Novas Ferramentas,

734 visualizações

Publicada em

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
734
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
38
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
14
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Novas Ferramentas,

  1. 1. Novas Ferramentas Ciberjornalismo RSS; YouTube; SlideShow; Twitter ; PodCast; SlideShare
  2. 2. RSS <ul><li>RSS é um subconjunto de &quot;dialectos&quot; XML que servem para agregar conteúdo ou &quot;Web syndication&quot; , podendo ser acedido mediante programas ou sites agregadores – readers ou leitor de feeds. </li></ul><ul><li>No arquivo RSS são incluídas informações como título, página (endereço exato de onde há algo novo), descrição da alteração, data, autor, etc, de todas as últimas atualizações do site ao qual ele está agregado. De poucos em poucos minutos o arquivo RSS é atualizado mostrando as alterações recentes. </li></ul>
  3. 3. RSS <ul><li>O RSS é um formato padronizado mundialmente, que funciona sob a linguagem XML (Extensible Markup Language), e é usado para compartilhar conteúdo Web. Ele permite, por exemplo, que o administrador de um site de notícias crie um arquivo XML com as últimas manchetes publicadas, a fim de compartilhá-las mais rapidamente com seus leitores. Este arquivo poderá ser lido através de qualquer ferramenta que seja capaz de entender o formato XML do RSS. Um tipo de programa conhecido como leitor de feeds pode verificar páginas habilitadas para RSS para os seus usuários e informar atualizações. Estas aplicações são tipicamente construídas como programas independentes ou como extensões de navegadores ou programas de correio eletrônico. Estes programas estão disponíveis para vários sistemas operativos, inclusive existindo versões para web destes programas. </li></ul>
  4. 4. RSS <ul><li>A tecnologia do RSS permite aos usuários da internet se inscreverem em sites que fornecem feeds (fontes) RSS. Estes são tipicamente sites que mudam ou atualizam o seu conteúdo regularmente. Para isso, são utilizados Feeds RSS que recebem estas atualizações, desta maneira o usuário pode permanecer informado de diversas atualizações em diversos sites sem precisar visitá-los um a um </li></ul><ul><li>RSS é amplamente utilizado pela comunidade dos blogues para compartilhar as suas últimas novidades ou textos completos e até mesmo arquivos multimédia. O RSS é usado agora para muitos propósitos, incluindo marketing, bug-reports, e qualquer outra atividade que envolva atualização ou publicação constante de conteúdos. Hoje em dia é comum encontrar feeds RSS nos maiores web sites e também em alguns pequenos.. </li></ul>
  5. 5. YouTube <ul><li>O You Tube é um site de visionamento e partilha de vídeos na Internet em formato digital – utiliza o formato Macromedia Flash. </li></ul><ul><li>Desde o seu aparecimento, em Fevereiro de 2005, o You Tube tem crescido de uma forma nunca antes vista. Todos os dias são carregados milhares de vídeos e as visualizações situam-se na casa dos milhões. </li></ul><ul><li>O site foi criado por Chad Hurley e Steve Chen, trabalhadores da empresa americana PayPal. Em Outubro de 2006 o YouTube foi comprado pela Google. </li></ul><ul><li>A fase promocional do You Tube diz tudo sobre este serviço: “Broadcast Your Self”. </li></ul><ul><li>O sucesso deste motor de vídeo é tal que a revista TIME considerou esta ferramenta como a melhor invenção do ano em 2006. </li></ul>
  6. 6. YouTube <ul><li>Uma das vantagens deste serviço prende-se com o facto de todos os vídeos alojados no You Tube poderem facilmente ser colocados num site ou num blogue. </li></ul><ul><li>Um dos senãos tem a ver com o upload de vídeos que não obedecem às leis dos direitos de autor e também com a qualidade e execução dos vídeos que, por vezes, não é a melhor, matérias estas que têm gerado muita controvérsia. </li></ul>
  7. 7. SlideShow <ul><li>Slideshow é uma ferrementa que permite apresentar uma sequência de imagens por tempo determinado. As várias imagens podem conter efeitos de transição. </li></ul><ul><li>Numa era de imagem e interacção, o slideshow permite-nos falar por imagens. Apresentando uma barra com todas as fotografias, permite ao leitor escolher a imagem que quer ver de seguida. </li></ul><ul><li>É de uma grande utilidade na inovação e bi diferente que o ciberjornalismo pretende oferecer. </li></ul>
  8. 8. Twitter <ul><li>O twitter é um género de um microblogue –uma rede social </li></ul><ul><li>Apareceu em Março 2006 numa altura em que a febre dos blogues estava em alta, pela mãos da empresa americana Obvious Corp </li></ul><ul><li>Esta ferramenta permite que os utilizadores estejam constantemente a actualizar o seu conteúdo com mensagens que não podem ultrapassar os 140 caracteres – tipo SMS </li></ul><ul><li>As actualizações podem ser acompanhadas também através de alertas no seu Reader (ver feed/RSS) </li></ul>
  9. 9. PodCast <ul><li>O PodCast são, genericamente, arquivos de áudio na internet. </li></ul><ul><li>Esta é uma forma de publicação que pode suportar também vídeo e imagens. </li></ul><ul><li>A autoria deste conceito –PodCast – é geralmente atribuída ao Vj Adam Curry, que criou o primeiro agregador de podcast. </li></ul><ul><li>Os arquivos podem ser guardaos em qualquer formato digital, desde mp3,ACC, OGG, etc) </li></ul><ul><li>Estes arquivos podem ser lidos directamente na internet ou descarregados para o computador. </li></ul>
  10. 10. SlideShare <ul><li>O SlideShare é um serviço gratuito de partilha de conteúdos em formato “powerpoint”. </li></ul><ul><li>Os usuários registados podem disponibilizar as suas apresentações online e visitar apresentações de outros usuários. </li></ul><ul><li>À semelhança do YouTube, estas apresentações podem ser publicados num site ou blogue. </li></ul><ul><li>Os powerpoint podem ainda ser descarregados directamente do portal. </li></ul>

×