Preconceito, discriminação, exclusão, desinformação

151 visualizações

Publicada em

Uma breve análise sobre as questões de gênero, sexualidade e identidade.

Publicada em: Direito
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
151
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Preconceito, discriminação, exclusão, desinformação

  1. 1. Preconceito, discriminação, exclusão, desinformação. Precisamos reconhecer que não há mais espaço nos dias de hoje, para a repetição e manutenção de atitudes preconceituosas e que, o não enfrentamento destas questões afetam toda a sociedade. Como educadores, é fundamental o entendimento, bem como, a prática em função de igualdade e liberdade.
  2. 2. Sexualidade juvenil, direitos e diversidade sexual As experiências dos jovens relativas à sexualidade são modeladas em meio a vivências sociais comuns, como influência das identidades juvenis difundidas nas sociedades modernas, e de outras que são específicas determinando grupo de pertença. Estas últimas podem ou não estar baseadas em um grupo familiar (nuclear ou extenso), em aldeia ou bairro, em um coletivo político- ora moral, ora étnico/racial, militante de variadas causas- ou, ainda, em uma comunidade religiosa. Isto significa que as pessoas de uma mesma geração são afetadas por valores, fatos, situações que marcam uma determinada época...
  3. 3. Nas últimas décadas tem havido revisões importantes de concepções obsoletas, expressa por mudanças no campo biomédico e jurídico, político e social, no sentido de afirmar que a homo e a bissexualidade são expressões legítimas da vivência da sexualidade. As manifestações de preconceito e discriminação causam sofrimento e provocam situações de exclusão social, dentro e fora do ambiente escolar. Segundo Deborah Britzman precisamos compreender que toda identidade cultural é uma construção instável, mutável, volátil, um relação social contraditória e não finalizada.

×