SlideShare uma empresa Scribd logo

Jornal digital 24 10-17

1) Hospital Regional de Balneário Gaivota deixa de realizar procedimentos eletivos e investe em horta comunitária para promover saúde natural; 2) Segunda parte de série sobre fé aborda religião como tema central; 3) Encontro reúne 60 guias turísticos em Jacinto Machado para capacitação.

1 de 20
Baixar para ler offline
Hospital Regional
deixa de fazer
procedimentos
eletivos
Horta promove
na comunidade
anseio por mais
saúde
Segundo episódio
de série sobre
fé traz religião
como assunto
CORREIO DO SULANO XXVI EDIÇÃO Nº 5.278 R$ 2,00TERÇA-FEIRA, 24 DE OUTUBRO DE 2017
www.grupocorreiodosul.com.br
22º12º
Variação de Nebulosidade - Perío-
dos curtos de abertura intercalados
com períodos de nebulosidade.
Previsão para hoje
Extremo Sul Catarinense
fé traz religiãofé traz religião
como assunto
fé traz religião
como assunto
fé traz religião
como assunto
Segurança – Pág 13
eletivoseletivoseletivoseletivos
Segundo episódioSegundo episódio
Geral – Pág 6
Hospital RegionalHospital Regional
Geral – Pág 3
como assuntocomo assuntocomo assuntocomo assunto
Especial – Pág 11
Extremo Sul Catarinense
UL
CICLISTA MORTO
EM ACIDENTE
AINDA NÃO FOI
IDENTIFICADO
BolsonaroeAminnacristadaonda
Meio Rural
SeminárioEstadualdoJovemRural,queteve
sua primeira versão realizada em Chapecó,
na semana passada, teve o franco apoio do
deputado estadual José Milton Scheffer (PP).
O objetivo do evento é o de fomentar a per-
manência dos jovens no meio rural, já que
nossoEstadotemficadocadavezmaisvelho,
quando o assunto é o homem e a mulher do
campo. Nos últimos 50 anos, os moradores
da zona rural de Santa Catarina caíram de
77% de nossa população para apenas 16%.
Cerca de um milhão de catarinenses ainda
vivem no meio rural, mas apenas 159 mil são
jovens, entre 20 e 29 anos, faixa etária que
constituiaprincipalmãodeobrafrancamente
ativa do campo. “Temos que tentar reverter
esta realidade, pois grande parte da econo-
mia catarinense é ligada ao agronegócio.
Sem o homem e a mulher do campo, nossa
economia corre um sério risco”, ressalta o
parlamentar. Ainda este ano, Zé Milton pre-
tende realizar uma versão do Seminário em
Araranguá, ou Criciúma.
Ciro no Sul
Pré-candidato à Presidência da República pelo
PDT, ex-governador do Ceará, Ciro Gomes,
irá proferir palestra em Criciúma, na próxima
sexta-feira,27,ondefalarásobreasalternativas
para a crise brasileira. O evento acontece no
auditórioRuyHulse,naUnesc,apartirdas19h.
Tambémnasexta,enosábado,Ciroseencontra
com líderes do PDT de todo o Sul do Estado.
A vinda do presidenciável foi articulada pelo
deputado estadual Rodrigo Minotto (PDT).
Ciro Gomes tem percorrido o país realizando
palestras e participando de programas de rádio
e televisão. No que diz respeito aos debates
político-partidários têm batido de frente com
Jair Bolsonaro (PSC) e João Dória Júnior
(PSDB), mas resguardado as imagens de Ge-
raldoAlckmin(PSDB)eLuladaSilva(PT).No
que diz respeito à administração e a economia
do país, tem se manifestado favoravelmente ao
nacionalismo, e, por consequência, contra as
privatizações, lembrando em muito o ex-líder
pedetista Leonel Brizola.
ADVOCACIA EMPRESARIAL
FONE: (48) 3533-0145
D
ivulgação do le-
vantamento do
Instituto Paraná de
Pesquisas, dando
conta de que Jair
Bolsonaro (PSC) e Esperidião Amin
(PP) têm a preferência do eleitorado
catarinense, no que diz respeito, res-
pectivamente, à disputa pela Presi-
dência da República, e pelo Governo
do Estado, sacudiu o meio político
estadual. De acordo com a pesquisa,
Bolsonaro aparece com 24,7% das
intenções de voto dos catarinenses,
contra 18,3% de Lula da Silva (PT) e
10,8% de João Dória Júnior (PSDB).
Os demais pré-candidatos têm menos
de 10% das intenções.
No caso de Bolsonaro, o dilema
fica por conta de seus futuros aliados
em nível estadual. Por óbvio que estes
não virão do PTe nem do PSDB, parti-
dos que terão candidatos à Presidência.
No entanto, no mais, todos os gatos
são pardos. Há de ressaltar, no entanto,
que o mais pardo de todos é o PP, que,
em princípio, não tem compromisso
com ninguém em nível nacional. É
justamente aí que entra Esperidião
Amin com seus 30% conferidos pela
Paraná Pesquisas. Na pesquisa,Amin é
seguido por Paulo Bauer (PSDB), com
20,3%, e por Mauro Mariani (PMDB),
com 9,9%. Jorginho Mello tem 5,1% e
Gelson Merísio (PSD) 4,5%.
Todo o meio político sabe que
Mariani e Merísio devem subir, e
que Paulo Bauer deve cair, caso não
concorra com uma aliança forte. O
problema para os demais é que Amin
dificilmente perderá muito do que
tem, já que ele possui um eleitorado
cristalizado. É o mesmo caso de Lula,
que apesar de todos os seus pesares,
sempre aparece com 30% ou mais das
intenções de votos no que diz respeito
à disputa presidencial.
A grande problemática que envol-
ve a candidatura de Amin ao governo
é a sua projeção de crescimento.
Considerado extremamente centrali-
zador, ele tem muitas dificuldades em
conseguir compor alianças robustas
e confiáveis. Tal fama é tida como a
principal responsável pelas derrotas ao
Governo do Estado em 2002 e 2006, e
também à Prefeitura de Florianópolis
em 2008. A salvação de Amin, e tam-
bém de Bolsonaro em nível estadual,
pode ser justamente a formação de
uma aliança entre ambos, de modo a
manterem seus percentuais em alta,
enquanto costuram alianças robustas,
baseadas em suas famas. Um espécie
de casamento providencial,que poderá
ser benéfico especialmente paraAmin.
A dobradinha não soa de todo es-
tranho aos catarinenses, já que ambos
sãopolíticossimpatizantesdeumaide-
ologia de centro-direita, o que não des-
toa em muito da média do eleitorado
de nosso Estado. Firmada a parceria,
Amin e Bolsonaro trariam à reboque
uma dúzia de partidos pequenos, se
tornando ainda mais atraentes para os
maiores. É a chance que Amin tem de
ressurgir das cinzas, e a que Bolsonaro
vencer também em Santa Catarina.
Convenções
Maioria absoluta das convenções do PMDB
em nossa região, realizadas no sábado e no
domingo, correram de forma consensual.
Exceção se deu em Balneário Gaivota,
com a o empresário João Carlos Porto e a
ex-vereadora Maria Leandro Nunes dispu-
tando o comando do partido. João venceu
o embate e comandará o PMDB gaivotense
pelos próximos dois anos. Nos demais mu-
nicípios tudo se encaminhou a contento do
que já vinha sendo articulado. Ressalta-se
no contexto regional a posse do empresá-
rio César Cesa como novo presidente do
PMDB deAraranguá. Com o ex-presidente
Anísio Prêmoli deixando o caminho livre
para César, e com o ex-presidente da Câma-
ra Municipal, Rony da Silva, fora do parti-
do, o caminho está livre para a construção
de um projeto sólido com vistas à 2020. É
preciso, agora, diálogo e sobriedade para
a construção de uma aliança, que abarque
gregos e troianos ao redor do PMDB ara-
ranguaense.
Outra versão
Assessoria do deputado federal Marcos Tebaldi
(PSDB)entraemcontatoparapassarsuaversão
dosfatos,noquedizrespeitoaorankingdivulga-
dopeloportal“politicos.org.br”,quesededicaa
acompanharotrabalhodedeputadosesenadores
brasileiros.OntemdeicontadequeTebaldifigu-
ra entre os parlamentares mais mal avaliados do
país,segundooaludidoportal.Deacordocoma
assessoria do deputado, a realidade, no entanto,
seria outra. Neste sentido, é ressaltado que em
outros portais de avaliação de parlamentares,
Tebaldiaparecemuitobemcolocado,porserem
avaliados critérios mais abrangentes do que os
que são auferidos pelo “politico.org.br”. As
excessivas faltas do parlamentar nas sessões da
CâmaraFederal,quelhetiroupontosnoranking,
por exemplo, seriam em decorrência de uma
licença médica, “mas isto não é levado em con-
sideração”, passando, meramente, a impressão
dedisplicência.Deminhapartetambémobservei
várias outras falhas na avaliação, especialmente
de cunho ideológico.
Rolando Christian CoelhoRolando Christian Coelho
JORNAL CORREIO DO SUL
Terça-Feira, 24 de Outubro de 2017
rolando_coelho@hotmail.com (48) 99945.6787
POLÍTICA
“Em política, nenhuma informação corre mais rápida do
que aquela que se pede para guardar em segredo. Por
conta disto, melhor não ter segredos, ou tê-los só para si,
e mais ninguém”.
Charles de Gaulle (1890/1970)
Ex-presidente da França
3Geral Jornal Correio do Sul
Terça-Feira, 24 de Outubro de 2017
S
e faltar palavras,
o secretário de
Saúde de Balne-
ário Gaivota tem números
capazes de convencer as
pessoas sobre a importância
de diminuir a quantidade
de medicação utilizada pela
população, e apostar mais
na qualidade de vida. José
Luís de Oliveira Lentz diz
que o município gasta em
média R$ 43 mil mensais
somente com comprimidos
distribuídos na rede pública.
Entre os cerca de quatro mil
habitantes atendidos pelo
ESF Central, mais de 400
são diabéticos e ainda mais
tem pressão alta. Por isso,
o secretário é um entusiasta
da implantação de uma horta
comunitária que incentive o
uso de plantas medicinais.
O projeto surgiu da ini-
ciativa do médico Diego
Romero Cawen, do setor de
Saúde e do diretor de Cultura
Jorge Cunha. Antes de partir
para a prática, eles colocaram
tudo no papel, com a doação
oficial de uma área medindo
18 x 52 metros para a horta, e
um cronograma de encontros
que servem para apresentar a
ideia a comunidade e formar
uma comissão que ficará à
frente dos trabalhos. Um dos
encontros foi realizado no
último sábado, no Posto de
Saúde Central. “As pessoas
estão muito acostumadas a
tomar remédios, queremos
mudar essa cultura, mesmo
tendo que nadar contra a cor-
rente”, disse Jorge Cunha. O
médico Diego explicou que
além de ervas medicinais, no
local devem ser produzidos
alimentos. “É importante en-
sinar as famílias a plantar sua
própria comida”, defendeu.
Também presente na
reunião, o psicólogo da rede
municipal de saúde Renato
Dorneles, lembrou que até o
ato de trabalhar com a terra
pode ser curativo. A aposen-
tada Avani Magi Pedroso
concorda. Ela levou várias
amostras de plantas fitoterá-
Saúde Verde
Encontro de guias reúne 60 inscritos
Horta inaugura dia
13 de dezembro
De domingo, 22, até esta
terça-feira, 24, cerca de 60
guias e condutores estarão
em Jacinto Machado para o
1º Encontro de Condutores
dos Aparados da Serra. O
prefeito João Batista Mezzari
e o secretário de Turismo José
Carlos Zanatta participaram
da abertura oficial do evento
na segunda, 23.
No primeiro dia de even-
to foi passado noções de
primeiros socorros e animais
peçonhentos. Nesta segunda
as palestras foram sobre ge-
ologia, projeto Geoparque,
história local, entre outros.
E no último dia de evento,
terça-feira, acontece a entrada
técnica no Tigre Preto. “Esta-
mos felizes com o resultado
desse encontro e com a parti-
cipação de todos”, comentou
a coordenadora do evento,
Bruna Teresa Silva Pereira.
Segundo o prefeito João
Batista, o Gaiola, o encontro
tem grande relevância para o
município e região. “A reali-
zação em Jacinto Machado
nos deixa muito entusias-
mado, pois entendemos a
necessidade de cada vez mais
apoiar o turismo e os agentes
que contribuem para o seu
desenvolvimento”.
O condutor local de
Cambará do Sul, Josemar
Contesini afirma que a ini-
ciativa foi de grande valia
para o grupo. “Temos que
promover mais encontros
como este. Estou há mais de
20 anos nesse ramo, mas este
é o primeiro encontro oficial
que é realizado”.
O evento contou com
o patrocínio oficial da pre-
feitura de Jacinto Machado,
demais patrocinadores: Rota
dos Canyons, Trilhas do Sul,
Bixo do Mato Ecoturismo,
Portal dos Canyons, Cooper-
ja, Ferro Forte, Pousada Vó
Liane,Aparados dos Sonhos,
Ecoturismo eAventura, Maxx
Comper, Boliche Guabiroba,
Prefeitura de Praia Grande-
Capital dos Canyons. Apoio:
Supermercado Assis Brasil,
Projeto Geoparque Caminhos
dos Cânions do Sul,Associa-
ção Tigre Preto.
Jacinto Machado
Marivânia Farias
Balneário Gaivota
Ação conjunta busca saúde e menor consumo de medicamentos químicos
Palestras e oficinas ajudam profissionais a entender mais da condução turística
picas que tem em casa e foi
enumerando as indicações
de cada uma: boldo para o
estômago, hortelã combate a
gripe. “Me criei e criei meus
filhos só com chá, além disso,
mexer na terra faz muito bem
pra gente”, afirmou. Outra
moradora da Gaivota, Maria
Bernadete Farias, também
esteve na apresentação e se
dispôs a colaborar. “É uma
ideia muito boa, merece
apoio de todos”, enfatizou. O
vereador Anderson Joaquim
dos Santos, o Nando, tam-
bém prestigiou o encontro.
Nos próximos dias, o
terreno, localizado atrás do
Posto Central, teve ser pre-
parado para que o plantio
possa começar. Depois de ter
um valo canalizado, ele será
cercado e terá um pequeno
prédio com banheiro. A ex-
pectativa é que a estrutura
seja inaugurada no dia 13 de
dezembro, quando acontece
uma capacitação com o pes-
quisador Aléssio dos Passos
Santos. Depois é só por as
mãos na massa, ou melhor,
mãos as mudas.
4 PublicidadeJornal Correio do Sul
Terça-Feira, 24 de Outubro de 2017
Nesta quinta-feira, a recém-empossada Reitora da Uni-
versidade Federal de Santa Catarina,Alacoque Lorenzini
Erdmann, estará em visita ao Campus Araranguá da
Instituição. Ela irá acompanhar os avaliadores do Minis-
tério da Educação (MEC), que verificarão as condições
para implementação do curso de medicina na cidade. A
expectativa da reitoria da Ufsc é positiva para que as aulas
iniciem-se em 2018.
A comitiva da universidade ainda inclui o Pró-Reitor de
Graduação, professor Alexandre Marino Costa e tam-
bém a Secretária de Ações Afirmativas e Diversidade da
Ufsc, professora Francis Solange Vieira Tourinho. A
visita às instalações do Campus Araranguá acontecerá
às 18h30min.
Com o assunto formação de cidadãos conscientes na infân-
cia em alta nas sessões do legislativo deAraranguá, o presidente
daCâmara,DanielViriato,anunciouqueseráretomadooprojeto
Vereador Mirim. A intenção é que até o ano letivo se encerrar,
as escolas realizem as eleições para que no início de 2018, os
eleitos assumam as atividades na Câmara.
Instituído em 2011, o projeto Vereador Mirim contem-
pla alunos do 6º ao 9º ano tanto de escolas públicas, quanto
particulares. As reuniões acontecem com a conveniência dos
próprios alunos eleitos e as escolas, e dos projetos discutidos
por eles, surgem sugestões para os vereadores reais proporem
à administração municipal.
Vereador mirim vai ser
retomado em Araranguá
Reitora da Ufsc virá
ao Campus Araranguá
O
Programa de Recuperação Fiscal (Refis) de
Jacinto Machado foi prorrogado e o novo
prazo termina na próxima semana, dia 4 de
novembro. O Refis oferece descontos de até
100% nos juros e multas e parcelamento em
até36vezesnadívidaativareferenteaoIPTUedemaisimpostos.
O débito dos contribuintes com o município ultrapassa os
R$ 3 milhões. "Prorrogamos para dar mais uma oportunidade
aos contribuintes quitarem suas dívidas com a administração
municipal", reforça a secretária de Administração, Ana Klock.
O Programa é destinado a promover a regularização de
créditos do município, decorrentes de débitos tributários e não
tributáriosaté31dedezembrode2016eénecessárioestaremdia
JORNAL CORREIO DO SUL
Terça-Feira, 24 de Outubro de 2017
Não importa se é velha
ou nova, a música alegra
as pessoas. Banda Vinil
Pra K7 e idosos do Lar do
Idoso de Sombrio.
Vereadora de Turvo, Giseli Baesso
“Acredito que nós devemos gostar
sim de política, por que é ela que
move o mundo”
Prazo para Refis é
prorrogado até 4
de novembro
com os impos-
tosde2017.Para
adesão, o valor
da parcela não
poderá ser infe-
rior a R$ 50,00
para parcela-
mento em até
nove vezes e de
R$ 100,00 para
pagamento acima de nove parcelas até o limite de 36 vezes.
O Setor de Tributos fica na sede da prefeitura e atende das
7h às 13h.
6 GeralJornal Correio do Sul
Terça-Feira, 24 de Outubro de 2017
G.C.S LTDA - ME
Comercial:
l48l 3533.0870
comercial@grupocorreiodosul.com.br
Diretor Geral
diretor@grupocorreiodosul.com.br
Redação:
Aline Bauer
editor@grupocorreiodosul.com.br
Publicações legais:
tomaz@grupocorreiodosul.com.br
Financeiro
financeiro@grupocorreiodosul.com.br
Radio 93FM
radio93fm@grupocorreiodosul.com.br
Diagramação/Arte:
Erivaldo Ferreira (Aldo)
cristian@grupocorreiodosul.com.br
Sul Gráfica
sulgrafica@grupocorreiodosul.com.br
Circulação/Assinatura
l48l 3533.0870
assinaturas@grupocorreiodosul.com.br
Programa Bônus Motor começa hoje
Inscrições abrem às 10h, no www.bonusmotor.com.br
A
Celesc e a WEG estão juntas no objetivo de substituir motores inefi-
cientes por outros, mais modernos. O Programa Bônus Motor foi
apresentado ontem à tarde, na sede da empresa de distribuição de
energia, em Florianópolis, e a expectativa é promover a troca de pelo menos
6,5 mil unidades, com investimento total de R$ 28 milhões, incluindo aí a
parte do cliente. O percentual do bônus pode variar de 30% a 40%, mas
há uma condição: o desconto só será concedido se o comprador do motor
novo entregar o equipamento substituído, para descarte pela WEG, dentro
das normas ambientais. O presidente da Celesc, Cleverson Siewert, lembrou
que as empresas distribuidoras precisam fazer projetos vinculados à eficien-
tização energética. “Percebemos que 30% do consumo de energia do país
vêm dos motores, principalmente industriais. Por isso desenvolvemos esse
novo programa.” A economia pode chegar a 15% na conta de energia com
a troca de motores. Além desse ganho, haverá aumento de confiabilidade e
competitividade, redução de gastos com manutenção e mais sustentabili-
dade ambiental. Siewert explicou que não há limite de motores por CNPJ
e o atendimento se dará pela ordem de inscrição, que pode ser feita por
condomínios residenciais (motores de elevadores e piscinas, por exemplo),
indústrias, propriedades rurais, poder público, comércio, serviços privados e
públicos. O valor por unidade varia de R$ 600,00 a R$ 85 mil. Os critérios de
enquadramento ao programa estão no site www.bonusmotor.com.br, no
qual devem ser feitas as inscrições. A WEG, escolhida por meio de licitação,
já participou de iniciativas semelhantes em concessionárias de outros esta-
dos. O diretor de Vendas da WEG para Unidade Motores na América Lati-
na, Fernando Cardoso Garcia, disse que o modelo desenvolvido pela Celesc
é “muito melhor, porque é muito mais simples e, ainda assim, mais eficaz”.
Mais bônus O gerente da Divisão de
Pesquisa, Desenvolvimento e Eficiên-
cia Energética da Celesc, Marco Aurélio
Gianesini, adiantou que está para ser lan-
çada, em novembro, a quarta edição do
programa Bônus Eficiente para troca de
eletrodomésticos. A licitação está aber-
ta para escolha do parceiro comercial.
Devem ser trocados 6,5 mil geladeiras,
freezers e aparelhos de ar-condicionado,
vilões no consumo de energia. O desconto
será de 50% para todos os equipamentos.
SC-China Governador Raimundo Co-
lombo recebeu em seu gabinete o presi-
dente da Câmara de Comércio e Indústria
Brasil-China, Charles Tang. O mercado é
um dos mais importantes do mundo e San-
ta Catarina tem interesse em ampliar a re-
lação de importações e exportações com o
país asiático. Mais uma vez o governador
destacou a não elevação de impostos como
diferencial competitivo do estado para
atrair investimentos. Tang quer que seja
organizada uma visita à China para ofi-
cializar parcerias e novos investimentos.
Telecomunicações O presidente da
Operadora Claro, Paulo Cesar Teixei-
ra, esteve ontem em Florianópolis. Ele
mostrou que 92,1% dos acessos à in-
ternet no país se dão via smartphones e
que o consumo de dados vai triplicar até
2020, exigindo a aplicação de recursos
na modernização do sistema de teleco-
municações. No estado, até o final de
2017, a meta é substituir ou instalar 172
antenas, com nova tecnologia, além de
chegar a dezembro com cobertura 4G
para 70% da população.
Impacto social Dados públicos e no-
vas tecnologias podem ser utilizados para
gerar impacto social e estimular novos
empreendedores? Estas serão questões
abordadas por palestrantes nacionais
e internacionais no 6º Festival Social
Good Brasil, que está com inscrições
abertas e acontece sexta-feira (27) e sába-
do (28), no Centro de Inovação da Asso-
ciação Catarinense de Empresas de Tec-
nologia (Acate), na Capital. Saiba mais
em socialgoodbrasil.org.br/festival
Por Andréa Leonora
redacao@peloestado.com.br
24/Out/2017
Escolas mobilizadas
Nove estudantes e três professores
da rede estadual de ensino recebe-
ram o Prêmio Educação e Saúde
no I Concurso Escola Promotora
de Saúde - Todos Contra o Aedes
aegypti. As escolas são de Rio do
Oeste, Paial, Concórdia, Mirim Doce,
Jaraguá do Sul, Içara, São José do Ce-
dro, São João do Oeste e Canoinhas.
O secretário de Estado da Educação,
Eduardo Deschamps, e o adjunto da Saúde, Murillo Capella, entregaram os
prêmios ontem, em solenidade na sede da Federação das Indústrias (Fiesc).
Ao todo, cerca de 50 mil alunos e mais de 2,6 mil professores se mobilizaram
no concurso, em todas as regiões. Deschamps anunciou que o trabalho vai
continuar. “Temos um projeto grande, de organização da escola como espa-
ço sustentável de promoção da saúde. É uma ação permanente que vai além
da sala de aula e intervém na comunidade em que a unidade está inserida.”
ThiagoMarthendal
De Novo
O
Hospital Regio-
nal de Araranguá
(HRA) está com
os serviços eletivos paralisados
neste mês e os procedimen-
tos dos próximos dois meses
também foram cancelados,
segundoinformaçõesdagerente
regional de Saúde, Patrícia
Paladini. Serviços eletivos são
os procedimentos médicos que
são programados, ou seja, não
são considerados de urgência e
emergência.
Foram canceladas con-
sultas, cirurgias e exames, que
são feitos por pessoas jurídicas
contratadas pela Sociedade
Paulista para Desenvolvimento
da Medicina (SPDM), enti-
dade que administra o HRA.
Segundo Patrícia, profissionais
das equipes de radiologia e
ultrassom, anestesia, cirurgia
geral e cirurgia pediátrica estão
há cinco meses sem receber da
SPDM. “A informação que a
gente tem é de que estes pro-
fissionais estão há cinco meses
sem receber, então chegou o
momento que eles paralisaram
os serviços e estão aguardando
uma resposta da SPDM, para
que se volte o atendimento”,
ponderou.
Patrícia ainda explicou
que os repasses mensais do
estado de Santa Catarina com
a SPDM estão em dia e que
a gestora do HRA cobra do
estado um reajuste contratual,
Gislaine Fontoura
Araranguá
HospitalRegionaldeAraranguá
paralisa serviços eletivos
pois segundo a SPDM existe
um déficit que chega próximo
aosR$12milhõesequeovalor
atual para fazer atendimento
não é suficiente para manter os
serviços. No entanto, segundo
Patrícia, a Secretaria Estadual
de Saúde, não assumiu o com-
promisso com a dívida e nem
pretende aumentar o valor do
contratocomaSPDM,quedura
até maio de 2018.
Agerente regional de Saú-
de exige da Sociedade, trans-
parência. “A SPDM precisa
mostrar quais são as dificulda-
desqueestãosendoencontradas
para fornecer este serviço à
região. Quem está sofrendo
com isto é a população, é quem
estavahámesesaguardandopor
uma cirurgia, que se organiza
para fazer o seu procedimen-
to e de repente recebe uma
ligação informando que seu
procedimento foi cancelado,
porque a equipe de saúde está
há cinco meses sem receber.
Nem a população e nem estes
profissionais que trabalham na
instituição têm culpa disto, esta
situação precisa se resolver”,
ponderou.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Mais procurados (20)

Jornal digital 17 07-18
Jornal digital 17 07-18Jornal digital 17 07-18
Jornal digital 17 07-18
 
Jornal digital 4881_ter_22032016
Jornal digital 4881_ter_22032016Jornal digital 4881_ter_22032016
Jornal digital 4881_ter_22032016
 
Jornal digital 4882_qua_23032016
Jornal digital 4882_qua_23032016Jornal digital 4882_qua_23032016
Jornal digital 4882_qua_23032016
 
Jornais e blogs 31.1.14
Jornais e blogs 31.1.14Jornais e blogs 31.1.14
Jornais e blogs 31.1.14
 
Jornal digital 21 08-18
Jornal digital 21 08-18Jornal digital 21 08-18
Jornal digital 21 08-18
 
Jornal digital 10 08-17
Jornal digital 10 08-17Jornal digital 10 08-17
Jornal digital 10 08-17
 
Jornal digital 21 11-17
Jornal digital 21 11-17Jornal digital 21 11-17
Jornal digital 21 11-17
 
Jornal digital 4937_seg_13062016
Jornal digital 4937_seg_13062016Jornal digital 4937_seg_13062016
Jornal digital 4937_seg_13062016
 
Jornal digital 12 06-18
Jornal digital 12 06-18Jornal digital 12 06-18
Jornal digital 12 06-18
 
Jornal digital 4895_ter_12042016
Jornal digital 4895_ter_12042016Jornal digital 4895_ter_12042016
Jornal digital 4895_ter_12042016
 
Jornal digital 24-04-17
Jornal digital 24-04-17Jornal digital 24-04-17
Jornal digital 24-04-17
 
Jornal digital 31 08-18
Jornal digital 31 08-18Jornal digital 31 08-18
Jornal digital 31 08-18
 
Jornal digital 14 07-17
Jornal digital 14 07-17Jornal digital 14 07-17
Jornal digital 14 07-17
 
Jornal digital 08 03-18
Jornal digital 08 03-18Jornal digital 08 03-18
Jornal digital 08 03-18
 
Jornal digital 4903_seg_25042016
Jornal digital 4903_seg_25042016Jornal digital 4903_seg_25042016
Jornal digital 4903_seg_25042016
 
Jornal digital 25 09-2018
Jornal digital 25 09-2018Jornal digital 25 09-2018
Jornal digital 25 09-2018
 
Jornal digital 5022_teri_11102016
Jornal digital 5022_teri_11102016Jornal digital 5022_teri_11102016
Jornal digital 5022_teri_11102016
 
Jornal digital 14 06-17
Jornal digital 14 06-17Jornal digital 14 06-17
Jornal digital 14 06-17
 
Jornal digital 24 09-2018
Jornal digital 24 09-2018Jornal digital 24 09-2018
Jornal digital 24 09-2018
 
Jornal digital 21 06-18
Jornal digital 21 06-18Jornal digital 21 06-18
Jornal digital 21 06-18
 

Semelhante a Jornal digital 24 10-17

Semelhante a Jornal digital 24 10-17 (20)

Jornal digital 24 07-18
Jornal digital 24 07-18Jornal digital 24 07-18
Jornal digital 24 07-18
 
Jornal digital 26 10-17
Jornal digital 26 10-17Jornal digital 26 10-17
Jornal digital 26 10-17
 
Jornal digital 30 11-17
Jornal digital 30 11-17Jornal digital 30 11-17
Jornal digital 30 11-17
 
Jornal digital 22 05-18
Jornal digital 22 05-18Jornal digital 22 05-18
Jornal digital 22 05-18
 
Jornal digital 08 02-18
Jornal digital 08 02-18Jornal digital 08 02-18
Jornal digital 08 02-18
 
Jornal digital 05 12-17
Jornal digital 05 12-17Jornal digital 05 12-17
Jornal digital 05 12-17
 
Jornal digital 18 01-18
Jornal digital 18 01-18Jornal digital 18 01-18
Jornal digital 18 01-18
 
Jornal digital 01 08-17
Jornal digital 01 08-17Jornal digital 01 08-17
Jornal digital 01 08-17
 
Jornal digital 01 12-17
Jornal digital 01 12-17Jornal digital 01 12-17
Jornal digital 01 12-17
 
Jornal digital 04 05-18
Jornal digital 04 05-18Jornal digital 04 05-18
Jornal digital 04 05-18
 
Jornal digital 06 11-17
Jornal digital 06 11-17Jornal digital 06 11-17
Jornal digital 06 11-17
 
Jornal digital 11 12-2018
Jornal digital 11 12-2018Jornal digital 11 12-2018
Jornal digital 11 12-2018
 
Conjuntura Semanal #091 J. S. Gabrielli
Conjuntura Semanal #091 J. S. GabrielliConjuntura Semanal #091 J. S. Gabrielli
Conjuntura Semanal #091 J. S. Gabrielli
 
Jornal digital 09 10-17
Jornal digital 09 10-17Jornal digital 09 10-17
Jornal digital 09 10-17
 
Jornal digital 05 11-2018
Jornal digital 05 11-2018Jornal digital 05 11-2018
Jornal digital 05 11-2018
 
Jornal digital 4886_qua_30032016
Jornal digital 4886_qua_30032016Jornal digital 4886_qua_30032016
Jornal digital 4886_qua_30032016
 
Jornal digital 4883_qui_24032016
Jornal digital 4883_qui_24032016Jornal digital 4883_qui_24032016
Jornal digital 4883_qui_24032016
 
Jornal digital 20 12-2018
Jornal digital 20 12-2018Jornal digital 20 12-2018
Jornal digital 20 12-2018
 
Jornal digital 20 02-18
Jornal digital 20 02-18Jornal digital 20 02-18
Jornal digital 20 02-18
 
Jornal digital 14 08-18
Jornal digital 14 08-18Jornal digital 14 08-18
Jornal digital 14 08-18
 

Mais de Jornal Correio do Sul (20)

Jornal digital 19 12-2018
Jornal digital 19 12-2018Jornal digital 19 12-2018
Jornal digital 19 12-2018
 
Jornal digital 18 12-2018
Jornal digital 18 12-2018Jornal digital 18 12-2018
Jornal digital 18 12-2018
 
Jornal digital 17 12-2018
Jornal digital 17 12-2018Jornal digital 17 12-2018
Jornal digital 17 12-2018
 
Jornal digital 14 12-2018
Jornal digital 14 12-2018Jornal digital 14 12-2018
Jornal digital 14 12-2018
 
Jornal digital 13 12-2018
Jornal digital 13 12-2018Jornal digital 13 12-2018
Jornal digital 13 12-2018
 
Jornal digital 12 12-2018
Jornal digital 12 12-2018Jornal digital 12 12-2018
Jornal digital 12 12-2018
 
Jornal digital 10 12-2018
Jornal digital 10 12-2018Jornal digital 10 12-2018
Jornal digital 10 12-2018
 
Jornal digital 06 12-2018
Jornal digital 06 12-2018Jornal digital 06 12-2018
Jornal digital 06 12-2018
 
Jornal digital 05 12-2018
Jornal digital 05 12-2018Jornal digital 05 12-2018
Jornal digital 05 12-2018
 
Jornal digital 04 12-2018
Jornal digital 04 12-2018Jornal digital 04 12-2018
Jornal digital 04 12-2018
 
Jornal digital 03 12-2018
Jornal digital 03 12-2018Jornal digital 03 12-2018
Jornal digital 03 12-2018
 
Jornal digital 30 11-2018
Jornal digital 30 11-2018Jornal digital 30 11-2018
Jornal digital 30 11-2018
 
Jornal digital 29 11-2018
Jornal digital 29 11-2018Jornal digital 29 11-2018
Jornal digital 29 11-2018
 
Jornal digital 28 11-2018
Jornal digital 28 11-2018Jornal digital 28 11-2018
Jornal digital 28 11-2018
 
Jornal digital 27 11-2018
Jornal digital 27 11-2018Jornal digital 27 11-2018
Jornal digital 27 11-2018
 
Jornal digital 24 11-2018
Jornal digital 24 11-2018Jornal digital 24 11-2018
Jornal digital 24 11-2018
 
Jornal digital 22 11-2018
Jornal digital 22 11-2018Jornal digital 22 11-2018
Jornal digital 22 11-2018
 
Jornal digital 21 11-2018
Jornal digital 21 11-2018Jornal digital 21 11-2018
Jornal digital 21 11-2018
 
Jornal digital 20 11-2018
Jornal digital 20 11-2018Jornal digital 20 11-2018
Jornal digital 20 11-2018
 
Jornal digital 19 11-2018
Jornal digital 19 11-2018Jornal digital 19 11-2018
Jornal digital 19 11-2018
 

Jornal digital 24 10-17

  • 1. Hospital Regional deixa de fazer procedimentos eletivos Horta promove na comunidade anseio por mais saúde Segundo episódio de série sobre fé traz religião como assunto CORREIO DO SULANO XXVI EDIÇÃO Nº 5.278 R$ 2,00TERÇA-FEIRA, 24 DE OUTUBRO DE 2017 www.grupocorreiodosul.com.br 22º12º Variação de Nebulosidade - Perío- dos curtos de abertura intercalados com períodos de nebulosidade. Previsão para hoje Extremo Sul Catarinense fé traz religiãofé traz religião como assunto fé traz religião como assunto fé traz religião como assunto Segurança – Pág 13 eletivoseletivoseletivoseletivos Segundo episódioSegundo episódio Geral – Pág 6 Hospital RegionalHospital Regional Geral – Pág 3 como assuntocomo assuntocomo assuntocomo assunto Especial – Pág 11 Extremo Sul Catarinense UL CICLISTA MORTO EM ACIDENTE AINDA NÃO FOI IDENTIFICADO
  • 2. BolsonaroeAminnacristadaonda Meio Rural SeminárioEstadualdoJovemRural,queteve sua primeira versão realizada em Chapecó, na semana passada, teve o franco apoio do deputado estadual José Milton Scheffer (PP). O objetivo do evento é o de fomentar a per- manência dos jovens no meio rural, já que nossoEstadotemficadocadavezmaisvelho, quando o assunto é o homem e a mulher do campo. Nos últimos 50 anos, os moradores da zona rural de Santa Catarina caíram de 77% de nossa população para apenas 16%. Cerca de um milhão de catarinenses ainda vivem no meio rural, mas apenas 159 mil são jovens, entre 20 e 29 anos, faixa etária que constituiaprincipalmãodeobrafrancamente ativa do campo. “Temos que tentar reverter esta realidade, pois grande parte da econo- mia catarinense é ligada ao agronegócio. Sem o homem e a mulher do campo, nossa economia corre um sério risco”, ressalta o parlamentar. Ainda este ano, Zé Milton pre- tende realizar uma versão do Seminário em Araranguá, ou Criciúma. Ciro no Sul Pré-candidato à Presidência da República pelo PDT, ex-governador do Ceará, Ciro Gomes, irá proferir palestra em Criciúma, na próxima sexta-feira,27,ondefalarásobreasalternativas para a crise brasileira. O evento acontece no auditórioRuyHulse,naUnesc,apartirdas19h. Tambémnasexta,enosábado,Ciroseencontra com líderes do PDT de todo o Sul do Estado. A vinda do presidenciável foi articulada pelo deputado estadual Rodrigo Minotto (PDT). Ciro Gomes tem percorrido o país realizando palestras e participando de programas de rádio e televisão. No que diz respeito aos debates político-partidários têm batido de frente com Jair Bolsonaro (PSC) e João Dória Júnior (PSDB), mas resguardado as imagens de Ge- raldoAlckmin(PSDB)eLuladaSilva(PT).No que diz respeito à administração e a economia do país, tem se manifestado favoravelmente ao nacionalismo, e, por consequência, contra as privatizações, lembrando em muito o ex-líder pedetista Leonel Brizola. ADVOCACIA EMPRESARIAL FONE: (48) 3533-0145 D ivulgação do le- vantamento do Instituto Paraná de Pesquisas, dando conta de que Jair Bolsonaro (PSC) e Esperidião Amin (PP) têm a preferência do eleitorado catarinense, no que diz respeito, res- pectivamente, à disputa pela Presi- dência da República, e pelo Governo do Estado, sacudiu o meio político estadual. De acordo com a pesquisa, Bolsonaro aparece com 24,7% das intenções de voto dos catarinenses, contra 18,3% de Lula da Silva (PT) e 10,8% de João Dória Júnior (PSDB). Os demais pré-candidatos têm menos de 10% das intenções. No caso de Bolsonaro, o dilema fica por conta de seus futuros aliados em nível estadual. Por óbvio que estes não virão do PTe nem do PSDB, parti- dos que terão candidatos à Presidência. No entanto, no mais, todos os gatos são pardos. Há de ressaltar, no entanto, que o mais pardo de todos é o PP, que, em princípio, não tem compromisso com ninguém em nível nacional. É justamente aí que entra Esperidião Amin com seus 30% conferidos pela Paraná Pesquisas. Na pesquisa,Amin é seguido por Paulo Bauer (PSDB), com 20,3%, e por Mauro Mariani (PMDB), com 9,9%. Jorginho Mello tem 5,1% e Gelson Merísio (PSD) 4,5%. Todo o meio político sabe que Mariani e Merísio devem subir, e que Paulo Bauer deve cair, caso não concorra com uma aliança forte. O problema para os demais é que Amin dificilmente perderá muito do que tem, já que ele possui um eleitorado cristalizado. É o mesmo caso de Lula, que apesar de todos os seus pesares, sempre aparece com 30% ou mais das intenções de votos no que diz respeito à disputa presidencial. A grande problemática que envol- ve a candidatura de Amin ao governo é a sua projeção de crescimento. Considerado extremamente centrali- zador, ele tem muitas dificuldades em conseguir compor alianças robustas e confiáveis. Tal fama é tida como a principal responsável pelas derrotas ao Governo do Estado em 2002 e 2006, e também à Prefeitura de Florianópolis em 2008. A salvação de Amin, e tam- bém de Bolsonaro em nível estadual, pode ser justamente a formação de uma aliança entre ambos, de modo a manterem seus percentuais em alta, enquanto costuram alianças robustas, baseadas em suas famas. Um espécie de casamento providencial,que poderá ser benéfico especialmente paraAmin. A dobradinha não soa de todo es- tranho aos catarinenses, já que ambos sãopolíticossimpatizantesdeumaide- ologia de centro-direita, o que não des- toa em muito da média do eleitorado de nosso Estado. Firmada a parceria, Amin e Bolsonaro trariam à reboque uma dúzia de partidos pequenos, se tornando ainda mais atraentes para os maiores. É a chance que Amin tem de ressurgir das cinzas, e a que Bolsonaro vencer também em Santa Catarina. Convenções Maioria absoluta das convenções do PMDB em nossa região, realizadas no sábado e no domingo, correram de forma consensual. Exceção se deu em Balneário Gaivota, com a o empresário João Carlos Porto e a ex-vereadora Maria Leandro Nunes dispu- tando o comando do partido. João venceu o embate e comandará o PMDB gaivotense pelos próximos dois anos. Nos demais mu- nicípios tudo se encaminhou a contento do que já vinha sendo articulado. Ressalta-se no contexto regional a posse do empresá- rio César Cesa como novo presidente do PMDB deAraranguá. Com o ex-presidente Anísio Prêmoli deixando o caminho livre para César, e com o ex-presidente da Câma- ra Municipal, Rony da Silva, fora do parti- do, o caminho está livre para a construção de um projeto sólido com vistas à 2020. É preciso, agora, diálogo e sobriedade para a construção de uma aliança, que abarque gregos e troianos ao redor do PMDB ara- ranguaense. Outra versão Assessoria do deputado federal Marcos Tebaldi (PSDB)entraemcontatoparapassarsuaversão dosfatos,noquedizrespeitoaorankingdivulga- dopeloportal“politicos.org.br”,quesededicaa acompanharotrabalhodedeputadosesenadores brasileiros.OntemdeicontadequeTebaldifigu- ra entre os parlamentares mais mal avaliados do país,segundooaludidoportal.Deacordocoma assessoria do deputado, a realidade, no entanto, seria outra. Neste sentido, é ressaltado que em outros portais de avaliação de parlamentares, Tebaldiaparecemuitobemcolocado,porserem avaliados critérios mais abrangentes do que os que são auferidos pelo “politico.org.br”. As excessivas faltas do parlamentar nas sessões da CâmaraFederal,quelhetiroupontosnoranking, por exemplo, seriam em decorrência de uma licença médica, “mas isto não é levado em con- sideração”, passando, meramente, a impressão dedisplicência.Deminhapartetambémobservei várias outras falhas na avaliação, especialmente de cunho ideológico. Rolando Christian CoelhoRolando Christian Coelho JORNAL CORREIO DO SUL Terça-Feira, 24 de Outubro de 2017 rolando_coelho@hotmail.com (48) 99945.6787 POLÍTICA “Em política, nenhuma informação corre mais rápida do que aquela que se pede para guardar em segredo. Por conta disto, melhor não ter segredos, ou tê-los só para si, e mais ninguém”. Charles de Gaulle (1890/1970) Ex-presidente da França
  • 3. 3Geral Jornal Correio do Sul Terça-Feira, 24 de Outubro de 2017 S e faltar palavras, o secretário de Saúde de Balne- ário Gaivota tem números capazes de convencer as pessoas sobre a importância de diminuir a quantidade de medicação utilizada pela população, e apostar mais na qualidade de vida. José Luís de Oliveira Lentz diz que o município gasta em média R$ 43 mil mensais somente com comprimidos distribuídos na rede pública. Entre os cerca de quatro mil habitantes atendidos pelo ESF Central, mais de 400 são diabéticos e ainda mais tem pressão alta. Por isso, o secretário é um entusiasta da implantação de uma horta comunitária que incentive o uso de plantas medicinais. O projeto surgiu da ini- ciativa do médico Diego Romero Cawen, do setor de Saúde e do diretor de Cultura Jorge Cunha. Antes de partir para a prática, eles colocaram tudo no papel, com a doação oficial de uma área medindo 18 x 52 metros para a horta, e um cronograma de encontros que servem para apresentar a ideia a comunidade e formar uma comissão que ficará à frente dos trabalhos. Um dos encontros foi realizado no último sábado, no Posto de Saúde Central. “As pessoas estão muito acostumadas a tomar remédios, queremos mudar essa cultura, mesmo tendo que nadar contra a cor- rente”, disse Jorge Cunha. O médico Diego explicou que além de ervas medicinais, no local devem ser produzidos alimentos. “É importante en- sinar as famílias a plantar sua própria comida”, defendeu. Também presente na reunião, o psicólogo da rede municipal de saúde Renato Dorneles, lembrou que até o ato de trabalhar com a terra pode ser curativo. A aposen- tada Avani Magi Pedroso concorda. Ela levou várias amostras de plantas fitoterá- Saúde Verde Encontro de guias reúne 60 inscritos Horta inaugura dia 13 de dezembro De domingo, 22, até esta terça-feira, 24, cerca de 60 guias e condutores estarão em Jacinto Machado para o 1º Encontro de Condutores dos Aparados da Serra. O prefeito João Batista Mezzari e o secretário de Turismo José Carlos Zanatta participaram da abertura oficial do evento na segunda, 23. No primeiro dia de even- to foi passado noções de primeiros socorros e animais peçonhentos. Nesta segunda as palestras foram sobre ge- ologia, projeto Geoparque, história local, entre outros. E no último dia de evento, terça-feira, acontece a entrada técnica no Tigre Preto. “Esta- mos felizes com o resultado desse encontro e com a parti- cipação de todos”, comentou a coordenadora do evento, Bruna Teresa Silva Pereira. Segundo o prefeito João Batista, o Gaiola, o encontro tem grande relevância para o município e região. “A reali- zação em Jacinto Machado nos deixa muito entusias- mado, pois entendemos a necessidade de cada vez mais apoiar o turismo e os agentes que contribuem para o seu desenvolvimento”. O condutor local de Cambará do Sul, Josemar Contesini afirma que a ini- ciativa foi de grande valia para o grupo. “Temos que promover mais encontros como este. Estou há mais de 20 anos nesse ramo, mas este é o primeiro encontro oficial que é realizado”. O evento contou com o patrocínio oficial da pre- feitura de Jacinto Machado, demais patrocinadores: Rota dos Canyons, Trilhas do Sul, Bixo do Mato Ecoturismo, Portal dos Canyons, Cooper- ja, Ferro Forte, Pousada Vó Liane,Aparados dos Sonhos, Ecoturismo eAventura, Maxx Comper, Boliche Guabiroba, Prefeitura de Praia Grande- Capital dos Canyons. Apoio: Supermercado Assis Brasil, Projeto Geoparque Caminhos dos Cânions do Sul,Associa- ção Tigre Preto. Jacinto Machado Marivânia Farias Balneário Gaivota Ação conjunta busca saúde e menor consumo de medicamentos químicos Palestras e oficinas ajudam profissionais a entender mais da condução turística picas que tem em casa e foi enumerando as indicações de cada uma: boldo para o estômago, hortelã combate a gripe. “Me criei e criei meus filhos só com chá, além disso, mexer na terra faz muito bem pra gente”, afirmou. Outra moradora da Gaivota, Maria Bernadete Farias, também esteve na apresentação e se dispôs a colaborar. “É uma ideia muito boa, merece apoio de todos”, enfatizou. O vereador Anderson Joaquim dos Santos, o Nando, tam- bém prestigiou o encontro. Nos próximos dias, o terreno, localizado atrás do Posto Central, teve ser pre- parado para que o plantio possa começar. Depois de ter um valo canalizado, ele será cercado e terá um pequeno prédio com banheiro. A ex- pectativa é que a estrutura seja inaugurada no dia 13 de dezembro, quando acontece uma capacitação com o pes- quisador Aléssio dos Passos Santos. Depois é só por as mãos na massa, ou melhor, mãos as mudas.
  • 4. 4 PublicidadeJornal Correio do Sul Terça-Feira, 24 de Outubro de 2017
  • 5. Nesta quinta-feira, a recém-empossada Reitora da Uni- versidade Federal de Santa Catarina,Alacoque Lorenzini Erdmann, estará em visita ao Campus Araranguá da Instituição. Ela irá acompanhar os avaliadores do Minis- tério da Educação (MEC), que verificarão as condições para implementação do curso de medicina na cidade. A expectativa da reitoria da Ufsc é positiva para que as aulas iniciem-se em 2018. A comitiva da universidade ainda inclui o Pró-Reitor de Graduação, professor Alexandre Marino Costa e tam- bém a Secretária de Ações Afirmativas e Diversidade da Ufsc, professora Francis Solange Vieira Tourinho. A visita às instalações do Campus Araranguá acontecerá às 18h30min. Com o assunto formação de cidadãos conscientes na infân- cia em alta nas sessões do legislativo deAraranguá, o presidente daCâmara,DanielViriato,anunciouqueseráretomadooprojeto Vereador Mirim. A intenção é que até o ano letivo se encerrar, as escolas realizem as eleições para que no início de 2018, os eleitos assumam as atividades na Câmara. Instituído em 2011, o projeto Vereador Mirim contem- pla alunos do 6º ao 9º ano tanto de escolas públicas, quanto particulares. As reuniões acontecem com a conveniência dos próprios alunos eleitos e as escolas, e dos projetos discutidos por eles, surgem sugestões para os vereadores reais proporem à administração municipal. Vereador mirim vai ser retomado em Araranguá Reitora da Ufsc virá ao Campus Araranguá O Programa de Recuperação Fiscal (Refis) de Jacinto Machado foi prorrogado e o novo prazo termina na próxima semana, dia 4 de novembro. O Refis oferece descontos de até 100% nos juros e multas e parcelamento em até36vezesnadívidaativareferenteaoIPTUedemaisimpostos. O débito dos contribuintes com o município ultrapassa os R$ 3 milhões. "Prorrogamos para dar mais uma oportunidade aos contribuintes quitarem suas dívidas com a administração municipal", reforça a secretária de Administração, Ana Klock. O Programa é destinado a promover a regularização de créditos do município, decorrentes de débitos tributários e não tributáriosaté31dedezembrode2016eénecessárioestaremdia JORNAL CORREIO DO SUL Terça-Feira, 24 de Outubro de 2017 Não importa se é velha ou nova, a música alegra as pessoas. Banda Vinil Pra K7 e idosos do Lar do Idoso de Sombrio. Vereadora de Turvo, Giseli Baesso “Acredito que nós devemos gostar sim de política, por que é ela que move o mundo” Prazo para Refis é prorrogado até 4 de novembro com os impos- tosde2017.Para adesão, o valor da parcela não poderá ser infe- rior a R$ 50,00 para parcela- mento em até nove vezes e de R$ 100,00 para pagamento acima de nove parcelas até o limite de 36 vezes. O Setor de Tributos fica na sede da prefeitura e atende das 7h às 13h.
  • 6. 6 GeralJornal Correio do Sul Terça-Feira, 24 de Outubro de 2017 G.C.S LTDA - ME Comercial: l48l 3533.0870 comercial@grupocorreiodosul.com.br Diretor Geral diretor@grupocorreiodosul.com.br Redação: Aline Bauer editor@grupocorreiodosul.com.br Publicações legais: tomaz@grupocorreiodosul.com.br Financeiro financeiro@grupocorreiodosul.com.br Radio 93FM radio93fm@grupocorreiodosul.com.br Diagramação/Arte: Erivaldo Ferreira (Aldo) cristian@grupocorreiodosul.com.br Sul Gráfica sulgrafica@grupocorreiodosul.com.br Circulação/Assinatura l48l 3533.0870 assinaturas@grupocorreiodosul.com.br Programa Bônus Motor começa hoje Inscrições abrem às 10h, no www.bonusmotor.com.br A Celesc e a WEG estão juntas no objetivo de substituir motores inefi- cientes por outros, mais modernos. O Programa Bônus Motor foi apresentado ontem à tarde, na sede da empresa de distribuição de energia, em Florianópolis, e a expectativa é promover a troca de pelo menos 6,5 mil unidades, com investimento total de R$ 28 milhões, incluindo aí a parte do cliente. O percentual do bônus pode variar de 30% a 40%, mas há uma condição: o desconto só será concedido se o comprador do motor novo entregar o equipamento substituído, para descarte pela WEG, dentro das normas ambientais. O presidente da Celesc, Cleverson Siewert, lembrou que as empresas distribuidoras precisam fazer projetos vinculados à eficien- tização energética. “Percebemos que 30% do consumo de energia do país vêm dos motores, principalmente industriais. Por isso desenvolvemos esse novo programa.” A economia pode chegar a 15% na conta de energia com a troca de motores. Além desse ganho, haverá aumento de confiabilidade e competitividade, redução de gastos com manutenção e mais sustentabili- dade ambiental. Siewert explicou que não há limite de motores por CNPJ e o atendimento se dará pela ordem de inscrição, que pode ser feita por condomínios residenciais (motores de elevadores e piscinas, por exemplo), indústrias, propriedades rurais, poder público, comércio, serviços privados e públicos. O valor por unidade varia de R$ 600,00 a R$ 85 mil. Os critérios de enquadramento ao programa estão no site www.bonusmotor.com.br, no qual devem ser feitas as inscrições. A WEG, escolhida por meio de licitação, já participou de iniciativas semelhantes em concessionárias de outros esta- dos. O diretor de Vendas da WEG para Unidade Motores na América Lati- na, Fernando Cardoso Garcia, disse que o modelo desenvolvido pela Celesc é “muito melhor, porque é muito mais simples e, ainda assim, mais eficaz”. Mais bônus O gerente da Divisão de Pesquisa, Desenvolvimento e Eficiên- cia Energética da Celesc, Marco Aurélio Gianesini, adiantou que está para ser lan- çada, em novembro, a quarta edição do programa Bônus Eficiente para troca de eletrodomésticos. A licitação está aber- ta para escolha do parceiro comercial. Devem ser trocados 6,5 mil geladeiras, freezers e aparelhos de ar-condicionado, vilões no consumo de energia. O desconto será de 50% para todos os equipamentos. SC-China Governador Raimundo Co- lombo recebeu em seu gabinete o presi- dente da Câmara de Comércio e Indústria Brasil-China, Charles Tang. O mercado é um dos mais importantes do mundo e San- ta Catarina tem interesse em ampliar a re- lação de importações e exportações com o país asiático. Mais uma vez o governador destacou a não elevação de impostos como diferencial competitivo do estado para atrair investimentos. Tang quer que seja organizada uma visita à China para ofi- cializar parcerias e novos investimentos. Telecomunicações O presidente da Operadora Claro, Paulo Cesar Teixei- ra, esteve ontem em Florianópolis. Ele mostrou que 92,1% dos acessos à in- ternet no país se dão via smartphones e que o consumo de dados vai triplicar até 2020, exigindo a aplicação de recursos na modernização do sistema de teleco- municações. No estado, até o final de 2017, a meta é substituir ou instalar 172 antenas, com nova tecnologia, além de chegar a dezembro com cobertura 4G para 70% da população. Impacto social Dados públicos e no- vas tecnologias podem ser utilizados para gerar impacto social e estimular novos empreendedores? Estas serão questões abordadas por palestrantes nacionais e internacionais no 6º Festival Social Good Brasil, que está com inscrições abertas e acontece sexta-feira (27) e sába- do (28), no Centro de Inovação da Asso- ciação Catarinense de Empresas de Tec- nologia (Acate), na Capital. Saiba mais em socialgoodbrasil.org.br/festival Por Andréa Leonora redacao@peloestado.com.br 24/Out/2017 Escolas mobilizadas Nove estudantes e três professores da rede estadual de ensino recebe- ram o Prêmio Educação e Saúde no I Concurso Escola Promotora de Saúde - Todos Contra o Aedes aegypti. As escolas são de Rio do Oeste, Paial, Concórdia, Mirim Doce, Jaraguá do Sul, Içara, São José do Ce- dro, São João do Oeste e Canoinhas. O secretário de Estado da Educação, Eduardo Deschamps, e o adjunto da Saúde, Murillo Capella, entregaram os prêmios ontem, em solenidade na sede da Federação das Indústrias (Fiesc). Ao todo, cerca de 50 mil alunos e mais de 2,6 mil professores se mobilizaram no concurso, em todas as regiões. Deschamps anunciou que o trabalho vai continuar. “Temos um projeto grande, de organização da escola como espa- ço sustentável de promoção da saúde. É uma ação permanente que vai além da sala de aula e intervém na comunidade em que a unidade está inserida.” ThiagoMarthendal De Novo O Hospital Regio- nal de Araranguá (HRA) está com os serviços eletivos paralisados neste mês e os procedimen- tos dos próximos dois meses também foram cancelados, segundoinformaçõesdagerente regional de Saúde, Patrícia Paladini. Serviços eletivos são os procedimentos médicos que são programados, ou seja, não são considerados de urgência e emergência. Foram canceladas con- sultas, cirurgias e exames, que são feitos por pessoas jurídicas contratadas pela Sociedade Paulista para Desenvolvimento da Medicina (SPDM), enti- dade que administra o HRA. Segundo Patrícia, profissionais das equipes de radiologia e ultrassom, anestesia, cirurgia geral e cirurgia pediátrica estão há cinco meses sem receber da SPDM. “A informação que a gente tem é de que estes pro- fissionais estão há cinco meses sem receber, então chegou o momento que eles paralisaram os serviços e estão aguardando uma resposta da SPDM, para que se volte o atendimento”, ponderou. Patrícia ainda explicou que os repasses mensais do estado de Santa Catarina com a SPDM estão em dia e que a gestora do HRA cobra do estado um reajuste contratual, Gislaine Fontoura Araranguá HospitalRegionaldeAraranguá paralisa serviços eletivos pois segundo a SPDM existe um déficit que chega próximo aosR$12milhõesequeovalor atual para fazer atendimento não é suficiente para manter os serviços. No entanto, segundo Patrícia, a Secretaria Estadual de Saúde, não assumiu o com- promisso com a dívida e nem pretende aumentar o valor do contratocomaSPDM,quedura até maio de 2018. Agerente regional de Saú- de exige da Sociedade, trans- parência. “A SPDM precisa mostrar quais são as dificulda- desqueestãosendoencontradas para fornecer este serviço à região. Quem está sofrendo com isto é a população, é quem estavahámesesaguardandopor uma cirurgia, que se organiza para fazer o seu procedimen- to e de repente recebe uma ligação informando que seu procedimento foi cancelado, porque a equipe de saúde está há cinco meses sem receber. Nem a população e nem estes profissionais que trabalham na instituição têm culpa disto, esta situação precisa se resolver”, ponderou.
  • 7. 7Geral Jornal Correio do Sul Terça-Feira, 24 de Outubro de 2017 A polêmica c o m e ç o u em Porto Alegre, em uma expo- sição organizada pelo Santan- der Cultural, o centro cultural mantido pelo banco Santander, mas logo se espalhou por todo o país. Em seguida veio à tona a cena de uma criança tocando em um homem nu, em um mu- seu de São Paulo, e a discussão se alastrou ainda mais. Defen- sores de quem protestou contra edequemsedisseafavordesse tipodearteapareceramtambém aqui na região, e a Rádio 93.3 FM promoveu uma roda de conversa sobre o assunto. Os participantes, Jonata Santos de Lima (policial mili- tar),MessiasOliveira(empresá- rio), Lourdes Zanete (professo- ra) eAlexandre Melquior (fun- cionário público) começaram concordando que o conceito de arte é bastante subjetivo, e para De Lima, não é esta a principal questão do debate. “Podem fazer o que quiserem, desde que não usem dinheiro público”, disse, criticando o fato das duas exposições terem arrecadado recursos através da Lei Rouanet. Lourdes clas- sificou as telas e a performance do artista sem roupa como de maugosto,porém,lembrouque muitas artes sacras que estão em igrejas, feitas por grandes pintores, mostram nus. “Não considero que o caso do artista nu possa ser classificado como pornografia,mesmoassim,não concordo com a presença de crianças”, enfatiza. Grupos a favor das duas exposições chamaram os pro- testos de censura. Alexandre, porém, discorda. Ele explica que a censura é um ato oficial doEstado,oquenãoaconteceu. “NocasodoSantander,obanco foi boicotado pelos clientes e mesmo não clientes, algo comum em uma democracia”, justifica. Para Messias, mesmo a cultura precisa ter limites, es- pecialmente no que se refere as crianças. “As famílias é que devem decidir sobre o que os filhos terão acesso”, defende. Conselho da Comunidade é reativado e membros são empossados Grupo debate limites da arte Aconteceu no auditório da Agência de Desenvolvimen- to Regional (ADR) de Araranguá, na manhã desta segunda- -feira, a eleição e posse do Conselho da Comunidade, que trabalha em conjunto com as famílias e com os internos do Presídio Regional de Araranguá (PRA), dando assistência social a eles. O ex-presidente, cabo Merêncio, passou o cargo para Márcio Honório, que foi eleito e empossado durante a ce- rimônia. Cabo Merêncio foi eleito vice-presidente da atual gestão, que encerra em outubro de 2019. Participaram da cerimônia, membros da comunidade, do Judiciário araranguaense, entre eles a juíza de Direito Letícia Pavei Cachoeira, membros do PRA, entre eles a ge- rente Bárbara Santos de Souza, membros das prefeituras de Araranguá e Maracajá, do Rotary Clube de Araranguá e da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) de Santa Catarina. Segundo Márcio, o conselho estava desativado desde 2011 e por uma solicitação da juíza Letícia retorna a partir de agora. “Toda a comarca tem que ter Conselho da Comu- nidade, comarca onde tem presídio, a necessidade é maior ainda”, declarou a juíza Letícia, durante a cerimônia. De acordo com a magistrada, o conselho é muito importante, principalmente para dar apoio ao apenado, quando ele deixa o presídio, buscando evitar que ele retorne a cometer algum crime. Gislaine Fontoura - Araranguá Marivânia Farias Região “A criança vai a um museu com a escola e não imagina que vá ver esse tipo de coisa, com cenas inadequadas” Jonata de Lima “É importante manter os valores que são aqueles da maioria das famílias” Messias Oliveira “É perigoso quando as pessoas mostram ódio nestes casos, tanto de um lado quanto de outro” Lourdes Zanete “Quem gosta desse tipo de arte tem que aceitar as consequências, se acha que tem público, então que se financie, sem dinheiro público” Alexandre Melquior Polêmica Polêmica sobre o que é ou nãi arte, que tomou o país, foi tema de debate na 93 FM
  • 8. EntretenimentoEntretenimentoNovelas - Horóscopo - Diversão Cruzadinha Novelas N o Rio, Lucinda diz a Reinaldo que guar- dará a medicação de Inácio, e Emília insinua ao irmão que ele deveria ser o responsável pelo trata- mento do rapaz. Celeste e Conselheiro falam sobre o casamento de Carolina. Vicente cuida de Odete, que acarinha o sobrinho. Em Morros Verdes, Delfina conta a JoséAugusto que Fernão tem intenção de se casar com Tereza, caso ele a assuma como sua filha. Lucinda e Maria Vitória se encontram no empório no Rio. Tempo de Amar -18h M onteiro revela a An- tônia que o perito morreu na época da investigação do acidente de Mirella. Sandra Helena não cede ao pedido de Wander- ley para pagar a fiança de Agnaldo. Natália conta a Douglas que viu Tânia beijar Dom no corredor do hotel.Antônia conta a Domênico sobre a investigação do acidente de Mirella. Domênico avisa a Antônia que marcou um encontro com Dalva. Athaíde conta a Lourenço que foi juiz. Dílson promove uma roda de samba no quiosque. C lara aceita o pedido de Gael e anuncia sua decisão a Josafá. Sophia descobre que nas terras de Clara existe uma mina de esmeraldas e incen- tiva o casamento do filho. Natanael deixa Elizabeth insegura com os comentá- rios sobre Henrique. Jô convida Elizabeth para a festa de seu aniversário. Renato se entristece com a notícia do casamento de Clara. Mercedes reza Clara e tem um mau pressentimento.Amaral questiona Sophia sobre os termos do contrato de casamento de Gael e Clara. OOutroLadodoParaíso-21h Pega Pega -19h Rapidinhas Áries 21/03 a 20/04 21/04 a 20/05 21/05 a 20/06 21/06 a 20/07 21/07 a 20/08 21/08 a 20/09 21/09 a 20/10 21/10 a 20/11 21/11 a 20/12 21/12 a 20/01 21/01 a 20/02 21/02 a 20/03 Leão HoróscopoHoróscopo Sagitário Gêmeos Libra Aquário Touro O Sol baixará um pouco a sua ansiedade, re- ceberá uma grande ajuda neste aspecto. Sua intuição irá livrar você de algumas situações ruins. Marte também tende a ser positivo neste dia para favorecer a sua coragem. Atitudes equivocadas podem manchar sua repu- tação. Não fale tudo que venha de pronta na sua cabeça. Saturno tende a agir de forma negativa para este signo. Mostrará mais o seu lado contraditório, isso não será bom, pois pode gerar desconfiança de alguns. Isso será uma influência muito forte de Saturno. Procure pensar mais e use sua inteligência com paciência. Pode vir a ter um ressentimento durante o dia. Não deve ser tão dependente de outras pes- soas. A Lua poderá te ajudar a despertar sua afetuosidade sem melancolia ou qualquer outra instabilidade. Irá mostrar ser uma pessoa muito criativa e leal, Netuno tende ser um forte aliado para esta situa- ção. As situações de desconforto provavelmente serão geradas por você, evite criar muitos cons- trangimentos. Sua praticidade ajudará a executar algumas tarefas das quais estavam estagnadas. Urano ajudará a transformar esta palavra praticidade em elemento chave para as coisas melhorarem. Porém será muito crítico. A palavra chave deste dia para o signo de Libra será diplomacia. Demonstrará um forte senso de conciliar ideias de pessoas completamente diferen- tes. Saturno será um planeta importante neste dia. Uma grande determinação será apresentada por você. Plutão abrirá muitas portas para você con- seguir realizar aquilo que tanto deseja. Perceberá facilmente aqueles que querem tentar te ludibriar. Seu pensamento estará mais aguçado que habi- tualmente. O elemento fogo ajudará um pouco o seu humor. Não deve ter muitos problemas para se fazer compreender e passar boas energias para quem está ao seu lado. Não haverá muitas alterações relevantes no campo do relacionamento.Aestabilidade tende a se manter durante este dia. Marte e Saturno para esta constelação não exercerão tanta influência na sua vida. Mostrará ter muita energia para encarar as dificul- dades que virão acontecer neste dia. Será um dia bom para você pensar sobre a sua vida. Saturno lhe ajudará para refletir mais neste sentido. Atrair novas pessoas para o seu círculo de amizade será algo muito importante. Netuno será o planeta no qual irá ajudar neste processo interessante e importante. Seu carinho irá mexer com as outras pessoas. Virgem Capricórnio Câncer Escorpião Peixes Nesta segunda-feira )23),Andressa Urach es- teve em um Penitenciária para falar da mudança que ocorreu em sua vida, nos últimos anos.Nas redes sociais, a loira chegou a postar fotos do encontro com as detentas. Esta semana parece já estar começando de uma maneira ainda mais especial, para a família de Lizi Benites. Tudo porque a primeira filha da modelo, Liz, fruto de seu casamento com o per- sonal Galego, está completando dez meses de vida, com fofura para dar e vender, e recebeu, por meio do Instagram, uma linda declaração de amor de sua mamãe coruja e babona. "Hoje, completamos dez meses de muito amor, um sentimento, uma união, um compro- metimento que não cabe no peito! Te amo, minha filha, toda honra e toda a glória a Ele! Senhor, obrigada por me permitir viver esse amor", foi a legenda escolhida por Lizi. JORNAL CORREIO DO SUL Terça-Feira, 24 de Outubro de 2017
  • 9. TÂNIA DUARTE JORNAL CORREIO DO SUL Terça-Feira, 24 de Outubro de 2017 48 3533.0762 tania@grupocorreiodosul.com.br facebook.com/tania.duartecoelho SocialSocial Conexão Rosa em Turvo. A pri- meira dama Luci Zilli e a segunda Irene Dagostim reuniram mulheres em noite maravilhosa. Foto: www.melhoresdosul A competente contato comercial Bethânia Simão e o namorado Maurício Cesar Silveira. Dona Zilá foi home- nageada no Jantar ex-alunos do Iemes, na foto com o marido Baltazar e as filhas Mari Leila e Dulce Mara. Parabéns! Geovana Aguiar Bennech e o ma- rido Vinicius Bennech da Boutique Maria Clara no Sombrio Moda Shopping. Fui conhecer a loja na semana passada e já renovei meus looks, adorei o estilo e o preços, super indico! Café das Primas. Muito legal a idéia das primas da família Scheffer que se encontram regularmente. O último Café das Primas foi neste fim de semana em Araranguá na casa da Clau- dinéia Scheffer da Rosa. Família linda: Taise da Rosa Gomese o marido Junior Gomes com as filhas.
  • 10. 10 PublicidadeJornal Correio do Sul Terça-Feira, 24 de Outubro de 2017
  • 11. 11Especial Jornal Correio do Sul Terça-Feira, 24 de Outubro de 2017 N a segunda par- te da série Fé, o jornal Correio do Sul traz um assunto que às vezes, se torna polêmico: reli- gião. Existe certa ou errada? Escolhemos nossa religião ou ela nos escolhe? O que define uma religião como a ideal para cada uma de nós? Uma história sobre fé acima de tudo revela que o que importa, é se sentir bem consigo mesmo e com Deus. Uma nova organização religiosa surge no país a cada hora. De janeiro de 2010 a fevereiro deste ano, 67.951 entidades se registraram na Receita Federal sob a rubrica de “organizações religiosas ou filosóficas”, uma média de 25 por dia. Ou seja, religiões são o que não faltam, e basta escolher aquela em que o fiel mais se encaixa. Pode parecer uma expressão um tanto hu- mana demais para um assunto considerado sagrado, mas é a realidade. São milhares de fieis migrando de uma igreja para a outra, muitos buscan- do encontrar sua verdadeira fé. Foi o que aconteceu com Renildo Machado. Morador de Sombrio, ele percebeu que não concordava com muitas diretrizes da religião que se- guia, e em alguns momentos, chegou a deixar de frequentar qualquer igreja. “Saber ler e escrever, não quer dizer que você seja mais inteligente. Me deixava enojado ver que algumas pessoas tiram o leite da boca de seus filhos para dar o dinheiro para esses líderes que andam nos melhores car- ros, com as melhores roupas, iludindo e brincando com a fé delas. Por isso abando- nei as religiões”, relata. No entanto, ele argumenta que nuncaabandonousuafé.“Meu compromisso era com Deus. Eu ia à igreja católica, pagava dízimo,masnãopraticava.Fui católico, evangélico, mas não aceitava o método que eles trabalhavam. Aquilo foi cor- rompendo meu entendimento. Eu não era contra eles, mas sim contra o método deles”, declara. No entanto, ele sentia falta de frequentar um templo, um lugar onde pudesse encon- trar Deus. Foi quando Renildo e a esposa conheceram os Adventistas do Sétimo Dia. A entidade, com mais de 17 mi- lhões de membros no mundo, é uma igreja cristã protestante organizada em 1863 nos Esta- dos Unidos. Segundo Renildo, foi entre os adventistas que ele encontrou-se mais perto do que realmente acredita. “Escolhi esse caminho, por que Deus te ensina tudo, mas Fé Grupo de Dança do Ceac ganha destaque no Unesc em Dança Série traz histórias de quem tem na crença seu alicerce OGrupodeDançadoCen- tro deAtendimento a Criança e ao Adolescente de Sombrio, o Ceac,participounosábado,em Criciúma,doUnescemDança, festivalvoltadoaapresentações sem competição de grupos de todo o sul do estado e recebeu avaliaçãodedestaquedosjura- dos que entregam pareceres ao final do evento. “Foi muito gratificante e até surpreendente a avaliação que fizeram de nosso grupo, numa coreografia com seis meses de ensaio, mas que feita com muito amor por estes me- ninos e meninas que dançam juntos há quatro anos, deu esse resultado para Sombrio”, co- memorou a professora Taiane Kras Borges. Mais de 600 bailarinos participaram desta edição e o grupo sombriense foi elogiado pelo vigor, animação, coreo- grafia bem executada, figurino eespecialmentepelaqualidade dedançadosdoismeninosque, junto das oito meninas, deram um verdadeiro show no palco da Unesc. A coreografia em home- nagem a cantora brasileira Carmem Miranda, que marcou épocanopaísfoiresgatadapela professoraTaianeeremontada, já que já havia sido usada com outros grupos em que ela foi professora e, nem por isso, ficou ultrapassada. O figurino, também com algum resgate do material anti- go, teve seus ajustes realizados em parceria com os pais dos alunos do grupo de dança. “É uma de nossas metas no Ceac, o fortalecimento de vínculo com a família. Esse resultado que tivemos demonstra que o caminho que seguimos está certo e merece continuidade”, salientou Patrícia Euzébio, coordenadora do centro. O Ceac faz parte da Se- cretaria de Saúde eAssistência Social e atende alunos da rede municipal de ensino em vul- nerabilidade social no contra turno das escolas, fazendo um trabalho de socialização e melhorianodesempenhodiário comaplicaçãodecursoseofici- nas lúdicas que desenvolvam a capacidade física e mental das crianças. Renildo seguiu sua consciência e encontrou religião ideal Sombrio Sombrio Religião e Consciência você precisa ter um objetivo. Quem faz os julgamentos, é Ele.Aprendi muito com eles”, revela. Obviamente que há um processo antes que ele efeti- vamente se tornasse um dos fieis, mas Renildo garante que todo o trajeto até converter-se apenasafervorousuascertezas religiosas. “Tudo fui filtrando, observando o jeito deles, e depois, fizemos um ano de estudo bíblico, para no final, decidir se era aquilo mesmo que queríamos. É como uma criança que começa a cami- nhar, vai levantando, caindo, e eu querendo saber mais”, relembra. No início do ano, ele e a esposa, Márcia, finalmente se tornaram definitivamente Adventistas, e hoje, Renildo se diz feliz com a escolha que fez. “Percebemos que cuidam muito da saúde, da educação, até sobre comportamento. Para mim mudou muito. Mi- nha crença, meus sacrifícios, aprendi sobre os caminhos que levam a Deus”, comenta. É aquela questão: existe fé para todo o tipo de pessoa, basta encontrar a que mais combina com suas diretrizes.
  • 12. 12 PublicidadeJornal Correio do Sul Terça-Feira, 24 de Outubro de 2017
  • 13. 13Segurança Jornal Correio do Sul Terça-Feira, 24 de Outubro de 2017 Mistério PM prende casal por três crimes Incêndio atinge Papaléguas Burguer Polícias cumprem mandado de prisão Corpo de homem atropelado continua sem identificação Na noite de sexta-feira, por volta das 19h, guarnições da PM de Araranguá foram acionadas para atender uma ocorrência de disparos de arma de fogo contra uma mu- lher, no bairro Nova Divinéia. No local, os policiais se depararam com uma das vítimas, que relatou que uma mulher havia efetuado dis- paros de arma de fogo em sua direção, e que fugiu logo após. Imediatamente, as guar- nições militares iniciaram as buscas e localizaram o veículo. Durante busca vei- cular, os policiais militares encontraram a arma de fogo no interior do porta-luvas. Ainda no veículo, os policiais militares localizaram fita adesiva, presilhas tipo lacre e o aparelho celular da vítima. Indagados sobre os fatos, o homem e a mulher que es- tavam no veículo abordado, Na manhã desta segunda- -feira, por volta de 10h30min, um princípio de incêndio em uma hamburgueria, localiza- da no Centro deAraranguá, ao lado da Igreja Nossa Senhora Mãe dos Homens, chamou a atenção da população e foi bastante comentado nas redes sociais. O incidente ocorreu no Papaléguas Burger, em uma dispensa de aproximadamen- te 8m², onde estavam acon- dicionados alguns alimentos, bebidas, papéis toalha, entre outros produtos. As chamas Na tarde de ontem, por volta das 13h45min, a Polí- cia Militar e a Polícia Civil ErrataNa edição de ontem do jornal Correio do Sul foi publicado uma matéria referente a um assalto na relojoaria Trespach em Sombrio. O horário do assalto foi às 10h45min de sábado e não às 11h30min, como na publicação. Também não foi levado dinheiro e sim, relógios e joias. P orvoltada1h30min da madrugada de sábado,umveículo Santa Fé Hyundai de cor preta com placas de Porto Alegre, seguia sentido sul norte na BR relataram que vieram do Rio Grande do Sul para reaver um veículo que uma das vítimas havia comprado e que teria que efetuar a quitação da dívida, e que esta não havia cumprido o acordo. Relata- ram ainda, que compraram a fita e as presilhas para amar- rar a esposa da vítima, até que esta trouxesse o veículo. Uma das vítimas relatou chegaram a atingir o telhado da edificação. O Corpo de Bombeiros de Araranguá foi acionado para combater o fogo, sendo de Santa Rosa do Sul deram cumprimento ao um manda- do de prisão em desfavor de Dienefo Santos dos Reis. O mandado de prisão é referente 101 na comunidade de Três Coqueiros, em São João do Sul, quando em determinado momento se deparou com um ciclista no meio da pista e acabou colidindo nele. Segundo o motorista, que vinha do Rio Grande do Sul que disparos de arma de fogo foram efetuados em sua dire- ção, e que tentaram colocar sua esposa no interior do porta-malas, após ter subtra- ído seu aparelho celular. Diante dos fatos, o ho- mem e a mulher receberam voz de prisão por tentativa de homicídio, roubo e seques- troe foram encaminhados à central de polícia. que os militares montaram uma linha de ataque para a extinção do incêndio e utiliza- ram um ventilador de pressão positiva e mil litros de água. a regressão, quando a Justiça determina que o homem seja preso novamente, parando de gozar do benefício de cum- prir a pena em liberdade, retornando ao presídio onde cumprirá a pena em regime semiaberto. Segundo a Polícia o homem estava em sua casa na vila São Cristóvão e ao ser abordado, resistiu à prisão. Após capturado o homem foi levado para delegacia da Polí- cia Civil de Santa Rosa do Sul e posteriormente conduzido para o sistema prisional de Santa Catarina onde voltará a cumprir o resto da pena. com a família no veículo, quando ele viu o ciclista no meio da pista não deu tempo de fazer nada para evitar o acidente. O impacto da coli- são foi tão forte que destruiu a frente do veículo. O ciclista morreu na hora e o corpo do mesmo ficou irreconhecível.A Polícia Rodoviária Federal e o Instituto Médico Legal foram acionados e após realizarem os procedimentos, o corpo da vitima foi encaminhado para o IML de Araranguá. O corpo do homem que tem apa- rentemente 40 anos ainda não foi identificado e não portava nenhum documento na hora doacidente.Segundoinforma- ções extraoficiais suspeita-se de ser um morador do interior de Praia Grande, mas ainda se espera confirmação do IML para que o corpo seja ser liberado. Motorista do carro não conseguiu desviar do ciclista Casal planejava sequestrar vítima para receber dívida Foco do incêndio começou na cozinha do lugar Araranguá Gislaine Fontoura AraranguáSanta Rosa do Sul São João do Sul
  • 14. 14 PublicidadeJORNAL CORREIO DO SUL Terça-Feira, 24 de Outubro de 2017
  • 15. 15Geral Jornal Correio do Sul Terça-Feira, 24 de Outubro de 2017 EDITAL DE INTIMAÇÃO ARLINDO EDÍLIO DA ROSA, Titular do TABELIONATO DE NOTAS E PROTESTOS DE TÍTULOS desta Comarca de Sombrio, situado na Av. Nereu Ramos, 1300 - Fone (48) 3533- 0318 - CEP 88960-000, atendimento das 08:00h - 12:00h e 14:00h - 18:00h, faz saber na forma da Lei aos que o presente EDITAL virem, que se encontram nesse tabelionato para serem protestados, decorrido o prazo legal de 03 (três) dias úteis, por não terem sido encontrados nos endereços fornecidos, ou por se recusarem a tomar conhecimento, os títulos cujos responsáveis estão abaixo discriminados. Ficam esclarecidos, também, de que nesse mesmo prazo poderão apresentar resposta escrita, que não impedirá a lavratura do protesto. PROT. APRESENTANTE / CNPJ DEVEDOR / CNPJ Prot: 162492; Devedor(es): ALBERTO COSTA LOBO - 391.607.850-04, End: Estrada Geral, 76, Balneario Gaivota; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: RELOJOARIA E OTICA TRESPACH LTDA EPP; Sac: RELOJOARIA E OTICA TRESPACH LTDA EPP; Tit: 22218 ; Apr: FCDL; VEN: 07/06/2017; Esp: Nota Promissória; Val: R$ 369,00 + Juros Legais (1% a.m.); Emol.: R$ 56,58.Apontamento R$ 16,50 - Selo R$ 1,85 - Distribuição R$ 0,00 - Diligência R$ 33,00 - Condução R$ 7,08 - Digitalização R$ 0,00- Total Emolumentos R$ 56,58. Prot: 162525; Devedor(es): FATIMA MARIA PEREIRA DE BARROS - 552.825.631-34, End: Rua 14, S/N, Balneario Gaivota; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: ELIANA D AVILA DA SILVA E CIA LTDA ME; Sac: ELIANA D AVILA DA SILVA E CIA LTDA ME; Tit: 2712 ; Apr: FCDL; VEN: 10/01/2017; Esp: Duplicata Venda Mercantil por Indicação; Val: R$ 220,00 + Juros Legais (1% a.m.); Emol.: R$ 91,10. Apontamento R$ 16,50 - Selo R$ 1,85 - Distribuição R$ 0,00 - Diligência R$ 50,65 - Condução R$ 23,95 - Digitalização R$ 0,00- Total Emolumentos R$ 91,10. Prot: 162523; Devedor(es): JAKSON DE OLIVEIRA COELHO - 096.729.179-88, End: Rua 8, 295, Balneario Gaivota; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: ELIANA D AVILA DA SILVA E CIA LTDA ME; Sac: ELIANA D AVILA DA SILVA E CIA LTDA ME; Tit: 2212 ; Apr: FCDL; VEN: 20/10/2017; Esp: Duplicata Venda Mercantil por Indicação; Val: R$ 250,00 + Juros Legais (1% a.m.); Emol.: R$ 84,68.Apontamento R$ 16,50 - Selo R$ 1,85 - Distribuição R$ 0,00 - Diligência R$ 50,65 - Condução R$ 17,53 - Digitalização R$ 0,00- Total Emolumentos R$ 84,68. Prot: 162483; Devedor(es): SCHEFFER DIESEL BOMBAS INJETORAS LTDA - 08.992.263/0001-36, End: Rod. Br 101 Km 436, 2363, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: BANCO COOPERATIVO SICREDI SA; Sac: DIGITAL DIESEL BOMBAS INJET LT; Tit: 28546 ; Apr: BANCO BRADESCO S A; VEN: 10/10/2017; Esp: Duplicata Venda Mercantil por Indicação; Val: R$ 187,21 + Juros Legais (1% a.m.); Emol.: R$ 56,58. Apontamento R$ 16,50 - Selo R$ 1,85 - Distribuição R$ 0,00 - Diligência R$ 33,00 - Condução R$ 7,08 - Digitalização R$ 0,00- Total Emolumentos R$ 56,58. Prot: 162446; Devedor(es): VANISE ANTUNES RODRIGUES - 005.096.699-56, End: Rua Antonio Inacio da Rosa, 420, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: BANCO COOPERATIVO DO BRASIL S.A.; Sac: LEHAUS MOVEIS E DECOR; Tit: CF 16433 2- ; Apr: BANCO DO BRASIL SA; VEN: 10/10/2017; Esp: Duplicata Venda Mercantil por Indicação; Val: R$ 645,00 + Juros Legais (1% a.m.); Emol.: R$ 56,58. Apontamento R$ 16,50 - Selo R$ 1,85 - Distribuição R$ 0,00 - Diligência R$ 33,00 - Condução R$ 7,08 - Digitalização R$ 0,00- Total Emolumentos R$ 56,58. Certifico, para os devidos fins, que o presente edital foi afixado no mural da serventia em: 24/10/2017. Sombrio - SC, 24/10/2017 ARLINDO EDÍLIO DA ROSA COMUNICADO Relata o comunicante que teve a garagem de sua residência arrombado onde foi furtado uma caixa com documentos e uma impressora fiscal. Acresce ao relato que a impressora é uma da marca BETATECH modelo MP-4000 TH FI, versão 01.00.02, n° de fabricação BE091010100011200963, da empresa DROGARIA MATOS LTDA EPP, CNPJ 79.690.889/0001-36 ESTADO DE SANTA CATARINA MUNICÍPIO DE SÃO JOÃO DO SUL DECRETO Nº 089 DE 23 DE OUTUBRO DE 2017 “Abre Crédito Suplementar ao Orçamento Vigente da Prefeitura Municipal e dá outras providências”. MOACIR FRANCISCO TEIXEIRA, Prefeito Municipal de São João do Sul, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições legais e de acordo com o Art. 6º da Lei nº 1796 de 12 de dezembro 2016 (Lei Orçamentária); DECRETA: Art. 1º - Fica determinada a abertura de crédito adicional suplementar no valor de R$ 5.000,00 (cinco mil reais), para cobertura de dotação do orçamento vigente da Prefeitura Municipal, conforme segue: 09 – SECRETARIA MUNICIPAL DE OBRAS E SERVIÇOS 02 – FUNDO MUNICIPAL DE SANEAMENTO BÁSICO 17.512.0135.2058 – Manutenção do Fundo Municipal de Saneamento Básico 3.3.90.00.00.00.00.00.3080 – Aplicações Diretas........R$ 5.000,00 TOTAL....................................R$ 5.000,00 Art. 2º - Para cobertura da dotação do artigo primeiro será utilizado recursos ordinários de superávit financeiro, verificados no exercício anterior. Art. 3º - Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação. Gabinete do Prefeito Municipal de São João do Sul, 23 de outubro de 2017. MOACIR FRANCISCO TEIXEIRA Prefeito Municipal Publicado e registrado nesta Secretaria aos vinte e três dias do mês de outubro do ano de dois mil e dezessete. TAISE DOS SANTOS ALVES Secretária Municipal de Administração e Finanças
  • 16. 16 PublicidadeJornal Correio do Sul Terça-Feira, 24 de Outubro de 2017
  • 17. 17Publicidade Jornal Correio do Sul Terça-Feira, 24 de Outubro de 2017
  • 18. Grêmio esquece derrota e diz que tropeço não influi na LibertadoresPorto Alegre 01-02-05-07-08 09-11-12-14-15 16-18-20-21-25 CONCURSO 1.576 LOTO FÁCIL 23/10 03-17-26-47-56 CONCURSO 4.513 QUINA 23/10 A má atuação do time re- serva do G r ê m i o , com direi- to a derrota para o Palmeiras por 3 a 1 na Arena, neste domingo, ficou no passado. Ou melhor, permanece em Porto Alegre. É o que afirma o técnico Renato Portalup- pi, ao projetar o confronto diante do Barcelona-EQU, em Guayaquil, pelo duelo de ida das semifinais da Copa Libertadores. "Essa derrota fica aqui hoje (domingo) naArena. No voo só tem Barcelona, nosso jogo pela Libertadores" (Re- nato Gaúcho) Assim que encerrou a partida deste domingo, Rena- to virou a chave. E disse que o grupo do Grêmio embarca (o que ocorreu durante a madru- gada) para o Equador somente com o adversário da próxima quarta-feira na cabeça. – Essa derrota fica aqui hoje (domingo) na Arena. No voo só tem Barcelona, nosso jogo pela Libertadores. O Grêmio é o único represen- tante do futebol brasileiro na competição. Não é nenhuma desculpa, mas esse jogo fica aqui dentro daArena – decre- ta Renato. Desde sempre o Grêmio deixou claro no planejamento que o foco era a partida contra a equipe sul-americana. Tanto que Renato escalou equipe reserva no confronto deste domingo. Somente Luan e Michel, do time titular, esti- veram em campo. E somente jogaram para… adquirir ritmo para o duelo em Guayaquil. Embora tenha obtido o segundo melhor retrospecto no primeiro turno do Bra- sileirão, somente atrás do Corinthians, a direção do Grêmio não vê preocupação com a queda de desempe- nho no segundo turno, no qual conta com apenas a 17ª campanha. Pelo contrário. A análise interna é de que o time se encontra em ascensão – boa parte pelo esvaziamento do departamento médico. "O Grêmio está em uma ascendente novamente. Vejo o time em ascensão" (Odorico Roman, vice de futebol) Ao traçar um paralelo comparativo com o próprio Barcelona-EQU, o vice de futebol Odorico Roman lem- bra que o clube rival também sofre na competição nacional do seu país. Atualmente, é o nono colocado na tabela, com apenas duas vitórias em 13 jogos, e não vence a oito. – Cada time tem seus problemas, suas questões. O Barcelona também tem e passa por oscilação na com- petição nacional. Nós vamos chegar em uma situação me- lhor do que estávamos há algumas semanas. O Grêmio vai ao Equador com condição de fazer um bom jogo e, quem sabe, com a possibilidade de fazer um bom resultado. O Grêmio está em uma as- cendente novamente. Vejo o time em ascensão – ressalta Roman. JORNAL CORREIO DO SUL Terça-Feira, 24 de Outubro de 2017 Para o jogo desta quarta- -feira, o Grêmio terá grupo praticamente completo. Re- nato somente não poderá contar com Bruno Rodrigo, substituído no intervalo con- tra o Palmeiras, e que ficou de fora da lista de relacionados para a viagem. Além, é claro, de Douglas, que passou por nova cirurgia no joelho e não joga desde fevereiro. O Grêmio fará dois treinos em solo equatoriano antes da decisão contra o Barcelona-EQU. O confronto contra os equatorianos ocorre às 21h45 (de Brasília) de quarta-feira, no Monumental de Barcelona, em Guayaquil. O jogo de volta está marcado para o dia 1º de novembro, no mesmo horário, em Porto Alegre.
  • 19. Balneário Gaivota no pódio em corrida de rua Novo Hamburgo Baln. Gaivota EmjogoamistosonoEstá- dio do Vale em Novo Hambur- go,RioGrandedoSul,oMaster do Araranguaense, o Leão do Sul, ganhou de 1 x 0 do Master do Novo Hamburgo. A partida foi realizada pela manhã, no gramadoprincipalecontoucom alguns ex-jogadores profissio- nais do Novo Hamburgo. Apartidafoiamistosa,mas se viu um grande jogo de muita movimentação e de bom toque de bola, mostrando que quem sabe nunca esquece. Antes e depois da partida, teve muita resenha entre jogadores. O gol foi marcado na metade da segunda etapa, pelo camisa 10, o jogador Marinho ex-jogador profissional que marcou um golaçodeforadaárea,anotando o único gol da partida dando a vitória para a equipe do AFC, Araranguaense Futebol Clube. "Desde já queremos agra- M a i s u m a v e z B a l - n e - ário Gaivota conquistam vaga em pódio de corridas de ruas pela região. Desta vez foi na cidade de Torres(RS) pelas atletas Adriana Gazola e Rejane Beatriz Machado. A corrida Outubro Rosa teve o percurso de 5km na cidade de Torres, sendo que Rejane conquistou o 1º lugar na categoria 50 à 59 anos e Adriana o 2º lugar na catego- ria 30 a 39 anos. Para a corrida, Balneário Gaivota contou com a par- ticipação 8 atletas. "Nunca imaginei estar correndo, muito menos participando de uma competição de corrida rústica, esta já é a minha Brasileirão Série A Brasileirão Série B 19Esporte decer o master do Novo Ham- burgo, por essa grande parceria e amizade. Ali temos vários amigos, em especial aos meus amigos Luciano e Vitor, dois feras da bola. Queremos que esse laço de amizade e parceria se estenda por muito tempo. Agradecer também aos nossos guerreiros da nossa equipe, que Araranguaense ganha amistoso do Master do Novo Hamburgo Jornal Correio do Sul Terça-Feira, 24 de Outubro de 2017 terceira e agora não imagino minha vida sem a corrida", comenta Adriana que aliou o esporte a uma atividade para manter uma vida mais saudável. No próximo final se- mana, dia 28, as atletas, que fazem parte de um grupo de corrida Team Monstro devem participar de mais uma competição na cidade de Sombrio, no Night Run, com inscrições nos dois per- cursos, de 4km e de 8 km. vieram até o Rio Grande do Sul para essa grande partida. Obrigado Master do Noia, pelo carinho e como nos receberam e nos trataram neste domingo", disse o presidente do Araran- guaense, Cleder Maciel. A diretoria do master do Araranguaense agora estuda marcar um ou no máximo dois jogos para o mês de novem- bro, um em casa e outro fora. Maioresinformaçõesecontatos pelofone:(48)999003535.Em dezembro a equipe joga em casa amistoso diante de uma equipeex-profissionalquetrará jogadores craques do passado, uma grande equipe que virá a Cidade dasAvenidas.
  • 20. TERÇA-FEIRA, 24 DE OUTUBRO DE 2017