Micoses Superficiais
e Candidíase
Debora Fileti
Everson da Silva
Jucélia Cipriano Cardoso
Vanessa Luz da Silva
Micoses Superficiais
As micoses superficiais da pele, também chamadas de
"tineas" são infecções causadas por fungos que at...
Tinea do Corpo Tinea da Cabeça
Tinea dos Pés
Manifestações Clinicas
• Tinea interdigital (frieira): causa descamação, maceração (pele
esbranquiçada e mole), fissuras e...
Tinea
Interdigital Tinea crural
Tinea das Unhas
Manifestações Clinicas
• Pitiríase versicolor: forma manchas claras recobertas por fina
descamação, facilmente demonstráve...
Pitiríase
Versicolor Tinea negra
Piedra Preta Piedra Branca
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Micoses superficiais e candidíase

1.322 visualizações

Publicada em

Micoses de pele e candidiase

Publicada em: Ciências
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.322
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
25
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Micoses superficiais e candidíase

  1. 1. Micoses Superficiais e Candidíase Debora Fileti Everson da Silva Jucélia Cipriano Cardoso Vanessa Luz da Silva
  2. 2. Micoses Superficiais As micoses superficiais da pele, também chamadas de "tineas" são infecções causadas por fungos que atingem a pele, as unhas e os cabelos. Manifestações Clinicas • Tinea do corpo: forma lesões arredondadas, que coçam e se iniciam por ponto avermelhado que se abre em anel de bordas avermelhadas e descamativas. • Tinea da cabeça: mais frequente em crianças, forma áreas arredondadas com falhas nos cabelos, que se apresentam cortados rente ao couro cabeludo nestes locais. É muito contagiosa. • Tinea dos pés: causa descamação e coceira na planta dos pés que sobe pelas laterais para a pele mais fina.
  3. 3. Tinea do Corpo Tinea da Cabeça
  4. 4. Tinea dos Pés
  5. 5. Manifestações Clinicas • Tinea interdigital (frieira): causa descamação, maceração (pele esbranquiçada e mole), fissuras e coceira entre os dedos dos pés. Bastante frequente nos pés, devido ao uso constante de calçados fechados que retém a umidade, também pode ocorrer nas mãos, principalmente naquelas pessoas que trabalham muito com água e sabão. • Tinea crural (virilha): forma áreas avermelhadas e descamativas com bordas bem limitadas, que se expandem para as coxas e nádegas, acompanhadas de muita coceira. Quando causada pelo fungo Candida, forma área avermelhada, úmida que se expande por pontos ao redor da região afetada. Também com muita coceira. • Tinea das unhas (onicomicose): apresenta-se de várias formas: descolamento da borda livre da unha, espessamento, manchas brancas na superfície ou deformação da unha. Quando a micose atinge a pele ao redor da unha, causa a paroníquia ("unheiro"). O contorno ungueal fica inflamado, dolorido, inchado e avermelhado e, por consequência, altera a formação da unha, que cresce ondulada.
  6. 6. Tinea Interdigital Tinea crural
  7. 7. Tinea das Unhas
  8. 8. Manifestações Clinicas • Pitiríase versicolor: forma manchas claras recobertas por fina descamação, facilmente demonstráveis pelo estiramento da pele. Atinge principalmente áreas de maior produção de oleosidade como o tronco, a face, pescoço e couro cabeludo. • Tinea negra: manifesta-se pela formação de manchas escuras na palma das mãos ou plantas dos pés. É assintomática. • Piedra preta: esta micose forma nódulos ou placas de cor escura grudados aos cabelos. É assintomática. • Piedra branca: manifesta-se por concreções de cor branca ou clara aderidas aos pelos. Atinge principalmente os pelos pubianos, genitais e axilares e as lesões podem ser removidas com facilidade puxando-as em direção à ponta dos fios.
  9. 9. Pitiríase Versicolor Tinea negra
  10. 10. Piedra Preta Piedra Branca

×