www.grupocorreiodosul.com.br
ANO XXv EDIÇÃO Nº 4.765
quarta-feira, 30 de setembro de 2015
R$ 2,00
Grupo
20º 17º
Chuvoso du...
Política
Jarbas Vieira
Correio do Sul
Quarta-feira,
30 de setembro de 2015
jarbas@grupocorreiodosul.com.br
(48) 9966.5326
...
criança é deficiente quando
nasce, mesmo os médicos
não sabem.”
Háumanooprograma
atendia 13 crianças, hoje
o número pratic...
Educação4 Correio do Sul
Quarta-feira,
30 de setembro de 2015
³Secretário falou com diretores de escolas e alertou para di...
mais de 70 novos pilares
que ganharam espaço nas
laterais, deixando assim a
estrada mais bonita visu-
almente”, afirmou.
U...
Fundado em 5 de Junho de 1990 - Dia Mundial do Meio Ambiente
Jornalista Rolando Christian Sant’ Helena Coelho - Fundador J...
Publicidade 7Correio do Sul
Quarta-feira,
30 de setembro de 2015
Entretenimento Novelas - Horóscopo - Diversão
Novelas
Além do Tempo -18h
I love Paraisópolis -19h
A Regra do Jogo -21h
J
u...
Polícia 9Correio do Sul
Quarta-feira,
30 de setembro de 2015
³Delegado regional Ari José Soto Riva divulga bons números da...
10 Correio do Sul
Quarta-feira,
30 de setembro de 2015 Publicidade
Saúde 11Correio do Sul
Quarta-feira,
30 de setembro de 2015
Casais
ameaçados
adultos, são atendidos
pelo SAE de Araranguá....
Publicações Legais12 Correio do Sul
Quarta-feira,
30 de setembro de 2015
Estado dE santa Catarina
Prefeitura MuniciPal de
...
Geral 13Correio do Sul
Quarta-feira,
30 de setembro de 2015
Apesar de atingir a meta, Hospital Regional ainda
não atende a...
14 Correio do Sul
Quarta-feira,
30 de setembro de 2015 Publicidade
Caminhada orientada agora é mais cedo
> sombrio
Apartir de hoje, o
Programa Saú-
de em Movimento, de
Sombrio, que realiza ...
quarta-feira, 30 de setembro de 2015
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Jornal digital 4765_qua_30092015

150 visualizações

Publicada em

Jornal Correio do Sul

Publicada em: Notícias e política
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
150
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
6
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Jornal digital 4765_qua_30092015

  1. 1. www.grupocorreiodosul.com.br ANO XXv EDIÇÃO Nº 4.765 quarta-feira, 30 de setembro de 2015 R$ 2,00 Grupo 20º 17º Chuvoso durante o dia e a noite Previsão para hoje Extremo Sul Catarinense Geral Especial SecretárioDeschamps visitaescolasese reúnecomdiretores Sérieespecialvai mostrarodramada AidsemAraranguá Educação Reportagem 4 11 Página Página Vende-se Terreno no bairro Guarita em Sombrio. Aceito carro no negócio. Fone: (48) 99080293 Desde Cedo 3Página Cresceprocura por atendimento a bebês naApae
  2. 2. Política Jarbas Vieira Correio do Sul Quarta-feira, 30 de setembro de 2015 jarbas@grupocorreiodosul.com.br (48) 9966.5326 CHARGEPor:CAZO “Adiar a sanção por causa disso criou uma nova crise desnecessária. Eles são experts em criar crise ou reviver a crise, quem nem a nova ‘Vale a pena ver de novo’. Não sei quem é responsável pela trapalhada, mas alguém é, porque jabuti não sobe em árvore”. Ele disse: ‘ ‘Presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB) sobre a reforma política. Câmara repassa R$ 105 mil para Prefeitura P residente da Câmara Municipal de Sombrio, Ademir Cardoso, o Dimi (PMDB), oficializou ontem o repasse de R$ 105 mil para a Prefeitura de Sombrio. Isto se deu graças a um acordo de colabora- ção firmado entre o Executivo e o Legislativo para que os cofres da municipalidade não sofram ainda mais com a grave crise financeira que atinge todo o país. Graças ao repasse, o prefeito Zênio Cardoso (PMDB) conseguirá pagar a folha funcional deste mês em dia. “A cada dia que passa os repasses que vêm do Governo do Estado e federal estão menores. Já fizemos cortesprofundosemtodososseto- res, mas mesmo assim eles estão sendo insuficientes tamanha a queda de receita”, comenta Zênio, que diz estar se esforçando para evitar demissões na prefeitura. Para Ademir Cardoso, o repasse demonstra a fina sintonia em que estão caminhando o Legislativo e Presidente da Câmara, Esio Simão (PMDB) retomouontemsuacadeiranoPoderLegislativo. Ele esteve durante onze dias ocupando o cargo doprefeitoemexercício,TiagoZilli,queafastou- -se do Poder Executivo, na ausência do prefeito, Ronaldo Carlessi que retornou a Prefeitura neste dia 29. Durante o período em que Esio (foto) esteve à frente do Executivo de Turvo, o vice-presidente da Casa, vereador Albino Giusti conduziu muito bem os trabalhos. Bino volta agora a condição de líder da bancada do PMDB. (48) 3522-3777 o Executivo no município. “A Câ- mara não tem esta obrigação, mas tem a compreensão do momento econômico que passa todo o país. Seria falta de bom senso investir em uma reforma do prédio do legislativo, por exemplo, e deixar de atender uma necessidade ur- gente da prefeitura”, comenta o presidente. O dinheiro destinado ao executivo foi fruto de uma eco- nomia sistemática ao longo dos primeiros nove meses deste ano. Prefeito e presidente de volta aos cargos este ano, mas a destinação dos recursos para a prefeitura não di- minuem a intenção da economia, pelocontrário.Foigraçasaelaque o executivo poderá cumprir com seuscompromissos este mês”, res- salta Daniel. Já o prefeito Zênio Cardoso, que está de licença e retorna amanhã as suas ativida- des, ressalta que a contenção de despesas do executivo também Neste sentido, se ressalta também o empenho do ex-presidente, Da- niel Bittencourt Cardoso, o Daniel Palito (PPS), que comandou a Câmara no primeiro semestre. “Desde de o início de janeiro co- meçamos o regime de contenção de despesas, visando a utilização dos recursos economizados em alguma obra ou ação pontual do legislativo. Isto não será possível Fundam liberado Governador Raimundo Colombo assina R$ 72,8 milhões em convênios doFundodeApoioaosMunicípios(Fundam)com57prefeiturascatarinen- ses, nesta quarta-feira. Três município do Vale estão entre os beneficiados. AraranguáreceberáR$3.189.682,56parapavimentaçãoderuas;Maracajá receberá R$ 100 mil para aquisição de máquina para limpeza urbana e Meleiro que terá R$ 134.102,26 para pavimentação de ruas. remonta ao início do ano. “O problema é que em nenhum mo- mento houve uma recuperação da receita do município, pelo contrário. Houve um aumento muito grande do custeio, o que engloba preço dos combustíveis, energia e manutenção da infra- estrutura, e paralelo a isto uma queda brutal da receita. Vamos ficar na expectativa de que o quadro se reverta, caso contrário novos cortes terão que ser feitos, até o limite do limite”, comenta.
  3. 3. criança é deficiente quando nasce, mesmo os médicos não sabem.” Háumanooprograma atendia 13 crianças, hoje o número praticamente dobrou, sendo 25 bebês atendidos, e a quantida- de muda a cada semana. Como a carga horária au- mentou mas os recursos não, uma fila de espera será criada a partir de agora, com crianças que serão acompanhadas mas não podem ser incluídas no programa. Para estar enquadrado no programa de estimulação, o bebê não precisa apresentar de fato uma deficiência intelec- tual, basta um atraso no desenvolvimento psicomo- tor. “Cada um é diferente do outro, mesmo tendo a mesma síndrome.” Aequipe estimuladora trabalha com a educação dentro do Portage, uma escala para saber como as crianças estão e identificar minutos, e são orientados a continuar estimulando as crianças em casa a todo momento, aproveitando a horadobanhoeatédurante a mama. Noprogramasãotraba- lhadas as áreas cognitivas, motora, linguagem e ou- tras, além de correções de posturaepercepçõestáteis. Oscasossãoavaliadospelos profissionais da estimula- ção, dois professores para atendimento pedagógico, fonoaudióloga, orientador pedagógico, fisioterapeuta epsicóloga,eemseguidaos pais são informados sobre as medidas que devem ser tomadas sobre o acompa- nhamentoestimulatórioda criança. Segundo Marli, a estimulação é uma medida de prevenção, e talvez por isso, o número de crianças no programa tenha au- mentado tanto. “Pode ter aumentado devido ao aten- dimento precário na saúde nacional, ou também por que as pessoas estão mais informadas e vêm buscar ajuda mais cedo”, cogita. “Muitos nem sabem que a > sombrio Muitos pais ficam confusos e aba- tidos pela notícia de que o filho tem algum atraso no desenvolvimento ou parali- sia cerebral, dentre outros problemas, e de início não sabem bem o que fazer quando a criança ainda é um bebê. Por isso, a Apae de Sombrio está com um programa de Estimulação Essencial ou Precoce, que atende crianças de zero a três anos e onze meses. O programa consiste em prevenir, estimular e orientar não só as crian- ças como também os pais. “Quandoafamíliaparticipa e estimula as habilidades da criança desde cedo, o desenvolvimentoénotável”, conta a orientadora Marli Cardoso, que reforça: “É fundamental por que a fa- míliatambéméorientada!”. Os pais acompanham os atendimentos, que são feitos duas vezes por se- mana durante de 30 a 40 os aspectos que devem ser estimulados. Sandra Que- vedo, pedagoga e estimu- ladora, fala da dificuldade na educação desses bebês. “É complexo por causa da estrutura. E também não sabemos como eles se comportarão e como a vida será para eles na sala de aula”, declara ela sobre as alunas deficientes visuais com as quais trabalha, de um e três anos. Cristiana Muniz, é mãe do Enzo, de três anos e quatro meses, e conta o que mudou desde que o menino começou a frequentar a sala de esti- mulação daApae. “Ele não se socializava, agora nem se percebe que ele tem algum grau de autismo. Já olhaesorri,seesforçapara falar.”KeliPereira,mãede Miguel de três anos e nove meses, diz que o programa transformouavidadofilho: “Mudoumuitoafalaeain- teração.Elenãoseriaoque é hoje sem a estimulação.” Graças ao programa, as crianças estão com melhor qualidade de vida, mais desenvolvidas, e indepen- dente de terem alguma síndrome, atraso ou defici- ência, podem ter uma vida normal com a orientação e estímulos certos. Drogas, álcool e até mesmo desarmonia no lar podem causar algum tipo de problema neurop- sicomotor na criança. A prevençãoaindaéomelhor remédio,entãoporquenão procurarummédico,plane- jar a gravidez com calma, alimentar-se direito, não consumir medicamentos, drogas ou álcool e observar o comportamento de seu filho?Tendoessescuidados, mesmo que haja a defici- ência genética, o caminho é procurar ajuda especiali- zadaeaApae,quemantém oprogramadeEstimulação Essencial em caráter pre- ventivo com o objetivo de contribuir no processo de desenvolvimento infantil Geral 3Correio do Sul Quarta-feira, 30 de setembro de 2015 ³Enzo é uma das crianças atendidas pelo programa de estimulação da Apae Aline Bauer Estimulação é fundamental para bebês Paralisia Cerebral ³Distribuição de remédios na farmácia básica > sombrio A Unidade Básica de Saúde (UBS) Central de Sombrioatendeemmédia 70 pessoas por dia, com consultas médicas, exa- mes, pequenas cirurgias, atendimentoodontológico, entre outros serviços. O posto está atendendo, há três meses, em um espa- ço cedido pelo Hospital Dom Joaquim, até que a reformadoseuprédioseja concluída. Na farmácia a pro- cura é maior, com quase 300pacientesquebuscam remédiosdiariamente.De acordocomofarmacêutico responsável, Claudinei Coelho, os medicamentos que mais são distribuídos são os antidepressivos. “Quase 30 % dos medi- camentos distribuídos são os chamados faixa preta”, comenta. Terezinha de Oliveira diz estar satisfeita também com as consultas médicas. “Faz quase quatro anos que venho aqui. A cada dois meses recebo atendimento psiquiátrico e gosto muito”, disse. Para o prefeito em exercício, Valmir Daminelli, a saúde do município é prio- ‘Faixas preta’ são os remédios mais receitados ridade. “Reformamos e construímos novos postos de saúde com o objetivo de melhor atender a po- pulação.Algumas obras já foramentregues,embreve estaremos entregando as outras unidades”, disse. A Unidade Básica de Saúde Central funciona das 7h às 11h30 e da 13h às17h,desegundaasexta- -feira. Mais crianças atendidas Apae oferece programa para crianças com atraso no desenvolvimento e a procura nunca foi tão grande como agora
  4. 4. Educação4 Correio do Sul Quarta-feira, 30 de setembro de 2015 ³Secretário falou com diretores de escolas e alertou para dificuldade financeira Prédios interditados > ArArAnguá Osecretário de es- tado da Educa- ção, Eduardo Deschamps, esteve em Araranguá na tarde de ontem, para um encontro com os diretores de escolas da região, que foi a terceira visitada por ele. No encontro fo- ram abordados assun- tos como Programa de Novas Oportunidades de Aprendizagem (Pe- noa), Plano de Carreira do Magistério Público Estadual, Programa de Ensino Inovador, obras de infraestrutura nas esco- las e gestão escolar. “Duas vezes por ano eu faço um giro pelo Estado, a gente aproveita para visitar as escolas e ver as expe- riências exitosas”, disse o secretário, que esteve na Escola Bernardino Senna Campos, que teve um projeto divulgado no programaGloboRepórter. “ÉumorgulhoparaSanta Catarina e toda a região o trabalhoqueédesenvolvi- do nas escolas estaduais”, elogiou Deschamps. O secretário falou das matrículas que come- çam no próximo mês e da avaliação do pessoal, dos projetos e das ações do ano que caminha para o final.O cenário econômi- co nacional também foi observado e o ano taxado de “muito difícil”, sem perspectivas de melhora: “o ano que vem vai ser mais difícil ainda, pelo que o cenário econômico nacional aponta”.A saída para enfrentar a falta de recurso é valorizar aquilo que é bem feito nas esco- las, receita o secretário. No encontro em Ara- ranguá, os professores apontaram preocupações na questão da infraes- trutura das escolas e apresentaram projetos de ações de cidadania, comunitárias,letramento, esporte e ensino médio inovador. O secretário lembrou que na alfabe- tização, Santa Catarina conseguiu os melhores resultados do país nas avaliações nacionais. Conforme o secretá- rio, os casos dos prédios das escolas Catulo da Pai- xão Cearense, de Sombrio e Maria Garcia Pessi, de Araranguá e o anfiteatro Célia Belizária de Souza, também de Araranguá, que estão interditados, es- tão no radar da Secretaria Secretário se reúne com diretores Gislaine Fontoura Participe Eduardo Deschamps também visitou escolas e discutiu projetos com o secretário regional e o gerente de Educação de dez anos chegou no dia anterior em casa com um cartaz que, segundo a criança, foi feito pela professora. A professora justificou o ‘apoio’ao ato dizendo que a escola deve formar cida- dãosecontestouocortenos vencimentos: “por que não tiraram dos vereadores?”, questionou. Asecretária municipal de Educação, Zulma Si- mon,dissequeporenquan- to somente esta diretora preferiu deixar a função depois do anúncio da redu- > SOMBrIO Alunos da Escola Municipal Juvenil da Cunha Colares, no dis- trito de Boa Esperança, em Sombrio, fizeram ontem manifestação de protesto pela saída da diretora Karine Teixei- ra. O ato não agradou alguns pais, que disse- ram que os filhos foram dispensados das aulas. A diretora pediu de- missão depois que o prefeito Zênio Cardoso anunciou a redução de 20% no salário dos fun- cionários que ocupam cargos comissionados. Uma professora que falou com a reportagem do Correio do Sul ontem por telefone, disse que a ideia do protesto partiu dos próprios estudantes. Os pais contestam. “Isso é coisa delas, que ficam falando ao invés de dar aula”, reclamou um. Outro disse que o filho ção do salário. Segundo Zulma, o desconto de 20% será feito sobre a gratificação pela função, o que significa em torno de R$ 500,00 a menos no salário. “Para os outros comissionados o corte é ainda maior, porque não existegratificação”,disse a secretária. Segundo ela, em um encontro na semana pas- sadacomosdiretoresKa- rinejáteriasedespedido, dizendo que voltaria a sala de aula, recebendo o vencimento integral. Diretora pede demissão e escola protesta ³Foto de leitor mostra alunos segurando cartazes de Educação. “Todos estão passando por algum tipo de processo de preparação para que as obras pos- sam começar, alguns mais avançados, como o caso do Maria Gracia Pessi, que o processo licitatório está pronto para ser lançado, alguns que são um pouco mais lentos, que a gente está procurando solucio- nar”. ConformeDeschamps, em cada caso está sendo definida a fonte de recur- sos. Alguns como o Maria Garcia Pessi e a EEBAra- ranguá são recursos de financiamento e outros re- ceberão recursos próprios do estado, que teria R$ 30 milhões para atender todas as regiões. Existem mais de cem pedidos de escolas necessitando de intervenções emergen- ciais. Para o secretário, a burocracia também atrasa as obras nas escolas. Às vezes você enfrenta pro- blemas de ordem legal e operacional. Tínhamos várias licitações prontas para serem lançadas e os processos precisaram ser refeitos a pedido do Tribu- nal de Contas”, afirmou o secretário. O corte de verbas na Educação anun- ciadopeloGovernoFederal também foi abordado pelo secretário. Santa Catarina tinharecursosnaordemde R$60milhõesempenhados peloGovernoFederal,parte destinadaamanutençãode escolas. O recurso acabou nãovindoatéagora.Outras transferências de recursos do Governo Federal direta- mente as escolas também foram prejudicadas. O secretário regional Ademir da Silva, o Dema, avaliou positivamente a visita de Deschamps. “En- volveu todos os diretores, assessores e assistentes técnicos pedagógicos da re- giãoemumencontromuito esclarecedor”, ponderou Dema. Antes de Araranguá Deschamps esteve nas Secretarias Regionais de Braço do Norte e Criciúma e pretende até novembro visitar as demais.
  5. 5. mais de 70 novos pilares que ganharam espaço nas laterais, deixando assim a estrada mais bonita visu- almente”, afirmou. Uma das exigências do prefeito licenciado, Zênio Cardoso, é que as empresas cumpram com o prazo determinado. O prefeito em exercício Val- mir Daminelli confirma a preocupação em evitar atrasos. “Temos frisado a importância de um traba- lhodequalidadeequesiga o combinado. Estamos em cima dessas empresas semprecobrandoparaque asobrassejamdeexcelên- cia”, ressaltou. Política Rolando Christian Coelho Geral 5Correio do Sul Quarta-feira, 30 de setembro de 2015 Primo volta a ser de Araranguá E x-prefeito Primo Menegalli voltou a ser eleitor araran- guaense. Conforme ampla- mente noticiado, ele esteve no Cartório Eleitoral da cidade, junto com seu filho, Primo Júnior, para solicitar sua transferência de domicílio eleitoral. Não precisa nem dizer que a transferência de Primo, que era eleitor do Mato Grosso, vai incendiar o cenário eleitoral na Cidade das Avenidas. Por óbvio ele tem a intenção de concorrer à prefeitura ano que vem, mas, experiente como é, não sairá alardeando isto aos quatro ventos. Irá observar as mo- vimentações correlatas com vistas à 2016, para só depois se posicionar. De um modo geral o cenário é bom para Primo. Por enquanto o prefeito Sandro Maciel (PT) não conseguiu cooptar o PMDB, e o PP se afastou definitivamente dele. Esta configuração aponta para o lançamento de três candidatos a prefeito de maior po- tencial. Primo teria duas alternativas em princípio: se lançar como uma quarta via ou compor com uma força já estabelecida. Neste sentido teria como opções ou o PMDB, ou o PP, que parece ser sua preferência. Na verdade o retorno de Primo para Araranguá deixa totalmente incerto o qua- dro eleitoral para o ano que vem. A única certeza que se tem de fato é que Sandro Maciel será candidato a reeleição. Isto parece ser ponto pacífico por dois motivos: primeiro porque o direito a reeleição é algo quase natural no Brasil. Segundo porque o PT jamais apoiaria Primo Menegalli como candidato a prefeito, por divergências ide- ológicas. Primo também não parece fazer nenhuma questão de tentar uma aproxi- mação com os petistas, situação que ficaria ainda menos provável caso o ex-prefeito se filie ao PSDB, como está desenhado. Os demais desdobramentos são todos obscuros. Em princípio, Primo joga em cima da base eleitoral do também ex-prefeito Ma- riano Mazzuco (PP). Neste sentido é muito difícil apostar que Mariano será candidato caso Primo também seja. É que ambos dis- putam praticamente o mesmo eleitorado. Caso o PP ceda e apóie Primo, indicando seu vice, o PMDB também fica à deriva, já que dificilmente teria condições de vitória enfrentando uma dobradinha entre PSDB e PP, e ainda a máquina municipal comandada pelo PT. O PMDB também perderia muito do poder ofensivo de seu discurso, já que Primo é quem passaria a ser a novidade, e não mais o candidato peemedebista, seja ele quem for. A possibilidade de uma do- bradinha entre PT e PMDB passaria a ser real, já que os peemedebistas defensores desta tese, capitaneados pelo presidente do legislativo, vereador Rony da Silva, teriam mais força no partido. O discurso seria simples: ou concorrer como vice do PT, ou perder para Primo, ou para o PT, o que significaria a sexta derrota seguida do partido no município. Mas nem só do PP vive o futuro político de Primo Menegalli. Caso os progressistas mantenham sua disposição em concorrer ao executivo na cabeça de chapa, o ex-prefeito pode convergir para o PMDB. Nunca é de- mais lembrar que o empresário César Cesa, que trabalhou durante três décadas com Menegalli, é um dos principais caciques do PMDB de Araranguá. Nesta condição, os peemedebistas, somados aos votos do eleitorado cativo de Primo, teriam reais chances de vitória, ainda que concorressem como vice do ex-prefeito. Convém ressaltar que Primo apenas transferiu seu título, mas ainda não anunciou sua filiação, que poderia se dar até mesmo no próprio PMDB. Como se sabe, em política nada é im- possível, e a possibilidade de Primo se filiar ao PMDB não pode ser de todo descartada, ainda que hoje seja pouco provável. Caso Primo de fato se decida pela candidatura a prefeito, o mais provável é que o ex-prefeito Mariano Mazzuco lhe manifeste apoio, tra- zendo a reboque o PP. Agora é observar os desdobramentos, que serão muitos. Aproveito a ocasião para comunicar que até o próximo dia 16 estarei afastado de minhas atividades nesta coluna polí- tica, por compromissos em outro setor da comunicação, que me impedirão de estar cotidianamente na região. Para não comprometer a qualidade das informações levadas aos estimados leitores, fiz a opção pelo afastamento temporário. Solicitando compreensão, desde já agradeço. Até breve. ADVOCACIA EMPRESARIAL FONE: (48) 3533-0145 Novos postes ligados Mudança Feita > sombrio Aavenida Nereu Ramos é uma das vias públicas de Sombrio incluídas no Programa de Aceleração do Cresci- mentodeSombrio(PACS). Como parte do projeto de revitalização, na manhã desta terça-feira, a Se- cretaria de Obras esteve trabalhando na mudança dos postes dos canteiros centraisparaaslateraisda avenida. Até sexta-feira, todososantigospilaresse- rãoretiradosentreotrecho daruaCaetanoLummertz até a prefeitura. A equipe está traba- lhando em períodos dife- renciados para não causar muitotranstornoapopula- ção,poisaenergiaestásen- do desligada para realizar o procedimento. “Pedimos queessetrabalhofosserea- lizadoomaiscedopossível, ou no horário do meio-dia para que não atrapalhe a comunidade”, disse o secretáriodeObrasCarlos Gomes. Deacordocomosecre- tário, os novos postes que foram fixados nas laterais já estão funcionando em toda a avenida, assim comoasnovasluminárias. “Temos uma média de ³Postes da Nereu Ramos foram retirados dos canteiros centrais para revitalização > região O Departamento Na- cional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), retoma os serviços de con- servação da BR-101. As atividades estão concen- tradas no extremo-sul, e no lote de obras 26, entre Tubarão a Sangão. Nesses dois segmen- tos, o Dnit/SC faz me- lhorias no asfalto com a retirada de áreas desgas- tadas para aplicação de nova camada asfáltica. Além disso, o trabalho de microrrevestimento também está sendo reto- mado,garantindomelhor escoamento das águas das chuvas, de aderência ao piso e mais segurança na trafegabilidade. A execução desses serviços depende de con- dições de tempo estável na região. Em caso de Dnit recomeça recapeamento mau tempo, os trabalhos são suspensos. Todos os locais com obras estão sinalizados e identifica- dos com sinalização ver- tical provisória, sendo necessário, em momentos alternados, a interrupção do tráfego para o desloca- mento de trabalhadores e equipamentos, devendo os motoristas terem atenção redobrada, principalmen- te quanto à redução da velocidade.
  6. 6. Fundado em 5 de Junho de 1990 - Dia Mundial do Meio Ambiente Jornalista Rolando Christian Sant’ Helena Coelho - Fundador Jornal Correio do Sul Publicações legais: Tomaz Fonseca Selau l48l 9985.8573 tomaz@grupocorreiodosul.com.br Financeiro l48l 3533.0870 financeiro@grupocorreiodosul.com.br Comercial: l48l 3533.0870 comercial@grupocorreiodosul.com.br Diretor Geral Jabson Muller l48l 9955.5313 jabsonmuller@grupocorreiodosul.com.br Diagramação/Arte: Cristian Mello l48l 3533-0870 correiodosul@grupocorreiodosul.com.br Sul Gráfica Junior Muller l48l 9931.4716 sulgrafica@grupocorreiodosul.com.br Redação: Marivânia Farias l48l 9995.9290 editor@grupocorreiodosul.com.br Política: Jarbas Vieira l48l 9966.5326 jarbas@grupocorreiodosul.com.br Radio 93FM Cássia Pacheco l48l 9912.9588 radio93fm@grupocorreiodosul.com.br Circulação/Assinatura l48l 3533.0870 assinaturas@grupocorreiodosul.com.br Rua João José Guimarães,176, Centro - Sombrio/SC - Fone: (48) 3533 0870 Editora: J. R. Pereira - ME CNPJ 17.467.695/0001-19 C.S. Empresa Jornalística LTDA. Geral6 Correio do Sul Quarta-feira, 30 de setembro de 2015 Governo lança edital só para MPEs PeloEstado O secretário de Estado do Desen- volvimento Econô- mico Sustentável (SDS), Carlos Chio- dini, assinou ontem o primeiro edital do governo do Esta- do voltado exclusivamente para micro e pequenas empresas (MPEs). Ini- ciativa que valoriza ainda mais o movimento nacional Compre do Pequeno Negócio, do Sebrae. O edital prevê a contratação de MPEs para serviços de manutenção corretiva e preventiva, com substituição de peças e acessórios dos veículos da SDS. “Os pequenos negócios representam 99% da empresas, geram52%dosempregosformaisnopaíse27%doPIB.Temosqueacreditar e fortalecer ainda mais este setor, locomotiva da nossa economia”, defendeu. Na segunda-feira, o secretário representou o governador Raimundo Colom- bo no ato de posse de Ernesto Reck, reconduzido à presidência da Federação das Associações Empresariais (Facisc), e esteve com o ministro da Secretaria da Micro e Pequena Empresa, GuilhermeAfif Domingos. Em uma conversa reservada, o ministro quis saber como está o andamento do programa Bem Mais Simples em Santa Catarina, primeiro estado do país a implementar o projeto do governo federal. O ministro também gravou depoimento que será exibido antes dos encontros da Jornada da Simplificação, iniciativa da SDS para facilitar o processo de aber- tura de empresas e que será realizada em nove municípios até o fim do ano. Na foto, à esquerda, está também José Paulo Dornelles Cairoli, presidente da Confederação das Associações Comer- ciais e Empresariais do Brasil (CACB). Fundam Cerca de 60 prefeitos de dife- rentes regiões do estado estarão reunidos em Florianópolis, hoje, com o governador Raimundo Colombo, para assinatura de mais de R$ 73 milhões em convênios do Fundo de Apoio aos Municípios (Fun- dam). O programa já firmou convênios com 99% das prefeituras catarinenses e re- passou mais de R$ 400 milhões aos cofres municipais. Belmonte, no Extremo Oeste, será o pri- meiro município a assinar o terceiro con- vênio do Fundam. Motivo? Conseguiu economizar nas licitações dos dois primei- ros contratos. Acessibilidade Amanhã, na Assem- bleia Legislativa, será apresentado o sis- tema Via Voz que auxilia pessoas com deficiência visual a circular em espaços públicos. O aplicativo foi desenvolvido em Santa Catarina e é Inédito no Bra- sil. Com ele, os ambientes ganharão um guia auditivo, garantindo maior acessibi- lidade. O objetivo é aplicar na prática o que está previsto na legislação em vigor desde 2004, ou seja, dar mais autonomia às pessoas com deficiência para exer- cerem sua cidadania sem obstáculos. Recursos recuperados Desde o início do ano Santa Catarina já conseguiu recuperar R$ 6 milhões dos devedores de tributos estaduais, através do protesto de títulos vencidos em cartórios. Dos 21 mil títulos remetidos aos tabelionatos este ano, 6,6 % foram pagos em menos de três dias e ou- tros 7,2 %, parcelados em até seis meses. De acordo com Otávio Margarida, presi- dente da Associação dos Notários e Re- gistradores (Anoreg-SC), a cobrança ex- trajudicial consegue ser mais efetiva. “As vantagens são incontestáveis. Enquanto via protesto o Estado obtém retorno de 13,8 % na amostragem de um semestre, na execução judicial o índice é de 3%”, explica. Eletivas Secretário da Saúde, João Paulo Kleinübing, anunciou, em Criciúma, a re- alização de 1.913 cirurgias eletivas na re- gião Carbonífera desde maio, quando foi implantado um novo modelo de organi- zação para a rede hospitalar da região. O sistema envolve hospitais de Içara, Nova Veneza, Urussanga, Morro da Fumaça, Orleans, Lauro Müller, Praia Grande e Meleiro, que passaram a realizar cirurgias de baixa e média complexidades, antes concentradas apenas no Hospital São José, de Criciúma. A expectativa é zerar a fila de espera por cirurgias eletivas na re- gião até o final do ano. OAB em disputa O advogado Paulo Marcondes Brincas, presidente da Caixa de Assistência dos Advogados de Santa Catarina, oficializa sua candidatura à pre- sidência da OAB-SC amanhã, durante al- moço, na Capital. Brincas tem o apoio do atual presidente da Ordem, Tullo Cavalla- zzi Filho, e terá como vice o atual tesourei- ro Luiz Mário Bratti. Andréa Leonora | Fotos: Ascom SDS Florianópolis - 30Set15
  7. 7. Publicidade 7Correio do Sul Quarta-feira, 30 de setembro de 2015
  8. 8. Entretenimento Novelas - Horóscopo - Diversão Novelas Além do Tempo -18h I love Paraisópolis -19h A Regra do Jogo -21h J urandirlideraumprotestocontraacomidaservidanacadeia. MarieDandavãoàdelegaciavisitarJurandireacabamsendo detidas por desacato à escrivã. Clarice liberta Jurandir, Mari e Dandadaprisão.TomásalertaFradiquedareclamaçãodealguns pacientes sobre uma doença relacionada ao tratamento de lixo. PatríciacontaaLindomarquefoiconvidadaalecionarforadopaís e que não pode aceitar seu pedido de casamento. Eva e Jurandir comunicam às filhas que reataram o casamento. E míliasedesesperaeRaulaacompanhanaprocuraporBernar- do.RobertoafirmaparatodosquenãoamaBiancaeMelissa aprova sua intenção de manipular Anita. Zilda vê Bernardo nosjardinsedesmaia.WalmiracolheBernardo.Felipetentaajudar Bernardo,masRaulresgataofilhodacondessaantesqueeleentre no casarão. Zilda revela a Vitória que viu Bernardo. Gema conta a Emília que Felipe falou com Bernardo. Vitória interroga Felipe sobre o homem com quem esteve. B ola aceita o convite de Romero para entrar na facção e incriminar Juliano. Orlando vai à casa de Gibson, e Nelita seincomoda.NinfaeAlissondescobremqueMerlôficou com as duas em segredo. Romero orienta Dante a armar um flagra contra Juliano em um evento de sua escola de lutas. BolacolocaumpacotenamochiladeJuliano.Romeroresisteàs investidasdeAtena.BelisainventaparaNinfaeAlissonquemora emumacomunidade.Adisabebatemummaupressentimento. Rapidinhas Correio do Sul Quarta-feira, 30 de setembro de 2015 Áries 21/03 a 20/04 Olhoclinicoparalidarcomdinheiro,contandocomumcená- rioastralbomdeverdade,somepénochãocomflexibilidade evisãodeconjuntoeacertará.Contatoscomestrangeirosou exterior decolam. Sensualidade a mil! Leão 21/07 a 20/08 Sagitário 21/11 a 20/12 Oastralestábompravocêhoje,masficarámelhorainda seprestaratençãonoquepodeserrealizado,enãoapenas concebido.Vontade,ideaisesonhosprecisamserpostos empraticahoje. Gêmeos 21/05 a 20/06 Afaltadepersistencianotrabalhoduroatrasasuavida,ge- miniana!Comovocêsabedisso,vánoembalodaenergia criativa do dia e tire da frente todas as pendências. Uma boaideiatemtudoparaseconcretizar. Libra 21/09 a 20/10 Umritmodiferentehoje,maispausadoepropicioareflexões quevalorizemarealidadeeascoisasboasqueforamtestadas pelopassado.Paravocêéótimo!Compreensãoeexpansão. Aquário 21/01 a 18/02 Touro 21/04 a 20/05 HojeamanhãaLuatransitaseusigno-etrazparavocêaforça deMarteeaexpansividadedeJupiter,ambosemVirgem.Para aproveitarsuperbemessaondapositiva,encontreumtempo para você, e mais ninguém. Virgem 21/08a20/09 Um dia que flui, mais suave e fértil, para você. Viagens e sonhos esclarecedores, contatos com pessoas de fora de seu circulo, tudo contribui para uma visão mais abrangente da vida. Capricórnio 21/12 a 20/01 Parece mágica a sincronia que une Lua, Vênus e Júpiter em prol de um sonho secreto seu! Dados estratégicos chegam, pessoas acodem, portas se abrem, amigos se ajudam.Ésóbrindar! Câncer 21/06 a 20/07 Otimosauspiciosnoamorenasamizades,comumtempoes- pecialparaosamigos.Sobumastralqueinduzäestabilidade eavalorizaçãodoquefoitestadonotempo,haveráequilíbrio e proximidade no amor. Bom para as finanças e trabalho. Escorpião 21/10 a 20/11 VênuseJúpiteratraemparaavidasocial,aintervençãona sociedade ? politica, cultura, comportamento ? em busca deummundomenosimperfeito.Noamor,acumplicidade équeatrai. Peixes 19/02 a 20/03 Onda criativa poderosa pede que você extravase, comuni- que, coloque pra fora o que sente e entendeu do momento. Qualquer forma de expressão será benvinda e gloriosa em seus efeitos! Clima mais ameno e intimista de hoje pede imersão na vidaprivada.Sensibilizadopelostemasdomésticos,fami- liares, irá entender algo importante. Proteção e intuição chegamfortes. Naúltimasegunda-feira(28),JoãoPaulo,Rebeca, Li Martins e Veridiana protagonizaram uma conversa reveladora no ofurô. Enquanto falavam sobre famosos, a loira se soltou e acabou contando aos peões que já se relacionou com alguns famosos. Um deles foi o cantor Gusttavo Lima, que recen- temente terminou seu noivado com Andressa Suita. Ela revelou que a grande culpada para o relacionamento deles não ter dado certo foi por causa da imprensa. “Eu estava me fazendo difícil, né? Saímos algumas vezes, mas não queria ‘me entregar’. Fiquei fazendo aquele joguinho de ‘não vou te dar pra namorar’, mas aí saiu na imprensa e fu*** tudo. Acabou com o relacio- namento”, disse Veridiana, levando as peoas aos risos. “Estava crente que ia namorar com ele, mas aí fui jantar com ele e fu*** tudo. O fotógrafo tirou várias fotos e acabou o romance. Aí logo depois ele começou a namorar a Andressa. Isso faz um tempão, foi em 2011”, afirmou. Rebeca então questionou se ela achava mesmo que ia conseguir namorar com Gusttavo Lima e Veri- diana respondeu: “Ah, por que não? A gente tem que achar tudo, né? Mas a gente ficou várias vezes. Mais de cinco vezes, com certeza”, disse. João Paulo, então, questionou: “E nada de tche tche r ere tche tche?”, questionando se ela havia feito sexo com o cantor. E ela respondeu: “Não! Tava me fazendo para tentar namorar, né?”, disse a loira, levando os peões aos risos novamente. Pouco tempo depois, ela revelou sobre um outro caso com famoso, mas não revelou sua identidade, afirmando apenas que era jogador de futebol. “Não posso falar o nome, senão, eu ganho um ‘processinho’ lá fora”, disse a peoa. Rebeca ainda tentou encorajar a peoa a contar. “Processinho por que? Só por que você ficou com ele?”, questionou. Os peões também brincaram: “Ele era casado?”. Porém, a loira resistiu e disse que o jogador poderia ficar chateado em ter seu nome revelado no reality show. Oprazerdetestarhabilidadesseuneavisãodeconjunto, epramelhoraraindamais,alguémcheganahoracertae contribuiparaoquevocêespera.
  9. 9. Polícia 9Correio do Sul Quarta-feira, 30 de setembro de 2015 ³Delegado regional Ari José Soto Riva divulga bons números da Polícia Civil ³Nicolas e Tiago já têm antecedentes criminais > Turvo/ArArAnguá Mais uma transação de drogas foi frustrada pelos agentes da DIC em parceria com policiais civis de Turvo, de onde vieram as informações acerca do negócio. Desta vez a ação ocorreu ao lado da Igreja Católica do bairro Santa Catarina, emAraranguá, queresultounaprisãoem flagrante por tráfico de drogas de Nicolas Eleu- tério de Souza,de 24 anos, natural de Araranguá; e de Tiago Honorato Zava- riz, 23, de Turvo. No momento exato em que Tiago, vindo de Turvo, estacionou o Vec- tra de placas KDL 4532, acompanhadodaesposae deumacriançadeumano e quatro meses, Nicolas se aproximou pilotando a motocicleta Honda CG Titan, de placa ILK 4791, e entregou a Tiago um invólucro contendo apro- ximadamente 26 gramas de crack. Dupla trafica ao lado da igreja Nicolas foi abordado no local, enquanto Tiago ten- toufugireauns100metros a frente jogou a droga no pátio de uma empresa. Só então foi dominado pelos policiais. A dupla foi conduzida à delegacia e autuada em flagrante com a apreensão do Vectra, da moto e de R$ 197,00emdinheiro.Nicolas havia deixado o presídio havia quatro meses, onde cumpriupenaportráficoe tambémporenvolvimento na morte de uma garota de programa em Balne- ário Gaivota. Tiago tem antecedentes por porte ilegal de armas e posse de entorpecenteseconfirmou que a droga seria revendi- da em Turvo, onde reside. estão incluídos autos de prisão em flagrante, inqué- ritos policiais, apuração de atos infracionais de ado- lescentes e de apreensão de adolescentes e termos circunstanciados. O maior número de procedimentosseconcentra nas delegacias de Araran- guá, Sombrio e Arroio do Silva. Na região há duas de- legacias que concentram plantões permanentes, lo- calizadas em Araranguá e Sombrio, sendo que as demais atendem em regi- me de sobreaviso, onde o policial é acionado quando necessário. “Graças à dedicação de todos os policiais, que não medemesforçosematender a população, quando acio- nados, os resultados das investigações são bastante positivos, com a identifica- ção dos autores do crime e responsabilização. A in- tegração com os demais órgãos da segurança, como a Polícia Militar, que tem exercido um belo trabalho na região, tem se somado a esses resultados positivos, sendo que os números de procedimentos referentes às prisões em flagrante, conduzidosàsdelegaciasda região, somente este ano, já somam 486”, disse Riva. Responsável por diversos serviços prestados a população, entre eles o movimentado setor de trânsito, órgão coordena Polícia Civil na região Trabalho operacional Gislaine Fontoura > ArArAnguá A19ª Delegacia Re- gional de Polícia Civil (DRP), que tem sob seu comando 18 delegacias e o Ciretran, no ano de 2015jácontabilizougrande produção, tanto na parte operacional quanto admi- nistrativa. No setor administra- tivo, junto à Delegacia Re- gionalforamencaminhadas para a expedição e entre- gues aos usuários, desde o mês de janeiro até o último dia 23, 17.222 carteiras de habilitação. Os licencia- mentos de veículos, com transferênciaseoutraspro- vidênciastotalizaramneste mesmo período 16.062. Também este ano foram emitidos na DRP 220 alva- rás para estabelecimentos que comercializam bebida alcoólica, alimento, gás, combustíveis e exploram jogos e diversões públicas. Além disso, a Delega- cia Regional tem outros setores, como a secretaria, que coordena as questões administrativasrelativasa Polícia Civil nos 15 muni- cípios da região. Na secre- taria atuam uma escrivã e uma estagiária. O setor de recursos das infrações de trânsito, que possui um estagiário e um agente de polícia, além de exercer ou- tras tarefas, julga por ano em média 200 processos de cassação e suspensão do direito de dirigir. Esses recursos, bem como as indicações de condutores (aqueles recursos onde são BonsnúmerosnaDelegaciaRegional Trabalho transferidos os pontos para as pessoas que realmente estavam dirigindo os veícu- los quando autuados), são recebidos por outro setor, onde trabalha um agente de polícia e uma estagiária, sendo que neste ano, já re- cebeu em torno de dois mil pedidos do público externo. No serviço de habilita- ção atua como encarrega- da uma agente de polícia, estagiários e contratados. Em outro setor, ligado às carteiras de habilitação, estão duas funcionárias terceirizadas,encarregadas das fotografias e coletas de impressão digital. Para encaminhar o li- cenciamento existem três agentes de polícia, estagi- ários e contratados. Em média são atendidas 300 pessoas por dia junto à Ciretran. “O esforço in- condicional dos policiais, contratados e estagiários, tem sido significativo para a conquista desses resul- tados” declarou o delegado regionalAri José Soto Riva. Na questão operacio- nal, as Delegacias da Re- gião já produziram neste ano 3.028 procedimentos policiais. Nesse número Na última semana o delegado Lucas Fernandes da Rosa assumiu a Delegacia de Polícia de Balneário Arroio do Silva. Além dele, o delegado regional anunciou a vinda de um novo delegado para a região. Gustavo Kaiber deve assumir a delegacia da Comarca de Meleiro nos próximos dias, ele ficará responsável pelas delegacias de Meleiro, Morro Grande e Maracajá. Novos delegados
  10. 10. 10 Correio do Sul Quarta-feira, 30 de setembro de 2015 Publicidade
  11. 11. Saúde 11Correio do Sul Quarta-feira, 30 de setembro de 2015 Casais ameaçados adultos, são atendidos pelo SAE de Araranguá. Os diagnosticados devem ser bem mais, pois mui- tos fazem tratamento fora. “A gente estima que para cada um que se sabe, existem mais dois que a gente não sabe”, alertou a coordenado- ra do programa. Tiane Na primeira reportagem sobre portadores do HIV, enfermeira alerta para o crescente número de jovens contaminados Gislaine Fontoura > ArArAnguá Os casos de HIV e Aids em homos- sexuais têm aumentado emAraranguá, o que pre- ocupa os profissionais do Serviço de Atendimento Especializado (SAE). A enfermeira Tiane Ramos do Canto, coordenadora do programa de DST (Doenças Sexualmente Transmissíveis), HIV, Aids e hepatites virais do município, alerta para a importância do uso da camisinha. Tiane contou que seus pacientes relatam que usam camisinha nos primeiros meses de rela- cionamento, até conhece- rem melhor os parceiros. “Depois, quando eles acham que conheceram a pessoa, que estão apai- xonados, abandonam o uso do preservativo. Isso acontece em qualquer idade. Começou o rela- cionamento, usam ca- misinha, nos primeiros meses, até acharem que estão em uma relação estável, depois abando- nam”, informou. No SAE de Araran- guá, aumentaram os casos de HIV e Aids em homossexuais este ano. “O que a gente tem ob- servado muito aqui no programa é um aumen- to bem significativo na população homossexual. No começo da epidemia os homossexuais foram muito visados, porque a transmissão homem e homem é maior, as chan- ces de transmitir HIV pelo sexo anal é maior, foi uma população muito alertada. Só que estamos percebendo que o homos- sexual não usa mais ca- misinha, não sei te dizer o que está acontecendo”, disse preocupada. A enfermeira rela- tou que entre os jovens, de 15 a 25 anos, houve um acréscimo em torno de dez casos de homos- sexuais de Araranguá atendidos pelo SAE. “O que observamos é que eles se relacionam bas- tante e trocam mais de parceiros do que homem e mulher. Para nós foi um susto este ano, eu tive um acréscimo de uns dez homossexuais jo- vens. Em uma população como a de Araranguá, é muito”,avalia Tiane. Em torno de 300 pes- soas, entre crianças e Aids aumenta entre homossexuais Série Especial ³Enfermeira Tiane mostra o mapa utilizado para o controle dos casos de Aids registrados em Araranguá também advertiu que existem pessoas que ain- da não fizeram o exame e pessoas que fazem o exame e não fazem o tra- tamento, preferem ficar no anonimato, como se negassem a doença. A enfermeira acre- dita que o fato das re- lações afetivas entre pessoas do mesmo sexo estarem sendo divul- gadas com maior natu- ralidade pode ser uma faca de dois gumes. Po- sitiva porque enfrenta o preconceito, mas pre- ocupante quando dá a entender que “está tudo liberado”, inclusive o sexo sem proteção. “Es- tamos atendendo muitos casais homossexuais e realmente eles não se previnem. Existem tur- minhas contaminadas, e tudo menino novo. É uma geração que cres- ceu ouvindo falar em camisinha, por que então eles não estão usando?”, questionou a enfermeira.
  12. 12. Publicações Legais12 Correio do Sul Quarta-feira, 30 de setembro de 2015 Estado dE santa Catarina Prefeitura MuniciPal de araranGuÁ Secretaria de aSSiStÊncia SOcial e HaBitaÇÃO Estado dE santa Catarina Prefeitura MuniciPal de araranGuÁ errata edital nº 31/2015 - PreGÃO PreSencial o Prefeito Municipal de araranguá, juntamente com a Pregoeira, comunicam alterações no Edital de Licitação nº 31/2015, Publicação do dia 18/09/2015. oBJEto Contratação de empresa do ramo pertinente objetivando a implantação e manutenção de solução em software para gestão da informação da política de assistência social e do sUas no município de araranguá, tudo em conformidade com termo de referência anexo ao edital de licitação. onde se lê: 7.2 a) cotação para o item disposto no anexo ii, não sendo aceita oferta de fornecimento de itens parciais do objeto licitado. Leia se: 7.2 a) cotação para o item disposto noanexo i, não sendo aceita oferta de fornecimento de itens parciais do objeto licitado. onde se lê: 8.23 d) declaração de tempo de implantação - a Proponente deverá disponibilizar e implantar os sistemas (softwares) de apoio para a execução dos serviços propostos no máximo 30 dias após a assinatura do contrato. Leia – se: 8.2.3 d) declaração de tempo de implantação - a Proponente iniciará a implantação dos sistemas (softwares) de apoio propostos no máximo 05 dias após recibemento da ordem de serviço e o prazo para execução das etapas de implantação, migração de dados e treinamento de todos os módulos licitados será de no máximo 60 (sessenta) dias. reabre-se os prazos legais: EntrEGa dos EnVELoPEs: até às 16h45min; do dia 13 de outubro de 2015, no serviço de Protocolo Geral da Prefeitura, sito à rua dr. Virgulino de Queiróz, 200, centro. aBErtUra dos EnVELoPEs: as 17h00min do dia 13 de outubro de 2015, na sala de reuniões do departamento de Licitações da Prefeitura. araranguá, sC, 29 de setembro de 2015. sandro roberto Maciel - Prefeito Municipal Liliane s. de souza - Pregoeira aViSO de anulaÇÃO dO PrOceSSO de licitaÇÃO nº 121/2015 tOMada de PreÇOS Para OBraS sandro roberto Maciel, Prefeito Municipal de araranguá, santa Catarina, no uso de suas atribuições legais, juntamente com a Comissão Permanente de Licitação, em conformidade com o disposto no artigo 49 da Lei Federal nº 8.666/93 e alterações decidem pela anULaÇÃo, total, da licitação nº 121/2015 – tomada de Preços que tem como objeto a Contratação de empresa do ramo pertinente, objetivando a execução de serviços, com fornecimento de materiais, necessários a pavimentação asfáltica da Rua Porfirio Lopes de Aguiar e travessia da Rua Rui Barbosa, tudo em conformidade com memorial descritivo, projetos, planilhas e cronograma físico financeiro, em observância aos erros na composição da planilha orçamentária nos quantitativos dos itens 2.1.3, 2.1.4, 2.1.5 e 2.2.3. araranguá, sC, 29 de setembro de 2015. sandro roberto Maciel Prefeito Municipal Luiz Carlos de souza Presidente da Comissão Permanente de Licitação edital de intiMaÇÃO arLindo EdÍLio da rosa, titular do taBELionato dE notas E ProtEstos dE tÍtULos desta Comarca de sombrio, situado na av. nereu ramos, 1300 - Fone (48) 3533-0318 - CEP 88960-000, atendimento das 08:00h - 12:00h e 14:00h - 18:00h, faz saber na forma da Lei aos que o presente EditaL virem, que se encontram nesse tabelionato para serem protestados, decorrido o prazo legal de 03 (três) dias úteis, por não terem sido encontrados nos endereços fornecidos, ou por se recusarem a tomar conhecimento, os títulos cujos responsáveis estão abaixo discriminados. Ficam esclarecidos, também, de que nesse mesmo prazo poderão apresentar resposta escrita, que não impedirá a lavratura do protesto. Prot. aPrEsEntantE / CnPJ dEVEdor / CnPJ Prot: 139011; devedor(es): JosE CLECio CaMPos norBErto - 377.903.589-87, End: rUa 306, 191, sombrio; tip: normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: BanCo saFra s/a; sac: Bio instinto ind E C CosM Ltda; tit: 458765112 ; apr: BanCo BradEsCo s a ; VEn: 15/09/2015; Esp: duplicata de Venda Mercantil por indicação; Val: r$ 2.024,00 + Juros Legais (1% a.m.); Emol.: r$ 46,96. apontamento r$ 13,75 - selo r$ 1,55 - distribuição r$ 0,00 - diligência r$ 27,50 - Condução r$ 5,71 - digitalização r$ 0,00- total Emolumentos r$ 46,96. Prot: 138970; devedor(es): MarCELo MoisEs sCHULtZ - 15.065.959/0001-82, End: rua Caetano Emerim, 1648, sombrio; tip: normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: CoMErCiaL ZanELLa Ltda; sac: CoMErCiaL ZanELLa Ltda; tit: PV021481 ; apr: BanCo do BrasiL sa; VEn: 21/09/2015; Esp: duplicata de Venda Mercantil por indicação; Val: r$ 490,00 + Juros Legais (1% a.m.); Emol.: r$ 64,23. apontamento r$ 13,75 - selo r$ 1,55 - distribuição r$ 0,00 - diligência r$ 42,20 - Condução r$ 8,28 - digitalização r$ 0,00- total Emolumentos r$ 64,23. Prot: 138933; devedor(es): tHiaGo raFaEL airEs - 985.959.549-68, End: rua Goias, s/n, Balneario Gaivota; tip: normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: UniCrEd sUL CatarinEnsE; sac: sandrotUr CoMErCiaL E aGEnCia; tit: EKo707909 ; apr: BanCo BradEsCo s a ; VEn: 10/09/2015; Esp: duplicata de Venda Mercantil por indicação; Val: r$ 340,00 + Juros Legais (1% a.m.); Emol.: r$ 70,13. apontamento r$ 13,75 - selo r$ 1,55 - distribuição r$ 0,00 - diligência r$ 42,20 - Condução r$ 14,18 - digitalização r$ 0,00- total Emolumentos r$ 70,13. Certifico, para os devidos fins, que o presente edital foi afixado no mural da serventia em: 30/09/2015. sombrio - sC, 30/09/2015 arLindo EdÍLio da rosa
  13. 13. Geral 13Correio do Sul Quarta-feira, 30 de setembro de 2015 Apesar de atingir a meta, Hospital Regional ainda não atende a demanda pactuada com o município ³Reunião que apresentou dados do Hospital Regional foi na capital do estado > ArArAnguá AComissão deAva- liação e Fiscaliza- ção (CAF) das atividades do Hospital Regional de Araranguá (HRA) esteve reunida na tarde desta terça-feira, em Floria- nópolis, na sede da Se- cretaria de Estado da Saúde, com integrantes da própria secretaria, além da Secretaria de Planejamento e da Orga- nização SocialAssociação Paulista para o Desen- volvimento da Medicina (SPDM), que administra o HRA. Nesta reunião o município estava repre- sentado por membros da Secretaria Municipal de Hospital presta contas de serviços Saúde, Gerência Regio- nal de Saúde e Câmara de Vereadores. Na oportunidade foi apresentada avaliação do primeiro e segundo trimestres de 2015 em relação aos atendimen- tos na área assistencial. “Aprovamos o que nos foi repassado sobre o núme- ro de atendimentos do Hospital Regional, mas com ressalvas. Sabemos que os números mostram que a meta de atendi- mentos na área foi atin- gida, porém, não está de acordo com a demanda total do município de Araranguá e daquilo que foi pactuado”, relata a secretária municipal de Ressalvas Saúde, Rosane Koch- hann. Para a secretária, ainda há um distan- ciamento daquilo que o HRA executa e do que realmente precisa ser feito de acordo com a necessidade do muni- cípio. “Vimos que não só Araranguá, mas os municípios da nossa re- gião podem e devem aproveitar melhor o que o hospital tem a oferecer, pois sabemos que há capacidade de oferecer mais à população”, de- clara Rosane. Da câmara estive- ram presentes os vere- adores Adair Jordão e Ozair Banha da Silva. ³Policiais fizeram uma grande operação em uma das entradas de Sombrio > sombrio Na tarde desta terça-feira, a Polícia Militar realizou, por volta das 17 horas, uma grande operação de trânsito na aveni- da Papa João XXIII. O local dá acesso a uma das entradas da cidade e é considerado uma das principais avenidas sombrien- ses, levando também a diversos bairros e a Balneário Gaivota. Durante o tra- balho extenso, mais > são João do sul N a s e g u n d a - -feira, por volta das 17h15min, a guarni- ção da Polícia Militar de São João do Sul recebeu denúncia de que um homem estava tentando vender uma motoserra por um valor muito abaixo do mer- cado. O homem foi en- contrado e os policiais tentaram abordá-lo, de 100 veículos foram abordados. O capitão Luiz Paulo Fernan- des, comandante da 2ª Companhia da Polícia Militar, explica que a fi- nalidade principal des- se tipo de ação é fazer um pente fino em passa pela cidade, aumentan- do o trabalho ostensivo e deixando claro que a PM está presente na cidade. As abordagens têm intenção de en- contrar armas, drogas, pessoas com mandado de prisão, veículos rou- bados ou adulterado, motoristas embriagados, mas ele resistiu, entrou em luta corporal com os policiais e fugiu em di- reção a uma residência. Em seguida o suspei- to foi visto novamente e desta vez reconhecido. Ele então retirou uma arma da cintura e efe- tuou um disparo contra os policiais, os quais revidaram. Porém, mais uma vez o sujeito con- seguiu fugir e foi para uma região de mata fe- chada e de difícil acesso. Mais de 100 carros parados em blitz Homem atira e dá trabalho a PM além de veículos e con- dutores com documento atrasado. Aproximadamente uma hora de blitz ren- deu uma moto apreendi- da e uma CNH vencida recolhida. Neste caso, uma pessoa com habili- tação em dia foi buscar o automóvel. O sargento Mario- zan, que comandou a operação, comentou que a terça-feira foi um dia bastante positivo, pois até o final da tarde nenhum crime de maior relevância aconteceu na região. No tiroteio ninguém se feriu. Os policiais conti- nuaram atrás do ca- marada com apoio de mais viaturas até que ele foi encontrado dei- tado num banhado. Ele tinha furtado a moto- serra, sendo reconhe- cido pela vítima, e era foragido do Presídio Regional de Araranguá desde 2009, e ainda possuia mandado de prisão por furto.
  14. 14. 14 Correio do Sul Quarta-feira, 30 de setembro de 2015 Publicidade
  15. 15. Caminhada orientada agora é mais cedo > sombrio Apartir de hoje, o Programa Saú- de em Movimento, de Sombrio, que realiza ca- minhadas orientadas, alongamentos e exer- cícios gratuitamente a cidadãos sombrienses, desde 2013, terá novo horário, para adaptação ao horário de verão, que inicia dia 18 de outubro. As aulas, antes reali- zadas a partir das 8h30, começam a acontecer 45 minutos antes, às 7h45, com término uma hora depois, 8h45. “A mudana é para que, a partir do dia 18, façamos num horário me- lhor, com sol menos forte, fazendo exercícios sem oferecer qualquer risco a saúde”, relata o diretor Quarta-feira, 30 de setembro de 2015 ³ 12-37-39-47-55CONCURSO 3.896 QUINA 29/09 Chega pro mate, o assunto é Rodeio! + de R$ 20.000,00 em PremiaçãoDE OUTUBRODE 20159a12 publicidade e propaganda CTGGALPÃO DE ESTÂNCIA Realização:Patrocínio: Apoio: Campus Santa Rosa do Sul ³ 14-15-23-28-39-49 ³ 03-06-17-21-27-36 CONCURSO 1.424 DUPLA SENA 29/09 Sexta é dia de final no futsal > maracajá O Campeonato Mu- nicipal de Futsal- Taça Valdir Carradore, em Maracajá, chega em sua reta final e a grande de- cisão está marcada para sexta-feira, às 20h, no ginásio municipal. Este ano participa- ram do campeonato 10 times, todos com bom nível técnico. "Após vá- rios confrontos quem levou a melhor foram Espigão Grande e Tecesul, que dis- putam a final", ressalta do diretor de Esportes, Edinei Pedro Rocha. O Tecesul veio cres- cendo na competição e con- seguiu uma das vagas na final ao vencer a equipe do Centro, uma das favo- ritas ao título de 2015. Já o Espigão Grande chegou a decisão após passar pelo Juvenil de Maracajá que de esportes, Fernando Ferreira. De acordo com Fer- nando, o Program Saúde em Movimento, ideali- zado por ele, é o mais grtificante projeto feito pelo DME. “Na minha opinião pessoal esse é o melhor projeto que faço, pois o retorno carinhoso dos alunos, o reconheci- mento e a participação é muito grande. Todos aqui convivem bem e desde que o prefeito Zênio deu o aval para realizarmos os encontros e até parti- cipou da abertura, temos um grupo bom de alunos dedicados e felizes com os resultados”, conclui. fez uma grande campanha e também era favorita. O artilheiro da com- petição é Bruno Pereira, do Centro, com 13 gols e o goleiro menos vazado é Evandro Carradore, do Espigão Grande. Os dois primeiros colocados receberão prêmio em dinheiro e troféu.
  16. 16. quarta-feira, 30 de setembro de 2015

×