Jornal digital 4566 sex 12-12-14

420 visualizações

Publicada em

Jornal Correio do Sul

Publicada em: Notícias e política
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
420
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Jornal digital 4566 sex 12-12-14

  1. 1. www.grupocorreiodosul.com.br ANO XXIV EDIÇÃO Nº 4.567SEXTAFEIRA, SÁBADO E DOMINGO, 12, 13 E 14 DE DEZEMBRO DE 2014 R$ 2,00Grupo28º21º Sol com muitas nuvens duran- te o dia. Períodos de nublado, com chuva a qualquer hora. Previsão para hoje Extremo Sul CatarinenseEducação encerra ano com inauguração GaivotaPágina4PolíticaMoreira diz que Dema vai para a SDRPressão2PáginaVende-se Terreno em Baln. Gaivota no Bairro Jardim Ultramar próx. á Escola Dar- ci Ribeiro. Aceito carro no negócio. Fone: (48) 99080293.3PáginaDocumentário mostra os dez anos da obraGeralDuplicação9PáginaBombeiros ampliam Operação Veraneio SegurançaPasso de Torres
  2. 2. PolíticaJarbas VieiraCORREIO DO SULSexta-feira, 12 de dezembro de 2014jarbas@grupocorreiodosul.com.br(48) 9966.5326 CHARGEPor: CAZO “O ano foi de muita economia, sem cortar gastos naquilo que é essencial para manter a máquina pública funcionando, por isso é motivo de satisfação poder adiantar o 13º salário aos nossos valorosos servidores”. Ele disse: ‘‘Prefeito de Jacinto Machado, Antônio de Fáveri (PT) Dema sai fortalecido de reunião com MoreiraUma ampla comitiva do PMDB, apoiada também por lideran- ças de outros partidos, esteve reunida ontem com o governador em exercício Eduardo Moreira (PMDB), para oficializar a indi- cação do empresário sombriense Ademir da Silva, o Dema, para o cargo de secretário de Desenvolvi- mento Regional, a partir de 2015. O grande número de prefeitos, vereadores e presidentes do par- tido serviu para mostrar a unidade da sigla em torno de Dema. O governador em exercício deixou todos bastante confiantes de que o cargo continuará com o PMDB. Segundo Moreira, em conversas tratadas antes da viagem de férias do governador licenciado Rai- mundo Colombo (PSD), o PMDB ficará com três das SDRs do Sul e o PSD com duas. As regionais de Criciúma e Araranguá ficariam No ano de 2011 uma das obras mais marcantes da ad- ministração municipal de Bal- neário Arroio do Silva foi a pavimentação da Avenida Flo- rianópolis, atualmente um dos principais acessos do município e cartão postal da cidade. Com a realização da obra a prefeitura municipal lançou o tributo da cobrança de contribuição de me- lhoria conforme determinam a Leis Municipais 29 e 32 de 2009. A cobrança foi questionada na justiça por proprietários de imó- veis, e, na última semana, o caso foi julgado pelo Juíz da 2ª Vara Cível da Comarca de Araranguá Cobrança de contribuição de melhoria é legal(48) 3522-3777EspaçoLideranças do DEM de todo o Estado estiveram reunidas em Florianópolis com o objetivo de discutir os espaços que o partido deve ocupar no segundo governo de Raimundo Colombo (PSD). De acordo com o coordenador regional do DEM, Janeo Margu- te, o partido tem interesse em pelo menos uma gerência da SDR de Araranguá. Outro fato importante no movimento pró Dema é a adesão de lideranças de outros partidos ao projeto. Na reunião de ontem, por exemplo, participaram o prefeito em exercício de Sombrio, Valmir Da- minelli (PPS), o presidente municipal do PDT Celso Rogério de Souza e o coordenador regional do DEM Janeo Margute. O prefeito de Passo de Torres, Juarez Godinho (DEM), também é favorável a indicação. “Som- brio e a região ganharão muito com Dema sendo secretário, por isso não mediremos esforços para que isso aconteça”, comenta Daminelli. Apoio suprapartidáriono qual decidiu que a cobrança de contribuição de melhoria é legal e o tributo é exigível. “Desde o início da cobrança do tributo da contribuição de melhoria houve algumas manifestações dos mora- dores que acreditavam que a co- brança do tributo não era legal. No entanto, a justiça decidiu pela legalidade da cobrança”, esclareceu o assessor jurídico da prefeitura, Dr. Carlos Satur- nino Soares Júnior. “A cobrança de contribuição de melhoria pode ser aplicada sempre que preencher os requisitos legais, como por exemplo, no caso da Avenida Florianópolis. Portanto, os contribuintes que tinham dúvidas quanto à legalidade da cobrança agora podem ficar tranquilos porque a prefeitura está agindo dentro da legalida- de.”, finaliza o assessor jurídico. com o PMDB enquanto que Bra- ço do Norte, região do deputado José Nei Ascari, estará com o PSD. Falta definir o comando das es- truturas de Tubarão e Laguna. “O governador em exercício nos deu 99% de certeza, mas ainda aguar- damos a posição do governador Colombo, após o retorno de sua viagem”, comentou Dema que sai mais fortalecido deste encontro. www.vitaanalise.lablaudo.com.br
  3. 3. a duplicação não terminou no governo Lula, termina- ria nos primeiros meses do seu governo. Foi mais uma promessa não cumprida. Em 2015, os gaúchos que todo ano invadem as praias catarinenses ainda não terão ‘férias tranquilas’ na estrada, como anunciou Lula em 2004. Mas férias é a menor das preocupações dos em- presários e da população catarinense. Os alunos ouviram o presidente da Federação das Indústrias de San- ta Catarina Glauco José Côrte, que falou das con- sequências sobre o atraso nas obras da duplicação: retardamento do desenvol- vimento do sul do estado e encarecimento do custo dos produtos, entre outros. “Há dez anos os motoristas convivem com mudanças na rodovia e os gargalos não foram todos resolvidos”, critica Côrte. Hoje, dezembro de 2014, os problemas se con- centram principalmente em dois pontos: no Morro dos Cavalos e na ponte de Laguna. Pelo menos por mais uma temporada de verão, os turistas não irão se livrar dos congestiona- mentos. O custo do atraso, de acordo com o presidente da Fiesc, é bilionário: “Até o fi nal de 2013 Santa Cata- rina deixou de ganhar R$ 35 bilhões em virtude das obras da duplicação”, ava- lia, atualizando dados de um estudo divulgado pela Unisul em março de 2013, que estimava o impacto econômico do atraso das obras em R$ 32,5 bilhões. As máquinas para du- plicação do trecho sul da BR 101 foram vistas pela Geral 3CORREIO DO SULSexta-feira, 12 de dezembro de 2014Gargalos continuam ARARANGUÁ Na tarde de ontem, os vereadores Ozair da Silva, o Banha, e Adair Jordão acompanharam a revi- talização que está sendo realizada em alguns pontos da BR 101 em Araranguá. Profi ssionais da empresa Castellar, contratada pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Trans- portes (Dnit) começaram a colocar guard-rails na pon- te de acesso ao município e iniciaram uma restauração na estrutura. De acordo com o chefe da equipe que está atuan- do no local, Sérgio Neves, mais melhorias serão re- alizadas até a próxima semana. “Faremos pintura e limpeza até a semana que vem. Estamos fazendo esse trabalho de Criciúma a Torres”, contou Neves, que explicou que serão, no total, 85 quilômetros revitalizados. Na cidade, trechos próximos ao Ferro Velho Tá na Mão e à locali- dade de Curva do Carneiro também deverão receber as melhorias. No dia 22, às 9 horas, representantes de empre- sários, da câmara e da pre- feitura vão se reunir nova- mente com o engenheiro do Dnit Robson Medeiros de Oliveira para discutir os próximos passos com relação à revitalização dos trechos antigo e novo da BR101. “A ideia, na pró- xima visita do engenheiro, é que possamos verificar in loco o trecho”, explicou Banha. O profissional ficou encarregado de verificar que melhorias podem ser realizadas imediatamente, o que será realizado por meio do Programa BR- -Legal (iniciativa focada na implantação e manutenção de sinalização e outras ações de segurança do trânsito) e o que precisará ser licitado. Dnit está melhorando trechos da BR 101Da redação REGIÃO O mês e o ano eram dezembro de 2004. O presidente da República era Luís Inácio Lula da Silva. O local, Torres, no Rio Grande do Sul, cidade vizinha a nossa região. Foi ali que Lula disse, depois de assinar a ordem de serviço que enfim daria início a duplicação da BR 101: “Va- mos cumprir o cronograma e inaugurar esta obra em 2008, para que vocês pos- sam sair de férias tranqui- lamente”. É a fala de Lula que abre o documentário BR-101: uma década de esperança, produzido pelos acadêmicos da oitava fase do curso de Jornalismo da Faculdade Satc, de Criciú- ma. No vídeo de 14 minutos os estudantes fazem um re- sumo dos dez anos de obras na principal rodovia da região. Também conhecida até então como a rodovia da morte, a BR 101 demorou a deixar de matar, ou melhor, a começar a matar menos. O documentário mostra diversas cenas de acidentes trágicos, com vítimas fatais. Até 2013, o trecho entre Araranguá e Sombrio ain- da era considerado o mais perigoso do estado. Em 16 meses, entre 2012 e 2013, quando a obra deveria estar concluída há pelo menos cinco anos, foram registra- dos 535 acidentes entre Araranguá e Sombrio, com 426 feridos e 11 mortes. Um discurso da presi- dente Dilma também é exi- bido, quando ela diz que se BR 101:Uma década de esperançaDocumentário lembra os dez anos da assinatura da ordem de serviço para a duplicação. Em dezembro de 2004 Lula prometeu inauguração para 2008 Vida e Morte Trabalhadores instalam proteção na ponte Depois de muito impasse e atraso, duplicação foi concluída, mas gera queixaprimeira em janeiro de 2005. A partir dali o an- damento foi aos trancos e barrancos, especialmente no lote 29, compreendido entre Sombrio e Araran- guá. Enquanto isso, as mor- tes continuavam. Nos anos de 2010, 2011 e 2012, foram 343 óbitos em hospitais de- correntes de acidentes na 101. Os dados são dos Ins- titutos Médico Legal (IML) de Criciúma, Araranguá e Tubarão. O trabalho dos aca- dêmicos de jornalismo da Satc teve a orientação da professora Marli Vitali, da disciplina de Práticas em Laboratório, e do professor Lucas Borges, da disciplina de Jornalismo e Mercado. O documentário BR 101: Uma década de espe- rança pode ser visto no site www.grupocorreiodosul. com.br e no facebook do Grupo Correio do Sul.
  4. 4. Educação Rosinéa Alves Ferreira. Para o prefeito Ro- naldo Pereira da Silva, a obra vem de encontro ao propósito do governo municipal de proporcionar mais qualidade de vida as pessoas.“As nossas ações são para dar mais qualida- de de vida aos gaivotenses, este é o nosso objetivo. Com esta melhoria na creche, as crianças recebem um local mais confortável, pois além das salas novas todo o pré- dio foi reformado” destacou. Também foram entre- gues novos equipamentos para as salas de aulas, como televisores, tapetes de EVA e outros materiais. Segundo a coordena- dora da creche, Kelly Cris- tina, este era uma anseio desde a abertura do local há mais de oito anos, pois sempre apresentou pro- blemas que nunca foram sanados. “Isto é a realiza- ção de um sonho, tanto da para quem trabalha todos os dias aqui quanto para as famílias” agradeceu. Na avaliação da se- cretária Rosinea, 2014 foi um ano de realizações para o setor educacional de Balneário Gaivota. Ela cita a construção de uma quadra coberta na loca- lidade de Rua Nova, que deve estar concluída em maio e a aquisição de 200 conjuntos de carteiras e cadeiras para alunos da escola Darcy Ribeiro, apropriados ao tamanho das crianças e adolescen- tes. Os CEIs também ga- nharam mobiliário novo, principalmente para as Geral4CORREIO DO SULSexta-feira, 12 de dezembro de 2014 Prefeito Ronaldo, secretária Néia, vice Terri , presidente da câmara Dinei e funcionários na solenidadeDa redaçãoAinda estão por vir Creche no verão Néia também aponta uma vitória da educação que por motivos alheios ao município não saiu do papel este ano. Balneário Gaivota foi contemplado com uma creche modelo do Ministério da Educação, mas a empresa que venceu a licitação para executar o projeto que tem um padrão nacional, não apareceu para realizar a obra. “O prefeito já solicitou ao MEC que o município pos- sa licitar aqui esta obra”, informa. O prédio que vai atender mais de cem crian- ças será construído em seis terrenos adquiridos e pagos pela prefeitura – R$ Mais uma vez uma creche fi cará aberta du- rante todo o verão para atender os pais que tra- balham. Como muitos pais também pegam férias neste período, as crianças são atendidas em um úni- co local, na creche Estre- Educação comemora conquistasInauguração de ampliação e reforma de creche fecha 2014 com chave de ouro, avalia secretária, listando os avanços obtidos durante este ano Um bom ano BALNEÁRIO GAIVOTA A manhã desta quinta-feira foi de inauguração na comu- nidade de Lagoa de Fora em Balneário Gaivota. Foram construídas mais duas salas de aula para melhorar a estrutura de atendimento no Centro de Educação Infantil Pingo de Gente. Além das salas novas, o prédio recebeu uma reforma geral, desde se- cretaria, banheiros e a cozinha, que foi totalmen- te reconstruída. “A cre- che foi toda readequada, melhorando em muito o ambiente de trabalho e atendimento as crianças”, comenta a secretária de Pais acompanharam a inauguração da melhoriaVende-se casa entre o bairro Sanga da Toca e Mor- ro do Soares. C/ 03 quartos, cozinha e sala ampla e garagem. Terreno medindo 13.80x35.00. C/ fundação para casa de 02 pisos, toda murada. Valor R$60.000,00 à vista ou R$ 45.000,00 de entrada e 20 par- celas de R$1.000,00. Fone: (48) 88005341 / 91768999(Tim) 120mil- no bairro Itapuã. Outra obra confi rma- da é a ampliação da escola Darcy Ribeiro, a maior da rede municipal. Serão R$ 700 mil investidos na construção de uma sala dos professores maior, sala de informática e biblioteca, além de mais quatro salas de aula. A Darcy Ribeiro, loca- lizada no Jardim Ultra- mar, possui mais de 600 alunos e a quantidade de matrículas não para de crescer. “Em 2015 teremos três turmas de primeiro ano e mesmo assim te- mos fi la de espera”, diz a secretária. linha do Mar, que funcio- nará também aos fi nais de semana das 6h30min às 18h45mim. Para deixar a criança a família terá que comprovar que está traba- lhando e somente poderá ocupar a creche durante o horário de trabalho. cozinhas. A frota escolar teve renovação de 70%. Um ônibus foi comprado por recursos próprios do município por R$ 209 mil e outros dois foram conquistados através de parcerias, e todos os estu- dantes da rede municipal receberam uniforme.
  5. 5. PolíticaRolando Christian CoelhoGeral5CORREIO DO SULSexta-feira, 12 de dezembro de 2014PMDB catarinense tem se de- dicado nos últimos dias a postular a maior quantidade possível de cargos no pri- meiro e segundo escalão do governo de Raimundo Colombo (PSD). Como parte da estratégia, o partido tem feito sistemáticas reuniões de foro interno, como também com o governador, na tentativa de chegar a um denominador comum. O principal emissário da sigla junto a Colombo é o vice-governador Eduardo Pinho Moreira (PMDB), que tem travado uma ver- dadeira queda de braço especialmente com o PSD, que também está de olho nas princi- pais Secretarias de Estado. Neste contexto, Moreira tem trabalhado o nome do prefeito de Turvo, Ronaldo Carlessi (PMDB), para compor o primeiro escalão. As especulações iniciais davam conta de que ele poderia ser convidado para presidir a Celesc, estatal que ainda conta com a franca influência do vice-governador. Para isto, no entanto, seria necessário realocar o atual presidente, Cle- verson Siewert, que é indicado pelo PMDB, para uma secretaria importante, de modo a fazer jus a seu prestígio. Moreira trabalha nome de CarlessiColombo já havia levantado a possibi- lidade de Cleverson ocupar a Secretaria da Saúde. Chegou a dizer que ele seria um dos poucos a conseguir dar voltar no setor, que é o principal foco das críticas ao Governo do Estado. Com o andar da carruagem, porém, esta secretaria acabou ficando longe das pretensões do PMDB, já que o partido co- meçou a postular outras pastas relevantes, como a Agricultura, Infraestrutura, Desen- volvimento, Justiça e Cidadania, Casan e a manutenção da Celesc. Todos os espaços reivindicados pelo PMDB já têm nomes indicados, com exceção da Infraestrutura. Nomes para ela não fal- tam. Aliás, metade do PMDB a quer. Todavia, como Cleverson Siewert deve permanecer na Celesc, Eduardo Moreira tem tentado emplacar o nome de Ronaldo Carlessi nesta pasta. Para Raimundo Colombo nada poderia ser melhor. É que os demais nomes de peso do PMDB têm interesse direto no pleito estadual de 2018, a exemplo do deputado federal Mauro Mariani e do estadual Valdir Cobalchini. Nomeá-los para a Infraestrutura seria o mesmo que jogar contra os interesses futuros do PSD. Prazo para o PRCandidato a deputado estadual pelo PR este ano, empresário Eder Matos diz que dará prazo até o próximo dia 15 para que o partido, em nível estadual, se mani- feste em relação as suas pretensões junto ao Governo do Estado. Na prática, Eder quer saber se o PR terá de fato espaço no segundo governo de Raimundo Colombo, conforme era alardeado pelo deputado fe- deral Jorginho Melo (PR) durante a cam- panha. O partido elegeu dois deputados estaduais. Outros trinta que concorreram a Assembleia Legislativa, todos fazendo dobradinha com Jorginho, mal receberam uma ligação de agradecimento, o que dá a entender que dificilmente serão valori- zados com cargos no governo. Comin escapouSaiu barato o fato do deputado esta- dual Valmir Comin (PR) ter impresso uma revista de prestação de contas na gráfica da Assembleia Legislativa e a distribuído durante sua campanha eleitoral. A atitu- de, que poderia ter custado a cassação do registro de candidatura de Comin, acabou restando em uma multa de R$ 5.320,00, nada mais. Em seu pronunciamento, o TRE, que julgou o caso, disse que a revista foi impressa no dia 27 de junho, portanto, fora do prazo da campanha propriamente dita, que começou no mês seguinte. Além disto, os dez mil exemplares impressos também foram considerados insuficientes para impactar decisivamente no resultado da eleição. Em defesa de DemaComitiva liderada por caciques do PMDB de nossa região se reuniu ontem com o vice-governador Eduardo Moreira (PMDB), que está exercendo a governado- ria do Estado durante licença de Raimundo Colombo (PSD). Junto a líderes do DEM, os peemedebistas foram oficializar a indica- ção do empresário sombriense Ademir da Silva, o Dema, para ocupar o comando da Secretaria do Desenvolvimento Regional de Araranguá a partir do próximo ano. De acordo com Moreira, a SDR de nossa região está cem por cento garantida ao PMDB. “Agora que o nome foi escolhido, basta esperarmos o governador assinar a nomeação”, disse Moreira. Paredes do Centro já tomam formaConvivência ARARANGUÁ A construção do Cen- tro de Convivên- cia da Terceira Idade de Araranguá está em ritmo acelerado. Após a conclusão das fundações de concreto começaram a ser edifi cadas as paredes em alvenaria. A obra iniciou em julho e con- forme estabelece o contrato deve fi car pronta, no máxi- mo, até julho de 2015. Os trabalhos são executados pela Tecnoaço Construções e Estruturas Metálicas, empresa araranguaense que venceu a licitação. Localizado na esquina da avenida 15 de Novem- bro, com a rua Alfredo Pessi, em frente ao Cam- pus de Araranguá do Ins- tituto Federal de Santa Catarina (IFSC), o prédio prevê investimentos de R$ 1.415.575,86. Desse montante, 1.115.575,86 são aplicados pela prefeitura de Araranguá, enquanto o saldo de R$ 300 mil provém de uma emenda parlamen- tar assinada pelo deputado federal Jorge Boeira. “Este será o maior centro de con- vivência do gênero no sul de Santa Catarina. Vamos proporcionar maior espaço e infraestrutura para que mais pessoas acima dos 60 anos possam participar de atividades recreativas, de integração, de esporte e lazer promovidas pelo município. Enfim, elas terão mas apoio na busca pela qualidade de vida”, destaca o prefeito de Ara- ranguá, Sandro Roberto Maciel. Mesmo satisfeito com o estágio das obras, o pre- feito solicitou ao proprietá- rio da Tecnoaço, Ronaldo Koch, que seja viabilizada a antecipação do prazo de inauguração do local para o dia 3 de abril, data do ani- versário de emancipação político administrativa do município. O Centro de Convivên- cia terá centro multiuso, salão, secretaria, setor para atividades de recre- ação, lazer, cursos e reuni- ões, mais copa e sanitários. Uma das entidades que utilizará a estrutura é o Centro Integrado de Atividades Recreativas da Terceira Idade (Ciarti), que mobiliza mais de mil idosos com idade a partir de 60 anos através de atividades desenvolvidas pela Secre- taria Municipal de Assis- tência Social e Habitação. Da redaçãoPrédio da terceira idade começou a ser construído em julho e meta é que seja um presente no aniversário ao município Obra do centro começa a tomar forma e pode estar concluída em abril de 2015PSB de olho no PRPor conta do descontentamento dos candidatos que concorreram pelo PR à As- sembleia Legislativa, empresário criciumense Henrique Salvaro, que comanda o PSB no Sul do Estado, tem entrado em contato com eles convidando-os a ingressar em sua sigla. Eder Matos foi um dos que foi contatado com este fim. “De fato pode ser uma alternativa, mas primeiro vou esperar um posicionamento do PR. Não estou na política por cargos, mas temos companheiros que precisam ser valorizados, até para que possam mostrar seu potencial. Além disto, se o PR quiser crescer, terá que ocupar espaços, ou pelo menos terá que lutar por eles, coisa que não tem acontecido”, comenta.
  6. 6. Fundado em 5 de Junho de 1990 - Dia Mundial do Meio AmbienteJornalista Rolando Christian Sant’ Helena Coelho - Fundador Jornal Correio do SulPublicações legais: Tomaz Fonseca Selaul48l 9985.8573tomaz@grupocorreiodosul.com.brFinanceiroJoice Ramosl48l 8802.5883fi nanceiro@grupocorreiodosul.com.brComercial: Igor Borgesl48l 9968.6084comercial@grupocorreiodosul.com.brDiretor GeralJabson Mullerl48l 9955.5313jabsonmuller@grupocorreiodosul.com.brDiagramação/Arte: Cristian Mellol48l 3533-0870correiodosul@grupocorreiodosul.com.brSul Gráfi caJunior Mullerl48l 9931.4716sulgrafi ca@grupocorreiodosul.com.brRedação: Marivânia Fariasl48l 9995.9290editor@grupocorreiodosul.com.brPolítica: Jarbas Vieiral48l 9966.5326jarbas@grupocorreiodosul.com.brRadio 93FMCássia Pachecol48l 9912.9588radio93fm@grupocorreiodosul.com.brCirculação/Assinatural48l 3533.0870assinaturas@grupocorreiodosul.com.brRua João José Guimarães,176, Centro - Sombrio/SC - Fone: (48) 3533 0870Editora: J. R. Pereira - ME CNPJ 17.467.695/0001-19C.S. Empresa Jornalística LTDA. Geral6CORREIO DO SULSexta-feira, 12 de dezembro de 2014Entregas em SOMBRIO e BALNEÁRIO GAIVOTA - Fones: 35330492 - 96402298Casa da Árvore PizzariaPizza e Refeições entregues em sua residência. Pizza de todos os sabores, lasanhas e bife a parmegiana. Um balanço da Educação de SCPeloEstadoO secretário de Estado da Educação, Eduardo Deschamps, apresentou o balanço de 2014 da educação pública estadual. As 1.097 escolas da rede atenderam este ano 547.119 alunos. Entre as ações apresenta- das, cinco foram destaques: atualização da Proposta Curricular, que contou com a interação com mais de 100 mil profissionais da educação e irá movi- mentar as escolas em 2015; o Programa Estadual Novas Oportunidades de Aprendizagem (PENOA), que reforçou o estudo de 16,7 mil alunos de 1.038 turmas; o novo processo de seleção de diretor, agora por meio de escolha de Plano de Gestão Escolar; o Cartão de Pagamento do Estado de Santa Cata- rina (CPESC), que contribuiu com pequenos reparos de 1.076 escolas com investimento de R$ 6,72 milhões; e o Plano Estadual de Educação (PEE), em fase de finalização. “Finalizamos o ano com muitos avanços na área educa- cional, mas muito ainda deve ser feito. Temos a descompactação da carreira do magistério, a aprovação do PEE, dar encaminhamos na reforma de esco- las, ampliar a formação dos professores. Com certeza foi um ano produti- vo”, comenta Deschamps. Em 2014, todos os professores da rede receberam aumento salarial de 8%, valor do aumento do piso nacional do magistério. Os professores também ganharam um incentivo a mais para se qualificarem com a licença remunerada para cursar pós-graduação. Bruxa à solta 1 Três notícias fortes em relação a prefeitos mexeram com o mun- do político catarinense nos últimos dias. A última delas foi a renúncia do prefeito de Biguaçu José Castelo Deschamps (PP) por problemas de saúde. No entanto, uma derrota na Câmara de Vereadores tam- bém motivou o prefeito a enviar a carta de renúncia. Ontem, o vice-prefeito Ramon Wollinger (PSDB) assumiu o comando do município. Bruxa à solta 2 Na última semana, o pre- feito de Lages, Elizeu Mattos (PMDB), foi preso por suposto envolvimento em improbidade administrativa. Seu moto- rista foi flagrado há algumas semanas recebendo recursos de uma empresa. A outra notícia pesada foi a morte do pre- feito de Romelândia, Elizio Rodrigues da Fonseca (PSD), no dia 2 de novem- bro. Ele estava com depressão. Cancelamento de multa O Tribunal de Contas do Estado (TCE) cancelou uma multa de R$ 1 mil que aplicou ao depu- tado Paulo Bornhausen (PSB-SC) quando era secretário do Desenvolvimento Eco- nômico Sustentável. Ao analisar o recurso ao processo referente a um convênio entre a secretaria e a Fundação Getúlio Vargas, no valor de R$ 650 mil, o TCE entendeu que não houve nenhuma irregularidade na contratação. Durante a campanha para o Senado, Dário Berger (PMDB) atacou Bornhausen por conta do tema. Livro Será lançado na sexta-feira (12) o livro que conta a história de vida de Osni Régis, advogado, jurista, ex-prefeito de Lages, deputado estadual e federal. Sua importância para Santa Catarina e para a política catarinense é tanta que ele dá nome ao Plenário da Assembleia Legis- lativa. O evento será na sede do Minis- tério Público do Estado e o livro é uma iniciativa da Academia Catarinense de Letras Jurídicas. Andréa Leonora e Nícola Martins 'lorianÓQolis �� '12Dez14Mais de 84 mil alunos rede pública estadual, municipal e algumas escolas particulares, da 5ª série do Ensino Fundamental, de 256 municípios, passaram pelo Proerd este ano. O programa tem feito a cabeça dos adolescentes contra as drogas. Deputado Ismael dos Santos (PSD), valorizando da Tribuna da Assembleia o Programa Educacional de Resistência às Drogas (Proerd), que é um sucesso em Santa Catarina. “ ” Paraondevão? A deputada Luciane Carminatti (PT) usou a Tribu- na da Assembleia Legislativa ontem para fazer um apelo à Secretaria de Estado da Segurança Pública: maior policiamento no interior do estado durante o verão. Segundo ela, há informações de deslocamen- to de cerca de 8,4 mil policiais do interior para outros municípios com o objetivo de ajudar no policiamen- to. “Estamos preocupados porque Chapecó é a cida- de com maior número de homicídios, já são 52 em 2014. Esse crescimento da criminalidade nos assusta, imagine se perdermos mais policiais e bombeiros no verão! Queremos garan- tir a segurança e queremos maior transparência na divulgação dos números para que possamos fazer um debate mais sério.” A deputada solicitou infor- mações para saber quais serão os municípios prejudicados pelo deslocamen- to de efetivo e quantos serão removidos de cada cidade. Divulgação/AgênciaAL
  7. 7. Geral7CORREIO DO SULSexta-feira, 12 de dezembro de 2014Valdinei Nichele Nada de descanso: Papai Noel e comércio trabalham muito Fiscais se posicionaram na avenida de olho no transporte de carga REGIÃO A presença de uma via- tura da Secretaria de Estado da Fazenda nas proximida- des do Complexo Esportivo Antônio Sant’Helena, na avenida Papa João XXIII, chamou a atenção de muitos motoristas sombrienses na tarde de ontem. Auditores paravam veículos de carga para verifi car a existência de irregularidades no transpor- te de mercadorias. Não somente Sombrio, mas vários municípios do ex- tremo sul catarinense foram visitados durante esta quin- ta-feira por auditores fi scais da 15ª Região de Araranguá da Secretaria de Estado da Fazenda, que realizavam blitz surpresa para fi scalização do transporte de mercadorias. “É um trabalho de rotina, que frequentemente é feito com o intuito de verifi car a docu- mentação necessária para o transporte de mercadorias”, informou um dos auditores. Segundo ele, os municí- pios de Araranguá, Balneário Gaivota e Sombrio já haviam recebido a fiscalização, en- quanto Ermo, Turvo e Meleiro ainda seriam visitados pelos servidores da Fazenda esta- dual. Os veículos abordados que não estava com a documenta- ção em ordem receberam um termo de verifi cação e poste- riormente o transportador ou a empresa recebem notifi cação relativa à infração. Fazenda de olho no transporte de mercadoriasA partir deste final de semana, em todos os municípios as lojas estendem seu horário de funcionamento, muitas abrindo até às 22 horas REGIÃOO Sindicato dos Comerci- ários divulgou ontem o horário especial de Natal para o comércio. Dos 15 municípios da região, 11 sob abrangência do sindicato, quatro possuem horário diferenciado entre comércio vare- jista e supermercadista. Conforme o presidente da ins- tituição, Joelcio Cesar dos Santos, Começa a maratona do comércioHaja fôlegoas negociações são importantes para o trabalhador. “O acordo garante direitos e evita que os patrões se esquivem deles”, diz. Entre os benefícios deste ano, foi mantido o comércio fechado durante o feriado de carnaval (17/2/2015), garantidas duas ho- ras para o comerciário poder fazer suas compras de natal e refeição adequada ao funcionário que trabalhar em horário estendido. Araranguá13 – Sábado - das 8h às 17h14 e 21–Domingo -das 17h às 22h15 a 23 - Das 8h às 22h20 – Sábado - 8h às 20h24 e 31 - Das 8h às 17hSupermercados 21 – Domingo -até às 21h22 e 23 -Facultativo abertura até às 23h24 e 31 - até às 18hArroio do Silva14 e 21–Domingo- das 17h às 22h15 a 23 - das 8h às 22h24 e 31 - das 8h às 17h Balneário Gaivota 14 e 21 – Domingo -das 14h às 21h15 a 23 - até às 21h24 e 31- até às 17h. Jacinto Machado13 e 20 – Sábado - das 8h às 17h15 a 23 - Das 8h às 20h21- Domingo - Das 16h às 19h24 e 31- Das 8h às 17hMaracajá 15 a 23 - Das 8h às 20h20, 24 e 31 – Das 8h às 17hMeleiro13, 20 e 24- Das 8h às 17h15 a 23 - Das 8h às 20h31- Das 8h às 15hNão abrirá aos domingos. Praia Grande15 a 19 - Das 8h às 20h 20 – Sábado - das 8h às 18h21 – Domingo - das 15h às 20h22 e 23 - Das 8h às 21h24 - Das 8h às 17h31 - Das 8h às 16h Santa Rosa do Sul 13 e 20 – Sábado - das 8h30min às 18h14 e 21 – Domingo - das 17h às 22h15 a 23 - Das 8h30min às 22h24 - Das 8h30min às 17h31 - Das 8h30min às 17h São João do Sul13 – Sábado - das 8h às 18h15 a 19 - Das 8h às 20h20 – Sábado - das 8h às 17h21 – Domingo -das 16h às 21h22 e 23 - Das 8h às 21h24 - das 8h às 17h Sombrio 13 – Sábado - das 8h30min às 18h14 e 21– Domingo -das 17h às 22h15 a 23 - Das 8h30min às 22h20/12 -Sábado - das 8h30min às 22h24 - Das 8h30min às 17h31 - Das 8h30min às 13hSupermercados21 – Domingo - até às 21h22 e 23 - Das 8h às 22h24 - Até às 18h31 – Até às 17hTurvo 13 e 20 – Sábado - das 8h às 17h15 a 19 - Das 8h às 20h 21 – Domingo - das 16h às 21h22 e 23 - Das 8h às 21h24 e 31 - Das 8h às 17hTrabalhadores terão • A jornada extraordinária de trabalho será remunerada com o adicional de 60% de segunda a sábado, e 100% aos domingos. • Lanche gratuito após as 18h, com 30 minutos para esta refeição. • Estudantes e gestantes serão dispensados do horário extraordinário, se assim desejarem. • Cada empregado terá direito, até o dia 24, a duas horas de dispensa para suas compras. • Folga de um ou dois dias foram garantidas e serão dadas de acordo com cada negociação
  8. 8. EntretenimentoNovelas - Horóscopo - DiversãoCruzadinhaNovelasBoogie oogie - 18hAlto Astral - 19hImpério - 21hTina despista Laura e afirma não saber quem é o homem na foto. Caíque tem visões durante o coquetel. Heitor diz a Gaby que Suzana está inventando calúnias contra seu pai. Laura comenta com Bia sua desconfiança de que Tina é sua mãe. Marcelo e Maria Inês são fotografados durante o coquetel beneficente de mãos dadas. Maria Inês comenta com Escobar que acha que Ricardo percebeu o clima entre ela e Marcelo. Beatriz tem um mau pressentimento. Artur avisa a Beatriz sobre o acidente de Vitória. Vitória conta para Beto o que descobriu sobre Carlota e Ivan. Beatriz comenta com o médico sobre a suposta doença da filha, e Vitória entra em pânico. Vitória foge do hospital com a ajuda de Beto. Serginho conta para Rodrigo que Gilda está morando com Mário. Beto exige que Carlota lhe revele o seu segredo. Maria Marta ouve a conversa entre João Lucas e José Alfredo e comemora ao saber que o Comendador não pode mais ter filhos. Robertão tenta consolar Maria Isis. Cora decide procurar José Alfredo. Arnoldão se insinua para Juju. Felipe é autoritário com a equipe. Luigi e Antônio se irritam. Érika não consegue uma declaração de Cláudio para Téo. O blogueiro decide inventar uma notícia sobre o escândalo no restaurante. RapidinhasCORREIO DO SUL Sexta-feira, 12 de dezembro de 2014Áries21/03 a 20/0421/04Um belo momento para atividades criativas, educacionais e recreativas. Tendência a se sentir mais con ante e expansivo, o que atrai oportunidades. Um momento muito signi cativo para o contato com crianças e jovens, ariano. Leão21/07 a 20/0821/08Sagitário21/11 a 20/1221/12Você vem passando por um período afortunado, sagitariano. Agora acredita mais em si e atrai boas oportunidades. A ale- gria, juntamente com a responsabilidade, leva a conquistas positivas. Gêmeos21/05 a 20/0621/06Muito a aprender e a compartilhar com as pessoas, geminia- no. Excelente momento para desenvolver relacionamentos e parcerias. Importância do resultado de suas associações no plano emocional e nanceiro. Libra21/09 a 20/1021/10É hora de cuidar dos interesses ligados à casa e família. Necessidade de estar mais centrado e seguro emocio- nalmente. Cuidado com a tendência a repetir velhos padrões de atitude. Aquário21/01 a 18/0221/02Importantes re exões sobre os seus relacionamentos e parcerias, aquariano. Um dia que promove uma re exão sobre o modo como está agindo emocionalmente. Sente mais necessidade de re exão e de interiorização. Touro21/04 a 20/0521/05Benefícios associados a uma atitude responsável e madura, tau- rino. Momento de ter os pés no chão, mas não deixar de sonhar e de planejar. Uma fase que pode ser de muita prosperidade e abundância aos taurinos. Virgem21/08 a 20/0921/09Uma fase positiva para estar mais consciente de seus senti- mentos. Atividades criativas e recreativas estão favorecidas agora. Momento signi cativo para re etir sobre o modo como age emocionalmente. Capricórnio21/12 a 20/0121/01Hora de re etir sobre os seus valores emocionais mais importantes. Uma nova etapa de desenvolvimento emo- cional está ocorrendo. É hora de agir com experiência, pro ssionalismo e maturidade. Câncer21/06 a 20/0721/07Um dia muito favorável às nanças e aos relacionamentos cancerianos. Hora de aprimorar as suas atitudes e hábitos no cotidiano. Momento importante para cuidar da saúde e praticar esportes. Escorpião21/10 a 20/1121/11A capacidade de estabelecer contato e negociação está enfatizada. Os relacionamentos pedem uma atitude mais madura e coerente. Momento positivo para estudos e ativi- dades ligadas ao conhecimento. Peixes19/02 a 20/0319/03Uma fase oportuna para estabelecer contatos com empre- sas e organizações. O trabalho em equipe está favorecido nesse momento. É hora de inovar, mas com consciência e maturidade. HoróscopoExpandir horizontes e agir com responsabilidade é o desa o leonino. Dia em que é importante re etir sobre o que é necessário aprimorar no trabalho e na saúde. O momento é oportuno para ampliar perspectivas e abrir a mentalidade. Marisete de Faveri, a mãe de Andressa Urach, deu uma entrevista exclusiva a Thiago Rocha, que trabalha ao lado da loira no Muito Show, da Rede TV!. Tímida e reservada, ela se emocionou ao revelar detalhes do período difícil em que Andressa Urach ficou entubada na Unidade Tratamento Intensivo (UTI) do Hospital Conceição, onde está internada em Porto Alegre. “Não é fácil ver sua filha cheia de tubos. Ela que está sempre correndo. Se eu não tivesse os médicos e enfermeiros, eu não teria aguentado”. “Ela teve uma infecção muito forte, não está 100%. Não tem previsão de alta. Só quem está lá dentro sabe. É um passo de cada vez, a recuperação é lenta. Os médicos querem que ela saia curada. Foi um milagre, a pressão dela estava 7 por 3. Tenho certeza que foi Jesus que salvou minha filha”, complementou dona Mari- sete, que ainda confessou ter, em determinado momento, achado que Andressa não resistia à infecção. “Achei que ela não resistiria. Peço perdão à Deus, pois ele é a minha força. Só que teve um momento que fiquei com muito medo, pois a in- fecção estava tomando conta do sangue dela”. Marisete também relembrou o momento em que Andressa apresentou melhoras signifi- cativas, acordando do coma, e deu detalhes do atual estado da apresentadora. “O dia que eu a vi sem aparelho, parecia que eu tinha nascido de novo. Toda mãe sabe o que é isso. Os mé- dicos dizem que não tem previsão de alta. Ela está na UTI, mas está lúcida, se alimentando. É claro que tem dias que ela tem altos e baixos. Eu tenho absoluta certeza, pela minha fé, que ela vai sair dali. Eles estão fazendo fisioterapia, pois ela fica muito tempo sentada”. E ainda esclareceu se Andressa ficará com marcas na perna. “Ela vai ter cicatriz, pois quando o Dr. Júlio drenou, ela já tinha cicatriz”, afirmou.
  9. 9. Segurança9CORREIO DO SULSexta-feira, 12 de dezembro de 2014Mais segurançaGrupamento está sediado em Bellatorres e contará com pontos de guarnição em Praia Grande e São João, além das praias de Passo e Lagoa da TaperaValdinei NicheleA postos Ford Ranger vai voltar para o proprietário Sede dos bombeiros de Passo de Torres tem boa estrutura, mas não é própria PASSO DE TORRES A região coberta pelo 2º Grupamento de Bombeiro Militar de Passo de Torres vai contar com ainda mais pontos de guar- nição durante a Opera- ção Veraneio. Além dos 11 pontos em praias e lagoas do município, serão dispo- nibilizados guarda-vidas também em São João do Sul e Praia Grande, vi- sando evitar que áreas de banho com grande movi- mento de pessoas fi quem desguarnecidas durante a alta temporada. Sob o comando do sar- gento Gomes, o 2º Grupa- mento de Bombeiro Mi- litar de Passo de Torres está preparado para a temporada, aguardando apenas o costumeiro au- mento considerável do número de moradores e frequentadores nas praias do município e vizinhas. “Nosso grupamento conta com equipamento e veí- culos necessários para a execução do trabalho que é de nossa responsabilidade. Temos o caminhão ABT (auto bomba tanque), a ambulância ASU (auto socorro de urgência), Jet Ski, barco com motor de Bombeiros ampliam área coberta90hps, entre outros”, in- forma o sargento, que há quatro anos comanda o grupamento. Ao todo, o 2º Grupa- mento contará com 11 bom- beiros militares e 33 comu- nitários, que se encontram em fase de estágio, além de 27 guarda-vidas que hoje participam de solenidade de formatura às 9h na Praça do Pescador, na área central de Passo de Torres. Segundo sargento Go- mes, para a temporada 2014/2015, o 2º Grupamen- to fará a segurança das praias de Passo em dez di- ferentes pontos e mais um na Lagoa da Tapera, um em Praia Grande e outro no Balneário Taíta, em São João do Sul. “Estes dois últimos serão guarnecidos pela primeira vez, visando evitar os afogamentos em áreas que recebem gran- de número de banhistas. Entre as nossas praias, as mais movimentadas são Bellatorres e Rosa do Mar, além da Tapera”, informou. Se para a Operação Veraneio está tudo pronto, falta ainda uma sede pró- pria. Com o projeto pronto, os bombeiros de Passo aguardam ansiosos que ARARANGUÁAgentes da Polícia Civil da Divisão de Investiga- ção Criminal de Araranguá aprenderam ontem o veículo Ford Ranger, placas MVT 3915(clonadas) de Palhoça, estacionado no pátio de um ofi cina mecânica, no bairro Mato Alto, à margem da BR101. Ao fazerem uma vis- toria os policiais descobri- ram que a caminhonete é produto de roubo, ocorrido na cidade de Gravataí/RS, por volta de 21horas do dia 29 de novembro. A vítima, Cristiano Huff Constante, afirmou que foi roubado em Gravataí por dois in- divíduos armados. Além da Ranger, os bandidos roubaram um celular e um tablet. A caminhonete será devolvida ao seu legítimo proprietário após passar por perícia. Os funcionários do estabelecimento afir- maram que ela foi deixada no local provavelmente na noite de domingo para segunda-feira, sem que ninguém soubesse da sua origem ilicita. As placas eram clonadas. Caminhonete roubada é recuperadaseja ultrapassada a fase burocrática para que tenha início a construção do pré- dio, nas proximidades da rodovia entre a BR-101 e a área urbana do município. Com o encerramento do contrato de locação do atual imóvel onde está sediado, o 2º Grupamento já firmou parceria com a Associação de Amigos do Balneário Bellatorres, que cederá um espaço em comodato pelo prazo de 20 anos junto ao clube, onde ficarão instalados até a conclusão das obras do quartel e posteriormente funcionará como Posto Avançado dos Bombeiros, mantendo os atendimentos de alta temporada centra- lizados na área de maior população neste período. Além de Passo de Torres, cuja formatura está prevista para as 9h, guarda-vidas de Balneário Gaivota e de Balneário Arroio do Silva também participarão de solenidade de entrega de certifi cados, ofi cializando o início dos trabalhos de segurança aos banhistas em todo o extremo sul catarinense.
  10. 10. 10CORREIO DO SULSexta-feira, 12 de dezembro de 2014Publicidade
  11. 11. Cultura11CORREIO DO SULSexta-feira, 12 de dezembro de 2014Papai Noel e DesfileDa redaçãoArte Dramatização feita pelas crianças emocionou adultos durante programação ARARANGUÁ Promovido pela pre- feitura de Araran- guá entre os dias 7 e 23 de dezembro, a edição 2014 do Natal Verão tem se caracte- rizado como a verdadeira festa da família. Todas as noites pessoas de diferen- tes gerações, muitas vezes representadas por avós, fi lhos e netos acompanham a programação. Além da iluminação multicolorida, da decoração natalina, do presépio do Menino Jesus e da Casa do Papai Noel, as apresenta- Um dos dias mais aguardados pela popu- lação que acompanha o Natal Verão é esta sexta- -feira. É que hoje, a partir das 20h, ocorre a chegada do Papai Noel no trapiche da avenida Coronel Apoli- nário Pereira (Beira Rio), em frente ao Restaurante Buchannas”s. O Bom Ve- lhinho virá de barco. Na terça-feira,o diretor da Fundação Ambiental Paulo Simon supervisionou a limpeza das margens do rio, que foi feita pelos integrantes do Programa de Ressocialização. O Papai Noel partirá Natal Verão revela artistasções culturais têm recebido elogios dos visitantes. “A cidade está belíssima e incorporada ao estilo na- talino, que prepara nossos corações para o nascimento do Menino Jesus”, disse o pintor Jéferson de Souza, de 24 anos, que ao lado da esposa e do casal de fi lhos conferiu as atividades re- alizadas na Praça Hercílio Luz. Nesse ano, o Natal Ve- rão mobiliza os moradores da zona urbana e do inte- rior. Caravanas Culturais visitam as comunidades rurais levando alegria e o clima de Natal para inú- meras famílias. Além dis- da comunidade de Ilhas e percorrerá o rio Araranguá até chegar ao Centro da ci- dade, quando será recepcio- nado no atracadouro. “Após o desembarque ocorrerá o translado do Papai Noel e sua comitiva pelas prin- cipais ruas do município” informa o prefeito Sandro Roberto Maciel. Também hoje, a partir das 21h, acontece o Desfi le Natalino. Os Grupos de Terno de Reis de Ilhas e Maranata, de Cantores do Menino Deus, do Centro de Referência da Assistência Social (CRAS), do Centro Integrado de Atividades Re- Por Aline Bauer ACHADOS E ESCRITOS Os fãs de mitologia grega devem ter ficado fulos da vida com os roteiristas de Hércules 3D. E não é para menos. Na minha opinião, esse mito antiguíssimo tinha muito mais a oferecer do que foi mostrado no filme que RennyHarlin, o cara que salvou O Exorcista –O Início, dirigiu neste ano. O enredo continua o mesmo. O filho de Zeus, um cara cheio de poderes, se rebelando contra um sistema violento e tal... Mas nesse longa, a coisa foi diferente. Uma rainha, indo contra um marido cruel e sanguinário e querendo paz, roga para uma deusa que lhe oferece a possibilidade de gerar um filho de Zeus (que nem aparece no filme, uma oportunidade perdida de parecer um filme mais maduro) para trazer a paz à Grécia. A rainha aceita e nasce um garoto que o rei chama de Alcides, mas que a mãe nomeia de Hércules. O tempo passa e o menino cresce sendo odiado pelo irmão e pelo rei. Aos vinte anos, ele se apaixona pela princesa Hebe, que é prometida ao seu irmão. Enfrentando os riscos desse amor proibido, Hércules é mandado pelo pai adotivo à guerra e é dado como morto quando sua tropa é atacada numa emboscada e apenas ele e o chefe de sua divisão sobrevivem. Sentindo que o marido mandou matar seu filho, a rainha tenta atacar o rei, mas acaba sendo morta por ele. Vendido como escravo, Hércules decide lutar num desafio histórico contra os seis melhores lutadores do reino, ao mesmo tempo, para conquistar sua liberdade. Após vencer, ele e seu amigo começam a juntar um exército para acabar com o reinado de seu pai. Mas é pego e, ao ver um dos seus ser morto diante dele, aceita que é filho de Zeus e recebe uma força extraordinária, que usa para escapar e salvar seu amigo. Depois disso, invade, com seu exército, o castelo de seu pai e a parte final se desenrola. Eu diria que as escolhas dos atores não foram as melhores, predominando uma galera que eu nunca tinha visto. A mais acertada foi a de Scott Adkins, que fez a série Os Imbatíveis, aqueles filmes de luta entre prisioneiros de penitenciárias de segurança máxima em que ele fazia o Boika. Ele interpreta o Rei Anfitryon, padrasto de Hércules e é ótimo no papel de vilão, trazendo no rosto um olhar de fúria, crueldade e autoridade suprema. Kellan Lutz, um dos vampiros do clã dos Cullen, de Crepúsculo, está na pele de Hércules, e não oferece muita coisa ao telespectador. Eu não vi nada demais na interpre- tação dele, que me pareceu ser ator de primeira viagem. Gaia Wess, de quem nunca tinha ouvido falar, faz a princesa Hebe. A loirinha me parece bem corajosa, apaixonada por Hércules e enfrentando o mundo por ele. Mas o filme em si, decepcionou. Apenas 11% dos 179 críticos de cinema o acharam bom. A grande maioria do pessoal que assistiu diz que houve efeitos demais e que a história fugiu completamente da original. Ao que me parece, a Millenium Films não lucrou como esperava com esse clássico mitológico que foi lançado aqui em fevereiro. Para quem quer comparar, a Paramount anunciou um outro Hércules para esse ano, que foi lançado em setembro e que, pelo trailer, deixa esse outro no chinelo. Pelo que eu soube, Dweyne Johnson interpreta magicamente um Hércules adulto e dono de um talento magistral para lutar. Mais alguém além de mim vai esperar na porta da locadora pela chegada desse novo Hércules? Hércules 3Dso, a população participa do evento, inclusive como protagonista ou coadju- vante das apresentações. Na noite de quarta-feira, por exemplo, estudantes da rede municipal de ensino encenaram no palco da Praça Hercílio Luz, o Nas- cimento do Menino Jesus. A peça foi muito aplaudida pelo público. Na mesma noite, outros eventos realizados foram a apresentação de capoeira e de música com violão feita por estudantes dos progra- mas Mais Educação, Mais Cultura, Escola de Idiomas Fisk e Escola Futurãocreativas da Terceira Idade (CIARTI) e da Secretaria Municipal de Educação pro- metem muita criatividade para contagiar o público com o espírito natalino. A programação encerra com o show da dupla Cíntia e Mateus, na Praça Hercílio Luz, a partir das 22h30min. No sábado, a partir das 14h acontece a apre- sentação do Cras na Praça Hercílio Luz. Já no domingo será a vez do teatro natali- no, a partir das 20h, e do show musical com a banda Paranóicos Latentes, a par- tir das 21h30min, também na praça.
  12. 12. Publicidade12CORREIO DO SULSexta-feira, 12 de dezembro de 2014
  13. 13. ação de João Carlos Cardoso, de 54 anos, que conduzia o caminhão. “Foi muito rápido, quando vi ele estava na minha pista. Tirei o que pude, mas ainda pegou o carro, eu saí da rodovia e arrancou o eixo”, explicou o motorista da ca- çamba, que seguia para uma praia próxima, carregando cascalho. Com o peso da carga e a violência do impacto no terre- no arenoso, o eixo dianteiro do caminhão foi completamente Polícia13CORREIO DO SULSexta-feira, 12 de dezembro de 2014Valdinei Nichele Com o acidente os dois veículos com placas do Rio Grande do Sul ficaram bastante danificados e carga do caminhão teve que ser recolhida por retroescavadeiraCondutor de caminhão evitou colisão frontal, mesmo assim houve a batida e os dois veículos ficaram parcialmente destruídosPerigo PASSO DE TORRESPor pouco um aciden- te não resultou em tragédia, no início da tarde de ontem, em Passo de Torres. Ao invadir a pista contrária, um automóvel exigiu ação rápida do motorista de um caminhão caçamba, que conseguiu evitar a colisão frontal, mas saiu da rodovia e deixou os dois veícu- los parcialmente destruídos. Carro invade pista e causa acidenteEram pouco depois das 13h desta quinta quando o automóvel Ford Ka de placas IGD-8143, de Caxias do Sul/ RS, seguia no sentido norte/ sul da rodovia Interpraias, nas proximidades da comuni- dade Vila Ribeiro, em Passo de Torres. No sentido contrário seguia o caminhão caçamba de placas ABB-5958, de Tor- res/RS. De forma inesperada, o automóvel invadiu a pista con- trária, exigindo uma rápida arrancado, causando grande prejuízo ao proprietário. Já o Ford Ka teve parte da dian- teira atingida e seu condutor, identificado por moradores locais como Alberto Schneider, foi socorrido por bombeiros comunitários e levado pela ambulância da Secretaria Municipal de Saúde até o Hospital Nossa Senhora dos Navegantes, de Torres, com possível fratura em uma das pernas, mas consciente e estável. A Polícia Militar de Passo de Torres esteve no local para os procedimentos relativos ao acidente e para orientar o trânsito na rodovia. Uma re- troescavadeira precisou reti- rar a carga do caminhão, para que pudesse ser removido do local. João Carlos, motorista do caminhão, teve apenas arranhões e não precisou de atendimento médico. “O pre- juízo foi grande, mas graças a Deus ninguém morreu”, declarou.
  14. 14. Publicidade14CORREIO DO SULSexta-feira, 12 de dezembro de 2014
  15. 15. Publicidade15CORREIO DO SULSexta-feira, 12 de dezembro de 2014
  16. 16. Publicidade16CORREIO DO SULSexta-feira, 12 de dezembro de 2014
  17. 17. Geral17CORREIO DO SULSexta-feira, 12 de dezembro de 2014GIRO PELO VALE Voltado para o céu Natal de Passo Belas e maduras Jovens engajadosRuas melhoresPaif na comunidadeO vereador de Araranguá Geraldo Mendes defen- de a construção de uma praça, de 1000 m2, na área que abrigava o antigo aeroporto para homenagear os aviadores civis e militares, já falecidos ou não, do município. A fi nalidade, explica, é rememorar as histórias da aviação local e estimular a visitação. “Quero homenagear a aeronáutica e os pilotos que foram vítimas de acidentes aéreos e, por isso, quero criar a Praça da Aviação. Outra ideia é conseguir uma aeronave (sucata) para deixá-la disponível para visitação”, explicou o legislador. A proposta inclui a construção de um anfi teatro, de aproximadamente 50 m2, no qual a população pos- sa conferir vídeos e documentos sobre a trajetória da Aeronáutica no município, no Estado e no país, além da delimitação de um espaço para a instalação de um heliporto para atender a demanda do município. O prefeito de Passo de Torres Juarez Godinho Scheffer acompanhado da primeira dama Rosita Bel- letine Scheffer e do secre- tário de Turismo e Esporte Lucio Hespanhol, visitou o Cras. O grupo prestigiou os trabalhos realizados volun- tariamente por senhoras da comunidade e foi rece- bido pelas coordenadoras, assistente social Geovana e a psicóloga Aline. Godinho parabenizou o empenho e elogiou o o trabalho de todos em prol O Grupo Conviver da Terceira Idade de Praia Grande em novembro realizou a escolha da sua nova rainha e prin- cesas. As eleitas foram Necy Citadin Belettini (rainha), Maria das Graças Marques Silvério (primeira princesa) e Necy da Rosa Matos (segunda princesa). O prefeito Valcir Daros e sua esposa Angela Daros acompanharam a eleição e elogiaram a união e a parceria do grupo. Os jovens de Balneário Arroio do Silva têm encontro marcado todas às quintas-feiras no Centro de Referência de Assistência Social (Cras). O projeto Entre Jovens reúne ado- lescentes entre 15 a 17 anos de idade, das 17h às 20h, para uma atividade descontraída voltada ao lazer e à cidadania. O encontro conta com ofi cinas de música e capoeira, além de rodas de conversa com a equipe técnica do Cras e da Secretaria de Desenvolvimento Social. O projeto é voltado para as famílias do cadastro único, bolsa família e demais jovens que estejam em situação de vulnerabilidade ou risco social. “Os encontros estão acontecendo desde o mês de maio e reúnem em torno de 18 adolescentes”, acrescenta a diretora de desenvolvimento social Avanei Vieira. O projeto estimula a integração dos jovens e oferece ati- vidades e orientações que despertem a atenção a o interesse, contribuindo para a formação de agentes do bem. Algumas ruas de Maracajá, como a Pedro Teixeira, no bairro São Cristóvão, recebem melhorias com recursos do Fundam (Fundo de Apoio aos Municípios). A Pedro Teixeira, além da pavimentação com lajotas, também foi contemplada com drenagem pluvial e passeio público, um investimento de mais de R$ 170 mil nos 170 metros de estrada. A obra faz parte do projeto Maracajá Melhor, pacote de obras em vários setores: meio ambiente, educação, esporte e infraestrutura, que já estão em andamento. No geral, mais de R$ 10 milhões serão investidos. Para Em Timbé do Sul, o Serviço de Proteção Integral à Família (Paif) é levado as comunidades, como a Cohab. O programa tem como intenção atender a população em situação de vulnerabilidade social e o objetivo principal dos encontros é apresentar a equipe do Cras e os servi- ços prestados aos moradores. Os cursos de capacitação e inserção ao mercado de trabalho estão entre serviços. Após o primeiro contato, os interessados são encami- nhados para capacitação, prevenção e fortalecimento de vínculos. Também são sugeridas propostas para a comuni- dade e apresentação das necessidades coletivas do bairro. do Natal Iluminado de Passo de Torres. A decora- ção está sendo feita pelo Cras, Serviço de Convi- vência e Assistência Social, sendo usados materiais recicláveis e enfeites do ano passado que foram reutilizados. A coordenação é do secretário Lucio e da secretária de Pesca Ana Lúcia Joaquim com apoio da Secretaria de Obras na montagem e iluminação. O Natal Iluminado de Passo de Torres terá sua abertura ofi cial no dia 21. infraestrutura serão destinados R$ 4 milhões. As obras de drenagem pluvial abrangem diversas ruas, entre elas a Benta de Oliveira Farias, Tomaz Osório Pereira, nº 225, Antônio Pedro Farias, rua 01, Florianópo- lis, Artimimo B. dos Santos, Joinville e Antônio Machado. Já as ruas contempladas com pavimentação com lajotas e drenagem são a rua João Inácio Leandro, no Sangão Madalena, já executada. As próximas a receber a melhoria são as ruas José Antônio Farias, Lindorvina Margarida Feliciano, João Marques, Angelo Darós, Manoel José Vicente, Antônio Manoel Farias, Antônio da Rocha, Virgílio João Camargo, e a rua 224. Já a parte da rodovia Municipal MAR 253 e rua José Elisandro dos Santos, na comunidade de Encruzo, recebe asfalto e drenagem.
  18. 18. Publicidade18CORREIO DO SULSexta-feira, 12 de dezembro de 2014
  19. 19. Geral19CORREIO DO SULSexta-feira, 12 de dezembro de 2014Araranguá sob fumaçaDjonatha GeremiasTempo nublado, mesmo que com pouca chuva, já dá esperanças aos bombeiros, que continuam tentando apagar incêndio em área de turfas ARARANGUÁ O bloqueio dos córre- gos ainda não sur- tiu o efeito esperado, ou melhor, o nível da água não subiu tanto ontem quanto se imaginava, mas só a partir de hoje é que deve-se concluir se a es- tratégia vai ter resultado positivo ou não. Por isso, continua sem expectativa o fi m do incêndio em cinco hectares de turfa, em Ara- ranguá. Com a mudança do vento, agora no sentido norte, a fumaça não se concentrou mais na área urbana da cidade, mas sobre o rio Araranguá em direção à Içara. A queima- da começou no início da tarde de terça-feira e con- tinua porque a turfa, um combustível fóssil seme- lhante ao carvão, queima por baixo do solo poroso, de modo que os bombeiros não conseguem apagar da forma tradicional. Porém, com a mudan- ça do clima, a chuva volta a ser uma esperança no combate ao incêndio. On- tem durante o dia, Ara- Chuva e córregos trazem esperança ranguá não teve sorte e poucas gotas caíram sobre o município. Para o sargento Carlos Cypriano João, seria preciso que chovesse 50 milímetros por metro quadrado para conseguir apagar as tur- fas. Nem as previsões mais otimistas alcançam esse patamar. Segundo o tenente Sa- muel Ambrósio, do Corpo de Bombeiros, desde quarta- -feira foi iniciada a operação de bloquear os dois córregos próximos ao local do incên- dio, nos fundos do Oratório Menino Jesus de Praga, na rodovia municipal que dá acesso ao Morro dos Conven- tos. Na quarta-feira à noite, apenas um bloqueio menor foi realizado, e os maiores na manhã de ontem. Porém, até o fecha- mento desta edição, a va- zão de água foi pouca, ou seja, o nível não subiu o sufi ciente para transbor- dar e acalmar as calorosas turfas. Por isso, em par- ceria com a Defesa Civil, Fundação Araranguaense de Meio Ambiente e Secre- taria Municipal de Obras, foram utilizadas duas bombas de sucção de água para levar o conteúdo do córrego para, ao menos, Fogo persiste pelo terceiro dia seguido e provoca uma calamidade ambiental, atingido flora e fauna Painéis têm trechos do hino e fotografias JACINTO MACHADO O ano de 2014 ter- mina com a repaginação da prefeitura de Jacinto Machado, realizada com recursos do governo do es- tado. Construído na década de 70, o prédio carecia de pintura e a reforma do ga- binete do prefeito, que teve o piso original em parquê sendo restaurado. Uma ideia do prefeito Antonio João de Fáveri e de seus assessores foi colocar painéis ao longo das esca- Prefeitura está com novo visualdas que ligam o térreo ao terceiro piso da prefeitura. “Nestes painéis pensamos em colocar trechos do hino municipal ilustrado com fo- tos relativas a letra. Desta forma, o visitante e cidadão jacintomachadense ao su- bir as escadas vai decoran- do o hino e vislumbrando nossas belezas naturais. Espero que todos apreciem essa inovação”, comentou Antônio. A repaginação teve a participação da agência Aspekto Comunicação e equipe de governo. as margens. Ainda assim, a teimosa turfa continua- va a queimar, emanando minutos depois as cortinas de fumaça branca. Outro avanço no com- bate, segundo o tenente, é que terminaram ontem todos os aceiros, isto é, o desbastamento ao re- dor dos cinco hectares de queimada, para costear e isolar o fogo na vegetação superfi cial. O solo, no en- tanto, é oco, e portanto, não há como controlar a expansão da queima da turfa por baixo dele. Por isso, espera-se que a inundação dos córregos consiga apagar por baixo da terra queimada, mesmo que o nível da água não transborde visivelmente. Ontem, uma das barreiras chegou a estourar, mas foi reconstruída em seguida. A causa do incêndio ainda não foi determina- da e difi cilmente será. Os bombeiros lidam com as possibilidades de a turfa ter se incinerado sozinha, já que é um combustível fóssil capaz disso, ou de o fogo ter começado por causa humana, seja por xepa de cigarro, fogo em lixo ou matagal, ou até mesmo por algum pedaço de vidro jogado na turfa, que possa ter concentrado raios solar, desencadeando uma fagulha de fogo.
  20. 20. Geral20CORREIO DO SULSexta-feira, 12 de dezembro de 2014
  21. 21. Polícia21CORREIO DO SULSexta-feira, 12 de dezembro de 2014 Foto somente ilustrativa da tal ‘bola de fogo’ que pode ter cruzado o céuDjonatha Geremias ARROIO DO SILVA Um mistério no céu de Arroio do Silva intrigou a população e virou até caso de polícia. Segun- do informações internas da Polícia Militar, a Central de Operações (Copom) em Ara- ranguá recebeu um telefone- ma no 190 vindo do Arroio, de uma pessoa que teria visto uma bola de fogo caindo do céu. Apesar do chamado inusitado, a PM tem o dever de conferir as ocorrências e instaurou um procedimento. Uma guarnição foi até o local indicado, mas não en- controu ninguém. Um grupo de pessoas foi abordado pela guarnição perto da praia, e elas disseram não saber nada sobre bola de fogo, mas que viram, minutos antes, uma ‘Bola de fogo’ vira caso de políciaMistérioBrincadeira de policiais causou alvoroço e chegou a assustar alguns, mas nada grave aconteceu e ninguém deve ser punido grande estrela cadente cru- zar o céu de Arroio do Silva. Os policiais riram do caso e pouco depois um deles encontrou um pequeno fogo em um monte de capim e resolveu brincar com a situ- ação. Tirou o celular do bolso e gravou um videozinho, fi lmando o fogo no mato e dizendo, ironicamente, se tratar da tal bola de fogo que caiu do céu. Em seguida, compartilhou as imagens na rede social WhatsApp, para um grupo formado so- mente por policiais. Porém, alguém acabou repassando o vídeo para fora do grupo e ele chegou ao conhecimento de várias pessoas no Arroio do Silva. Rapidamente, o vídeo e os boatos se alastraram, e o povo começou a comentar curioso sobre o tal meteorito que caiu no município. Com o tempo os boatos foram sendo desmentidos, com a explicação de que se tratava de um mal entendido a partir de uma brincadeira. No dia 9 de outubro, um outro mal entendido ‘viraliza- do’ no WhatsApp deixou Ara- ranguá em pânico. Com base em um vídeo de um homem recém baleado sangrando dentro de um carro, ainda vivo, uma mulher espalhou uma mensagem de voz pela rede social para os parentes, alertando-os para não saírem de casa porque uma suposta facção criminosa estadual estava matando civis em Araranguá, e que o homem do vídeo tinha sido morto pelo grupo. Na verdade, o rapaz sido abordado por um bandido que tentou roubar o carro dele. O rapaz baleado faleceu na semana passada. A mensagem da mulher foi compartilhada cada vez mais entre amigos e parentes e de- pois desconhecidos, deixando a cidade de Araranguá em polvorosa. Naquela noite, o Copom recebeu mais de 400 ligações consecutivas só de pessoas querendo saber se era verdade que o município estava sitiado. No caso da ‘bola de fogo’ o efeito não foi tão assustador, mas preocupou muita gente. O comando do 19º Ba- talhão da PM de Araranguá nega que o assunto tenha tomado proporções maiores. “Eu não tive acesso ao vídeo, não fico lendo WhatApp, mas ouvi falar dessa histó- ria, e entendi que tudo não passou de uma brincadeira sem importância feita pelos policiais. O grupo não é uma comunicação ofi cial da PM, e os boatos que se alastraram não interferiram na segu- rança pública. Portanto, a PM não vai se manifestar ofi cialmente sobre o caso”, disse o tenente-coronel An- tônio Carlos Mota Machado. Trote, ignorância ou quem sabe até verdade (vai se saber), a ‘bola de fogo’ acabou fi cando ofi cialmente incluída nos registros do Copom. O encerramento: nada consta.
  22. 22. Publicidade22CORREIO DO SULSexta-feira, 12 de dezembro de 20141 ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE SOMBRIO/SC PROCESSO SELETIVO N.º 001/2014 A PREFEITURA MUNICIPAL DE SOMBRIO, junto à SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO, através da Comissão de Processo Seletivo ACT 2015, nomeada através do Decreto nº 237, de 28 de Novembro de 2014, no uso de suas atribuições legais e com base na Lei nº 1853, de 22 de dezembro de 2009, e Lei nº 1905, de 27 de setembro de 2010, TORNA PÚBLICO o Edital de abertura para realização de Processo Seletivo destinado a admissão em caráter temporário de profissionais nas áreas de: Educação Infantil ao 5º ano, licenciaturas do 6º ao 9º ano, Ensino Religioso do 6º ao 9º ano (Português, História, Geografia, Filosofia, Religião, Matemática e/ou Ciências), Educação Física do Infantil III ao 9º ano, Arte do Infantil IV ao 9º ano, Inglês do Infantil IV ao 9º ano, auxiliar de ensino da educação infantil, auxiliar de ensino para educação inclusiva, monitor de oficinas (Capoeira, Esporte, Dança, Musica e/ou Informática). 1. DISPOSIÇOES PRELIMINARES 1.1 A PREFEITURA MUNICIPAL DE SOMBRIO se reserva o direito de admitir os candidatos classificados, de acordo com a necessidade e disponibilidade de vagas que surgirem durante a vigência do Processo Seletivo. 1.2 Para se inscrever, o candidato deverá acessar o site www.processosseletivos.com.br/sombrio, efetuar seu cadastro e sua inscrição, e antes de validar a inscrição, conferir todos os dados inclusive à denominação do cargo e seu respectivo código. 1.3 O cronograma com as datas de cada fase do Processo Seletivo e os conteúdos programáticos de cada cargo estarão disponibilizadas nos Anexos I e II, partes integrantes do presente Edital. 2. DAS VAGAS, CARGOS, CARGA HORÁRIA, REQUISITOS MÍNIMOS E REMUNERAÇÃO. Poderão participar do Processo Seletivo, os profissionais interessados em prestar serviço que atendam os requisitos deste Edital da legislação vigente e alterações supervenientes, para os cargos/áreas abaixo relacionados: ÁREA 1 – EDUCAÇÃO INFANTIL III AO 5º ANO Nº Cargo Total de Vagas Carga Horária Semanal Requisitos Mínimos para o Cargo 1 Professor Educação Infantil III ao 5º Ano CR* Até 40h Habilitado – Diploma de Conclusão de Curso Superior de Licenciatura Plena em Pedagogia. Não Habilitado – Certificado de conclusão do Magistério ou Certidão de frequência a partir da 4ª fase em Curso de Graduação em Licenciatura Plena em Pedagogia. ÁREA 2 – ENSINO FUNDAMENTAL (6º AO 9º ANO) Nº Cargo Total de Vagas Carga Horária Semanal Requisitos Mínimos para o Cargo 1 Professor Língua Portuguesa (6º ao 9º ano) CR* Até 40h Habilitado – Diploma de Conclusão de Curso Superior de Licenciatura Plena na Área – Português ou Letras (Português/Inglês). Não Habilitado – Certidão de frequência a partir da 4ª fase em Curso de Graduação em Licenciatura Plena na área - Português. 2 2 Professor Ciências (6º ao 9º ano) CR* Até 40h Habilitado – Diploma de Conclusão de Curso Superior de Licenciatura Plena na Área - Ciências. Não Habilitado – Certidão de frequência a partir da 4ª fase em Curso de Graduação em Licenciatura Plena na Área - Ciências. 3 Professor Matemática (6º ao 9º ano) CR* Até 40h Habilitado – Diploma de Conclusão de Curso Superior de Licenciatura Plena na Área - Matemática. Não Habilitado – Certidão de frequência a partir da 4ª fase em Curso de Graduação em Licenciatura Plena na Área - Matemática. 4 Professor História (6º ao 9º ano) CR* Até 40h Habilitado – Diploma de Conclusão de Curso Superior de Licenciatura Plena na Área - História. Não Habilitado – Certidão de frequência a partir da 4ª fase em Curso de Graduação em Licenciatura Plena na Área - História. 5 Professor Geografia (6º ao 9º ano) CR* Até 40h Habilitado – Diploma de Conclusão de Curso Superior de Licenciatura Plena na Área - Geografia. Não Habilitado – Certidão de frequência a partir da 4ª fase em Curso de Graduação em Licenciatura Plena na Área - Geografia. 6 Professor Filosofia (6º ao 9º ano) CR* Até 40h Habilitado – Diploma de Conclusão de Curso Superior de Licenciatura Plena na Área – Filosofia ou Pedagogia ou História. Não Habilitado – Certidão de frequência a partir da 4ª fase em Curso de Graduação em Licenciatura Plena na Área – (Filosofia ou Pedagogia ou História) 7 Professor Religião (6º ao 9º ano) CR* Até 40h Habilitado – Diploma de Conclusão de Curso Superior de Licenciatura Plena na Área de Teologia, Sociologia, Pedagogia e história Não Habilitado – Certidão de frequência a partir da 4ª fase em Curso de Graduação em Teologia, Sociologia, Pedagogia e História ÁREA 3 – INGLÊS (DO INFANTIL IV AO 9º ANO) Nº Cargo Total de Vagas Carga Horária Semanal Requisitos Mínimos para o Cargo 1 Professor Inglês (Infantil IV ao 9º Ano) CR* Até 40h Habilitado – Diploma de Conclusão de Curso Superior de Licenciatura Plena na Área – Inglês ou Letras (Português/Inglês). Não Habilitado – Certidão de frequência a partir da 4ª fase em Curso de Graduação em Licenciatura Plena na Área - Inglês. 3 ÁREA 4 – ARTE (DO INFANTIL IV AO 9º ANO). Nº Cargo Total de Vagas Carga Horária Semanal Requisitos Mínimos para o Cargo 1 Professor Artes (Infantil IV ao 9º Ano) CR* Até 40h Habilitado – Diploma de conclusão decurso superior com licenciatura em Artes, licenciatura em Artes Visuais ou Educação Artística. Não Habilitado – Certidão de frequência a partir da 4ª fase em Curso de Graduação em Licenciatura Plena em Artes ou Artes Visuais. ÁREA 5 – EDUCAÇÃO FÍSICA (DO INFANTIL III AO 9º ANO). Nº Cargo Total de Vagas Carga Horária Semanal Requisitos Mínimos para o Cargo 1 Professor Educação Física (Infantil III ao 9º Ano) CR* Até 40h Habilitado – Diploma de Conclusão de Curso Superior de Licenciatura Plena na Área – Educação Física. Não Habilitado – Certidão de frequência a partir da 4ª fase em Curso de Graduação em Licenciatura Plena na Área – Educ. Física. ÁREA 6 – AUXILIAR DE ENSINO DE EDUCAÇÃO Nº Cargo Total de Vagas Carga Horária Semanal Requisitos Mínimos para o Cargo 1 Auxiliar de Ensino de Educação (Infantil/Inclusiva) CR* Até 40h Certificado de conclusão do Ensino Médio. ÁREA 7 – MONITOR DE OFICINAS Nº Cargo Total de Vagas Carga Horária Semanal Requisitos Mínimos para o Cargo 1 Monitor de Oficinas (Informática) CR* Até 40h Certificado de conclusão do Ensino médio completo e/ou Experiência comprovada na Área de Atuação. 2 Monitor de Oficinas (Dança) CR* Até 40h Certificado de conclusão do Ensino médio completo e/ou Experiência comprovada na Área de Atuação. 3 Monitor de Oficinas (Esporte) CR* Até 40h Certificado de conclusão do Ensino médio completo e/ou Experiência comprovada na Área de Atuação. 4 Monitor de Oficinas (Capoeira) CR* Até 40h Certificado de conclusão do Ensino médio completo e/ou Experiência comprovada na Área de Atuação 5 Monitor de Oficinas (Música) CR* Até 40h Certificado de conclusão do Ensino médio completo e/ou Experiência comprovada na Área de Atuação. * CR = Cadastro de Reserva NOTA 01: As atribuições dos cargos são as constantes na Lei nº 1853, de 22 de dezembro de 2009, e Lei nº 1905, de 27 de setembro de 2010. 4 3. DAS INSCRIÇÕES O candidato poderá se inscrever para até 02 (dois) cargos diferentes simultaneamente. 3.1 PRÉ-INSCRIÇÃO ONLINE 3.1.1 A pré-inscrição on-line do candidato somente será efetuada via internet, no período de 12/12/2014 a 21/12/2014. 3.1.2 Para realizar a sua pré-inscrição o candidato deverá seguir os seguintes passos: a) Acessar o endereço eletrônico: www.processosseletivos.com.br/sombrio; b) Ler atentamente o edital, preencher o Formulário de Pré-inscrição on-line, imprimir o comprovante, e seguir os passos constantes no ÍTEM 3.2 deste edital. 3.1.3 O candidato inscrito que possuir deficiência deverá mencionar a sua condição no Formulário de Pré-inscrição on-line. 3.1.4 O candidato poderá obter informações técnicas referentes à utilização do portal das inscrições e preenchimento do formulário de pré-inscrição, através do e-mail: suporte@processosseletivos.com.br. 3.1.5 As informações prestadas no Formulário de Pré-inscrição serão de inteira responsabilidade do candidato. Reserva-se à comissão técnica do processo seletivo, o direito de não homologar a inscrição do candidato que não preencher o respectivo documento de forma completa e correta, bem como fornecer dados inverídicos ou falsos. 3.2 VALIDAÇÃO DA INSCRIÇÃO: 3.2.1 O candidato, para validar a sua inscrição no presente Processo Seletivo, após preenchimento do formulário de pré-inscrição on-line, deverá comparecer entre os dias 18, 19 e 22/12/2014, em horário de expediente (13;00h as 19;00h), no auditório da Prefeitura Municipal de SOMBRIO, munido dos seguintes documentos: a) Formulário de Pré-inscrição impresso; b) CPF e Carteira de Identidade (original e cópia); c) Documentos para comprovação de cursos de aperfeiçoamento (original e cópia); d) Comprovante de habilitação profissional ou de escolaridade exigida para o cargo pleiteado (original e cópia); e) O Candidato que apresentar certidão de colação de grau deverá, obrigatoriamente, no dia da admissão, apresentar o diploma de conclusão do curso (original e cópia). f) Laudo médico, para os candidatos que possuírem deficiência. (Original) g) Não haverá validação de inscrição condicional ou extemporânea nem validação da inscrição por correspondência. h) Declaração de que não sofreu processo administrativo. (Original e Cópia) i) Documentos para comprovação de Tempo de Serviço. (Original e Cópia) 3.2.2 O candidato inscrito que possuir deficiência deverá entregar no ato da validação da inscrição o laudo médico atestando a espécie e o grau ou nível de deficiência, com expressa referência ao código correspondente da Classificação Internacional de Doença – CID, bem como a provável causa da deficiência, atestando a aptidão para o cargo que está sendo pretendido. 3.2.3 O candidato portador de deficiência deverá solicitar a prova especial, se for o caso, preenchendo o requerimento do Anexo III, parte integrante deste Edital. 3.2.4 No momento da validação, será emitido o comprovante de inscrição onde o candidato deverá assinar concordando incondicionalmente com todos os termos descritos na sua inscrição. 1 ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE SOMBRIO/SC PROCESSO SELETIVO N.º 001/2014 A PREFEITURA MUNICIPAL DE SOMBRIO, junto à SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO, através da Comissão de Processo Seletivo ACT 2015, nomeada através do Decreto nº 237, de 28 de Novembro de 2014, no uso de suas atribuições legais e com base na Lei nº 1853, de 22 de dezembro de 2009, e Lei nº 1905, de 27 de setembro de 2010, TORNA PÚBLICO o Edital de abertura para realização de Processo Seletivo destinado a admissão em caráter temporário de profissionais nas áreas de: Educação Infantil ao 5º ano, licenciaturas do 6º ao 9º ano, Ensino Religioso do 6º ao 9º ano (Português, História, Geografia, Filosofia, Religião, Matemática e/ou Ciências), Educação Física do Infantil III ao 9º ano, Arte do Infantil IV ao 9º ano, Inglês do Infantil IV ao 9º ano, auxiliar de ensino da educação infantil, auxiliar de ensino para educação inclusiva, monitor de oficinas (Capoeira, Esporte, Dança, Musica e/ou Informática). 1. DISPOSIÇOES PRELIMINARES 1.1 A PREFEITURA MUNICIPAL DE SOMBRIO se reserva o direito de admitir os candidatos classificados, de acordo com a necessidade e disponibilidade de vagas que surgirem durante a vigência do Processo Seletivo. 1.2 Para se inscrever, o candidato deverá acessar o site www.processosseletivos.com.br/sombrio, efetuar seu cadastro e sua inscrição, e antes de validar a inscrição, conferir todos os dados inclusive à denominação do cargo e seu respectivo código. 1.3 O cronograma com as datas de cada fase do Processo Seletivo e os conteúdos programáticos de cada cargo estarão disponibilizadas nos Anexos I e II, partes integrantes do presente Edital. 2. DAS VAGAS, CARGOS, CARGA HORÁRIA, REQUISITOS MÍNIMOS E REMUNERAÇÃO. Poderão participar do Processo Seletivo, os profissionais interessados em prestar serviço que atendam os requisitos deste Edital da legislação vigente e alterações supervenientes, para os cargos/áreas abaixo relacionados: ÁREA 1 – EDUCAÇÃO INFANTIL III AO 5º ANO Nº Cargo Total de Vagas Carga Horária Semanal Requisitos Mínimos para o Cargo 1 Professor Educação Infantil III ao 5º Ano CR* Até 40h Habilitado – Diploma de Conclusão de Curso Superior de Licenciatura Plena em Pedagogia. Não Habilitado – Certificado de conclusão do Magistério ou Certidão de frequência a partir da 4ª fase em Curso de Graduação em Licenciatura Plena em Pedagogia. ÁREA 2 – ENSINO FUNDAMENTAL (6º AO 9º ANO) Nº Cargo Total de Vagas Carga Horária Semanal Requisitos Mínimos para o Cargo 1 Professor Língua Portuguesa (6º ao 9º ano) CR* Até 40h Habilitado – Diploma de Conclusão de Curso Superior de Licenciatura Plena na Área – Português ou Letras (Português/Inglês). Não Habilitado – Certidão de frequência a partir da 4ª fase em Curso de Graduação em Licenciatura Plena na área - Português. 1 ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE SOMBRIO/SC PROCESSO SELETIVO N.º 001/2014 PREFEITURA MUNICIPAL DE SOMBRIO, junto à SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO, Comissão de Processo Seletivo ACT 2015, nomeada através do Decreto nº 237, de 28 de de 2014, no uso de suas atribuições legais e com base na Lei nº 1853, de 22 de dezembro Lei nº 1905, de 27 de setembro de 2010, TORNA PÚBLICO o Edital de abertura para de Processo Seletivo destinado a admissão em caráter temporário de profissionais nas Educação Infantil ao 5º ano, licenciaturas do 6º ao 9º ano, Ensino Religioso do 6º ao 9º ano História, Geografia, Filosofia, Religião, Matemática e/ou Ciências), Educação Física do 9º ano, Arte do Infantil IV ao 9º ano, Inglês do Infantil IV ao 9º ano, auxiliar de ensino da infantil, auxiliar de ensino para educação inclusiva, monitor de oficinas (Capoeira, Esporte, Musica e/ou Informática). DISPOSIÇOES PRELIMINARES PREFEITURA MUNICIPAL DE SOMBRIO se reserva o direito de admitir os candidatos classificados, de acordo com a necessidade e disponibilidade de vagas que surgirem durante a vigência do Processo Seletivo. inscrever, o candidato deverá acessar o site www.processosseletivos.com.br/sombrio, seu cadastro e sua inscrição, e antes de validar a inscrição, conferir todos os dados inclusive à denominação do cargo e seu respectivo código. cronograma com as datas de cada fase do Processo Seletivo e os conteúdos programáticos cargo estarão disponibilizadas nos Anexos I e II, partes integrantes do presente Edital. VAGAS, CARGOS, CARGA HORÁRIA, REQUISITOS MÍNIMOS E REMUNERAÇÃO. participar do Processo Seletivo, os profissionais interessados em prestar serviço que requisitos deste Edital da legislação vigente e alterações supervenientes, para os áreas abaixo relacionados: EDUCAÇÃO INFANTIL III AO 5º ANO Cargo Total de Vagas Carga Horária Semanal Requisitos Mínimos para o Cargo Professor Educação Infantil III ao 5º Ano CR* Até 40h Habilitado – Diploma de Conclusão de Curso Superior de Licenciatura Plena em Pedagogia. Não Habilitado – Certificado de conclusão do Magistério ou Certidão de frequência a partir da 4ª fase em Curso de Graduação em Licenciatura Plena em Pedagogia. ENSINO FUNDAMENTAL (6º AO 9º ANO) Cargo Total de Vagas Carga Horária Semanal Requisitos Mínimos para o Cargo Professor Língua Portuguesa 6º ao 9º ano) CR* Até 40h Habilitado – Diploma de Conclusão de Curso Superior de Licenciatura Plena na Área – Português ou Letras (Português/Inglês). Não Habilitado – Certidão de frequência a partir da 4ª fase em Curso de Graduação em Licenciatura Plena na área - Português.
  23. 23. Publicações Legais23CORREIO DO SULSexta-feira, 12 de dezembro de 20145 3.3 CONSIDERAÇÕES SOBRE AS INSCRIÇÕES 3.3.1 É de inteira responsabilidade do candidato a conferência e confirmação dos dados de inscrição, bem como a responsabilidade por qualquer erro ou omissão no preenchimento do formulário de inscrição on-line, razão pela qual deve ser atenciosamente conferida antes da confirmação, pois não será permitido pedido de retificação após o encerramento do prazo das validações das inscrições. 3.3.2 As inscrições pela Internet devem ser feitas com antecedência, evitando o possível congestionamento de comunicação do site www.processosseletivos.com.br/sombrio nos últimos dias de pré-inscrição on-line. 3.3.3 A PS Concursos e a Prefeitura Municipal de SOMBRIO/SC não se responsabilizam por qualquer problema na inscrição via motivada por falhas de comunicação, falta de energia elétrica, congestionamento das linhas de comunicação, bem como outros fatores de ordem técnica que impossibilitem a conexão ou a transferência de dados. 3.4 PUBLICAÇÃO DAS INSCRIÇÕES 3.4.1 As inscrições que preencherem todas as condições deste edital serão deferidas e publicados pela autoridade competente no dia 22/12/2014, até as 23h:59min. A publicação será realizada no site www.processosseletivos.com.br/sombrio, onde estarão indicados o nome do candidato, o cargo pretendido e o número de sua inscrição. 3.4.2 No mesmo local será publicada a relação das inscrições indeferidas. 4 REQUISITOS BÁSICOS PARA ADMISSÃO NO CARGO 4.1 Ter nacionalidade brasileira ou equivalente 4.2 Estar no gozo de direitos políticos e cíveis; 4.3 Estar em dia com as obrigações eleitorais. 4.4 Possuir quitação das obrigações militares, para os candidatos do sexo masculino. 4.5 Possuir o nível de escolaridade exigido para o exercício do cargo de acordo com o estabelecido no ITEM II do presente Edital, na data da contratação. 4.6 Contar com, no mínimo, 18 (dezoito) anos completos até a data da admissão de caráter temporário por contrato. 4.7 Ter aptidão física e mental para o exercício das atribuições do cargo. 4.8 Não possuir antecedentes criminais 4.9 Não ter sofrido, quando no exercício de cargo, função ou emprego público, demissão a bem do serviço público ou por justa causa, fato a ser comprovado, no ato de admissão, por meio da assinatura de regular termo de declaração. 4.10 Firmar declaração de não possuir acúmulo de remuneração pública, exceto aquelas previstas em Lei. 5 DAS ETAPAS DO PROCESSO SELETIVO O Processo Seletivo constará de 02 (duas) etapas consistentes de: a. Prova Escrita, de conhecimentos gerais e de conhecimentos específicos de caráter classificatório (ressalvada a ausência do candidato à prova ou zerá-la, casos em que será eliminado do processo seletivo); b. Prova de Títulos (escolaridade, cursos de aperfeiçoamento ou atualização e tempo de serviço), de caráter classificatório. 6 5.1 PROVA ESCRITA 5.1.1 A prova escrita será de caráter classificatório e eliminatório, que avaliará a aptidão funcional dos candidatos para o desempenho das funções a serem executadas no exercício do cargo pretendido. 5.1.2 As provas escritas serão organizadas conforme exigências do cargo pretendido: 5.1.2.1 Provas para os cargos de Professor e Auxiliar de Educação a) A Prova Escrita será composta com 20 (vinte) questões objetivas para o cargo de interesse do candidato, sendo 05 (cinco) questões de língua portuguesa e interpretação de texto, 10 (dez) questões de conhecimentos Gerais da Educação e 05 (cinco) questões de conhecimentos específicos do cargo pretendido. Cada uma delas com 05 (cinco) alternativas, das quais, somente 01 (uma) deverá ser assinalada como correta. b) Os candidatos receberão um cartão resposta com 20 (vinte) questões. Sendo 05 (cinco) questões específicas para cada cargo pretendido; c) O caderno de avaliações será único e composto pelas questões gerais e específicas de todos os cargos; d) As questões que o candidato deverá responder estarão explicitamente indicadas no cartão resposta através da identificação de sua disciplina/cargo e numeração de questões conforme caderno de avaliações. 5.1.2.2 Provas para os cargos de Monitor de Oficinas e) A Prova Escrita será composta com 20 (vinte) questões objetivas para o cargo de interesse do candidato, sendo 05 (cinco) questões de língua portuguesa e interpretação de texto, 10 (dez) questões de conhecimentos Gerais da Educação e 05 (cinco) questões de Atualidades e conhecimentos históricos municipais. Cada uma delas com 05 (cinco) alternativas, das quais, somente 01 (uma) deverá ser assinalada como correta. f) Os candidatos receberão um cartão resposta com 20 (vinte) questões. Sendo 05 (cinco) questões específicas para cada cargo pretendido; g) O caderno de avaliações será único e composto pelas questões gerais e específicas de todos os cargos; h) As questões que o candidato deverá responder estarão explicitamente indicadas no cartão resposta através da identificação de sua disciplina/cargo e numeração de questões conforme caderno de avaliações. 5.1.2.3 As questões das provas versarão sobre os conteúdos programáticos constantes no Anexo II deste Edital. 5.1.2.4 O peso de cada questão é de 0,5 pontos. 5.1.2.5 A nota da prova escrita (NPE) será calculada com o emprego da seguinte fórmula: NPE = (NA x 0,5) onde (NPE= Nota da Prova Escrita, e NA= Número de Acertos). 5.1.2.6 Cada Candidato inscrito no certame terá direito a apenas 01 (um) cartão de respostas, não sendo permitida, em hipótese alguma, a troca de seu cartão assinado por outro. 5.1.2.7 O candidato deverá transpor os resultados das questões para grade de respostas, cujo preenchimento é de sua inteira responsabilidade. 5.1.2.8 Questões rasuradas ou com mais de uma alternativa marcada, na grade de respostas, serão consideradas como marcadas incorretamente pelo candidato. 5.1.2.9 Para fins de correção da prova, somente será considerada a grade de respostas, sendo que os cadernos de prova não serão considerados, sob quaisquer hipóteses. 5.2 PROVA DE TÍTULOS 5.2.1 Da avaliação do nível de escolaridade A avaliação do nível de escolaridade será feita através de certificados ou diplomas de licenciatura na área a que concorre, curso de pós-graduação, mestrado e doutorado na área da educação, de acordo com a tabela de pontos abaixo: 7 Cargo: Professor Título Comprovantes Exigidos Valor unitário Quantidade Máxima Pontuação Máxima Doutorado Diploma devidamente registrado. 4,00 1 4,00 Mestrado Diploma devidamente registrado. 3,00 1 3,00 Especialização Diploma devidamente registrado. 1,50 1 1,50 Licenciatura na Área Diploma devidamente registrado ou provisoriamente para os formandos, certidão de colação de grau. 1,00 1 1,00 Cargos: Auxiliar de Ensino da Educação (Infantil/inclusiva) Título Comprovantes Exigidos Valor unitário Quantidade Máxima Pontuação Máxima Licenciatura na Área Diploma de curso superior na área da pedagogia 4,00 1 4,00 Cursando Superior de Pedagogia Cursando Pedagogia à partir da 4ª fase 1,00 1 1,00 5.2.2 Da avaliação dos cursos de aperfeiçoamento ou atualização. A avaliação dos cursos de aperfeiçoamento ou atualização na área da educação será feita através de cursos de aperfeiçoamento ou atualização frequentados, ministrados e concluídos no período de 01/01/2013 a 30/11/2014, obedecida a tabela de pontos abaixo: Número de Horas Pontuação Comprovantes Exigidos 160 horas 3,0 pontos Diplomas, certificados ou declarações devidamente expedido por instituição credenciada pelo MEC, CEE ou CME, contendo a assinatura do responsável, carga horária, conteúdo programático, período de realização. 5.2.3 Da avaliação do tempo de serviço. 5.2.3.1 A avaliação do tempo de serviço será feita através de atestado de tempo de serviço no magistério da rede pública ou particular de Santa Catarina e de outros estados, e obterá a pontuação de 0,01 (zero vírgula zero um) pontos para cada mês completo de tempo de serviço, limitando-se a 25 (vinte e cinco) anos, totalizando o máximo de 3,0 (três) pontos. 5.2.3.2 No cálculo de pontos por tempo de serviço comportar-se-á como um mês a fração igual ou superior a 15 dias. 5.2.3.3 Para receber a pontuação relativa ao tempo de serviço no magistério, o candidato deverá comprovar através de: I. Para exercício de atividade em instituição privada ou instituição pública que adote o Regime Celetista para o quadro funcional será necessária a comprovação através de: Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS) contendo as páginas: identificação do trabalhador, registro do empregador que informe o período (com início e fim, se for o caso) e qualquer outra página que ajude na avaliação, por exemplo, quando há mudança na razão social da empresa; II. Para exercício de atividade em instituição pública que adote o regime estatutário será necessária a comprovação do tempo de serviço que informe o período, com início e fim, emitida pelos seguintes órgãos: a. Unidade Escolar, quando se tratar de magistério público estadual; 8 b. Secretaria de Educação do Município, quando se tratar de tempo de serviço municipal (Setor de Pessoal da Prefeitura Municipal); c. Secretaria da Educação do Estado de origem, quando se tratar de magistério público de outros Estados; d. Setor de Recursos Humanos do Órgão Federal ou de Unidade Escolar, quando se tratar de magistério público federal e particular, respectivamente; 5.2.3.4 Para efeito de pontuação relativa ao título de tempo de serviço no magistério o atestado/certidão emitido deverá conter o nome do órgão por extenso, não se aceitando abreviaturas. 5.2.3.5 Para efeito de pontuação relativa ao título de tempo de serviço no magistério não será considerada sobreposição de tempo nos documentos apresentados, mesmo que em instituições diferentes. 5.2.3.6 Não será computado para efeito de pontuação ao título de tempo de serviço no magistério, o tempo de serviço que excede a 25 anos de trabalho. 5.2.3.7 Não será computado também, o tempo de estágio, de monitoria e de bolsa de estudo, nem o tempo de trabalho voluntário exercido na condição de estudante. 5.2.3.8 O tempo de serviço será considerado até a data de 30/11/2014. 6 DA REALIZAÇÃO DA PROVA 6.1 A prova será realizada no dia 18/01/2015, na E.E.B.M. PROF. ALDA SANTOS DE VARGAS, sito a rua Francisco Caetano Lummertz, 873, Bairro Januária em Sombrio/SC. (Acesso de Entrada da escola no portão ao lado do Ginásio) 6.2 Os portões do prédio onde será realizada a prova escrita serão fechados, impreterivelmente, às 08h30min. O candidato que chegar após o horário estabelecido, terá sua entrada vedada e será automaticamente eliminado do Processo Seletivo. 6.3 Para os candidatos inscritos em 01 (um) cargo, a prova terá duração máxima de 01 hora e 30 minutos com início às 09:00h e término às 10h30min. 6.4 Para os candidatos inscritos em 02 (dois) cargos, a prova terá duração máxima de 01 hora e 50 minutos com início às 09:00h e término às 10h50min. 6.5 Para fins de acesso à sala de realização da prova, será exigido o Documento de Identidade Original com Foto (Obrigatoriamente) e o Comprovante de inscrição (Facultativamente). 6.6 Para realização da prova, somente será permitido ao candidato o uso de caneta esferográfica, de tinta azul ou preta. 6.7 As provas terão um prazo mínimo de realização de 30 (trinta) minutos. 6.8 O candidato que, durante a realização da prova escrita, for encontrado e confirmado de posse, de qualquer tipo de relógio, telefone celular, pager, beep, calculadora ou quaisquer outros componentes ou equipamentos eletrônicos, em funcionamento ou não, terá sua prova anulada e, com isso, será automaticamente eliminado do Processo Seletivo. 6.9 Durante a realização das provas será vedado, também, o uso de carteiras, bolsas, bonés, chapéus e similares, livros, revistas, apostilas, resumos, dicionários, cadernos, etc. 6.10 Caso o candidato esteja impossibilitado de apresentar, no dia de realização da prova escrita, documento de identidade original, por motivo de perda, roubo ou furto, deverá apresentar boletim de ocorrência expedido por órgão policial, há no máximo 30 (trinta) anteriores em relação ao dia da realização da Prova. 6.11 A apresentação do comprovante de inscrição no dia da realização da prova escrita servirá também ao candidato como único documento que possibilitará a garantia de poder realizar a prova em caso sua inscrição deferida e não constatação de seu nome nas listas de distribuições de locais de prova. 6.12 Será de inteira responsabilidade do candidato o preenchimento correto do cartão de respostas, que será o único documento válido para efeito de correção da prova.

×