Jornal digital 4679_sex_29052015

365 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
365
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
17
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Jornal digital 4679_sex_29052015

  1. 1. www.grupocorreiodosul.com.br ANO XXIV EDIÇÃO Nº 4.679 SEXTA-FEIRA, SÁBADO E DOMINGO, 29, 30 E 31 DE MAIO DE 2015 R$ 2,00 Grupo 21º 15º Sol com muitas nuvens durante o dia e períodos de céu nublado. Noite com muitas nuvens. Previsão para hoje Extremo Sul Catarinense Sombrio Sombrio Sombrio A alegria das obras que vêm A tristeza que a chuva traz São João do Sul 4 e 5Páginas Violência Colheita Sombrio 9Página 7Página 3Página Geral Geral Geral Mulherfoimorta com novetiros por assaltantes Safradearroz é a 3ªmaiordahistória deAraranguá SecretariadaSaúde querprojeto para proteger mãesebebês
  2. 2. Política Jarbas Vieira Correio do Sul Sexta-feira, 29 de maio de 2015 jarbas@grupocorreiodosul.com.br (48) 9966.5326 CHARGEPor:CAZO Godinho vai em busca de recursos O prefeito de Passo de Torres Juarez Godi- nho Scheffer esteve cumprindo uma longa agenda na capital federal, acompanhado do vice-prefeito Paulo Cordeiro, do procurador geral do município Marcelo Tristão, do presidente da CâmaraPedroPauloBitencourt,dos vereadoresAdilsonMoacirMartins, SerginhoDoBio,AdemilsonBatista, Jonas Souza, e do assessor legislati- vo Vanderlei Pedroso da Rocha. A comitiva visitou vários ministérios e os parlamentares da bancada catarinense. Conforme o prefeito, a admi- nistração municipal mantém um diálogo permanente com a União, Nanoitedodia20,overeadorLuizBrazPaulino,oLulu,foisubmetido à uma cirurgia da vesícula biliar. A intervenção foi de emergência, já que alémdocálculobiliarextraído,aregiãodoabdômenapresentavainfecções e ele registrava pressão alta. AcirurgiafoirealizadanoHospitalRegionaldeAraranguá,ondeLulu permaneceuinternadoatéquarta-feira.Elerecebeualtapelamanhãeestá repousando em casa. “Graças a Deus estou bem. Tive que ficar uma semana internado e recebi a implantação de sondas por causa das infecções. Fui medicado e bem atendido no hospital”, disse. Ainda debilitado e com um pouco de dificuldade para falar, Lulu Paulino agradeceu a corrente positiva feita por amigos e colegas que aguardavam sua recuperação. Por enquanto, o vereador não tem data certa para retornar à Câmara de Vereadores. (48) 3522-3777 contandosemprecomocomprome- timento dos ministros e deputados, independente de sigla partidária, com o interesse maior que é o de- senvolvimento de Passo de Torres. As reivindicações buscam melhorar a infraestrutura do município em setores como habitação, saúde, es- porte, educação e transportes. OprefeitoGodinhoeorestante do grupo estiveram no Ministério da Pesca, onde trataram da vinda de equipamentos, como retroesca- vadeiras para o fortalecimento do setor; visitaram o Ministério da Educação/FNDE, onde solicitaram a liberação de recursos para cons- trução da quadra coberta na Praia Rosa do Mar, além das visitas aos Zé Nei comemora boa notícia pra suinocultura Lulu Paulino em casa DA REDAÇÃO No evento mundial que reúne as principais autoridades da área de saúde animal e mi- nistros de agricultura dos seis continentes, um dos momentos mais importantes concedeu aos estados de Santa Catarina e do Rio Grande do Sul o certificado de zona livre de peste suína clássica, nesta quinta-feira. O ato que fez parte da Assembleia Geral da Organização Mundial de Saúde Animal – OIE, em Paris, foi acompanhado por autoridades do Executivo e do Legislativo catarinenses e de representantes dos produtores. O deputado estadual José Nei Asca- ri, que preside na Assembleia Le- gislativa o Fórum Parlamentar de Defesa da Suinocultura de Santa Catarina, também acompanha a comitiva oficial, ao lado do vice- -governador Eduardo Moreira e do secretário de agricultura Mo- acir Sopelsa, além do presidente da Associação Catarinense dos Criadores de Suínos, Losivanio de Lorenzi. Zé Nei, que reside em Braço do Norte, comemora os efeitos de certificado para a o Estado e para gabinetes dos deputados federais JorgeBoeira(PP),EsperidiãoAmim (PP), Ronaldo Benedet (PMDB) e Marco Tebaldi (PSDB). Aos pri- meiros o apelo foi por emendas para a pavimentação de ruas e a Tebaldi,além da pavimentação de ruasforampleiteadosrecursospara aplicação na educação. Outra obra que será pleiteada junto a Secretaria de Portos é a ampliação dos molhes do rio Mam- pituba. A comitiva passotorrense pediuaintermediaçãododeputado Benedet, ao senador Valdir Raupp (PMDB) e ao deputado Décio Lima (PT), que já conseguiu viabilizar junto ao Instituto Nacional de Pes- quisas Hídricas, com sede no Rio de Janeiro, técnicos que estarão se deslocando até Passo de Torres no início do próximo mês para avaliar a real situação dos molhes. O prefeito também visitou a matriz da Caixa Econômica Fede- ral, onde tratou da tramitação de região, onde a suinocultura é muito forte. “Este documento oficial vai permitir que os pro- dutores catarinenses ampliem o mercado mundial e possam apresentar seus produtos com credenciais internacionais”, comentou. O histórico de Santa Ca- tarina na sanidade animal é destaque. Desde 1992 não se registram casos de peste suína clássica no estado e o reconhe- cimento de área livre já existe por parte do Ministério da Agricultura desde 1994. projetoseverificouapossibilidade da abertura de uma agência em Passo. Por fim, o grupo procurou o ministro do Trabalho Manoel dias (PDT) e verificou a possibilidade da implantação de cursos junto ao Ministério do Trabalho/Sine para beneficiar a comunidade do município, bem como a qualifi- cação dos profissionais da pesca em parceria com a Colônia de Pescadores. A estadia em Brasília foi faci- litada pelo gabinete do deputado federal Jorginho Mello (PR), que além de colocar a disposição assessores nas visitas aos minis- térios, garantiu o envio através de emenda junto ao Orçamento Geral da União recursos para infraestrutura em Passo de Torres.
  3. 3. colhidasedenúnciasoficiali- zadassobreopossívelcrime ambientalque,segundoela, estásendomanipuladopara a extração mineral do único morro no município. A Isam afirma que já repassou ao Ministério Pú- blico Federal informações que fortalecem a alegação de que a mineração está causando danos sociais e ambientais em Maracajá. Outro assunto que foi abordado refere-se a solici- tação de baterias para as Estações Hidrometeoroló- gicas, instalações responsá- por descuido ou descaso, dependendo do responsá- vel”, confirma Camila, que realiza pela primeira vez a palestra para agentes de saúde de Sombrio. Segundo a secretária de Saúde, a palestra é só a primeira etapa do trabalho com as gestantes do mu- nicípio. Coordenadora das secretárias municipais de Saúde da região, Gislane trouxe da última reunião entre o grupo, a ideia de criação de um protocolo de gestação. “Criaremos um acom- panhamento regional, em conjunto, até porque há nascimentos em locais di- ferentes, de acordo com a preferência das gestantes e esse protocolo coloca tudo o que é acompanhado du- ranteosmesesdegestação, por médicos, enfermeiros, técnicos,psicólogoseoutros Geral 3Correio do Sul Sexta-feira, 29 de maio de 2015 Primeiro passo ³Palestra auxilia profissionais a atuar com gestantes ³Dezenas de idosos participaram da discussão Parceria no combate as deficiências Bebê Saudável > SOMBRIO ASecretaria Muni- cipal de Saúde de Sombrio,emparceriacoma Apae, realizou no auditório da prefeitura nesta quinta- -feira, uma palestra com a psicóloga da Apae, Camila Matos, sobre Prevenção de Deficiência, voltada a enfermeiras, técnicos de enfermagem e agentes de saúde. O objetivo, de acordo com a secretária Gislane Dias da Cunha, é preparar os profissionais para que trabalhem especialmente na orientação de gestantes, paraprevenirqueseusfilhos nasçam com algum proble- ma neuro-psico-motor. “Ultimamente temos registrado o nascimento de crianças que adquirem deficiênciaoupornãoterem umpré-nataladequado,por atitudesnãorecomendáveis da mãe, por problemas no nascimento,alémdoscasos de parto normal forçado, quando a mãe ou o próprio bebênãoestãoemcondição para esta forma de extra- ção”, explica a secretária. De acordo com a psicó- loga, é provado que de 60 a 70 % das deficiências pode- riam ser evitadas, tivesse o pré-natal sido feito com acompanhamentoecomhá- bitos saudáveis das mães. “Uso do álcool e do ci- garro, ou outras questões que aparecem em exames de pré-natal, precisam ser observadas,acompanhadas e tratadas, se for o caso, a fim de preparar a criança para o nascimento e evitar a deficiência. Nem sempre é uma questão de genética, pelocontrário,amaiorparte das deficiências aparecem Secretaria de Saúde e Apae se unem para reduzir nascimento de crianças com problemas. Ideia é criar protocolo de gestação regional setores que realizam esse acompanhamento, para que a prevenção funcione e a gente diminua efetiva- mente os nascimentos de crianças com deficiências” conclui. > REGIÃO Um dos assuntos mais debatidos no en- contro dos membros da Comissão Consultiva do Comitê Araranguá na tarde desta quinta-feira foi sobre as atividades de mineração no Morro de Maracajá. A presidente da Or- ganização Não-Governa- mental Instituto Socio- ambiental de Maracajá (Isam), Selma Fernandes Silveira Aguiar, partici- pou e falou das provas re- Estações Hidrometeorológicas não funcionam veisporverificaraprecipita- ção de chuva, temperatura e nível dos rios, permitindo a tomada de decisões pela defesacivileadministrações municipais. “É triste ter que estar pedindo esmola junto às prefeituras para manter essas estações. A Epagri, pela Estação Ex- perimental de Urussanga, comprometeu-se em fazer esses reparos, mas até o momento não recebemos nenhuma verba”, desaba- fou o presidente da casa. Para deixar as esta- ções hidrometeorológicas da Bacia Hidrográfica do Rio Araranguá em pleno funcionamento, o que possibilita aos municí- pios acompanhar os da- dos com mais fidelidade, nos próximos dias serão mobilizadas lideranças políticas, diretores de fundações e entidades representativas para fir- mar parcerias que ga- rantam a restauração e manutenção dos equipa- mentos. Atualmente, existem naBacia35estações,mas umas poucas funcionam. > JACINTO MACHADO Com um público for- mado em sua maioria por representantes de grupos da terceira idade dos municípios de Jacinto Machado, Turvo e Ermo, realizou-se na tarde de quarta-feira, tendo por lo- cal o Centro de Convivên- cia do Idoso, a 1ª Confe- rência Microrregional dos Direitos da Pessoa Idosa. O evento foi coordenado pela assistente social de Jacinto Machado Susana Casagrande e contou na sua abertura com a par- ticipação do vice-prefeito Adelor Emerich e repre- sentantes dos municípios envolvidos.“Idoso, hoje, é exemplo de vida e espero que neste encontro vocês acrescentem muitas ideias para que na conferência nacional sejam implemen- tadas”, disse Emerich. Após os pronunciamen- tos de cada representante dosmunicípios,ocorreuuma palestracomaassistenteso- Municípios discutem política para idosos cial Jiani Tiskoski Ramos Ostrabalhosdaconfe- rência foram divididos em quatro eixos, tratando so- bre questões como: gestão, financiamento, participa- ção, sistema de garantia e de direitos.
  4. 4. 4 Correio do Sul Sexta-feira, 29 de maio de 2015 e Vila Santa Catarina. Na primeira localida- de, a empresa Fabisul, de Balneário Gaivota, vai realizar drenagem, pavimento com lajotas e construção de calça- das em 2,5 quilômetros. Esta obra, que tem pra- zo de execução de 120 dias, foi aprovada em R$ 268 mil. O recurso é proveniente de uma emenda parlamentar do deputado federal Edinho Bez. Rafael Andrade Comunidades ganham lajota e água Investimentos > SÃO JOÃO DO SUL São R$ 868 mil in- jetados em duas grandes obras que ini- ciam nesta sexta-feira em São João do Sul. As ordens de serviços foram assinadas ontem na prefeitura, com a presença de autoridades e lideranças comunitá- rias das comunidades beneficiadas, Barrinha Moradores de Barrinha e Vila Santa Catarina serão beneficiados com duas obras que tiveram ordem de serviço assinada No outro bairro, um dos maiores de São João, cerca de mil morado- res serão contemplados com a implantação do sistema de distribuição de água. O serviço foi orçado em R$ 600 mil oriundos do governo do estado por meio da Ca- san, com maquinário da prefeitura em contra- partida. João Rubens dos Santos, prefeito licencia- do, fez questão de parti- cipar do ato e sublinhou a importância dos proje- tos. “São reivindicações antigas e fazem parte da nossa proposta de campanha. E vêm mais investimentos neste se- tor por aí”, anunciou. João Rubens avalia que a distribuição de água ficará 100% na cidade somente se uma barra- gem for construída no rio Mampituba, em Praia Grande, a qual poderá beneficiar moradores das duas cidades e de Passo de Torres, Santa Rosa do Sul e Sombrio. Segundo o superin- tendente regional de negócios da Casan Sul, Vilmar Tadeu Boneti, na Vila Santa Catarina será construída uma sala quí- mica e um reservatório para 100 metros cúbicos, além de a implantação de aproximadamente dez mil metros de rede de distribuição. “Foi uma solução técnica que encontramos para entre- gar água de qualidade para esta localidade, logo após encontramos um poço com material de qualidade, pois o solo em São João tem muito ferro e outros minerais”, completa Boneti. Um dos grandes no- mes de empenho na an- gariação das obras é o do prefeito em exercício Moacir Teixeira. “Temos muito que comemorar. Somente na educação são três escolas em cons- trução, na saúde, um posto novo será entregue muito em breve, no so- cial, um novo Cras, além de pavimentação com asfalto em vias da região interiorana e outros tan- tos serviços. Isto é fru- to do empenho de toda equipe da prefeitura, que não mede esforços para o município receba este salto de desenvolvi- mento”, observa Moacir. ³Assinatura das ordens de serviços para as duas obras foi acompanhada por lideranças do município e das comunidades beneficiadas ³Moradores aguardam início das obras da rede de distribuição de água tratada
  5. 5. Especial 5Correio do Sul Sexta-feira, 29 de maio de 2015 Política Rolando Christian Coelho A través de mais uma de suas manobras na Câmara Federal, presidente da Casa, Eduardo Cunha (PMDB/RJ), conseguiu colocar em votação e aprovar a constitu- cionalização do financiamento privado de campanhas. Com isto, o Supremo Tribunal Federal, que queria acabar com a festa en- volvendoempreiteiraseospartidospolíticos, perdeuotremdahistória,jáqueapermissão de doações deste tipo, agora, constará na Constituição. PT, PC do B e PDT votaram francamente contra o projeto. PSB e Pros ficaram em cima domuro,commetadedosdeputadosvotando a favor e metade contra. Todos os demais partidos votaram escancaradamente a favor dofinanciamentoprivadodecampanhas,que, Maracutaia agora é constitucional como todo mundo sabe, só serve para que os políticosfiquemdevendofavoresàsempresas, que depois querem ser beneficiadas por con- tratos dos governos. Anáuseanestecasoficaporcontadetudo o que está sendo mostrado pela Operação Lava Jato. Os envolvidos falam abertamente na CPI da Petrobras que o principal objetivo das empresas, ao financiarem campanhas, é justamenteteroseuquinhãonogoverno,sem muita incomodação. Por sua vez, deputados da oposição, ligados especialmente ao PSDB e ao DEM, criticam a roubalheira do governo. No entanto, votam a favor do financiamento privado de campanhas! Ou seja, falam uma coisaefazemoutra.Nestecaso,emespecífico, contribuíram literalmente para a constitucio- nalização do roubo. Maus lençóis Deputado federal catarinense, João Rodrigues (PSD), ficou em maus lençóis ontem. É que ele foi flagrado por uma equi- pe de televisão assistindo a um vídeo por- nográfico no plenário da Câmara Federal, em pleno horário de votação, em seu smart fone. João Rodrigues, que foi Secretário de Estado da Agricultura no primeiro governo de Raimundo Colombo (PSD), disse que o vídeo havia sido veiculado por um de seus amigos em um grupo específico do WhatsApp. Ele argumentou que costuma receber com frequência este tipo vídeo, mas que logo apaga tudo. No entanto, o que chamou a atenção é que além de abrir o vídeo, o deputado o mostrou para outros dois parlamentares, e ainda colocou o smart fone sob a mesa em que estava, tentando esconder o conteúdo assistido. “Quando abri o WhatsApp realmente tinham pos- tado uma imagem imprópria. Cutuquei o deputado do lado e mostrei para ele: ‘Olha que m... me mandaram’. Ele olhou, riu, e eu apaguei”, comentou. Infraestrutura Leodegar Tiscoski, que além de ex- -deputado também é ex-secretário de Infraestrutura do Estado, diz que região Sul está caminhando no rumo certo no que diz respeito à construção dos alicerces para seu verdadeiro desenvolvimento eco- nômico. De acordo com ele, a duplicação da BR 101, a ampliação das atividades no Porto de Imbituba e a inauguração do Aeroporto de Jaguaruna são os primeiros passos para que o grande Sul catarinense seja de fato atrativo para o empresariado nacional. “Grandes empresas só se instalam onde houver boas rodovias, e no mínimo um porto e um aeroporto condizente com suas demandas. Nos últimos cinco anos finalmente conseguimos consolidar tudo isto”, enfatiza. Para ele, a redenção de nossa região viria com a pavimentação asfáltica da Serra da Rocinha, que ligaria a região serrana e o Norte gaúcho, além da Argentina, diretamente ao Extremo Sul. “Feito isto, em duas décadas passaríamos a figurar entre as regiões mais ricas do Estado”, aposta. PSD com Merísio PSD realizará na próxima segunda- -feira, dia 1, sua convenção estadual. Pre- sidente da Assembleia Legislativa, Gelson Merísio, que também preside a sigla, deverá ser reconduzido ao comando do partido. O PSD Mulher ficará sob a presidência de Rose Bartuchescki e o PSD Novas Gerações, vol- tado à juventude, terá à frente Arão Josino. A não alteração na estrutura partidária, e as pouquíssimas peças mexidas nos três dire- tórios, demonstram claramente que o PSD catarinense está mais unido do que nunca, com vistas à sucessão do governador Rai- mundo Colombo. Demonstra também que Gelson Merísio é quem detém a maioria das apostas no processo de sucessão. Se quisesse alterar o jogo interno, esta seria a hora de Colombo agir, dando vez a uma nova figura do partido. Ao contrário disto, manteve Merísio e ainda articulou para apagar os focos de incêndio que depunham contra ele. A recondução de Merísio também é um recado direto ao PMDB, partido pelo qual ele não morre de amores. Seis anos Deputados federais do Sul do Estado estão entre os parlamentares que, dentro da votação da Reforma Política, querem um mandato de seis anos para os prefeitos elei- tos ou reeleitos, no ano que vem. Com isto, os mandatos iniciados em 2017 iriam até 2022, coincidindo com as eleições estaduais e nacionais. Na prática, em 2022 votaríamos de vereador a presidente da República. Para Jorge Boeira (PP) esta é uma questão de sensatez. “Ficar realizando eleições a cada dois anos não tem trazido nenhum benefí- cio à sociedade. Só transtorno e despesas”, comenta. Na mesma linha, Ronaldo Benedet (PMDB), Edinho Bez (PMDB) e Geavânia de Sá (PSDB) defendem o mandato tam- pão. Há também uma discussão para que o mandato daqueles que forem eleitos ou reeleitos em 2016 vá só até 2018, o que também culminaria com o alinhamento de eleiçõesmunicipais,estaduaisenacionais.Os parlamentaresdoSul,noentanto,acreditam que um mandato de dois anos é insuficiente paraqualqueração,trazendoaosmunicípios mais prejuízos que benefícios. ³Estradas alagadas em diversos pontos deixaram várias comunidades isoladas o transbordamento de um córrego.Aúnica passagem era a ponte pênsil, na divisa com Praia Grande, utilizada somente por pedestres. O acesso para veículos foi normalizado cerca de 24 horas depois. A situação mais agra- vante é de 50 famílias de Sanga Dantas. A estrada geral que dá acesso à Que- rência e posteriormente ao Centro está com um trecho de aproximada- mente 150 metros blo- queado. Nem caminhão passa.Aúnica alternativa é trafegar por uma via do interior de Santa Rosa do Sul. São quase 30 quilô- metros. Não houve ainda pedidos desses moradores para apoio ou socorro aos bombeiros. No entanto, todo o aparato da Defesa Civil local e da prefeitura está em alerta. “A única solução para essas duas comunidades é a elevação deste trecho onde ocorrem os alagamentos”, informa Diego. Por enquanto não há projetos ou recursos disponíveis para realizar as obras. Com uma possí- vel situação de emergên- cia decretada, o estado ou a União poderão destinar verba com mais agilidade Famílias isoladas, es- tradas bloqueadas, quedas de árvores e de pequenas barreiras, rio e córregos transbordados, prejuízos na agricultura e pasta- gem. Tudo devido ao gran- de volume de chuvas e às fortes rajadas de vento, que chegaram a quase 100 quilômetros por hora em alguns pontos de São João do Sul, podem cul- minar em um decreto de situação de emergência pela Defesa Civil estadual ainda nesta sexta-feira. O ciclone extratropical que parece ter estacionado no extremo sul do estado e norte gaúcho, deve perder forças hoje. Enquanto o clima atmosférico não muda, os transtornos são contabilizados. O coordenador regio- nal da Defesa Civil Se- bastião Antônio de Souza, o Tião, e o diretor mu- nicipal do órgão, Diego Herr, realizaram vistoria em várias comunidades, a maior parte no interior. Constataram que a chuva torrencial de quarta-feira deixou 40 famílias isola- das na localidade de Beira Rio. A única via de acesso ficou bloqueada com cerca de um metro de água após Chuva deixa situação de emergência e sem a necessidade de licitações. Outra comunidade que sofreu as consequên- cias do ciclone foi Sertão do Piritú, no quilômetro três da SC-290 - principal via de acesso ao perímetro urbano de São João e à Praia Grande - onde um ponto de 100 metros está alagado e a passagem de carros de passeio e motos inviável. Vários motoris- tas foram pegos de sur- presa nesta quinta e foram obrigados a dar meia vol- ta. Há duas alternativas rodoviários, pelo Norte o condutor precisa pegar o acesso à comunidade de Três Coqueiros passando por Querência-Centro, e pelo Sul é preciso ir ao interior de Torres, que dá acesso ao Piritú-Centro. “Com as vistorias, fa- rei um relatório e encami- nharei à Defesa Civil es- tadual, onde irão analisar e acatar ou não o pedido de decreto de situação de emergência”, explica Tião. Ele garante que os prin- cipais transtornos desta vez foram em São João. “Não recebemos chama- dos ou alertas nos outros 14 municípios da Amesc”, informa. DIVERSÃOELAZERGARANTIDOS QUARTA,SÁBADOEDOMINGO BR101-KM413-ARARANGUÁ
  6. 6. Fundado em 5 de Junho de 1990 - Dia Mundial do Meio Ambiente Jornalista Rolando Christian Sant’ Helena Coelho - Fundador Jornal Correio do Sul Publicações legais: Tomaz Fonseca Selau l48l 9985.8573 tomaz@grupocorreiodosul.com.br Financeiro Joice Ramos l48l 8802.5883 financeiro@grupocorreiodosul.com.br Comercial: Igor Borges l48l 9968.6084 comercial@grupocorreiodosul.com.br Diretor Geral Jabson Muller l48l 9955.5313 jabsonmuller@grupocorreiodosul.com.br Diagramação/Arte: Cristian Mello l48l 3533-0870 correiodosul@grupocorreiodosul.com.br Sul Gráfica Junior Muller l48l 9931.4716 sulgrafica@grupocorreiodosul.com.br Redação: Marivânia Farias l48l 9995.9290 editor@grupocorreiodosul.com.br Política: Jarbas Vieira l48l 9966.5326 jarbas@grupocorreiodosul.com.br Radio 93FM Cássia Pacheco l48l 9912.9588 radio93fm@grupocorreiodosul.com.br Circulação/Assinatura l48l 3533.0870 assinaturas@grupocorreiodosul.com.br Rua João José Guimarães,176, Centro - Sombrio/SC - Fone: (48) 3533 0870 Editora: J. R. Pereira - ME CNPJ 17.467.695/0001-19 C.S. Empresa Jornalística LTDA. Geral6 Correio do Sul Sexta-feira, 29 de maio de 2015 PeloEstado Jornalista britânico Andrew Jennings, autor entre outros do livro Jogo Sujo, que revela escândalos e denúncias de corrupção no es- porte, praticamente reproduziu o relatório da CPI do Futebol, relatada por Althoff, mas citou apenas o presidente da CPI, senador Alvaro Dias (PSDB-PR) na obra. Considera que o termo máfia financeira, levantado pela CPI, resume bem o esquema espúrio. Deputado Gelson Merisio, em viagem ofi- cial ao Japão, pode ser considerado o polí- tico mais onipresente de Santa Catarina. Qualquer fato que ocorre na área, mesmo distante é o responsável, na visão de corre- ligionários e adversários. Parece que tem gente que tem pesadelos com ele. Usar aparelhos telefônicos é algo pessoal, mas assistir a filmes pornográficos durante a sessão que votava a reforma política, fla- grado pelo SBT nacional, não pegou nada bem para o deputado federal João Ro- drigues (PSD), embora ela tenha demonstra- do coragem ao admitir que era ele o espectador. O parlamentar acusou os ami- gos de enviar o material, mas quem estava de olho na tela era ele, o que atraiu outros tantos colegas de plenário. Saiu do grupo, certo. Roberto Azevedo (interino) Florianópolis - 29Mai15 Fifa e CBF estavam na mira da CPI O que a Polícia Federal norte-americana, o FBI, e a polícia suíça tornaram público com a prisão de sete executivos da Federação Internacional de Futebol (Fifa), inclusive o ex-presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), José Maria Marin, a Comissão Parlamentar de Inquérito do Senado do Futebol, encerrada em dezembro de 2001, com a aprovação por una- nimidade do relatório produzido pelo então senador catarinense GeraldoAlthoff (1998-2003, à época no PFL). Por isso, a ação dos policiais que cumpriam mandatos emitidos pela Justiça dos Estados Unidos, foi recebida como uma vitória da alma lavada por Althoff, hoje secretário de Assuntos Estratégicos do governo do Estado. A primeira reação, uma ligação do consultor legislativo André Eduardo Fer- nandes, direto de Brasília, na última quarta-feira pela manhã, foi definitiva para o ex-senador catarinense comemorar os frutos de um trabalho de mais de um ano, que sequer foi levado adiante pelo Ministério Público Federal ou pelo Poder Judiciário, apesar de inúmeras provas criminais levantadas pela comissão. Todos os desmandos e contratos recheados de ilicitude foram relatados. Althoff e Fer- nandes, que coordenou uma equipe de 12 pessoas durante os trabalhos da CPI, são testemunhas do primeiro trabalho de investigação, que puxou o fio da meada de uma investigação sobre crimes financeiros, sonegação fiscal, evasão de divisas e lavagem de dinheiro, todos ligados a uma operação mafiosa que ligava a CBF a um esquema de corrupção. Althoff explica que foi pelas mãos da comissão que se soube que uma em- presa, a Sanud, com sede em Lichtenstein (um pequeno país da Europa), seria a responsável pelo pagamento de propina ao então presidente da CBF, Ricardo Teixeira, bem mais tarde afastado por outras denúncias. O senador catarinense recebeu ataques, sofreu todo tipo de assédio, tentativas de suborno, chantagem, foi processado por Ricardo Teixeira, e Tubarão recebia toda semana uma equipe de jornalistas atrás de podres do político, que tomou posse no cargo com a morte do senador Vilson Kleinübing (PFL). Não conseguiram nada nem a bancada da bola deteve o trabalho bem feito e votou pela aprovação da peça. O esquema prosseguiu, já que nem mesmo toda a denúncia levantada teve eco fora do Con- gresso Nacional. Sequência - ParaAndré Eduardo Fernandes, a CPI teve um desfecho sério - ao contrário do que houve na Câmara dos Deputados, na chamada CPI da Nike - por conta da co- ordenação de Geraldo Althoff, “que estudava todos os passos e estratégias”. Fernandes e Althoff foram quase premonitórios, impactados pelo excesso de informações sobre a suspeita de crimes financeiros, entregaram uma cópia do relatório da CPI do Futebol à Embaixada dos Estados Unidos, em Brasília, ao adido policial, um agente do FBI indi- cado para receber pela embaixadora norte-americana no Brasil, em 2002. Se isso existe em nível de CBF, também existe nas federações estaduais. Geraldo Althoff, ex-senador e ex-relator da CPI do Futebol, sobre as conclusões reveladas por meses de investigações que geraram três volumes, um deles sobre a CBF e os escândalos financeiros. “ ”
  7. 7. Geral 7Correio do Sul Sexta-feira, 29 de maio de 2015 > ARARANGUÁ Araranguá pode se orgulharmaisuma vez quando se trata de arroz: a safra 2014/2015 foi a que teve o melhor desempenho dentre as três macrorregiões do sul cata- rinense, sendo a terceira melhor produção já regis- trada no município. Foi um pouco menor que a do ano passadodevidoaproblemas climáticos, mas ficou acima da média da produção total de todas as regiões. Os dados foram apresentados ontem durante o 23º Semi- nárioAnualdeAvaliaçãode Safra de Arroz Irrigado no SulCatarinense,promovido pela Epagri, no Centro de TreinamentodeAraranguá (Cetrar). Em geral, a safra de toda região foi 2,6% menor que a passada, referente ao período de agosto de 2013 a marçode2014.Aregiãoque mais colaborou para essa redução foi a de Criciúma. Por outro lado, Araranguá ficou acima da média de produção total, embora te- nha feito 1,3% menos arroz que a própria produção da safrapassada.Aindaassim, o resultado foi o terceiro melhordahistóriadomuni- Djonatha Geremias A média de produção foi de 6.926 quilos de cereal por hectare, o resultado é suficiente para movimentar R$ 450 milhões Safraéterceiramaiordahistória Arroz cípio, ficando apenas atrás do rendimento das safras de 2011/2012 (em primeiro lugar) e de 2013/2014 (em segundo). A média de produção nessa safra foi de 6.926 quilos de arroz por hectare. Para chegar a esse resulta- do, os técnicos e engenhei- ros agrônomos da Epagri cobriram 30% do total de 94 mil hectares de área plantada nas comarcas de Araranguá, Criciúma e Tu- barão.“Éumaporcentagem muito representativa. Esti- vemosemtodosesseslocais pessoalmente, entrevistan- do os rizicultores”, explicou o engenheiro agrônomo e coordenador da pasta na Epagri deAraranguá, Dou- glas Oliveira. A baixa dessa safra se deu principalmente por causa das condições cli- máticas que afetaram a região:umperíododemuita estiagem, em novembro do ano passado, seguido por excesso de chuva de dezembro a fevereiro, o que deixou o combate de doenças comprometido. Por causa disso, o arroz de praticamente toda a região contraiu brusone, uma das mais comuns doenças na rizicultura que diminui a produção. Emtermosfinanceiros, asafraproduzidanesteano representa uma movimen- tação de R$ 450 milhões, apenas por produtores, ou seja,semcontabilizartodaa movimentaçãoeconômicaa mais resultante das indús- trias e do comércio. Só na ³Colégio Araranguá cede salas para o cursinho > REGIÃO Os estudantes do 3º ano do Ensino Médio da rede estadual de ensino da região vão ganhar uma oportunidade de se prepararem melhor para as provas do Enem e dos vestibulares. A Se- cretaria de Estado da Educação e o programa Pró-Universidade estão oferecendogratuitamente ocursinhopré-vestibular, cominscriçõesabertasaté o dia 12 de junho, às 18h. Segundo a supervi- sora de Ensino Básico e Profissional da Gerência de Educação, Cleusa Fe- lisbertoTavares,asaulas começam na segunda quinzena de junho na Escola de Educação Bá- sica Araranguá e serão no período noturno. “O curso abrange todas as matérias e haverá tam- bémsimuladoseaulõesnas vésperasdoEnemedoves- tibular da UFSC”, explica. A seleção para partici- par do cursinho é feita pelo histórico escolar do Ensino Médio dos alunos inscritos e os interessados devem acessar o site do Pró-Uni- versidade e entregarem a documentação nas escolas apontadas no edital. Conforme o coordena- dor do Pró-Universidade, Otávio Auler, as aulas vão ocorrer em 20 polos, em 14 cidades, de segunda a sexta-feira, e os classifica- dos terão limite máximo de três faltas. O cursinho ocorre des- de 2003 e desde 2009 é realizado em parceria com a Secretaria da Educação, sempre com boa taxa de aprovaçãoemvestibulares. Apenas em 2014, foram 1285estudantesaprovados em exames do ensino supe- rior, sendo 765 aprovações Estado oferece pré-vestibular gratuito em instituições públicas, principalmente do Sul do país. “Há 12 anos que vem incluindoosalunosdeSanta Catarina no ensino supe- rior com qualidade. O curso transformasonhosemreali- dade”,finalizaocoordenador região de Araranguá, são 30 empresas de arroz - um número maior que a região deCriciúma,quecontacom 18 empresas. O 23º Seminário Anual deAvaliação de Safra deAr- roz Irrigado no Sul Catari- nense teve recorde de parti- cipação. Pela manhã, foram maisde70técnicosassistin- doumapalestrasobrenovas formas de adubação e outra sobre as estratégias de uso da nova cultivar da Epgari. Àtarde,maisde130pessoas participaram das palestras sobre os mercados nacional e internacional de arroz e da sessão de avaliação da safra, a parte da programa- ção mais esperada, com os dados apresentados nesta reportagem. do Pró-Universidade. As inscrições devem ser feitos no endereço eletrônico www.prouni- versidade.com.br e mais informações podem ser obtidas no telefone 3522- 0544.
  8. 8. Entretenimento Novelas - Horóscopo - Diversão Cruzadinha Novelas Sete Vidas -18h I love Paraisópolis -19h Babilônia -21h G aboofereceaMargotumcargoexecutivonaPilartexcom autonomiaparafazeroquebementender.Deodoraleva Izabelita para sua casa. Margot pede a Gabo um tempo para pensar na proposta de emprego. Danda engole o anel de noivado que Lindomar colocou em um doce para ela. Ramira se preocupa com a dívida que Expedito tem com Grego. V icente e Luísa ficam juntos. Arthurzinho afirma a Olívia que não pode ficar com Léo e se compromete a lhe ajudar financeiramente. Isabel e Lauro se desentendem. Irene estranha quando Caio sugere que ela contrate uma babá. Miguel insinua que Lena flerta com Lauro. Um cliente se encanta com Elisa e seu agente a incentiva a se manter de regime. Lígia apoia Irene, que sofre com as dificuldades da nova fase. V inícius diz a Regina que eles devem entregar a arma que receberam para a polícia. Noronha avisa a Beatriz que Regina pegou o pacote. Inês diz para Celina que não vai deixar Beatriz conquistar as obras da prefeitura de Jatobá. Aderbal e família comparecem ao funeral do Secretário de Co- municaçãodaprefeitura.KarenquestionaLuíssobreaconfusão na casa de Regina e ele inventa uma desculpa. Rapidinhas Correio do Sul Sexta-feira, 29 de maio de 2015 Áries 21/03 a 20/04 Hoje é um dia em que podem ocorrer imprevistos e contra- tempos em seus relacionamentos. É importante que aja de uma forma mais desapegada e desprendida. Ouça mais o que as pessoas têm a lhe dizer, isto é para a sua evolução. Leão 21/07 a 20/08 Sagitário 21/11 a 20/12 Entreemacordocomaspessoas,masrespeitetambéma suaautonomia.Éummomentoemquepodehaverdesa- fiosenvolvendooamoreamizade.Éhoradeestabelecer contatos,deentraremacordo,respeitandoasubjetividade decadapessoa. Gêmeos 21/05 a 20/06 Amoreamizadessãotemasenfatizadosaolongododia aosgeminianos.Éummomentoimportanteparateruma visãomaisdesapegadadasemoções.Emsuasatitudesé importantequeouçamaissuaintuição,geminiano. Libra 21/09 a 20/10 A Lua em movimento pelo seu signo está oposta ao pla- netaUrano,libriano.Éummomentoimportanteparavocê reconsiderarassuasatitudesnoâmbitodasparceriasedas relações. Valorize a individualidade e a autonomia, mas tambémestejaatentoàsdemandasdasrelações. Aquário 21/01 a 18/02 Estejamaisreceptivoaospontosdevistaalheios,aquaria- no. Não é somente você que tem a razão: seja flexível. É ummomentoimportanteparaadotarumanovapostura emrelaçãoàváriosassuntos. Touro 21/04 a 20/05 Procure estabelecer um equilíbrio maior entre o trabalho e o repouso. Cuide da saúde percebendo a influência que as emoçõestemsobreoorganismo.Estejaflexívelàsmudanças e surpresas que podem ocorrer ao longo do dia. Virgem 21/08a20/09 Eviteatitudesprecipitadasnoâmbitofinanceiro,virginia- no. É um momento de pensar em outras possibilidades ao que diz respeito às finanças e emoções. Estabeleça umapontemaiorentreosseusinteresseseosdeoutras pessoas. Capricórnio 21/12 a 20/01 Encontreumequilíbriomaiorentreasquestõespessoais eprofissionais,capricorniano.Éummomentoimportante para valorizar a sua individualidade e autonomia, mas tambémestardispostoaacordos.Parceriasealiançassão importantesnesteperíodo. Câncer 21/06 a 20/07 Crieumaharmoniamaiorentreadedicaçãoàsquestõespes- soais e profissionais. Para que ocorram mudanças positivas notrabalhoéprecisoqueestejacentradoemocionalmente. Desafiosenvolvendoaindividualidadeeosrelacionamentos cancerianos. Escorpião 21/10 a 20/11 Saúde e trabalho são temas que pedem uma outra abor- dagemaosescorpianos.Éummomentoimportantepara se centrar mais emocionalmente tendo um reflexo nos relacionamentos. Peixes 19/02 a 20/03 Questões financeiras e emocionais estão em pauta neste momento. É preciso que aja de uma forma mais colabora- tiva. É uma fase importante para explorar novos talentos e habilidades. Horóscopo Estejamaisreceptivoaospontosdevistaalheios,leonino. É um momento importante para decidir acordos e esta- belecer contatos e parcerias. É um dia que poderá trazer surpresaseparaisso,éprecisoserflexível. LucianoHuckatéteveaintençãodevoltar ao batente, mas preferiu esperar mais um pou- quinho antes de retomar a sua rotina. Nesta quinta-feira (28), o apresentador estavacomidamarcadaparaoProjac,osestú- dios da Globo na zona oeste do Rio de Janeiro, ondeiriagravarumquadroparaoseuprograma Caldeirão do Huck. Porém, de última hora, ele decidiunãoir,comoconfirmouaassessoriade comunicação da Globo a OFuxico. “Elepreferiuficarmaisunsdiasderepouso, descansarmaisumpouco.Aindanãotemosum cronogramapararetomarasgravações”,disse o departamento de comunicação da emissora à reportagem. Com uma fratura na 11ª vértebra, Huck deve se recuperar não só do ferimento, mas também do choque que viveu com toda a sua família. Angélica, que sofreu uma pequena lesão na musculatura do abdômen e da pélvis, além de estirar um músculo na região da cer- vical, já havia dito que ficaria pelo menos 15 dias repousando. O acidente Angélica estava no Mato Grosso do Sul por conta da gravação de um quadro do seu programa Estrelas. Huck a acompanhava na viagem, junto com os três filhos do casal, Joa- quim, Benício e Eva. Nodomingo(24),oaviãoqueelesvoavam rumo a Campo Grande sofreu uma pane na bombadecombustíveleopilotoprecisoufazer umpousoforçadoemumafazendadeboisa30 km da capital sul-mato-grossense. Após passarem momentos de puro terror achando que iriam morrer, a aeronave aterris- sou de forma impactante no solo e, apesar do susto, os nove passageiros sofreram apenas ferimentos leves.
  9. 9. Geral 9Correio do Sul Sexta-feira, 29 de maio de 2015 Conferência discute crianças e adolescentes > ARARANGUÁ Com grande represen- tatividade de instituições governamentaisenãogover- namentais, foi realizada na tardedeontem,noauditório da Secretaria do Desenvol- vimento Regional de Ara- ranguá a etapa municipal da X Conferência Nacional dosDireitosdaCriançaedo Adolescente. Com o tema Política e Plano Decenal dos Direitos Humanos de Crianças e Adolescentes- Fortalecendo os Conselhos dos Direitos daCriançaedoAdolescente, o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA),com o apoio do Governo Munici- pal, organizou com sucesso o evento. A secretária de Governo da administração, Maria Aparecida Costa, representou o prefeito San- dro Maciel (que estava em Brasília),naaberturaoficial da programação, também formou a mesa das autori- dades o secretário de Assis- tênciaSocial,EduardoChico Merêncio, o presidente do CMDCA, Marcos Tramon- tin Serafim, o palestrante Guilherme Cechelero e a representante da Gerência de Educação Cleusa Maria ³Gisele estava em casa quando foi assassinada a tiros na noite de quarta-feira ³Palestrante falou sobre direitos e política pública > ARARANGUÁ Ocrime não dá trégua. Mal a Divisão de Investigação Criminal de Araranguá acabou de elucidar com- pletamente a morte do empresário Jorge Simon ocorrida em Maracajá em março, uma tragédia se abateu sobre outra família. O caso Simon termi- nou com a apreensão de dois adolescentes, um deles esta semana. Mas nada da paz rei- nar na região. Conforme já noticia- Mulher foi morta com nove tiros Violência do pelo Correio do Sul na edição de ontem, por volta das 20 horas de quarta-feira ocorreu um latrocínio (roubo seguido de morte) na localidade de Sanga da Toca I, em Araranguá. A residência deumjovemcasaldeagri- cultores,quededicam-sea plantação de maracujás, foi invadida por três ho- mens armados. A esposa Gisele Monteiro Bauer, de 26 anos, que encontrava- -se no pátio da casa para desligar o disjuntor da energia elétrica foi morta com nove tiros. O marido que estava no forro da casa para fazer um con- serto na fiação elétrica ouviu os disparos e viu sua casa ser invadida. Os marginais conse- guiram roubar a quantia de R$35 mil que era para pagar um financiamento da agricultura e fugiram em seguida. O agricultor reagiu a efetuou disparos com uma arma que man- tinha em casa, devida- mente legalizada, porém os bandidos conseguiram fugir sem deixar pistas. “É mais um crime bárbaro que assola a nos- sa região e nós aqui traba- lhando no vermelho, sem quaisquer perspectivas de melhoria”, desabafou ontem o delegado Jorge Giraldi. Da redação FelisbertoTavares.Aacolhida aos conferencistas foi feita pelosadolescentesdoCrasde Araranguá, sob a regência do professorTaymonRodrigues. O Grupo CAM (Centro de Aprendizagem do Murialdo) e o Coral Vozes da Esperança da Casa da Fraternidade deram o brilhantismo a aber- turaoficialdaconferência,sob os aplausos de todos. OpresidentedoConselho Municipal dos Direitos da criança e adolescenteem seu pronunciamento disse que “quando a gente pensa na políticapublicaparaacriança e o adolescente precisamos avançar muito nessa área e espero que esse encontro seja um elemento motiva- dorparacadaparticipante”, destacou. A programação constou de leitura do Re- gimento Interno, apresen- tação das propostas da IX Conferência Municipal, discussão em grupo com eixos temáticos, plenária e escolha dos delegados. No encontro foram discutidos a promoção dos direitos de crianças e ado- lescentes, o protagonismo e participação de crianças e adolescentes e a gestão da Política Nacional dos Direi- tosHumanosdeCriançase Adolescentes.
  10. 10. 10 Correio do Sul Sexta-feira, 29 de maio de 2015 Publicidade
  11. 11. Geral 11Correio do Sul Sexta-feira, 29 de maio de 2015 Tráfico Militar é instrutor de Téc- nicas Policiais, Tiro Policial e Uso Progressivo da Força. Alémdisso,exerceudiversas outras funções na corpo- ração, tais como a de chefe da agência de inteligência do 12º BPM de Balneário Camboriú; comandante do Pelotão de Patrulhamento Tático - PPT de Criciúma e comandantedosPelotõesde GuardadaPenitenciáriaSul e Presídio Santa Augusta de Criciúma e comandante da 3ª Companhia de Turvo desde 2013. Durante sua carreira policial, o capitão Zanette foi agraciado com vários elogios concedidos por seus superiores e registrados em sua ficha funcional. Foi condecorado com o Brasão de Mérito Pessoal de 3ª ca- tegoria e com a Medalha de Bronze.Nas horas de folga gosta de praticar esportes como futebol, tênis e surf; ler, viajar e confraternizar com amigos e familiares. É casado com Francielli de Souza Menegalli Zanette, com quem tem o pequeno Enzo, de um ano de idade. Sobre sua experiência e perspectiva de comando, afirma que a preocupação é a de manter os índices de criminalidade em níveis aceitáveis, promovendo se- gurançapúblicaemparceria com as pessoas da comuni- dade e demais órgãos, como a Polícia Civil, Ministério Público e Poder Judiciário. “A 3ª Companhia é a mais nova Cia do 19º Ba- talhão e por isso conta com uma estrutura um pouco menor que as demais, tanto em efetivo quanto em insta- lações físicas. Por isso, esta- mostrabalhandomuitopelo aumento de efetivo, o que já vemocorrendogradualmen- te.Tambémbuscamosame- lhoria das estruturas físicas ejátemosumprojetopronto de conclusão das obras da parte externa da sede da 3ª Cia, que se aprovado pela PMSC resultará em maior conforto para o público que nos visita e para os policiais que aqui trabalham”, afir- mou o comandante. Conhecido do capitão Zanette há vários anos, tendo acompanhado uma boapartedesuatrajetória, o subcomandante do 19º BPM,majorCristianDimi- triAndrade,avaliaocolega como“umoficialaltamente comprometidocomacausa policial militar”. Dedicado e organizado, não mede esforços para a execução dos serviços na 3ª Compa- nhia. O major lembra que recentementeocapitãoZa- netterealizouumacirurgia no joelho estando por um curto período afastado por dispensamédica.Eleabriu mão da totalidade de sua licença médica e voltou ao trabalho antes do previsto. “Mostrou que ser policial é maisdoqueumaprofissão, é um sacerdócio”, elogia o major. ³Capitão Zanette é adepto da Polícia Comunitária Da redação Ohomemda3ªCia > TURVO Ele é responsável pelaadministração da polícia ostensiva em seis municípios daregião.Trata- -se do capitão Marcelo Ber- tonciniZanette,comandante da 3ª Companhia da Polícia Militar,sediadaemTurvo,e que abrange os municípios de Timbé do Sul, Morro Grande, Meleiro, Ermo e Jacinto Machado. O capitão Zanette é bacharel em Direito e em Segurança Pública e pós- -graduado a nível de espe- cializaçãoemDireitoPenale CiênciasCriminais.Nasceu em Criciúma, mas sem- pre residiu em Araranguá. Entrou na PM em 2004 e possui um currículo exem- plar, além de muita experi- ência na segurança pública, com formação em cursos de Formação de Oficiais e de Uso Progressivo da Força e Técnicas e Tecnologias MenosLetaisparaoMerco- sul, entre outros. Na Polícia Reconhecimento A Batalha do Apocalipse ³Por Aline Bauer AchAdos e escritos Eu sempre fui meio fascinada por histórias de anjos, e não seiomotivo,achoqueosanjosaindasãopoucoexplorados literariamente.Talvezsejapelofatodequealgumasteorias dizemqueelesnãotêmsexo,ouporquenãoseexploraseu potencialmaisguerreirodoqueapaixonado(osfãsdeHush, Hushmeperdoem).Gostodehistóriasqueexponhamsuas fraquezasangelicais,queosmostremcomoserescelestiais, masfalhoscomonós.Eparaentendê-losumpoucomaise pesquisarparaumtextonovo(semspoiler!)liABatalhado Apocalipse,deEduardoSpohr.Sim,ocaraébrasileiro!Enada dehistóriasmonótonasouromancescheiosdesignificados queagentepenaparaentender.Acoisaérealmentedigna de literatura americana. Ablonéumanjorenegado.Quandotentouseerguercontra a tirania do impiedoso(e detestável) arcanjo Miguel, junto com dezoito outros anjos, Ablon foi delatado pelo terrível Lúcifer, um dos quatro arcanjos criados primeiramente por Deus. Julgados como traidores, foram lançados na terrasemchancedevoltaraocéu,eaindaporcima,sendo caçados por ambos os lados; Miguel e a horda celeste, e Lúcifer,queforaderrotadoemsuaprópriarevoltaejogado noinferno.Depoisdemilharesdeanos,oanjoéencontrado por um antigo amigo que trabalha para o lado mais negro (odebaixo)noRiodeJaneiro.Lúciferochamavaaoinferno paraconversarem.OApocalipseseaproxima,oselosforam rompidos,elogoabatalhainevitávelentrecéueinfernoirá começar. Se antes Ablon era caçado, agora Lúcifer o quer ao seu lado e Miguel não o quer com o inimigo. As coisas vão de mal a pior. Sem querer se envolver, Ablon decide apenas esperar e não faz aliança alguma com Lúcifer. Mas eisqueoAnjoNegro,figuramisteriosaeforte,raptaShami- ra, a Feiticeira de En-Dor, mulher que Ablon ama desde o tempodosbabilônicosequeaprendeuformasmágicasde prolongar sua vida, e a leva para o céu. A fim de salvá-la, AblonficasabendoqueoarcanjoGabrielserevoltoucontrao irmãoMigueleoqueraseuladoparacomandaraslegiões rebeldes.Oproblemaéque,sendoumanjocaído,elenão pode mais atravessar o tecido da realidade, barreira que separaoshomensdocéu,eprecisaencontrarumportalpara adimensãoceleste.Auxiliadopordoisanjosmandadospor Gabriel,Ablonencontraapassagemqueprecisavaeenfim, avista a Torre das Mil Janelas, o lugar onde Shamira está aprisionada e o palco da grande batalha. Daí em diante é só um banho de sangue sem precedentes. Nãoéumlivrofácildeseexplicareessesfatosqueresumi sãosóaveiaprincipaldeumsistemacirculatóriocomplexo. São586páginasdeumahistóriacheiadevoltasaopassado e confusas descrições de locais celestiais suntuosos. Não é umlivroruim,deformaalguma.Éumaleituramuitoenvol- vente,cheiadereviravoltas,deprisõesedemônioseanjos queestãonoladoerradodabatalha.Temsercomasinhas brancasquedeviaocuparolugardedemôniosarrependidos e que lutam pelo bem no final. Eu diria que é uma história diferente, que fica ao redor de um cara nobre e que luta pelo bem dos ho- mens. Na realidade, a batalha toda rola sobrenossascabeçaseagentenem sabe. A terra toda está em guerra também, mas tudo é meio atrelado, misturado. Cada bomba nuclear que explode aqui é uma trombetaquesoanocéu,equandoasétimachega,estoura a batalha que devasta o planeta. Quem vencer, rebeldes ou anjos(os demônios fazem papel meio coadjuvante ali), temdireitosobreaterra,eseMiguelvencesse,oshumanos seriam destruídos. Sobre o autor, bem, Eduardo Spohr é um cara que eu classificaria como sortudo. Filho de comissária de bordo e um piloto de aviões, ele cresceu viajando o mundo, e no livro a gente percebe o quanto isso contribui para sua escrita.Jornalistaeprofessoremuniversidadesparticulares do Rio de Janeiro, Spohr usa linguagem bem coloquial e muitas falas de desafio e efeito. Muitas ideias criativas e uma divisão de tempo que dá sentido a acontecimentos que a gente não entende até hoje, garantem uma leitura bem elaborada, de fácil entendimento, mas um pouco cansativa.ABatalhadoApocalipseéquenemsermãe,só lendo(ou sendo) para saber como é. LançadopelaeditoraVerus,ABatalhadoApocalipsefezum sucessotãograndequechegouaserlançadonaHolandaem 2011.AcapaédocélebreStephanStölting,ummestreem capasgráficas.Olivroédivididoemtrêspartes:AVingadora Sagrada, A Ira de Deus e A Flagelo de Fogo, e foi lançado noBrasilem2010.Spohrtambémlançououtrosdoislivros depoisdeste,FilhosdoÉdeneHerdeirosdeAtlântida,mas apesardeaindafalaremdeanjos,elesnãosãocontinuação de A Batalha do Apocalipse. Para quem quer ler algo bem diferente e ficcional sobre anjos, Eduardo Spohr escreveu um livro que não se compara a nenhum outro que fale do assunto,eelesechamaABatalhadoApocalipse-daqueda dos anjos ao crepúsculo do mundo.
  12. 12. Publicidade12 Correio do Sul Sexta-feira, 29 de maio de 2015
  13. 13. Segurança 13Correio do Sul Sexta-feira, 29 de maio de 2015 ³Material de divulgação elaborado pelo Conseg convida população a se unir > SOMBRIO Um carro batido e um morador indesejado na casa resultaram em um desentendimento entre dois homens por volta das 19 horas desta quinta-feira, no bairro São Pedro, em Sombrio. MarcoAntônio da Silva, de 35 anos, recebeu uma paulada na cabeça e outra no braço esquerdo, que acabou quebrado com o golpe. O agressor é um amigo da esposa, 26, que mora na mesma casa do casal há alguns dias. Tudo começou por- que a vítima é proprie- tária de um automóvel que havia emprestado para o agressor na se- mana passada. Ele se en- volveu em um acidente e não quis pagar o conserto do carro. Uma vizinha da família disse que Marco Antônio chegou em casa um pouco embriagado e foi cobrar o conserto. Diante da negativa, os doiscomeçaramadiscutir. Segundo a mulher da víti- ma, o homem estava com um pedaço de pau e o seu marido pegou uma faca para se defender. “Não deu nem tempo, o rapaz já foi logo desferindo as pauladas. Uma atingiu a cabeça, o que provocou um grande sangramento e outra paulada chegou a quebrar um braço”, la- menta a esposa, que deu explicações aos policiais enquanto o marido rece- bia os primeiros atendi- mentos no Hospital Dom Joaquim, em Sombrio, Briga com pau põe um no hospital onde chegou na viatura ASU do Corpo de Bom- beiros. O socorro foi acionado pela filha de uma vizinha para onde Marco Antônio tentou se refugiar do agressor. A Polícia Militar realizou várias rondas no bairro para localizar o outro envolvido na briga, que fugiu. A sua identidade já foi levan- tada. Até o fechamento desta edição, o homem que deu as pauladas continuava foragido. Ele poderá responder por agressão grave ou até mesmo tentativa de homicídio. Um boletim de ocorrência militar foi elaborado ainda no hospital. MarcoAntônio recebeu alguns pontos na cabeça,teve o braço imobilizado, mas passa bem. te. Eles terão uma lista com informações como o contato telefônico dos vizinhos, o modelo e a placa do veículo da família e de outros que costumam frequentar a casa. “Assim fica fácil perceber quando alguém estranho se apro- xima da rua. Se as pessoas conhecerem a rotina umas das outras, ao verem algo estranho podem chamar a polícia”, diz Diego. O lançamento do pro- jeto acontece na terça-fei- ra, às 19h30min, no salão comunitário do bairro São Francisco. Para integrar os moradores, que muitas vezes nem se conhecem, ao final da apresentação será servido um ‘café comuni- tário’ aos participantes. “Esperamos a presença de todaacomunidade.Juntos somos mais fortes, uni- dos somos invencíveis!”, conclama o material de divulgação do Conseg. Marivânia Farias Rafael Andrade Conseglançaprojetoinovador > SOMBRIO OConselho Comu- nitário de Segu- rança (Conseg) de Som- brio lança na próxima terça-feira um projeto pioneiro na região, bati- zado de Vizinho Alerta. A iniciativa inédita começa a ser posta em prática nesta primeira etapa em um único bairro, o São Francisco. Será uma espé- cie de projeto-piloto antes de estender a experiência ao restante do município. Ao convidar a popula- ção a participar, os mem- bros do Conseg alegam que o objetivo é educar, conscientizar e provocar a colaboração da sociedade para seu próprio bem. Em conjunto com as Polícias Civil e Militar, cada um pode ajudar a prevenir e erradicar os furtos e de- mais crimes patrimoniais, defendem. O presidente do Con- selho de Segurança Diego Soares Leote, explica que o Vizinho Alerta funciona através de uma ‘trian- gulação’ de residências. Cada morador fica ‘de olho’ nos vizinhos dos dois lados e no da fren- Vizinho Alerta
  14. 14. Publicidade14 Correio do Sul Sexta-feira, 29 de maio de 2015
  15. 15. Publicidade 15Correio do Sul Sexta-feira, 29 de maio de 2015
  16. 16. Publicações Legais16 Correio do Sul Sexta-feira, 29 de maio de 2015 ESTADO DE SANTACATARINA PREFEITURAMUNICIPAL DE ARARANGUÁ ESTADO DE SANTACATARINA PREFEITURAMUNICIPAL DE BALNEÁRIO GAIVOTA ESTADO DE SANTACATARINA PREFEITURAMUNICIPAL DE BALNEÁRIO GAIVOTA ESTADO DE SANTACATARINA PREFEITURAMUNICIPAL DE BALNEÁRIO GAIVOTA CONVITE: Audiência Pública de Avaliação de Metas Fiscais do 1º Quadrimestre do Exercício de 2015: Os Poderes Executivo e Legislativo do Município de Araranguá, convidam a toda população, para participar de Audiência Pública, para a avaliação das metas fiscais do 1° quadrimestre do Exercício de 2015, que realizar-se-á dia 29 de maio de 2015, as 18:00 horas, na Câmara Municipal de Vereadores, sito a Rua Iracy Luchina, nº 253, Urussanguinha, Araranguá. Araranguá, 22 de maio de 2015. SANDRO ROBERTO MACIEL Prefeito Municipal EDITAL DE CONVOCAÇÃO DE ELEIÇÃO DOS MEMBROS DO CONSELHO TUTELAR DE TURVO/SC Nº 001/2015. O Município de Turvo/SC, nos termos do art. 37, caput, da Constituição Federal, torna público o edital de convocação de eleição dos Membros do Conselho Tutelar, tendo como objetivo divulgar as normas, datas e procedimentos para o processo de escolha dos 05 (cinco) membros, e respectivos suplentes. Inscrições: As inscrições deverão ser realizadas junto ao Centro de Referência de Assistência Social (CRAS), situado na Rua Frei Gregório Dal Monte, Centro, Município de Turvo/SC, fone (48) 3525-1019, do dia 28 de maio a 10 de julho de 2015. O edital completo será afixado no mural e no sitio da Prefeitura Municipal de Turvo www.turvo.sc.gov.br. EDITAL DE INTIMAÇÃO ARLINDO EDÍLIO DA ROSA, Titular do TABELIONATO DE NOTAS E PROTESTOS DE TÍTULOS desta Comarca de Sombrio, situado na Av. Nereu Ramos, 1300 - Fone (48) 3533-0318 - CEP 88960-000, atendimento das 08:00h - 12:00h e 14:00h - 18:00h, faz saber na forma da Lei aos que o presente EDITAL virem, que se encontram nesse tabelionato para serem protestados, decorrido o prazo legal de 03 (três) dias úteis, por não terem sido encontrados nos endereços fornecidos, ou por se recusarem a tomar conhecimento, os títulos cujos responsáveis estão abaixo discriminados. Ficam esclarecidos, também, de que nesse mesmo prazo poderão apresentar resposta escrita, que não impedirá a lavratura do protesto. PROT. APRESENTANTE / CNPJ DEVEDOR / CNPJ Prot: 135343; Devedor(es).: CARLA PINHEIRO SCHMITT - 736.405.060-49, End: Rua Padre João Reitz, 1264, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: RELOJOARIAE OTICA TRESPACH LTDAEPP; Sac: RELOJOARIAE OTICATRESPACH LTDA EPP; Tit: 0002/006586 ; Apr: FCDL; VEN: 23/04/2011; Esp: Duplicata de Venda Mercantil por Indicação; Val: 117,00+Juros Legais (1% a.m.); Emol.: 46,96. Prot: 135337; Devedor(es).: CLEUVIA COELHO DE OLIVEIRA - 090.812.219-57, End: Av. Adolfo Tiscoski, 238, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: RELOJOARIAE OTICA TRESPACH LTDAEPP; Sac: RELOJOARIAE OTICATRESPACH LTDA EPP; Tit: 0002/008768 ; Apr: FCDL; VEN: 29/07/2012; Esp: Duplicata de Venda Mercantil por Indicação; Val: 111,00+Juros Legais (1% a.m.); Emol.: 46,96. Prot: 135347; Devedor(es).: DAIANE DA SILVA SANTOS - 052.449.369-30, End: Rua Luiz Coelho, 183, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: RELOJOARIAE OTICA TRESPACH LTDAEPP; Sac: RELOJOARIAE OTICATRESPACH LTDA EPP; Tit: 0002/007378 ; Apr: FCDL; VEN: 10/02/2012; Esp: Duplicata de Venda Mercantil por Indicação; Val: 288,01+Juros Legais (1% a.m.); Emol.: 46,96. Prot: 135341; Devedor(es).: DAIANE ELIAS DA ROSA - 098.513.249-30, End: Rua José Quartieiro, S/N, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: RELOJOARIAE OTICA TRESPACH LTDAEPP; Sac: RELOJOARIAE OTICATRESPACH LTDA EPP; Tit: 0002/007695 ; Apr: FCDL; VEN: 03/03/2012; Esp: Duplicata de Venda Mercantil por Indicação; Val: 425,00+Juros Legais (1% a.m.); Emol.: 46,96. Prot: 135340; Devedor(es).: EDVAM MARTINS COSTA - 022.191.739-09, End: Rua Vivil Kosuchovisk, 545, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: RELOJOARIAE OTICA TRESPACH LTDAEPP; Sac: RELOJOARIAE OTICATRESPACH LTDA EPP; Tit: 0002/008530 ; Apr: FCDL; VEN: 10/05/2012; Esp: Duplicata de Venda Mercantil por Indicação; Val: 445,00+Juros Legais (1% a.m.); Emol.: 46,96. Prot: 135342; Devedor(es).: ELOISA DA SILVA - 827.676.109-72, End: Av. Getulio Vargas, S/N, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: RELOJOARIA E OTICA TRESPACH LTDA EPP; Sac: RELOJOARIA E OTICA TRESPACH LTDA EPP; Tit: 0002/008059 ; Apr: FCDL; VEN: 09/06/2012; Esp: Duplicata de Venda Mercantil por Indicação; Val: 184,00+Juros Legais (1% a.m.); Emol.: 46,96. Prot: 135328; Devedor(es).: GILBERTO PEREIRAESPEREDIAO - 029.353.100-55, End: Rua Maximo Rodrigues da Silva, 582, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: BOUTIQUE DOS PNEUS; Sac: BOUTIQUE DOS PNEUS; Tit: 735/183 ; Apr: BANCO BRADESCO S A ; VEN: 13/05/2015; Esp: Duplicata de Venda Mercantil por Indicação; Val: 68,50+Juros Legais (1% a.m.); Emol.: 46,96. Prot: 135332; Devedor(es).: M. DE FATIMA CAETANO BORBA EPP - 12.615.488/0001-40, End:Av. Nereu Ramos, 1888, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: BANCO SAFRAS/A; Sac: CANTU COM PNEUMATICOS LTDA; Tit: 350675503 ; Apr: BANCO BRADESCO S A ; VEN: 15/05/2015; Esp: Duplicata de Venda Mercantil por Indicação; Val: 866,67+Juros Legais (1% a.m.); Emol.: 46,96. Prot: 135310; Devedor(es).: MARIA FATIMA SANTOS CECATTO - 717.788.020-87, End: Rua João José Coelho, 59, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: CONFECCOES MATTRIC LTDA; Sac: CONFECCOES MATTRIC LTDA; Tit: 2519 ;Apr: FCDL; VEN: 05/03/2015; Esp: Duplicata de Venda Mercantil por Indicação; Val: 219,70+Juros Legais (1% a.m.); Emol.: 46,96. Prot: 135375; Devedor(es).: MARLON SILVA DE SOUZA - 06.814.363/0001-47, End: Rua Prefeito Fioravante Minatto, 721, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: CANYOSUL-UTILIDADES DOMESTICAS LTDA-ME; Sac: CANYOSUL-UTILIDADES DOMESTICAS LTDA-ME; Tit: 9044-03 ;Apr: BANCO BRADESCO SA ; VEN: 18/05/2015; Esp: Duplicata de Venda Mercantil por Indicação; Val: 329,62+Juros Legais (1% a.m.); Emol.: 46,96. Prot: 135381; Devedor(es).: ROSANA MAGNUS LOPES - 748.100.149-91, End: Rua Otavio Tomaz Cardoso, 57, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: RELOJOARIA E OTICA TRESPACH LTDA EPP; Sac: RELOJOARIA E OTICA TRESPACH LTDA EPP; Tit: 008505 ; Apr: FCDL; VEN: 20/02/2011; Esp: Duplicata de Venda Mercantil por Indicação; Val: 144,97+Juros Legais (1% a.m.); Emol.: 46,96. Prot: 135344; Devedor(es).: ROSANE CIPRIANO FAUSTINO Extrato de Contrato Contrato Administrativo de Serviço Temporário n° 139/2015 Contratante: Prefeitura Municipal de Bal. Gaivota Contratado: Nathalia do Canto Vignali Objeto: Desempenho das funções de Auxiliar de Ensino, com a Secretaria de Educação, Conforme autorização contida na Lei Municipal nº 693/2010 Valor do vencimento mensal: R$ 911,38 Vigência: 04/05/2015 a 31/12/2015 Extrato de Contrato Contrato Administrativo de Serviço Temporário n° 140/2015 Contratante: Prefeitura Municipal de Bal. Gaivota Contratado: Graziele dos Santos da Rosa Objeto: Desempenho das funções de Professora, com a Secretaria de Educação, Conforme autorização contida na Lei Municipal nº 693/2010 Valor do vencimento mensal: R$ 505,86 Vigência: 29/04/2015 a 18/12/2015 Extrato de Contrato Contrato Administrativo de Serviço Temporário n° 141/2015 Contratante: Prefeitura Municipal de Bal. Gaivota Contratado: Ellen Santos Gomes Objeto: Desempenho das funções de Professora, com a Secretaria de Educação, Conforme autorização contida na Lei Municipal nº 693/2010 Valor do vencimento mensal: R$ 1.517,59 Vigência: 04/05/2015 a 18/12/2015 Turvo (SC). 27 de maio de 2015. ANGELI DAROS PRESIDENTE DO CONSELHO MUNICIPAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE - CMDCA - 594.599.309-30, End: Rua João Goulart, 51, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: RELOJOARIAE OTICA TRESPACH LTDAEPP; Sac: RELOJOARIAE OTICATRESPACH LTDAEPP; Tit: 0002/006725 ;Apr: FCDL; VEN: 05/06/2011; Esp: Duplicata de Venda Mercantil por Indicação; Val: 144,97+Juros Legais (1% a.m.); Emol.: 46,96. Prot: 135287; Devedor(es).: RUBSON ALMEIDA DA SILVA - 004.319.780-93, End: Estrada Geral, 39, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: BOUTIQUE DOS PNEUS; Sac: BOUTIQUE DOS PNEUS; Tit: 709/175 ;Apr: BANCO BRADESCO S A ; VEN: 10/05/2015; Esp: Duplicata de Venda Mercantil por Indicação; Val: 180,00+Juros Legais (1% a.m.); Emol.: 71,89. Prot: 135346; Devedor(es).: SOLANGE TEREZINHA GLUCK BOEIRA - 506.198.370-04, End: Av. Antonio Sant’Helena, 1089, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: RELOJOARIA E OTICA TRESPACH LTDA EPP; Sac: RELOJOARIAE OTICATRESPACH LTDAEPP; Tit: 0002/006894 ;Apr: FCDL; VEN: 12/09/2011; Esp: Duplicata de Venda Mercantil por Indicação; Val: 224,00+Juros Legais (1% a.m.); Emol.: 46,96. Prot: 135308; Devedor(es).: VINICIUS RODRIGUES JACQUES - 012.619.490-48, End: Rua João Quartieiro, 270, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: CARBUSS REPRESENTACOES LTDA; Sac: CARBUSS REPRESENTACOES LTDA; Tit: 197/10 ; Apr: ITAU UNIBANCO SA ; VEN: 20/05/2015; Esp: Duplicata de Venda Mercantil por Indicação; Val: 6.100,00+Juros Legais (1% a.m.); Emol.: 46,96. Prot: 135288; Devedor(es).: WESLEY TEIXEIRA GENEROSO - 106.919.579-08, End: Rua Zeferino Daboit, S/N, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: BOUTIQUE DOS PNEUS; Sac: BOUTIQUE DOS PNEUS; Tit: 702 ; Apr: BANCO BRADESCO S A ; VEN: 10/05/2015; Esp: Duplicata de Venda Mercantil por Indicação; Val: 273,34+Juros Legais (1% a.m.); Emol.: 46,96. Sombrio - SC, 29/05/2015 - ARLINDO EDÍLIO DA ROSA
  17. 17. > ARARANGUÁ Todo domingo é dia de futebol na Cidade das Avenidas, e neste domingo não po- deria ser diferente. A partir das 13h15min a bola volta a rolar pelo campeonato municipal. Serão mais oito jogos que levarão mais uma vez um bom público aos estádios. Seis jogos serão realiza- dos ainda pela primeira fase da 1º divisão, e dois pelas quartas de finais da 2º divisão. Asérie A tem bons e importantes partidas. Algumas equipes ain- da buscam classificação para a segunda fase, e ou- tras praticamente estão Municipal Sexta-feira, 29 de maio de 2015 ³ 30-36-43-63-72CONCURSO 3.799 QUINA 28/05 Seis jogos são pela série A, e os demais definem os outros dois semifinalistas da série B 1º Divisão 2º Divisão Cleder Maciel Oito jogos agitam rodada de domingo garantidas e buscando o primeiro lugar do grupo. No estádio Manoel Mota, no bairro Lagoa da Serra, acontece um dos jogos mais aguarda- dos. Entram em campo dois times que estão na ponta da tabela, são os lideres, venceram todos os seus jogos, e têm 100% de aproveitamento. Os dois querem vencer para ficar em primeiro lugar do grupo. Santa Cruz, atual campeão, e Inde- pendente se enfrentam às 15h15min. Antes tem a partida entre as duas equipes pela categoria sub-20. No estádio Manoel Gregório, no bairro San- ta Catarina, outro jogo entre times que já come- moraram muito o título do municipal. São José e Bom Jesus, entram em campo com um único objetivo, o da vitória. O São José não está bem esse ano e precisa vencer para continuar sonhando com a classificação para a próxima fase. Já o Bom Jesus está em terceiro do grupo, numa posição melhor, porém precisa vencer também. A parti- da está marcada para às 15h15min e antes haverá a categoria sub-20. No estádio Manoel Acelino dos Santos, na Divinéia, jogam União e Cruzeiro. Esta partida seria realizada na Coloni- nha, mas foi transferida para a Divinéia. Os dois times precisam vencer e urgente. Quem vencer dá um passo importantíssi- mo, sai do sufoco e ainda busca a vaga na segunda fase. Quem perder fica no sufoco e terá ainda que brigar para não cair para a segunda divisão. O time da Coloninha perdeu as três partidas que disputou, enquanto o time do Mato Alto está com dois empates, e tem dois pontos. Jogo marcado para às 15h15min, antes tem sub-20. Na segunda divisão dois jogos definem os outros dois semifinalistas da competição. Todas as partidas estão marca- das para o estádio do Interlagos, no Morro dos Conventos. As 13h15min jogam Interlagos x Bo- leros. O Interlagos ficou em segundo lugar na primeira fase, e o Bole- ros também na mesma posição. Interlagos tem um time mais caseiro, já o Boleros é um dos times que mais investiu nessa competição para tentar subir para a primeira divisão do ano que vem. Emseguidaseenfren- tam Mazembe x Sport. A equipe do Mazembe ficou em primeiro lugar no seu grupo na primeira fase de classificação e está invicto no campeonato. O Sport ficou como se- gundo colocado no seu grupo na primeira fase. São dois bons times que vieram para brigar por uma vaga na primeira divisão do ano que vem. O vencedor desta partida enfrenta o Juventus nas semifinais, e o vencedor do primeiro confronto joga diante da Coloninha nas semifinais.
  18. 18. > PASSO DE TORRES No domingo passado, no Estádio Martinisio Ma- noel Silveira e na Arena Curralinhos, a bola rolou pela segunda rodada na categoria aspirante e titu- lar. No Martinisio jogaram FerragemdoRio/Batisilva/ Los Troncos x Fiel Fute- bol Clube, e o Ferragem goleou o Fiel por 3 x 0. Os gols foram de Cristiano, Diego e Burda. Nos titulares o Ferra- MunicipalchegaaterceirarodadaemPassodeTorres gem passou trabalho para passar pelo Fiel, estando até com dois jogadores a menos, mas venceu por 1 x 0, o gol foi de Burda. NaArena Curralinhos o aspirante do A.D. Bon- sucesso e o E.C. Barra Ve- lha empataram em 1 x 1. Marcou para o Barra Kaio JunioreparaoBonsucesso Pedro.Nacategoriatitular o A.D. Bonsucesso foi go- leado em casa pelo Barra Velha por 4 x0. Os gols fo- ram anotadosporDiefinho (2), Jonatas e Biju. 18 Correio do Sul Sexta-feira, 29 de maio de 2015 > MARACAJÁ As equipes do Cru- zeiro do Sul e Centro protagonizam, pelo segundo ano conse- cutivo, a grande final do Campeonato Municipal de Futebol de Campo- Taça Antônio Ronconi, neste domingo, às 15h, no Complexo Esportivo Antô- niodaRocha,emMaracajá. A competição se man- teve equilibrada na pri- meira fase e mostrou bons resultados na etapa final. "Nessestrêsmesesdecom- petição tivemos partidas comumbomníveltécnico", destaca o diretor de Espor- tes Edinei Pedro Rocha. No domingo serão premiados, além do pri- meiro e segundo lugar, o artilheiro da competição Samuel Custódio, do São Final do Municipal é neste domingo Brasileirão Série A Brasileirão Série B Cristóvão, com nove gols e o goleiro menos vazado, disputado por Jailson da Silva (Ciso) e Ma- teus Macan, que jogam a final. Antes da decisão, a partir das 13h30min, os alunos/atletas da escoli- nha de futebol do projeto Tigrinhos irão participar de um amistoso. Na se- quência, também em um amistoso, jogam atletas da categoria máster. Estádio Martinísio Manoel Silveira (Centro) 13h30min aspirante Furacão x E.C. Barra Velha 15h30min titular Furacão x E.C. Barra Velha Neste domingo tem mais uma rodada com os seguintes jogos: Estádio A.D. Bonsucesso (Curralinhos) 13h30min aspirante Bigus F.C. x Fiel Futebol Clube 15h30 min titular Bigus F.C x Fiel Futebol Clube
  19. 19. Política 19Correio do Sul Sexta-feira, 29 de maio de 2015 > ARROIO DO SILVA Jogo de líderes bas- tante aguardado vai acontecer em mais uma rodada do campeona- to municipal de futebol do Arroio do Silva. Neste domingo, a 7º rodada tem duas boas par- tidas. A mais aguardada é a segunda da tarde, no estádio Severo Scaini. O campeonatoacadafinalde semana vai se afunilando e mostrando os melhores times e os favoritos ao título deste ano. As 13h15min o Fusão EC, que está com quatro pontos e em terceiro lugar, joga diante do Aliança/ Mercado das Frutas que RonaldeAraganase enfrentamemmaisumarodada Definidas semifinais do Fronteira Foram definidas as duas partidas das semifinais do campeonato de futebol entre sócios do Grêmio Fronteira Clube. Pela categoria máster, na segunda-feira jogam às 20h30min, Cia do Marceneiro x Workshop. Já na terça sai o outro finalista, do confronto entre Orige x Instituto Mix. Feijoada do Arara A Feijoada do Arara será neste domingo, nas de- pendências do Caverá. Além da Feijoada, ainda haverá música ao vivo. Em contato com o amigo Giovanni, que é atleta do time e faz parte da diretoria, fui informado que quase já não tinha mais camisetas para vender. Sucesso ao Arara no domingo, e estaremos lá pre- sentes. Dois bons jogos Estarei acompanhado os jogos do municipal de Araranguá neste final de semana. Inclusive os dois jogos pelas quartas de finais da segunda divisão, que irão apontar os dois semifinalistas. Certeza de dois bons jogos no campo do Interlagos no Morro dos Conventos. Boleros e Interlagos jogam primeiro. É o time da casa, sempre pegador, contra o time do Boleros, considerado o melhor plantel e um dos favoritos ao título deste ano. Vai ser jogo pegado do inicio ao fim. DepoisMazembeeSportfazemumapartidadearre- piar. São dois fortes times, que também são considerados favoritosaotítulo.Umdelesvaificarnomeiodocaminho e o outro segue para as semifinais. Só joga em campo grande Tenho escutado muito que o time do Santa Cruz só joga em campo grande, e que no domingo irá sentir a pressão em campo menor, que é o campo do Ledio na La- goada Serra.Faráoconfrontodelíderesdachave,diante do Independente do Ganso. Vamos ver se realmente o que o povo anda falando é verdade. Vamos ver domingo. Santa Cruz hoje é considerado um dos maiores fa- voritos ao título, é o atual campeão, tem um grandioso elenco de jogadores que desequilibram. Vejo também como fortes candidatos a ser campeão o Coloniense, Es- portivo, Areti, Barranca, Internacional e o Independente setrouxerosjogadoresdefora.DepoisvemCruzeiro,São José, e correm por fora, União, Bom Jesus e Cidade Alta. Inter Um time que quer ser campeão da Libertadores não pode de maneira alguma pensar em jogar de igual com esse time de Santa Fé. Esse time da Colômbia era muito ruim, tinha uns dois ou três que são mais qualificados, o resto era jogadorzinho normal que vimos no campe- onato brasileiro. Aí o Inter só foi se classificar depois que teve dois ex- pulsoseaindacomumgoldoRafaelMouraqueatempos nãovemjogando.EstãoaindanaesperadoDAlesandro, tem que ver que já foi bananeira que deu cacho. Agora tem mesmo é que tirar o chapéu para torcida colorada, um show a parte no Beira Rio. Não sou Colo- rado, mais confesso que é de arrepiar. Esporte Cleder Maciel (48) 9900 3535 esportes@grupocorreiodosul.com.br https://www.facebook.com/cleder.maciel ainda não somou pontos. UmavitóriacolocaoFusão praticamente na segunda fase e elimina de vez o Aliança. Já uma vitória do Aliança deixa a equipe em boas condições de bus- car a vaga a próxima fase. As 15h15min se en- frentam o vice líder Ro- nald Teixeira Imóveis e o líder EC Aragana. Os dois times são bons e os que mais contrataram jogadores para este ano na competição. O Ronald tem seis pontos, e o Ara- gana tem sete. Será cer- tamente um jogo nervoso, em busca da liderança no campeonato. CASAS PRÉ FABRICADAS Cleder Maciel Municipal de SOMBRIO Municipal de ARARANGUÁ 2015 2015
  20. 20. SEXTA-FEIRA, SÁBADO E DOMINGO, 29, 30 E 31 DE MAIO DE 2015
  21. 21. Página5 Página5 LookTop lançanovacoleção Págin7 Ahipocrisia noesporte Sexta-feira, sábado e domingo, 29, 30 e 31 de maio de 2015 a atividade física Página 2 Incentivo
  22. 22. CORREIO DO SUL Sexta-feira, 29 de maio de 20152 O tratamento por radiofreqüência vem sendo con- siderado um grande avanço, que permite a cor- reção de sinais de envelhecimento, sem deixar as atividades rotineiras e com baixo risco, exigências modernas, onde a racionalização do tempo é im- perativa. Ele pode ser utilizado isoladamente ou associadamente para ação em diversas condições inestéticas como: flacidez da pele facial, flacidez da pele do pescoço, rugas periorbitais e frontais, ele- vação das sombrancelhas. A radiofreqüência gera energia e forte calor sob a camadamaisprofundadapeleenquantoasuperfí- cie se mantém resfriada e protegida, o que causa a contração do colágeno. Quando a onda é aplicada sobre a superfície da pele, ela é resfriada (epider- me) e ao mesmo tempo uma energia de radiofre- quência é passada para as camadas mais profun- das (derme) Posteriormente é obtida a produção de Neocolágeno que vai produzir uma melhora ainda maior no aspecto da pele. Assim, é criada uma reação química nas estruturas mais profundas, mais específicamente no coláge- no, que faz a pele retrair. a atividade física P ara quem tem a missão de partici- par do primeiro Dia do Desafio da história do município, não tem tem- po ruim. A Secretaria Municipal de Educação, Cultura e Esportes de Jacinto Machado conseguiu superar as adversi- dades da chuvarada que caiu na quarta- -feira e atingir 2.012 pessoas de diferentes idades – quase 20% da população. Os números são considerados positivos pelo coordenador municipal do Dia do Desafio, professor Édio Leonidas Lopes Just, que junto a equipe de professores formada por Darlan Rosso, Fabiele borges, Jussara Darolt, Solange Possamai Dela, Brenda Just, Fernando Maggi, Karine Bo- teon, Gladis Porto, enfrentaram o clima adverso para visitar empresas e indústrias locais, órgãos públicos, creches, colégios, terceira idade e onde estivesse alguém disposto a fazer exercício por 15 minutos e driblar o sedentarismo. “A maioria das pessoas recebeu muito bem a ginástica laboral e exercícios aeró- bicos, todos gostariam que fosse feito to- dos os dias”, afirma a professora Solange. Um dos pontos altos do Dia do Desafio foi realizado na Cooperja, cooperativa que sempre participou do movimento Chal- lenge Day, muito antes de se tornar oficial no município. De Brasília, onde participa da Marcha dos Prefeitos, o professor e secretário municipal de Educação Valmir Possamai encaminhou mensagem na sua página pessoal agradecendo ao empe- nho de todos que participaram do Dia do Desafio. O prefeito de Jacinto Antônio João de Fáveri também ficou feliz com a primeira participação de seu município no even- to internacional. “Vamos aguardar para que o resultado alcançado supere nosso adversário, a cidade peruana de Nuevo Cañete, mas independente de vencer o melhor é a participação de cada cida- dão”, conclui. Incentivo 35247494 / 99169670 Av. Sete de Setembro, n°2317- Sl 02 - Centro - Araranguá www.flordelisestetica.com.br Agende sua Avaliação e confira preços promocionais! 3524-7494/9916-9670 Radiofrequência Facial para rejuvenescimento Como funciona?
  23. 23. CORREIO DO SUL Sexta-feira, 29 de maio de 2015 3 projeto Em alusão ao dia 31 de maio, quando é celebrado o Dia Mundial Sem Tabaco, a Secretaria Municipal de Saúde de Balneário Arroio do Silva vai realizar no sábado uma caminhada de conscientização. “Queremos marcar a data com todos que participaram do tratamento contra o fumo. O objetivo é chamar a atenção e despertar o interesse para que as pessoas busquem qualidade de vida e procurem o serviço oferecido pela Secretaria de Saúde”, explicou a coordenadora da vigilância epi- demiológica, enfermeira Franciele. A caminhada será realizada às 9 horas na avenida Barriga Verde. A concentração começa na rótula da loja Belona e a intenção é passar pelo comércio local. Além dos que já participaram do programa de Controle do Tabagismo, toda a comunidade está convidada a participar. Contra o Fumo Caminhada
  24. 24. CORREIO DO SUL Sexta-feira, 29 de maio de 20154 Mulheres de Tenente que participaram de um curso sobre jardinagem Plantando Beleza Cultive plantas T em sido comuns na região os cursos vol- tados a paisagismo e jardinagem. Como hobby ou opção de atividade profissio- nal, plantar e cuidar de plantas e jardins sempre faz bem. Em 2014, um grupo foi formado na comuni- dade de Tenente, em Jacinto Machado, ca- pacitando 29 mulheres. O curso foi promovido pela prefeitura de Ja- cinto Machado e Instituto Federal Catarinen- se, campus de Santa Rosa do Sul. As plantas são as grandes responsáveis pela eliminação de poluentes e gases tóxicos. Além de melhorar a qualidade do ar e o hu- mor das pessoas, elas elevam o nivel biótico, fazendo com que todos tenham um rendi- mento 30% maior. Elas também atuam na umidade e tempe- ratura, interferindo diretamente no microcli- ma de cada região. Imagine o quanto você pode melhorar sua qualidade de vida em sua própria casa ou escritório, simplesmente aumentando o número de plantas ou esco- lhendo as plantas corretas para as suas ne- cessidades. No Japão, vários escritórios estão colocando verdadeiras hortas em vários am- bientes e que são adotadas pelos próprios funcionários. Elas melhoram a qualidade do ar e o humor das pessoas. As plantas são uma benção divina. Alimen- tam-nos, abrigam-nos, protegem-nos, purifi- cam-nos e ajudam a perpetuação do meio ambiente e das espécies, incluindo o ser hu- mano. “O que precisamos é de uma injeção de flo- res”, já disse alguém. A jardinagem muitas vezes é usada como forma de tratamento para distúrbios mentais como esquizofrenia e psicose. Quando a pessoa tem preocupa- ção em cuidar do seu canteiro, está indire- tamente se auto-cuidando e descobrindo a sua capacidade de criar vida. A responsabilidade com as plantas, a ma- nutenção do jardim e o uso das ferramentas produzem um caráter terapêutico que pode interferir na forma de cada pessoa lidar com os cuidados pessoais e com a capacidade de entendimento social. e Bem Estar
  25. 25. CORREIO DO SUL Sexta-feira, 29 de maio de 2015 5 Djonatha Geremias Araranguá M eninas, mulheres e senhoras de toda região já podem desfrutar da mais nova coleção outono e inverno da loja Look Top, em Ara- ranguá, que traz roupas desde os pijami- nhas de ficar em casa até vestidos de festa, inclusive com confecção própria. A loja completou um ano de inauguração, situada dentro da galeria Travessia Shop, no Calçadão do Centro de Araranguá, aten- dendo em horário comercial. Para o lançamento da nova coleção, a Look Top está oferecendo algumas promoções. Juntos há sete anos, o casal Elisandro Oliveira, de Sombrio, e Gislaine Ramos, de Jacinto Machado, montaram há dois anos uma confecção em Sombrio. Gislaine é técnica em Moda, formada pelo Instituto Federal de Santa Catarina, e é quem desenha as peças, buscando inspiração nas tendências mais atuais. “Estou sempre fazendo cursos, assistindo a desfiles, fazendo pesquisas, tudo para trazer o melhor para as nossas peças novas”, comenta Gislaine. A confecção do casal cresceu, eles passaram a co- mercializar peças para fora do extremo sul catarinen- se, especialmente para Gramado, Canela, Torres e Criciúma. Há um ano, passeando pela Travessia Shop o casal viu uma sala comercial disponível e resolveu apostar no sonho de ter uma loja própria. A irmã de Gislaine, Rejane Ramos, morava em Araranguá e po- deria ajudar nas vendas. Tudo certo, o investimento hoje rende os frutos de um ano de trabalho, em um ano economicamente difícil para o país. “Tem sido uma batalha diária, mas tem valido muito a pena”, sorri o empresário Elisandro. Enquanto ele cuida mais da parte administrativa, Gislaine se dedica mais a criatividade das peças. “Não adianta a peça ser apenas bonita ou estar na moda, o que as clientes querem mesmo é o diferen- te, é a peça que tem um detalhe que as outras não têm; e é nisso que a Look Top também se destaca. Hoje a gente veste a vovó, a mãe e a netinha, cada uma no seu estilo diferente”, comenta Gislaine. Por exemplo, para a criança que gosta de se vestir como a mãe, a loja tem opção de uma peça de renda, com detalhes em tule e pedras, que dá um charme diferente à roupa infantil. Os tigrados e as estampas de pedras também são diferenciais em outras peças. Da mulher ousada à comportada, opções não faltam. “A gente está com algumas promoções para esse lançamento. Uma de- las é de camisas: uma peça por R$ 59,00, e duas pe- ças por R$ R$ 99,90, à vista ou parcelado no cartão ou no cheque”, revela Gislaine. lançanovacoleção Look Top
  26. 26. CORREIO DO SUL Sexta-feira, 29 de maio de 20156
  27. 27. CORREIO DO SUL Sexta-feira, 29 de maio de 2015 7 Beny Schmidt * Consulte seu médico, nutricionista e/ ou venha até a farmácia A Essência de Manipulação, localizada na Rua Caetano Lumertz, n°456, em frente ao Giassi do centro, e confira essa e muitas outras al- ternativas para você arrasar neste verão. Alho Cápsulas Previna – se. É sabido, sobretudo por especialistas em preparação física, neuromusculares, pato- logistas musculares, enfim, pessoas que trabalham ou conhecem as propriedades dos músculos esqueléticos, que grande parte dos atletas profissionais usam substâncias químicas que melhoram a performance física ou acarretam uma hipertrofia muscular. Também é de conhecimento de boa parte dos cientistas que existem laboratórios especializados em mascarar, nos exames de sangue e urina, es- tas mesmas substâncias. Estes laboratórios, em geral, possuem uma tecnologia muito mais apu- rada em relação àqueles que normalmente são utilizados para detectar as substâncias listadas como doping. Sendo assim, é preciso mudar filosoficamente o conceito de doping e refletir com inteligência so- bre o que significa uma droga (qualquer substân- cia da natureza que, acima de uma determinada quantidade, provoca dano à saúde do indivíduo). Por exemplo, os fisiculturistas que eu conheço são usuários destas substâncias proibidas rotinei- ramente. A hipocrisia desta situação no esporte leva a ou- tra ocorrência, quando um determinado atleta é “pego no doping”. Boa parte da mídia corrobora para transformá-lo em um verdadeiro fora da lei e, algumas vezes, pior que um bandido cruel. Ve- jamos o caso desta última luta entre Anderson Silva e Nick Diaz. Em primeiro lugar, deixo esta pergunta: se a luta fosse no Uruguai ou nos esta- dos americanos em que o uso da maconha é per- mitido, Diaz seria punido? Mas o pior, para mim, é transformar um herói do Brasil, como Anderson Silva, em um vilão corrupto. Para terminar, em 2011, publicamos um artigo na Scientific American Brasil sobre os principais benefícios e malefícios dos anabolizantes. Nós, da Neuromuscular da Escola Paulista de Medi- cina, usamos anabolizantes de rotina na prática médica. A hipocrisia no esporte O Alho é originário da Europa, rico em potássio, Vita- mina B1 (tiamina), Vitamina C, Potássio, Fibras, Ferro, Zinco entre outras substâncias benéficas para o orga- nismo. Apresenta propriedades bactericidas, preventivo de doenças cardiovasculares e é ótimo contra a hiperten- são. Por seu efeito bactericida extermina bactérias ma- lignas do intestino e combate o câncer gastrointestinal por impedir o crescimento das células cancerígenas. Fortalece o sistema imunológico de forma geral, aumen- tando a resistência orgânica a infecções. Alho fluidifica e desodoriza as secreções no caso de bronquite, tubercu- lose, diminui a tosse e provoca a expectoração. O uso regular reduz os riscos de infarto, reduz o co- lesterol LDL (ruim), aumenta o colesterol HDL (bom), combate bactérias, vírus e previne a aterosclerose. Ativa o funcionamento do fígado, auxilia no tratamento de he- morroidas e varizes, elimina prisão de ventre, combate o ácido úrico, alivia dores musculares e articulares. As fructosanas produzem uma ação diurética. Alho elimina o cansaço, melhora visão, é indicado contra dores de cabeça, insônias e nevralgias, melhora o funcionamento dos rins, bexiga e auxilia nas dietas de emagrecimento. Indicação - Auxilia no processo de emagrecimento; - Reduz o colesterol LDL e aumenta o HDL; - Auxilia na melhora da hipertensão arterial; - Coadjuvante no tratamento da diabetes; - Auxilia no tratamento das infeções urinarias; - Auxilia no tratamento das infecções respiratórias: gripe, resfriados, sinusites, faringites, bronquites, enfise- ma, asma; - Possui ação diurética; - Possui efeito bactericida. Apresenta propriedades bactericidas, fortalece o sis- tema imunológico, preventivo de doenças cardiovascula- res e é ótimo contra a hipertensão. * Beny Schmidt é chefe e fundador do Laboratório de Patologia Neuromuscular e professor adjunto de Patologia Cirúrgica da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp). Ele e sua equipe são responsáveis pelo maior acervo de doenças musculares do mundo, com mais de doze mil biópsias realizadas, e ajudou a localizar, dentro da célula muscular, a proteína in- dispensável para o bom funcionamento do músculo esquelético - a distrofina. Beny Schmidt possui larga experiência na área de me- dicina esportiva, na qual já realizou consultorias para a liberação de jogadores no futebol profissional e atletas olímpicos. Foi um dos criadores do primeiro Centro Científico Esportivo do Brasil, atual Reffis, do São Pau- lo Futebol Clube, e do CECAP (Centro Esportivo Clube Atlético Paulistano).
  28. 28. CORREIO DO SUL Sexta-feira, 29 de maio de 20158

×