SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 9
Baixar para ler offline
Universidade Federal de Pernambuco - Centro de Educação - Centro de Estudos em Educação e Linguagem
Rua Acadêmico Hélio Ramos, s/n Cidade Universitária. CEP: 50740-530. Recife - PE - Brasil
Telefone: 81 2126.8921. Website: www.ufpe.br/ceel
APROPRIAÇÃO DO SISTEMA DE
ESCRITA ALFABÉTICA
O que precisamos saber para realizar a
leitura desse texto?
Universidade Federal de Pernambuco - Centro de Educação - Centro de Estudos em Educação e Linguagem
Rua Acadêmico Hélio Ramos, s/n Cidade Universitária. CEP: 50740-530. Recife - PE - Brasil
Telefone: 81 2126.8921. Website: www.ufpe.br/ceel
O que precisamos saber para realizar a
leitura desse texto?
Universidade Federal de Pernambuco - Centro de Educação - Centro de Estudos em Educação e Linguagem
Rua Acadêmico Hélio Ramos, s/n Cidade Universitária. CEP: 50740-530. Recife - PE - Brasil
Telefone: 81 2126.8921. Website: www.ufpe.br/ceel
O que é necessário saber para
dominar o sistema de
escrita alfabética?
Universidade Federal de Pernambuco - Centro de Educação - Centro de Estudos em Educação e Linguagem
Rua Acadêmico Hélio Ramos, s/n Cidade Universitária. CEP: 50740-530. Recife - PE - Brasil
Telefone: 81 2126.8921. Website: www.ufpe.br/ceel
Princípios do Sistema de Escrita Alfabética
Universidade Federal de Pernambuco - Centro de Educação - Centro de Estudos em Educação e Linguagem
Rua Acadêmico Hélio Ramos, s/n Cidade Universitária. CEP: 50740-530. Recife - PE - Brasil
Telefone: 81 2126.8921. Website: www.ufpe.br/ceel
Para se apropriar do sistema de escrita alfabética o aluno
precisa compreender:
1) Que a direção predominante da escrita é a horizontal;
2) Que o sentido predominante da escrita é da esquerda
para a direita;
3) Que se escreve com letras, que as letras não podem
ser inventadas, que para notar as palavras de uma língua
existe um repertório finito (26, no caso do português); que
letras, números e outros símbolos são diferentes;
Princípios do Sistema de Escrita Alfabética
Universidade Federal de Pernambuco - Centro de Educação - Centro de Estudos em Educação e Linguagem
Rua Acadêmico Hélio Ramos, s/n Cidade Universitária. CEP: 50740-530. Recife - PE - Brasil
Telefone: 81 2126.8921. Website: www.ufpe.br/ceel
4) Que as letras têm formatos fixos (isto é, embora p, q, b
e d tenham o mesmo formato, a posição não pode variar,
senão a letra muda); mas, também que uma mesma letra
tem formatos variados; (p é também P, P, p, P, p, etc.),
sem que elas, as letras, se confundam;
5) Que o sistema alfabético de escrita tem relação com a
pauta sonora (correspondência grafofônica) e não com as
propriedades dos objetos ou conceitos apresentados
(tamanho, cor, formato, etc.);
Princípios do Sistema de Escrita Alfabética
Universidade Federal de Pernambuco - Centro de Educação - Centro de Estudos em Educação e Linguagem
Rua Acadêmico Hélio Ramos, s/n Cidade Universitária. CEP: 50740-530. Recife - PE - Brasil
Telefone: 81 2126.8921. Website: www.ufpe.br/ceel
6) Que na escrita alfabética, a correspondência entre a
escrita e a pauta sonora é realizada predominantemente
entre grafemas e fonemas e não entre grafemas e
sílabas, por exemplo;
7) Que as letras têm valores sonoros fixos,
convencionalizados;
8) Que todas as sílabas têm uma vogal;
Princípios do Sistema de Escrita Alfabética
Universidade Federal de Pernambuco - Centro de Educação - Centro de Estudos em Educação e Linguagem
Rua Acadêmico Hélio Ramos, s/n Cidade Universitária. CEP: 50740-530. Recife - PE - Brasil
Telefone: 81 2126.8921. Website: www.ufpe.br/ceel
9) Que as sílabas podem variar quanto às combinações
entre consoantes, vogais e semivogais (CV, CCV, CVSv,
CSvV, V, CCVCC...), mas a estrutura predominante é a
consoante-vogal (CV);
10) Quais combinações de letras estão permitidas na
língua (quais podem vir juntas) e que posição elas podem
ocupar nas palavras (por exemplo, Q vem sempre junto
de U e não existe palavra terminando com QU em
português);
Princípios do Sistema de Escrita Alfabética
Universidade Federal de Pernambuco - Centro de Educação - Centro de Estudos em Educação e Linguagem
Rua Acadêmico Hélio Ramos, s/n Cidade Universitária. CEP: 50740-530. Recife - PE - Brasil
Telefone: 81 2126.8921. Website: www.ufpe.br/ceel
11) Que as regras de correspondência grafofônica são
ortográficas: várias letras têm mais de um valor sonoro (a
letra O vale por /ó/, /õ/, /ô/ e /u/, por exemplo) e, por outro
lado, alguns sons são notados por letras diferentes (o
som /s/ em português se escreve com S, C, SS, Ç, X, Z,
SC, SÇ, etc). No entanto, predominam as motivações
regulares diretas (uma letra corresponde a um único
fonema, como B, D, F, J, P, T).

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a 4 apropr..APROPRIAÇÃO DO SISTEMA DE ESCRITA ALFABÉTICA

2 materi..MATERIAIS DIDÁTICOS NO CICLO DE ALFABETIAZAÇÃO
2  materi..MATERIAIS DIDÁTICOS NO CICLO DE ALFABETIAZAÇÃO2  materi..MATERIAIS DIDÁTICOS NO CICLO DE ALFABETIAZAÇÃO
2 materi..MATERIAIS DIDÁTICOS NO CICLO DE ALFABETIAZAÇÃO
Cris Siqueira
 
Apresentação sessão
Apresentação sessãoApresentação sessão
Apresentação sessão
ampm197
 
Projeto Método Fônico
Projeto Método FônicoProjeto Método Fônico
Projeto Método Fônico
Neemias
 
Projeto metodo fonico
Projeto metodo fonicoProjeto metodo fonico
Projeto metodo fonico
Neemias
 
Sétimo encontro do PNAIC -Quadro de rotina . Oitavo encontro A Aprendizagem ...
Sétimo encontro do PNAIC -Quadro de rotina . Oitavo encontro A  Aprendizagem ...Sétimo encontro do PNAIC -Quadro de rotina . Oitavo encontro A  Aprendizagem ...
Sétimo encontro do PNAIC -Quadro de rotina . Oitavo encontro A Aprendizagem ...
Solange Goulart
 
A apropriação do sistema de escrita alfabético e consolidação do processo de ...
A apropriação do sistema de escrita alfabético e consolidação do processo de ...A apropriação do sistema de escrita alfabético e consolidação do processo de ...
A apropriação do sistema de escrita alfabético e consolidação do processo de ...
Solange Goulart
 
PNAIC - Ano 3 unidade 3
PNAIC - Ano 3 unidade 3PNAIC - Ano 3 unidade 3
PNAIC - Ano 3 unidade 3
ElieneDias
 
Ortografia Slides da Aula
Ortografia Slides da AulaOrtografia Slides da Aula
Ortografia Slides da Aula
ClaudiaDemolin
 
Guia nova-ortografia
Guia nova-ortografiaGuia nova-ortografia
Guia nova-ortografia
YvesLunn
 
PNAIC - Unidade III texto 1
PNAIC - Unidade III   texto 1PNAIC - Unidade III   texto 1
PNAIC - Unidade III texto 1
ElieneDias
 
Consciencia fonológica
Consciencia fonológicaConsciencia fonológica
Consciencia fonológica
Bete Feliciano
 

Semelhante a 4 apropr..APROPRIAÇÃO DO SISTEMA DE ESCRITA ALFABÉTICA (20)

2 materi..MATERIAIS DIDÁTICOS NO CICLO DE ALFABETIAZAÇÃO
2  materi..MATERIAIS DIDÁTICOS NO CICLO DE ALFABETIAZAÇÃO2  materi..MATERIAIS DIDÁTICOS NO CICLO DE ALFABETIAZAÇÃO
2 materi..MATERIAIS DIDÁTICOS NO CICLO DE ALFABETIAZAÇÃO
 
2 materi..
2  materi..2  materi..
2 materi..
 
Hipóteses Alfabética.pptx
Hipóteses Alfabética.pptxHipóteses Alfabética.pptx
Hipóteses Alfabética.pptx
 
Alfaletrando com estratégias Intencionais.pptx
Alfaletrando com estratégias Intencionais.pptxAlfaletrando com estratégias Intencionais.pptx
Alfaletrando com estratégias Intencionais.pptx
 
Apresentação sessão
Apresentação sessãoApresentação sessão
Apresentação sessão
 
Projeto Método Fônico
Projeto Método FônicoProjeto Método Fônico
Projeto Método Fônico
 
Projeto metodo fonico
Projeto metodo fonicoProjeto metodo fonico
Projeto metodo fonico
 
Sétimo encontro do PNAIC -Quadro de rotina . Oitavo encontro A Aprendizagem ...
Sétimo encontro do PNAIC -Quadro de rotina . Oitavo encontro A  Aprendizagem ...Sétimo encontro do PNAIC -Quadro de rotina . Oitavo encontro A  Aprendizagem ...
Sétimo encontro do PNAIC -Quadro de rotina . Oitavo encontro A Aprendizagem ...
 
A apropriação do sistema de escrita alfabético e consolidação do processo de ...
A apropriação do sistema de escrita alfabético e consolidação do processo de ...A apropriação do sistema de escrita alfabético e consolidação do processo de ...
A apropriação do sistema de escrita alfabético e consolidação do processo de ...
 
Por que o alfabeto é um sistema notacional e não um código?
Por que o alfabeto é um sistema notacional e não um código?Por que o alfabeto é um sistema notacional e não um código?
Por que o alfabeto é um sistema notacional e não um código?
 
Seminário sobre a Escrita Alfabetica.pptx
Seminário sobre a Escrita Alfabetica.pptxSeminário sobre a Escrita Alfabetica.pptx
Seminário sobre a Escrita Alfabetica.pptx
 
PNAIC - Ano 3 unidade 3
PNAIC - Ano 3 unidade 3PNAIC - Ano 3 unidade 3
PNAIC - Ano 3 unidade 3
 
Ortografia Slides da Aula
Ortografia Slides da AulaOrtografia Slides da Aula
Ortografia Slides da Aula
 
Guia nova-ortografia
Guia nova-ortografiaGuia nova-ortografia
Guia nova-ortografia
 
PNAIC - Unidade III texto 1
PNAIC - Unidade III   texto 1PNAIC - Unidade III   texto 1
PNAIC - Unidade III texto 1
 
língua portuguesa 1ª quinzena.docx
língua portuguesa 1ª quinzena.docxlíngua portuguesa 1ª quinzena.docx
língua portuguesa 1ª quinzena.docx
 
1º ANO - ENSINO FUNDAMENTAL - ENSINO REGULAR
1º ANO - ENSINO FUNDAMENTAL - ENSINO REGULAR1º ANO - ENSINO FUNDAMENTAL - ENSINO REGULAR
1º ANO - ENSINO FUNDAMENTAL - ENSINO REGULAR
 
1 ano ensino fundamental regular
1  ano ensino fundamental regular1  ano ensino fundamental regular
1 ano ensino fundamental regular
 
Consciencia fonológica
Consciencia fonológicaConsciencia fonológica
Consciencia fonológica
 
Conscincia fonolgica revisto_abril_2013
Conscincia fonolgica revisto_abril_2013Conscincia fonolgica revisto_abril_2013
Conscincia fonolgica revisto_abril_2013
 

Mais de Cris Siqueira

LISTA DOS APROVADOS NO VESTIBULAR- PÓLO INGAZEIRA
LISTA DOS APROVADOS NO VESTIBULAR- PÓLO INGAZEIRALISTA DOS APROVADOS NO VESTIBULAR- PÓLO INGAZEIRA
LISTA DOS APROVADOS NO VESTIBULAR- PÓLO INGAZEIRA
Cris Siqueira
 
1 pra que serve o livro
1  pra que serve o livro1  pra que serve o livro
1 pra que serve o livro
Cris Siqueira
 
A fada que tinha ideias- LEITURA DELEITE
A fada que tinha ideias- LEITURA DELEITEA fada que tinha ideias- LEITURA DELEITE
A fada que tinha ideias- LEITURA DELEITE
Cris Siqueira
 
4 apropr... APROPRIAÇÃO DO SISTEMA DE ESCRITA ALFABÉTICA
4  apropr... APROPRIAÇÃO DO SISTEMA DE ESCRITA ALFABÉTICA4  apropr... APROPRIAÇÃO DO SISTEMA DE ESCRITA ALFABÉTICA
4 apropr... APROPRIAÇÃO DO SISTEMA DE ESCRITA ALFABÉTICA
Cris Siqueira
 

Mais de Cris Siqueira (6)

LISTA DOS APROVADOS NO VESTIBULAR- PÓLO INGAZEIRA
LISTA DOS APROVADOS NO VESTIBULAR- PÓLO INGAZEIRALISTA DOS APROVADOS NO VESTIBULAR- PÓLO INGAZEIRA
LISTA DOS APROVADOS NO VESTIBULAR- PÓLO INGAZEIRA
 
1 pra que serve o livro
1  pra que serve o livro1  pra que serve o livro
1 pra que serve o livro
 
A fada que tinha ideias- LEITURA DELEITE
A fada que tinha ideias- LEITURA DELEITEA fada que tinha ideias- LEITURA DELEITE
A fada que tinha ideias- LEITURA DELEITE
 
4 apropr... APROPRIAÇÃO DO SISTEMA DE ESCRITA ALFABÉTICA
4  apropr... APROPRIAÇÃO DO SISTEMA DE ESCRITA ALFABÉTICA4  apropr... APROPRIAÇÃO DO SISTEMA DE ESCRITA ALFABÉTICA
4 apropr... APROPRIAÇÃO DO SISTEMA DE ESCRITA ALFABÉTICA
 
Dinamicas i
Dinamicas iDinamicas i
Dinamicas i
 
Cad aluno leitura
Cad aluno leituraCad aluno leitura
Cad aluno leitura
 

4 apropr..APROPRIAÇÃO DO SISTEMA DE ESCRITA ALFABÉTICA

  • 1. Universidade Federal de Pernambuco - Centro de Educação - Centro de Estudos em Educação e Linguagem Rua Acadêmico Hélio Ramos, s/n Cidade Universitária. CEP: 50740-530. Recife - PE - Brasil Telefone: 81 2126.8921. Website: www.ufpe.br/ceel APROPRIAÇÃO DO SISTEMA DE ESCRITA ALFABÉTICA
  • 2. O que precisamos saber para realizar a leitura desse texto? Universidade Federal de Pernambuco - Centro de Educação - Centro de Estudos em Educação e Linguagem Rua Acadêmico Hélio Ramos, s/n Cidade Universitária. CEP: 50740-530. Recife - PE - Brasil Telefone: 81 2126.8921. Website: www.ufpe.br/ceel
  • 3. O que precisamos saber para realizar a leitura desse texto? Universidade Federal de Pernambuco - Centro de Educação - Centro de Estudos em Educação e Linguagem Rua Acadêmico Hélio Ramos, s/n Cidade Universitária. CEP: 50740-530. Recife - PE - Brasil Telefone: 81 2126.8921. Website: www.ufpe.br/ceel
  • 4. O que é necessário saber para dominar o sistema de escrita alfabética? Universidade Federal de Pernambuco - Centro de Educação - Centro de Estudos em Educação e Linguagem Rua Acadêmico Hélio Ramos, s/n Cidade Universitária. CEP: 50740-530. Recife - PE - Brasil Telefone: 81 2126.8921. Website: www.ufpe.br/ceel
  • 5. Princípios do Sistema de Escrita Alfabética Universidade Federal de Pernambuco - Centro de Educação - Centro de Estudos em Educação e Linguagem Rua Acadêmico Hélio Ramos, s/n Cidade Universitária. CEP: 50740-530. Recife - PE - Brasil Telefone: 81 2126.8921. Website: www.ufpe.br/ceel Para se apropriar do sistema de escrita alfabética o aluno precisa compreender: 1) Que a direção predominante da escrita é a horizontal; 2) Que o sentido predominante da escrita é da esquerda para a direita; 3) Que se escreve com letras, que as letras não podem ser inventadas, que para notar as palavras de uma língua existe um repertório finito (26, no caso do português); que letras, números e outros símbolos são diferentes;
  • 6. Princípios do Sistema de Escrita Alfabética Universidade Federal de Pernambuco - Centro de Educação - Centro de Estudos em Educação e Linguagem Rua Acadêmico Hélio Ramos, s/n Cidade Universitária. CEP: 50740-530. Recife - PE - Brasil Telefone: 81 2126.8921. Website: www.ufpe.br/ceel 4) Que as letras têm formatos fixos (isto é, embora p, q, b e d tenham o mesmo formato, a posição não pode variar, senão a letra muda); mas, também que uma mesma letra tem formatos variados; (p é também P, P, p, P, p, etc.), sem que elas, as letras, se confundam; 5) Que o sistema alfabético de escrita tem relação com a pauta sonora (correspondência grafofônica) e não com as propriedades dos objetos ou conceitos apresentados (tamanho, cor, formato, etc.);
  • 7. Princípios do Sistema de Escrita Alfabética Universidade Federal de Pernambuco - Centro de Educação - Centro de Estudos em Educação e Linguagem Rua Acadêmico Hélio Ramos, s/n Cidade Universitária. CEP: 50740-530. Recife - PE - Brasil Telefone: 81 2126.8921. Website: www.ufpe.br/ceel 6) Que na escrita alfabética, a correspondência entre a escrita e a pauta sonora é realizada predominantemente entre grafemas e fonemas e não entre grafemas e sílabas, por exemplo; 7) Que as letras têm valores sonoros fixos, convencionalizados; 8) Que todas as sílabas têm uma vogal;
  • 8. Princípios do Sistema de Escrita Alfabética Universidade Federal de Pernambuco - Centro de Educação - Centro de Estudos em Educação e Linguagem Rua Acadêmico Hélio Ramos, s/n Cidade Universitária. CEP: 50740-530. Recife - PE - Brasil Telefone: 81 2126.8921. Website: www.ufpe.br/ceel 9) Que as sílabas podem variar quanto às combinações entre consoantes, vogais e semivogais (CV, CCV, CVSv, CSvV, V, CCVCC...), mas a estrutura predominante é a consoante-vogal (CV); 10) Quais combinações de letras estão permitidas na língua (quais podem vir juntas) e que posição elas podem ocupar nas palavras (por exemplo, Q vem sempre junto de U e não existe palavra terminando com QU em português);
  • 9. Princípios do Sistema de Escrita Alfabética Universidade Federal de Pernambuco - Centro de Educação - Centro de Estudos em Educação e Linguagem Rua Acadêmico Hélio Ramos, s/n Cidade Universitária. CEP: 50740-530. Recife - PE - Brasil Telefone: 81 2126.8921. Website: www.ufpe.br/ceel 11) Que as regras de correspondência grafofônica são ortográficas: várias letras têm mais de um valor sonoro (a letra O vale por /ó/, /õ/, /ô/ e /u/, por exemplo) e, por outro lado, alguns sons são notados por letras diferentes (o som /s/ em português se escreve com S, C, SS, Ç, X, Z, SC, SÇ, etc). No entanto, predominam as motivações regulares diretas (uma letra corresponde a um único fonema, como B, D, F, J, P, T).