é o instrumento que o Espírito usa: “Tomai também o capacete da salvação, e a espada do Espírito, que é a palavra de Deus” Nós estamos regredindo no que diz respeito a pregação e ensino da palavra. Quanto a oração só o que conseguimos fazer é orar quando estamos com problemas, não há uma entrega voluntária e sincera para a prática da oração, o Espírito parece não nos mover a essas práticas. Observe que o mover do Espírito na vida dos apóstolos os impulsionavam a terem esse estilo de vida.
  7. 7.  Havia um senso comum entre eles: “E todos os que criam estavam juntos, e tinham tudo em comum. E vendiam suas propriedades e fazendas, e repartiam com todos, segundo cada um havia de mister” (Atos 2.44,45). A igreja não estava dividida, eles não disputavam entre si, para ver quem era o mais prospero, quem era o mais usado, quem tinha maior fama, não havia ciúmes e invejas entre eles. A presença do Espírito era tão grande entre eles que não se admitia a presença do pecado, isso não significa que não havia pecado, e que não eram tentados, é que eles andavam no Espírito. “Andai em Espírito e não cumprireis os desejos da carne”. O que nós vemos hoje no chamado meio pentecostal é uma verdadeira vergonha. O programa, a igreja, o pregador, a propaganda da manifestações dos dons, tem brilhado mais que Jesus.
  8. 8.  Ganhar almas era a principal ocupação da igreja. Eu já disse que o principal objetivo do evangelho é glorificar a Deus, mas de que maneira fazemos isso? Ganhando almas. O fato de que uma alma foi salva glorifica a Deus, porque fora dele não há salvação. Mas quando um pecador se arrepende há alegria no coração de Deus. “Assim vos digo que há alegria diante dos anjos de Deus por um pecador que se arrepende” (Lc 15.10) Não é considerado como ganhar almas o roubar membros de igrejas já estabelecidas. “Achamos que é suma baixeza construir nossa casa com os escombros das mansões de nossos vizinhos. Preferimos mil vezes extrair nós mesmos as pedras da pedreira” (C.H. Spurgeon). Essa era a grande ocupação da igreja e dos apóstolos. Atos 4.18-20. Não importava o que os aguardava, prisões, açoites, mortes, contando que o evangelho fosse pregado e almas fossem salvas. O movimento pentecostal implica numa ação contínua e renovadora do Espírito Santo na vida da igreja, fazendo com que esta cumpra cabalmente as demandas da grande comissão. (Revista) O tempo, as circunstâncias, os meios, e métodos são outros, mais o princípio permanece o mesmo, eles não mudam. Se queremos manter a pureza do movimento pentecostal devemos nos voltar para o modelo bíblico.
  9. 9.  Com base no que temos estudado fica o parâmetro para distinguirmos o falso do verdadeiro movimento pentecostal, sempre a referência será a Palavra de Deus, tudo que estiver contrário a ela deve ser rejeitado e condenado. (Ef 5.11). Não vamos julgar o movimento em si, mas sim os resultados, os frutos que se apresentam na vida da igreja e de cada crente. Ser pentecostal não diz respeito a sermos como um time de torcida organizada, que precisa de um animador de torcida, para levantar o alto astral, ser pentecostal diz respeito ao que cremos, ao que fazemos, ao que somos.

×