Jornal digital 4643_qua_08042015

403 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
403
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
12
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Jornal digital 4643_qua_08042015

  1. 1. Professores em greve fazem passeata www.grupocorreiodosul.com.br ANO XXIV EDIÇÃO Nº 4.644 QUARTA-FEIRA, 8 DE ABRIL DE 2015 R$ 2,00 Grupo 24º 16º Sol com muitas nuvens durante o dia e períodos de céu nublado. Noite com muitas nuvens. Previsão para hoje Extremo Sul Catarinense PolíciaGeral Geral Cooperativa dereciclagem reclamadecrise Motociclista morreemacidente aosairdotrabalho Araranguá Trigêmeos Sombrio 11Página 15Página3Página Protesto 4Página Alcoólatrae comHIV,gestante precisadeajuda
  2. 2. Política Jarbas Vieira Correio do Sul Quarta-feira, 8 de abril de 2015 jarbas@grupocorreiodosul.com.br (48) 9966.5326 CHARGEPor:CAZO “Ao chamar os professores de ‘pelegos’ ele baixou o nível, desaprendeu o que certamente aprendeu na escola, desqualificou-se para a nobre função pública de Secretário de Estado”. Ele disse: ‘ ‘Deputado Rodrigo Minotto (PDT) cobrando um pedido de desculpas de Eduardo Deschamps. NegoGomeslevantadenúnciacontraZéMilton N a manhã de segunda- -feira, vereador Nego Gomes (PMDB) me ligou para dizer que iria detonar uma “bomba” na sessão da Câ- mara de Sombrio. Dito e feito: Na noite em que a Casa Legislativa estava tomada por professores que aderiram a greve do magis- tério estadual, o parlamentar apresentouumdocumentocedido pelo Paço Municipal que aponta a suspeita de irregularidades em uma etapa da implantação do sistema de saneamento básico, nos bairros São Luiz e Parque das Avenidas. A denúncia é relativa a Prefeito de Sombrio, Zênio Cardoso (PMDB), ultrapassou mais um obstáculo no objetivo de qualificar os serviços do Hospital Dom Joaquim. Depois da vinda do Isev, que apresentou uma escala de médicoscompletaparaospróximosmeses,foifechadaaparceriacom a Unimed. Na primeira etapa, os clientes do plano de saúde que pre- cisavamsedeslocaraCriciúma,agoraterãováriosserviçosoferecidos naestruturadainstituição.Comissoohospitalpassaaganharcrédito e ser visto com outros olhos pela comunidade médica e população da região. Depois serão anunciadas outras ações como, provavelmente, a utilização de equipamentos pelos demais pacientes do hospital. (48) 3522-3777 2006, ano em que o Município era governado pelo atual deputado estadualJoséMiltonScheffer(PP), na época, exercendo seu segundo mandato. Confrontando dados do Governo Municipal com relatórios obtidos através da Funasa, prin- cipal financiadora do sistema de saneamento básico sombriense, o vereador afirmou que a base de cálculodaobra,dadacomoconclu- ída, aponta execução real inferior Ação social AlémdededicaramaiorpartedoseutemponasquestõesdoHospital DomJoaquim,overeadorCezarLuchina(PSD)inicioumaisumtrabalho socialemSombrio:adistribuiçãodebrinquedosparaascriançasdosCen- trosdeEducaçãoInfantil. AcompanhadodasecretáriadeSaúde,Gislane Cunha (PSD), o vereador começou o trabalho pelo bairro São Pedro. a 90%. O convênio de aproxi- madamente R$ 1,2 milhão fora pago integralmente. Com isso, a denúnciadedesviolevantadaseria de um valor entre R$ 100 mil e R$ 150 mil. “É algo muito grave e que precisa ser investigado. Na época, eu era vereador de oposição, mas não tinha acesso aos documentos solicitados”, comenta. O vereador pretende, ainda nesta semana, apresentar os documentos ao Mi- nistério Público, numa denúncia que será protocolada pelos verea- dores da base aliada. Também em contato com a coluna, o deputado Zé Milton rechaça a denúncia, Manifesto Oito vereadores de Turvo estão em Brasília. Eles viaja- ram ontem, acompanhados do prefeito Ronaldo Carlessi (PMDB) e do vice Tiago Zilli (PMDB), onde estarão vi- sitando alguns ministérios, senadores e deputados. O pre- sidente da Câmara, Esio Simão (PMDB), lidera a comitiva na capital federal. Pela bancada do PMDB estão os vereadores Edson Jair Dagostin, Albino Giusti, Delrian Scarabelot e Gizele Baesso, e pelo PP os vereadores Osvaldo Fávaro, Carlos Everaldo de Stefani e Lindomar Baesso. Apenas o vereador Valdecir de Aguiar (PMDB) não pode acompa- nhar a viagem, por motivos particulares. Unimed no Dom Joaquim Alvo Professores da rede esta- dual que promoveram ontem um manifesto pelas ruas de Sombrio fizeram questão de ir até a residência do deputado estadual José Milton Scheffer (PP) para gritar palavras de ordem. O objetivo é tentar fazer com que o deputado vote de acordo com os interesses da categoria, o que de acordo com os manifestantes, não aconte- ceu no mandato anterior. Como ninguém estava em casa, o recado terá que ser dado pelos vizinhos... mas prefere não se manifestar até tomar conhecimento integral da acusação. www.vitaanalise.lablaudo.com.br
  3. 3. Geral 3Correio do Sul Quarta-feira, 8 de abril de 2015 goão,DivineiaeCentrosão igualmente responsáveis poraproximadamente90% de toda coleta, que vem de residências e empresas. “São poucas pessoas que separam o lixo seco para reciclar e que nos doam ou nos vendem”, conta Ademir. O preço de venda tam- bém caiu. Antigamente, um quilo de papelão era vendido por 39 centavos, o que gerava uma renda de R$ 5.850,00 dividida pelos seistrabalhadores,ouseja, R$ 975,00 por pessoa ape- nas com este produto, sem contar outros materiais. Porém, só em janeiro de 2015, o valor já reduziu de 20 para 15 centavos o quilo, o que não vale nem 3 centavosoquilodopapelão porcooperado.Omotivoda queda eles não sabem ex- plicar.“Sósabemosqueisso está acontecendo em toda nossa região, porque con- versamos com catadores e outras pessoas da área. As empresasquecompramde nóssimplesmenteoferecem valor cada vez mais baixo, sem justificativa. Talvez se pararmos de trabalhar, voltemavalorizararecicla- gem”, supõeAdemir. Nos últimos anos, os trabalhadores viram cole- gasabandonaremoserviço, desiludidos. “Tem vezes que não recebemos nem um salário mínimo cada um”, lamenta o tesoureiro. Dosseiscooperados,quatro moram com a família em casas alugadas, pagan- há pouco tempo, quebrou ossos, ficou de cama, e não pode se recuperar com calma, porque precisava pagarascontas.Comoma- rido também severamente acamado,vítimadomesmo acidente que tirou a vida de um amigo da família, Maria precisou erguer as mangas e continuar o es- forçonareciclagem.Mesmo tendo um pulmão recém- -reconstruído, ela puxa e empurra latões pesados de materiais recicláveis de um lado para outro todos os dias. Os seis cooperados re- colhem, separam, lavam, prensam e empacotam seis mil quilos de material por mês – o número é con- siderado pequeno por eles, devido ao baixo preço de venda.Nostemposbonsdo negócio(maisdecincoanos atrás), só de papelão eram coletados 15 mil quilos por mês. Hoje em dia, os seis mil quilos englobam todos os tipos de materiais recicláveis com que tra- balham (jornais, garrafas pet, caixas de leite, sacos de cimento, entre outros). Atualmente,osbairrosLa- Futuro Incerto > ARARANGUÁ “Estamos cansados”, concluiuotesoureiro da Cooperativa de Recicla- gemdeAraranguá,Ademir de Melo. Aos 59 anos, ele e os demais cinco colegas estão desanimados de con- tinuaremtrabalhandocom reciclagem no município. Issoporquearemuneração não é mais suficiente para se sustentarem. Separan- do toneladas de materiais recicláveis que chegam misturados, os trabalha- dores convivem em meio a escorpiões, cães e gatos doentes e abandonados. “Moço,paraquefazeroutra matéria? Nada vai mudar mesmo. Ninguém ajuda a gente. Políticos só prome- temapoio.Ninguémsepara o lixo em casa. O preço de venda só cai. Não perde teu tempo”, argumentou umadascooperadas,Maria Farias,42, quando a repor- tagem do Correio do Sul chegou para acompanhar um dia de trabalho na cooperativa. Maria sofreu umgraveacidentedecarro Com remuneração suficiente apenas para se manter, trabalhadores da Cooperativa de Reciclagem querem parar com a atividade que já teve seu período áureo ³Trabalhadores estão desanimados com pouco valor pago pelo material entregue ³Ademir diz que situação do setor nunca foi tão difícil Djonatha Geremias Reciclagem não dá mais dinheiro Desvalorizada do em média R$ 500,00 de aluguel. Assim como Maria, responsável pela maior parcela da renda familiarenquantoomarido se recupera do acidente, a jovem Juliana Fernandes, 26, também trabalha na cooperativaparasuprirboa parte das contas da casa, principalmente quando o marido ficou desempre- gado. “Temos um filho de 4 anos para cuidar”,conta Juliana. AprefeituradeAraran- guá repassa mensalmente R$ 4.500,00 para a coope- rativa. Porém, o dinheiro só pode ser usado para in- fraestrutura da atividade, como pagar o aluguel da sede (um depósito antigo no bairro Lagoão), faturas de luz e água e de vez em quando algum reparo no caminhãoounasmáquinas de prensa e de esteira. O problemadesserepasse,na visão da equipe, é que ele financiaoscustosmensais, mas o que sobra não pode ser usado para compra de novosmateriaisrecicláveis (dos catadores que peram- bulam pela cidade com carrocinhas, trabalhando de forma autônoma), nem para ser dividido entre os cooperados. A cooperativa presta conta do dinheiro que recebe e precisa devol- ver o que sobra à prefeitu- ra todo mês. A Associação dos Mu- nicípios do Extremo Sul Catarinense (Amesc) está desenvolvendo um pla- no regional integrado de saneamento e meio am- biente, que prevê ações de incentivo à coleta se- letiva não só em escolas mas também nos bairros, bem como considera as entidades organizadas de reciclagem,tudodeacordo com a Lei Nº. 12.305, que embasa a Política Nacio- nal de Resíduos Sólidos. Segundo a bióloga coorde- nadora do projeto, Raquel Finkler, Araranguá não aceitou integrar o projeto. Em um mundo em que os discursos em prol do meio ambiente e da reciclagem são enunciados como sen- do o futuro das sociedades sustentáveis, a tendên- cia é que essa atividade ecológica atraia cada vez menospessoasparaosetor da reciclagem por baixa remuneração.
  4. 4. Educação4 Correio do Sul Quarta-feira, 8 de abril de 2015 ³Manifestação em Sombrio será seguida por outra na quinta, em Florianópolis A cobrança feita por ele para que os diretores não apoiem o movimento foi encarada pela categoria comoumaameaça.Emum trecho, Deschamps diz não admitir diretores que se- jam ‘pelegos de sindicatos’. Além do discurso ofi- cial,osprofessoresrejeitam a proposta do governo do estado de incorporar a re- gência de classe ao salário, pedem o cumprimento do piso nacional do magisté- rio, a retirada da Assem- bleiaLegislativadamedida provisória que modifica a forma de pagamento dos AdmitidosemCarátertem- porário (ACTs) e a reforma e construção de escolas. Cumprindo o que avi- sou que faria, o secretário se recusa a voltar a nego- ciarenquantoaparalisação nãoforencerrada.Segundo Red, a categoria está dis- posta a manter a greve até queasreivindicaçõessejam acatadas. Da redação Djonatha Geremias Professores fazem ato público Protesto > SOMBRIO Professores da rede estadual se reu- niram na tarde de ontem em Sombrio para um ato público com o objetivo de mostrar a população que a categoria está unida na re- gião e pedir apoio dos pais para o movimento. De acordo com a co- ordenadora regional do Sindicato dos Trabalhado- res em Educação (Sinte) Red Silveira, a adesão a grevenos15municípiosdo Em greve desde o dia 24 de março, magistério estadual tenta forçar negociação e garantir direitos ameaçados extremo-sulvariade60%a 70%. O sindicato regional possui 1.326 associados e ainda tenta mobilizar escolas aonde as aulas foram mantidas. Segundo Red, quem o sindicato não conseguiuconvencerantes, acabou sendo convencido pelo secretário de Esta- do da Educação Eduardo Deschamps esta semana. “Muita gente ficou revolta- da com a fala dele e entrou em greve”, diz a sindicalis- ta.Elaserefereaumvídeo que circula na internet de uma reunião entre o secre- tárioediretoresdeescolas. ³Paredes foram construídas para formas as salas pela Gerência Regional de Educação. Salas dos pro- fessores, secretaria e aten- dimento pedagógico conti- nuam, por enquanto, em ambientes improvisados. O Ensino Fundamen- tal 2 (do 6º ao 9º ano) e o Ensino Médio continuam ocupando parte do prédio próprio da escola que não foi interditado. As salas dos setores administrati- vos também precisaram se mudar para onde antes eram salas de aulas. Em nenhuma das duas uni- dades foi preciso juntar turmas, pois cada uma já tinha um número alto de alunos matriculados e o aproveitamento das salas foi suficiente. Além disso, a escola providenciou um ônibus para transportar os estu- dantes da unidade prin- cipal para a extensão, de > ARARANGUÁ O antigo supermer- cado Ponto Certo, no bairro Cidade Alta, em Araranguá, agora abri- ga 17 turmas da Escola Estadual Maria Garcia Pessi, que teve seu prédio parcialmenteinterditado. Cerca de 320 alunos do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamentalcomeçaram asaulasnasegunda-feira naextensãodaescolaque deve ser ocupada pelos próximosdoisanos,nomí- nimo, enquanto seguem as obras na sede. Com sete turmas e noveprofessorespelama- nhã e mais dez turmas e 12 professores à tarde, o novo endereço continua sendoadequado.Segundo a diretora geral, Sandra Vargas, a prioridade das obrasnoantigosupermer- cado era deixar prontas as salas de aula. Onde existiam os corredores e prateleiras foram insta- ladasparedesdemadeira para separar os espaços. Enquanto os alunos estudam nos ambientes jábemdecorados,asobras continuamnopátiodoan- tigo supermercado locado Antigo mercado já recebe alunos modo que quem vai para a escola geralmente com ônibus de linha conven- cional e que para per- to da unidade central não se prejudica com locomoção; e quem tem condições de ir direta- mente para a extensão já não precisa utilizar o transporte da escola. "O sistema continuará assim por pelo menos de dois a três anos, sendo bem otimista, porque a obra na unidade prin- cipal demora bastante. Comotempo,esteimóvel da extensão vai sendo melhor adequado.Ainda estamos nos ajustando", explica a diretora. As aulas na Garcia Pessi haviam sido in- terrompidas no início de março e agora prosse- guem sem as férias de julho. Cerca de 300 pesso- as – entre professores e alunos – participaram da manifestação de ontem, que começou em frente a Igreja Matriz de Sombrio, caminhou até a rótula no Centro da cidade, se dirigiu a casa do deputa- do estadual José Milton Scheffer e terminou com um abraço simbólico ao colégio Catulo da Paixão Cearense. A casa de Zé Milton estava fechada, o deputadoeafamíliaaocu- pam somente aos finais de semana. Quanto ao Catulo,amaistradicional escola de Sombrio está funcionando em um novo endereço desde que o seu prédio foi interditado por problemas na estrutura.
  5. 5. Política Rolando Christian Coelho Geral 5Correio do Sul Quarta-feira, 8 de abril de 2015 Saia justa de LHS começou em Araranguá Parque industrial ainda espera obra Atraso Denunciado pelo Ministério Público de Santa Catarina por suposta advocacia administrativa, que é o ato de um político usar de sua influência para benefício de outrem, se- nadorLuizHenriquedaSilveira(PMDB)bradou aosquatroventosontemnatribunadoSenado. Deacordocomadenúncia,quefoiremeti- daaProcuradoriaGeraldaRepública,eporesta ao Supremo Tribunal Federal, Luiz Henrique teriautilizadosuainfluênciaparafurarafilado SUS, beneficiando com isto uma paciente que necessitava de uma cirurgia. A paciente em voga é de Araranguá, e de fatoteriatentadorealizarseuprocedimentovia SUS, mas sem sucesso. Durante a tentativa de marcar a cirurgia, em 2013, seu então patrão disse que tentaria buscar colaboração junto ao senadorLuizHenriquedaSilveira,paraqueeste aajudassearesolveroproblema.Deacordocom o ex-patrão o contato com o senador acabou nuncaacontecendo.Porfim,diantedoimpasse junto ao sistema público de saúde, a paciente acabousendooperadaemMeleiro,tendopago por seu tratamento. Antes de se chegar a este ponto, no entanto, alguns supuseram que Luiz Henrique teria entrado no circuito, fazendo comqueapacientefossebeneficiadadianteda fila do SUS, o que acabou fazendo com que se originasse a denúncia. Comohaviaumadenúnciaformal,defato cabe aos órgãos competentes a investigação. O quechamaaatençãonestecasoéapublicidade que se deu ao fato, sem que houvesse maiores provas materiais do que supostamente havia acontecido. Na prática Luiz Henrique acabou sendo exposto em nível nacional por conta de alguém que simplesmente citou seu nome, diante de um problema. Éclaro que a tentativa de fritar o senador no cenário político nacional tem a ver com sua franca indisposição com o Governo Fe- deral. Isto reforça a tese de que os órgãos de investigaçãoprecisamredobrarsuacautela,de modo a contribuírem verdadeiramente com o processo democrático. Denúncias contra a corrupção sempre são muito bem vindas no Brasil,maséprecisoseterumcuidadoenorme no processo de investigação antes de tornar o ato público. Isto porque, diante de denúncias vazias, os órgãos de investigação podem cair nodescrédito,oquesóbeneficiaosverdadeiros corruptos. DIVERSÃOELAZERGARANTIDOS QUARTA,SÁBADOEDOMINGO BR101-KM413-ARARANGUÁ > ARARANGUÁ Dando continuidade aos encontros do Projeto de Gestão Integrada da Orla Marítima e com o ob- jetivo de buscar estratégias paraasáreaslitorâneas de Araranguá, aproximando as políticas ambiental e patrimonial, com ampla articulação entre as três esferas de governo e da so- ciedade; serão realizadas Projeto Orla segue com oficinas mais duas oficinas, nesta quarta e quinta-feira tendo por local o Hotel Morro dos Conventos. Os encontros iniciam as 19h30min e terão como debates as sete áreas que forammapeadasem2014, para saber o que pode e o que não pode ser executa- do nestes locais. As oficinas são coorde- nadas pelo geógrafo Pedro Nasser, consultor do Pro- jeto Orla e poderão parti- cipar delas presidentes de associação de moradores, associação de pescadores, surfistas, colônia de pesca, entidadesorganizadas,que terão direito a voto. As pessoas poderão partici- par também, com suges- tões, opiniões e auxiliar nestas oficinas que vão tratar da paisagem, áre- as sensíveis, degradadas e preservadas. Da redação > ARARANGUÁ Aobradesinalizaçãovi- ária,redededrenagemeca- mada asfáltica de 1.145 m2 na rua Thiago Dias Lúcio, principal acesso ao Parque Industrial de Araranguá, está atrasada e suspensa desde janeiro. Preocupados comasituaçãoeconscientes que o prazo estabelecido no contrato com a empreiteira previa a finalização até 31 de janeiro, integrantes da Associação de Proprietários de Indústrias no local par- ticiparam como convidados ³Empresários vão a câmara pedir apoio a vereadores da sessão de segunda-feira na Câmara de Vereadores. Odebatefoiconsiderado produtivo e esclarecedor. “O objetivo é saber o que real- mente aconteceu e se o mu- nicípio pode interferir para agilizar a finalização dos trabalhos. Queremos uma solução para o atraso no cronograma de obras”, dis- se Fabrício Felisberto, que ocupou a tribuna da Casa. Além dele, os dirigentes da Associação e empresários Valdinei Costa e Rodrigo Nola também participaram dareunião.Outroqueesteve presente foi o empresário Jairo Luiz Souza. Como líder da bancada do governo na Câmara e presidente da Comissão de Obras no Legislativo, o vereador Ozair da Silva, o Banha,demonstrou sensi- bilidade a reivindicação e agendouumareuniãoentre empresários,vereadoresea prefeitura. A obra asfáltica foi ga- rantidaatravésdeemendas no ano passado na soma de R $1,6 milhão, com a cola- boração do vereador Daniel Viriato Afonso,que alega não entender o atraso na sua execução. "Sempre me comprometi com a associa- ção.SoudefensordoParque Industrialesuaassistência, poisédesenvolvimentopara acidadeeagoranãoserádi- ferente nessa luta. Falta de recursosnãoédesculpa,pois acompanheiosempresários para garantir o dinheiro", comentou. Emseupronunciamen- to, Banha lembrou que além da pavimentação foi decretada de utilidade pú- blica,umaáreadeterracom 28hectaressituadanosfun- dos do Parque Industrial. Isto significa que mesmo não adquirindo este terreno a curto ou médio prazo, já existeprojetoeplanejamen- to para expansão. ADVOCACIA EMPRESARIAL FONE: (48) 3533-0145 Bola fora PDTEstadualnãotocoumaisnoassunto SerradoFaxinal.Depoisdatentativafrustrada do ministro do Trabalho, Manoel Dias, de liberar a licença ambiental para a conclusão da pavimentação da serra junto ao Ibama, reina um silêncio absoluto na sigla sobre o assunto. No meio político o que se comenta é que o falso anúncio da liberação da licença, por parte de lideranças do PDT, foi a maior bola fora dos últimos tempos na política estadual. “Acho que só perde para o fato do Joares Ponticelli (PP) ter saído dizendo que seria senador com o apoio do PMDB”, me disse um progressista de expressão. Zé Milton disposto Comonovoagendamentodasconvenções do PP, deputado estadual José Milton Scheffer colocou seu nome a disposição para presidir a sigla em nível estadual. Além dele também estãoentreoscitadosparacomandaropartido em Santa Catarina o atual presidente Joares Ponticelli,odeputadoestadualSilvioDrevecke odeputadofederalEsperidiãoAmin.ZéMilton éapoiadopelaaladopartidoquepregaareno- vação.Jáempré-campanha,ontemànoiteele participou de um encontro com progressistas em Ituporanga, no Alto Vale do Itajaí. “Estou a disposição. Se o partido entender que eu deva assumir este compromisso o faço sem ressalvas”,comentaodeputado,quefoiomais votado entre os progressistas que disputaram aAssembleiaLegislativaanopassado.Aminjá sedisseindispostoparaocompromisso.Silvio Dreveck, do mesmo modo, alega excesso de compromissos, já que também é o líder do governo na Assembleia. Restam Zé Milton e Ponticelli no páreo. Vereador cassado Vereador de Morro Grande, Volnei Favarin (PMDB), teve sua cassação confir- mada pelo Tribunal Regional Eleitoral. Ele era acusado de captação ilícita de votos, o que deu origem ao processo de cassação junto a 42ª Zona Eleitoral. O julgamento se deucombaseemgravaçõestelefônicas,que comprovariamapráticadooferecimentode vantagens em troca de votos. Volnei ainda poderecorreraoTribunalSuperiorEleitoral. De acordo com Volnei, as supostas provas não têm qualquer validade. “Estou traquilo. TudorestaráprovadojuntoaoTSE”,comen- ta o vereador. PP retrocede Partido Progressista retrocedeu da ideia de adiar suas convenções em todos os níveis para daqui a seis meses. Com isto a conven- ção nacional acontecerá no dia 14 de abril, e as convenções estaduais até o final do mês. Já as convenções municipais podem ocorrer entre abril e junho. O adiamento havia sido definido depois que várias lideranças de ex- pressão do PP acabaram sendo citadas entre os investigados da Operação Lava Jato, o que inclui seu presidente nacional, Ciro Nogueira. O objetivo do adiamento seria o de deixar a poeira abaixar, tirando o PP dos holofotes da mídia neste momento. O problema é que ao marcar convenções para setembro o partido corria o sério risco de perder muitas lideran- ças em potencial para outras siglas. É que são justamente nas convenções que acontecem as grandesfiliações.ComoPPparadoeosoutros partidosrealizandoconvenções,osprogressis- tasacabariamficandoparatrásdiantedopleito do ano que vem.
  6. 6. Fundado em 5 de Junho de 1990 - Dia Mundial do Meio Ambiente Jornalista Rolando Christian Sant’ Helena Coelho - Fundador Jornal Correio do Sul Publicações legais: Tomaz Fonseca Selau l48l 9985.8573 tomaz@grupocorreiodosul.com.br Financeiro Joice Ramos l48l 8802.5883 financeiro@grupocorreiodosul.com.br Comercial: Igor Borges l48l 9968.6084 comercial@grupocorreiodosul.com.br Diretor Geral Jabson Muller l48l 9955.5313 jabsonmuller@grupocorreiodosul.com.br Diagramação/Arte: Cristian Mello l48l 3533-0870 correiodosul@grupocorreiodosul.com.br Sul Gráfica Junior Muller l48l 9931.4716 sulgrafica@grupocorreiodosul.com.br Redação: Marivânia Farias l48l 9995.9290 editor@grupocorreiodosul.com.br Política: Jarbas Vieira l48l 9966.5326 jarbas@grupocorreiodosul.com.br Radio 93FM Cássia Pacheco l48l 9912.9588 radio93fm@grupocorreiodosul.com.br Circulação/Assinatura l48l 3533.0870 assinaturas@grupocorreiodosul.com.br Rua João José Guimarães,176, Centro - Sombrio/SC - Fone: (48) 3533 0870 Editora: J. R. Pereira - ME CNPJ 17.467.695/0001-19 C.S. Empresa Jornalística LTDA. Geral6 Correio do Sul Quarta-feira, 8 de abril de 2015 No Brasil, e em âmbito internacional, infelizmente, as redes sociais têm sido palco de manifestações de caráter ofensivo, preconceituoso, de grave intolerância. Presidente Dilma Rousseff, ontem, durante o lançamento do Pacto Nacional de Enfrentamento às Violações de Direitos Humanos na Internet “ ” Foco nos portos e aeroportos PeloEstado S erá oficializada nos próximos dias, na Assembleia Legislativa, a Fren- te Parlamentar dos Portos e Aeroportos do Estado de Santa Catarina. Formada no final de março, a Frente será coordenada pelo autor da iniciativa, deputado Patrício Destro (PSB), e composta também pelos depu- tados Natalino Lázare e Mário Marcondes, do PR, e Cleiton Salvaro (PSB). Santa Catarina tem quatro portos, dois aeroportos internacionais - Floria- nópolis e Navegantes - além de aeroportos regionais. O objetivo do grupo é acompanhar as políticas públicas para o setor e as obras de infraestrutura que atendam às demandas para aumentar a competitividade dos portos. Além disso, com o crescente número de passageiros e, consequentemente, de voos, a capacidade de atendimento precisa ser ampliada. No caso doAe- roporto Hercílio Luz, da Capital, por exemplo, houve atraso nas obras em função do descumprimento de prazos pela empresa vencedora da licitação e uma nova empresa assumiu o trabalho. Agora o Hercílio Luz está na lista dos aeroportos que devem virar concessão á iniciativa privada. Também está prevista a ampliação do terminal de Navegantes, passando a ser multimo- dal, de cargas e passageiros, com o intuito de complementar a logística dos portos da região. Destro afirmou que a cobrança será permanente e todos os projetos e obras em andamento serão acompanhados pelos parlamentares. Falando em tucanato... Com a proximi- dadedasconvençõesmunicipaisdoPSDB, marcadas para 16 de maio, é grande a pre- ocupação das lideranças estaduais com os municípios que não alcançaram o mínimo de votos nas últimas eleições e não pode- rão realizar a eleição. Estão nessa situação 106 das 295 cidades catarinenses, entre elas Florianópolis e Concórdia. De olho na disputa pelos executivos municipais e mais espaço nas câmaras de vereadores, ficar sem poder realizar a convenção é um problema e tanto. Homenagem Aprovado na Comissão de ConstituiçãoeJustiça(CCJ)daAssembleia o Projeto de Lei que concede Título de Cidadão Catarinense ao médico derma- tologista Homero de Miranda Gomes, in memoriam. Nascido em Ouro Fino, Minas Gerais, ex-deputado estadual e ex-prefeito deSãoJosé,eleseráhomenageadoporsua dedicação à Medicina e ao trabalho bene- ficente que realizou. O projeto é de autoria do deputado José Nei Ascari (PSD) em conjunto com o deputado Padre Pedro Baldissera (PT). Repercutiu o pedido de licença do vice-governador Eduardo Pinho Mo- reira (PMDB). Pessoas próximas a ele lembraram que o plano de passar um período nos Estados Unidos é antigo e que, inicialmente, seriam três meses de afastamento, agora transformados em apenas um mês. Moreira vai estudar inglês e já avisou que o custeio sairá de seu próprio bolso. O pedido de licença será analisado na Assembleia Legislati- va, mas até o final da tarde de ontem ainda não tinha chegado à Casa, segun- do informação da Diretoria Legislativa. Os planos são antigos, mas o momento escolhido para isso pode ter um ingre- diente político. Destaque O diretor-superintenden- te administrativo da Portonave S/A – Terminais Portuários de Navegantes, Osmari de Castilho Ribas, ministra pa- lestra, hoje, em São Paulo, sobre ade- quação dos terminais portuários priva- dos ao marco regulatório. Ele participa da InfraPortos, feira voltada à tecnolo- gia e equipamentos para portos e ter- minais que ocorre junto com a Intermo- dal. A Portonave é o primeiro terminal privado brasileiro e o segundo maior movimentador de contêineres do país. Só perde para o Porto de Santos. Andréa Leonora F�or�an�po��s ��F�or�an�po��s �� 08Abr15 Ansiosopararetornar Escapadinha No caminho para mais uma avaliação médica, o senador Paulo Bauer (PSDB-SC) passou pela Assembleia para um rápido encontro com a bancada de seu partido. Foi uma escapada para matar saudades do ambiente político. Ele ainda está de licença, recuperando-se de cirur- gia para colocação de duas pontes de sa- fena. Na foto, um papo de corredor com o deputado Serafim Venzon e o vereador Wilson Martins dos Santos, de Xanxerê. CarlosMello ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE ARARANGUÁ ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE ARARANGUÁ ANULAÇÃO DE LICITAÇÃO EDITAL DE LICITAÇÃO Nº. 46/2015 - PREGÃO PRESENCIAL OBJETO: Registro de preços para eventuais e futuras aquisições de pneus, câmaras e protetores objetivando a manutenção corretiva e preventiva dos veículos da frota municipal. SANDRO ROBERTO MACIEL, Prefeito Municipal de Araranguá, de acordo com as suas atribuições legais, nos termos do processo licitatório por pregão presencial, de nº. 46/2015, e 1.CONSIDERANDO que houve um protocolo registrado tempestivamente e encaminhado a este setor após a realização do certame, opta-se pela referida anulação. 2.CONSIDERANDO que a Administração Pública constatando vícios de qualquer natureza em procedimento licitatório tem o dever de anulá-lo. 3.CONSIDERANDO os princípios norteadores do Direito Administrativo. DETERMINO: 4.A ANULAÇÃO TOTAL do processo licitatório tombado sob o nº. 46/2015, e consequentemente a licitação por pregão presencial com o mesmo número, com fundamento no artigo 49 da Lei Federal nº. 8.666/93 e alterações. 5.Neste ato, determinar à Comissão Permanente de Licitação que, cumpridos os ritos e prazos legais, proceda à realização de novo certame licitatório com observância dos preceitos legais e regulamentares sobre a matéria. Araranguá, SC, 07 de abril de 2015. Sandro Roberto Maciel - Prefeito Municipal ANULAÇÃO DE LICITAÇÃO EDITAL DE LICITAÇÃO Nº. 34/2015 - PREGÃO PRESENCIAL OBJETO: REGISTRO DE PREÇOS para eventuais e futurais locações de máquinas pesadas sob o regime de hora/máquina objetivando a manutenção das estradas e vias urbanas do município de Araranguá. SANDRO ROBERTO MACIEL, Prefeito Municipal de Araranguá, de acordo com as suas atribuições legais, nos termos do processo licitatório por pregão presencial, de nº. 34/2015, e 1.CONSIDERANDO que houve um protocolo registrado tempestivamente e encaminhado a este setor após a realização do certame, opta-se pela referida anulação. 2.CONSIDERANDO que a Administração Pública constatando vícios de qualquer natureza em procedimento licitatório tem o dever de anulá-lo. 3.CONSIDERANDO os princípios norteadores do Direito Administrativo. DETERMINO: 4.A ANULAÇÃO TOTAL do processo licitatório tombado sob o nº. 34/2015, e consequentemente a licitação por pregão presencial com o mesmo número, com fundamento no artigo 49 da Lei Federal nº. 8.666/93 e alterações. 5.Neste ato, determinar à Comissão Permanente de Licitação que, cumpridos os ritos e prazos legais, proceda à realização de novo certame licitatório com observância dos preceitos legais e regulamentares sobre a matéria. Araranguá, SC, 07 de abril de 2015. Sandro Roberto Maciel Prefeito Municipal
  7. 7. Publicidade 7Correio do Sul Quarta-feira, 8 de abril de 2015
  8. 8. Entretenimento Novelas - Horóscopo - Diversão Cruzadinha Novelas Sete Vidas -18h Alto Astral -19h Babilônia -21h S carlett afirma a Adriana que se perder sua herança a colo- cará na cadeia. Manuel obriga Bélgica a trabalhar como faxineira na lanchonete no lugar de Cidinha. Azeitona pega uma cápsula do remédio de Úrsula e descobre que está vazia. Maria Inês se oferece para ajudar Caíque na casa que o filho alugou para fazer suas consultas espirituais. Diziabas pergunta a Marcos até quando ele esconderá de Caíque que tomou as ações do irmão no hospital. P edro apresenta Taís para Júlia, que fica desconcertada. Vicente tenta ser gentil com Taís. Marlene descobre uma mentira de Durval e fica intrigada. Durval compra um presente para Bernardo. Elisa se preocupa com Júlia depois do encontro que ela teve com Pedro. Bernardo finge não se emocionar com sua festa surpresa. Lígia se esforça para manter a naturalidade diante de Laila. D iogo se incomoda com a aproximação de Beatriz. Inês conversa com Evandro. Regina reclama da presença de Inês no evento e Beatriz consegue manipulá-la. Luís Fernando convence Carlos Alberto a marcar um horário para conversar com ele. Beatriz tenta envolver Diogo e Gabi se aproxima. Wolnei conta para Inês que Diogo é irmão de Regina. Bento vê Olga e Cris conversando com Dora e Regina. Rapidinhas Correio do Sul Quarta-feira, 8 de abril de 2015 Áries 21/03 a 20/04 Um dia em que você deve refletir sobre os seus valores emocionais mais essenciais, ariano. Negócios e questões financeirasestãoativadoshoje,ajacomsabedoria.Cuidado com a tendência ao apego: é hora de renovar! Leão 21/07 a 20/08 Sagitário 21/11 a 20/12 Um momento que pede mais atenção a saúde e ao descanso, sagitariano. Um dia que pede interiorização, reflexão e valorização maior da essência. Mantenha um ritmoserenoquefavoreçaaprodutividade,mastambém oequilíbrioemocional. Gêmeos 21/05 a 20/06 Valorize mais a saúde e a qualidade de vida, geminiano. Percebaainfluênciadasemoçõessobreoseuorganismo. Um dia importante para os contatos de trabalho e o aprimoramentopessoal. Libra 21/09 a 20/10 Uma forte energia emocional e sexual marca o dia dos librianos.Momentodequestionamentosobrecomovocê estávivenciandoaintimidadeeasexualidade.Momento que potencializa a expressão de talentos e de questões financeiras. Aquário 21/01 a 18/02 Ummomentodenecessáriobalançoentreavidapessoal e profissional. Precisa se sentir mais seguro e centrado. Importânciadequestõesligadasaotrabalhoeafamília. Touro 21/04 a 20/05 Momentodeimportantesconstataçõesemocionaisemseus relacionamentos. Forte sintonia afetiva e espiritual com as pessoas. Momento em que deve ter cuidado com o ciúme, possessividade e o apego. Virgem 21/08a20/09 Evitepadrõesdepensamentoarraigadoeteimoso,virgi- niano.Éhoradeconversarmaiscomaspessoaseouviro que elas têm a lhe dizer. Um dia de grande intensidade emocionalnoqualvocêdevecuidarcomoextremismo. Capricórnio 21/12 a 20/01 O dia é marcado por importantes insights e intuições. Momentooportunoparanovosaprendizadoseconta- tos. Perceba como está lidando com as suas emoções. Câncer 21/06 a 20/07 Intensidade emocional marca o dia dos cancerianos. Um momentomuitoimportantederedefiniçõesemrelaçãoao amoreaamizade.Acriatividade,asexualidadeeafertilidade estão evidenciadas neste momento. Escorpião 21/10 a 20/11 Muito cuidado com a rigidez nas atitudes emocionais e nos relacionamentos. Momento oportuno de refle- xão sobre como está agindo nas relações e parcerias. Cuidado com o sentimento de posse e a tentativa de controle emocional. Peixes 19/02 a 20/03 Excelente momento para aprofundar contatos e conhe- cimentos, pisciano. Cuidado com a teimosia, o apego e a inflexibilidade. Contatos importantes que lhe farão rever os seus conceitos. Horóscopo Horadeequilibrarmaisasdemandasprivadaseprofissio- nais.Momentodequestionamentoemrelaçãoaomodo decomovocêestávivendoassuasemoções.Cuidadocom oapegoearesistênciaàsmudanças,leonino. No quinto mês de gestação, Luana Piovani já descobriu o sexo de seus bebês gêmeos. Num vídeo publicado no Insta- gram da loira nesta segunda-feira (7). Ela vai ser mamãe de um casal. Pedro Scooby comemorou a presença de uma princesa em casa e ela, a de mais um menino. Na rede social, a atriz ainda revelou o nome dos dois herdeiros caçulas que vem por aí. “Senhoras e senhores: Com vocês, a Liz!”, escreveu no primeiro vídeo publi- cado na web, toda emocionada, enquanto comemorava a primeira notícia. “E seu irmãozinho, o Bem!”, escreveu na legenda das outras imagens. Luana e Pedro Scooby já são pais de Dom, de 2 aninhos. A atriz contou recente- mente que estava ensaiando com o marido para dar um irmãozinho ao pequeno, mas que o resultado positivo veio até que mais rápido do que ela esperava. De volta ao comando do SuperStar, a partir do próximo domingo (12), Fernanda Lima contou à revista Contigo! que não pretende se casar no civil com Rodrigo Hilbert, pai de seus filhos gêmeos João e Francisco, de 6 anos. “Penso em fazer uma festa, uma celebração para reunir a família, os ami- gos. O papel não quer dizer muita coisa”, destacou. A apresentadora disse ainda que passou dificuldades no início da carreira, mas que já superou essa fase. “O sucesso incomoda”.
  9. 9. Correio Especial Igor Borges igor.borges@grupocorreiodosul.com.br www.facebook.com/igor.borges @igormborges Nações A procura esta grande por espaço no novo empreendimento da Almeida Junior, o Shopping Nações em Cricúma. Dezdiasdepoisdolançamento,25 pro- postas de lojistas interessados abrir negócios no empreendimento es- tão em negociação avançada. Sinal que este vai ser o grande empreendimento da região Profissionalizando O QUE VOCÊ ESTÁ PENSANDO Foto do Dia #fotododiacorreiodosul O prefeito de Ara- ranguá Sandro Ma- ciel recebeu na tarde desta quarta-feira, 01 de abril, a visita dos alunos e profes- soras da Escola de Ensino Infantil Fun- damental Toquinho de Gente de Ara- ranguá “Posso ter parado de procurar, mas nunca vou deixar de acreditar que o melhor ainda está por vir.” #QueAbrilseja- queosoutrosmeses” Mari Rocha Correio do Sul Quarta-feira, 08 de abril de 2015 ³O Governo Municipal de Jacinto Machado, através da Secretaria de Desenvolvimento Social e da Família têm o objetivo de profissionalizar a mão-de-obra existente para o mercado de trabalho e oferecem capacitação gratuita e remunerada para os participantes de Cursos do PRONATEC. Nova entrada Engano daqueles que pensam que Bal. Gaivota vai se limitar pela beleza da sua nova Av. Beira Mar. Já existe um projeto e recursos para se fazer uma nova entrada da cidade, na Av. Santa Catarina. Teria pista dupla até a praia, começando logo após o Posto Ipiranga. Com direito até a uma homenagem aos pescadores da cidade. Informações são que a idéia é toda do prefeito Ronaldo Pereira. #gaiotanãopara Trimestre E começou o 2º trimestre de 2015. O pessimismo ainda toma conta do nosso país e pelo mundo afora. Mas nesse mar de pessimismo tem muita gente crescendo. Há uma informação que a Magazine Luiza pretende cres- cer 5% este ano. E não é porque ela é uma empresa grande. É planejamento, gestão e saber aproveitar as oportunida- des. Como dizem, enquanto muitos choram pela crise, têm outros ganhando dinheiro vendendo lenço. Você já analisou as oportuni- dades dessa crise? Já investiu? Crise é uma ótima oportunidade de cresci- mento. Não se pode deixar pegar pelo pessimismo.#pessimismoparalá. Oportunidade Segundo estudo da Almeida Junior, o Shopping Nações teria uma atrativi- dade até Araranguá. O que daria opor- tunidade em nossa região de ter um empreendimento para atrair até cidades do estado vizinho. Talvez o Shopping Sombrio possa realmente vingar. Sala de Troféu Se o governo de Jacinto Machado fosse um time de futebol, hoje estaria figurando entre os melhores do Brasil e teria que ter uma sala de troféus. Ano passado foram tantos prê- mios alcançados pelo prefeito Antonio e seus secretários, como foi o caso do o secretário de Educação, Cultura e Esportes, Valmir Possamai. O município se desponta hoje em nossa região Super Center O Super Center Japonês realmente não deve ficar onde está. Já esta avan- çado a obra no novo local e agora se organizam para ter uma acesso me- lhor a BR-101.
  10. 10. Publicidade10 Correio do Sul Quarta-feira, 8 de abril de 2015
  11. 11. Geral 11Correio do Sul Quarta-feira, 8 de abril de 2015 ³Cinara quer mudar de vida e criar os três filhos Ajuda do social Rafael Andrade > BALNEÁRIOGAIVOTA “Não vou doar os meusfilhos”,começa avisando Cinara Souza Santana, de 36 anos, mo- radora do bairro Jardim Ultramar, em Balneário Gaivota. Com cinco meses de gestação de trigêmeos, apoiada pela mãe, a cos- tureira Alvaci Rodrigues de Souza, a situação da mulher, que já tem três filhos, de 6, 10 e 17 anos, é, como ela mesma define, desesperadora. Portado- ra do vírus HIV há três anosedependentequímica, principalmente de crack, Cinara garante que pre- tende mudar a sua vida. Usoudrogapelaúltimavez há 40 dias e luta contra a Gestantepedeajuda para trigêmeos abstinência. Os trigêmeos, duas meninas idênticas e ummenino,nãocontraíram a doença infecciosa. Os médicos que acompanham o pré-natal de Cinara afir- mam que esta probabili- dade é praticamente nula. No entanto, ela não poderá amamentá-los. O filho mais velho da gestante mora em Porto Alegre, os outros dois com Alvaci e Cinara. Nenhuma das duas é casada ou têm ajuda dos ex-maridos. O pai dos trigêmeos foi as- sassinado aos 35 anos, em Araranguá,há30dias.Sem poder trabalhar, a família pedeauxílioàcomunidade. Nenhumapeçaderoupade bebê foi adquirida, muito menos roupeiro, berços, carrinhos, chupetas, frau- das, cobertores e o mais importante, o leite especial Na foto, uma das lojas de variedades mais tradicionais do Centro de Araran- guá que começou a trocar, na vitrine, os chocolates por itens do lar, como potes, jogos de cozinha, arranjos, dentre outros. Uma tendência que também está sendo adotado por várias outras lojas de diver- sos segmentos. Quem se surpreendeu com os ovos de Páscoa nas prateleiras das lojas e super- mercados logo após o Carnaval, ainda em fevereiro, pode se surpreender de novo. Nesta segunda-feira, apenas um dia após a Páscoa, o comércio de Araranguá já co- meçou a decoração para o Dia das Mães, comemorado este ano em 10 de maio. VitrinesjálembramDiadasMães Carência > ARARANGUÁ Na semana que an- tecedeu ao aniversário de Araranguá, o prefeito Sandro Maciel celebrou os 135 anos de emancipação junto às crianças, futuro e presente do município. Na tarde de quinta- Criançasmostramtalentonaprefeitura -feira, o prefeito e esposa Rose, secretários e servido- res municipais receberam alunos do Serviço de For- talecimento de Vínculos do Centro de Referência da Assistência Social (Cras). Além de executarem músi- cas, os alunos apresentaram a conclusão das Oficinas de Stop Motion, coordenadas pelo jornalista Antônio Roseng e pela artista cir- cense e bióloga Daniela Barreto, com trabalhos de reciclagem e artesanato. As duas oficinas se transformaramnumvídeo de desenho animado, feito com milhares de fotos. necessário para a sobrevi- vência das crianças, conhe- cidocomoLeiteNan.“Uma latade500gramasdápara quatro dias para um bebê. Serão necessárias cerca de 32 latas para um mês. Um custodeaproximadamente R$ 800,00 a cada 30 dias somente com alimentação neste começo. Imploramos por ajuda”, desabafa Ci- nara. Afamílianãopagaalu- guel, mas a renda não é o suficiente para arcar com as despesas que estão por vir. Uma campanha de so- lidariedade é iniciada com apublicaçãodestamatéria. “Não temos a quem recor- rer. Pretendemos ficar e educar todas as crianças. Serão cinco com esses três, pois um já estuda e mora em outro estado. Estamos nas mãos de Deus”, reflete Alvaci,63,quedeveseapo- sentar no próximo ano. “Se édavontadedoSenhortrês crianças neste momento, vamos encarar e aceitar. Um empresário já veio me pedir, mas não terei cora- gem de encontrar os meus netos por aí sob cuidados deoutrafamília.Sãoomeu sangue!”, declaraAlvaci. A assistência social de Balneário Gaivota foi con- tatada e sabe da situação precária da família. “Só te- nho a agradecer pelo apoio que recebemos até agora. Tanto no social quanto os examesnaunidadedesaú- decentralsãoexcepcionais, de primeiro mundo. Quero garantir plena saúde aos trigêmeos”, almeja Cina- ra, que começou a usar drogas aos 20 anos. “Para esquecer o crack, comecei a beber. Virei alcoólatra. Estoucontroladanestemo- mento. Engordei 12 quilos nesta gestação. Os exames mostraram que os bebês são perfeitos. As meninas estão com 17 centímetros e o menino com 14. Estou ansiosaparavê-los,masao mesmo tempo, preocupada com toda esta situação. Não tenho condições de alimentá-los”,entristece-se. A vontade de ser mãe mais uma vez, na verdade três, fala mais alto que o mundo das drogas, da be- bida, da falta de condições financeiras, do conflito so- cial,dafaltadeumpaipara ajudar na criação. Cinara carrega consigo o desejo natural de proteção, de amor incondicional pelos seres se mexem e chutam em seu ventre. O objetivo de manter a família unida faz com que Alvaci, que relatatratarosnetoscomo filhos, dispunha de mãos com tamanha força, com espaço para tantos calos que infinitamente não terãocomparaçãoàsdores da perda dos trigêmeos. Para quem pretende apoiar a família e ajudar a manter os bebês juntos, basta entrar em contato pelos telefones: (48) 9640- 1961 ou (48) 3583-1606.A família mora na rua João Batista Ramos, nº 627, bairro Jardim Ultramar, Balneário Gaivota. Ou pode entrar em conta- to pelo e-mail: reporta- gem2@grupocorreriodo- sul.com.br.
  12. 12. 12 Correio do Sul Quarta-feira, 8 de abril de 2015 Publicidade
  13. 13. Geral 13Correio do Sul Quarta-feira, 8 de abril de 2015 Da redação Projetos ³Tenente- coronel Antônio comanda Polícia Militar dos municípios da região Perfil tenária, aprendi muito sobre gestão, combate a criminalidade e, a arte de lidar com pessoas, o que inclui tanto o públi- co externo (população) quanto o público interno (policiais militares)”. E continua fazendo planos: “Na parte operacional, pretendemos reduzir os índices de criminalidade, na parte administrativa queremos construir a nova sede do 19º BPM, que atenderá as atuais necessidade da corpo- ração”. Conhecido há mais de duas décadas e colega de profissão, o tenente- -coronel Alfredo Nelson de Carlos, atual chefe do Estado-Maior da 6ª Região de Polícia Mili- tar, morador de Araran- guá e ex-comandante do 19º BPM, relata sobre o comandante tenente- -coronel Antônio: “Como oficial, é extremamen- te comprometido com a corporação, em especial com o 19º BPM, pois fez a maior parte de sua carreira neste Batalhão, é seriamente competen- te e ciente das decisões que toma. Como chefe de família, é um marido leal e um pai bastante amoroso. Como amigo, é um homem sincero, uma pessoa íntegra, com quem tenho orgulho de conviver”. Tenente-coronel Antônio Carlos Mota Machado conta sua história e fala de planos que incluem construção de quartel > ARARANGUÁ Ele é o responsável direto pela admi- nistração da Polícia Mi- litar nos 15 municípios do extremo sul de Santa Catarina. Trata-se do tenente-coronel Antônio Carlos Mota Machado, que está há dez meses a frente do comando do 19º Batalhão, sediado em Araranguá. O tenente-coronel Antônio possui dois cur- sos superiores, sendo bacharel em Segurança Pública e em Direito. Também possui pós-gra- duação na modalidade de especialização em Admi- nistração de Segurança Pública. É natural de Turvo, está na PM há 25 anos e possui um currícu- lo exemplar, além de muita experiência na segurança pública, ten- do frequentado cursos como o de Formação de Oficiais, de Capacitação e Implantação do Pro- grama Qualidade Total na PM, e treinamento de habilitação ao uso de fuzil, espingarda cal.12 e carabina e reciclagem de pistola .40. Na Polícia Militar ele é instrutor de Legislação Institucional. Também exerceu di- versas outras funções na Comandante quer novo batalhão corporação. Em Tubarão trabalhou por três me- ses. Permaneceu no Ba- talhão de Criciúma por três anos, foi comandan- te de Pelotão em Sombrio durante dois anos e serve em Araranguá há mais de 20 anos. Durante sua carrei- ra, coronel Antônio foi agraciado com dezenas de elogios concedidos por seus superiores e registrados em sua ficha funcional. Entre eles, pela captura dos três assaltantes do Banco Itaú em Araranguá e por ato de serviço quando das cheias na cidade. Nas horas de folga gosta de viajar. Tem prefe- rência por praias, mas também gosta do campo. É casado há 20 anos com Jaqueline Daros Macha- do, com quem tem dois filhos: Rafaela e Vinícius Daros Machado. Sobre sua experi- ência e perspectiva na função de comandante do 19º Batalhão de Polícia Militar, coronel Antô- nio afirma que: “Estou há mais de 28 anos na polícia militar, traba- lhando para bem servir e proteger a população catarinense. Nessa car- reira, seguida em uma instituição quase bicen- 2015/2017. De acordo com o diretor da Secretaria Municipal do Interior Douglas Michels, a reunião foi produtiva, con- tando com a participação dos agricultores e lideranças municipaisdospolos,Epagri, prefeitura,sindicatos, que discutiram também reivindi- cações e troca de informações com a Secretaria de Interior. > ARARANGUÁ O Conselho Municipal de Desenvolvimento Rural (CMDR) esteve reunido para definir o calendário de reuniões de polo, com o objetivo da escolha dos nomes dos candidatos a conselheiro e suplente de cada polo para a eleição da novadiretoriaparaobiênio CMDRcomeçaciclodereuniões A primeira reunião para escolha do conselheiro e suplente aconteceu nesta terça-feira, no Polo 01, no Barro Vermelho. Os polos são em núme- ro de oito e reínem várias comunidades próximas. As reuniões em cada um deles se estendem durante todo e mês e terminam no dia 30, no Caverazinho.
  14. 14. Publicidade14 Correio do Sul Quarta-feira, 8 de abril de 2015
  15. 15. Polícia 15Correio do Sul Quarta-feira, 8 de abril de 2015 Bertiliano Augusto Paulo, de 45 anos, tinha acabado de bater o cartão e de moto seguia em direção a sua casa ³Antônio contou como sobreviveu ao acidente que matou seu amigo Bertiliano Rafael Andrade > SOMBRIO Mais uma mor- te envolvendo motociclista ocorreu na região. Por volta das 19 horas de ontem, Berti- liano Augusto Paulo, de 45 anos, morreu no Hos- pital Dom Joaquim, em Sombrio. Ele não resistiu aos múltiplos ferimentos na cabeça após ter se en- volvido em um acidente às 18h5min na marginal da BR-101, em frente ao Posto Litoral, no bairro Guarita. O piloto estava acom- panhado do colega e ami- go Antônio Araújo Clau- dino Martins, 46, que sofreu somente alguns arranhões e não precisou Homem morre nasaída doserviço de atendimento médico. Os dois estavam na moto de Bertiliano, uma Hon- da CG 125 cilindradas. Eles tinham acabado de deixar o trabalho, a em- presa TSN - Artefatos de Cimento, quando bate- ram de frente no cami- nhão. “Quando percebi que ocorreria a colisão pulei da moto. O meu colega não conseguiu fa- zer nada. Foi tudo muito rápido”, lembra Antônio, que detalhou os fatos à Polícia Rodoviária Fe- deral. O motorista do ca- minhão, de 24 anos, não ficou ferido. “Estava a pouco mais de 40 qui- lômetros por hora. Iria acessar a 101 e ele se perdeu. Não conseguiu frear e acabou colidindo. Fim de Expediente Ainda puxei para o lado, mas não deu tempo”, lamenta o caminhoneiro. O Corpo de Bombeiros resgatou o motociclista, que deixou muito sangue espalhado pela pista. A médica plantonista do Dom Joaquim tentou salvá-lo, mas Bertiliano veio a óbito pouco menos de uma hora após o aci- dente. Ele era casado e não tinha filhos, segundo informou a própria mãe da vítima, que chegou ao hospital por volta das 19h30min pedindo para ver o filho, ainda sem saber que ele não estava mais vivo. O homem tra- balhava na TSN havia oito meses e segundo os colegas, era um funcioná- rio exemplar. O Instituto Médico Legal (IML) de Araranguá recolheu o corpo para a perícia. No dia anterior, nes- ta segunda-feira, Silva- na Francisco de Souza, 28, morreu vítima de um acidente em Balneário Arroio do Silva. Este caso também envolveu moto- cicleta. Ela dirigia uma Biz de Araranguá na rua Damázio Machado, no lo- teamentoEmerin,quando colidiu com um micro- -ônibus Renault Master, também de Araranguá, por volta das 12h30min. Silvana chegou a ser so- corrida pela ambulância doServiçodeAtendimento MóveldeUrgência(Samu) e encaminhada ao Hospi- talRegionaldeAraranguá (HRA), mas não resistiu.
  16. 16. ESTADO DE SANTA CATARINA SAMAE AGUA DOS CANYONS PRAIA GRANDE EXTRATO CONTRATUAL Contrato Nº.: 08/2015 Contratante.: SAMAE AGUA DOS CANYONS PRAIA GRANDE Contratada..: ACLIVE ARQUITETURA E ENGENHARIA LTDA EPP Objeto : A CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA PARA CONCLUSÃO DA AMPLIAÇÃO DO LABORATÓRIO DE TRATAMENTO DE ÁGUA DE PRAIA GRANDE, COM ÁREA DE 69,65M2. Valor..........: R$ 46.379,31 (quarenta e seis mil trezentos e setenta e nove reais e trinta e um centavos) Vigência.....: Início : 18/03/2015 Término: 15/07/2015 Licitação.....: CONVITE P/ COMPRAS E SERVIÇOS Nº.: 03/2015 Recursos.....: DOTAÇÃO :. 2.039/3.3.90/DR 01.20 PRAIA GRANDE, 18 de Março de 2015. EDITAL DE INTIMAÇÃO ARLINDO EDÍLIO DA ROSA, Tabelião do TABELIONATO DE NOTAS E PROTESTOS DE TÍTULOS desta Comarca de Sombrio, situado na Av. Nereu Ramos, 1300 - Fone (48) 3533- 0318 - CEP 88960-000, faz saber na forma da Lei aos que o presente EDITAL virem, que se encontram nesse tabelionato para serem protestados, decorrido o prazo legal, por não terem sido encontrados nos endereços fornecidos, ou por se recusarem a tomar conhecimento, os títulos cujos responsáveis estão abaixo discriminados. PROT. APRESENTANTE / CNPJ DEVEDOR / CNPJ Prot: 133917; Dev: ALICE PEREIRA - 072.429.599-26; Ced: COMERCIO DE COSMETICOS BIOAGE SUL LTDA ME; Sac: COMERCIO DE COSMETICOS BIOAGE SUL LTDA ME; Tit: 245 ; Apr: BANCO DO BRASIL SA; VEN: 22/03/2015; Esp: Duplicata de Venda Mercantil por Indicação; Val: 142,00+Juros Legais; Emol.: 46,96. Prot: 133973; Dev:ANTONIO VALDONI DACUNHA- 469.977.419- 91; Ced: BV FINANCEIRA S/A C.F.I.; Sac: ; Tit: 116072704 ; Apr: SCHULZEADVOGADOSASSOCIADOS; VEN: 07/04/2015; Esp: Cédula de Crédito Bancário por Indicação; Val: 2.000,51+Juros Legais; Emol.: 78,80. Prot: 133884; Dev: ELIETE DO NASCIMENTO - 591.507.699- 87; Ced: SHOPPING ESTAÇÃO 713 PRONTA ENTREGA LTDA.; Sac: SHOPPING ESTAÇÃO 713 PRONTA ENTREGA LTDA.; Tit: 0000092392 ; Apr: BANCO DO BRASIL SA; VEN: CONSELHO MUNICIPAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE CMDCA- PRAIA GRANDE SC Edital 002/2015 Edital de Retificação Eleição dos Conselheiros Tutelares do Município de Praia Grande- SC A presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente- CMDCA de Praia Grande- SC-, no uso de suas atribuições legais e de acordo com os artigos 132 e 139 da Lei Federal nº 8.069/90- ECA publica pelo presente o Edital de Retificação do Edital nº 01/2015. Segue abaixo a deliberação do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente de acordo com o parecer da Comissão do Processo de Escolha para Conselheiro Tutelar deste município. ALTERAR no item II - Das vagas e requisitos para a inscrição ONDE SE LÊ: 2.1 – Os interessados em preencher as 05 (cinco) vagas para titular, sendo os 05 (cinco) remunerados e 05 (cinco) vagas para suplentes não remunerados deverão inscrever-se no período compreendido entre 06/04/2015 à 03/06/2015, no horário das 14h00min horas às 17h00min horas no Centro de Referência da Assistência Social- CRAS de Praia Grande, mediante preenchimento do formulário de inscrição fornecido pela Presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente. LEIA-SE: 2.1 – Os interessados em preencher as 05 (cinco) vagas para titular, sendo os 05 (cinco) remunerados e 05 (cinco) vagas para suplentes não remunerados deverão inscrever-se no período compreendido entre 06/04/2015 à 04/06/2015, no horário das 14h00min às 17h00min no Centro de Referência da Assistência Social- CRAS de Praia Grande- SC, mediante preenchimento do formulário de inscrição fornecido pela Presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente. ONDE SE LÊ: 2.4 – Os documentos necessários para inscrição do candidato são os seguintes: • Preenchimento da ficha de inscrição, emitida pela Presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente; • Folha de antecedentes criminais, emitida pelo Fórum da Comarca; • Declaração de idoneidade moral firmada de próprio punho; • Cópia do RG; • Cópia do CPF; • Cópia de documentos que prove residência no Município; • Ter idade superior a vinte e um anos; • Certidão de quitação eleitoral; • Cópia do certificado de conclusão do nível Médio (2º grau completo); • Cópia da carteira de habilitação; • Uma foto 3x4, colorida; • Estar em pleno gozo das aptidões físicas e mental para o exercício do cargo de Conselheiro Tutelar, comprovada através de atestado médico; • Se o candidato for membro do Conselho dos Direitos da Criança Aviso de Licitação Processo Adm. n. 22/2015 Edital: Pregão Presencial n. 08/2015 Tipo: Menor Preço Objeto: Contratação de empresa do ramo pertinente para Prestação de Serviços de Manutenção e Revisão da Rede de Iluminação Pública do Município durante o exercício de 2015, conforme projeto básico em anexo, obedecendo integralmente os termos da minuta contratual (anexo I), Entrega dos Envelopes: 09:00 horas do dia 23 de Abril de 2015. Abertura dos Envelopes: 09:00 horas do dia 23 de Abril de 2015. O Edital e esclarecimentos poderão ser obtidos no seguinte endereço e horário: Rua Irineu Bornhausen, 320, nos dias úteis, de segunda á sexta, das 08:00 ás 11:30 h. e das 13:30 as 17:00 h, ou pelo telefone 48 3532-0132. Praia Grande-SC, 06 de Abril de 2015. Valcir Daros Prefeito Municipal EXTRATO CONTRATUAL Contrato Nº.: 46/2015 Contratante.: PREFEITURA MUNICIPAL DE PRAIA GRANDE. Contratada..: RAC SANEAMENTO E TECNOLOGIAAMBIENTAL P/ DISP. E TRATAM. DE RESIDUOS LTDA. Objeto.........: PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE DESTINAÇÃO FINAL DOS RESÍDUOS SÓLIDOS(LIXO). Valor..........: R$ 51.000,00(cinquenta e um mil reais). Vigência.....: Início : 02/03/2015 Término: 31/12/2015 Licitação.....: PREGAO PRESENCIAL Nº.: 02/2015 Recursos.....: DOTAÇÃO :. 2.027/3.3.90/DR 01.00 PRAIA GRANDE, 02 de MARÇO de 2015. EXTRATO CONTRATUAL Contrato Nº.: 49/2015 Contratante.: PREFEITURA MUNICIPAL DE PRAIA GRANDE. Contratada..: MULLER AGENCIA DE PUBLICIDADE LTDA ME Objeto.........:CONTRATAÇÃO DE AGÊNCIA DE PUBLICIDADE/ PROPAGANDA PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS NA DISTR. E VEICULAÇÃO DE AVISOS/COMUNICADOS E CAMPANHAS PROMOCIONAIS E INSTITUCIONAIS DESENVOLVIDOS PELA PREFEITURA MUNICIPAL. Valor..........: R$ 53.587,50(cinquenta e tres mil, quinhentos e oitenta e sete reais e cinquenta centavos). Vigência.....: Início : 27/03/2015 Término: 31/12/2015 Licitação.....: PREGAO PRESENCIAL N. 05/2015 Recursos.....: DOTAÇÃO :. 2.004/3.3.90/DR 01.00 2.009/3.3.90/DR 01.00 2.032/3.3.90/DR 01.00 2.033/3.3.90/DR 01.00 PRAIA GRANDE, 27 DE MARÇO DE 2015. Valcir Daros Prefeito Municipal AVISO DE LICITAÇÃO - PREGÃO PRESENCIAL Nº 10/2015 A PREFEITURA DE MORRO GRANDE, localizada a Rua Rui Barbosa, nº 310, CEP 88.925-000, Centro, Morro Grande/SC, torna público para conhecimento dos interessados, que está sendo publicado o Edital de Pregão Presencial nº 10/2015, cujo objetivo é a Contratação de oficineiros para ministração de aulas de capoeira visando o atendimento ao Projeto de Capoeira do Centro de Referência de Assistência Social - CRAS do município de Morro Grande. Os envelopes contendo a proposta de preços e documentação de habilitação serão recebidos até às 09h00min do dia 22/04/2015, com abertura no mesmo dia às 09h30min, junto ao Setor de Licitações desta prefeitura. Informamos que a íntegra do Edital e seus anexos poderão ser lidos ou obtidos no endereço supra citado ou no site www.morrogrande.sc.gov.br. Maiores informações estarão disponíveis os telefones (0xx48) 3544-0015/3544-0016 ou pelo e-mail licita@morrogrande.sc.gov. br. Valdionir Rocha - Prefeito Municipal. ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE PRAIA GRANDE ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE PRAIA GRANDE ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE PRAIA GRANDE ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE MORRO GRANDE Publicações Legais16 Correio do Sul Quarta-feira, 8 de abril de 2015 30/03/2015; Esp: Duplicata de Venda Mercantil por Indicação; Val: 2.390,00+Juros Legais; Emol.: 46,96. Prot: 133930; Dev: ENESCI GONCALVES DE OLIVEIRA - 666.710.276-68; Ced: SULTAN IND COM LTDA; Sac: SULTAN IND COM LTDA; Tit: 968527/02 ; Apr: BANCO BRADESCO S A ; VEN: 26/03/2015; Esp: Duplicata de Venda Mercantil por Indicação; Val: 1.070,08+Juros Legais; Emol.: 46,96. Prot: 133923; Dev: GILSON ALFRANI DE FREITAS MONTEIRO - 027.394.329-41; Ced: BANCO DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL SA; Sac: METAAGRICOLALTDA; Tit: ./01 ;Apr: BANCO SANTANDER SA; VEN: 30/03/2015; Esp: Duplicata de Venda Mercantil por Indicação; Val: 347,25+Juros Legais; Emol.: 76,22. Prot: 133920; Dev: JOÃO CARLOS DASILVALILO - 985.963.579- 04; Ced: BANCO DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL SA; Sac: META AGRICOLA LTDA; Tit: 032744-1/1 ; Apr: BANCO SANTANDER SA; VEN: 30/03/2015; Esp: Duplicata de Venda Mercantil por Indicação; Val: 300,30+Juros Legais; Emol.: 76,22. Prot: 133925; Dev: JOÃO CARLOS DASILVALILO - 985.963.579- 04; Ced: BANCO DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL SA; Sac: META AGRICOLA LTDA; Tit: 032091-1/1 ; Apr: BANCO SANTANDER SA; VEN: 30/03/2015; Esp: Duplicata de Venda Mercantil por Indicação; Val: 390,00+Juros Legais; Emol.: 55,95. Prot: 133892; Dev: LUCIANO NUNES DA SILVA - 949.754.340- 91; Ced: COTIPEL COM TINTAS PEÇAS LTDA; Sac: COTIPEL COM TINTAS PEÇAS LTDA; Tit: 170352/04 ; Apr: BANCO DO BRASIL SA; VEN: 22/03/2015; Esp: Duplicata de Venda Mercantil por Indicação; Val: 456,50+Juros Legais; Emol.: 75,28. Prot: 133866; Dev: P. M. T. KIRSCH CONFECCOES ME - 21.542.562/0001-37; Ced: SERTEX INDUSTRIAL TEXTIL SA; Sac: SERTEX INDUSTRIAL TEXTIL SA; Tit: 1011796U ; Apr: BANCO BRADESCO S A ; VEN: 26/03/2015; Esp: Duplicata de Venda Mercantil por Indicação; Val: 2.556,50+Juros Legais; Emol.: 46,96. Prot: 133952; Dev: ROSELI CARDOSO LOPES - 040.520.389- 67; Ced: MONSTRINHO IND E COM DE CONFECCOES; Sac: MONSTRINHO IND E COM DE CONFECCOES; Tit: 4270 ; Apr: FCDL; VEN: 19/07/2013; Esp: Duplicata de Venda Mercantil por Indicação; Val: 139,74+Juros Legais; Emol.: 54,62. Sombrio - SC, 08/04/2015 ARLINDO EDÍLIO DA ROSA e doAdolescente e pleitear sua inscrição ao cargo de Conselheiro Tutelar, deverá pedir seu afastamento no ato da publicação deste edital. LEIA-SE: 2.4 – Os documentos necessários para inscrição do candidato são os seguintes: • Preenchimento da ficha de inscrição, emitida pela Presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e doAdolescente; • Folha de antecedentes criminais, emitida pelo Fórum da Comarca; • Declaração de idoneidade moral firmada de próprio punho; • Cópia do RG; • Cópia do CPF; • Cópia de documentos que prove residência no Município; • Ter idade superior a vinte e um anos; • Certidão de quitação eleitoral; • Cópia do certificado de conclusão do nível Médio (2º grau completo); • Uma foto 3x4, colorida; • Estar em pleno gozo das aptidões físicas e mental para o exercício do cargo de Conselheiro Tutelar, comprovada através de atestado médico; • Se o candidato for membro do Conselho dos Direitos da Criança e doAdolescente e pleitear sua inscrição ao cargo de Conselheiro Tutelar, deverá pedir seu afastamento no ato da publicação deste edital. Praia Grande, 07 de Abril de 2015. Claudia da Rosa Presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente- CMDCA
  17. 17. seus novos contratados e a comissão técnica. Na apresentação, a diretoria serviu uma de- liciosa paella a todos os atletas, comissão técni- ca e patrocinadores da equipe. “Além da base que mantivemos no ano passado, ainda contrata- mos novos jogadores esse ano para fortalecer ainda mais o grupo, e queremos brigar por mais um título para o nosso time”, frisou Marcelo Mandelli, presi- dente do Santa Cruz. O time estreia nes- te domingo na abertura diante do Bom Jesus, no Centro de Treinamento Emerson Almeida, no Mato Alto. Depois volta a jogar no dia 3 de maio, diante do São José, no estádio Manoel Gregório no bairro Santa Catarina. > ARARANGUÁ Tudo pronto, vai começar um dos campeonatos amadores mais fortes do sul. Neste domingo, com direito a cerimonial de abertura e pontapé inicial, começa o Campeonato Municipal deAraranguá com a parti- da entre o atual campeão Santa Cruz, do bairro Mato Alto, e Bom Jesus, que já conquistou esse título por várias vezes também. É o atual cam- peão da primeira divisão contra o atual campeão da segunda divisão. O Santa, como é co- nhecido em toda a região, vem forte para o campe- onato, quer conquistar mais um título e colocar mais um troféu em sua sede, no Bar Esporte. A diretoria já apresentou Municipal Quarta-feira, 8 de abril de 2015 ³ 27-30-48-57-67CONCURSO 3.757 QUINA 07/04 ³ 04-13-26-32-45-49 ³ 01-03-09-10-36-50 CONCURSO 1.374 DUPLA SENA 07/04 Santa vai em busca de mais um título começando neste domingo quando a equipe faz a abertura da competição Apresentação Elenco 2015 Santa Cruz pronto para brigar pelo bi Cleder Maciel Aterceira partida é no dia 17 de maio, também no Manoel Gregório, diante do União da Coloninha. Segue no dia 31 de maio, diante do Independente no estádio Manoel Mota e fechando sua participação na primeira fase de clas- sificação, joga também no estádio Manoel Mota, no dia 21 de junho, diante do Cruzeiro. Para o campeonato deste ano, permaneceram grandes jogadores como Foguinho, Gutierres, Ri- cardo Zeferino, Jean do 7, entre outros. Ainda no elenco para este campeo- nato,otimecontacom:Tia- go, Edilon, Marcio, Vame, Juliano, André Premoli, TiagoBarp, Peterson, Chi- quinho, Will, Eduardo, Everton Boff, Luiz Hen- rique, João Simon, André Mota e Lek. Os investimentos são grandes para que o time conquiste o título deste ano, e para isso a diretoria conta com patrocinadores para a contratação dos atletasedespesas.“Quere- mosaquiagradeceratodos os nossos patrocinadores e apoiadores que desde já se comprometeram em nos apoiar e estar junto com a equipe em todo o campeo- nato. Sem eles, não pode- ríamos fazer um grande time”, frisou Marcelo. Os patrocinadores do time neste campeonato são: S&S Bebidas, Cho- pp Colônia, Pisocon Ma- teriais de Construções, Ibase Informática, Nelso Agropecuária, Tornearia e Mecânica Januario, Ko- lina Chevrolet, Palácio das Cores, Rey dos Pneus, Luck Berg, Drogaria Mato Alto,RetíficaTeixeira,Fiat Napoly, Feirão dos Cal- çados, Gênios Veículos, Du Valle Imóveis, Casa Viva, Donizete Corretor de Imóveis, Lojas Adelino, Sucos Su Fresh, Café Bom Jesus, Big Bom Sorvetes, Schin, Girando Sol, Arcon e Bunge.
  18. 18. Publicidade18 Correio do Sul Quarta-feira, 8 de abril de 2015
  19. 19. > BELO HORIZONTE OC r u z e i r o v a i anunciar, até amanhã, a contratação do lateral-esquerdo Fabrício, que teve seu afastamento do Internacional anun- ciado nesta segunda-feira pela diretoria do clube gaúcho. Os valores e de- talhes do negócio, além do tempo de contrato, não foram divulgados. O joga- dor teve problemas com a torcida colorada, durante o jogo contra o Ypiranga, pelo Campeonato Gaúcho, na última quarta-feira, e deve chegar a Belo Hori- Política 19Correio do Sul Quarta-feira, 8 de abril de 2015 zonte nesta quarta para fazer exames médicos e assinar contrato.Adireção da equipe do Sul confir- mou, apenas, que recebeu sondagemdaRaposaeque o atleta será emprestado com direitos econômicos fixados. . Como vinha jogando normalmente pelo Inter- nacional, Fabrício não terá problemas em relação ao preparo físico. Ele será o quinto lateral-esquerdo no elenco do Cruzeiro. Mena, Gilson,ParáeBrenoLopes são os outros disponíveis para o setor. Pelo Interna- cional, o jogador atuou por 183jogosemarcou 16 gols. UmdiadepoisdeadeusaoInter, lateralFabrícioacertacomoCruzeiro > PORTO ALEGRE O treino do Grêmio na tarde desta terça-feira, na Arena, pouco serviu para indicar que jogadores en- trarãoemcamponaquinta, contra o Novo Hamburgo, às 19h30. O técnico Felipão fechouosportõesdoestádio para resguardar a escala- ção, que estava totalmente descaracterizada quando a imprensa teve acesso liberado. O jogo será válido pelas quartas de final do Comportõesfechados,Grêmiotreina eFelipãonãodápistassobretime Gauchão. O time tinha Marcelo Grohe; Ramiro, Rhodolfo, Pedro Geromel e Marcelo Hermes; Walace, Maicon, Fellipe Bastos, Douglas e Luan;YuriMamute.Braian Rodríguez, Giuliano, Mar- celo Oliveira, Matías Ro- dríguez, Erazo e Cristian Rodríguez não estavam no gramado no momento em que os jornalistas puderam observar o treino. QO trabalho teve sua maiorpartecomportõesfe- chados naArena. O técnico Felipãomantémomistério sobre a participação de Cristian Rodríguez, que treinou na segunda com o restante do elenco e pode ser utilizado na decisão com o Noia, na quinta. Luan é quem fica ameaça- do de deixar o time para o retorno de Cebolla. O técnico tem também duas dúvidas. A primeira é na defesa: Erazo e Pedro Geromel, que atuaram na última rodada, disputam a vaga ao lado de Rhodolfo, que foi poupado por estar pendurado - a tendência é porRhodolfoeGeromel.No ataque, Braian Rodríguez eYuri Mamute brigam por um lugar, com vantagem para o uruguaio. O provável time tem Marcelo Grohe; Matías, Rhodolfo, Geromel (Erazo) e Marcelo Oliveira; Rami- ro, Maicon, Giuliano, Dou- glas e Luan (Cristian Ro- dríguez);BraianRodríguez (Yuri Mamute). O elenco gremista volta a trabalhar nestaquarta-feira,àtarde, no CT Luiz Carvalho. É de doer Ver o Criciúma na situação que esta. Esse, na minha opinião, é um dos piores times que o clube teve em todos os tempos. Inacreditável como um time pode ser tão ruim assim, é de doer. Triste ver a situação doclube,ecadadiretorquevem,vempararoubarmaisemaisdinheiro. Entrampelaportadafrenteesaempeladosfundoscomosbolsoscheios e o time capenga ainda mais. Pelo amor de Deus, será que não estão vendo que nesse plantel são apenas uns 6 que servem para a série B? Ou será que irão continuar insistindonomesmoerroedeixarotimecairparaasérieCdoBrasileiro? Chega Luizinho ParticularmentegostodoLuizinhoVieira,umcaracorreto,umcara honesto e sério. Eu defendi ele, até pelo fato de ser jovem e ter feito bom trabalhonascategoriasdebasedotime.Claroqueeletemumtimeruim demais nas mãos, mas se já tem um time ruim com poucos jogadores que se aproveite, então que escale os que são menos ruins. Ele, porém, faz ao contrário. Em todos os jogos ele vem com desculpinhas, de que o time jogou bem e não mereceu perder. Exemplos Quero aqui parabenizar ao amigo Vitinho que hoje está jogando o Paulistão da série A3 pelo Barretos juntamente com o amigo Kanú. Na última sexta-feira realizaram entregas de ovos de páscoa as crianças do hospital de câncer e as crianças os presentearam com lindos sorrisos. Exemplos a serem seguidos, não tem preço que pague. Máster do Ermo ganha mais uma A equipe máster do Brasil de Ermo jogou mais um amistoso no sábadoquepassou.ApartidafoiemcasaeotimedeErmobateuomáster Santa Fé de Sombrio por 2 x 0. Os gols foram anotados por Toti Molha Coco e Roni Coelho. A equipe do Ermo jogou com: Nori, Bode, Jegue, Roni,Bafinho,Ratinho,Bocão,Espinho,TotiMolhaCoco,IagoeCanário. Ainda entraram na partida Cleiton, Lico e Morcego. O treinador foi o amigo Joacir, e o auxiliar foi o Pedro Canário. O árbitro foi o Marcinho e auxiliares Catuba e Ezequiel. No próximo sábado a equipe volta a jogar amistoso, também em casa, diante do máster da Gaivota. Juventude goleia Turimar OmásterdoJuventudedeAraranguáfoiatéoBalneárioGaivotano últimosábadoegoleouoTurimarpeloplacarde7x0.Depoisfoiservido uma deliciosa janta na casa do amigo Marcelo do Turimar. Esporte Cleder Maciel (48) 9900 3535 esportes@grupocorreiodosul.com.br https://www.facebook.com/cleder.maciel
  20. 20. QUARTA-FEIRA, 8 DE ABRIL DE 2015

×