O slideshow foi denunciado.
Utilizamos seu perfil e dados de atividades no LinkedIn para personalizar e exibir anúncios mais relevantes. Altere suas preferências de anúncios quando desejar.

Ainda sobre o signo de Alá

205 visualizações

Publicada em

Consultas e adaptações
PINTO e outros, Ideias e Imagens. Porto, Porto Editora, 2013.
NUNES, Paulo Simões, História da Cultura e das Artes, Porto, Raiz Editora, 2013.
https://pt.slideshare.net/vmsantos/04-ainda-sob-o-signo-de-al
https://pt.slideshare.net/bolotinha73/mdulo-4-a-arte-sob-o-signo-de-al

Publicada em: Educação
  • DOWNLOAD FULL BOOKS, INTO AVAILABLE FORMAT ......................................................................................................................... ......................................................................................................................... 1.DOWNLOAD FULL. PDF EBOOK here { https://tinyurl.com/y3nhqquc } ......................................................................................................................... 1.DOWNLOAD FULL. EPUB Ebook here { https://tinyurl.com/y3nhqquc } ......................................................................................................................... 1.DOWNLOAD FULL. doc Ebook here { https://tinyurl.com/y3nhqquc } ......................................................................................................................... 1.DOWNLOAD FULL. PDF EBOOK here { https://tinyurl.com/y3nhqquc } ......................................................................................................................... 1.DOWNLOAD FULL. EPUB Ebook here { https://tinyurl.com/y3nhqquc } ......................................................................................................................... 1.DOWNLOAD FULL. doc Ebook here { https://tinyurl.com/y3nhqquc } ......................................................................................................................... ......................................................................................................................... ......................................................................................................................... .............. Browse by Genre Available eBooks ......................................................................................................................... Art, Biography, Business, Chick Lit, Children's, Christian, Classics, Comics, Contemporary, Cookbooks, Crime, Ebooks, Fantasy, Fiction, Graphic Novels, Historical Fiction, History, Horror, Humor And Comedy, Manga, Memoir, Music, Mystery, Non Fiction, Paranormal, Philosophy, Poetry, Psychology, Religion, Romance, Science, Science Fiction, Self Help, Suspense, Spirituality, Sports, Thriller, Travel, Young Adult,
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Ainda sobre o signo de Alá

  1. 1. M4 A Cultura da Catedral – As Cidades e Deus HISTÓRIA DA CULTURA E DAS ARTES AINDA SOB O SIGNO DE ALÁ: A MATERIALIZAÇÃO DO PARAÍSO 1
  2. 2. M4 - A cultura da Catedral Ainda sob o signo de Alá. A materialização do Paraíso 2 CONTEXTO HISTÓRICO Séculos VII a XI: Expansão devido à união durante as primeiras dinastias (omíada e abássida)
  3. 3. M4 - A cultura da Catedral Ainda sob o signo de Alá. A materialização do Paraíso 3 CONTEXTO HISTÓRICO A partir do século XI: Fragmentação política Oriente: Seljúcidas, Iljanis, Fatimitas Ocidente: Primeiros Reinos Taifas (avanço da Reconquista Cristã)
  4. 4. M4 - A cultura da Catedral Ainda sob o signo de Alá. A materialização do Paraíso 4 CONTEXTO HISTÓRICO Séc. XI (Península Ibérica) Pedido de ajuda dos reinos taifa às dinastias do norte de África que impõe o seu domínio: • Almorávidas (séc. XI e XII) • Segundo período dos reinos de taifas (séc. XII) • Almóadas (Séc. XII e XIII)
  5. 5. M4 - A cultura da Catedral Ainda sob o signo de Alá. A materialização do Paraíso 5 CONTEXTO HISTÓRICO
  6. 6. M4 - A cultura da Catedral Ainda sob o signo de Alá. A materialização do Paraíso 6 ARTE DOS REINOS TAIFAS • Migração maciça dos artistas e artesãos do Califado de Córdova para as cortes destes reinos. • Uso do tijolo, do estuque e da argamassa. • Predominância de decoração sobre os quotidianos e epigráficos. • Decoração abundante. • Os edifícios mais significativos foram palácios e alcáçovas e banhos públicos.
  7. 7. M4 - A cultura da Catedral Ainda sob o signo de Alá. A materialização do Paraíso 7 ARTE DOS REINOS TAIFAS
  8. 8. M4 - A cultura da Catedral Ainda sob o signo de Alá. A materialização do Paraíso 8 A ARTE DOS ALMORÁVIDAS - XI-XII Dois períodos: 1. • Austeridade e sobriedade decorativos • Mesquita sem minarete e caiada de branco • Linhas austeras, sem ornamentos • Exemplo: mesquitas de Nedrome e de Argel
  9. 9. M4 - A cultura da Catedral Ainda sob o signo de Alá. A materialização do Paraíso 9 A ARTE DOS ALMORÁVIDAS - XI-XII Dois períodos: 2. Ornamentação hispano-muçulmano: arcos polilobados, muqarnas, arcos em lambrequins (formados com pequenas curvas, ângulos retos e chaves pingentes.) Mesquitas: 13 naves perpendiculares à quibla, separadas por arcos de ferradura Exemplos: mesquita El Castillejo, Múrcia; Palácio da Aljafería, Zaragoza
  10. 10. M4 - A cultura da Catedral Ainda sob o signo de Alá. A materialização do Paraíso 10 A ARTE DOS ALMORÁVIDAS - XI-XII Mesquita de Nedrome, Algéria
  11. 11. M4 - A cultura da Catedral Ainda sob o signo de Alá. A materialização do Paraíso 11 A ARTE DOS ALMORÁVIDAS - XI-XII Mesquita de Argel, Algéria
  12. 12. M4 - A cultura da Catedral Ainda sob o signo de Alá. A materialização do Paraíso 12 A ARTE DOS ALMORÁVIDAS - XI-XII Alcáçova de Málaga
  13. 13. M4 - A cultura da Catedral Ainda sob o signo de Alá. A materialização do Paraíso 13 A ARTE DOS ALMORÁVIDAS - XI-XII Alcáçova de Málaga
  14. 14. M4 - A cultura da Catedral Ainda sob o signo de Alá. A materialização do Paraíso 14 A ARTE DOS ALMORÁVIDAS - XI-XII Palácio da Aljaferia, Saragoça, Espanha
  15. 15. M4 - A cultura da Catedral Ainda sob o signo de Alá. A materialização do Paraíso 15 A ARTE DOS ALMORÁVIDAS - XI-XII Palácio da Aljaferia, Saragoça, Espanha
  16. 16. M4 - A cultura da Catedral Ainda sob o signo de Alá. A materialização do Paraíso 16 A ARTE DOS ALMORÁVIDAS - XI-XII Palácio da Aljaferia, Muqarnas
  17. 17. M4 - A cultura da Catedral Ainda sob o signo de Alá. A materialização do Paraíso 17 A ARTE DOS ALMORÁVIDAS - XI-XII Palácio da Aljaferia, Arcos em lambrequim
  18. 18. M4 - A cultura da Catedral Ainda sob o signo de Alá. A materialização do Paraíso 18 A ARTE DOS ALMÓADAS - XII • Purismo e Simplicidade decorativas • Racionalismo • Maior monumentalidade • Formas geométricas entrelaçadas intercaladas com vazios • Capitel de orelhas • Mesquita específica: planta geométrica; naves perpendiculares à quibla; nave transversal paralela à quibla; pontos de interseção com cúpulas; arcarias com arcos em ferradura, lobulados e em lambrequim • Exemplos: Torre da Giralda, Torre do Ouro, Reais Alcazares, Sevilha
  19. 19. M4 - A cultura da Catedral Ainda sob o signo de Alá. A materialização do Paraíso 19 A ARTE DOS ALMÓADAS - XII Mesquita Cutubia, Marraquexe
  20. 20. M4 - A cultura da Catedral Ainda sob o signo de Alá. A materialização do Paraíso 20 A ARTE DOS ALMÓADAS - XII Alcázar de Sevilha, Espanha
  21. 21. M4 - A cultura da Catedral Ainda sob o signo de Alá. A materialização do Paraíso 21 A ARTE DOS ALMÓADAS - XII Alcázar de Sevilha, Espanha
  22. 22. M4 - A cultura da Catedral Ainda sob o signo de Alá. A materialização do Paraíso 22 A ARTE DOS ALMÓADAS - XII Torre do Ouro, Sevilha, Espanha
  23. 23. M4 - A cultura da Catedral Ainda sob o signo de Alá. A materialização do Paraíso 23 A ARTE DOS ALMÓADAS - XII Torre de La Giralda, Sevilha, Espanha
  24. 24. M4 - A cultura da Catedral Ainda sob o signo de Alá. A materialização do Paraíso 24 A ARTE DOS ALMÓADAS - XII Capitel de orelhas Alcazar Real, Sevilha
  25. 25. M4 - A cultura da Catedral Ainda sob o signo de Alá. A materialização do Paraíso 25 ARTE DO REINO DE GRANADA - NASRIDE (ou Nazari) - XIII Arquitetura funcional: materiais perecíveis (argamassas, tijolos) nas muralhas, banhos e alcáçovas
  26. 26. M4 - A cultura da Catedral Ainda sob o signo de Alá. A materialização do Paraíso 26 ARTE DO REINO DE GRANADA NASRIDE - XIII Arquitetura luxuosa: materiais ricos (mármore) arcos peraltados tetos madeira artesoado azulejos alicatados (técnica para revestimentos em que se agrupam pedaços de cerâmica vidrada cortados em diferentes tamanhos e formas geométricas) Exemplos: Alhambra, Sevilha
  27. 27. M4 - A cultura da Catedral Ainda sob o signo de Alá. A materialização do Paraíso 27 ARTE DO REINO DE GRANADA NASRIDE - XIII Palácio do Alhambra, Granada, Espanha Complexo palaciano, dentro de uma fortaleza formada por robustos muros, onde residiu a corte das dinastias «nasride» Compartimentação dos espaços interiores organiza-se em torno de pátios, com jardins, lagos e repuxos. Compartimentos estruturados por séries de salas através de pórticos e antecâmaras, num jogo de espaços abertos e fechados Paredes, pavimentos e elementos arquitetónicos estão luxuosamente ornamentados, revestidos por azulejos, estuques e ladrilhos, com variadíssimas composições polícromas. Jogo arquitetónico de compartimentos, pátios, antecâmaras, jardins e miradores articula-se com uma profusa decoração que contribui para o expoente do refinamento da arte cortesã muçulmana.
  28. 28. M4 - A cultura da Catedral Ainda sob o signo de Alá. A materialização do Paraíso 28 ARTE DO REINO DE GRANADA NASRIDE - XIII Palácio do Alhambra, Granada, Espanha História de Alhambra, c/ legendas, 2’31 Alhambra, cidade palatina c/ legendas, 3’6
  29. 29. M4 - A cultura da Catedral Ainda sob o signo de Alá. A materialização do Paraíso 29 ARTE DO REINO DE GRANADA NASRIDE - XIII Palácio do Alhambra, Granada, Espanha
  30. 30. M4 - A cultura da Catedral Ainda sob o signo de Alá. A materialização do Paraíso 30 ARTE DO REINO DE GRANADA NASRIDE - XIII Palácio do Alhambra, Granada, Espanha
  31. 31. M4 - A cultura da Catedral Ainda sob o signo de Alá. A materialização do Paraíso 31 ARTE DO REINO DE GRANADA NASRIDE - XIII Palácio do Alhambra, Granada, Espanha
  32. 32. M4 - A cultura da Catedral Ainda sob o signo de Alá. A materialização do Paraíso 32 ARTE MUDÉJAR Arte praticada por artífices árabes e mouros em território cristão, sob encomenda cristã e com características islâmicas Reflete convivência e interinfluência de judeus, cristãos e muçulmanos
  33. 33. M4 - A cultura da Catedral Ainda sob o signo de Alá. A materialização do Paraíso 33 ARTE MUDÉJAR Elementos estruturais usados Torres-minaretes Tetos com sistemas de armação em madeira Fantástico trabalho de carpintaria Composições formais e decorativas rítmicas Exemplos: Palácio Real de Tordesilhas, Sinagoga del Transito em Toledo, Palácio de Pedro I em Sevilha
  34. 34. M4 - A cultura da Catedral Ainda sob o signo de Alá. A materialização do Paraíso 34 ARTE MUDÉJAR Torres-minaretes
  35. 35. M4 - A cultura da Catedral Ainda sob o signo de Alá. A materialização do Paraíso 35 ARTE MUDÉJAR Toledo
  36. 36. M4 - A cultura da Catedral Ainda sob o signo de Alá. A materialização do Paraíso 36 ARTE MUDÉJAR Catedral de São Salvador de Saragoça
  37. 37. M4 - A cultura da Catedral Ainda sob o signo de Alá. A materialização do Paraíso 37 ARTE MUDÉJAR Catedral de São Salvador de Saragoça
  38. 38. M4 - A cultura da Catedral Ainda sob o signo de Alá. A materialização do Paraíso 38 ARTE MUDÉJAR Palácio Real de D, Pedro I, No Alcázar de Sevilha
  39. 39. HISTÓRIA DA CULTURA E DAS ARTES A CULTURA DA CATEDRAL 39 Professora Cristina Barcoso Lourenço maria.barcoso@agr-tc.pt historia.cultura.artes.faro@gmail.com FB: https://www.facebook.com/HCA.AETC/ Consultas e adaptações PINTO e outros, Ideias e Imagens. Porto, Porto Editora, 2013. NUNES, Paulo Simões, História da Cultura e das Artes, Porto, Raiz Editora, 2013. https://pt.slideshare.net/vmsantos/04-ainda-sob-o-signo-de-al https://pt.slideshare.net/bolotinha73/mdulo-4-a-arte-sob-o-signo-de-al M4 A Cultura da Catedral – As Cidades e Deus

×