Web 2.0 e educação

1.473 visualizações

Publicada em

Publicada em: Tecnologia, Turismo
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.473
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
813
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
24
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Web 2.0 e educação

  1. 1. A Web 2.0 pode ser vista como uma nova forma de utilização da Internet por usuários e desenvolvedores, ou seja, Web 2.0 a "web como plataforma de utilização" (O'Reilly, 2005).
  2. 2. <ul><li>A Web 2.0 visa: </li></ul><ul><li>incentivar a criatividade </li></ul><ul><li>o compartilhamento </li></ul><ul><li>a colaboração de conteúdos e serviços </li></ul><ul><li>entre os usuários da rede </li></ul>
  3. 3. A Web 2.0 é muito mais que tecnologia, é uma questão de ATITUDE .
  4. 4. <ul><li>Atitude Web 2.0 é: </li></ul><ul><li>agilidade de desenvolvimento </li></ul><ul><li>não tentar fazer como sempre foi feito </li></ul><ul><li>aproveitar as possibilidades da visão da Web como plataforma voltada para facilitar a vida do usuário. </li></ul>
  5. 5. <ul><li>Principais padrões da Web 2.0: </li></ul><ul><li>(de acordo com Póvoa - 2007) </li></ul><ul><li>A Web como plataforma os sites tornaram-se verdadeiros aplicativos, funcionando como os softwares que rodam no computador. </li></ul><ul><li>Simplicidade estes “ sites aplicativos” visam uma integração mais eficiente com o usuário, com interfaces mais intuitivas. Acesso e utilização como um prazer e não uma tortura de cliques infinitos. </li></ul>
  6. 6. <ul><li>Principais padrões da Web 2.0: </li></ul><ul><li>(de acordo com Póvoa - 2007) </li></ul><ul><li>Redes sociais uma explosão da audiência em sites que formam e catalisam comunidades, tais como o Orkut e o Facebook, ampliando os espaços de comunicação e trocas de experiências. </li></ul><ul><li>Flexibilidade no conteúdo ressalta a autonomia do usuário, que passa a gerar conteúdo (por exemplo, o YouTube), classificá-lo e editá-lo. </li></ul>
  7. 7. DIGA-ME, QUE EU ESQUEÇO. ENSINA-ME, QUE EU LEMBRO. ENVOLVA-ME, QUE EU APRENDO. (Confúcio) e educação
  8. 8. Um dos aspectos importantes para a utilização da Web 2.0 em educação é o fato de não demandar custos para o professor. e educação
  9. 9. <ul><li>Alguns serviços gratuitos disponíveis: </li></ul><ul><li>Edição colaborativa de conteúdo: </li></ul><ul><li>Blogs e Wikis </li></ul>e educação
  10. 10. <ul><li>Alguns serviços gratuitos disponíveis: </li></ul><ul><li>Comunicação: </li></ul><ul><li>Skype, Messenger, Gmail </li></ul>e educação
  11. 11. <ul><li>Alguns serviços gratuitos disponíveis: </li></ul><ul><li>Grupos de discussão: Yahoogroups </li></ul>e educação
  12. 12. <ul><li>Alguns serviços gratuitos disponíveis: </li></ul><ul><li>Redes Sociais: Orkut, MySpace </li></ul>e educação
  13. 13. <ul><li>Alguns serviços gratuitos disponíveis: </li></ul><ul><li>Compartilhamento de arquivos: </li></ul><ul><li>textos, planilhas e apresentações </li></ul><ul><li>(GoogleDocs, Slideshare, Zoho) </li></ul>e educação
  14. 14. <ul><li>Alguns serviços gratuitos disponíveis: </li></ul><ul><li>Compartilhamento de arquivos: </li></ul><ul><li>fotos (Flickr), vídeos (Youtube) e arquivos </li></ul><ul><li>diversos, incluindo áudio e vídeo (4shared) </li></ul>e educação
  15. 15. <ul><li>Alguns serviços gratuitos disponíveis: </li></ul><ul><li>Compartilhamento e edição online de imagens: Adobe Photoshop Express </li></ul>e educação
  16. 16. <ul><li>Alguns serviços gratuitos disponíveis: </li></ul><ul><li>Categorização de assuntos com seus endereços de páginas: Del.icio.us. </li></ul>e educação
  17. 17. A partir da grande variedade de ferramentas da Web 2.0 e do Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA) surgem novos desafios relacionados com o seu uso pedagógico tanto em cursos presenciais, quanto em cursos a distância. e educação
  18. 18. Pensar em teorias e estratégias pedagógicas para aproveitar as ferramentas e serviços cria novas oportunidades de incluir a tecnologia na educação, abrindo perspectivas para a exploração de novos conhecimentos de maneira mais motivadora. e educação
  19. 19. A apropriação das ferramentas tecnológicas, com base em uma teoria pedagógica é um processo que envolve estudo e criatividade por parte dos professores. e educação
  20. 20. AS ATIVIDADES, EXERCÍCIOS OU PROPOSTAS PRÁTICAS DEVEM SER BEM PLANEJADAS PARA QUE O ESTUDANTE NÃO SE LIMITE A MEMORIZAR, MAS POSSA “APLICAR” CONSTANTEMENTE OS CONHECIMENTOS CONVERTENDO-OS EM ALGO OPERATIVO E DINÂMICO. (Lorenzo García Aretio) e educação
  21. 21. Portanto, é preciso conhecer alguns aspectos teóricos e técnicos para melhor explorar todo esse potencial de comunicação e compartilhamento do conhecimento, hoje disponível. e educação
  22. 22. Referências: COSTA, Rosa M.E.M.; MARINS Vânia. Aula 4a – Ferramentas da Web 2.0 e as Comunidades de Prática . Rio de Janeiro: Universidade Federal Fluminense, Fundação CECIERJ, PIGEAD. COSTA, Rosa M.E.M.; MARINS Vânia. Aula 4b – Ambientes Virtuais de Aprendizagem . Rio de Janeiro: Universidade Federal Fluminense, Fundação CECIERJ, PIGEAD. FONTOURA, Wagner. A hora e a vez das Mídias Sociais . Disponível em: http://www.cultura.gov.br/site/2008/02/29/a-hora-e-a-vez-das-midias-sociais . e educação

×