Defeciencia motora

808 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
808
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
32
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
20
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Defeciencia motora

  1. 1.  Nós duvidamos, por isso é que vamos dizer-te tudo o que precisas de saber. O que é a deficiência motora? Deficiência motora é uma disfunção física ou motora, a qual poderá ser de carácter congénito ou adquirido. Desta forma, esta disfunção irá afetar o indivíduo, no que diz respeito à mobilidade. À coordenação motora ou à fala. Este tipo de deficiência pode decorrer de lesões neurológicas, neuromusculares, ortopédicas e ainda de mal formação.
  2. 2.  São vários os motivos que podemos encontrar na base da deficiência motora, destacando-se as seguintes: Acidentes de trânsito; Acidentes de trabalho; Erros médicos; Problemas durante o parto; Violência; Desnutrição etc.
  3. 3.  Monoplegia- Paralisia deum membro do corpo; Hemiplegia- Paralisia deum metade do corpo; Paraplegia- Paralisia da cintura para baixo; Tetraplegia- Paralisia do pescoço para baixo; Amputação- Falta de um membro do corpo.
  4. 4.  Maior consciencialização por parte das mulheres acerca da necessidade de fazer acompanhamento médico pré-natal; Existirem mais pessoas treinadas no resgate de vítimas de acidentes de trânsito; Consciencialização dos riscos da hipertensão e da diabetes;
  5. 5.  Os jogos do dia a dia como futebol e o basquetebol são também praticados por deficientes motores, ás vezes até bem melhor do que as pessoas sem deficiência alguma. A esses jogos chama-se jogos paralímpicos . Os Jogos Paraolímpicos ou Paralímpicos são o maior evento desportivo mundial envolvendo pessoas com deficiência. Incluem atletas com deficiências físicas (de mobilidade, amputações, cegueira ou paralisia cerebral), além de deficientes mentais. Realizados pela primeira vez em 1960 em Roma, Itália, têm sua origem em Stoke Mandeville, na Inglaterra, onde ocorreram as primeiras competições esportivas para deficientes físicos, como forma de reabilitar militares atingidos na Segunda Guerra Mundial.
  6. 6.  Vinte e oito modalidades compõem o programa dos Jogos Paralímpicos, sendo que vinte e cinco já foram disputadas, duas irão estrear na edição de 2016 e uma não tem previsão para a inclusão.
  7. 7.  Com 18 anos, Rita apercebeu-se que tinha um tumor na cabeça e teve de ser operada duas vezes, o que lhe afectou a visão, um braço e uma perna. Rita adorava jogar à bola e hoje em dia vai começar a desenvolver um jogo paralímpico. Trabalhava no telheiro quando teve a primeira filha, que hoje vive com a irmã de Rita e só vê a filha no fim-de-semana. Em tempos teve de estar num lar de idosos pois a sua mãe tinha alguns problemas de saúde e não podia acompanhar Rita. Quando a desprezam dizia que não gostava mas que, não se importava , dissessem o que dissessem. Para Rita se adaptar foi preciso muito apoio da família e amigos. Não consegue fazer um percurso sozinha cá em Montemor e está disposta a fazer tudo para mudar a opinião da sociedade. Disse também que foi preciso fazerem remodelações em sua casa para ela se poder movimentar e viver. A sua deficiência teve efeitos psicológicos e físicos . Disse também que para ter de lidar com esta deficiência foi preciso muita força de vontade.
  8. 8. RITA
  9. 9.  Hoje são eles amanhã podes ser tu! Já pensaste que amanhã podes perder tudo o que gostavas de fazer desde jogar à bola a dançares. Alguns deles perderam essa oportunidade à muito tempo, mas alguns nunca o poderão fazer, pensa na sorte que tens pois eles já nunca mais a vão ter. Mas mesmo assim nunca vão perder a alegria de viver!
  10. 10.  Se pensares bem nisto podes ser uma das pessoas a ajudar, outras pessoas com esta deficiência. Pensa que o teu pai trabalha numa empresa diz-lhe sempre para pensar nestas pessoas que muitas vezes não conseguem ir ao multibanco, ou não conseguem ver-se ao espelho ou nem mesmo lavar as mãos ou outra parte do corpo. Sabes que estas pessoas precisam da tua ajuda e só de pensares nelas e saberes que elas existem já te estão a agradecer!
  11. 11.  Se eles conseguem tu também vais conseguir. Pensa lá quando tu não queres fazer algo em educação física por achas que não consegues ou é difícil pois para eles é um esforço enorme e mais ainda força de vontade!Trabalho realizado por: Joana Jacinto; Daniela Boeiro; Alexandra Silva; Sara Marques; Sandra Mendes; Anton Mahr. Escola secundária de Montemor-o-Novo Disciplina de oferta complementar.

×