Instrumento de controle social

172 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
172
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Instrumento de controle social

  1. 1. Instrumento de Controle Social  A lettre-de-cachet: Consistia portanto em uma forma de     regulamentar a moralidade cotidiana da vida social, uma maneira do grupo ou dos grupos, familiares, religiosos, paroquiais, regionais e locais assegurarem seu próprio policiamento e sua própria ordem. As lettre-de- cachet eram subdivididas em 3 categorias: A primeira podemos chamar de condutas de imoralidade, devassidão, adultério, etc. temos aqui a repressão moral. Em segundo lugar as lettres-de- cachet eras enviadas para sancionar condutas religiosas julgadas perigosas e dissidentes. Desta forma se prendia os feiticeiros. Em terceiro lugar era os conflitos de trabalho, quando os empregadores não estavão satisfeitos com seus aprendizes podiam descartar-los atraves destas cartas.
  2. 2. Instrumento de Controle Social  As lettre-de-cachet também poderiam ser punitivas, esta tinha como resultado a prisão do individuo. É interessante notar que a prisão não era uma pena de direito. No sistema penal do século XVII e XVIII.  Os legistas são perfeitamente claros a este respeito. Eles afirmam que, quando a lei pune alguém, a punição será a condenação à morte, a ser queimado, ser esquartejado a ser marcado, a ser banido, a pagar uma multa etc. a prisão não e punição e uma forma de controle social.
  3. 3. Instrumento de Controle Social  A prisão só se torna a grande punição no seculo XIX, essa idéia de aprisionar para corrigir, de conservar a pessoa presa até que se corrija, essa ideia paradoxal, bizarra, sem fundamento ou justificação alguma ao nível do comportamento humano tem origem precisamente nesta prática. Essa pratica de corrigir o individuo atraves da prisão não pertence ao universo do Direito, mas nasceu na teoria jurídica do crime, foi uma pratica de controle social ou em um sistema de

×