TECNOLOGIAS DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃOSISTEMAS DE GESTÃO DE BASE DE DADOS – Microsoft Access TECNOLOGIAS DA INFORMAÇÃO E ...
TIC – Módulo 2SISTEMAS DE GESTÃO DE BASE DE DADOS  Conceitos Básicos  Necessidade das base de dados     Permite guardar da...
TIC – Módulo 2SISTEMAS DE GESTÃO DE BASE DE DADOS  Conceitos Básicos  Tabelas, Registos e Campos      Uma estrutura deste ...
TIC – Módulo 2SISTEMAS DE GESTÃO DE BASE DE DADOS  Conceitos Básicos  Dados e Informação                             Dados...
TIC – Módulo 2SISTEMAS DE GESTÃO DE BASE DE DADOS  Conceitos Básicos  Dados e Informação      EXEMPLO     A frase: “O João...
TIC – Módulo 2SISTEMAS DE GESTÃO DE BASE DE DADOS  Conceitos Básicos  Sistemas de Gestão de Base de Dados (SGBD)      Soft...
TIC – Módulo 2SISTEMAS DE GESTÃO DE BASE DE DADOS  Conceitos Básicos  Características de um SGBD         Independência dos...
TIC – Módulo 2SISTEMAS DE GESTÃO DE BASE DE DADOS  Conceitos Básicos   Camadas de abstracção          Um SGBD permite que ...
TIC – Módulo 2SISTEMAS DE GESTÃO DE BASE DE DADOS  Conceitos Básicos  Ciclo de vida de uma base de dados       Este modelo...
TIC – Módulo 2SISTEMAS DE GESTÃO DE BASE DE DADOS  Conceitos Básicos  Ciclo de vida de uma base de dados    5. Desenho fís...
TIC – Módulo 2SISTEMAS DE GESTÃO DE BASE DE DADOS  Conceitos Básicos  Modelos de Base de Dados      Modelo conceptual de d...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Apresentacao1 base de_dados

212 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
212
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apresentacao1 base de_dados

  1. 1. TECNOLOGIAS DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃOSISTEMAS DE GESTÃO DE BASE DE DADOS – Microsoft Access TECNOLOGIAS DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO SISTEMAS DE GESTÃO DE BASE DE DADOS CONCEITOS BÁSICOS 1
  2. 2. TIC – Módulo 2SISTEMAS DE GESTÃO DE BASE DE DADOS Conceitos Básicos Necessidade das base de dados Permite guardar dados dos mais variados tipos; Permite um rápido e fácil acesso aos dados; Acelera os processos de manuseamento da informação, como, por exemplo, consultas ou alterações de dados; Economiza toneladas de papel.TIC – Módulo 2SISTEMAS DE GESTÃO DE BASE DE DADOS Conceitos Básicos Tabelas, Registos e Campos Um objecto fundamental quando estamos perante um sistema informático é uma Tabela. Uma Tabela encontra-se estruturada em linhas e colunas. As linhas são designadas por Registos e as colunas por Campos. Cada um dos registos (linhas) contém apenas os dados de um elemento, organizados em campos (colunas). 2
  3. 3. TIC – Módulo 2SISTEMAS DE GESTÃO DE BASE DE DADOS Conceitos Básicos Tabelas, Registos e Campos Uma estrutura deste género facilita eventuais alterações aos dados da lista de contactos, já que, para cada pessoa, todos os dados estão inseridos na mesma linha. Todas as operações de manutenção dos dados de uma Tabela são realizadas individualmente para cada um dos Registos. Isto é, se for necessário alterar algum dado num determinado contacto (pessoa), acedemos directamente ao Registo em causa e efectuamos essa alteração no respectivo Campo.TIC – Módulo 2SISTEMAS DE GESTÃO DE BASE DE DADOS Conceitos Básicos Ficheiro de base de dados (Único ficheiro VS Colecção de ficheiros) Único ficheiro físico, como é o caso de uma base de dados em Access; Colecção de ficheiros físicos geridos por um Sistema de Gestão de Bases de Dados, como é o caso de outras aplicações de base de dados. Independentemente da base de dados ser um único ficheiro ou uma colecção de ficheiros físicos, os objectos são todos tratados da mesma forma. Normalmente, quando estamos a usar o Access como SGBD, e como se trata de um único ficheiro físico, é comum designarmos esse ficheiro por “documento” do Microsoft Access. 3
  4. 4. TIC – Módulo 2SISTEMAS DE GESTÃO DE BASE DE DADOS Conceitos Básicos Dados e Informação Dados = Informação Dados Os Dados são os elementos isolados, significativos, rigorosos e relevantes. Podem ser vistos como a matéria-prima necessária para um determinado processamento. Informação Podemos entender Informação como um conjunto de dados, organizados e sujeitos a um tratamento, tornando assim possível a sua utilização num determinado contexto. Os dados não têm qualquer valor e só se transformam em informação quando relacionados.TIC – Módulo 2SISTEMAS DE GESTÃO DE BASE DE DADOS Conceitos Básicos Dados e Informação EXEMPLO Exemplo prático: “O João comprou 2 canetas” O que é informação e o que são dados? 4
  5. 5. TIC – Módulo 2SISTEMAS DE GESTÃO DE BASE DE DADOS Conceitos Básicos Dados e Informação EXEMPLO A frase: “O João comprou 2 canetas” é informação. Os dados que permitiram criar essa informação são: “João”, “comprou”, “2” e “canetas”.TIC – Módulo 2SISTEMAS DE GESTÃO DE BASE DE DADOS Conceitos Básicos Dados e Informação Uma informação actual e correcta só é possível se os seus dados estiverem actualizados e forem precisos. De outra forma, a nossa informação não será útil. Mas, para que isto possa acontecer, existem algumas condições que os dados devem garantir: Actualidade; Correcção; Relevância; Disponibilidade; Legibilidade. 5
  6. 6. TIC – Módulo 2SISTEMAS DE GESTÃO DE BASE DE DADOS Conceitos Básicos Sistemas de Gestão de Base de Dados (SGBD) Software que disponibiliza todos os serviços básicos, como a criação, o acesso e a manutenção da informação numa base de dados. As base de dados são um conjunto de dados estruturados e manipulados através de um SGBD. Capacidade de processar grandes quantidades de informação, tais como: Sistemas de armazenamento de operações bancárias; Base de dados empresariais com vários tipos de informação (ex.: vendas, funcionários, clientes, fornecedores, facturação); Sistemas de reservas de companhias de aviação; Sistemas de companhias de seguros.TIC – Módulo 2SISTEMAS DE GESTÃO DE BASE DE DADOS Conceitos Básicos Exemplos de SGBD Dividem-se em dois grandes grupos: Grande porte Exemplos: ORACLE, Microsoft SQL Server, Ingres, Informix e DB2; Uso pessoal (doméstico) e ou de pequenas empresas. Exemplos: MySQL, Dbase, FoxPro, FileMaker e o Microsoft Access. 6
  7. 7. TIC – Módulo 2SISTEMAS DE GESTÃO DE BASE DE DADOS Conceitos Básicos Características de um SGBD Independência dos dados; Redundância controlada; Integridade dos dados; Abstracção dos dados; Acesso simultâneo aos dados; Facilidade de obtenção de informação actualizada; Diferentes vistas da base de dados.TIC – Módulo 2SISTEMAS DE GESTÃO DE BASE DE DADOS Um SGBD tem de garantir: segurança – deve proteger a BD de utilizadores não autorizados; integridade dos dados – proteger a BD de utilizadores autorizados, evitando que estes executem tarefas que ponham em risco a integridade da informação (não permitindo, por exemplo, que se apaguem dados de um sítio que são necessários noutro sítio da BD); controlo e acesso dos utilizadores aos dados – num sistema com muitos utilizadores, a partilha de dados tem de ser feita de modo que cada utilizador a use como se estivesse sozinho; recuperação/tolerância a falhas – sempre que ocorram falhas, por exemplo do disco, de hardware ou de software, o SGBD tem de reconstruir a BD até ao momento em que ocorreu a falha. 7
  8. 8. TIC – Módulo 2SISTEMAS DE GESTÃO DE BASE DE DADOS Conceitos Básicos Camadas de abstracção Um SGBD permite que cada utilizador tenha uma vista diferente (abstracta) do conteúdo da base de dados; Cada utilizador necessita de ter acesso a diferentes perspectivas da base de dados (exemplo: Director Comercial, Dep. Compras); As estruturas de dados contêm um certo nível de complexidade, podendo não ser bem entendidas pelos utilizadores menos habilitados; Como as vistas não arquivam nenhum dado, reflectem automaticamente qualquer mudança efectuada na camada básica dos dados. Isto é possível devido à abstracção das camadas.TIC – Módulo 2SISTEMAS DE GESTÃO DE BASE DE DADOS Conceitos Básicos Definição de base de dados Sistema de armazenamento de dados relacionados entre si, de uma forma permanente, num sistema informático, com te redundância controlada, acessíveis a um grupo de utilizadores an po rt e estruturado sob a forma de ficheiros de dados ou tabelas. Im Podemos entender dados como factos conhecidos que podem ser armazenados e que possuem um significado implícito; Uma base de dados é uma colecção lógica e coerente de dados, com um significado inerente; Uma base de dados é planeada, construída e actualizada com dados que representam aspectos do mundo real, como se de um “pequeno mundo” se tratasse. 8
  9. 9. TIC – Módulo 2SISTEMAS DE GESTÃO DE BASE DE DADOS Conceitos Básicos Ciclo de vida de uma base de dados Este modelo do ciclo de vida de uma base de dados é constituído por 8 fases; Apenas podemos passar para a fase seguinte depois da anterior estar concluída; Por vezes, surge a necessidade de retroceder à fase anterior, para realizar determinados ajustes.TIC – Módulo 2SISTEMAS DE GESTÃO DE BASE DE DADOS Conceitos Básicos Ciclo de vida de uma base de dados 1. Planeamento Levantamento das necessidades, organizar e planear. 2. Recolha de requisitos Elaboração de um documento com os objectivos que o projecto visa atingir. 3. Desenho conceptual Desenho de todos os modos de vista externos da aplicação e da base de dados. O aspecto dos formulários, relatórios, ecrãs de entrada de dados, etc. 4. Desenho lógico A partir do desenho conceptual cria-se o desenho lógico da aplicação e da base de dados. 9
  10. 10. TIC – Módulo 2SISTEMAS DE GESTÃO DE BASE DE DADOS Conceitos Básicos Ciclo de vida de uma base de dados 5. Desenho físico Durante a fase de desenho físico, o desenho lógico é mapeado ou convertido para os sistemas de software que serão usados na implementação da aplicação e da base de dados. 6. Construção As unidades de programação são promovidas para um sistema de ambiente de teste, onde toda a aplicação e base de dados é montada e testada. 7. Implementação Instalação e colocação em funcionamento da nova aplicação e base de dados. 8. Manutenção Resolver quaisquer situações de anomalias ou erros, normalmente designados “bugs”, quer ao nível da aplicação, quer ao nível da base de dados.TIC – Módulo 2SISTEMAS DE GESTÃO DE BASE DE DADOS Conceitos Básicos Modelos de Base de Dados Conjunto de conceitos que podem ser utilizados para descrever e representar a estrutura lógica e física da base de dados; A estrutura de uma base de dados pode ser entendida como toda a descrição dos dados, dos relacionamentos entre eles e das restrições de consistência e integridade; Estes modelos encontram-se divididos em dois grupos, os modelos conceptuais (ou baseados em objectos) e os modelos de implementação (ou baseados em registos). 10
  11. 11. TIC – Módulo 2SISTEMAS DE GESTÃO DE BASE DE DADOS Conceitos Básicos Modelos de Base de Dados Modelo conceptual de dados Fundamental para o desenvolvimento de qualquer base de dados; É apenas um modelo lógico, o que traduz a abstracção da realidade; Fornece uma visão aproximada de como os utilizadores realmente visualizam os dados; Converte-se posteriormente num dos modelos de implementação de base de dados existentes. Modelos de implementação Permitem descrever a forma como os dados estão representados num SGBD; O Modelo Relacional, desenvolvido em 1970, é o mais popular e será estudado mais em pormenor. 11

×