Apresentação
IMPRESSORAS /
SCANNER
Por: Daniel Fernandes
808 - C
O que é uma impressora?
• PERIFÉRICO
• FUNÇÃO DE DISPOSITIVO DE SAÍDA
• IMPRIME TEXTOS , GRÁFICOS E OUTRAS APLICAÇÕES
Herd...
Matricial
Criada em 1987
Por Marcel Malczewski e Wolney Betiol.
É um tipo de impressora de impacto, cuja cabeça é composta...
Matricial
Embora já sejam consideradas antigas, ainda encontram uso em aplicações, tais
como:
Impressão de documentos fisc...
Jato de tinta
Essas impressoras imprimem através de um cartucho de tinta que vai de 3 à 30 ml.
Algumas têm uma ótima quali...
Jato de tinta
Cartucho
Laser
• Raio laser modulado para impressão
• Envia a informação para um tambor através do laser
• Funcionamento semelhante...
Laser
Funcionamento
Plotter
Um plotter é uma impressora destinada a imprimir
desenhos em grandes dimensões, com elevada qualidade
e rigor, com...
Plotter
Plotter
Essas impressoras podem usar diversos suportes como papel
comum, fotográfico, Película, Vegetal, auto-adesivos, lo...
3D
3D
• Impressão 3D, também conhecida como prototipagem
rápida, é uma forma de tecnologia de fabricação
aditiva onde um mode...
3D
3D
MATERIAL:
• P.L.A
• ABS
De acordo com o site da MakerBot, um quilograma de filamento de plástico ABS ou
PLA para a impr...
SCANNER
• PERIFÉRICO DE ENTRADA.
• DIGITALIZA: TEXTOS E IMAGENS IMPRESSOS PARA O COMPUTADOR.
• REALIZA UMA VARREDURA NA IM...
SCANNER
SCANNER DE MESA
SCANNER
SCANNER DE MÃO
No - Break / Fontes
Por: João M. Galvão
No-Break
• Um no-break ou UPS (Fonte
de Energia Ininterrupta, na
sigla em inglês) é um
condicionador que regula a
voltagem...
Tipos
Existem, basicamente, três modelos de nobreaks: os Stanby
(Offline), o de Linha-Interativa e o Online.
O Stanby ou O...
O de Linha-Interativa é similar ao primeiro
modelo, mas possui uma diferença
importante. Trata-se de uma peça chamada
regu...
Os Stanby e Linha-Interativa são os mais
comuns no mercado atualmente, sendo
indicados para PCs e equipamentos de
importân...
Fontes
• Fonte do computador é o
"transformador", que fica
dentro do gabinete, e que
reduz a voltagem, de 110
ou 220 volts...
É melhor você usar uma fonte com menos
potência, pois essa fonte de 650W consome
muita energia elétrica. Para o computador...
Obrigado pela
Atenção!
VISITE XERÉM - RJ
Apresentação impressoras fontes / Fundamentos de Hardware 03/06/2014
Apresentação impressoras fontes / Fundamentos de Hardware 03/06/2014
Apresentação impressoras fontes / Fundamentos de Hardware 03/06/2014
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Apresentação impressoras fontes / Fundamentos de Hardware 03/06/2014

700 visualizações

Publicada em

Apresentação do Curso de Informática para Internet.
Daniel Fernandes e João M. Galvão Turma: 808 - C / Prof: Nilson Dutra
Universidade Estácio de Sá / N. Iguaçu.

Publicada em: Dispositivos e hardware
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
700
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
37
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apresentação impressoras fontes / Fundamentos de Hardware 03/06/2014

  1. 1. Apresentação IMPRESSORAS / SCANNER Por: Daniel Fernandes 808 - C
  2. 2. O que é uma impressora? • PERIFÉRICO • FUNÇÃO DE DISPOSITIVO DE SAÍDA • IMPRIME TEXTOS , GRÁFICOS E OUTRAS APLICAÇÕES Herdando a tecnologia das máquinas de escrever as impressoras sofreram drásticas mutações ao longo dos tempos. Também com o evolução da computação gráfica, as impressoras foram-se especializando a cada uma das vertentes. Assim, encontram-se impressoras optimizadas para desenho vetorial e para raster, e outras optimizadas para texto. A tecnologia de impressão foi incluída em vários sistemas de comunicação, como o fax.
  3. 3. Matricial Criada em 1987 Por Marcel Malczewski e Wolney Betiol. É um tipo de impressora de impacto, cuja cabeça é composta por uma ou mais linhas verticais de agulhas, que ao colidirem com uma fita impregnada com tinta (semelhante a papel químico), imprimem um ponto por agulha. Assim, o deslocamento horizontal da cabeça impressora combinado com o acionamento de uma ou mais agulhas produz caracteres configurados como uma matriz de pontos.
  4. 4. Matricial Embora já sejam consideradas antigas, ainda encontram uso em aplicações, tais como: Impressão de documentos fiscais, devido a possibilidade de imprimir usando papel carbono; Sistemas onde é necessário manter um custo baixo; Realiza grandes volumes de impressão. Imagem ampliada de um texto impresso em impressora matricial.
  5. 5. Jato de tinta Essas impressoras imprimem através de um cartucho de tinta que vai de 3 à 30 ml. Algumas têm uma ótima qualidade de impressão quase se igualando às de Laser. São as impressoras mais utilizadas.
  6. 6. Jato de tinta Cartucho
  7. 7. Laser • Raio laser modulado para impressão • Envia a informação para um tambor através do laser • Funcionamento semelhante a fotocopiadoras Existem impressoras a laser que imprimem colorido, além da cor preta tradicional. O funcionamento baseia-se na criação de um tambor fotossensível, que por meio de um feixe de raio laser cria uma imagem eletrostática de uma página completa, que será impressa. Em seguida, é aplicada no tambor, citado acima, um pó ultrafino chamado de TONER, que adere apenas às zonas sensibilizadas. Quando o tambor passa sobre a folha de papel, o pó é transferido para sua superfície, formando as letras e imagens da página, que passa por um aquecedor chamado de FUSOR, o qual queima o Toner fixando-o na página.
  8. 8. Laser Funcionamento
  9. 9. Plotter Um plotter é uma impressora destinada a imprimir desenhos em grandes dimensões, com elevada qualidade e rigor, como por exemplo mapas cartográficos, projetos de engenharia e grafismo.
  10. 10. Plotter
  11. 11. Plotter Essas impressoras podem usar diversos suportes como papel comum, fotográfico, Película, Vegetal, auto-adesivos, lonas e tecidos especiais. O pioneiro a trabalhar com uma máquina dessas foi o empresário Lino Strambi que atua no ramo de engenharia, arquitetura e pintura e trouxe uma pequena máquina de uma viagem que fez aos EUA.
  12. 12. 3D
  13. 13. 3D • Impressão 3D, também conhecida como prototipagem rápida, é uma forma de tecnologia de fabricação aditiva onde um modelo tridimensional é criado por sucessivas camadas de material. São geralmente mais rápidas, mais poderosas e mais fáceis de se usar do que outras tecnologias de fabricação aditiva. Oferecem aos desenvolvedores de produtos a habilidade de num simples processo que imprime partes de alguns materiais com diferentes propriedades físicas e mecânicas. Tecnologias de impressão avançadas permitem imitar com precisão quase exata a aparência e funcionalidades dos protótipos dos produtos.
  14. 14. 3D
  15. 15. 3D MATERIAL: • P.L.A • ABS De acordo com o site da MakerBot, um quilograma de filamento de plástico ABS ou PLA para a impressão custa aproximadamente US$ 48, ou R$ 96. No Brasil, é possível encontrar esse mesmo filamento pela mesma faixa de preço ou um pouco mais.
  16. 16. SCANNER • PERIFÉRICO DE ENTRADA. • DIGITALIZA: TEXTOS E IMAGENS IMPRESSOS PARA O COMPUTADOR. • REALIZA UMA VARREDURA NA IMAGEM FÍSICA, ATRAVÉS DE IMPULSOS ELÉTRICOS DE UM CAPTADOR DE REFLEXO. Devido aos avanços recentes na área da fotografia digital, já começam a ser usadas câmeras digitais para capturar imagens e texto de livros.
  17. 17. SCANNER SCANNER DE MESA
  18. 18. SCANNER SCANNER DE MÃO
  19. 19. No - Break / Fontes Por: João M. Galvão
  20. 20. No-Break • Um no-break ou UPS (Fonte de Energia Ininterrupta, na sigla em inglês) é um condicionador que regula a voltagem e a pureza da energia que chega até os eletrônicos conectados a ele. Além disso, no-break também é responsável por alimentar os dispositivos, em caso de queda de luz, através de uma bateria.
  21. 21. Tipos Existem, basicamente, três modelos de nobreaks: os Stanby (Offline), o de Linha-Interativa e o Online. O Stanby ou Offline é o mais básico e barato do mercado. Este modelo confia somente na sua bateria para conter as flutuações de energia e pode ou não possuir medidas de proteção contra surtos. Normalmente, um Standby não evitará que as flutuações de voltagem diárias diminuam a vida útil do eletrônico. É recomendado mais para pequenos equipamentos de escritórios e residências.
  22. 22. O de Linha-Interativa é similar ao primeiro modelo, mas possui uma diferença importante. Trata-se de uma peça chamada regulador automático de voltagem ou AVR (sigla em inglês). Essa peça regula as flutuações de voltagem que ocorrem na rede, sejam estas para cima ou para baixo.
  23. 23. Os Stanby e Linha-Interativa são os mais comuns no mercado atualmente, sendo indicados para PCs e equipamentos de importância.
  24. 24. Fontes • Fonte do computador é o "transformador", que fica dentro do gabinete, e que reduz a voltagem, de 110 ou 220 volts, para a voltagem utilizada pelos componentes do computador (geralmente 5 volts). Não tem nada a ver com o estabilizador de voltagem, que é um outro aparelho, que fica do lado de fora do gabinete do computador.
  25. 25. É melhor você usar uma fonte com menos potência, pois essa fonte de 650W consome muita energia elétrica. Para o computador funcionar bem, basta uma fonte de 350W ou no máximo 430W, que já não é tão aconselhável para computadores modernos.
  26. 26. Obrigado pela Atenção!
  27. 27. VISITE XERÉM - RJ

×