RLQ - Redes Locais de Qualificação

3.145 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.145
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2.897
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

RLQ - Redes Locais de Qualificação

  1. 1. Redes Locais para a Qualificação (RLQ) Factores críticos e sustentabilidade Ana Cláudia Valente CEPCEP, UCP Centro de Congressos de Lisboa 15 Fevereiro 2012
  2. 2. Experiências de RLQ: características e vantagens (estudos de caso)• Espontaneidade do trabalho em rede• Confiança, informalidade e intensidade das relações entre actores• Necessidades comuns e soluções de complementaridade• Mecanismos próprios de liderança/ dinamização (mais ou menos formais)• Reconhecimento e envolvimento institucional• Reconhecidos ganhos do trabalho em rede• Intenções de futuro
  3. 3. Experiências de RLQ: dificuldades e incertezas (estudos de caso)• Conquista de uma intenção estratégica comum e colaborativa• “Free riding”• Profunda exigência do trabalho colaborativo• (In)determinação de papéis e responsabilidades• Difícil antecipação dos ganhos• Necessidade de monitorização e de avaliação sistemática dos resultados alcançados• Incerteza quanto ao futuro e acrescidos constrangimentos financeiros
  4. 4. Sustentabilidade e ALV Factores críticos de RLQIndução institucional Abertura Fazer das RLQ um parceiro estratégico na Tornar as RLQ Capacitação internaimplementação plataformasde uma política de promoção Tirando partido da experiência positiva de cooperaçãonacional de ALV da ALV a nível prévia mas evoluindo para modelos de auto-regulação local/ regional mais formalizados
  5. 5. Sustentabilidade e ALV Factores críticos de RLQCapacitação interna Abertura Indução institucional • Visão ALV • Outros agentes • Prioridades / • “Nós” da rede locais/ regionais metas para ALV • Auto-regulação • Novas formas de • CNO como • Planos locais/ ALV “plataformas de regionais para a • Novos públicos orientação para a ALV • Matching ALV” • Avaliação/ • Orientação para • Padrões de divulgação de ALV qualidade resultados /monitorização • Mecanismos da participação (pluri e auto) em ALV financiamento • (Pluri) financiamento da ALV
  6. 6. “ALV para todos” e comunidades educadoras: o potencial das RLQ• Novo arranjo institucional, de geometria variável• Significativo capital humano e social acumulado• Capacidade para mobilizar conhecimento e recursos existentes, mas dispersos• Proximidade geográfica e relacional com os beneficiários finais• Co-responsabilidade na implementação local e regional de uma estratégia de “ALV para todos”
  7. 7. Obrigada

×