Moçambique

8.908 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
6 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
8.908
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
29
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
6
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Moçambique

  1. 1. Moçambique
  2. 2. Moçambique • Moçambique é um país da África Austral, Moç paí Austral, situado na costa do Oceano Índico, com cerca ndico, de 20 milhões de habitantes (2004). Foi uma colónia portuguesa, que se tornou independente coló portuguesa, em 25 de Junho de 1975.1975. • A história de Moçambique encontra-se histó Moç encontra- documentada pelo menos a partir do século X, X, quando um estudioso viajante árabe, descreveu uma importante actividade comercial entre as nações da região do Golfo Pérsico e os quot;Zanjquot; naç Pé (os negros) da quot;Bilad as Sofalaquot;, que incluía negros) Sofalaquot;, incluí grande parte da costa norte e centro do actual Moçambique. Moç • No entanto, vários achados arqueológicos vá arqueoló permitem caracterizar a quot;pré-históriaquot; de quot;pré histó Moçambique (antes da escrita) por muitos Moç séculos antes. Provavelmente o evento mais importante dessa pré-história terá sido a pré histó terá fixação nesta região dos povos Bantu que, não fixaç só eram agricultores, mas introduziram aqui a agricultores, metalurgia do ferro, entre os séculos I a IV. ferro, sé IV. • A penetração portuguesa em Moçambique, penetraç Moç iniciada no início do século XVI, só em 1885 – iní XVI, só com a partilha de África pelas potências europeias durante a Conferência de Berlim – se transformou numa ocupação militar, ou seja, na ocupaç submissão total dos estados ali existentes, que levou, nos inícios do século XX a uma iní verdadeira administração colonial. administraç • Depois de uma guerra de libertação que durou libertaç cerca de 10 anos, Moçambique tornou-se Moç tornou- independente em 25 de Junho de 1975.
  3. 3. Historia de Moçambique • No século XV mercadores árabes fundaram sé colónias comerciais em Sofala, Quelimane, coló Angoche e na Ilha de Moçambique... Moç • A Ilha de Moçambique foi visitada pela frota Moç de Vasco de Gama no dia 02/03/1498; pouco depois os portugueses ocuparam Sofala, em 1506. • De início, Moçambique era governado como iní Moç parte constituinte da Índia Portuguesa, tornando-se mais tarde uma administração tornando- administraç separada. Foi parte da África Portuguesa desde 1751, colónia portuguesa até 1951 e a coló até partir daí, Província Ultramarina. daí Proví • O país já era próspero quando os portugueses paí já pró chegaram e se instalaram no litoral. Eles subiram o Zambeze até Tete (1632) e até derrotaram os árabes; observaram (Antônio Fernandes, 1512 a 1516) a existência, no interior, de diversos reinados como Kiteve (ou Quiteve), tributários de Monomotapa, cuja tributá capital se situava no sul do vale do Zambeze; os comerciantes portugueses se instalaram no baixo vale.
  4. 4. As companhias de Moçambique • Os Portugueses confiaram a administração de administraç Manica, Sofala e Beira à Companhia de Moçambique (1891-1942) e a da província de Moç (1891- proví Niassa à Companhia de Niassa (1893-1929). (1893- Em 1904, os Portugueses se estabeleceram em Lourenço Marques, transformada em capital Lourenç em 1907, ao lado do alto comissariado – um conselho de governo constituído de funcionários constituí funcioná e de membros eleitos. • Em 1955, a República Portuguesa de Repú Moçambique emitiu uma série de 8 valores Moç sé cujos selos mostram o mesmo desenho sobre o mapa da região, o qual inclui a antiga cidade de Lourenço Marques e as antigas fronteiras Lourenç coloniais: Tanganica,Niassalândia (actual Malauí), Rodésia do Norte (actual Zâmbia), Malauí Rodé Rodésia do Sul (actual Zimbábue) e Transvaal Rodé Zimbá (actual província da África do Sul).Do lado proví direito, um selo emitido em 1987 (Scott: 1034), em comemoração ao Centenário da comemoraç Centená cidade de Maputo – capital de Moçambique que Moç foi renomeada em 1976. Chamada de Lourenço Lourenç Marques, desde 1887, o selo mostra o mapa da cidade por volta de 1887.
  5. 5. Primeiros habitantes de Moçambique • Os primeiros habitantes de Moçambique foram Moç provavelmente khoisan , que eram caçadores- caç adores- recolectores. Há cerca de 10.000 anos a Há costa de Moçambique já tinha o perfil Moç já aproximado do que apresenta hoje em dia: uma costa baixa, cortada por planícies de aluvião e planí parcialmente separada do Oceano Indico por um cordão de dunas. Esta configuração configuraç confere à região uma grande fertilidade, ostentando ainda hoje grandes extensões de savana onde pululam muitos animais indígenas. indí Havia portanto condições para a fixação de condiç fixaç povos caçadores-recolectores e até de caçadores- até agricultores. • Nos séculos I a IV, a região começou a ser sé começ invadida pelos Bontu (), que eram agricultores e já conheciam a metalurgia do ferro. A base já ferro. da economia dos Bantu era a agricultura, agricultura, principalmente de cereais locais, como a mapira e a mexoeira; a olaria, tecelagem e mexoeira; olaria, metalurgia encontravam-se também encontravam- també desenvolvidas, mas naquela época a manufactura destinava-se a suprir as destinava- necessidades familiares e o comércio era comé efectuado por troca directa. Por essa razão, a estrutura social era bastante simples - baseada na quot;família alargadaquot; à qual era quot;famí reconhecido um chefe.
  6. 6. A chegada dos portugueses a Moçambique • Quando Vasco da Gama chegou pela Gama primeira vez a Moçambique, em 1497, já Moç 1497, já existiam entrepostos comerciais árabes e uma grande parte da população tinha populaç aderido ao Islão. Os mercadores Islão. portugueses, apoiados por exércitos exé privados, foram-se infiltrando no foram- império dos Mwenemutapas, umas vezes impé firmando acordos, noutras forçando-os. forç ando- Em 1530 foi fundada a povoação povoaç portuguesa de Sena, em 1537, de Tete, 1537, Tete, no rio Zambeze, e em 1544 de Quelimane, na costa do Oceano Índico, Quelimane, ndico, assenhorando-se da rota entre as minas assenhorando- e o oceano. Em 1607 obtiveram do rei a concessão de todas as minas de ouro do seu território. Em 1627, o Mwenemutapa territó 1627, Capranzina, hostil aos portugueses, foi Capranzina, deposto e substituído pelo seu tio substituí Mavura; os portugueses baptizaram-no e ; baptizaram- Mavura este declarou-se vassalo de Portugal. declarou-
  7. 7. A Economia em Moçambique • Economia -Cerca de 45% do território territó moçambicano tem potencial para agricultura, porém 80% moç poré dela é de subsistência. Há extracção de madeira das Há extracç florestas nativas. A reconstrução da economia (após o reconstruç (apó fim da guerra civil em 1992, e das enchentes de 2000) é dificultada pela existência de minas terrestres não desactivadas. O Produto interno bruto de Moçambique bruto Moç foi de US$ 3,6 biliões em 2001. O país é membro da paí União Africana. Africana. • Principais produtos agrícolas: • Algodão • Cana-de-açúcar Cana- de- çúcar • Castanha-de-caju Castanha- de- • Copra (polpa do coco) • Mandioca
  8. 8. A Economia em Moçambique • Pecuária - • Bovinos • Suínos Suí • Ovinos • Pesca -A cifra oficial de capturas era de 30,2 mil toneladas em 1996. O camarão é um camarão dos principais produtos de exportação. exportação.

×