Medicinas Alternativas

8.113 visualizações

Publicada em

Algumas respostas sobre medicinas alternativas... Realizado no ambito do curso efa da escola rates de varzim

Publicada em: Turismo, Negócios
1 comentário
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Este trablho está bastante bom porque mostra-nos um pouco de tudo sobre as medicinas alternativas, desde já dou os parabéns as meninas que o realizaram pelo trabalho.Horácio,Alexandrina e Jorge
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
8.113
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
46
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
154
Comentários
1
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Medicinas Alternativas

  1. 1. Medicinas Alternativas<br />Medicamentos Sintéticos<br />
  2. 2. Fitoterapia<br /> A fitoterapia, apesar de ser erroneamente considerada por muitos como uma terapia alternativa, não é uma especialidade médica.Fitoterapia é o estudo das plantas medicinais e suas aplicações na cura das doenças.<br />
  3. 3. Qual os riscos dos tratamentos alternativos<br /> Muitas terapias alternativas, como a acupunctura ou a fitoterapia, que têm benefícios reconhecidos cientificamente, precisam de ser tratadas com as mesmas precauções da medicina convencional. <br />Consta-se que estes tratamentos podem ser prejudiciais quando conjugados com medicamentos ou práticas convencionais.<br />Tais medicinas não são «benéficas para toda a gente durante todo o tempo». <br />
  4. 4. Acupuntura<br />Acupuntura consiste na aplicação de agulhas, em pontos definidos do corpo, chamados de &quot;Pontos de Acupuntura&quot; ou &quot;Acupontos&quot;, para obter efeito terapêutico em diversas condições tais como:doenças dermatológicas, doenças cardiovasculares, doenças pulmonares, doenças neurológicas e doenças oftalmológicas.<br />
  5. 5. Terapias pelos Médicos<br />A inclusão dessas técnicas ,ate bem pouco tempo desacreditadas na área medica, tem sido motivada pela grande demanda de pacientes que procuram por tratamentos complementares quando tem um diagnóstico de cancro. Alem disso , actualmente há vários estudos controlados demonstrando a eficácia e a segurança delas. <br />
  6. 6. Reconhecimento das terapias<br />Depois do reconhecimento como especialidades médicas, a acunpuntura e a homeopatia passaram a integrar o rol de tratamento de diversa, promovendo o equilíbrio entre fisico e mente, partindo do principio que o ser humano deve ser visto como um todo.<br />
  7. 7. A origem das terapias tradicionais<br />Terapia alternativa é muitas vezes derivada de medicamentos antigos e práticas de cura e geralmente originadas nas culturas antigas, que são mais tarde adaptada para ser seguido com modernos medicamentos. O conceito seguido por estes tipos de terapias também é diferente da medicina ocidental e crêem que todos os problemas e adoecimento do corpo humano tem uma causa e esta causa pode ser curados se tratados adequadamente<br />
  8. 8. Pontos em comum nos vários tipos de tratamentos<br />Os processos de cura já não passam tanto pelos comprimidos, mas sim pela aceitação e compreensão daquilo que a sociedade pede a cada pessoa. <br />Esta situação pode originar um trauma que advém das divergências entre o que nos é pedido pela sociedade e o que achamos que somos capazes de fazer. E depois não nos podemos esquecer que a sociedade de hoje é uma sociedade de consumo, de protagonismo; e no meio disto há pessoas que se sentem bem e outras que se sentem forçadas.<br /> Quando a sociedade não nos permite fazer aquilo que nós gostamos, e que no fundo nos realiza e faz felizes, vamos desenvolver traumas e psicossomatizá-los - as chamadas depressões que, actualmente afectam muitas pessoas. <br />Então, o nosso futuro passa também por fazer compreender às pessoas que sociedade e pessoa são elementos distintos, o que pensamos é uma coisa e o que sentimos, muitas vezes, é outra. <br />... Dá-nos uma base de sabedoria e complemento que nos faz entender melhor a sociedade, o porquê das coisas. <br />
  9. 9. Para que serve a medicina alternativa<br />As alternativas tem como finalidade não agredir por qualquer motivo o nosso organismo com remédios e trabalha principalmente na prevenção.<br />A medicina alternativa tem quase resultados ou soluções naturais para quase todas doenças agudas e algumas crónicas ajudam também a recupera depois de doenças como cancro ou avc.<br />
  10. 10. Tipos de alternativas existentes em Portugal<br />Existem reconhecidas a homeopatia, acupunctura, Naturopatia. Cada uma tem efeitos diferentes tendo resultados diferentes em áreas diferentes.<br />
  11. 11. http://portal.alert-online.com/?key=680B3D50093A6A002E42140A321A2A5C0B683E0A76075276645A73<br />http://pt.wikipedia.org/wiki/Acupuntua<br />http://www.acim.com.br/RevistaDigital/revistaPDF/2007/Julho2007/pagina30.pdf<br />http://medicoexplicamedicinaaintelectuais.blogspot.com/2005/01/medicinas-alternativas-inteligncia.html<br />http://www.scumdoctor.com/Portuguese/alternative-medicine/What-Is-The-Definition-Of-Alternative-Medicine.html<br />http://br.answers.yahoo.com/question/index?qid=20070814212654AAcnxA3<br />
  12. 12. Trabalho elaborado :<br /> Cristiana Marques<br /> e<br /> Marlene Costa<br />

×