SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 8
Baixar para ler offline
Gerador de Vapor Elétrico
Luxo e SV
Gerador de Vapor Elétrico
Luxo e SV
Mod.
Mod. SV
Luxo
MANUALGERADORDEVAPORELÉTRICOSVELUXO-ATUALIZADOEM21/03/2012
Para sua segurança e melhor aproveitamento no uso deste produto,
antes de executar a instalação, leia atentamente este Manual de Instruções
Manual de Instruções
Obs: Para melhor atendê-lo a assistência técnica necessita que o cliente tenha em mãos a nota
fiscal de compra do produto.
ATENDIMENTO AO CONSUMIDOR
ALBACETE IND. E COM. DE EQUIPAMENTOS DE LAZER LTDA.
Rua Xaventes, 120 - Meudon - Teresópolis - RJ CEP: 25976-030
TEL: (21) 2152-9000 - (21) 2741-8000 - FAX: (21) 2741-8001
www.albacete.com.br
ASSISTÊNCIA TÉCNICA
E-mail: sac@albacete.com.br
PABX: (21) 2741-8000 - FAX: (21) 2741-8024
01 AO RECEBER O EQUIPAMENTO.....................................................................
02 CARACTERISTICAS TÉCNICAS.......................................................................
03 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS.........................................................................
04 CONSTRUÇÃO DA SAUNA...............................................................................
05 INSTALAÇÕES HIDRÁLICA..............................................................................
...........................................................................................
...........................................................................................
............................................................................................................
06 INSTALAÇÃO ELÉTRICA..................................................................................
07 ATERRAMENTO.................................................................................................
08 CONTROLE AUTOMÁTICO..............................................................................
09 ACIONAMENTO DO GERADOR.......................................................................
10 MANUTENÇÃO..................................................................................................
11 ACESSÓRIOS.....................................................................................................
......................................................................................................
.........................................................................................................
........................................................................................
...................................................................................................
12 INDENTIFICAÇÃO DOS DEFEITOS..................................................................
13 TERMO DE GARANTIA......................................................................................
14 ATENDIMENTO AO CONSUMIDOR...................................................................
5.1 ABASTECIMENTO
5.2 SAÍDA DE VAPOR
5.3 DRENO
11.1 ESÊNCIAS
11.2 PORTAS
11.3 DUCHA CIRCULAR
11.4 DUCHA ABS
01
02
02
04
05
05
05
05
06
07
08
09
10
11
11
11
11
11
12
13
14
Termos de garantia
Albacete Ind. e Com.de Equipamentos de Lazer Ltda.
REVENDEDOR:
CLIENTE:
ENDEREÇO:
CIDADE:
DADOS DO EQUIPAMENTO:
EST.: N. FISCAL:
A ALBACETE IND. E COM. DE EQUIPAMENTOS DE LAZER LTDA, certifica estar
entregando um produto em perfeitas condições de uso e adequado aos fins que se
destina.
Todo e qualquer defeito de fabricação poderá ser reclamado ao revendedor autorizado,
dentro do prazo máximo de um (1) ano a contar da data da emissão da respectiva nota
fiscal de venda, a garantia não cobre despesas referentes à remoção, correndo por conta
do adquirente as despesas de transporte até a fábrica, à Rua Xavantes, 120 , bairro
Meudon - Teresópolis - RJ ou ao local da assistência técnica autorizada, bem como a
reinstalação do produto e quaisquer outras despesas que não compreendidas na
substituição de peças e na mão de obra utilizada no reparo de defeitos de fabricação.
AAlbacete, por não oferecer serviços de instalação, fica sem efeito a presente garantia,
se o produto sofrer danos provocados por acidentes, uso indevido, maus tratos, agente
da natureza ou instalação em rede elétrica e hidráulica em desacordo com as instruções
do presente manual.
Essa garantia não cobre danos sofridos pelo produto durante ou manuseio inadequado,
danos causados por uso de produtos de limpeza impróprios (corrosivos, solventes,
abrasivos, etc.).
Verifique o estado do seu equipamento no ato do recebimento.Avarias ocorridas durante
o transporte por terceiros também não são cobertas pela GarantiaAlbacete.
OBS.: Reservamo-nos o direito de alterações no projeto sem prévio aviso.
Não nos responsabilizamos por erro de instalação, seja por revenda, técnicos
tercerizados, etc. Para maiores esclarecimentos entrar em contato com a COMISSÃO
DE ASSISTÊNCIA AO CONSUMIDOR da ALBACETE IND. E COM. DE
EQUIPAMENTOS DE LAZER LTDA.
12
Antes de desembalar o produto, certifique-se de que o equipamento não apresenta
avarias. Qualquer dano no produto é de inteira responsabilidade da transportadora,
no qual deverá ser feita a reclamação.
AO RECEBER O EQUIPAMENTO
IDENTIFICANDO OS DEFEITOS
1-Verifique se houve violação ou danos na embalagem.
2-Verifique se o produto foi entregue corretamente.
3-Verifique se houve algum tipo de dano causado ao ser transportada.
CUIDADOS IMPORTANTES
*Para conservar o produto mantenha-o em sua embalagem original (local seco, longe
de resíduos de obra).
*Não colocar peso sobre o produto nem sobre a embalagem.
*Ao desembalar, cuidado com pregos grampos para não danificar o Gerador.
*Não transporte o Gerador pelo duto ou chaminé.
*Evite deixar qualquer objeto sobre o Gerador.
*Ao ser realizado qualquer serviço de alvenaria, cubra o Gerador antes (PLÁSTICO).
*Não utilize produtos impróprios como: corrosivos, solventes, abrasivos, ácidos, nem
palha de aço para fazer a limpeza do Gerador.
*Evite cair (CAL, CIMENTO, GESSO, ETC.), Proteja o Gerador contra qualquer
resíduo.
UTILIZE SEMPRE PRODUTO DE
LIMPEZA NEUTRO.
ATENÇÃO
11 01
ANTES DE CHAMAR A ASSITÊNCIA TÉCNICA FAÇA VERIFICAÇÃO DE :
-Ambiente saturado.
-Bóia desregulada.
O gerador para
de enviar vapor
Colocar respiro e ou
melhorar a circulação
de ar na sauna.
-Regular a bóia e verificar
a pressão do registro ou
torneira, se necessário
feche um pouco.
-Entupimento interno
na bóia de alimentação
-Disjuntor
mal dimensionado
-Tubulação de saída de
vapor mal elaborada,
resistência com alguma
fase queimada.
-Reservatório sem
água.
-Desentupir a bóia e
verificar se a torneira
ou registro não está
fechado.
-Eliminar redução, curvas
e sinfonagem na saída
de vapor ou trocar
resistência.
-Colocar um disjuntor
dimensionado com a
especificação
do gerador.
-Tirar a bóia e desentupila.
Vazamento
de água
Aparelho
desliga
sozinho
Aparelho não
tem bom
rendimento
Aparelho não
liga
(luz vermelha acende)
INSTRUÇÕES DE SEGURANÇA:
Leia este manual com atenção antes de instalar e utilizar o Gerador Vapor, para
que você e sua família possam ter o máximo de satisfação, conforto e segurança
ao utilizar esse equipamento, observe as instruções abaixo:
Após a instalação, guarde-o, pois ele é um guia para esclarecer suas dúvidas.
Conserve-o junto com a respectiva Nota Fiscal de Compra para futuras consultas.
Por tratar-se de um produto técnico, deverá ser instalado por pessoas qualificadas.
O objetivo deste manual é facilitar a instalação, funcionamento e conservação do
equipamento, se as insformações contidas forem insuficientes, a ALBACETE está à
disposição para esclarecer qualquer dúvida. Para que você faça o melhor uso deste
equipamento.
02
INTRODUÇÃO
CARACTERISTICAS
ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS
A sauna a vapor tem multiplas indicações que beneficiam a estética e, principalmente
a saúde. Um desses benefícios é a ativação da circulação sanguínea sem
necessidade de qualquer esforço físico.
È ótimo aliado nos tratamentos de celulites e emagracimentos, já que possibilita o
aumento da transpiração, eliminando as toxinas e impurezas.
Com o objetivo de oferecer a você todos estes benefícios, aAlbacete criou uma ampla
linha de geradores de vapor para diversos tipos de sauna. Com certeza, um deles será
ideal para levar um novo bem estar ao seu lar.
Os geradores de vapor elétrico mod. Luxo e SV da Albacete são produzidos com
gabinete em fibra de vidro e comandado por dois interruptores e dois contactores
magnéticos, podendo atingir uma temperatura de até 60º.As resistências são
blindadas, fabricadas com fio níquel cromo e a vedação com o corpo do gerador é feita
com O-ring de silicone.
A entrada d´água é automática, não permitindo o funcionamento da sauna na falta
d´água . Para maior comodidade a sauna pode funcionar com regulagem automática
de temperatura do ambiente, através de um painel com termostato(opcional) que liga e
desliga parcialmente as resistências toda vez que a temperatura regulada mude.
A isntalação permite que a sauna funcione continuamente na sua potência parcial ou
total.
A
C
gerador
B
11
ACESSÓRIOS
As essências para sauna têm a finalidade de aromatizar
o ambiente da sauna deixando-o ainda mais agradável.
A Albacete oferece como item opcional a essência de
eucalipto que pode ser usada na caixa de sáida de vaspor
sobre as pedras ou com pulverizador.
As portas Albacete são fornecidas em dois modelos:
Porta em aço inox e porta em alumínio ambas com
batentes em alumínio ,visor e dimensões de 1.90x0.57
e 1.90x0.90 (mod. Especial).
Essências
Portas
Ducha circular
Duchas ABS
Ducha circular de 3” e de 4” arcos
produzida em latão cromado com
crivo de 8" em ABS. Conexão de
entrada de água de 1".
Ducha em ABS cromado com braço
em latão cromado e canopla de
acabamento emABS preto.
Fornecida em duas versões:
crivo de 8" com braço de ¾
crivo de 6" com braço de ½
Geradores
SV
Geradores
Luxo
Painel
Painel
A
690mm
690mm
690mm
170mm
850mm
A
690mm
690mm
690mm
850mm
170mm
B
510mm
510mm
510mm
60mm
560mm
B
505mm
505mm
505mm
560mm
60mm
C
340mm
340mm
340mm
140mm
380mm
C
310mm
310mm
310mm
380mm
140mm
Alt Saída Vapor
540mm
530mm
530mm
-
725mm
Alt Saída Vapor
540mm
530mm
530mm
725mm
-
Bitola
1 1/4
2
2
2
-
Bitola
1 1/4
2
2
2
-
Potência
6kw/9kw
12kw
15kw/18kw
21kw
-
Potência
6kw/9kw
12kw
15kw/18kw
21kw
-
LEIAATENTAMENTE AS ETIQUETAS DE IDENTIFICAÇÃO TÉCNICA
1
5
2
6 9
3
7
4
8
0310
1 - Gabinete
2 - Chave Liga/Desliga para acionamento das
resistências.
3 - Sinalizador verde indica que a resistência
está acionada.
4 - Sinalizador vermelho indica falta d’água na
alimentação do aparelho
5 - Saída de vapor
6 - Entrada de força
7 - Entrada d’água
8 - Dreno
9 - Fio Terra
MANUTENÇÃO
Retire os parafusos
Levante o gabinete
Para sua total comodidade, todos os geradores de vapor Albacete, são equipados
com gabinetes removível que facilita a montagem e desmontagem do equipamento
sem remover as conexões para uma eventual manutenção no local.
Sempre que necessário lave o reservatório de água, abrindo o registro do dreno e da
entrada de água simultaneamente deixando a água circular num período de 3 a 5
minutos. Quando utilizar água não tratada, poço, rio, etc, este procedimento deverá
ser feito sempre que utilizar o aparelho deixando posteriormente o reservatório vazio;
Nestes casos é obrigatório a utilização de filtro de água.
Para manter o gerador sempre com aspecto de novo, faça a limpeza do gabinete
com água morna e sabão periodicamente. Após o uso da sauna deligue todos os
sistemas, inclusive o quadro de disjuntores. Feche o registro da água e após um dia
de uso drenos para manter o reservatório da água sempre seco para a limpeza do
mesmmo evitando a corrosão.
OBS: Para fazer limpeza mantenha o gerador e todas as partes elétricas do
equipamento desligado para que não ocorra nenhum acidente.
Rede
Elétrica
Tensão
Elétrica
Potência Fio mm² Disjuntor ModeloCorrente
Elétrica
Cor. Elétrica
Disjuntor
6 Kw
LUXO
SV
LUXO
SV
LUXO
SV
LUXO
SV
LUXO
SV
SV
9 Kw
12 Kw
15 Kw
18 Kw
21 Kw
Bifásico
Bifásico
Trifásico
Trifásico
Trifásico
Trifásico
Trifásico
Trifásico
Trifásico
Trifásico
Trifásico
Trifásico
Trifásico
Trifásico
220V
220V
220V
220V
220V
220V
220V
220V
220V
380V
380V
380V
380V
380V
380V
Bipolar
Bipolar
Bipolar
Tripolar
Tripolar
Tripolar
Tripolar
Tripolar
Tripolar
Tripolar
Tripolar
Tripolar
Tripolar
Tripolar
Tripolar
27,3 A 32 - A
40 - A 50 - A
54,6 A 60 - A
39,5 A 50 - A
47,5 A 60 - A
55,5 A 60 - A
15,8 A 20 - A
23,7 A 30 - A
31,6 A 40 - A
22,8 A 30 - A
27,5 A 35 - A
32 - A 40 - A
9,2 - A 15 - A
13,7 A 20 - A
18 - A 25 - A
Cabine
6 a 9m³
9 a 12m³
12 a 18m³
15a 23m³
18 a 27m³
21 a 32m³
Gerador de vapor LUXO / SVelétrico
Bifásica
10 mm²
16 mm²
10 mm²
16 mm²
16 mm²
4.0 mm²
6.0 mm²
10 mm²
6.0 mm²
6.0 mm²
10 mm²
4.0 mm²
4.0 mm²
4.0 mm²
6.0 mm²
0904
CONSTRUÇÃO DA SAUNA
-Deixar saída do ar (1) da sauna com o mínimo de 2”;
-A sauna deve ser instalada no lado externo do cômodo o mais próximo possível da
parede;
-Deixar um ponto de água o mais próximo de onde o aparelho for instalado e outro
dentro da sauna;
-Tubulação de saída de vapor em cobre ou ferro galvanizado;
-Nunca reduzir o diâmetro da sída de vapor ou colocar mais de 3 cotovelos nas
conexôes da sua motagem;
-O vapor deve ser liberado no cômodo b=numa altura máxima de 20cm do piso;
-A área interna do cômodo deve possuir isolamento térmico (verniculita), e ser
revestida por materiais de supertifície lisa como: cerâmica, mármores ou granitos;
-Construir assentos e piso com material anti-derrapante;
-Iluminação blindada com interruptor do lado de fora do ambiente;
-Porta em alumínio ou aço inox com isolação térmica, munida de visor sem possuir
qualquer tipo de fechadura apenas fecho de pressão;
-A porta deve abrir sempre para o lado de fora;
-Instalar ralo para escoamento de água no piso;
-Instalar um ponto de água no interior no cômodo (colocar chuveiro ou ducha).
OBS: Para saunas com vidro panorâmico usar desembaçador e espessura
mínima do vidro deverá ser de 6mm. Saunas comparede de vidro com saída para
piscina colocar algum material para visualizar o final do vidro para evitar
acidentes.
Altura interna da sauna deve manter o padrão de 2,20m e 5% de inclinação.
ACIONAMENTO DO GERADOR
Controle automático de temperatura (opcional)
Após o uso da sauna desligue todos os sistemas, inclusive o quadro
de disjuntores. Feche o registro da água e abra o registro do dreno
para manter o reservatório da água sempre seco evitando a
corrosão.
CUIDADOS COM AMBIENTE: Após desligar o equipamento, abra a porta
da sauna (ambiente) e a saída de ar para manter o ambiente seco e
arejado, evitando odores e fungos no interior da sauna.
!
!
Para ativar o equipamento é simples, basta seguir os tópicos abaixo:
1 - Verifique a parte elétrica do gerador;
2 - Verifique se o registro do dreno está fechado;
3 - Faça uma revisão geral nas conexões hidráulicas e elétrica, em seguida abra o
registro ou torneira da entrada de água e mantenha-o aberto.
4 - Interruptor 1 - Potência parcial, com produção contínua de vapor.
5 - Interruptor 2 - Potência total, com produção contínua de vapor.
Com o controle de temperatura manual, a sauna deverá ter um termômetro instalado
no interior do comodô. Após atingir a temperatura desejada (45 º a 50 ºC) desligue o
interruptor 2.
Com o controle automático de temperatura, o procedimento será o mesmo descrito
nos tópicos acima, porém após o acionamento dos interruptores, você deverá indicar
no painel do controle automático a temperatura média desejada para o banho de
sauna, que será controlado automaticamente acionando e desligando o aparelho
sempre que necessário.
1- Saída de ar
10- Inclinação
do teto 5%
2-Sensor
do termostato
3-Quadro do
termostato
4-Quadro
com
dijuntores
5 - Gerador
7 - Registro
do dreno
6-União
9-Saída
de vapor12- Ponto de agua
11- Ralo
13 - Dreno
ÁGUAS
PLUVIAIS
2,20 m
altura
interna
A tendência do vapor quente é subir, tetos altos farão com que o vapor
mantenha-se afastado dos usuários, portanto deve-se mater a altura padrão de
2,20m de altura.
14 - Entrada
de água
08 05
INSTALAÇÃO HIDRÁULICA
ABASTECIMENTO
SAÍDA DE VAPOR
DRENO
Não utilize água tratada com cloro (de piscina) para abastecer
o gerador, caso venha à utilizar água de poço convém filtrar
antes de abastecer o gerador.!
!
O abastecimento é muito simples, pode ser
efetuado por uma torneira com rosca na
ponta ou através de um registro, ambos
intermediados por uma mangueira flexível,
que tem a finalidade de levar a água do
ponto de alimentação até a conecxão de
entrada do equipamento.
A alimentação pode ser feita com água de
rede pública (rua) ou reservatório particular
(caixa).
Na saída de vapor do gerador será acoplada a uma tubulação que levará a
vaporização até a sauna. Esta conexãodeverá ser feita de cobre ou ferro
galvanizado, que deverá obedecer o mesmo diâmetro em toda a sua extensão.
Este tubulação não deverá ultrapassar o número máximo de 3 cotovelos, sendo que
o último deles direcionado para o piso.
É utilizado para fazer a troca de água do reservatório de alimentação esta drenagem
é usual, ou seja, deverá ser feita a cada térmico do banho de sauna, mantendo este
reservatório vazio quando o gerador não estiver acionado.
PAINEL COM CONTROLE AUTOMÁTICO DE TEMPERATURA
O painel com controle automático de temperatura foi desenvolvido para automatizar
seu equipamento de sauna, ligando e desligando sempre que a temperatura for
atingida. Este quadro é opcional e adquirido separadamente. Figura 2
A instalação deve ser feita na parte externa da sauna numa altura proximada de
1,60 m. Antes de fixar o quadro, abra a sua tampa e retire do seu interior o cabo
sensor, e passe-o através da saida no quadro de comando e o insira no conduite
para a parte próxima ao teto da sauna, o mais longe possível do gerador.
O bulbo tem a finalidade de registrar a temperatura no interior da sauna e assim
controlar automaticamente o gerador. Ele não deverá encostar na parede ficando
numa posição perpendicular a mesma(sem qualquer inclinação), para que o mercúrio
existente no interior do bulbo não seja afetado.
Figura 02
Sauna
SUA SATISFAÇÃO
NOSSO OBJETIVO
PRODUÇÃO CONTÍNUA DE VAPOR
QUADRO DE COMANDO
COM TERMOSTATO(OPCIONAL)
TER
MOST
ATO
Entrada de
água
Nunca reduza o diâmetro da tubulação de vpor, nunca faça bolsa ou
sifão na tubulação.
13 - Dreno
14 - Entrada
de água
06 07
INSTALAÇÃO ELÉTRICA
Antes de iniciar a instalação elétrica consulte a tabela de dados técnicos e a etiqueta
de identificação, para certificação da potência, amperagem e tensão do gerador.
A instalação deverá ser feita por um profissional qualificado, deve ser feita
independente diretamente do quadro de força, evitando assim sobrecarga de
energia, use um disjuntor apropriado para seu aparelho.
OBS: Verifique sempre a etiqueta de identificação no gerador para sua
segurança e instalação correta do produto.
ATERRAMENTO
O sistema de aterramento é a maneira mais segura de se evitar choques elétricos.
Para tanto, é necessário que seja feito corretamente por pessoas qualificadas.
- Se sua instalação não dispõe de Fio Terrra providencie.
- Nunca conecte o Fio Terra do Aquecedor Elétrico diretamente ao Neutro da
instalação.
- O Neutro de sua instalação elétrica não pode ser utilizado como Terra. O fio Terra
deve ser aterrado e construído conforme as normas da concessionária e a NBR 5410
“Instalações Elétricas de Baixa Tensão - Procedimento” .
Um bom sistema de aterramento pode ser obtido através da colocação de uma ou
várias hastes metálicas no solo e/ou da utilização das ferragens das fundações da
construção, de forma a se obter, conforme determinada a NBR 5410, uma impedância
máxima de 1Ohm como FIG.01:
- O Fio Terra, ou Condutor de Proteção deverá sempre ser conectado no Terminal de
Aterramento do quadro do equipamento.
Em caso de dúvidas, entre em contato com a concessionária de energia de sua região.
,
- Se houverem emendas, deverão ser eletricamente bem feitas.
FIG.01
CAIXA DE MEDIÇÃO
CABOS DE EQUALIZAÇÃO
CAIXA DE
DISTRIBUIÇÃO
GERAL
BARRA DE TERRA
BARRA DENEUTRO
NEUTRO
F F
FFNT
TERRA
CABO DE COBRE
EM TUBULAÇÃO
MÍNIMA DE 16MM
ATERRAMENTO DA
REDE DE ENERGIA ELÉTRICA
EM CAIXA DE INSPEÇÃO
PROTEGER CONTRA
CORROSÃO
SOLO
220V
FÁSE - R
FÁSE - S
FÁSE - T
NEUTRO -
TERRA-
127V
FÁSES - R + S + T =
220V TRIFÁSICO
FÁSES = R+S = 220V BIFÁSICO
FÁSES = S+T = 220V BIFÁSICO
FÁSES = R+T = 220V BIFÁSICO
FÁSES = R+NEUTRO = 127V MONOFÁSICO
FÁSES = S+NEUTRO = 127V MONOFÁSICO
FÁSES = T+NEUTRO = 127V MONOFÁSICO
220V 220V
127V 127V
REDE ELÉTRICA220VOLTS TRFIFÁSICO + NEUTRO E TERRA REDE ELÉTRICA380VOLTS TRIFÁSICO + NEUTRO E TERRA
380V
FÁSE - R
FÁSE - S
FÁSE - T
NEUTRO -
TERRA-
220V
FÁSES - R + S + T =
380V TRIFÁSICO
FÁSES = R+S = 380V BIFÁSICO
FÁSES = S+T = 380V BIFÁSICO
FÁSES = R+T = 380V BIFÁSICO
FÁSES = R+NEUTRO = 220V MONOFÁSICO
FÁSES = S+NEUTRO = 220V MONOFÁSICO
FÁSES = T+NEUTRO = 220V MONOFÁSICO
380V
380V
220V 220V
REDE ELÉTRICA220VOLTS TRFIFÁSICO + TERRA
FÁSE - R
FÁSE - S
FÁSE - T
TERRA -
DISJUNTOR
TRIPOLAR
PARA O
EQUIPAMENTO
220V TRIFÁSICO
REDE ELÉTRICA 220VOLTS BIFÁSICO
FÁSE - R
FÁSE - T
TERRA -
DISJUNTOR
BIPOLAR
PARA O
EQUIPAMENTO
220V BIFÁSICO
REDE ELÉTRICA 380VOLTS BIFÁSICO
FÁSE - R
FÁSE - T
TERRA -
DISJUNTOR
BIPOLAR
PARA O
EQUIPAMENTO
380V BIFÁSICO
REDE ELÉTRICA 220V/127V MONOFÁSICO
FÁSE - R
NEUTRO -
TERRA -
DISJUNTOR
UNIPOLAR
PARA O
EQUIPAMENTO
127V MONOFÁSICO
REDE ELÉTRICA 380V/220V MONOFÁSICA
FÁSE - R
NEUTRO -
TERRA -
DISJUNTOR
UNIPOLAR
PARA O
EQUIPAMENTO
220V MONOFÁSICO
FÁSE - R
FÁSE - S
FÁSE - T
TERRA -
DISJUNTOR
TRIPOLAR
PARA O
EQUIPAMENTO
380V TRIFÁSICO
REDE ELÉTRICA380VOLTS TRFIFÁSICO + TERRA

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Manual Inversor FC 300
Manual Inversor FC 300Manual Inversor FC 300
Manual Inversor FC 300Luizb13775
 
Electrolux - Freezer vertical ffe24 manual de instruções
Electrolux - Freezer vertical ffe24   manual de instruçõesElectrolux - Freezer vertical ffe24   manual de instruções
Electrolux - Freezer vertical ffe24 manual de instruçõesGuilherme Gugelmin
 
Manual_Servicos_Refrigeradores_DF51-DF51X-DF52-DF52X-DFW52-DW52X_Rev01_Jul13_...
Manual_Servicos_Refrigeradores_DF51-DF51X-DF52-DF52X-DFW52-DW52X_Rev01_Jul13_...Manual_Servicos_Refrigeradores_DF51-DF51X-DF52-DF52X-DFW52-DW52X_Rev01_Jul13_...
Manual_Servicos_Refrigeradores_DF51-DF51X-DF52-DF52X-DFW52-DW52X_Rev01_Jul13_...PandaRefrigerao
 
Treinamento do caixa
Treinamento do caixaTreinamento do caixa
Treinamento do caixaTalita Aquino
 
Tehnium 8108
Tehnium 8108Tehnium 8108
Tehnium 8108ivan ion
 
Atendimento ao cliente. 1.0
Atendimento ao cliente. 1.0Atendimento ao cliente. 1.0
Atendimento ao cliente. 1.0André Trindade
 
Técnicas de Inspeção e Procedimentos para Testes - Cabos Elétricos
 Técnicas de Inspeção e Procedimentos para Testes - Cabos Elétricos Técnicas de Inspeção e Procedimentos para Testes - Cabos Elétricos
Técnicas de Inspeção e Procedimentos para Testes - Cabos ElétricosAlexandre Grossi
 
Depressão na terceira idade
Depressão na terceira idadeDepressão na terceira idade
Depressão na terceira idadeMax Suell Vitor
 
Guia eletricista-residencial completo
Guia eletricista-residencial completoGuia eletricista-residencial completo
Guia eletricista-residencial completoVenicio Pontes
 
Atendimento de excelência, o caminho da conquista e fidelização de clientes ...
Atendimento de  excelência, o caminho da conquista e fidelização de clientes ...Atendimento de  excelência, o caminho da conquista e fidelização de clientes ...
Atendimento de excelência, o caminho da conquista e fidelização de clientes ...Anselmo Lino Bispo
 
9 protocolo-revisado-e-com-indice-atualizado-saude-mental
9 protocolo-revisado-e-com-indice-atualizado-saude-mental9 protocolo-revisado-e-com-indice-atualizado-saude-mental
9 protocolo-revisado-e-com-indice-atualizado-saude-mentalRita De Cassia Mathais
 
Instalações elétricas instalações elétricas residenciais - prysmian - 2006
Instalações elétricas   instalações elétricas residenciais - prysmian - 2006Instalações elétricas   instalações elétricas residenciais - prysmian - 2006
Instalações elétricas instalações elétricas residenciais - prysmian - 2006ClaytonSulivan Oliveira
 
Palestra Tecnologia SMD (SMT) - 27/09/2013
Palestra Tecnologia SMD (SMT) - 27/09/2013Palestra Tecnologia SMD (SMT) - 27/09/2013
Palestra Tecnologia SMD (SMT) - 27/09/2013Gustavo Fernandes
 
Modelo+laudo+vistoria spda
Modelo+laudo+vistoria spdaModelo+laudo+vistoria spda
Modelo+laudo+vistoria spdaPaulo H Bueno
 
Encante seu Cliente - Prof. Guilherme Basso (Projeto INTEGRA)
Encante seu Cliente - Prof. Guilherme Basso (Projeto INTEGRA)Encante seu Cliente - Prof. Guilherme Basso (Projeto INTEGRA)
Encante seu Cliente - Prof. Guilherme Basso (Projeto INTEGRA)Guilherme Basso
 
Escriturário Banco do Brasil - Técnicas de Venda e Atendimento - Aula 4
Escriturário Banco do Brasil - Técnicas de Venda e Atendimento - Aula 4Escriturário Banco do Brasil - Técnicas de Venda e Atendimento - Aula 4
Escriturário Banco do Brasil - Técnicas de Venda e Atendimento - Aula 4Jailma Gomez
 
Crown wave50 work assit vehicle service repair manual
Crown wave50 work assit vehicle service repair manualCrown wave50 work assit vehicle service repair manual
Crown wave50 work assit vehicle service repair manualfhhsjdkmem
 
DET1 Desenho Elétrico Planta Baixa
DET1 Desenho Elétrico Planta BaixaDET1 Desenho Elétrico Planta Baixa
DET1 Desenho Elétrico Planta Baixasinesiogomes
 
Atendimento ao cliente mts
Atendimento ao cliente mtsAtendimento ao cliente mts
Atendimento ao cliente mtsManuel Teixeira
 
Atendimento ao cliente no Serviço de restauraçao
 Atendimento ao cliente no Serviço de restauraçao Atendimento ao cliente no Serviço de restauraçao
Atendimento ao cliente no Serviço de restauraçaoMoises Fernandes
 

Mais procurados (20)

Manual Inversor FC 300
Manual Inversor FC 300Manual Inversor FC 300
Manual Inversor FC 300
 
Electrolux - Freezer vertical ffe24 manual de instruções
Electrolux - Freezer vertical ffe24   manual de instruçõesElectrolux - Freezer vertical ffe24   manual de instruções
Electrolux - Freezer vertical ffe24 manual de instruções
 
Manual_Servicos_Refrigeradores_DF51-DF51X-DF52-DF52X-DFW52-DW52X_Rev01_Jul13_...
Manual_Servicos_Refrigeradores_DF51-DF51X-DF52-DF52X-DFW52-DW52X_Rev01_Jul13_...Manual_Servicos_Refrigeradores_DF51-DF51X-DF52-DF52X-DFW52-DW52X_Rev01_Jul13_...
Manual_Servicos_Refrigeradores_DF51-DF51X-DF52-DF52X-DFW52-DW52X_Rev01_Jul13_...
 
Treinamento do caixa
Treinamento do caixaTreinamento do caixa
Treinamento do caixa
 
Tehnium 8108
Tehnium 8108Tehnium 8108
Tehnium 8108
 
Atendimento ao cliente. 1.0
Atendimento ao cliente. 1.0Atendimento ao cliente. 1.0
Atendimento ao cliente. 1.0
 
Técnicas de Inspeção e Procedimentos para Testes - Cabos Elétricos
 Técnicas de Inspeção e Procedimentos para Testes - Cabos Elétricos Técnicas de Inspeção e Procedimentos para Testes - Cabos Elétricos
Técnicas de Inspeção e Procedimentos para Testes - Cabos Elétricos
 
Depressão na terceira idade
Depressão na terceira idadeDepressão na terceira idade
Depressão na terceira idade
 
Guia eletricista-residencial completo
Guia eletricista-residencial completoGuia eletricista-residencial completo
Guia eletricista-residencial completo
 
Atendimento de excelência, o caminho da conquista e fidelização de clientes ...
Atendimento de  excelência, o caminho da conquista e fidelização de clientes ...Atendimento de  excelência, o caminho da conquista e fidelização de clientes ...
Atendimento de excelência, o caminho da conquista e fidelização de clientes ...
 
9 protocolo-revisado-e-com-indice-atualizado-saude-mental
9 protocolo-revisado-e-com-indice-atualizado-saude-mental9 protocolo-revisado-e-com-indice-atualizado-saude-mental
9 protocolo-revisado-e-com-indice-atualizado-saude-mental
 
Instalações elétricas instalações elétricas residenciais - prysmian - 2006
Instalações elétricas   instalações elétricas residenciais - prysmian - 2006Instalações elétricas   instalações elétricas residenciais - prysmian - 2006
Instalações elétricas instalações elétricas residenciais - prysmian - 2006
 
Palestra Tecnologia SMD (SMT) - 27/09/2013
Palestra Tecnologia SMD (SMT) - 27/09/2013Palestra Tecnologia SMD (SMT) - 27/09/2013
Palestra Tecnologia SMD (SMT) - 27/09/2013
 
Modelo+laudo+vistoria spda
Modelo+laudo+vistoria spdaModelo+laudo+vistoria spda
Modelo+laudo+vistoria spda
 
Encante seu Cliente - Prof. Guilherme Basso (Projeto INTEGRA)
Encante seu Cliente - Prof. Guilherme Basso (Projeto INTEGRA)Encante seu Cliente - Prof. Guilherme Basso (Projeto INTEGRA)
Encante seu Cliente - Prof. Guilherme Basso (Projeto INTEGRA)
 
Escriturário Banco do Brasil - Técnicas de Venda e Atendimento - Aula 4
Escriturário Banco do Brasil - Técnicas de Venda e Atendimento - Aula 4Escriturário Banco do Brasil - Técnicas de Venda e Atendimento - Aula 4
Escriturário Banco do Brasil - Técnicas de Venda e Atendimento - Aula 4
 
Crown wave50 work assit vehicle service repair manual
Crown wave50 work assit vehicle service repair manualCrown wave50 work assit vehicle service repair manual
Crown wave50 work assit vehicle service repair manual
 
DET1 Desenho Elétrico Planta Baixa
DET1 Desenho Elétrico Planta BaixaDET1 Desenho Elétrico Planta Baixa
DET1 Desenho Elétrico Planta Baixa
 
Atendimento ao cliente mts
Atendimento ao cliente mtsAtendimento ao cliente mts
Atendimento ao cliente mts
 
Atendimento ao cliente no Serviço de restauraçao
 Atendimento ao cliente no Serviço de restauraçao Atendimento ao cliente no Serviço de restauraçao
Atendimento ao cliente no Serviço de restauraçao
 

Destaque

Manual Sauna Vapor Box Cabine da Albacete
Manual Sauna Vapor Box Cabine da AlbaceteManual Sauna Vapor Box Cabine da Albacete
Manual Sauna Vapor Box Cabine da AlbaceteCottage Casa E Lazer
 
Desenho técnico eletrônico
Desenho técnico eletrônicoDesenho técnico eletrônico
Desenho técnico eletrônicoFabio Curty
 
Sodramar Manual Gerador de Vapor
Sodramar Manual Gerador de VaporSodramar Manual Gerador de Vapor
Sodramar Manual Gerador de VaporPiscinas Jundiai
 
Elétrica desenhos eletricos
Elétrica desenhos eletricosElétrica desenhos eletricos
Elétrica desenhos eletricosCleuber Martins
 
Manual de Instalação Sauna Indoor - Sodramar
Manual de Instalação Sauna Indoor - SodramarManual de Instalação Sauna Indoor - Sodramar
Manual de Instalação Sauna Indoor - SodramarCottage Casa E Lazer
 
Manual Sauna a Lenha ou Lenha/Gás GL Albacete
Manual Sauna a Lenha ou Lenha/Gás GL AlbaceteManual Sauna a Lenha ou Lenha/Gás GL Albacete
Manual Sauna a Lenha ou Lenha/Gás GL AlbaceteCottage Casa E Lazer
 
Gás LP no Brasil - Perguntas frequentes - 2008
Gás LP no Brasil - Perguntas frequentes - 2008Gás LP no Brasil - Perguntas frequentes - 2008
Gás LP no Brasil - Perguntas frequentes - 2008Rafael Nunan
 
Manual Forno SF para Sauna Seca Socalor
Manual Forno SF para Sauna Seca SocalorManual Forno SF para Sauna Seca Socalor
Manual Forno SF para Sauna Seca SocalorCottage Casa E Lazer
 

Destaque (9)

Manual Sauna Vapor Box Cabine da Albacete
Manual Sauna Vapor Box Cabine da AlbaceteManual Sauna Vapor Box Cabine da Albacete
Manual Sauna Vapor Box Cabine da Albacete
 
Desenho técnico eletrônico
Desenho técnico eletrônicoDesenho técnico eletrônico
Desenho técnico eletrônico
 
Sodramar Manual Gerador de Vapor
Sodramar Manual Gerador de VaporSodramar Manual Gerador de Vapor
Sodramar Manual Gerador de Vapor
 
Elétrica desenhos eletricos
Elétrica desenhos eletricosElétrica desenhos eletricos
Elétrica desenhos eletricos
 
Manual de Instalação Sauna Indoor - Sodramar
Manual de Instalação Sauna Indoor - SodramarManual de Instalação Sauna Indoor - Sodramar
Manual de Instalação Sauna Indoor - Sodramar
 
Manual Sauna a Lenha ou Lenha/Gás GL Albacete
Manual Sauna a Lenha ou Lenha/Gás GL AlbaceteManual Sauna a Lenha ou Lenha/Gás GL Albacete
Manual Sauna a Lenha ou Lenha/Gás GL Albacete
 
SAUNA ARPOADOR
SAUNA ARPOADORSAUNA ARPOADOR
SAUNA ARPOADOR
 
Gás LP no Brasil - Perguntas frequentes - 2008
Gás LP no Brasil - Perguntas frequentes - 2008Gás LP no Brasil - Perguntas frequentes - 2008
Gás LP no Brasil - Perguntas frequentes - 2008
 
Manual Forno SF para Sauna Seca Socalor
Manual Forno SF para Sauna Seca SocalorManual Forno SF para Sauna Seca Socalor
Manual Forno SF para Sauna Seca Socalor
 

Semelhante a Manual Sauna a Vapor Elétrica modelo SV e SV Luxo albacete

Manual lavadora GE LVGE 1535
Manual lavadora GE LVGE 1535Manual lavadora GE LVGE 1535
Manual lavadora GE LVGE 1535roselaura2
 
Manual de instruções Cardall pressurizador
Manual de instruções Cardall pressurizadorManual de instruções Cardall pressurizador
Manual de instruções Cardall pressurizadorzetec10
 
MANUAL DE SAUNA SEMI ÚMIDA - IMPERCAP SAUNAS
MANUAL DE SAUNA SEMI ÚMIDA - IMPERCAP SAUNASMANUAL DE SAUNA SEMI ÚMIDA - IMPERCAP SAUNAS
MANUAL DE SAUNA SEMI ÚMIDA - IMPERCAP SAUNASImpercapSaunas1
 
Quadros de Comando Analógio e Digital Sodramar
Quadros de Comando Analógio e Digital SodramarQuadros de Comando Analógio e Digital Sodramar
Quadros de Comando Analógio e Digital SodramarSol e Lazer Piscinas
 
6ickmanual hiperled
6ickmanual hiperled6ickmanual hiperled
6ickmanual hiperledCocab Pools
 
Iyjdmanual mini iodopratic
Iyjdmanual mini iodopraticIyjdmanual mini iodopratic
Iyjdmanual mini iodopraticCocab Pools
 
Manual bombas-perifericas man
Manual bombas-perifericas manManual bombas-perifericas man
Manual bombas-perifericas manAdjamar Raimundo
 
Quadros de comando
Quadros de comandoQuadros de comando
Quadros de comandoCocab Pools
 
Manual da Ducha Advanced Inox Sodramar
Manual da Ducha Advanced Inox SodramarManual da Ducha Advanced Inox Sodramar
Manual da Ducha Advanced Inox SodramarCottage Casa E Lazer
 
N1otmanual ducha advance
N1otmanual ducha advanceN1otmanual ducha advance
N1otmanual ducha advanceCocab Pools
 
W0hdmanual ducha tubular
W0hdmanual ducha tubularW0hdmanual ducha tubular
W0hdmanual ducha tubularCocab Pools
 

Semelhante a Manual Sauna a Vapor Elétrica modelo SV e SV Luxo albacete (20)

Manual da Sauna a Vapor Impercap
Manual da Sauna a Vapor ImpercapManual da Sauna a Vapor Impercap
Manual da Sauna a Vapor Impercap
 
Manual lavadora GE LVGE 1535
Manual lavadora GE LVGE 1535Manual lavadora GE LVGE 1535
Manual lavadora GE LVGE 1535
 
Manual Banheira Málaga
Manual Banheira MálagaManual Banheira Málaga
Manual Banheira Málaga
 
4hs2led61
4hs2led614hs2led61
4hs2led61
 
Manual de instruções Cardall pressurizador
Manual de instruções Cardall pressurizadorManual de instruções Cardall pressurizador
Manual de instruções Cardall pressurizador
 
Manual Banheira Siesta
Manual Banheira SiestaManual Banheira Siesta
Manual Banheira Siesta
 
Manual spa siesta
Manual spa siestaManual spa siesta
Manual spa siesta
 
Manual spa siesta
Manual spa siestaManual spa siesta
Manual spa siesta
 
MANUAL DE SAUNA SEMI ÚMIDA - IMPERCAP SAUNAS
MANUAL DE SAUNA SEMI ÚMIDA - IMPERCAP SAUNASMANUAL DE SAUNA SEMI ÚMIDA - IMPERCAP SAUNAS
MANUAL DE SAUNA SEMI ÚMIDA - IMPERCAP SAUNAS
 
Quadros de Comando Analógio e Digital Sodramar
Quadros de Comando Analógio e Digital SodramarQuadros de Comando Analógio e Digital Sodramar
Quadros de Comando Analógio e Digital Sodramar
 
Manual lavadora ecoperformance
Manual lavadora ecoperformanceManual lavadora ecoperformance
Manual lavadora ecoperformance
 
6ickmanual hiperled
6ickmanual hiperled6ickmanual hiperled
6ickmanual hiperled
 
Ead bella ducha 4 t
Ead bella ducha 4 tEad bella ducha 4 t
Ead bella ducha 4 t
 
Iyjdmanual mini iodopratic
Iyjdmanual mini iodopraticIyjdmanual mini iodopratic
Iyjdmanual mini iodopratic
 
Manual bombas-perifericas man
Manual bombas-perifericas manManual bombas-perifericas man
Manual bombas-perifericas man
 
Quadros de comando
Quadros de comandoQuadros de comando
Quadros de comando
 
4hs2led61
4hs2led614hs2led61
4hs2led61
 
Manual da Ducha Advanced Inox Sodramar
Manual da Ducha Advanced Inox SodramarManual da Ducha Advanced Inox Sodramar
Manual da Ducha Advanced Inox Sodramar
 
N1otmanual ducha advance
N1otmanual ducha advanceN1otmanual ducha advance
N1otmanual ducha advance
 
W0hdmanual ducha tubular
W0hdmanual ducha tubularW0hdmanual ducha tubular
W0hdmanual ducha tubular
 

Mais de Cottage Casa E Lazer

Manual de Instalação de Lareira e Salamandra
Manual de Instalação de Lareira e SalamandraManual de Instalação de Lareira e Salamandra
Manual de Instalação de Lareira e SalamandraCottage Casa E Lazer
 
Manual gerador de cloro para piscina - Sodramar
Manual gerador de cloro para piscina - SodramarManual gerador de cloro para piscina - Sodramar
Manual gerador de cloro para piscina - SodramarCottage Casa E Lazer
 
Manual da Churrasqueira a Gás de embutir - M
Manual da Churrasqueira a Gás de embutir - MManual da Churrasqueira a Gás de embutir - M
Manual da Churrasqueira a Gás de embutir - MCottage Casa E Lazer
 
Manual da Churrasqueira a Gás de embutir - P
Manual da Churrasqueira a Gás de embutir - PManual da Churrasqueira a Gás de embutir - P
Manual da Churrasqueira a Gás de embutir - PCottage Casa E Lazer
 
Manual da Churrasqueira a Gás de embutir - Grande
Manual da Churrasqueira a Gás de embutir - GrandeManual da Churrasqueira a Gás de embutir - Grande
Manual da Churrasqueira a Gás de embutir - GrandeCottage Casa E Lazer
 
Manual da Churrasqueira a Gás para embutir - Pequena
Manual da Churrasqueira a Gás para embutir - PequenaManual da Churrasqueira a Gás para embutir - Pequena
Manual da Churrasqueira a Gás para embutir - PequenaCottage Casa E Lazer
 
Manual de instalação do braseiro médio
Manual de instalação do braseiro médioManual de instalação do braseiro médio
Manual de instalação do braseiro médioCottage Casa E Lazer
 
Manual de instalação do braseiro grande
Manual de instalação do braseiro grandeManual de instalação do braseiro grande
Manual de instalação do braseiro grandeCottage Casa E Lazer
 
Manual de Instalação do Braseiro médio
Manual de Instalação do Braseiro médioManual de Instalação do Braseiro médio
Manual de Instalação do Braseiro médioCottage Casa E Lazer
 
Manual de instalação do Braseiro pequeno
Manual de instalação do Braseiro pequenoManual de instalação do Braseiro pequeno
Manual de instalação do Braseiro pequenoCottage Casa E Lazer
 
Manual de iluminação Led Pool para piscina - Sodramar
Manual de iluminação Led Pool para piscina - SodramarManual de iluminação Led Pool para piscina - Sodramar
Manual de iluminação Led Pool para piscina - SodramarCottage Casa E Lazer
 
Manual de Filtros para Piscina - Sodramar
Manual de Filtros para Piscina - SodramarManual de Filtros para Piscina - Sodramar
Manual de Filtros para Piscina - SodramarCottage Casa E Lazer
 
Manual Ipool Standard para Automação de Piscina - Sodramar
Manual Ipool Standard para Automação de Piscina - SodramarManual Ipool Standard para Automação de Piscina - Sodramar
Manual Ipool Standard para Automação de Piscina - SodramarCottage Casa E Lazer
 
Lareira Elétrica Milos K3 - Manual de instalação
Lareira Elétrica Milos K3 - Manual de instalaçãoLareira Elétrica Milos K3 - Manual de instalação
Lareira Elétrica Milos K3 - Manual de instalaçãoCottage Casa E Lazer
 
Lareira Álcool de embutir Mica - JX - Medidas para instalação
Lareira Álcool de embutir Mica - JX - Medidas para instalaçãoLareira Álcool de embutir Mica - JX - Medidas para instalação
Lareira Álcool de embutir Mica - JX - Medidas para instalaçãoCottage Casa E Lazer
 
Lareira a Álcool ecológica K3 - Instruções para instalação
Lareira a Álcool ecológica K3 - Instruções para instalaçãoLareira a Álcool ecológica K3 - Instruções para instalação
Lareira a Álcool ecológica K3 - Instruções para instalaçãoCottage Casa E Lazer
 
Manual de Esterilizador de piscina UVC Sodramar
Manual de Esterilizador de piscina UVC SodramarManual de Esterilizador de piscina UVC Sodramar
Manual de Esterilizador de piscina UVC SodramarCottage Casa E Lazer
 
Robô XT5 para limpeza de piscinas Sibrape
Robô XT5 para limpeza de piscinas SibrapeRobô XT5 para limpeza de piscinas Sibrape
Robô XT5 para limpeza de piscinas SibrapeCottage Casa E Lazer
 
Manual de Filtros e Bombas da Sodramar
Manual de Filtros e Bombas da SodramarManual de Filtros e Bombas da Sodramar
Manual de Filtros e Bombas da SodramarCottage Casa E Lazer
 
Manual de Escada para piscina Sodramar
Manual de Escada para piscina SodramarManual de Escada para piscina Sodramar
Manual de Escada para piscina SodramarCottage Casa E Lazer
 

Mais de Cottage Casa E Lazer (20)

Manual de Instalação de Lareira e Salamandra
Manual de Instalação de Lareira e SalamandraManual de Instalação de Lareira e Salamandra
Manual de Instalação de Lareira e Salamandra
 
Manual gerador de cloro para piscina - Sodramar
Manual gerador de cloro para piscina - SodramarManual gerador de cloro para piscina - Sodramar
Manual gerador de cloro para piscina - Sodramar
 
Manual da Churrasqueira a Gás de embutir - M
Manual da Churrasqueira a Gás de embutir - MManual da Churrasqueira a Gás de embutir - M
Manual da Churrasqueira a Gás de embutir - M
 
Manual da Churrasqueira a Gás de embutir - P
Manual da Churrasqueira a Gás de embutir - PManual da Churrasqueira a Gás de embutir - P
Manual da Churrasqueira a Gás de embutir - P
 
Manual da Churrasqueira a Gás de embutir - Grande
Manual da Churrasqueira a Gás de embutir - GrandeManual da Churrasqueira a Gás de embutir - Grande
Manual da Churrasqueira a Gás de embutir - Grande
 
Manual da Churrasqueira a Gás para embutir - Pequena
Manual da Churrasqueira a Gás para embutir - PequenaManual da Churrasqueira a Gás para embutir - Pequena
Manual da Churrasqueira a Gás para embutir - Pequena
 
Manual de instalação do braseiro médio
Manual de instalação do braseiro médioManual de instalação do braseiro médio
Manual de instalação do braseiro médio
 
Manual de instalação do braseiro grande
Manual de instalação do braseiro grandeManual de instalação do braseiro grande
Manual de instalação do braseiro grande
 
Manual de Instalação do Braseiro médio
Manual de Instalação do Braseiro médioManual de Instalação do Braseiro médio
Manual de Instalação do Braseiro médio
 
Manual de instalação do Braseiro pequeno
Manual de instalação do Braseiro pequenoManual de instalação do Braseiro pequeno
Manual de instalação do Braseiro pequeno
 
Manual de iluminação Led Pool para piscina - Sodramar
Manual de iluminação Led Pool para piscina - SodramarManual de iluminação Led Pool para piscina - Sodramar
Manual de iluminação Led Pool para piscina - Sodramar
 
Manual de Filtros para Piscina - Sodramar
Manual de Filtros para Piscina - SodramarManual de Filtros para Piscina - Sodramar
Manual de Filtros para Piscina - Sodramar
 
Manual Ipool Standard para Automação de Piscina - Sodramar
Manual Ipool Standard para Automação de Piscina - SodramarManual Ipool Standard para Automação de Piscina - Sodramar
Manual Ipool Standard para Automação de Piscina - Sodramar
 
Lareira Elétrica Milos K3 - Manual de instalação
Lareira Elétrica Milos K3 - Manual de instalaçãoLareira Elétrica Milos K3 - Manual de instalação
Lareira Elétrica Milos K3 - Manual de instalação
 
Lareira Álcool de embutir Mica - JX - Medidas para instalação
Lareira Álcool de embutir Mica - JX - Medidas para instalaçãoLareira Álcool de embutir Mica - JX - Medidas para instalação
Lareira Álcool de embutir Mica - JX - Medidas para instalação
 
Lareira a Álcool ecológica K3 - Instruções para instalação
Lareira a Álcool ecológica K3 - Instruções para instalaçãoLareira a Álcool ecológica K3 - Instruções para instalação
Lareira a Álcool ecológica K3 - Instruções para instalação
 
Manual de Esterilizador de piscina UVC Sodramar
Manual de Esterilizador de piscina UVC SodramarManual de Esterilizador de piscina UVC Sodramar
Manual de Esterilizador de piscina UVC Sodramar
 
Robô XT5 para limpeza de piscinas Sibrape
Robô XT5 para limpeza de piscinas SibrapeRobô XT5 para limpeza de piscinas Sibrape
Robô XT5 para limpeza de piscinas Sibrape
 
Manual de Filtros e Bombas da Sodramar
Manual de Filtros e Bombas da SodramarManual de Filtros e Bombas da Sodramar
Manual de Filtros e Bombas da Sodramar
 
Manual de Escada para piscina Sodramar
Manual de Escada para piscina SodramarManual de Escada para piscina Sodramar
Manual de Escada para piscina Sodramar
 

Manual Sauna a Vapor Elétrica modelo SV e SV Luxo albacete

  • 1. Gerador de Vapor Elétrico Luxo e SV Gerador de Vapor Elétrico Luxo e SV Mod. Mod. SV Luxo MANUALGERADORDEVAPORELÉTRICOSVELUXO-ATUALIZADOEM21/03/2012 Para sua segurança e melhor aproveitamento no uso deste produto, antes de executar a instalação, leia atentamente este Manual de Instruções Manual de Instruções Obs: Para melhor atendê-lo a assistência técnica necessita que o cliente tenha em mãos a nota fiscal de compra do produto. ATENDIMENTO AO CONSUMIDOR ALBACETE IND. E COM. DE EQUIPAMENTOS DE LAZER LTDA. Rua Xaventes, 120 - Meudon - Teresópolis - RJ CEP: 25976-030 TEL: (21) 2152-9000 - (21) 2741-8000 - FAX: (21) 2741-8001 www.albacete.com.br ASSISTÊNCIA TÉCNICA E-mail: sac@albacete.com.br PABX: (21) 2741-8000 - FAX: (21) 2741-8024
  • 2. 01 AO RECEBER O EQUIPAMENTO..................................................................... 02 CARACTERISTICAS TÉCNICAS....................................................................... 03 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS......................................................................... 04 CONSTRUÇÃO DA SAUNA............................................................................... 05 INSTALAÇÕES HIDRÁLICA.............................................................................. ........................................................................................... ........................................................................................... ............................................................................................................ 06 INSTALAÇÃO ELÉTRICA.................................................................................. 07 ATERRAMENTO................................................................................................. 08 CONTROLE AUTOMÁTICO.............................................................................. 09 ACIONAMENTO DO GERADOR....................................................................... 10 MANUTENÇÃO.................................................................................................. 11 ACESSÓRIOS..................................................................................................... ...................................................................................................... ......................................................................................................... ........................................................................................ ................................................................................................... 12 INDENTIFICAÇÃO DOS DEFEITOS.................................................................. 13 TERMO DE GARANTIA...................................................................................... 14 ATENDIMENTO AO CONSUMIDOR................................................................... 5.1 ABASTECIMENTO 5.2 SAÍDA DE VAPOR 5.3 DRENO 11.1 ESÊNCIAS 11.2 PORTAS 11.3 DUCHA CIRCULAR 11.4 DUCHA ABS 01 02 02 04 05 05 05 05 06 07 08 09 10 11 11 11 11 11 12 13 14 Termos de garantia Albacete Ind. e Com.de Equipamentos de Lazer Ltda. REVENDEDOR: CLIENTE: ENDEREÇO: CIDADE: DADOS DO EQUIPAMENTO: EST.: N. FISCAL: A ALBACETE IND. E COM. DE EQUIPAMENTOS DE LAZER LTDA, certifica estar entregando um produto em perfeitas condições de uso e adequado aos fins que se destina. Todo e qualquer defeito de fabricação poderá ser reclamado ao revendedor autorizado, dentro do prazo máximo de um (1) ano a contar da data da emissão da respectiva nota fiscal de venda, a garantia não cobre despesas referentes à remoção, correndo por conta do adquirente as despesas de transporte até a fábrica, à Rua Xavantes, 120 , bairro Meudon - Teresópolis - RJ ou ao local da assistência técnica autorizada, bem como a reinstalação do produto e quaisquer outras despesas que não compreendidas na substituição de peças e na mão de obra utilizada no reparo de defeitos de fabricação. AAlbacete, por não oferecer serviços de instalação, fica sem efeito a presente garantia, se o produto sofrer danos provocados por acidentes, uso indevido, maus tratos, agente da natureza ou instalação em rede elétrica e hidráulica em desacordo com as instruções do presente manual. Essa garantia não cobre danos sofridos pelo produto durante ou manuseio inadequado, danos causados por uso de produtos de limpeza impróprios (corrosivos, solventes, abrasivos, etc.). Verifique o estado do seu equipamento no ato do recebimento.Avarias ocorridas durante o transporte por terceiros também não são cobertas pela GarantiaAlbacete. OBS.: Reservamo-nos o direito de alterações no projeto sem prévio aviso. Não nos responsabilizamos por erro de instalação, seja por revenda, técnicos tercerizados, etc. Para maiores esclarecimentos entrar em contato com a COMISSÃO DE ASSISTÊNCIA AO CONSUMIDOR da ALBACETE IND. E COM. DE EQUIPAMENTOS DE LAZER LTDA. 12
  • 3. Antes de desembalar o produto, certifique-se de que o equipamento não apresenta avarias. Qualquer dano no produto é de inteira responsabilidade da transportadora, no qual deverá ser feita a reclamação. AO RECEBER O EQUIPAMENTO IDENTIFICANDO OS DEFEITOS 1-Verifique se houve violação ou danos na embalagem. 2-Verifique se o produto foi entregue corretamente. 3-Verifique se houve algum tipo de dano causado ao ser transportada. CUIDADOS IMPORTANTES *Para conservar o produto mantenha-o em sua embalagem original (local seco, longe de resíduos de obra). *Não colocar peso sobre o produto nem sobre a embalagem. *Ao desembalar, cuidado com pregos grampos para não danificar o Gerador. *Não transporte o Gerador pelo duto ou chaminé. *Evite deixar qualquer objeto sobre o Gerador. *Ao ser realizado qualquer serviço de alvenaria, cubra o Gerador antes (PLÁSTICO). *Não utilize produtos impróprios como: corrosivos, solventes, abrasivos, ácidos, nem palha de aço para fazer a limpeza do Gerador. *Evite cair (CAL, CIMENTO, GESSO, ETC.), Proteja o Gerador contra qualquer resíduo. UTILIZE SEMPRE PRODUTO DE LIMPEZA NEUTRO. ATENÇÃO 11 01 ANTES DE CHAMAR A ASSITÊNCIA TÉCNICA FAÇA VERIFICAÇÃO DE : -Ambiente saturado. -Bóia desregulada. O gerador para de enviar vapor Colocar respiro e ou melhorar a circulação de ar na sauna. -Regular a bóia e verificar a pressão do registro ou torneira, se necessário feche um pouco. -Entupimento interno na bóia de alimentação -Disjuntor mal dimensionado -Tubulação de saída de vapor mal elaborada, resistência com alguma fase queimada. -Reservatório sem água. -Desentupir a bóia e verificar se a torneira ou registro não está fechado. -Eliminar redução, curvas e sinfonagem na saída de vapor ou trocar resistência. -Colocar um disjuntor dimensionado com a especificação do gerador. -Tirar a bóia e desentupila. Vazamento de água Aparelho desliga sozinho Aparelho não tem bom rendimento Aparelho não liga (luz vermelha acende)
  • 4. INSTRUÇÕES DE SEGURANÇA: Leia este manual com atenção antes de instalar e utilizar o Gerador Vapor, para que você e sua família possam ter o máximo de satisfação, conforto e segurança ao utilizar esse equipamento, observe as instruções abaixo: Após a instalação, guarde-o, pois ele é um guia para esclarecer suas dúvidas. Conserve-o junto com a respectiva Nota Fiscal de Compra para futuras consultas. Por tratar-se de um produto técnico, deverá ser instalado por pessoas qualificadas. O objetivo deste manual é facilitar a instalação, funcionamento e conservação do equipamento, se as insformações contidas forem insuficientes, a ALBACETE está à disposição para esclarecer qualquer dúvida. Para que você faça o melhor uso deste equipamento. 02 INTRODUÇÃO CARACTERISTICAS ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS A sauna a vapor tem multiplas indicações que beneficiam a estética e, principalmente a saúde. Um desses benefícios é a ativação da circulação sanguínea sem necessidade de qualquer esforço físico. È ótimo aliado nos tratamentos de celulites e emagracimentos, já que possibilita o aumento da transpiração, eliminando as toxinas e impurezas. Com o objetivo de oferecer a você todos estes benefícios, aAlbacete criou uma ampla linha de geradores de vapor para diversos tipos de sauna. Com certeza, um deles será ideal para levar um novo bem estar ao seu lar. Os geradores de vapor elétrico mod. Luxo e SV da Albacete são produzidos com gabinete em fibra de vidro e comandado por dois interruptores e dois contactores magnéticos, podendo atingir uma temperatura de até 60º.As resistências são blindadas, fabricadas com fio níquel cromo e a vedação com o corpo do gerador é feita com O-ring de silicone. A entrada d´água é automática, não permitindo o funcionamento da sauna na falta d´água . Para maior comodidade a sauna pode funcionar com regulagem automática de temperatura do ambiente, através de um painel com termostato(opcional) que liga e desliga parcialmente as resistências toda vez que a temperatura regulada mude. A isntalação permite que a sauna funcione continuamente na sua potência parcial ou total. A C gerador B 11 ACESSÓRIOS As essências para sauna têm a finalidade de aromatizar o ambiente da sauna deixando-o ainda mais agradável. A Albacete oferece como item opcional a essência de eucalipto que pode ser usada na caixa de sáida de vaspor sobre as pedras ou com pulverizador. As portas Albacete são fornecidas em dois modelos: Porta em aço inox e porta em alumínio ambas com batentes em alumínio ,visor e dimensões de 1.90x0.57 e 1.90x0.90 (mod. Especial). Essências Portas Ducha circular Duchas ABS Ducha circular de 3” e de 4” arcos produzida em latão cromado com crivo de 8" em ABS. Conexão de entrada de água de 1". Ducha em ABS cromado com braço em latão cromado e canopla de acabamento emABS preto. Fornecida em duas versões: crivo de 8" com braço de ¾ crivo de 6" com braço de ½ Geradores SV Geradores Luxo Painel Painel A 690mm 690mm 690mm 170mm 850mm A 690mm 690mm 690mm 850mm 170mm B 510mm 510mm 510mm 60mm 560mm B 505mm 505mm 505mm 560mm 60mm C 340mm 340mm 340mm 140mm 380mm C 310mm 310mm 310mm 380mm 140mm Alt Saída Vapor 540mm 530mm 530mm - 725mm Alt Saída Vapor 540mm 530mm 530mm 725mm - Bitola 1 1/4 2 2 2 - Bitola 1 1/4 2 2 2 - Potência 6kw/9kw 12kw 15kw/18kw 21kw - Potência 6kw/9kw 12kw 15kw/18kw 21kw -
  • 5. LEIAATENTAMENTE AS ETIQUETAS DE IDENTIFICAÇÃO TÉCNICA 1 5 2 6 9 3 7 4 8 0310 1 - Gabinete 2 - Chave Liga/Desliga para acionamento das resistências. 3 - Sinalizador verde indica que a resistência está acionada. 4 - Sinalizador vermelho indica falta d’água na alimentação do aparelho 5 - Saída de vapor 6 - Entrada de força 7 - Entrada d’água 8 - Dreno 9 - Fio Terra MANUTENÇÃO Retire os parafusos Levante o gabinete Para sua total comodidade, todos os geradores de vapor Albacete, são equipados com gabinetes removível que facilita a montagem e desmontagem do equipamento sem remover as conexões para uma eventual manutenção no local. Sempre que necessário lave o reservatório de água, abrindo o registro do dreno e da entrada de água simultaneamente deixando a água circular num período de 3 a 5 minutos. Quando utilizar água não tratada, poço, rio, etc, este procedimento deverá ser feito sempre que utilizar o aparelho deixando posteriormente o reservatório vazio; Nestes casos é obrigatório a utilização de filtro de água. Para manter o gerador sempre com aspecto de novo, faça a limpeza do gabinete com água morna e sabão periodicamente. Após o uso da sauna deligue todos os sistemas, inclusive o quadro de disjuntores. Feche o registro da água e após um dia de uso drenos para manter o reservatório da água sempre seco para a limpeza do mesmmo evitando a corrosão. OBS: Para fazer limpeza mantenha o gerador e todas as partes elétricas do equipamento desligado para que não ocorra nenhum acidente. Rede Elétrica Tensão Elétrica Potência Fio mm² Disjuntor ModeloCorrente Elétrica Cor. Elétrica Disjuntor 6 Kw LUXO SV LUXO SV LUXO SV LUXO SV LUXO SV SV 9 Kw 12 Kw 15 Kw 18 Kw 21 Kw Bifásico Bifásico Trifásico Trifásico Trifásico Trifásico Trifásico Trifásico Trifásico Trifásico Trifásico Trifásico Trifásico Trifásico 220V 220V 220V 220V 220V 220V 220V 220V 220V 380V 380V 380V 380V 380V 380V Bipolar Bipolar Bipolar Tripolar Tripolar Tripolar Tripolar Tripolar Tripolar Tripolar Tripolar Tripolar Tripolar Tripolar Tripolar 27,3 A 32 - A 40 - A 50 - A 54,6 A 60 - A 39,5 A 50 - A 47,5 A 60 - A 55,5 A 60 - A 15,8 A 20 - A 23,7 A 30 - A 31,6 A 40 - A 22,8 A 30 - A 27,5 A 35 - A 32 - A 40 - A 9,2 - A 15 - A 13,7 A 20 - A 18 - A 25 - A Cabine 6 a 9m³ 9 a 12m³ 12 a 18m³ 15a 23m³ 18 a 27m³ 21 a 32m³ Gerador de vapor LUXO / SVelétrico Bifásica 10 mm² 16 mm² 10 mm² 16 mm² 16 mm² 4.0 mm² 6.0 mm² 10 mm² 6.0 mm² 6.0 mm² 10 mm² 4.0 mm² 4.0 mm² 4.0 mm² 6.0 mm²
  • 6. 0904 CONSTRUÇÃO DA SAUNA -Deixar saída do ar (1) da sauna com o mínimo de 2”; -A sauna deve ser instalada no lado externo do cômodo o mais próximo possível da parede; -Deixar um ponto de água o mais próximo de onde o aparelho for instalado e outro dentro da sauna; -Tubulação de saída de vapor em cobre ou ferro galvanizado; -Nunca reduzir o diâmetro da sída de vapor ou colocar mais de 3 cotovelos nas conexôes da sua motagem; -O vapor deve ser liberado no cômodo b=numa altura máxima de 20cm do piso; -A área interna do cômodo deve possuir isolamento térmico (verniculita), e ser revestida por materiais de supertifície lisa como: cerâmica, mármores ou granitos; -Construir assentos e piso com material anti-derrapante; -Iluminação blindada com interruptor do lado de fora do ambiente; -Porta em alumínio ou aço inox com isolação térmica, munida de visor sem possuir qualquer tipo de fechadura apenas fecho de pressão; -A porta deve abrir sempre para o lado de fora; -Instalar ralo para escoamento de água no piso; -Instalar um ponto de água no interior no cômodo (colocar chuveiro ou ducha). OBS: Para saunas com vidro panorâmico usar desembaçador e espessura mínima do vidro deverá ser de 6mm. Saunas comparede de vidro com saída para piscina colocar algum material para visualizar o final do vidro para evitar acidentes. Altura interna da sauna deve manter o padrão de 2,20m e 5% de inclinação. ACIONAMENTO DO GERADOR Controle automático de temperatura (opcional) Após o uso da sauna desligue todos os sistemas, inclusive o quadro de disjuntores. Feche o registro da água e abra o registro do dreno para manter o reservatório da água sempre seco evitando a corrosão. CUIDADOS COM AMBIENTE: Após desligar o equipamento, abra a porta da sauna (ambiente) e a saída de ar para manter o ambiente seco e arejado, evitando odores e fungos no interior da sauna. ! ! Para ativar o equipamento é simples, basta seguir os tópicos abaixo: 1 - Verifique a parte elétrica do gerador; 2 - Verifique se o registro do dreno está fechado; 3 - Faça uma revisão geral nas conexões hidráulicas e elétrica, em seguida abra o registro ou torneira da entrada de água e mantenha-o aberto. 4 - Interruptor 1 - Potência parcial, com produção contínua de vapor. 5 - Interruptor 2 - Potência total, com produção contínua de vapor. Com o controle de temperatura manual, a sauna deverá ter um termômetro instalado no interior do comodô. Após atingir a temperatura desejada (45 º a 50 ºC) desligue o interruptor 2. Com o controle automático de temperatura, o procedimento será o mesmo descrito nos tópicos acima, porém após o acionamento dos interruptores, você deverá indicar no painel do controle automático a temperatura média desejada para o banho de sauna, que será controlado automaticamente acionando e desligando o aparelho sempre que necessário. 1- Saída de ar 10- Inclinação do teto 5% 2-Sensor do termostato 3-Quadro do termostato 4-Quadro com dijuntores 5 - Gerador 7 - Registro do dreno 6-União 9-Saída de vapor12- Ponto de agua 11- Ralo 13 - Dreno ÁGUAS PLUVIAIS 2,20 m altura interna A tendência do vapor quente é subir, tetos altos farão com que o vapor mantenha-se afastado dos usuários, portanto deve-se mater a altura padrão de 2,20m de altura. 14 - Entrada de água
  • 7. 08 05 INSTALAÇÃO HIDRÁULICA ABASTECIMENTO SAÍDA DE VAPOR DRENO Não utilize água tratada com cloro (de piscina) para abastecer o gerador, caso venha à utilizar água de poço convém filtrar antes de abastecer o gerador.! ! O abastecimento é muito simples, pode ser efetuado por uma torneira com rosca na ponta ou através de um registro, ambos intermediados por uma mangueira flexível, que tem a finalidade de levar a água do ponto de alimentação até a conecxão de entrada do equipamento. A alimentação pode ser feita com água de rede pública (rua) ou reservatório particular (caixa). Na saída de vapor do gerador será acoplada a uma tubulação que levará a vaporização até a sauna. Esta conexãodeverá ser feita de cobre ou ferro galvanizado, que deverá obedecer o mesmo diâmetro em toda a sua extensão. Este tubulação não deverá ultrapassar o número máximo de 3 cotovelos, sendo que o último deles direcionado para o piso. É utilizado para fazer a troca de água do reservatório de alimentação esta drenagem é usual, ou seja, deverá ser feita a cada térmico do banho de sauna, mantendo este reservatório vazio quando o gerador não estiver acionado. PAINEL COM CONTROLE AUTOMÁTICO DE TEMPERATURA O painel com controle automático de temperatura foi desenvolvido para automatizar seu equipamento de sauna, ligando e desligando sempre que a temperatura for atingida. Este quadro é opcional e adquirido separadamente. Figura 2 A instalação deve ser feita na parte externa da sauna numa altura proximada de 1,60 m. Antes de fixar o quadro, abra a sua tampa e retire do seu interior o cabo sensor, e passe-o através da saida no quadro de comando e o insira no conduite para a parte próxima ao teto da sauna, o mais longe possível do gerador. O bulbo tem a finalidade de registrar a temperatura no interior da sauna e assim controlar automaticamente o gerador. Ele não deverá encostar na parede ficando numa posição perpendicular a mesma(sem qualquer inclinação), para que o mercúrio existente no interior do bulbo não seja afetado. Figura 02 Sauna SUA SATISFAÇÃO NOSSO OBJETIVO PRODUÇÃO CONTÍNUA DE VAPOR QUADRO DE COMANDO COM TERMOSTATO(OPCIONAL) TER MOST ATO Entrada de água Nunca reduza o diâmetro da tubulação de vpor, nunca faça bolsa ou sifão na tubulação. 13 - Dreno 14 - Entrada de água
  • 8. 06 07 INSTALAÇÃO ELÉTRICA Antes de iniciar a instalação elétrica consulte a tabela de dados técnicos e a etiqueta de identificação, para certificação da potência, amperagem e tensão do gerador. A instalação deverá ser feita por um profissional qualificado, deve ser feita independente diretamente do quadro de força, evitando assim sobrecarga de energia, use um disjuntor apropriado para seu aparelho. OBS: Verifique sempre a etiqueta de identificação no gerador para sua segurança e instalação correta do produto. ATERRAMENTO O sistema de aterramento é a maneira mais segura de se evitar choques elétricos. Para tanto, é necessário que seja feito corretamente por pessoas qualificadas. - Se sua instalação não dispõe de Fio Terrra providencie. - Nunca conecte o Fio Terra do Aquecedor Elétrico diretamente ao Neutro da instalação. - O Neutro de sua instalação elétrica não pode ser utilizado como Terra. O fio Terra deve ser aterrado e construído conforme as normas da concessionária e a NBR 5410 “Instalações Elétricas de Baixa Tensão - Procedimento” . Um bom sistema de aterramento pode ser obtido através da colocação de uma ou várias hastes metálicas no solo e/ou da utilização das ferragens das fundações da construção, de forma a se obter, conforme determinada a NBR 5410, uma impedância máxima de 1Ohm como FIG.01: - O Fio Terra, ou Condutor de Proteção deverá sempre ser conectado no Terminal de Aterramento do quadro do equipamento. Em caso de dúvidas, entre em contato com a concessionária de energia de sua região. , - Se houverem emendas, deverão ser eletricamente bem feitas. FIG.01 CAIXA DE MEDIÇÃO CABOS DE EQUALIZAÇÃO CAIXA DE DISTRIBUIÇÃO GERAL BARRA DE TERRA BARRA DENEUTRO NEUTRO F F FFNT TERRA CABO DE COBRE EM TUBULAÇÃO MÍNIMA DE 16MM ATERRAMENTO DA REDE DE ENERGIA ELÉTRICA EM CAIXA DE INSPEÇÃO PROTEGER CONTRA CORROSÃO SOLO 220V FÁSE - R FÁSE - S FÁSE - T NEUTRO - TERRA- 127V FÁSES - R + S + T = 220V TRIFÁSICO FÁSES = R+S = 220V BIFÁSICO FÁSES = S+T = 220V BIFÁSICO FÁSES = R+T = 220V BIFÁSICO FÁSES = R+NEUTRO = 127V MONOFÁSICO FÁSES = S+NEUTRO = 127V MONOFÁSICO FÁSES = T+NEUTRO = 127V MONOFÁSICO 220V 220V 127V 127V REDE ELÉTRICA220VOLTS TRFIFÁSICO + NEUTRO E TERRA REDE ELÉTRICA380VOLTS TRIFÁSICO + NEUTRO E TERRA 380V FÁSE - R FÁSE - S FÁSE - T NEUTRO - TERRA- 220V FÁSES - R + S + T = 380V TRIFÁSICO FÁSES = R+S = 380V BIFÁSICO FÁSES = S+T = 380V BIFÁSICO FÁSES = R+T = 380V BIFÁSICO FÁSES = R+NEUTRO = 220V MONOFÁSICO FÁSES = S+NEUTRO = 220V MONOFÁSICO FÁSES = T+NEUTRO = 220V MONOFÁSICO 380V 380V 220V 220V REDE ELÉTRICA220VOLTS TRFIFÁSICO + TERRA FÁSE - R FÁSE - S FÁSE - T TERRA - DISJUNTOR TRIPOLAR PARA O EQUIPAMENTO 220V TRIFÁSICO REDE ELÉTRICA 220VOLTS BIFÁSICO FÁSE - R FÁSE - T TERRA - DISJUNTOR BIPOLAR PARA O EQUIPAMENTO 220V BIFÁSICO REDE ELÉTRICA 380VOLTS BIFÁSICO FÁSE - R FÁSE - T TERRA - DISJUNTOR BIPOLAR PARA O EQUIPAMENTO 380V BIFÁSICO REDE ELÉTRICA 220V/127V MONOFÁSICO FÁSE - R NEUTRO - TERRA - DISJUNTOR UNIPOLAR PARA O EQUIPAMENTO 127V MONOFÁSICO REDE ELÉTRICA 380V/220V MONOFÁSICA FÁSE - R NEUTRO - TERRA - DISJUNTOR UNIPOLAR PARA O EQUIPAMENTO 220V MONOFÁSICO FÁSE - R FÁSE - S FÁSE - T TERRA - DISJUNTOR TRIPOLAR PARA O EQUIPAMENTO 380V TRIFÁSICO REDE ELÉTRICA380VOLTS TRFIFÁSICO + TERRA