ANÁLISE E COMENTÁRIO CRÍTICO

    A Avaliação Externas das escolas tem como atribuições acompanhar, controlar,
avaliar e a...
Após análise do Relatório de Avaliação Externa da IGE que decorreu , em Vila
Real de St. António, na escola/agrupamento D....
Relatórios de Avaliação
         externa IGE
  DE 28 A 30 DE ABRIL DE 2009              Referências à BE
 Agrupamento de E...
Cristina Felício
13 /12 /2009
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

AnáLise E ComentáRio

154 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
154
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

AnáLise E ComentáRio

  1. 1. ANÁLISE E COMENTÁRIO CRÍTICO A Avaliação Externas das escolas tem como atribuições acompanhar, controlar, avaliar e auditar, nas vertentes técnico-pedagógica e administrativo-financeira, as actividades da educação pré-escolar, escolar e extra-escolar, dos estabelecimentos de educação e ensino das redes pública, particular e cooperativa, e solidária, bem como dos estabelecimentos e cursos que ministram o ensino do Português no estrangeiro. O Acompanhamento visa observar e acompanhar a acção educativa desenvolvida pelas escolas e pelos agrupamentos de escolas, de modo a obter um melhor conhecimento dos processos de implementação das medidas de política educativa. Pretende-se que estas actividades se constituam como indutoras de melhores práticas de organização e funcionamento das escolas e dos agrupamentos de escolas e, consequentemente, melhorem as aprendizagens. Ao confrontar vários relatórios de avaliação externa das escolas, ao longo dos três últimos anos lectivos, com o objectivo de encontrar referências ao trabalho desenvolvido nas Bibliotecas Escolares, verifica-se que as referências são escassas e não representam de todo a importância que as BEs ocupam no espaço escolar. Os avaliadores que apresentam os relatórios finais não estão, ainda, sensibilizados para importância que a biblioteca exerce na escola/agrupamento junto dos alunos, docentes e comunidade, em geral. Por outro lado, as evidências apresentadas pelas BEs podem não ser , ainda, suficientes. Podemos, também, pensar que as mudanças estejam em fase de processo.
  2. 2. Após análise do Relatório de Avaliação Externa da IGE que decorreu , em Vila Real de St. António, na escola/agrupamento D.José onde exerço função, este ano, de professora bibliotecária, foram salientadas as referências ao papel da BE.
  3. 3. Relatórios de Avaliação externa IGE DE 28 A 30 DE ABRIL DE 2009 Referências à BE Agrupamento de Escolas D. José I Ao nível do currículo, a BE tem 1. Resultados contribuído de forma suficiente , sendo referida como mais um espaço de aprendizagem. Quanto à participação e desenvolvimento cívico a BE é referida pela existência de “monitoras” que acompanham os pares nas pesquisas e pelos “contamunconto” contadores de histórias que dinamizam actividades. Salienta-se a articulação curricular 2. Prestação do serviço educativo entre docentes , mas não com a BE. É referido o plano de acção do Gabinete de Apoio ao Aluno, mas a BE surge ao mesmo nível do Desporto Escolar ou dos Clubes da Escola. No campo da articulação e sequencialidade, são destacadas as acções em torno das efemérides e do PNL. São também referidos os “Pontos de Leitura” e “ Leitura em Vai e Vem”. Neste campo, não existe qualquer 3. Organização e gestão escolar referência ao trabalho efectuado pela BE. Contudo, a BE tem a função de receber os alunos nos tempos de ausência imprevista de docentes. Neste campo, não é feita qualquer 4. Liderança menção à BE, nem ao papel do coordenador da biblioteca. Os entrevistados revelaram vontade 5. Capacidade de auto-regulação e de aperfeiçoar o processo de auto-
  4. 4. Cristina Felício 13 /12 /2009

×