Ebd escrituras sagradas

674 visualizações

Publicada em

Escrituras sagradas EBD

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
674
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
26
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Ebd escrituras sagradas

  1. 1. Escola Bíblica Dominical Igreja Batista ElShadai DF – 2012ESCRITURAS SAGRADAS Organizadora: Dagmar Miriam Wendt
  2. 2. Princípio da EBD Neemias 8.8“Leram no livro, na Lei deDeus, claramente, dando explicações, de maneira que entendessem o que se lia.” Tarefa da igreja
  3. 3. Declaração Doutrinária da CBB Através dos tempos, os batistas se têm notabilizado pela defesa de princípios: 1º) A aceitação das Escrituras Sagradas como única regra de fé e conduta.
  4. 4. O que dizem Os costumes da minha igrejapor aí está de estão deacordo com a acordo com a Bíblia? Bíblia? O que o meu Minhas crençaspastor fala está estão dede acordo com acordo com a a Bíblia? Bíblia?
  5. 5. Declaração Doutrinária da CBB Declaração Doutrinária da CBB Escrituras Sagradas “A Bíblia é a Palavra de Deus em linguagem humana.” Sl 119.89; Hb 1.1; Is 40.8; Mt 24.35; Lc 24.44,45; Jo 10.35; Rm 3.2; 1Pe 1.25; 2Pe 1.21
  6. 6. Linguagem das EscriturasRm 16.26 e que, agora, se tornou manifesto e foidado a conhecer por meio das Escriturasproféticas, segundo o mandamento do Deus eterno, para aobediência por fé, entre todas as nações,
  7. 7. Escrituras revelam2 Pe 1.21 “porquenunca jamaisqualquer profecia foidada por vontade A intenção de Deushumana; entretanto, é de revelar. Todahomens santos tendência que usa a Bíblia procurando ofalaram da que ela não diz,parte de Deus, através de sinais, demovidos pelo coisas misteriosas,Espírito Santo.” está contrária ao movimento de Deus.
  8. 8. Declaração Doutrinária da CBB Declaração Doutrinária da CBB Escrituras Sagradas “É o registro da revelação que Deus fez de si mesmo aos homens.” Is 40.8; Mt 22.29; Hb 1.1,2; Mt 24.35; Lc 16.29; 24.44,45; Rm 16.25,26; 1Pe 1.25
  9. 9. 3 Formas de Revelação
  10. 10. Revelação Pessoal...discurso direto...de pessoa para pessoa...não são princípios para seguir Deus quer relacionamento com você!
  11. 11. Revelação Antrópica• Deus usou termos referentes ao homem, que coubessem na nossa mente• Como explicar a contrariedade em relação ao pecado? Gn 6:5-6• Como explicar união espiritual de Cristo com a igreja? Mt 25:1• Quanto mais a Bíblia quer ficar fácil para nosso entendimento, mais antrópica ela é.
  12. 12. Revelação Analógica• A revelação acontece dentro do tempo e do espaço, perante nós, na história.• Aquilo que Deus realizou tem analogia com nossa experiência, porque a Bíblia foi feita para que entendêssemos.Exemplo:• Jesus – Hb1:1• Deus estancou orio Jordão para povopassar
  13. 13. Declaração Doutrinária da CBB Declaração Doutrinária da CBB Sendo Deus seu verdadeiroautor, foi escrita por homens inspirados e dirigidos pelo Espírito Santo. 3 Ex 24.4; 2Sm 23.2; At 3.21; 2Pe 1.21
  14. 14. Deus é o autor da BíbliaÊxodo 24.4 Moisés escreveu todasas palavras do SENHOR...Atos 3.21 ...de que Deus falou porboca dos seus santos profetasdesde a antiguidade. Tudo o que é importante para meu entendimento de Deus e o que Ele quer está escrito na Bíblia.
  15. 15. Meios de revelação Eventos históricos: Deus intervém, realiza coisas no tempo e no espaço, participa. Deus age na história.
  16. 16. Meios de revelação Discurso divino Deus fala, tem palavras I Samuel 3:4 Forma clara: voz audível, visões, sonhos, no interior do coração.Quem escuta Se tivera voz de Deus dúvida, não terá não devedúvida que é ter sido Ele. Deus.
  17. 17. Meios de revelação Quando Deus fala é É indubitável, a completamente palavra dele é elucidado no mansa, mas tem coração que o autoridade no meu Criador está coração: Deus está tocando. falando comigo. Aí, vou para a Quando Deus fala tem palavra de Deus e autoridade, tem sossego, tem paz no coração, e vou aferir e ela vai aquilo que Deus fala é me tocar, porque a sempre para meu bem, mesma voz que nunca para meu mal, nuncainspirou os profetas é imoral e nem absurdo. é a voz que fala. Pode ser de um jeito que eu não espero, mas Deus toca.
  18. 18. Meios de revelaçãoEncarnação: o maiormeio de todos, Deus seapresentou aqui, Ele andouentre nós, esteve conosco. Se Deus esteve aqui......Ele mostrou sabedoria como ninguém. ...a mensagem deve transformar a vida de quem O recebe.
  19. 19. Meios de revelaçãoA diferença é extraordinária! Mt 7:29 ...os ensinava com tendo autoridade...Jo 7:46 ...nunca homem assim falou como este homem... Lc 24:32 ...porventura não ardia o nosso coração...
  20. 20. Declaração Doutrinária da CBB Declaração Doutrinária da CBBTem por finalidade revelar os propósitosde Deus, levar os pecadores à salvação, edificar os crentes e promover a glória de Deus.4 Seu conteúdo é a verdade, sem mescla de erro, e por isso é um perfeito tesouro de instrução divina.5 4 Lc 16.29; Rm 1.16; 2Tm 3.16,17; 1Pe 2.2; Hb 4.12; Ef 6.17; Rm 15.4 5 Sl 19.7-9; 119.105; Pv 30.5; Jo 10.35; 17.17; Rm 3.4; 15.4; 2Tm 3.15-17
  21. 21. Revelar propósito de Deus• 2 Timóteo 3.15 e que, desde a infância, sabes as sagradas letras, que podem tornar-te sábio para a salvação pela fé em Cristo Jesus. Bíblia não foi escrita para curiosidade, tem propósito especial de levar pecador a salvação.
  22. 22. Declaração Doutrinária da CBB Revela o destino final do mundo e os critérios pelo qual Deus julgará todos os homens.6 6 Jo 12.47,48; Rm 2.12,13
  23. 23. Destino reveladoDeus não te engana!
  24. 24. Destino reveladoJoão 12.47-48 Se alguém ouvir as minhaspalavras e não as guardar, eu não o julgo;porque eu não vim para julgar o mundo, esim para salvá-lo. Quem me rejeita e não recebe as minhas palavras tem quem o julgue; a própria palavra que tenho proferido, essa o julgará no último dia.
  25. 25. Declaração Doutrinária da CBB A Bíblia é a autoridade única em matéria de religião, fiel padrão pelo qual devem ser aferidas as doutrinas e a conduta dos homens.7 Ela deve ser interpretada sempre à luz da pessoa e dos ensinos de Jesus Cristo.87 2Cr 24.19; Sl 19.7-9; Is 8.20;34.16; Mt 5.17,18; At 17.11; Gl6.16; Fp 3.16; 2Tm 1.138 Lc 24.44,45; Mt 5.22,28,32,34,39;11.29,30; 17.5; Jo 5.39,40; Hb1.1,2; Jo 1.1,2,14
  26. 26. Escrituras preservadas para nós João 16.8 Quando ele vier, convencerá o mundo do pecado, da justiça e do juízo:João 14.26 mas o Consolador, o EspíritoSanto, a quem o Pai enviará em meu nome, esse vos ensinará todas as coisas e vosfará lembrar de tudo o que vos tenho dito.
  27. 27. Escrituras Sagradas
  28. 28. Projetos Concretos de Vida1. Que tipo de homem é feliz? Por quê?2.Como devemos guardar nosso caminho?3. O que os mandamentos de Deus me fazem?4. O que o rei fez quando ouviu a Lei?5. O que significa a Escritura ser inspirada?6. Ela é útil para quê?

×