O slideshow foi denunciado.
Seu SlideShare está sendo baixado. ×
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Próximos SlideShares
A crônica
A crônica
Carregando em…3
×

Confira estes a seguir

1 de 7 Anúncio

Mais Conteúdo rRelacionado

Diapositivos para si (20)

Quem viu também gostou (20)

Anúncio

Semelhante a Crônica (20)

Mais recentes (20)

Anúncio

Crônica

  1. 1. CRÔNICA O QUE É?
  2. 2. Assim como a fábula e o enigma, a crônica é um gênero narrativo. Como diz a origem da palavra (Cronos é o deus grego do tempo), narra fatos históricos em ordem cronológica, ou trata de temas da atualidade. Mas não é só isso. Uma das mais famosas crônicas da história da literatura luso-brasileira corresponde à definição de crônica como "narração histórica". É a “Carta de Achamento do Brasil”, de Pero Vaz Caminha, na qual são narrados ao rei português, D. Manuel, o descobrimento do Brasil e como foram os primeiros dias que os marinheiros portugueses passaram aqui. Mas trataremos, sobretudo, da crônica como gênero que comenta assuntos do dia a dia. Para começar, uma crônica sobre a crônica, de Machado de Assis:
  3. 3. O nascimento da crônica “Há um meio certo de começar a crônica por uma trivialidade. É dizer: Que calor! Que desenfreado calor! Diz-se isto, agitando as pontas do lenço, bufando como um touro, ou simplesmente sacudindo a sobrecasaca. Resvala-se do calor aos fenômenos atmosféricos, fazem-se algumas conjeturas acerca do sol e da lua, outras sobre a febre amarela, manda-se um suspiro a Petrópolis, e la glace est rompue está começada a crônica. (...)
  4. 4. Publicada em jornal ou revista, destina-se à leitura diária ou semanal e trata de acontecimentos cotidianos. A crônica se diferencia no jornal por não buscar exatidão da informação. Diferente da notícia, que procura relatar os fatos que acontecem, a crônica os analisa, dá-lhes um colorido emocional, mostrando aos olhos do leitor uma situação comum, vista por outro ângulo, singular.
  5. 5. Características das crônicas A crônica é um texto narrativo que: •É, em geral, curto; •Trata de problemas do cotidiano; assuntos comuns, do dia a dia; •Traz as pessoas comuns como personagens, sem nome ou com nomes genéricos. As personagens não têm aprofundamento psicológico; são apresentadas em traços rápidos; •É organizado em torno de um único núcleo, um único problema; •Tem como objetivo envolver, emocionar o leitor.
  6. 6. AS  CARACTERÍSTICAS DA  CRÔNICA As características abaixo foram citadas por vários autores que tentaram entender a crônica enquanto estilo literário: •Ligada à vida cotidiana; •Narrativa informal, familiar, intimista; •Uso da oralidade na escrita: linguagem coloquial; •Sensibilidade no contato com a realidade; •Síntese; •Uso do fato como meio ou pretexto para o artista exercer seu estilo e criatividade; •Dose de lirismo; •Natureza ensaística; •Leveza; •Diz coisas sérias por meio de uma aparente conversa fiada; •Uso do humor; •Brevidade; •É um fato moderno: está sujeita à rápida transformação e à fugacidade da vida moderna.
  7. 7. Epitáfio Titãs Composição : Sérgio Britto Devia ter amado mais Ter chorado mais Ter visto o sol nascer Devia ter arriscado mais E até errado mais Ter feito o que eu queria fazer... Queria ter aceitado As pessoas como elas são Cada um sabe a alegria E a dor que traz no coração... O acaso vai me proteger Enquanto eu andar distraído O acaso vai me proteger Enquanto eu andar... Devia ter complicado menos Trabalhado menos Ter visto o sol se pôr Devia ter me importado menos Com problemas pequenos Ter morrido de amor... Queria ter aceitado A vida como ela é A cada um cabe alegrias E a tristeza que vier... O acaso vai me proteger Enquanto eu andar distraído O acaso vai me proteger Enquanto eu andar...(2x) Devia ter complicado menos Trabalhado menos Ter visto o sol se pôr...

×