Corpo

976 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
976
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
9
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
21
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Corpo

  1. 1. Escola Municipal de Ensino Fundamental Américo Ribeiro Mendes. Bruna, Filipe e Luiz Corpo Humano Caxias do Sul Século xx
  2. 2. Pele camadas <ul><li>Epiderme </li></ul><ul><li>A epiderme é uma camada com profundidade diferente conforme a região do corpo. Zonas sujeitas a maior atrito como palmas das mãos e pés têm uma camada mais grossa (conhecida como pele glabra), e chegam a até 2 mm de espessura. </li></ul>
  3. 3. A epiderme é constituída por um epitélio. A queratina é uma proteína resistente e impermeável responsável pela proteção. Existem também ninhos de melanócitos (produtores de melanina, um pigmento castanho que absorve os raios UV).
  4. 4. A epiderme não possui vasos sanguíneos, porque se nela houvesse vasos ficaria mais sujeita a ser &quot;penetrada&quot; por microorganismos. A epiderme apresenta várias camadas. A origem da multiplicação celular é a camada basal.
  5. 5. Todas as outras são constituídas de células cada vez mais diferenciadas que, com o crescimento basal, vão ficando cada vez mais periféricas, acabando por descamar e cair (uma origem importante do pó que se acumula nos locais onde vivem pessoas ou outros seres vivos).
  6. 6. Uma cicatriz. Cicatrização é o nome dado ao processo de reparo, o qual se faz à custa da proliferação do tecido conjuntivo fibroso, em que o tecido preexistente fica substituído por cicatriz fibrosa. Cicatrização
  7. 8. Para muitos, o processo de cicatrização é considerado um seguimento do processo inflamatório que provocou perda de substância. Realmente, na inflamação, o reparo se faz presente desde a fase aguda. O reparo também ocorre após perda de tecido por infarto, hemorragias, por ressecção cirúrgica, etc.
  8. 9. A catarata congênita e as de desenvolvimento infanto-juvenil se apresentam do nascimento até os 10 anos de idade, são comuns e passíveis de tratamento. A catarata
  9. 11. Defeitos da visão Miopia É a condição em que os raios de luz são focalizados antes de atingirem a retina. O míope enxerga bem os objetos próximos e, quando tenta focalizar algo mais afastado, procura forçar a vista na tentativa de reduzir a distância. Por isso, para enxergar um ponto mais distante o míope aperta os olhos. A miopia mais comum é a axial, que se caracteriza pelo olho ser maior do que o normal.
  10. 13. Hipermetropia É a condição inversa à miopia, em que os raios de luz são focalizados após a retina. A hipermetropia mais comum é a axial, que se caracteriza pelo olho ser menor que o normal. O hipermétrope vê melhor os objetos distantes. Pode-se observar que quem tem este problema costuma colocar o jornal a certa distância para poder lê-lo.
  11. 15. É um defeito causado pela refração diferencial dos raios de luz. A córnea normal é um segmento perfeito, como uma esfera. A córnea de um astigmata apresenta diferentes raios em sua curvatura, em lugar de um ponto focal, existirão dois, e por isso o indivíduo não conseguirá focalizar simultaneamente num mesmo plano, tudo o que vê. Os astigmáticos geralmente queixam-se de dor de cabeça, dores constantes no globo ocular, sensação de peso e queimação nos olhos. Astigmatismo
  12. 17. Estrabismo Vesguice, como é conhecido popularmente, é a condição onde um ou ambos os olhos são desviados do eixo central. É provocado pelo enfraquecimento de um dos músculos oculares, e por algumas doenças graves. Se perceber olho torto na criança, leve-a o mais rápido possível ao oftalmologista.
  13. 19. Daltonismo É uma perturbação da visão colorida, determinada geneticamente.
  14. 21. Bexiga É o órgão humano no qual é armazenada a urina , que é produzida pelos rins . É uma víscera oca caracterizada por sua distensibilidade. Na bexiga é encontrada a uretra , o ducto que exterioriza a urina produzida pelo organismo .A capacidade média de uma Bexiga Urinária de um adulto é de 700 a 800 ml.
  15. 22. O ouvido Consiste em 3 partes básicas - o ouvido externo , o ouvido médio , e o ouvido interno . Cada parte serve para uma função específica para interpretar o som. O ouvido externo serve para coletar o som e o levar por um canal ao ouvido médio.
  16. 24. O ouvido médio serve para transformar a energia de uma onda sonora em vibrações internas da estrutura óssea da ouvido médio e finalmente transformar estas vibrações em uma onda de compressão ao ouvido interno.
  17. 25. O ouvido externo consiste da orelha e um canal de aproximadamente 2 cm. A orelha serve para proteger o ouvido médio e prevenir danos ao tímpano . A orelha também canaliza as ondas que alcançam o ouvido para o canal e o tímpano no meio do ouvido.
  18. 26. Devido ao comprimento do canal , ele é capaz de amplificar os sons com frequências de aproximadamente 3000 Hz. À medida que o som propaga através do ouvido externo, o som ainda está na forma de uma onda de pressão, que é um sequência alternada de regiões de pressões mais baixas e mais altas.
  19. 27. Somente quando o som alcança o tímpano, na separação do ouvido externo e médio, a energia da onda é convertida em vibrações na estrutura óssea do ouvido.
  20. 29. O ouvido interno serve para transformar a energia da onda de compressão dentro de um fluido em impulsos nervosos que podem ser transmitidos ao cérebro. As três partes do ouvido podem ser vistas abaixo.
  21. 30. Ossos Apesar de seu aspecto simples, o osso possui funções bastante complexas e vitais para a manutenção e equilíbrio do corpo humano. O osso é formado a partir de membrana de tecido conjuntivo (periósteo). 
  22. 31. O sistema esquelético desempenha várias funções importantes, tais como: sustentação dos tecidos moles de nosso corpo, proteção de nossos órgãos (um exemplo é a caixa torácica que protege o coração e os pulmões). 
  23. 32. Além disso, os ossos em conjunto com os músculos são responsáveis pelos movimentos, armazenamento e liberação de vários minerais no sangue, produção de células sanguíneas (hemácias, leucócitos e plaquetas) e armazenamento de triglicerídeos (reserva de energia). 
  24. 33. U m outro dado importante, a saber, a respeito dos ossos, é que noventa e nove por cento do cálcio que possuímos em nosso corpo está depositado neles.  Quanto a sua formação, o esqueleto humano é formado por substâncias orgânicas (em sua maior parte colágeno) e inorgânicas (sais minerais, especialmente cálcio e potássio).

×