Dor lombar

797 visualizações

Publicada em

Publicada em: Saúde e medicina
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
797
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Dor lombar

  1. 1. Dor lombar
  2. 2. Lombalgia Aguda Persistente sem sintomas dos durante 4-8 semanasmembros ou auxiliares Ou com sintomas dos Membros ou auxiliares
  3. 3. Aguda Avaliação clínica – causa provável –investigação e encaminhamento ao especialista conforme apropriado Ou – nenhuma causa seria sugerida – tratar sintomaticamente – reavaliar em 2-4 semanas – se sintomas não regredirem – reavaliar clinicamente e ajustar medidas sintomáticas – se sintomas persistirem depois de 2 semanas – tratar como tipo persistente.
  4. 4. Persistente- > 4 semanas Se disturbio esfincterico – RMN urgente – especialista trata conforme achado Perda sensitiva – EMG – ECN – neuropatia periferica – tratar de acordo Sem sintomas nos membros – avaliar cuidadosamente exame clínico neurologico e decidir (RMN primeiro vs ENMG ou PESS) RMN anormal – tratamento conforme lesão RMN normal – mielografia para excluir FAV – se sugerir FAV tratar apropriadamente. PESS ou ENMG anormal – neuropatia – investigar e tratar de acordo com o achado.
  5. 5. Persistente >4 semanas Fraqueza na perna –lesão de NMI ou mista NMS/NMI – EMG para localizar a lesão se focal IRM espinhal com contraste. Tipo NMS apenas – RMN com contraste da coluna cervical e toracica – normal – considerar causas não estruturais, RMN cerebral, mielograma – se sugerir FAV espinhal – angiografia e tratamento conforme

×