SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 23
Baixar para ler offline
Sistemas Operacionais
Funcionamento Básico

Usuários

Sistema
Operacional

Hardware
Sistemas Operacionais
Funcionamento Básico
Em situações normais, sem um sistema
operacional um usuário não consegue utilizar
o computador.

Em alguns casos, computadores possuem
instruções gravadas nos processadores que
permitem realizar funções básicas.
Sistemas Operacionais
Funcionamento Básico
Em alguns dos primeiros computadores,
além de instruções básicas gravadas no
hardware, vinha uma versão da linguagem de
programação Basic, permitindo elaborar
pequenos programas.
Sistemas Operacionais
Funcionamento Básico
 Na verdade, todo o software atuaria como um
minisistema operacional mas isso poderia
trazer problemas de organização do espaço
e dos arquivos nos disquetes e discos
rígidos.
 Um programa poderia não respeitar arquivos
gravados por outros programas e haver
sobreposição de arquivos ou eliminação.
Sistemas Operacionais
Funcionamento Básico
 Para um programa acessar diretamente o
hardware teria suas próprias funções o que o
tornaria maior e mais complexo.
 A utilização de um SO simplifica o
funcionamento de um programa e por
consequência, sua utilização e
desenvolvimento.
Sistemas Operacionais
Funcionamento Básico
 Um Sistema Operacional funciona como um
grande administrador do hardware, indicando
como os arquivos devem ser gravados num
disco rígido, por exemplo.
Interpretador de comandos e
Interface gráficas
 Para que um usuário possa efetuar suas tarefas
no micro e nos dispositivos de armazenamento
de dados é necessário que, além do SO, exista
um programa chamado interpretador de
comandos ou shell.
 Usuários acostumados com o MS-DOS: o
interpretador de comandos é o Command.com
Interpretador de comandos e
Interface gráficas
 Os interpretadores de comandos recebem
instruções pelo teclado e isso torna o uso de
computadores mais difícil, pois o usuário tem
que usar inúmeros comandos e instruções.
 Existe uma outra possibilidade que permite
clicar em figuras que simbolizam funções,
comandos ou programas específicos. Esta
ação é permitida pelas interfaces gráficas.
Interpretador de comandos e
Interface gráficas
 Com as interfaces gráficas, não precisamos
decorar extensas listas de funções e a
operação atinge até um caráter lúdico e
intuitivo.
 As interfaces gráficas adotam conceitos de
pastas, bloco de notas, agendas entre outras.
Interpretador de comandos e
Interface gráficas
Para interagir diretamente com o SO é necessário
utilizar um interpretador de comandos ou uma
interface gráfica.
Interagindo com o Sistema
Operacional
 Outra forma para que o usuário interaja com o
SO é através dos Softwares.
 Requisitando serviços disponibilizados pelo
sistema operacional através de software:
 A abertura de um arquivo
 Envio de material para impressão
 Solicitação de apresentação de informações no vídeo
Interagindo com o Sistema
Operacional
 De maneira restrita e para funções específicas
utilizamos software ao invés do interpretador de
comandos.

Camada intermediária
entre o SO e o usuário
Interagindo com o Sistema
Operacional
Multitarefa e suas variações
 A característica que diferencia os sistemas
operacionais é a capacidade de execução de
diversos programas ao mesmo tempo
 Alguns sistemas permitem que apenas um
programa seja executado de cada vez
 Os sistemas que permitem a execução de mais
de um programa ao mesmo tempo é chamado
de multitarefa
Multitarefa
O que ocorre em sistemas multitarefa:
 Procedimentos concorrem quanto à utilização
da capacidade de processamento do hardware
 É necessário definir e gerenciar a prioridade da
cada programa quanto ao uso dos recursos
Classificação dos sistemas
 Classificação dos Sistemas quanto à
capacidade de execução de uma ou mais
tarefas simultaneamente


Monotarefa (não possui subdivisao)
Ex: MS-DOS



Multitarefa (cooperativa ou preemptiva)
Ex: Unix, Windows, Linux, OS/400
Classificação dos sistemas
 Multitarefa
 Cooperativa

O SO define para cada programa uma parcela
do tempo em que ele terá a atenção do sistema
operacional e do hardware.
Obs: todos os programas contam com a mesma
quantidade de tempo que tem dedicação exclusiva
do SO e do hardware e se um programa travar, o
sistema não pode alternar para outros aplicativos
causando uma falha geral do sistema.
O Windows até a versão 3.1 trabalhava assim.
Classificação dos sistemas
 Multitarefa
 Preemptiva

O sistema define prioridades conforme a
necessidade momentânea de cada programa.
Obs: Gerenciamento mais eficiente do hardware
disponível e ao estabelecer prioridades em função das
necessidades de cada programa, os recursos são
otimizados. Quando um programa trava, o SO o
bloqueia evitando que outros programas sejam afetados.
Classificação dos sistemas
 Quanto à capacidade de executar
simultaneamente diversos programas ou tarefas
solicitadas por diferentes usuários:


monousuário
Em rede, pode fornecer programas para vários
usuários atuando como servidor entretanto os
programas serão executados no equipamentos dos
clientes e não na máquina servidora.
Classificação dos sistemas
 Quanto à capacidade de executar
simultaneamente diversos programas ou tarefas
solicitadas por diferentes usuários:


multiusuário
O sistema atende a diversos clientes e apresenta a
possibilidade de executar os programas no próprio
servidor em vez de efetuar nas estações dos clientes.
Processo de Boot
Visão geral
 Antes de ligar o micro:

Coleção de placas de metal, plástico, linhas
metálicas e pedacinhos de silício

 Pressionado o Botão Ligar:
Um conjunto de eventos traz vida à algo
que parecia estar morto;
O PC verifica quais partes estão instaladas
e funcionando.
Processo de Boot
Visão geral
 O PC recém acordado adquire inteligência
através de educação baseada em softwares.
 Nem todos os micros têm que renascer cada
vez que são ligados e alguns exemplos são:
 Calculadoras
 Ignição eletrônica de um carro
 Temporizador de microondas
(computadores programados para
realizar uma só tarefa)
Processo de Boot
Visão geral
Cada vez que você liga seu PC, ele é capaz de
fazer qualquer coisa que sua criatividade
mandar.

Outros
instrumentos...

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Introdução a Sistemas Operacionais
Introdução a Sistemas OperacionaisIntrodução a Sistemas Operacionais
Introdução a Sistemas OperacionaisLabin2bpm
 
Sistemas Operativos (Operating Systems)
Sistemas Operativos (Operating Systems)Sistemas Operativos (Operating Systems)
Sistemas Operativos (Operating Systems)Pepe Rocker
 
Sistemas operacionais
Sistemas operacionaisSistemas operacionais
Sistemas operacionaisAbnel Junior
 
Sistemas operacionais e aplicativos
Sistemas operacionais e aplicativosSistemas operacionais e aplicativos
Sistemas operacionais e aplicativosguicabral6
 
Sistema operacional introdução
Sistema operacional introduçãoSistema operacional introdução
Sistema operacional introduçãoCleber Ramos
 
Tipos de Sistemas Operacionais
Tipos de Sistemas OperacionaisTipos de Sistemas Operacionais
Tipos de Sistemas OperacionaisJesse Teixeira
 
Evolução dos sistemas operativos
Evolução dos sistemas operativosEvolução dos sistemas operativos
Evolução dos sistemas operativosLeo Simões
 
Estruturas de Sistemas Operacionais
Estruturas de Sistemas OperacionaisEstruturas de Sistemas Operacionais
Estruturas de Sistemas OperacionaisCid de Andrade
 
Classificação – sistemas operativos
Classificação – sistemas operativosClassificação – sistemas operativos
Classificação – sistemas operativosTROLITO LALALAL
 
Sistemas operacionais aula 01
Sistemas operacionais   aula 01Sistemas operacionais   aula 01
Sistemas operacionais aula 01Professor Douglas
 
Sistemas Operacionais - Aula 2 - Visão Geral de Sistemas Operacionais
Sistemas Operacionais - Aula 2 - Visão Geral de Sistemas OperacionaisSistemas Operacionais - Aula 2 - Visão Geral de Sistemas Operacionais
Sistemas Operacionais - Aula 2 - Visão Geral de Sistemas OperacionaisCharles Fortes
 
Questoesde fso
Questoesde fsoQuestoesde fso
Questoesde fsopaulocsm
 
Noções básicas de Sistemas Operacionais
Noções básicas de Sistemas OperacionaisNoções básicas de Sistemas Operacionais
Noções básicas de Sistemas OperacionaisLuciano Crecente
 
Visão Geral: Estruturas do Sistema Operacional
Visão Geral: Estruturas do Sistema OperacionalVisão Geral: Estruturas do Sistema Operacional
Visão Geral: Estruturas do Sistema OperacionalAlexandre Duarte
 
Sistemas operacionais
Sistemas operacionaisSistemas operacionais
Sistemas operacionaisvini_campos
 
Sistemas Operacionais - Aula 6 - Estrutura do Sistema Operacional
Sistemas Operacionais - Aula 6 - Estrutura do Sistema OperacionalSistemas Operacionais - Aula 6 - Estrutura do Sistema Operacional
Sistemas Operacionais - Aula 6 - Estrutura do Sistema OperacionalCharles Fortes
 

Mais procurados (20)

Introdução a Sistemas Operacionais
Introdução a Sistemas OperacionaisIntrodução a Sistemas Operacionais
Introdução a Sistemas Operacionais
 
Tipos de Sistema operacional
Tipos de Sistema operacionalTipos de Sistema operacional
Tipos de Sistema operacional
 
Sistemas Operacionais
Sistemas OperacionaisSistemas Operacionais
Sistemas Operacionais
 
Sistemas Operativos (Operating Systems)
Sistemas Operativos (Operating Systems)Sistemas Operativos (Operating Systems)
Sistemas Operativos (Operating Systems)
 
Sistemas operacionais
Sistemas operacionaisSistemas operacionais
Sistemas operacionais
 
Sistemas operacionais e aplicativos
Sistemas operacionais e aplicativosSistemas operacionais e aplicativos
Sistemas operacionais e aplicativos
 
Sistema operacional introdução
Sistema operacional introduçãoSistema operacional introdução
Sistema operacional introdução
 
Tipos de Sistemas Operacionais
Tipos de Sistemas OperacionaisTipos de Sistemas Operacionais
Tipos de Sistemas Operacionais
 
Evolução dos sistemas operativos
Evolução dos sistemas operativosEvolução dos sistemas operativos
Evolução dos sistemas operativos
 
Estruturas de Sistemas Operacionais
Estruturas de Sistemas OperacionaisEstruturas de Sistemas Operacionais
Estruturas de Sistemas Operacionais
 
Classificação – sistemas operativos
Classificação – sistemas operativosClassificação – sistemas operativos
Classificação – sistemas operativos
 
Sistemas Operacionais e Mercado de Trabalho
Sistemas Operacionais e Mercado de TrabalhoSistemas Operacionais e Mercado de Trabalho
Sistemas Operacionais e Mercado de Trabalho
 
SO - Aula 05 - Concorrencia
SO - Aula 05 - ConcorrenciaSO - Aula 05 - Concorrencia
SO - Aula 05 - Concorrencia
 
Sistemas operacionais aula 01
Sistemas operacionais   aula 01Sistemas operacionais   aula 01
Sistemas operacionais aula 01
 
Sistemas Operacionais - Aula 2 - Visão Geral de Sistemas Operacionais
Sistemas Operacionais - Aula 2 - Visão Geral de Sistemas OperacionaisSistemas Operacionais - Aula 2 - Visão Geral de Sistemas Operacionais
Sistemas Operacionais - Aula 2 - Visão Geral de Sistemas Operacionais
 
Questoesde fso
Questoesde fsoQuestoesde fso
Questoesde fso
 
Noções básicas de Sistemas Operacionais
Noções básicas de Sistemas OperacionaisNoções básicas de Sistemas Operacionais
Noções básicas de Sistemas Operacionais
 
Visão Geral: Estruturas do Sistema Operacional
Visão Geral: Estruturas do Sistema OperacionalVisão Geral: Estruturas do Sistema Operacional
Visão Geral: Estruturas do Sistema Operacional
 
Sistemas operacionais
Sistemas operacionaisSistemas operacionais
Sistemas operacionais
 
Sistemas Operacionais - Aula 6 - Estrutura do Sistema Operacional
Sistemas Operacionais - Aula 6 - Estrutura do Sistema OperacionalSistemas Operacionais - Aula 6 - Estrutura do Sistema Operacional
Sistemas Operacionais - Aula 6 - Estrutura do Sistema Operacional
 

Destaque

CED@SPY PINHEIROS - AULA 01 - SISTEMAS OPERACIONAIS - T3602B
CED@SPY PINHEIROS - AULA 01 - SISTEMAS OPERACIONAIS - T3602BCED@SPY PINHEIROS - AULA 01 - SISTEMAS OPERACIONAIS - T3602B
CED@SPY PINHEIROS - AULA 01 - SISTEMAS OPERACIONAIS - T3602BAlexandre Da Silva Azevedo
 
Sistema Operacional
Sistema OperacionalSistema Operacional
Sistema Operacionalprofleodin
 
Sistemas Operacionais aula 01
Sistemas Operacionais aula 01Sistemas Operacionais aula 01
Sistemas Operacionais aula 01Diego Rodrigues
 
2009 1 - sistemas operacionais - aula 1 - introducao aos sistemas operacionais
2009 1 - sistemas operacionais - aula 1 - introducao aos sistemas operacionais2009 1 - sistemas operacionais - aula 1 - introducao aos sistemas operacionais
2009 1 - sistemas operacionais - aula 1 - introducao aos sistemas operacionaisComputação Depressão
 
ApresentaçãO2 Sistema Operacional
ApresentaçãO2  Sistema OperacionalApresentaçãO2  Sistema Operacional
ApresentaçãO2 Sistema OperacionalCláudia Costa
 
Aula 01 - Sistemas Operacionais - Conceitos Básicos
Aula 01 - Sistemas Operacionais - Conceitos BásicosAula 01 - Sistemas Operacionais - Conceitos Básicos
Aula 01 - Sistemas Operacionais - Conceitos BásicosMauro Duarte
 
Evolução do Computadores
Evolução do ComputadoresEvolução do Computadores
Evolução do ComputadoresSandra120593
 
Fundamentos de Sistemas Operacionais - Aula 1 - Introdução à disciplina
Fundamentos de Sistemas Operacionais - Aula 1 - Introdução à disciplinaFundamentos de Sistemas Operacionais - Aula 1 - Introdução à disciplina
Fundamentos de Sistemas Operacionais - Aula 1 - Introdução à disciplinaHelder Lopes
 
Evolução dos Computadores
Evolução dos ComputadoresEvolução dos Computadores
Evolução dos ComputadoresLucky Fox
 
A Evolução dos Computadores
A Evolução dos ComputadoresA Evolução dos Computadores
A Evolução dos Computadoresplinioalmeida
 

Destaque (14)

CED@SPY PINHEIROS - AULA 01 - SISTEMAS OPERACIONAIS - T3602B
CED@SPY PINHEIROS - AULA 01 - SISTEMAS OPERACIONAIS - T3602BCED@SPY PINHEIROS - AULA 01 - SISTEMAS OPERACIONAIS - T3602B
CED@SPY PINHEIROS - AULA 01 - SISTEMAS OPERACIONAIS - T3602B
 
Sistema Operacional
Sistema OperacionalSistema Operacional
Sistema Operacional
 
Sistemas Operacionais aula 01
Sistemas Operacionais aula 01Sistemas Operacionais aula 01
Sistemas Operacionais aula 01
 
2009 1 - sistemas operacionais - aula 1 - introducao aos sistemas operacionais
2009 1 - sistemas operacionais - aula 1 - introducao aos sistemas operacionais2009 1 - sistemas operacionais - aula 1 - introducao aos sistemas operacionais
2009 1 - sistemas operacionais - aula 1 - introducao aos sistemas operacionais
 
Aula 2
Aula 2Aula 2
Aula 2
 
ApresentaçãO2 Sistema Operacional
ApresentaçãO2  Sistema OperacionalApresentaçãO2  Sistema Operacional
ApresentaçãO2 Sistema Operacional
 
Aula 1
Aula 1Aula 1
Aula 1
 
SO - Aula 01 - Introducao
SO - Aula 01 - IntroducaoSO - Aula 01 - Introducao
SO - Aula 01 - Introducao
 
Evolução dos computadores
Evolução dos computadoresEvolução dos computadores
Evolução dos computadores
 
Aula 01 - Sistemas Operacionais - Conceitos Básicos
Aula 01 - Sistemas Operacionais - Conceitos BásicosAula 01 - Sistemas Operacionais - Conceitos Básicos
Aula 01 - Sistemas Operacionais - Conceitos Básicos
 
Evolução do Computadores
Evolução do ComputadoresEvolução do Computadores
Evolução do Computadores
 
Fundamentos de Sistemas Operacionais - Aula 1 - Introdução à disciplina
Fundamentos de Sistemas Operacionais - Aula 1 - Introdução à disciplinaFundamentos de Sistemas Operacionais - Aula 1 - Introdução à disciplina
Fundamentos de Sistemas Operacionais - Aula 1 - Introdução à disciplina
 
Evolução dos Computadores
Evolução dos ComputadoresEvolução dos Computadores
Evolução dos Computadores
 
A Evolução dos Computadores
A Evolução dos ComputadoresA Evolução dos Computadores
A Evolução dos Computadores
 

Semelhante a Funcionamento e Interfaces dos Sistemas Operacionais

Infraestrutura de Software - Introdução
Infraestrutura de Software - IntroduçãoInfraestrutura de Software - Introdução
Infraestrutura de Software - IntroduçãoRodrigo Rodrigues
 
Sistemas Operativos
Sistemas OperativosSistemas Operativos
Sistemas OperativosJoseVieira75
 
Apostila de sistemas operacionais emi mario gurgel
Apostila de sistemas operacionais emi mario gurgelApostila de sistemas operacionais emi mario gurgel
Apostila de sistemas operacionais emi mario gurgelPablo Mariano
 
Apostila de sistemas operacionais emi mario gurgel
Apostila de sistemas operacionais emi mario gurgelApostila de sistemas operacionais emi mario gurgel
Apostila de sistemas operacionais emi mario gurgelPablo Mariano
 
Apostila de sistemas operacionais emi mario gurgel
Apostila de sistemas operacionais emi mario gurgelApostila de sistemas operacionais emi mario gurgel
Apostila de sistemas operacionais emi mario gurgelPablo Mariano
 
Apresentação Semi-Final
Apresentação Semi-FinalApresentação Semi-Final
Apresentação Semi-FinalJordan Claussen
 
resumo-conceitos-de-sistemas-operacionais.pdf
resumo-conceitos-de-sistemas-operacionais.pdfresumo-conceitos-de-sistemas-operacionais.pdf
resumo-conceitos-de-sistemas-operacionais.pdfRafaelPilan1
 
TA1 Slides Acessibilidade - Preto e Branco.pdf
TA1 Slides Acessibilidade - Preto e Branco.pdfTA1 Slides Acessibilidade - Preto e Branco.pdf
TA1 Slides Acessibilidade - Preto e Branco.pdfSandroPolizelLaurent
 
Introdução a computação e suas aplicações seminário
Introdução a computação e suas aplicações seminárioIntrodução a computação e suas aplicações seminário
Introdução a computação e suas aplicações seminárioRobson Ferreira
 
Introducao a Sistemas Operacionais
Introducao a Sistemas OperacionaisIntroducao a Sistemas Operacionais
Introducao a Sistemas OperacionaisIsaac Vieira
 
Sistemas Operacionais aula 02
Sistemas Operacionais  aula 02 Sistemas Operacionais  aula 02
Sistemas Operacionais aula 02 Diego Rodrigues
 
M1_Sistemas Operativos.pptx
M1_Sistemas Operativos.pptxM1_Sistemas Operativos.pptx
M1_Sistemas Operativos.pptxDoraestevao
 
Sistema operacional
Sistema operacionalSistema operacional
Sistema operacionalMichael Soto
 

Semelhante a Funcionamento e Interfaces dos Sistemas Operacionais (20)

Infraestrutura de Software - Introdução
Infraestrutura de Software - IntroduçãoInfraestrutura de Software - Introdução
Infraestrutura de Software - Introdução
 
Sistemas Operacionais
Sistemas OperacionaisSistemas Operacionais
Sistemas Operacionais
 
Sistemas Operativos
Sistemas OperativosSistemas Operativos
Sistemas Operativos
 
Sistema operacional
Sistema operacionalSistema operacional
Sistema operacional
 
int a informatica.pptx
int a informatica.pptxint a informatica.pptx
int a informatica.pptx
 
Apostila de sistemas operacionais emi mario gurgel
Apostila de sistemas operacionais emi mario gurgelApostila de sistemas operacionais emi mario gurgel
Apostila de sistemas operacionais emi mario gurgel
 
Apostila de sistemas operacionais emi mario gurgel
Apostila de sistemas operacionais emi mario gurgelApostila de sistemas operacionais emi mario gurgel
Apostila de sistemas operacionais emi mario gurgel
 
Apostila de sistemas operacionais emi mario gurgel
Apostila de sistemas operacionais emi mario gurgelApostila de sistemas operacionais emi mario gurgel
Apostila de sistemas operacionais emi mario gurgel
 
Apresentação Semi-Final
Apresentação Semi-FinalApresentação Semi-Final
Apresentação Semi-Final
 
Sistemas Operativos
Sistemas OperativosSistemas Operativos
Sistemas Operativos
 
resumo-conceitos-de-sistemas-operacionais.pdf
resumo-conceitos-de-sistemas-operacionais.pdfresumo-conceitos-de-sistemas-operacionais.pdf
resumo-conceitos-de-sistemas-operacionais.pdf
 
TA1 Slides Acessibilidade - Preto e Branco.pdf
TA1 Slides Acessibilidade - Preto e Branco.pdfTA1 Slides Acessibilidade - Preto e Branco.pdf
TA1 Slides Acessibilidade - Preto e Branco.pdf
 
Introdução a computação e suas aplicações seminário
Introdução a computação e suas aplicações seminárioIntrodução a computação e suas aplicações seminário
Introdução a computação e suas aplicações seminário
 
02 04 2012__15_10_03resp_exercicios_sistema_operacional
02 04 2012__15_10_03resp_exercicios_sistema_operacional02 04 2012__15_10_03resp_exercicios_sistema_operacional
02 04 2012__15_10_03resp_exercicios_sistema_operacional
 
Introducao a Sistemas Operacionais
Introducao a Sistemas OperacionaisIntroducao a Sistemas Operacionais
Introducao a Sistemas Operacionais
 
Sistemas Operacionais aula 02
Sistemas Operacionais  aula 02 Sistemas Operacionais  aula 02
Sistemas Operacionais aula 02
 
M1_Sistemas Operativos.pptx
M1_Sistemas Operativos.pptxM1_Sistemas Operativos.pptx
M1_Sistemas Operativos.pptx
 
Sistema
SistemaSistema
Sistema
 
So cap01
So cap01So cap01
So cap01
 
Sistema operacional
Sistema operacionalSistema operacional
Sistema operacional
 

Funcionamento e Interfaces dos Sistemas Operacionais

  • 2. Sistemas Operacionais Funcionamento Básico Em situações normais, sem um sistema operacional um usuário não consegue utilizar o computador. Em alguns casos, computadores possuem instruções gravadas nos processadores que permitem realizar funções básicas.
  • 3. Sistemas Operacionais Funcionamento Básico Em alguns dos primeiros computadores, além de instruções básicas gravadas no hardware, vinha uma versão da linguagem de programação Basic, permitindo elaborar pequenos programas.
  • 4. Sistemas Operacionais Funcionamento Básico  Na verdade, todo o software atuaria como um minisistema operacional mas isso poderia trazer problemas de organização do espaço e dos arquivos nos disquetes e discos rígidos.  Um programa poderia não respeitar arquivos gravados por outros programas e haver sobreposição de arquivos ou eliminação.
  • 5. Sistemas Operacionais Funcionamento Básico  Para um programa acessar diretamente o hardware teria suas próprias funções o que o tornaria maior e mais complexo.  A utilização de um SO simplifica o funcionamento de um programa e por consequência, sua utilização e desenvolvimento.
  • 6. Sistemas Operacionais Funcionamento Básico  Um Sistema Operacional funciona como um grande administrador do hardware, indicando como os arquivos devem ser gravados num disco rígido, por exemplo.
  • 7. Interpretador de comandos e Interface gráficas  Para que um usuário possa efetuar suas tarefas no micro e nos dispositivos de armazenamento de dados é necessário que, além do SO, exista um programa chamado interpretador de comandos ou shell.  Usuários acostumados com o MS-DOS: o interpretador de comandos é o Command.com
  • 8. Interpretador de comandos e Interface gráficas  Os interpretadores de comandos recebem instruções pelo teclado e isso torna o uso de computadores mais difícil, pois o usuário tem que usar inúmeros comandos e instruções.  Existe uma outra possibilidade que permite clicar em figuras que simbolizam funções, comandos ou programas específicos. Esta ação é permitida pelas interfaces gráficas.
  • 9. Interpretador de comandos e Interface gráficas  Com as interfaces gráficas, não precisamos decorar extensas listas de funções e a operação atinge até um caráter lúdico e intuitivo.  As interfaces gráficas adotam conceitos de pastas, bloco de notas, agendas entre outras.
  • 10. Interpretador de comandos e Interface gráficas Para interagir diretamente com o SO é necessário utilizar um interpretador de comandos ou uma interface gráfica.
  • 11. Interagindo com o Sistema Operacional  Outra forma para que o usuário interaja com o SO é através dos Softwares.  Requisitando serviços disponibilizados pelo sistema operacional através de software:  A abertura de um arquivo  Envio de material para impressão  Solicitação de apresentação de informações no vídeo
  • 12. Interagindo com o Sistema Operacional  De maneira restrita e para funções específicas utilizamos software ao invés do interpretador de comandos. Camada intermediária entre o SO e o usuário
  • 13. Interagindo com o Sistema Operacional
  • 14. Multitarefa e suas variações  A característica que diferencia os sistemas operacionais é a capacidade de execução de diversos programas ao mesmo tempo  Alguns sistemas permitem que apenas um programa seja executado de cada vez  Os sistemas que permitem a execução de mais de um programa ao mesmo tempo é chamado de multitarefa
  • 15. Multitarefa O que ocorre em sistemas multitarefa:  Procedimentos concorrem quanto à utilização da capacidade de processamento do hardware  É necessário definir e gerenciar a prioridade da cada programa quanto ao uso dos recursos
  • 16. Classificação dos sistemas  Classificação dos Sistemas quanto à capacidade de execução de uma ou mais tarefas simultaneamente  Monotarefa (não possui subdivisao) Ex: MS-DOS  Multitarefa (cooperativa ou preemptiva) Ex: Unix, Windows, Linux, OS/400
  • 17. Classificação dos sistemas  Multitarefa  Cooperativa O SO define para cada programa uma parcela do tempo em que ele terá a atenção do sistema operacional e do hardware. Obs: todos os programas contam com a mesma quantidade de tempo que tem dedicação exclusiva do SO e do hardware e se um programa travar, o sistema não pode alternar para outros aplicativos causando uma falha geral do sistema. O Windows até a versão 3.1 trabalhava assim.
  • 18. Classificação dos sistemas  Multitarefa  Preemptiva O sistema define prioridades conforme a necessidade momentânea de cada programa. Obs: Gerenciamento mais eficiente do hardware disponível e ao estabelecer prioridades em função das necessidades de cada programa, os recursos são otimizados. Quando um programa trava, o SO o bloqueia evitando que outros programas sejam afetados.
  • 19. Classificação dos sistemas  Quanto à capacidade de executar simultaneamente diversos programas ou tarefas solicitadas por diferentes usuários:  monousuário Em rede, pode fornecer programas para vários usuários atuando como servidor entretanto os programas serão executados no equipamentos dos clientes e não na máquina servidora.
  • 20. Classificação dos sistemas  Quanto à capacidade de executar simultaneamente diversos programas ou tarefas solicitadas por diferentes usuários:  multiusuário O sistema atende a diversos clientes e apresenta a possibilidade de executar os programas no próprio servidor em vez de efetuar nas estações dos clientes.
  • 21. Processo de Boot Visão geral  Antes de ligar o micro: Coleção de placas de metal, plástico, linhas metálicas e pedacinhos de silício  Pressionado o Botão Ligar: Um conjunto de eventos traz vida à algo que parecia estar morto; O PC verifica quais partes estão instaladas e funcionando.
  • 22. Processo de Boot Visão geral  O PC recém acordado adquire inteligência através de educação baseada em softwares.  Nem todos os micros têm que renascer cada vez que são ligados e alguns exemplos são:  Calculadoras  Ignição eletrônica de um carro  Temporizador de microondas (computadores programados para realizar uma só tarefa)
  • 23. Processo de Boot Visão geral Cada vez que você liga seu PC, ele é capaz de fazer qualquer coisa que sua criatividade mandar. Outros instrumentos...