História Regional A Guerra do Paraguai
<ul><li>As intervenções do Brasil no Uruguai  </li></ul><ul><li>A Política externa do Brasil no II Reinado  </li></ul><ul>...
<ul><li>A Guerra do Paraguai  </li></ul><ul><li>I)A invasão do MT  </li></ul><ul><li>As principais áreas a serem invadidas...
<ul><li>A guerra do Paraguai </li></ul><ul><li>Ronaldo Dantas </li></ul><ul><li>Vilma de Araújo  </li></ul><ul><li>No ano ...
<ul><li>O Brasil estava despreparado para a guerra que só consegui organizar-se seis meses depois da invasão do Mato Gross...
<ul><li>Só estes fatos históricos deveria ser forte motivo para a visitação ao parque e a sés monumentos dos heróis da Gue...
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

História Regional - A guerra do Paraguai

8.903 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
  • Seja o primeiro a comentar

História Regional - A guerra do Paraguai

  1. 1. História Regional A Guerra do Paraguai
  2. 2. <ul><li>As intervenções do Brasil no Uruguai </li></ul><ul><li>A Política externa do Brasil no II Reinado </li></ul><ul><li>1ª intervenção: </li></ul><ul><li>- 1828 - Assume o poder na Argentina o nacionalista Manuel Rosas, inimigo do Brasil. </li></ul><ul><li>No Uruguai assume o poder o general Manoel Oribe do Partido Blanco. </li></ul><ul><li>O Brasil intervém no Uruguai e coloca no poder Frutuoso Rivera do Partido Colorado. </li></ul><ul><li>Em 1852 o Brasil ajuda o General Urquiza a depor Manuel Rosas. </li></ul><ul><li>Fica evidente o intervencionismo do Brasil na Bacia Platina. </li></ul><ul><li>2ª intervenção: </li></ul><ul><li>- Em 1858 o Paraguai assina com o Brasil um tratado de não intervenção do Uruguai, garantindo </li></ul><ul><li>assim o livre acesso ao mar. </li></ul><ul><li>No entanto em 1864 o Brasil interfere novamente no Uruguai em favor de Venâncio Flores que </li></ul><ul><li>depõe Atanásio Aguire. </li></ul><ul><li>Este é o motivo da Guerra do Paraguai. </li></ul>
  3. 3. <ul><li>A Guerra do Paraguai </li></ul><ul><li>I)A invasão do MT </li></ul><ul><li>As principais áreas a serem invadidas pelos paraguaios foram áreas do atual MS. </li></ul><ul><li>-Forte Coimbra - Nioaque -Colônia Militar de Dourados </li></ul><ul><li>-Corumbá - Bela Vista </li></ul><ul><li>II)Principais fatos: </li></ul><ul><li>1)A Invasão do Forte Coimbra e Corumbá </li></ul><ul><li>2)A Resistência de Antônio João </li></ul><ul><li>&quot;Sei que morro, mas o meu sangue e de meus companheiros servirão de protesto solene a invasão do solo de minha pátria&quot; </li></ul><ul><li>3)&quot;A Retirada da Laguna&quot; </li></ul><ul><li>III)Fim da Guerra: </li></ul><ul><li>&quot;Genocídio Americano&quot; </li></ul><ul><li>- Destruição do Paraguai; </li></ul><ul><li>- Endividamento do Brasil; </li></ul><ul><li>- Vitória da Inglaterra. </li></ul>
  4. 4. <ul><li>A guerra do Paraguai </li></ul><ul><li>Ronaldo Dantas </li></ul><ul><li>Vilma de Araújo </li></ul><ul><li>No ano de 1864 o Brasil foi invadido pelos Paraguaios que já algum tempo,reclamavam para si uma parte do oeste do atual Mato Grosso do Sul,para tomar esta área,cinco vapores avançaram pelo Rio Paraguai com 4,2 mil homens, um quarto deles da cavalaria e outros 3,5 mil foram por terra, rumo ao município de Miranda e para perto de onde hoje está a cidade de Campo Grande. </li></ul><ul><li>No entanto , o rio Paraguai era o único caminho para Cuiabá mesmo para brasileiros e os paraguaios , pois não havia estradas. Os paraguaios bloquearam esse caminho e umas das primeiras conseqüência da guerra foi tornar a capital de Mato Grosso incomunicável com a sede do Império,o que não desagradou imensamente o imperador. </li></ul><ul><li>O Brasil e o Paraguai já vinham se estranhado feio desde que o ditador Solano Lópes,mandou apreende o navio brasileiro Marquês de Olinda e em seguida invadiram a região sul de Corumbá próximo ao forte Coimbra que pouco pode fazer para defender o país,pois os paraguaios contavam com um grande números de soldados e o Brasil com apenas 115 homens que resistiram por dois dias,até a munição acabar e bater em retirada para a cidade de Corumbá, apesar de na cidade estarem bem mais armados do que no forte,o coronel Carlos Augusto de Oliveira,não quis saber de combate,mandou a população evacuar. E com um vapor lotado ,fugiu para Cuiabá,dias depois a esquadra paraguaia fez todos prisioneiros. </li></ul><ul><li>“ A entrada do exercito paraguaio no Mato Grosso pareceu mais um treino militar do que uma invasão.” </li></ul><ul><li>O principal objetivo dos paraguaios era firmar sua força no rio da Prata,o país estava muito longe da igualdade econômico para as sua população pois 90% das terras paraguaias eram controladas pelo governo em regime de semi-escravidão. </li></ul><ul><li>A independência paraguaia foi em 1811,mas seus vizinhos só reconheceram três décadas depois,invadir o sul do Brasil era garantir a soberania paraguaia,além de claro garantir e assegurar a navegação pelo rio Paraná,a ligação paraguaia com o mar. Solano Lopes em 1865 invade a Argentina acreditando na neutralidade do país, o que não aconteceu,a saída foi declarar guerra também aos argentinos. </li></ul><ul><li>Em seguida rumaram para o Uruguai apoiar o presidente Berro,contra a invasão brasileira,o que era uma afronta a soberania da América Latina e ao Paraguai que se sentia sua independência ameaçada pelo Brasil,mas muito desorganizados. </li></ul>
  5. 5. <ul><li>O Brasil estava despreparado para a guerra que só consegui organizar-se seis meses depois da invasão do Mato Grosso ,pior na época,o exercito estava bem longe de ter a ordem de hoje,”prestar o serviço militar era quase um castigo.” </li></ul><ul><li>Somente no dia 10 de abril de 1865 cerca de 700 soldados saíram de São Paulo e recuperaram o Mato Grosso,em dezembro de 1865 –um ano depois da invasão paraguaia,atravessaram o pantanal,decidiram invadir a fazenda Laguna de Solano Lopes,onde foram duramente alvejados. Havia algo em torno de 800brasileiros,e só uma baixa do lado paraguaio,esse é o famoso episodio da Retirada da Laguna. De olho no domínio comercial na região,a Inglaterra até tentou evitar o conflito por conta que isso prejudicaria o seu comércio,mas acabou concedendo empréstimo para o Brasil prosseguir com a guerra. </li></ul><ul><li>A defesa da fronteira no centro-oeste contou com um aliado especial os índios guaicurus,famosos por lutar em cima de cavalos,os guaicurus eram considerados invencíveis,nunca perderam para os europeus quando defenderam seu território, o pantanal... </li></ul><ul><li>Quando o Paraguaios invadiram o Mato Grosso,os índios guaicurus tentaram expulsa-vos,com pequenos ataques,os índios soldados guaicurus ajudaram o exército brasileiro até o fim ,pegaram até em espingardas e canhões,na luta contra as tropas de Solano Lópes. Os escravos negros também foram usados na guerra com a falsa promessa de liberdade aos que sobrevivessem a guerra,que era quase impossível,sendo que o próprio exercito regular não tinha armas suficientes,sendo que a abolição da escravatura ocorrerá em 1888. </li></ul><ul><li>Uma das maiores diversões dos sul-mato-grossenses é fazer turismo de compras em Pedro Juan Caballero,no lado Paraguai,para adquirir produtos importados. Mas a região tem também muita história espalhado por toda a região. </li></ul><ul><li>A 40 km de Ponta Porá no lado Paraguaio está o Parque Nacional de Cerro Corá ,uma das áreas naturais mais importantes da história da guerra da tríplicie Aliança(1864-1870). Além das belezas naturais da região o parque guarda monumentos em homenagem aos heróis da guerra,nesta região nasce o Rio Aquidaban Niqui afluente do Rio Paraguai,em que o General Francisco Solano Lopes foi assassinado pelo Cabo brasileiro Francisco Lacerda, o Chico Diabo,no dia 1° de março de 1970,em Cerro Corra nordeste do Paraguaio. Prevendo a fuga,2,6 mil brasileiros atacaram os cerca de 200 inimigos com um efetivo pequeno na frente do acampamento,concentrando as forças na retaguarda,quando tentava fugir a cavalo,Lópes foi atingido por uma lança de Chico Diabo,logo depois,levou um tiro de fuzil e morreu ali mesmo,este fato marca o fim do sangrento conflito. </li></ul>
  6. 6. <ul><li>Só estes fatos históricos deveria ser forte motivo para a visitação ao parque e a sés monumentos dos heróis da Guerra,(mas a compra de produtos importados),conhecer a História da Guerra com o Paraguaio e conhecer a nossa própria História. </li></ul>

×