20131otrilio7avinhadenabote 130131163041-phpapp01

280 visualizações

Publicada em

Publicada em: Espiritual
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
280
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

20131otrilio7avinhadenabote 130131163041-phpapp01

  1. 1. LIÇÕES BÍBLICAS DE EBD - CPAD 1º TRIMESTRE DE 2013 LIÇÃO 7 – A VINHA DE NABOTE Prof. Ms. Natalino das Neves www.natalinodasneves.blogspot.com.br IEADSJP_EBDTV
  2. 2. REFERÊNCIA TEXTO/TEMA Texto áureo (Gl 6:7) “Não erreis: Deus não se deixa escarnecer; porque tudo o que o homem semear, isso também ceifará” Verdade prática “A trama orquestrada pela rainha Jezabel e o rei Acabe contra Nabote demonstra quão danoso é render-se aos Verdade prática quão danoso é render-se aos desejos da cobiça e de uma satisfação pessoal.” Leitura bíblica em classe (1 Rs 21:1-5; 15,16) Narrativa sobre a proposta de Acabe de compra da vinha de Nabote, que fora recusada por este, bem como do resultado da trama de Jezabel para tomar a Vinha de Nabote e dar à Acabe para fazer sua horta particular
  3. 3. INTRODUÇÃO • “Um mal puxa outro”. Acabe vai de mal a pior. • Pela cobiça e capricho pessoal, Acabe e sua• Pela cobiça e capricho pessoal, Acabe e sua esposa planejam a morte de um inocente. • Deus manifesta sua justiça e toma a causa do inocente e oprimido.
  4. 4. I – O OBJETO DA COBIÇAI – O OBJETO DA COBIÇA
  5. 5. I – O OBJETO DA COBIÇA • O direito à propriedade no AT • Segundo a lei a terra pertencia a Iavé, o israelitas e• Segundo a lei a terra pertencia a Iavé, o israelitas e as tribos tinham somente o direito de exploração (Lv 25.23; Nm 34:7; 36:7-9); • Venda somente por extrema pobreza, mas com direito de resgate /ano do Jubileu;
  6. 6. I – O OBJETO DA COBIÇA • A herança de Nabote • Acabe cobiçou e fez uma proposta de compra da vinha de Nabote, mas este invoca a lei (1 Rs 21:3),vinha de Nabote, mas este invoca a lei (1 Rs 21:3), à qual até monarca devia se sujeitar (1 Sm 10:25); • Incentivado por Jezabel planejam um “jeitinho” de burlar a lei (1 Rs 21:8-14). AP – Será que em nossos dias existem líderes que não aceitam um não e tentam passar acima da lei?
  7. 7. Sinopse do tópico “A cobiça transforma indivíduos comuns em criminosos.”criminosos.” (Lições bíblicas, p. 49)
  8. 8. II– AS CAUSAS DA COBIÇAII– AS CAUSAS DA COBIÇA
  9. 9. II– AS CAUSAS DA COBIÇA • Ampliação da casa de campo de Acabe • Acabe tinha uma segunda residência em Jezreel, a casa de verão/campo (1 Rs 18:45-46); • Não satisfeito desejou a vinha de Nabote para fazer uma hortauma horta • Pessoas insatisfeitas com o que tem (ex. Davi); • TER X SER; AP – O que você tem valorizado ? O que tem tirado seu sono?
  10. 10. Sinopse do tópico “Acabe desejou a propriedade de Nabote, pois queria, ali, construir uma horta.”pois queria, ali, construir uma horta.” (Lições bíblicas, p. 49)
  11. 11. III– O FRUTO DA COBIÇAIII– O FRUTO DA COBIÇA
  12. 12. III– O FRUTO DA COBIÇA • Falso testemunho • Jezabel elabora o plano e envolve várias pessoas, inclusive os nobres (1 Rs 21:7-8); • Cúmplices de falso testemunho contra um inocente (blasfêmia), incluindo um ritual religioso (1 Rs(blasfêmia), incluindo um ritual religioso (1 Rs 21;9-10); • Consentimento de Acabe para ter benefícios pessoais. AP – Quanto mal contra inocentes tem sido feito por falso testemunho e com a utilização da religião?
  13. 13. III– O FRUTO DA COBIÇA • Assassinato e apropriação indevida • Nabote é apedrejado e morto (1 Rs 21:13); • Uma vez morto, é feito a apropriação indébita (1 Rs• Uma vez morto, é feito a apropriação indébita (1 Rs 21: 16) AP – Quanto mal contra inocentes tem sido feito por falso testemunho e com a utilização da religião?
  14. 14. Sinopse do tópico “A cobiça origina o falso testemunho, assassinato e apropriação indevida dosassassinato e apropriação indevida dos bens do outro.” (Lições bíblicas, p. 50)
  15. 15. IV – AS CONSEQUÊNCIAS DA COBIÇAIV – AS CONSEQUÊNCIAS DA COBIÇA
  16. 16. IV – AS CONSEQUÊNCIAS DA COBIÇA • De Deus nada se esconde (1 Rs 21:17-18); • Deus anuncia a sentença (1 Rs 21:19-20);• Deus anuncia a sentença (1 Rs 21:19-20); AP – Deus continua no controle da história e do mundo.
  17. 17. IV – AS CONSEQUÊNCIAS DA COBIÇA • Deus concede misericórdia ao que se arrepende (1 Rs 21:27-29) • O perdão não retira as consequências do pecado (1• O perdão não retira as consequências do pecado (1 Rs 22:29-40; 2 Rs 1:1-17) AP – reconheça as consequências de suas falhas e se renda incondicionalmente a Deus.
  18. 18. Sinopse do tópico “Na cobiça que dominou Acabe, vemos o julgamento divino, e tambémjulgamento divino, e também arrependimento e morte.” (Lições bíblicas, p. 51)
  19. 19. CONSIDERAÇÕES FINAISCONSIDERAÇÕES FINAIS
  20. 20. CONSIDERAÇÕES FINAIS • Este episódio da vinha de Nabote demonstra que: 1. A cobiça pode conduzir as pessoas a condutas1. A cobiça pode conduzir as pessoas a condutas injustas e animalescas; 2. Muitos inocentes sofrem na mão de injustos, às vezes, até em nome da religião; 3. Deus é o Deus dos oprimidos. Ele continua no controle de tudo e de todos.
  21. 21. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS BUIS, Pierre. O livro dos Reis. São Paulo: Paulus, 1997. CERESKO, Anthony. Introdução ao Antigo Testamento numa perspectiva libertadora. Rio de Janeiro: Paulus, 1996. GONÇALVES, José. Porção dobrada. Rio de Janeiro: CPAD,GONÇALVES, José. Porção dobrada. Rio de Janeiro: CPAD, 2012. LIÇÕES BÍBLICAS. Elias e Eliseu, um ministério de poder para toda Igreja. 1º trimestre de 2013. Rio de Janeiro: CPAD, 2012. MERRILL, Eugene H. História de Israel no Antigo Testamento. Rio de Janeiro: CPAD, 2001.
  22. 22. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS RENDTORFF, Rolf. Antigo Testamento: uma introdução. São Paulo: Academia Cristã, 2009. SHREINER, Josef. Palavra e Mensagem do Antigo Testamento. São Paulo: Teológica, 2004. SICRE, José Luís. Profetismo em Israel: o profeta, os profetas, a mensagem. Rio de Janeiro: Vozes, 2008. SWINDOLL, Charles R. Elias: um homem de heroísmo e humildade. São Paulo: Editora Vida, 2010. WILSON, Robert R. Profecia e Sociedade no Antigo Israel. São Paulo: Targumin; Paulus, 2006.
  23. 23. IEADSJP – Igreja Evangélica Assembleia de Deus de São José dos Pinhais www.adsaojosedospinhais.com.br; www.redemaoamiga.com.br Pr. Presidente: Ival Teodoro da Silva Pr. Vice-Presidente: Eurico Deraldo SantanaPr. Vice-Presidente: Eurico Deraldo Santana Sup. da EBD: Ev. Ismael Nascimento Oliveira Comentários: Ev. Natalino das Neves (www.natalinodasneves.blogspot.com.br; natalino.neves@ig.com.br; 8409 8094 / 3076 3589)
  24. 24. ACESSE O VÍDEO COM OS COMENTÁRIOS REFERENTE A ESTE ARQUIVO NO LINK ABAIXO: http://youtu.be/9vwSaxibCTM OU http://natalinodasneves.blogspot.com.br/
  25. 25. NO SLIDESHARE, BAIXE ESTE ARQUIVO, CLICANDO NO ÍCONE SUPERIOR:CLICANDO NO ÍCONE SUPERIOR: “SAVE” ou “DOWNLOAD”.

×