SlideShare uma empresa Scribd logo
CICLO PDCA – Ciclo da Melhoria
Contínua Por Gustavo Periarda
O modelo PDCA foi criado pelo Dr. Walter Shewart, mas tornou-se popular
pelo Dr. W. Edwards Deming, que é considerado por muitos como o pai do controle
de qualidade moderno. Mais tarde na carreira de Deming, ele modificou a PDCA
para PDSA (Study, estudo, no lugar de check, acompanhar) pois ele identificou que
o ponto mais importante para garantir a qualidade das ações é exatamente a
mesma fase do ciclo que as pessoas mais ignoram: o acompanhamento, o estudo
constante, que é essencial para que as estratégias e planos das organizações não
caiam em esquecimento.
Ao manter os colaboradores alinhados e forçar o acompanhamento das
ações, o modelo PDCA confere mais agilidade e qualidade a qualquer ação
executada nas camadas de gestão ou estratégia, sendo uma ferramenta
fundamental em qualquer organização que enxergue a qualidade na gestão como
alavanca para os resultados.
 O Ciclo PDCA tem como estágio inicial o planejamento da ação, em seguida tudo o que foi
planejado é executado, gerando, posteriormente, a necessidade de checagem constante destas
ações implementadas. Com base nesta análise e comparação das ações com aquilo que foi
planejado, o gestor começa então a implantar medidas para correção das falhas que surgiram no
processo ou produto.
1
2
3
4
 Veremos agora cada uma destas etapas isoladamente, confira:
 P = Plan (planejamento) : Nesta etapa, o gestor deve estabelecer metas e/ou identificar os
elementos causadores do problema que impede o alcance das metas esperadas. É preciso analisar os
fatores que influenciam este problema, bem como identificar as suas possíveis causas. Ao final, o
gestor precisa definir um plano de ação eficiente.
 D = Do (fazer, execução) : Aqui é preciso realizar todas as atividades que foram previstas e
planejadas dentro do plano de ação.
 C = Check (checagem, verificação) : Após planejar e por em prática, o gestor precisa monitorar e
avaliar constantemente os resultados obtidos com a execução das atividades. Avaliar processos e
resultados, confrontando-os com o planejado, com objetivos, especificações e estado desejado,
consolidando as informações, eventualmente confeccionando relatórios específicos.
 A = Act (ação) : Nesta etapa é preciso tomar as providências estipuladas nas avaliações e relatórios
sobre os processos. Se necessário, o gestor deve traçar novos planos de ação para melhoria da
qualidade do procedimento, visando sempre a correção máxima de falhas e o aprimoramento dos
processos da empresa.
 Cuidados na utilização do Ciclo PDCA
 O Sebrae, ressalta que ao implementar o Ciclo PDCA é importante que o gestor evite:
 Fazer sem planejar;
 Definir as metas e não definir os métodos para atingi-las;
 Definir metas e não preparar o pessoal para executá-las;
 Fazer e não checar;
 Planejar, fazer, checar e não agir corretivamente, quando necessário;
 Parar após uma “volta” do ciclo.
 A não execução de uma das etapas do ciclo pode comprometer seriamente o processo de melhoria
contínua. Por este motivo, a ferramenta apresentada aqui deve ser encarada como um processo
contínuo em busca da qualidade máxima requerida por um procedimento ou produto. Afinal, como
dito no início deste, o foco principal do Ciclo PDCA é a melhoria contínua.
 É importante lembrar que como o Ciclo PDCA é verdadeiramente um ciclo, e por isso deve “girar”
constantemente. Ele não tem um fim obrigatório definido. Com as ações corretivas ao final do
primeiro ciclo é possível (e desejável) que seja criado um novo planejamento para a melhoria de
determinado procedimento, inciando assim todo o processo do Ciclo PDCA novamente. Este novo ciclo,
a partir do anterior, é fundamental para o sucesso da utilização desta ferramenta.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Treinamento e Desenvolvimento
Treinamento e DesenvolvimentoTreinamento e Desenvolvimento
Treinamento e Desenvolvimento
Jean Israel B. Feijó
 
Aula de fundamentos da qualidade 1 e 2
Aula de fundamentos da qualidade   1 e 2Aula de fundamentos da qualidade   1 e 2
Aula de fundamentos da qualidade 1 e 2
Mauro Sobrenome
 
PDCA - OPERAÇÃO
PDCA - OPERAÇÃOPDCA - OPERAÇÃO
PDCA - OPERAÇÃO
Ana C S Zeferino
 
Seminário Just in Time
Seminário Just in TimeSeminário Just in Time
Seminário Just in Time
Renato Bafi
 
Ciclo PDCA: o guia definitivo das principais aplicações
Ciclo PDCA: o guia definitivo das principais aplicaçõesCiclo PDCA: o guia definitivo das principais aplicações
Ciclo PDCA: o guia definitivo das principais aplicações
Adm. Daniel Paulino
 
Ciclo PDCA
Ciclo PDCACiclo PDCA
Ciclo PDCA
Alessandro Fazenda
 
Controle de Documentos e Registros
Controle de Documentos e RegistrosControle de Documentos e Registros
Controle de Documentos e Registros
Templum Consultoria Online
 
Ferramentas da qualidade
Ferramentas da qualidadeFerramentas da qualidade
Ferramentas da qualidade
Fabricio Pangoni
 
Resumo Ciclo PDCA
Resumo Ciclo PDCAResumo Ciclo PDCA
Resumo Ciclo PDCA
Joubert Dini Guimaraes
 
Criação e Gestão de Indicadores de Processos
Criação e Gestão de Indicadores de ProcessosCriação e Gestão de Indicadores de Processos
Criação e Gestão de Indicadores de Processos
Stratec Informática
 
Princípios da Filosofia Lean - Slides - Profª Silene Seibel
Princípios da Filosofia Lean - Slides - Profª Silene SeibelPrincípios da Filosofia Lean - Slides - Profª Silene Seibel
Princípios da Filosofia Lean - Slides - Profª Silene Seibel
Sustentare Escola de Negócios
 
Gestão da qualidade
Gestão da qualidadeGestão da qualidade
Gestão da qualidade
Pricila Yessayan
 
Gestão de Pessoas
 Gestão de Pessoas Gestão de Pessoas
Gestão de Pessoas
Celso Alfaia Barbosa
 
Gestão da qualidade - ISO 9001:2015
Gestão da qualidade - ISO 9001:2015Gestão da qualidade - ISO 9001:2015
Gestão da qualidade - ISO 9001:2015
Alisson Sena, MBA
 
Aula 2 controle da qualidade total
Aula 2  controle da qualidade totalAula 2  controle da qualidade total
Aula 2 controle da qualidade total
institutocarvalho
 
Ciclo pdca
Ciclo pdcaCiclo pdca
Ciclo pdca
Jefferson Oliveira
 
Gestão da qualidade
Gestão da qualidadeGestão da qualidade
Gestão da qualidade
Carlos Sousa
 
Mapeamento processos
Mapeamento processosMapeamento processos
Mapeamento processos
Cláudio Marques
 
Gerenciamento de Projetos
Gerenciamento de ProjetosGerenciamento de Projetos
Gerenciamento de Projetos
Marcos Abreu
 
Indicadores de Desempenho
Indicadores de Desempenho Indicadores de Desempenho

Mais procurados (20)

Treinamento e Desenvolvimento
Treinamento e DesenvolvimentoTreinamento e Desenvolvimento
Treinamento e Desenvolvimento
 
Aula de fundamentos da qualidade 1 e 2
Aula de fundamentos da qualidade   1 e 2Aula de fundamentos da qualidade   1 e 2
Aula de fundamentos da qualidade 1 e 2
 
PDCA - OPERAÇÃO
PDCA - OPERAÇÃOPDCA - OPERAÇÃO
PDCA - OPERAÇÃO
 
Seminário Just in Time
Seminário Just in TimeSeminário Just in Time
Seminário Just in Time
 
Ciclo PDCA: o guia definitivo das principais aplicações
Ciclo PDCA: o guia definitivo das principais aplicaçõesCiclo PDCA: o guia definitivo das principais aplicações
Ciclo PDCA: o guia definitivo das principais aplicações
 
Ciclo PDCA
Ciclo PDCACiclo PDCA
Ciclo PDCA
 
Controle de Documentos e Registros
Controle de Documentos e RegistrosControle de Documentos e Registros
Controle de Documentos e Registros
 
Ferramentas da qualidade
Ferramentas da qualidadeFerramentas da qualidade
Ferramentas da qualidade
 
Resumo Ciclo PDCA
Resumo Ciclo PDCAResumo Ciclo PDCA
Resumo Ciclo PDCA
 
Criação e Gestão de Indicadores de Processos
Criação e Gestão de Indicadores de ProcessosCriação e Gestão de Indicadores de Processos
Criação e Gestão de Indicadores de Processos
 
Princípios da Filosofia Lean - Slides - Profª Silene Seibel
Princípios da Filosofia Lean - Slides - Profª Silene SeibelPrincípios da Filosofia Lean - Slides - Profª Silene Seibel
Princípios da Filosofia Lean - Slides - Profª Silene Seibel
 
Gestão da qualidade
Gestão da qualidadeGestão da qualidade
Gestão da qualidade
 
Gestão de Pessoas
 Gestão de Pessoas Gestão de Pessoas
Gestão de Pessoas
 
Gestão da qualidade - ISO 9001:2015
Gestão da qualidade - ISO 9001:2015Gestão da qualidade - ISO 9001:2015
Gestão da qualidade - ISO 9001:2015
 
Aula 2 controle da qualidade total
Aula 2  controle da qualidade totalAula 2  controle da qualidade total
Aula 2 controle da qualidade total
 
Ciclo pdca
Ciclo pdcaCiclo pdca
Ciclo pdca
 
Gestão da qualidade
Gestão da qualidadeGestão da qualidade
Gestão da qualidade
 
Mapeamento processos
Mapeamento processosMapeamento processos
Mapeamento processos
 
Gerenciamento de Projetos
Gerenciamento de ProjetosGerenciamento de Projetos
Gerenciamento de Projetos
 
Indicadores de Desempenho
Indicadores de Desempenho Indicadores de Desempenho
Indicadores de Desempenho
 

Semelhante a Ciclo pdca

Apresentação sobre a Ferramenta da Qualidade Ciclo PDCA
Apresentação sobre a Ferramenta da Qualidade  Ciclo PDCAApresentação sobre a Ferramenta da Qualidade  Ciclo PDCA
Apresentação sobre a Ferramenta da Qualidade Ciclo PDCA
PauloEdisonAtaides
 
PDCA.pdf
PDCA.pdfPDCA.pdf
Apresentação pdca
Apresentação pdcaApresentação pdca
Apresentação pdca
emc5714
 
Aula PDCA - Ciclo Plan Do Check Act
Aula PDCA - Ciclo Plan Do Check ActAula PDCA - Ciclo Plan Do Check Act
Aula PDCA - Ciclo Plan Do Check Act
Túlio Martins
 
Ciclo PDCA (Plan Do Check Action)
Ciclo PDCA (Plan Do Check Action)Ciclo PDCA (Plan Do Check Action)
Ciclo PDCA (Plan Do Check Action)
4Tags Digital Marketing
 
Almoxarife e seus principais desafios na logistica
Almoxarife e seus principais desafios na logisticaAlmoxarife e seus principais desafios na logistica
Almoxarife e seus principais desafios na logistica
silvasidnalva87
 
Ciclo PDCA.pptx
Ciclo PDCA.pptxCiclo PDCA.pptx
Ciclo PDCA.pptx
JaquelineKurzydlowsk
 
Ciclo Deming
Ciclo DemingCiclo Deming
Ciclo Deming
araana
 
Ciclo de Deming ou ciclo PDCA.ppt
Ciclo de Deming ou ciclo PDCA.pptCiclo de Deming ou ciclo PDCA.ppt
Ciclo de Deming ou ciclo PDCA.ppt
Erikacasamento
 
14 principios de deming
14 principios de deming14 principios de deming
14 principios de deming
Junior Paixão
 
O ciclo pdca e outras metodologias curso aula 1
O ciclo pdca e outras  metodologias curso aula 1O ciclo pdca e outras  metodologias curso aula 1
O ciclo pdca e outras metodologias curso aula 1
DeyseQueirosSantos
 
O PDCA
O PDCAO PDCA
O PDCA
Luis Augusto
 
PDCA E FERRAMENTAS DE QUALIDADE
PDCA E FERRAMENTAS DE QUALIDADEPDCA E FERRAMENTAS DE QUALIDADE
PDCA E FERRAMENTAS DE QUALIDADE
Acies Consultoria Empresarial
 
97802804 gerenciamento-da-rotina-falconi
97802804 gerenciamento-da-rotina-falconi97802804 gerenciamento-da-rotina-falconi
97802804 gerenciamento-da-rotina-falconi
Odé Lonim
 
O ciclo pdca
O ciclo pdcaO ciclo pdca
O ciclo pdca
andre_matematica
 
CICLO PDCA: Plan-Do-Check-Act
CICLO PDCA: Plan-Do-Check-ActCICLO PDCA: Plan-Do-Check-Act
CICLO PDCA: Plan-Do-Check-Act
Daniel Faria
 
Ciclo PDCA
Ciclo PDCACiclo PDCA
Ciclo PDCA
Daniel Faria
 
Apresentação diagnóstico stratec
Apresentação diagnóstico   stratecApresentação diagnóstico   stratec
Apresentação diagnóstico stratec
Priscila Nogueira
 
Ebook-Ferramentas para Gestão da qualidade.pdf
Ebook-Ferramentas para Gestão da qualidade.pdfEbook-Ferramentas para Gestão da qualidade.pdf
Ebook-Ferramentas para Gestão da qualidade.pdf
MichellePereira97
 
Melhoria Continua - ISO 9001
Melhoria Continua - ISO 9001Melhoria Continua - ISO 9001
Melhoria Continua - ISO 9001
Soraia Torres
 

Semelhante a Ciclo pdca (20)

Apresentação sobre a Ferramenta da Qualidade Ciclo PDCA
Apresentação sobre a Ferramenta da Qualidade  Ciclo PDCAApresentação sobre a Ferramenta da Qualidade  Ciclo PDCA
Apresentação sobre a Ferramenta da Qualidade Ciclo PDCA
 
PDCA.pdf
PDCA.pdfPDCA.pdf
PDCA.pdf
 
Apresentação pdca
Apresentação pdcaApresentação pdca
Apresentação pdca
 
Aula PDCA - Ciclo Plan Do Check Act
Aula PDCA - Ciclo Plan Do Check ActAula PDCA - Ciclo Plan Do Check Act
Aula PDCA - Ciclo Plan Do Check Act
 
Ciclo PDCA (Plan Do Check Action)
Ciclo PDCA (Plan Do Check Action)Ciclo PDCA (Plan Do Check Action)
Ciclo PDCA (Plan Do Check Action)
 
Almoxarife e seus principais desafios na logistica
Almoxarife e seus principais desafios na logisticaAlmoxarife e seus principais desafios na logistica
Almoxarife e seus principais desafios na logistica
 
Ciclo PDCA.pptx
Ciclo PDCA.pptxCiclo PDCA.pptx
Ciclo PDCA.pptx
 
Ciclo Deming
Ciclo DemingCiclo Deming
Ciclo Deming
 
Ciclo de Deming ou ciclo PDCA.ppt
Ciclo de Deming ou ciclo PDCA.pptCiclo de Deming ou ciclo PDCA.ppt
Ciclo de Deming ou ciclo PDCA.ppt
 
14 principios de deming
14 principios de deming14 principios de deming
14 principios de deming
 
O ciclo pdca e outras metodologias curso aula 1
O ciclo pdca e outras  metodologias curso aula 1O ciclo pdca e outras  metodologias curso aula 1
O ciclo pdca e outras metodologias curso aula 1
 
O PDCA
O PDCAO PDCA
O PDCA
 
PDCA E FERRAMENTAS DE QUALIDADE
PDCA E FERRAMENTAS DE QUALIDADEPDCA E FERRAMENTAS DE QUALIDADE
PDCA E FERRAMENTAS DE QUALIDADE
 
97802804 gerenciamento-da-rotina-falconi
97802804 gerenciamento-da-rotina-falconi97802804 gerenciamento-da-rotina-falconi
97802804 gerenciamento-da-rotina-falconi
 
O ciclo pdca
O ciclo pdcaO ciclo pdca
O ciclo pdca
 
CICLO PDCA: Plan-Do-Check-Act
CICLO PDCA: Plan-Do-Check-ActCICLO PDCA: Plan-Do-Check-Act
CICLO PDCA: Plan-Do-Check-Act
 
Ciclo PDCA
Ciclo PDCACiclo PDCA
Ciclo PDCA
 
Apresentação diagnóstico stratec
Apresentação diagnóstico   stratecApresentação diagnóstico   stratec
Apresentação diagnóstico stratec
 
Ebook-Ferramentas para Gestão da qualidade.pdf
Ebook-Ferramentas para Gestão da qualidade.pdfEbook-Ferramentas para Gestão da qualidade.pdf
Ebook-Ferramentas para Gestão da qualidade.pdf
 
Melhoria Continua - ISO 9001
Melhoria Continua - ISO 9001Melhoria Continua - ISO 9001
Melhoria Continua - ISO 9001
 

Último

Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de cursoDicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Simone399395
 
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdfO que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
Pastor Robson Colaço
 
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdfA QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
AurelianoFerreirades2
 
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.pptLeis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
PatriciaZanoli
 
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdfcronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
todorokillmepls
 
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
MateusTavares54
 
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números RacionaisPotenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
wagnermorais28
 
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
YeniferGarcia36
 
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdfTestes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
lveiga112
 
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptxAula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
LILIANPRESTESSCUDELE
 
Pintura Romana .pptx
Pintura Romana                     .pptxPintura Romana                     .pptx
Pintura Romana .pptx
TomasSousa7
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
Manuais Formação
 
A Evolução da história da Física - Albert Einstein
A Evolução da história da Física - Albert EinsteinA Evolução da história da Física - Albert Einstein
A Evolução da história da Física - Albert Einstein
WelberMerlinCardoso
 
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vidakarl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
KleginaldoPaz2
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Zenir Carmen Bez Trombeta
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
fernandacosta37763
 
As sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativasAs sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativas
rloureiro1
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
AmiltonAparecido1
 
7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx
7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx
7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx
LEANDROSPANHOL1
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
TomasSousa7
 

Último (20)

Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de cursoDicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
 
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdfO que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
 
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdfA QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
 
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.pptLeis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
 
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdfcronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
 
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
 
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números RacionaisPotenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
 
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
 
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdfTestes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
 
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptxAula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
 
Pintura Romana .pptx
Pintura Romana                     .pptxPintura Romana                     .pptx
Pintura Romana .pptx
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
 
A Evolução da história da Física - Albert Einstein
A Evolução da história da Física - Albert EinsteinA Evolução da história da Física - Albert Einstein
A Evolução da história da Física - Albert Einstein
 
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vidakarl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
 
As sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativasAs sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativas
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
 
7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx
7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx
7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
 

Ciclo pdca

  • 1. CICLO PDCA – Ciclo da Melhoria Contínua Por Gustavo Periarda O modelo PDCA foi criado pelo Dr. Walter Shewart, mas tornou-se popular pelo Dr. W. Edwards Deming, que é considerado por muitos como o pai do controle de qualidade moderno. Mais tarde na carreira de Deming, ele modificou a PDCA para PDSA (Study, estudo, no lugar de check, acompanhar) pois ele identificou que o ponto mais importante para garantir a qualidade das ações é exatamente a mesma fase do ciclo que as pessoas mais ignoram: o acompanhamento, o estudo constante, que é essencial para que as estratégias e planos das organizações não caiam em esquecimento. Ao manter os colaboradores alinhados e forçar o acompanhamento das ações, o modelo PDCA confere mais agilidade e qualidade a qualquer ação executada nas camadas de gestão ou estratégia, sendo uma ferramenta fundamental em qualquer organização que enxergue a qualidade na gestão como alavanca para os resultados.
  • 2.  O Ciclo PDCA tem como estágio inicial o planejamento da ação, em seguida tudo o que foi planejado é executado, gerando, posteriormente, a necessidade de checagem constante destas ações implementadas. Com base nesta análise e comparação das ações com aquilo que foi planejado, o gestor começa então a implantar medidas para correção das falhas que surgiram no processo ou produto.
  • 4.  Veremos agora cada uma destas etapas isoladamente, confira:  P = Plan (planejamento) : Nesta etapa, o gestor deve estabelecer metas e/ou identificar os elementos causadores do problema que impede o alcance das metas esperadas. É preciso analisar os fatores que influenciam este problema, bem como identificar as suas possíveis causas. Ao final, o gestor precisa definir um plano de ação eficiente.  D = Do (fazer, execução) : Aqui é preciso realizar todas as atividades que foram previstas e planejadas dentro do plano de ação.  C = Check (checagem, verificação) : Após planejar e por em prática, o gestor precisa monitorar e avaliar constantemente os resultados obtidos com a execução das atividades. Avaliar processos e resultados, confrontando-os com o planejado, com objetivos, especificações e estado desejado, consolidando as informações, eventualmente confeccionando relatórios específicos.  A = Act (ação) : Nesta etapa é preciso tomar as providências estipuladas nas avaliações e relatórios sobre os processos. Se necessário, o gestor deve traçar novos planos de ação para melhoria da qualidade do procedimento, visando sempre a correção máxima de falhas e o aprimoramento dos processos da empresa.
  • 5.  Cuidados na utilização do Ciclo PDCA  O Sebrae, ressalta que ao implementar o Ciclo PDCA é importante que o gestor evite:  Fazer sem planejar;  Definir as metas e não definir os métodos para atingi-las;  Definir metas e não preparar o pessoal para executá-las;  Fazer e não checar;  Planejar, fazer, checar e não agir corretivamente, quando necessário;  Parar após uma “volta” do ciclo.  A não execução de uma das etapas do ciclo pode comprometer seriamente o processo de melhoria contínua. Por este motivo, a ferramenta apresentada aqui deve ser encarada como um processo contínuo em busca da qualidade máxima requerida por um procedimento ou produto. Afinal, como dito no início deste, o foco principal do Ciclo PDCA é a melhoria contínua.  É importante lembrar que como o Ciclo PDCA é verdadeiramente um ciclo, e por isso deve “girar” constantemente. Ele não tem um fim obrigatório definido. Com as ações corretivas ao final do primeiro ciclo é possível (e desejável) que seja criado um novo planejamento para a melhoria de determinado procedimento, inciando assim todo o processo do Ciclo PDCA novamente. Este novo ciclo, a partir do anterior, é fundamental para o sucesso da utilização desta ferramenta.