O slideshow foi denunciado.
Utilizamos seu perfil e dados de atividades no LinkedIn para personalizar e exibir anúncios mais relevantes. Altere suas preferências de anúncios quando desejar.
Computação nas NuvensDe volta aos terminais burros<br />Piero B. Contezini<br />Informant<br />
Agenda<br />De onde viemos?<br />Por que estamos aqui?<br />Para onde vamos?<br />Aonde vamos almoçar hoje?<br />
De onde viemos ?<br />EDVAC<br />Primeira máquina a usar a arquitetura de Von Neumann<br />George Boole<br />Pai da Algebr...
Transistores<br />Transistores Tradicionais<br />Transistores Integrados<br />(processadores)<br />
Por que estamos aqui?<br />
Arquitetura Multi Usuário<br />AT&T Unix para PC<br />Threads<br />Segmentação de Memória<br />
Porta RS232/485<br />Primeiro computador a <br />ter uma interface Ethernet<br />
A era dos terminais burros<br />VT100<br />Protocolo IP<br />
Computação pessoal<br />= R$ 1000,00<br />1950<br />2000<br />
Mobilidade<br />
Para ondevamos ?<br />Contratos, Hardware Limitado, Conectividade, Suporte Técnico<br />=<br />Fracasso<br />Junho 2006<br...
Novas tecnologias<br />MVC<br />ACID por Eventualmente Consistente<br />Managed Code ao invés de Clustering em userland<br...
Onde vamos almoçar hoje?<br />Código legado = lixo<br />Infra-estrutura = commodity<br />Regra de negócio como um serviço ...
Onde vamos almoçar hoje?<br />Reaproveite o que já estiver pronto, senão alguém fará isto.<br />Sistema Operacional, Lingu...
PrincipaisProvedores<br />
PrincipaisProvedores<br />
Componentes da Nuvem<br />Storage<br />Existem 3 tiposprincipais:<br />Chave/Valor (ex: S3)<br />Base Relacional (RDS, SQL...
Instâncias<br />Representam o poder computacional da nuvem, são máquinas virtuais rodando com um tipo de hardware selecion...
Rede de Distribuição <br />de Conteúdo<br />Estas redes proporcionam uma rápida distribuição de conteúdo estático, usando ...
Interface de Elasticidade<br />Este é o diferencial da arquitetura em nuvem, permite a configuração de templates para aloc...
Até logo e obrigado pelos peixes<br />
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Computação em Nuvem: de volta aos terminais burros

1.241 visualizações

Publicada em

Um paralelo sobre a história, evolução e futuro da computação em nuvem como um utilitário de acesso universal e singular. Nesta palestra Piero Contezini abordou as mudanças de paradigma nesse novo cenário global, onde o poder computacional se tornou um commodity e o foco está na habilidade de utilizar a infra-estrutura em núvem para construir aplicações elásticas com capacidade computacional virtualmente ilimitadas.

Publicada em: Tecnologia
  • Seja o primeiro a comentar

Computação em Nuvem: de volta aos terminais burros

  1. 1. Computação nas NuvensDe volta aos terminais burros<br />Piero B. Contezini<br />Informant<br />
  2. 2. Agenda<br />De onde viemos?<br />Por que estamos aqui?<br />Para onde vamos?<br />Aonde vamos almoçar hoje?<br />
  3. 3. De onde viemos ?<br />EDVAC<br />Primeira máquina a usar a arquitetura de Von Neumann<br />George Boole<br />Pai da Algebra Booleana<br />
  4. 4. Transistores<br />Transistores Tradicionais<br />Transistores Integrados<br />(processadores)<br />
  5. 5. Por que estamos aqui?<br />
  6. 6. Arquitetura Multi Usuário<br />AT&T Unix para PC<br />Threads<br />Segmentação de Memória<br />
  7. 7. Porta RS232/485<br />Primeiro computador a <br />ter uma interface Ethernet<br />
  8. 8. A era dos terminais burros<br />VT100<br />Protocolo IP<br />
  9. 9. Computação pessoal<br />= R$ 1000,00<br />1950<br />2000<br />
  10. 10. Mobilidade<br />
  11. 11. Para ondevamos ?<br />Contratos, Hardware Limitado, Conectividade, Suporte Técnico<br />=<br />Fracasso<br />Junho 2006<br />Única necessidade:<br />
  12. 12. Novas tecnologias<br />MVC<br />ACID por Eventualmente Consistente<br />Managed Code ao invés de Clustering em userland<br />Grand Central Dispach ao invés de Threads<br />
  13. 13. Onde vamos almoçar hoje?<br />Código legado = lixo<br />Infra-estrutura = commodity<br />Regra de negócio como um serviço é a nova onda<br />Camada de saída é irrelevante, hoje tablets, amanhã outra coisa<br />
  14. 14. Onde vamos almoçar hoje?<br />Reaproveite o que já estiver pronto, senão alguém fará isto.<br />Sistema Operacional, Linguagem, Banco, ... Tudo é irrelevante, o serviço é o que importa.<br />O Mundo é dos mash-ups.<br />
  15. 15. PrincipaisProvedores<br />
  16. 16. PrincipaisProvedores<br />
  17. 17. Componentes da Nuvem<br />Storage<br />Existem 3 tiposprincipais:<br />Chave/Valor (ex: S3)<br />Base Relacional (RDS, SQL Azure, ..)<br />NoSQL (MapReduce, Radoop)<br />
  18. 18. Instâncias<br />Representam o poder computacional da nuvem, são máquinas virtuais rodando com um tipo de hardware selecionado.<br />Normalmente elas possuem discos virtuais que são apagados após o termino da instância, portanto há necessidade de persistir os dados em um disco especial montado (EBS no caso da Amazon).<br />Ex: EC2<br />
  19. 19. Rede de Distribuição <br />de Conteúdo<br />Estas redes proporcionam uma rápida distribuição de conteúdo estático, usando o IP de origem do usuário e mapeando o servidor mais próximo onde este conteúdo esteja disponível.<br />Ex: CloudFront, Akamai<br />
  20. 20. Interface de Elasticidade<br />Este é o diferencial da arquitetura em nuvem, permite a configuração de templates para alocação dinâmica de recursos de hardware, assim uma aplicação pode crescer dinamicamente de um servidor para centenas deles, em questão de minutos.<br />Ex: Auto Scaling<br />
  21. 21. Até logo e obrigado pelos peixes<br />

×