Roger Fenton

185 visualizações

Publicada em

Fotografia

Publicada em: Arte e fotografia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
185
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Roger Fenton

  1. 1. Roger Fenton 28 de março de 1819 - 8 de agosto de 1869 Trabalho realizado por : Daniela Fernandes nº6 C.56 Fotografia
  2. 2. Bibliografia Roger Fenton nasceu em Heywood (condado de Lancashire, Reino Unido). Em 1838 Fenton foi para o University College London, onde se graduaria em 1840 com uma licenciatura em arte, tendo estudado Inglês, Matemática, Literatura e Lógica. Em 1841, começou a estudar Direito, de forma esporádica, dado que não conseguiu ser advogado senão em 1847, em parte porque se tinha interessado no estudo de pintura. Quando se registou como copista no Museu do Louvre em 1844 disse que o seu mestre era o retratista e pintor de história Michel Martin Drolling Fenton visitou a Grande Exposição em Hidy park em Londres em 1851 e ficou impressionado pela fotografia que aí se mostrava. Visitou Paris, para aprender o processo de calótipo sobre papel encerado, muito provavelmente de Gustave Le Gray, o seu inventor. Em 1852 expôs fotografias em Inglaterra, e viajou a Kiev, Moscovo e São Petersburgo fazendo aí calótipos, e fotografando vistas e arquitetura em toda a Grã-Bretanha. Publicou um apelo (call) para o estabelecimento de uma sociedade fotográfica Em 1855 Fenton deslocou-se às frentes da Guerra da Crimeia para fotografar as tropas. com um ajudante de fotografia, Marcus Sparling, e um servente e um amplo equipamento. Foi um trabalho muito duro para Fenton já que devido ao calor, parte do material fotográfico se inflamava
  3. 3. Em 1855 Fenton deslocou-se às frentes da Guerra da Crimeia para fotografar as tropas. com um ajudante de fotografia, Marcus Sparling, e um servente e um amplo equipamento. Foi um trabalho muito duro para Fenton já que devido ao calor, parte do material fotográfico se inflamava Conseguiu fazer 350 negativos de grande formato. Uma exposição de 312 fotos foi depois feita em Londres. Devido ao tamanho e à natureza do equipamento fotográfico, Fenton estava limitado na sua escolha de motivos. Devido ao material não muito fotossensível da sua época, só foi capaz de produzir fotografias de objetos estáticos, na sua maior parte fotografias de pose. Mas também fotografou paisagens, incluindo uma zona perto do lugar onde foi emboscada a Brigada Ligeira no entanto, as fotografias de Fenton foram feitas no vale de nome parecido «O Vale da Sombra da Morte». Tiraram-se duas fotografias desta zona, uma com várias balas de canhão na estrada, a outra (ver figura) com uma estrada vazia. Determinou-se recentemente que a foto sem as balas de canhão foi tirada antes da outra
  4. 4. Portefolio Valley of the Shadow of Death por Roger Fenton, 1855 Campo da cavalaria britânica na época da Batalha de Balaclava (1855)
  5. 5. Roger Fenton (British, 1819–1869) The North Side Windsor Castle, 1860, photographed by Roger Fenton, courtesy The Royal
  6. 6. Roger Fenton (English - Still Life with Fruit and Decanter
  7. 7. (sem legenda) (sem legenda)
  8. 8. National Gallery of Art-All the Mighty World: The Photographs of Roger Fenton, 1852 - 1860 Roger Fenton - The Admiralty & St. Isaac's Church, St. Petersburg
  9. 9. Conclusao • Gostei deste trabalho, porque achei intressante. Gostei de algumas fotos tiradas por ele, como a da fruta e a da paisagem da cascata e outra também de uma paisagem.
  10. 10. Webgrafia http://pt.wikipedia.org/wiki/Roger_Fenton#mediaviewer/File:Valley_of_the_Shadow_of_Death.jpg http://pt.wikipedia.org/wiki/Roger_Fenton http://photographyandarchitecture.com/19th-century-architectural-photographer-roger-fenton/ http://campbellclarey-fsemblog.blogspot.pt/2011/09/roger-fenton.html

×