309 abc era vargas governo constitucional

947 visualizações

Publicada em

Segundo momento da Era Vargas, o governo constitucional onde foi um breve período onde os partidos podiam funcionar livremente.

Publicada em: Educação
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

309 abc era vargas governo constitucional

  1. 1. Governo constitucional (1934-1937) Era Vargas (1930-1945) Prof. Cristiano Pissolato
  2. 2. Vargas: período democrático • Vargas em 1935 cria o programa “Hora do Brasil”, para falar diretamente com o povo, divulgando as realizações do governo. Em 1971 por ordem do presidente Médici o nome passa para “A Voz do Brasil”. A década de 1930 foi de expansão e consolidação do rádio como principal meio de comunicação.
  3. 3. Grupos políticos rivais Luís Carlos Prestes e Olga Benário.Plínio Salgado e Carmela Patti. X Getúlio Vargas e a primeira-dama Darcy Sarmanho Vargas.
  4. 4. Ação Integralista Brasileira (AIB) Fundada em 1932 com base nas idéias fascistas, a AIB defendia: • Um governo autoritário dirigido por um chefe e um partido político. • Predomínio dos interesses da nação sobre o individuo. • Censura aos meios de comunicação. • Combate ao comunismo internacional. Plínio Salgado (1895-1975), escritor e jornalista paulista, trabalhou no Correio Paulistano, jornal oficial do PRP (Partido Republicano Paulista), pela legenda elege-se deputado estadual em 1928. Rompe com o PRP e apóia a Revolução de 1930.
  5. 5. Cartaz de propaganda integralista, pregavam o nacionalismo, militarismo e o estado totalitário. Cartaz de propaganda integralista, a saudação em destaque Anauê! e a letra símbolo do movimento o sigma (Σ) do alfabeto grego utilizado na matemática como simbolo de integral, no movimento significava a união e o fortalecimento da sociedade. Vocábulo de origem tupi, utilizado como cumprimento.
  6. 6. Desfile dos “camisas verdes” durante o I Congresso Integralista das Províncias Meridionais do Brasil, ocorrido em Blumenau-SC em 1938. O movimento também abria espaço para a organização das mulheres integralistas.
  7. 7. Os integralistas eram opositores ferrenhos do comunismo internacional. O lema integralista era Deus, Pátria e Família.
  8. 8. Aliança Nacional Libertadora (ANL) Formada em 1935 agrupando comunistas, anarquistas e socialistas. Os principais pontos da ANL eram: • Nacionalização de empresas estrangeiras. • Não pagamento da divida externa. • Realização de uma reforma agrária. Luís Carlos Prestes (1898-1990), militar e político gaúcho. Líder da Coluna Prestes que tentou sem sucesso derrubar a República Velha em um movimento armado. Com prestigio e já alinhado ao PCB (Partido Comunista do Brasil) Prestes torna-se o presidente de honra da ANL.
  9. 9. Sede da ANL no Rio de Janeiro em 1935. Lema da ANL era: Pão, terra e liberdade.
  10. 10. Intentona Comunista (1935) • Durante as manifestações do aniversário dos movimentos tenentistas de 1922 e 1924 realizadas pela ANL, foi lido um manifesto de Prestes propondo a derrubada de Vargas e exigindo “todo o poder à ANL”. • Vargas coloca na ilegalidade a ANL em julho de 1935 Em abril de 1935 foi aprovada pelo Congresso Nacional depois de muito debate a Lei de Segurança Nacional, possibilitando ao presidente da República uma atuação maior contra crimes de ordem política e social, crimes militares, contra a segurança do Estado. Esses crimes foram submetidos ao um regime mais rigoroso.
  11. 11. • Nesse contexto em novembro de 1935 um grupo de sargentos, cabos e soldados comunistas de Natal/RN iniciaram o levante. Resultado final no Quartel da Salgadeira em Natal/RN onde militares de baixa patente iniciaram o Levante Comunista, derrota comunista.
  12. 12. • Em Recife e na cidade do Rio de Janeiro também houveram confrontos, mas as tropas leais a Vargas rapidamente sufocaram o movimento. Rebeldes do 3º Regimento de Infantaria na cidade do Rio de Janeiro, a caminho do presídio de Ilha Grande. O 3º Regimento de Infantaria tomado pelos rebeldes a fachada ficou semi-destruída pela artilharia das tropas leais a Vargas.
  13. 13. • Em nome do perigo comunista foram presos sindicalistas, operários militares e intelectuais acusados de serem comunistas. Prisão de Luis Carlos Preste o líder da ANL em 1936, somente será sairá da prisão com o fim do Estado Novo em 1945.
  14. 14. Olga Benário (1908-1942), de origem judia alemã e militante comunista. Mulher de Luis Carlos Prestes foi presa em 1936 e posteriormente deportada para a Alemanha nazista. Campo de concentração feminino de Ravensbrück na Alemanha em 1939, Olga Benário foi levada a este campo até ser morta em uma câmara de gás em 1942 em Bernburg.
  15. 15. Preparativo para as eleições de 1938 • Vargas teve uma postura dúbia, publicamente era favorável as eleições, mas nos bastidores preparava um golpe. Armando Sales de Oliveira, sob pressão da elite paulista é nomeado por Vargas interventor no estado de São Paulo de 1933 a 1935. Mantêm-se no poder com a vitória nas eleições de 1935, lança- se candidato a presidência recebe o apoio de Flores da Cunha. José Américo de Almeida interventor- governador na Paraíba em 1930, posteriormente ministro da Viação e Obras Públicas (Transportes) de 1930 a 1934. Apoiado por Vargas. Pré-candidatos Plínio Salgado líder da AIB (Ação Integralista Brasileira) também lançou-se a candidato a presidência da República.
  16. 16. Golpe do Estado Novo (1937) • O serviço secreto do Exército descobriu a existência de um plano comunista, o Plano Cohen, para a tomada do poder e destruir o regime democrático. FALSO Capitão Olimpio Mourão Filho redator do Plano Cohen, participava da ativamente da AIB. AtribuídoaInternacional Comunista. Forjado pelos partidários da continuidade de Vargas no poder e por Integralistas.
  17. 17. Implantação do Estado Novo • Em nome do perigo comunista, ordenou um cerco militar ao Congresso Nacional e o fechamento do poder Legislativo.

×