SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 11
RECICLAGEM
Trabalho de Física
Reciclagem
A reciclagem é o termo geralmente
utilizado para designar o
reaproveitamento de materiais
beneficiados como matéria-prima
para um novo produto. Muitos
materiais podem ser reciclados e
os exemplos mais comuns são
o papel, o vidro, o metal e
o plástico.
Vantagens
   As maiores vantagens da
    reciclagem são a minimização da
    utilização de fontes
    naturais, muitas vezes não
    renováveis; e a minimização da
    quantidade de resíduos que
    necessita de tratamento
    final, como aterramento, ou
    incineração.
   No aspecto econômico a
    reciclagem contribui para a
    utilização mais racional dos
    recursos naturais e a reposição
    daqueles recursos que são
No âmbito social, a reciclagem não só proporciona melhor qualidade de vida para as
pessoas, através das melhorias ambientais, como também tem gerado muitos postos
de trabalho e rendimento para pessoas que vivem nas camadas mais pobres.


   No Brasil existem os carroceiros ou
    catadores de papel, que vivem da
    venda de sucatas, papéis, latas de
    alumínio e outros materiais
    recicláveis deitados para o lixo.
    Também trabalham na colecta ou na
    classificação de materiais para a
    reciclagem. Como é um serviço
    pesado e sujo, não tem grande poder
    atrativo para as fatias mais
    qualificadas da
    população.Assim, para muitas das
    pessoas que trabalham na
    reciclagem (em especial os que têm
    menos educação formal), a
    reciclagem é uma das únicas
Desvantagens
   Custos de recolha, transporte e reprocessamento.
   O tempo na separação do lixo e as doenças que
    podem ser transmitidas nesse processo.
   Instabilidade dos mercados para materiais
    reciclados, os quais podem ser rapidamente
    distorcidos por alterações na oferta e procura
    (nacional ou internacional).
   Custo de materiais reciclados (em relação aos
    produzidos com matérias-primas virgens).
Como funciona?
No Brasil os recipientes para receber materiais recicláveis seguem o
seguinte padrão:
   Azul: Papel/Papelão
   Vermelho: Plástico
   Verde: Vidro
   Amarelo: Metal
   Preto: Madeira
   Laranja: Resíduos perigosos
   Branco: Resíduos ambulatoriais e de serviços de saúde
   Roxo: Resíduos radioativos
   Marrom: Resíduos orgânicos
   Cinza: Resíduo geralmente não reciclável, misturado ou
    contaminado, não sendo possível de separação
Impactos Ambientais
No meio ambiente a
reciclagem pode reduzir a
acumulação progressiva
de resíduos a produção de
novos materiais, como por
exemplo o papel, que exigiria
o corte de mais árvores; as
emissões de gases
como metano e gás
carbônico; as agressões
ao solo, ar e água; entre
outros tantos fatores
negativos.
Ações desenvolvidas no Estado do Rio de Janeiro
   Programa Coleta Seletiva Solidária
   O Programa Coleta Seletiva Solidária é uma
    realização da SEA e do Instituto Estadual do
    Ambiente, em parceria com a Universidade
    do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), cujos
    objetivos são:
   Implantação da Coleta Seletiva Solidária;
   A melhoria da gestão dos resíduos sólidos
    urbanos nos Municípios do Estado do Rio de
    Janeiro;
   O fortalecimento da cadeia produtiva da
    reciclagem;
Ações desenvolvidas no Estado do Rio de
Janeiro
                 Programa Recicla Rio

                 Programa tem como foco estratégico a
                  implementação de sistemas de logística reversa
                  que incentivem a coleta de lixo reciclável.

                 O programa Recicla-Rio, coordenado pela
                  SUPS/SEA, é instrumento da política de resíduos e
                  está inserido dentro do PERS (Plano Estadual de
                  Resíduos Sólidos). Em fase de estruturação, tem
                  como objetivo principal a valorização dos resíduos
                  sólidos e a promoção da parceria entre os agentes
                  públicos, privados e comunitários visando a
                  fortalecer as iniciativas e a cadeia produtiva da
                  reciclagem no território do estado do Rio de
   Sistema de recolhimento de pneus
    inservíveis

   Há no estado um sistema de Logística Reversa de
    pneus inservíveis (que não servem mais). Conta com 34
    pontos de coleta em 29 municípios, onde foram
    recolhidas 10.224 toneladas de pneus de janeiro a julho
    de 2011. Esse sistema está ancorado no programa da
    Reciclanip, que foi criada pelos fabricantes de pneus
    novos Bridgestone, Goodyear, Michelin e Pirelli, e que
    hoje conta também com a Continental. Os pneus
    inservíveis são coletados desde 1999 e destinados pela
    Reciclanip para as empresas de trituração e
Trabalho de Física 2012
Colégio Estadual

Dom Hélder Câmara

Nomes: Lucas, Jasmine, Sthefanne e Renato

Nº: 12, 5, 23, 20

Turma: 2003

Turno: Manhã

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Treinamento coleta seletiva (muito bom)
Treinamento coleta seletiva (muito bom)Treinamento coleta seletiva (muito bom)
Treinamento coleta seletiva (muito bom)Ane Costa
 
Sustentabilidade e os 4Rs
Sustentabilidade e os 4RsSustentabilidade e os 4Rs
Sustentabilidade e os 4RsRo Bischoff
 
Novo projeto reciclagem de pneus
Novo projeto reciclagem de pneusNovo projeto reciclagem de pneus
Novo projeto reciclagem de pneusSEE
 
A política dos 5 rs é consiste no ato de repensar
A política dos 5 rs é consiste no ato de repensarA política dos 5 rs é consiste no ato de repensar
A política dos 5 rs é consiste no ato de repensarMiquéias Cassemiro
 
Os 3 Rs da Sustentabilidade Ambiental
Os 3 Rs da Sustentabilidade AmbientalOs 3 Rs da Sustentabilidade Ambiental
Os 3 Rs da Sustentabilidade AmbientalCatalogando Na Escola
 
Reciclagem e meio ambiente
Reciclagem e meio ambienteReciclagem e meio ambiente
Reciclagem e meio ambienteMaumau Castelo
 
A importância da reciclagem na preservação do meio
A importância da reciclagem na preservação do meioA importância da reciclagem na preservação do meio
A importância da reciclagem na preservação do meioLareska Rocha
 
Politica Dos 3 Rs
Politica Dos 3 RsPolitica Dos 3 Rs
Politica Dos 3 Rscarlaefans
 
Reduzir Reutilizar Reciclar
Reduzir Reutilizar ReciclarReduzir Reutilizar Reciclar
Reduzir Reutilizar Reciclarlidia76
 
Apresentação projeto meio ambiente
Apresentação projeto meio ambienteApresentação projeto meio ambiente
Apresentação projeto meio ambientedilmagalvao
 
Educação: Conscientização da coleta seletiva.
Educação: Conscientização da coleta seletiva.Educação: Conscientização da coleta seletiva.
Educação: Conscientização da coleta seletiva.ayanne9945
 
Projeto interdisciplinar "Preservando o meio ambiente através da reciclagem"
Projeto interdisciplinar "Preservando o meio ambiente através da reciclagem"Projeto interdisciplinar "Preservando o meio ambiente através da reciclagem"
Projeto interdisciplinar "Preservando o meio ambiente através da reciclagem"mbl2012
 

Mais procurados (20)

Projeto Reciclagem
Projeto ReciclagemProjeto Reciclagem
Projeto Reciclagem
 
Treinamento coleta seletiva (muito bom)
Treinamento coleta seletiva (muito bom)Treinamento coleta seletiva (muito bom)
Treinamento coleta seletiva (muito bom)
 
Sustentabilidade e os 4Rs
Sustentabilidade e os 4RsSustentabilidade e os 4Rs
Sustentabilidade e os 4Rs
 
Novo projeto reciclagem de pneus
Novo projeto reciclagem de pneusNovo projeto reciclagem de pneus
Novo projeto reciclagem de pneus
 
A política dos 5 rs é consiste no ato de repensar
A política dos 5 rs é consiste no ato de repensarA política dos 5 rs é consiste no ato de repensar
A política dos 5 rs é consiste no ato de repensar
 
Os 3 Rs da Sustentabilidade Ambiental
Os 3 Rs da Sustentabilidade AmbientalOs 3 Rs da Sustentabilidade Ambiental
Os 3 Rs da Sustentabilidade Ambiental
 
RECICLAGEM
RECICLAGEMRECICLAGEM
RECICLAGEM
 
Reciclagem e meio ambiente
Reciclagem e meio ambienteReciclagem e meio ambiente
Reciclagem e meio ambiente
 
A importância da reciclagem na preservação do meio
A importância da reciclagem na preservação do meioA importância da reciclagem na preservação do meio
A importância da reciclagem na preservação do meio
 
Politica Dos 3 Rs
Politica Dos 3 RsPolitica Dos 3 Rs
Politica Dos 3 Rs
 
Reduzir Reutilizar Reciclar
Reduzir Reutilizar ReciclarReduzir Reutilizar Reciclar
Reduzir Reutilizar Reciclar
 
Coleta seletiva
Coleta seletivaColeta seletiva
Coleta seletiva
 
Apresentação projeto meio ambiente
Apresentação projeto meio ambienteApresentação projeto meio ambiente
Apresentação projeto meio ambiente
 
Lixo
LixoLixo
Lixo
 
Controle e Prevenção dos Processos de Poluição Ambiental
Controle e Prevenção dos Processos de Poluição AmbientalControle e Prevenção dos Processos de Poluição Ambiental
Controle e Prevenção dos Processos de Poluição Ambiental
 
Meio ambiente
Meio ambienteMeio ambiente
Meio ambiente
 
Reciclagem
ReciclagemReciclagem
Reciclagem
 
Reciclar
ReciclarReciclar
Reciclar
 
Educação: Conscientização da coleta seletiva.
Educação: Conscientização da coleta seletiva.Educação: Conscientização da coleta seletiva.
Educação: Conscientização da coleta seletiva.
 
Projeto interdisciplinar "Preservando o meio ambiente através da reciclagem"
Projeto interdisciplinar "Preservando o meio ambiente através da reciclagem"Projeto interdisciplinar "Preservando o meio ambiente através da reciclagem"
Projeto interdisciplinar "Preservando o meio ambiente através da reciclagem"
 

Destaque

Destaque (20)

Trabalho de Grupo sobre a Reciclagem
Trabalho de Grupo sobre a ReciclagemTrabalho de Grupo sobre a Reciclagem
Trabalho de Grupo sobre a Reciclagem
 
TRABALHO COMPLETO SOBRE O LIXO
TRABALHO COMPLETO SOBRE O LIXO TRABALHO COMPLETO SOBRE O LIXO
TRABALHO COMPLETO SOBRE O LIXO
 
História da reciclagem
História da reciclagemHistória da reciclagem
História da reciclagem
 
Reciclagem
ReciclagemReciclagem
Reciclagem
 
Como reciclar
Como reciclarComo reciclar
Como reciclar
 
14724[1]
14724[1]14724[1]
14724[1]
 
A Reciclagem
A Reciclagem   A Reciclagem
A Reciclagem
 
Reciclagem
Reciclagem Reciclagem
Reciclagem
 
Projeto Lixo Legal
Projeto Lixo LegalProjeto Lixo Legal
Projeto Lixo Legal
 
Materiais Recicláveis
Materiais RecicláveisMateriais Recicláveis
Materiais Recicláveis
 
Trabalhooo.Power Point
Trabalhooo.Power PointTrabalhooo.Power Point
Trabalhooo.Power Point
 
A arte de reciclar
A arte de reciclarA arte de reciclar
A arte de reciclar
 
Projeto Aulas De Campo E InterpretaçAo Ambiental
Projeto Aulas De Campo E InterpretaçAo AmbientalProjeto Aulas De Campo E InterpretaçAo Ambiental
Projeto Aulas De Campo E InterpretaçAo Ambiental
 
Reciclagem
ReciclagemReciclagem
Reciclagem
 
Logística reversa do plástico reciclagem
Logística reversa do plástico reciclagemLogística reversa do plástico reciclagem
Logística reversa do plástico reciclagem
 
Reciclagem
ReciclagemReciclagem
Reciclagem
 
reciclagem(powerpoint)
reciclagem(powerpoint)reciclagem(powerpoint)
reciclagem(powerpoint)
 
Reciclagem
ReciclagemReciclagem
Reciclagem
 
Política dos 3 R
Política dos 3 RPolítica dos 3 R
Política dos 3 R
 
reciclagem
reciclagemreciclagem
reciclagem
 

Semelhante a G6 trabalho de física - reciclagem

Semelhante a G6 trabalho de física - reciclagem (20)

G10 reciclagem
G10   reciclagemG10   reciclagem
G10 reciclagem
 
Gestão de Canais Reversos de Captação de Resíduos: O Câmbio Verde em Curitiba/PR
Gestão de Canais Reversos de Captação de Resíduos: O Câmbio Verde em Curitiba/PRGestão de Canais Reversos de Captação de Resíduos: O Câmbio Verde em Curitiba/PR
Gestão de Canais Reversos de Captação de Resíduos: O Câmbio Verde em Curitiba/PR
 
Apresentacao tcc
Apresentacao tccApresentacao tcc
Apresentacao tcc
 
Apresentacao tcc
Apresentacao tccApresentacao tcc
Apresentacao tcc
 
Brochure PT
Brochure PTBrochure PT
Brochure PT
 
Coletaseletiva
ColetaseletivaColetaseletiva
Coletaseletiva
 
A coleta seletiva
A coleta seletivaA coleta seletiva
A coleta seletiva
 
Reciclagem
ReciclagemReciclagem
Reciclagem
 
Manual de educação ambiental vol 4
Manual de educação ambiental vol 4Manual de educação ambiental vol 4
Manual de educação ambiental vol 4
 
Apresenta..
Apresenta..Apresenta..
Apresenta..
 
Apresenta..
Apresenta..Apresenta..
Apresenta..
 
DDSCOLETASELETIVA.pptx
DDSCOLETASELETIVA.pptxDDSCOLETASELETIVA.pptx
DDSCOLETASELETIVA.pptx
 
DDSCOLETASELETIVA.pptx
DDSCOLETASELETIVA.pptxDDSCOLETASELETIVA.pptx
DDSCOLETASELETIVA.pptx
 
Trabalho Educação e Sustentabilidade
Trabalho Educação e SustentabilidadeTrabalho Educação e Sustentabilidade
Trabalho Educação e Sustentabilidade
 
Reciclagem
ReciclagemReciclagem
Reciclagem
 
Seminário 04 12-2013
Seminário 04 12-2013Seminário 04 12-2013
Seminário 04 12-2013
 
Resíduos sólidos - Politica Nacional de Resíduos Sólidos
Resíduos sólidos - Politica Nacional de Resíduos SólidosResíduos sólidos - Politica Nacional de Resíduos Sólidos
Resíduos sólidos - Politica Nacional de Resíduos Sólidos
 
Tcc
TccTcc
Tcc
 
Resíduos sólidos.pdf
Resíduos sólidos.pdfResíduos sólidos.pdf
Resíduos sólidos.pdf
 
Veja aqui -coleta_seletiva_como_fazer__gov_sp_
Veja aqui -coleta_seletiva_como_fazer__gov_sp_Veja aqui -coleta_seletiva_como_fazer__gov_sp_
Veja aqui -coleta_seletiva_como_fazer__gov_sp_
 

Mais de cristbarb

Aula 01 - Física - Energia Energia Mecânica.pptx
Aula 01 - Física - Energia Energia Mecânica.pptxAula 01 - Física - Energia Energia Mecânica.pptx
Aula 01 - Física - Energia Energia Mecânica.pptxcristbarb
 
Aula02 eletrostatica
Aula02 eletrostaticaAula02 eletrostatica
Aula02 eletrostaticacristbarb
 
2001 g8 energia nuclear
2001 g8 energia nuclear2001 g8 energia nuclear
2001 g8 energia nuclearcristbarb
 
2001 g7 biomassa 01
2001 g7 biomassa 012001 g7 biomassa 01
2001 g7 biomassa 01cristbarb
 
2003 g8 nuclear
2003 g8 nuclear2003 g8 nuclear
2003 g8 nuclearcristbarb
 
Energia Geotérmica
Energia GeotérmicaEnergia Geotérmica
Energia Geotérmicacristbarb
 
Usinas Termoelétricas
Usinas TermoelétricasUsinas Termoelétricas
Usinas Termoelétricascristbarb
 
2002 g6 energia maremotriz-1
2002 g6 energia maremotriz-12002 g6 energia maremotriz-1
2002 g6 energia maremotriz-1cristbarb
 

Mais de cristbarb (20)

Aula 01 - Física - Energia Energia Mecânica.pptx
Aula 01 - Física - Energia Energia Mecânica.pptxAula 01 - Física - Energia Energia Mecânica.pptx
Aula 01 - Física - Energia Energia Mecânica.pptx
 
Aula02 eletrostatica
Aula02 eletrostaticaAula02 eletrostatica
Aula02 eletrostatica
 
2001 g8 energia nuclear
2001 g8 energia nuclear2001 g8 energia nuclear
2001 g8 energia nuclear
 
2001 g7 biomassa 01
2001 g7 biomassa 012001 g7 biomassa 01
2001 g7 biomassa 01
 
Mares
MaresMares
Mares
 
Geotermica
GeotermicaGeotermica
Geotermica
 
Binder1
Binder1Binder1
Binder1
 
2002 g4
2002 g42002 g4
2002 g4
 
Binder1
Binder1Binder1
Binder1
 
2003 g8 nuclear
2003 g8 nuclear2003 g8 nuclear
2003 g8 nuclear
 
Biomassa
BiomassaBiomassa
Biomassa
 
Binder1
Binder1Binder1
Binder1
 
Energia Geotérmica
Energia GeotérmicaEnergia Geotérmica
Energia Geotérmica
 
Binder1
Binder1Binder1
Binder1
 
2003 g3
2003 g32003 g3
2003 g3
 
Usinas Termoelétricas
Usinas TermoelétricasUsinas Termoelétricas
Usinas Termoelétricas
 
2003 g1
2003 g12003 g1
2003 g1
 
2002 g6 energia maremotriz-1
2002 g6 energia maremotriz-12002 g6 energia maremotriz-1
2002 g6 energia maremotriz-1
 
2002 g4
2002 g42002 g4
2002 g4
 
2001 g3
2001 g32001 g3
2001 g3
 

G6 trabalho de física - reciclagem

  • 2. Reciclagem A reciclagem é o termo geralmente utilizado para designar o reaproveitamento de materiais beneficiados como matéria-prima para um novo produto. Muitos materiais podem ser reciclados e os exemplos mais comuns são o papel, o vidro, o metal e o plástico.
  • 3. Vantagens  As maiores vantagens da reciclagem são a minimização da utilização de fontes naturais, muitas vezes não renováveis; e a minimização da quantidade de resíduos que necessita de tratamento final, como aterramento, ou incineração.  No aspecto econômico a reciclagem contribui para a utilização mais racional dos recursos naturais e a reposição daqueles recursos que são
  • 4. No âmbito social, a reciclagem não só proporciona melhor qualidade de vida para as pessoas, através das melhorias ambientais, como também tem gerado muitos postos de trabalho e rendimento para pessoas que vivem nas camadas mais pobres.  No Brasil existem os carroceiros ou catadores de papel, que vivem da venda de sucatas, papéis, latas de alumínio e outros materiais recicláveis deitados para o lixo. Também trabalham na colecta ou na classificação de materiais para a reciclagem. Como é um serviço pesado e sujo, não tem grande poder atrativo para as fatias mais qualificadas da população.Assim, para muitas das pessoas que trabalham na reciclagem (em especial os que têm menos educação formal), a reciclagem é uma das únicas
  • 5. Desvantagens  Custos de recolha, transporte e reprocessamento.  O tempo na separação do lixo e as doenças que podem ser transmitidas nesse processo.  Instabilidade dos mercados para materiais reciclados, os quais podem ser rapidamente distorcidos por alterações na oferta e procura (nacional ou internacional).  Custo de materiais reciclados (em relação aos produzidos com matérias-primas virgens).
  • 6. Como funciona? No Brasil os recipientes para receber materiais recicláveis seguem o seguinte padrão:  Azul: Papel/Papelão  Vermelho: Plástico  Verde: Vidro  Amarelo: Metal  Preto: Madeira  Laranja: Resíduos perigosos  Branco: Resíduos ambulatoriais e de serviços de saúde  Roxo: Resíduos radioativos  Marrom: Resíduos orgânicos  Cinza: Resíduo geralmente não reciclável, misturado ou contaminado, não sendo possível de separação
  • 7. Impactos Ambientais No meio ambiente a reciclagem pode reduzir a acumulação progressiva de resíduos a produção de novos materiais, como por exemplo o papel, que exigiria o corte de mais árvores; as emissões de gases como metano e gás carbônico; as agressões ao solo, ar e água; entre outros tantos fatores negativos.
  • 8. Ações desenvolvidas no Estado do Rio de Janeiro  Programa Coleta Seletiva Solidária  O Programa Coleta Seletiva Solidária é uma realização da SEA e do Instituto Estadual do Ambiente, em parceria com a Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), cujos objetivos são:  Implantação da Coleta Seletiva Solidária;  A melhoria da gestão dos resíduos sólidos urbanos nos Municípios do Estado do Rio de Janeiro;  O fortalecimento da cadeia produtiva da reciclagem;
  • 9. Ações desenvolvidas no Estado do Rio de Janeiro  Programa Recicla Rio  Programa tem como foco estratégico a implementação de sistemas de logística reversa que incentivem a coleta de lixo reciclável.  O programa Recicla-Rio, coordenado pela SUPS/SEA, é instrumento da política de resíduos e está inserido dentro do PERS (Plano Estadual de Resíduos Sólidos). Em fase de estruturação, tem como objetivo principal a valorização dos resíduos sólidos e a promoção da parceria entre os agentes públicos, privados e comunitários visando a fortalecer as iniciativas e a cadeia produtiva da reciclagem no território do estado do Rio de
  • 10. Sistema de recolhimento de pneus inservíveis  Há no estado um sistema de Logística Reversa de pneus inservíveis (que não servem mais). Conta com 34 pontos de coleta em 29 municípios, onde foram recolhidas 10.224 toneladas de pneus de janeiro a julho de 2011. Esse sistema está ancorado no programa da Reciclanip, que foi criada pelos fabricantes de pneus novos Bridgestone, Goodyear, Michelin e Pirelli, e que hoje conta também com a Continental. Os pneus inservíveis são coletados desde 1999 e destinados pela Reciclanip para as empresas de trituração e
  • 11. Trabalho de Física 2012 Colégio Estadual Dom Hélder Câmara Nomes: Lucas, Jasmine, Sthefanne e Renato Nº: 12, 5, 23, 20 Turma: 2003 Turno: Manhã