SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 28
Baixar para ler offline
APPDEESCOLADENUNCIAEX-DIRETOR
POR PASSAR CHEQUE SEM FUNDO
HOSPITALDOMJOAQUIMAPRESENTANOVAS
PARCERIAS E AUMENTA INTERNAÇÕES
MOTORISTA É CONDENADO POR
ACIDENTE COM MORTE QUE TEVE
GRANDE REPERCUSSÃO
Correio do SulANO XXVI EDIÇÃO Nº 5.193 R$ 2,00SEXTA-FEIRA, SÁBADO E DOMINGO, 23, 24 E 25 DE JUNHO DE 2017
www.grupocorreiodosul.com.br
25º15º
Parcialmente Nublado - Sol entre
poucas nuvens.
Previsão para hoje
Extremo Sul Catarinense
ARARANGUÁ
SAÚDE
JÚRI POPULAR
Página 11
Página 13
Página 16
Página 3
Sombrio
CAMPANHA PELA VIDA
MOSTRA HISTÓRIAS DE SUPERAÇÃO DE
QUEM JÁ PENSOU EM SE MATAR
OovodeColombodiantede2018
Brigaçada
Na coluna de ontem publiquei nota
contando a experiência traumática que
um comerciante de nossa região teve ao
ter seu estabelecimento assaltado a mão
armada. O referido comerciante fez alu-
são ao deputado federal Jair Bolsonaro
(PSC/RJ), dizendo que este, se for pre-
sidente, ajudaria a resolver o problema
da segurança no país. A divulgação na
referida nota nas redes sociais acabou
gerando uma verdadeira ‘brigaçada’
entre os simpatizantes e os contrários
a Bolsonaro. Acrescente a isto as lides
envolvendo petistas, tucanos e os sim-
patizantes de Marina Silva, e já se pode
imaginar o que será essa tal campanha
de 2018 à Presidência.
Mão amiga
Governador Raimundo Colombo
(PDS) conseguiu aprovar na Assem-
bleia Legislativa autorização para
contrair empréstimo junto ao BNDS,
no valor de R$ 1,5 bilhão. Promessa
é a de que pelo menos metade destes
recursos sejam destinados diretamente
para as prefeituras municipais, através
do Fundam 2. A tramitação do projeto
na Assembleia teve a mão decisiva do
deputado estadual José Milton Sche-
ffer (PP), que ocupa a presidência da
Comissão de Finanças do parlamento
catarinense. Zé Milton retirou do pro-
jeto original onze emendas feitas pelos
deputados. Com estas emendas, que
sugeriam investimentos pontuais dos
recursos a serem contraídos, o BNDS
dificilmente liberaria o financiamento.
É que na prática as emendas burocrati-
zariam demais a fiscalização do banco
no que diz respeito a aplicação dos re-
cursos. O banco, por óbvio, não quer se
incomodar com isso. Quer meramente
receber o dinheiro de volta com juros e
correção monetária. Colombo, por sua
vez, deve ter acendido uma vela para
o deputado sombriense.
ADVOCACIA EMPRESARIAL
FONE: (48) 3533-0145
S
em mais delações atingin-
do sua reputação, gover-
nador Raimundo Colom-
bo (PSD) voltou a se animar com a
ideia de disputar o Senado Federal
ano que vem. A incógnita continua
sendo a necessidade de renúncia no
início de abril de 2018, mais de cin-
co meses antes das convenções que
decidirão quem serão os candidatos
ao Governo do Estado. Com um
quadro totalmente indefinido, e com
o PMDB dando claras evidências de
que pretende romper com o PSD,
Colombo está, literalmente, entre a
cruz e a espada. Se renunciar pode
colocar em risco o projeto estadual
de seu partido. Se não renunciar
perde de cara a oportunidade de ser
senador por oito anos.
O PSD, por óbvio, não quer que
Colombo renuncie. O problema é
que ninguém tem coragem de falar
isto para ele. A renúncia significa
entregar o governo ao PMDB do
vice-governador Eduardo Pinho
Moreira, que pode vir a ser adver-
sário do PSD ano que vem. Por
outro lado, se levar sua gestão até
o fim, Colombo ficará sem mandato
a partir de 2019, o que não deixa de
ser um grande risco para alguém
citado explicitamente na Lava Jato
e nas delações da JBS. É que o go-
vernador perderia o chamado foro
privilegiado, ficando a mercê do
canetaço de qualquer juiz que venha
a julgar seu caso nos desdobramen-
tos ora investigados. Na prática, ser
eleito senador daria a Colombo um
salvo-conduto diante de tudo o vem
lhe acometendo.
Por conta disto, o PSD tem pro-
curado se convencer do desaconse-
lhável. Na verdade, o partido não
tem outra saída que não seja a de
aceitar o que Colombo decidir. Se
não aceitar será pior ainda, porque
ele poderá direcionar seu mandato
para onde quiser, como fez o ex-
-governador Luiz Henrique da Sil-
veira (PMDB). Não custa lembrar
que o PMDB não concordava em
apoiar a candidatura de Colombo ao
governo em 2010. O partido chegou
a homologar o nome de Eduardo
Moreira como candidato ao gover-
no. Todavia, quem tinha a caneta
nas mãos era Luiz Henrique, que se
impôs e pavimentou o caminho para
que Colombo chegasse ao Palácio
Santa Catarina, mesmo contra todos
os esforços de seu partido para que
isto não acontecesse.
Nada será diferente em relação
ao atual governador. Ainda que
sua renúncia e entrega do governo
ao PMDB seja algo temerário ao
PSD, o que deverá prevalecer será
seu desejo pessoal, e todos sabem
que este é o de ser senador.Aúnica
possibilidade disto não acontecer
se dará se a candidatura de Co-
lombo for inviabilizada por novas
denúncias de corrupção eleitoral.
Se não ocorrer isto, o PSD que se
vire, assim como teve que se virar
o PMDB em 2010 e 2014.
Sem moral
Almoçando num pequeno restaurante
ontem, em Florianópolis, ouvia o pro-
prietário do mesmo esbravejar contra os
políticos corruptos, enquanto assistia o
jornal do meio dia na televisão. “Cam-
bada de ladrão, safado, vagabundo”,
dizia ele em alto e bom tom. Terminado
o almoço, fui pagar a conta e pedi uma
nota. O cidadão em voga olhou para
mim e perguntou: “Vais querer uma nota
no valor ou num valor maior?”. Pedi no
valor e ele assim procedeu. Isto explica
emmuitoaíndoledeboapartedenossos
governantes. São meramente reflexo
daqueles eleitores que, como o dono
do restaurante, patrocinam a corrupção
mas não se sentem parte integrante dela.
Esperança
Prefeito de Araranguá, Mariano Ma-
zzuco (PP), passou os últimos três
dias em Florianópolis garimpando
recursos e buscando alternativa para
postergar o pagamento dos mais de
R$ 35 milhões que o executivo deve
em precatórios. “Por nossas próprias
forças, não temos a mínima condição
de pagar este montante dentro do atual
mandato. Teríamos que parar tudo”,
comenta o prefeito. Em uma conversa
com o governador Raimundo Colombo
(PSD), na terça-feira, as esperanças de
Mariano se reavivaram. É que, pelo
menos no que diz respeito a retórica
jurídica, há a possibilidade de que os
depósitos judiciais do próprio governo,
e das prefeituras, possam ser utilizados,
a título de empréstimo, para que sejam
quitados precatórios. “O governador
está ciente da nossa situação, assim
como da situação de vários outros
municípios. Ele se comprometeu em
tentar operacionalizar esta alternativa
junto às esferas competentes”, comen-
tou Mariano, que não obstante a isto
enfrenta graves problemas financeiros
em sua prefeitura.
Rolando Christian CoelhoRolando Christian Coelho
Jornal Correio do Sul
Sexta-Feira, 23 de Junho de 2017
rolando_coelho@hotmail.com (48) 99945.6787
POLÍTICA
“A corrupção não é uma invenção brasileira. Ela existe
em grande parte do mundo. Agora, de uma coisa
tenho certeza. Esta impunidade reinante nos casos de
corrupção, com certeza é uma invenção brasileiríssima”.
Jô Soares (1938)
Intelectual e humorista brasileiro
3Geral Jornal Correio do Sul
Sexta-Feira, 23 de Junho de 2017
Sombriolançacampanhapelavida
Viver Vale a Pena
Produtoresdiscutemalternativaderenda
Conhecimento científico,
misturado a conhecimento po-
pular, junto a velha fórmula do
‘é fazendo que se aprende’em
busca de uma colheita farta. É
mais ou menos esse o processo
que o agricultor Reginaldo de
Freitas, o Nardo, segue há 11
anos, e com o qual tem conse-
guido avanços.
O uso aplicado da ciência
é feito em parceria com a
Epagri, que na manhã desta
quinta-feira realizou um dia de
campo na propriedade de Nar-
do,nalocalidadedeMaracanã,
em Sombrio, sobre plantio
direto de maracujá, cultivo de
pitaya e outras alternativas de
renda para a família rural.
Reginaldo, com ajuda da
mulherGeneciedosdoisfilhos
adultos, cultiva 2,5 hectares
de maracujá, e há dois anos
destinou meio hectare para ex-
perimentarummanejodiferen-
ciado, seguindo as orientações
do extensionista da Epagri
Sandoval Miguel Ferreira. O
resultado foi maior produti-
vidade com menos custo de
produção. Uma das mudan-
ças, foi manter a terra sob as
parreiras coberta com plantas
que nascem naturalmente. Ao
primeiro olhar, parece uma
lavoura sem cuidados, cheia
demato,masnaverdadeéuma
forma de manter o equilíbrio.
“Antes a gente tirava tudo e até
varria”, lembra Geneci.
Em média, um hectare
produz 30 toneladas da fruta,
este ano, pulou para 48 to-
neladas. Este não é o único
benefício para a família, que
ganha também em qualidade
de vida ao diminuir a quanti-
dade de agrotóxico aplicado
na lavoura, além da vantagem
óbvia para que o meio ambien-
te seja mais saudável. “Em
termos de produtos químicos,
se é pra errar, que seja pra me-
nos, e a tecnologia certa nem
sempre é a mais cara”, defende
Sandoval.
A família Freitas também
‘
Eu tive depressão
e tentei me matar’.
Não é fácil dizer isso,
não é fácil também ouvir isso.
Mas é necessário, e é o que a
campanha contra o suicídio
lançada na noite desta quinta-
-feira, em Sombrio, faz.Amo-
bilização criada pelo assessor
de comunicação da prefeitura
Fabrício Espíndola, traz de-
poimentos de quatro pessoas
que superaram quadros graves
de depressão, em que quase
desistiram da vida, e agora
dizem: Viver Vale a Pena.
São três palavras e um artigo
poderosos que dão nome a
campanha, que, como explica
Fabrício, não tem a tristeza
como eixo, e sim a esperança
como marca registrada. Viver
vale a pena e quem deixou de
acreditar nisso, deve procurar
ajuda.
O coordenador do Cen-
tro de Valorização da Vida
(CVV) da região Sul, Paulo
Borges, esteve no lançamento
realizado na noite de ontem na
Câmara de Vereadores e falou
sobre a dificuldade de aceitar
os problemas de origem men-
tal: “não é vergonhoso procu-
rar ajuda psiquiátrica, triste é
tirar a vida sem ter buscado
ajuda”, disse.
O presidente da Câmara,
Nego Gomes, se emocionou
ao falar sobre o suicídio do
advogadoMarceloTristão,um
dos cinco cometidos em Som-
brio nos últimos dois meses.
Nego disse que naquela noite
sonhou com o funcionário
público da prefeitura, que se
matou. “Eu percebi que tinha
algo errado, conversei com
ele, mas não consegui ajudar
a ponto de evitar”, lamentou.
Essecaso,seguidoaosdemais,
fez com que Nego e os demais
vereadores incentivassem a
Sombrio
mobilização de valorização
da vida. Esta união é mesmo
bastante necessária, pondera a
secretária municipal de Saúde
Gislaine Cunha. Ela sente no
aumento drástico da procura
pelos serviços de saúde men-
tal, a gravidade dos problemas
relacionados aos transtornos
psiquiátricos. Na sua opinião,
a correria do dia a dia, a difi-
culdade financeira, a situação
de descrédito e instabilidade
do país, colaboram para o
aumento da sensação de mal
estar entre a população. “É
tanta ganância, tanto orgulho,
easpessoasdeixadasdelado”,
analisou.
Último a falar, o prefeito
Zênio Cardoso confessou que
a cerca de 18 anos enfren-
tou uma forte depressão que
se estendeu por dois meses.
Com a voz embargada para
evitar o choro, lembrou que
naquele período nada o in-
teressava nem parecia bom.
Um dia, depois de fracassar a
última tentativa de se animar
indo pescar, atividade que
adorava,decidiu que precisava
buscar ajuda. No dia seguinte
sentiu-se bem e o mal se foi.
Levantar pela manhã e
deitar à noite desanimado,
triste, vendo o mundo sem
cor, João Paulo Peres Silvei-
ra, Jane Maria, Maria Helena
Clemente e Getúlio Garcia
Maciel sabem bem o que é
isso. Foram eles que deram
os depoimentos para a cam-
panha e tiveram a coragem de
falar, sem se esconder, sobre
o suicídio.
Os depoimentos estão
reunidos em um vídeo que a
partir das 9h30min da manhã
de hoje poderá ser visto – e
compartilhado- nas redes so-
ciais da prefeitura de Som-
brio. Eles aparecem também
em cartazes que estão sendo
enviados as escolas e postos
de saúde.
Getúlio tem transtorno de
humor bipolar, Maria Helena
enfrenta a depressão, assim
como Jane, que sofre ainda
comcrisesdeansiedadeeJoão
Paulo venceu a dependência
química e está superando
a esquizofrenia paranoica.
Todos recebem ou receberam
acompanhamento do serviço
de saúde mental do município,
coordenado pela psicóloga
Leonete Pereira, a Netinha,
que estava ao lado deles on-
tem, com aixílio da também
psicóloga Eliza dos Santos
Policarpo.
Marivânia Farias
Sombrio
Coragem
e força
começou, a três anos, a plantar
pitaya. Por enquanto são ape-
nas 56 pés da fruta que ainda
é pouco conhecida na região e
que devido ao alto preço, está
fora do alcance da maioria da
população.Aproveitando bem
oespaçodapropriedade,foram
colhidosaproximadamentemil
quilos de pitaya, que foram
facilmente comercializados.
O novo investimento de Re-
ginaldo, já em andamento, é
o cultivo de oito mil pés de
morangoorgânicoemestufa.A
intenção é ter várias fontes de
renda, otimizando o espaço e a
produção, conseguindo tirar da
terra o suficente para uma vida
com dignidade e devolvendo a
ela cuidado e menos agressão.
Lançamento da campanha foi encerrada com música e apresentação dos cartazes
Produtores se reuniram na propriedade de Reginaldo
4 GeralJornal Correio do Sul
Sexta-Feira, 23 de Junho de 2017
G.C.S LTDA - ME
Comercial:
l48l 3533.0870
comercial@grupocorreiodosul.com.br
Diretor Geral
Jabson Muller
l48l 9955.5313
diretor@grupocorreiodosul.com.br
Redação:
editor@grupocorreiodosul.com.br
Publicações legais:
tomaz@grupocorreiodosul.com.br
Financeiro
financeiro@grupocorreiodosul.com.br
Radio 93FM
radio93fm@grupocorreiodosul.com.br
Diagramação/Arte:
correiodosul@grupocorreiodosul.com.br
Sul Gráfica
sulgrafica@grupocorreiodosul.com.br
Circulação/Assinatura
l48l 3533.0870
assinaturas@grupocorreiodosul.com.br
C
uidados com ali-
mentos, higiene
e saúde foram os
pontos de destaque da palestra
promovida pela coordenação
daVigilância Sanitária da pre-
feitura de Jacinto Machado na
quarta-feira, no Último Rio,
para integrantes da Caep da
comunidade.
A fiscal da Vigilância
Sanitária, Tamara Bellettini
Munari, explica que na reu-
nião foi distribuído material
de apoio sobre segurança ali-
mentar, lavagem e desinfec-
ção das mãos e informações
sobre manipulação de alimen-
tos para os organizadores de
uma festa religiosa, que vai
acontecer no início de julho
na comunidade. “Esta ação
teve como objetivo mostrar
o importante papel da vigi-
lância sanitária em relação
aos cuidados necessários na
manipulação de alimentos,
eliminando, assim, riscos à
saúde”, completa.
O secretário municipal
Prevenção
Vigilância orienta
sobre alimentação
de Saúde, Francisco de Assis
Cardoso de Aguiar, ressalta
que esse trabalho de preven-
ção é importante. “Cuidados
com o manejo dos alimentos
são fatores primordiais no
combate a multiplicação dos
micro-organismos que são
prejudiciais à saúde”, ressalta.
Esse trabalho proporcio-
na conhecimento a população
e quem tiver interesse em
mais informações pode entrar
em contato com a Vigilância
Sanitária pelo telefone 3535
1658.
Jacinto Machado
Investimentos de R$ 7,3 bilhões
O
presidente da Federação das Indústrias (Fiesc), Glauco José Côrte,
apresentou ontem à imprensa dados da publicação Investimento e
Competitividade, feita pela Federação com o apoio do Banco Re-
gional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE). Um dos destaques
do estudo foi que houve uma piora, do ano passado para agora, do custo de
logística para os empresários catarinenses. De cada R$ 100,00 faturados,
R$ 14,00 são despendidos com logística, principalmente com transportes,
enquanto em 2016 esse valor era de R$ 13,00. Esse dado confirma outro:
79% dos entrevistados desaprovam as condições das rodovias que cortam
o estado, sejam estaduais ou federais. Em que pese todas as dificuldades e
o cenário nacional ainda instável, Côrte destacou o otimismo do industrial
catarinense, que continua investindo. Mas houve um recuo. A projeção é que
até o final do ano os industriais entrevistados vão investir R$ 7,3 bilhões,
contra os R$ 7,6 bilhões investidos em 2016. “No conjunto, há predomí-
nio de investimentos em tecnologia, inovação e desenvolvimento. Até o in-
vestimento em máquinas e equipamentos vai nessa direção, de atualização
tecnológica”, comemorou o presidente ao lembrar que essa tem sido uma
tendência. Para enfrentar o momento econômico difícil, as empresas usaram
como estratégia o enxugamento de custos, a qualificação de pessoal, o lança-
mento de novos produtos, a busca por novas tecnologias e novos mercados.
“A pesquisa confirma que a indústria enfrenta desafios, mas não se abate.”
Fundam 2 Depois de uma vitória impor-
tante, com a aprovação, por unanimidade,
do projeto de lei que autoriza o governo
estadual a tomar empréstimo de R$ 1,5
bilhão, na quarta-feira (21), na Assem-
bleia, o governador Colombo promoveu,
ontem, mais duas reuniões de apresenta-
ção da segunda etapa do Fundo de Apoio
aos Municípios (Fundam 2), que receberá
parte desses recursos. A primeira foi em
Rio do Sul, para prefeitos da Associação
dos Municípios do Alto Vale do Itajaí, e
o segundo, em Blumenau, para prefeitos
dos Municípios do Vale do Itajaí.
Mais apresentações Na quarta-feira
mesmo, Colombo e o vice Eduardo Pinho
Moreira falaram do Fundam 2 aos pre-
feitos da Associação dos Municípios da
Região Carbonífera, em Criciúma. Hoje,
o governador estará em Lages para con-
versar com os prefeitos da região Serrana.
Cultura A presidente da Comissão de
Educação, Cultura e Desporto da Assem-
bleia, deputada Luciane Carminatti (PT),
solicitou que a Fundação Catarinense de
Cultura (FCC) envie ao Legislativo o pro-
jeto de lei que institui o Sistema Estadual
de Cultura. A proposta é tomar como base
o Sistema Nacional de Cultura (SNC), que
prevê a organização, o planejamento e o
desenvolvimento do setor cultural, com
participação e controle social.
Empresário na política
Na abertura da feira Exposuper - um dos
maiores eventos em geração de negócios de
Santa Catarina e do Brasil - que acontece em
Joinville, o governador Raimundo Colom-
bo encontrou-se com o empresário e novato
na política, Ninfo König, e o prefeito Udo
Döhler. Ninfo é um entusiasta da participa-
ção do empresariado na política. “Só quem
já teve o pescoço na guilhotina de contas a
pagar é que sabe quanto custa fazer um negócio sobreviver.” Uma das me-
tas do vereador pelo PSB é reduzir os gastos públicos e implantar as emen-
das individuais, investindo a economia gerada em obras e serviços para a
população. Na foto, Colombo com König e Döhler.
JakssonZanco/PMJ
Por Andréa Leonora
redacao@peloestado.com.br
23/Jun/2017
Perspectivas para SC
O presidente da Câmara de Comércio Norue-
ga Brasil (BNCC), Harald Martinsen, que
aparece entre o senador Paulo Bauer (PS-
DB-SC) e o ministro Antônio Imbassahy, na
residência oficial do embaixador do Brasil na
Noruega, deu boas notícias ao parlamentar
catarinense. Citou que o empresariado local
ficou impressionado com a exposição feita
pelo presidente Michel Temer na manhã de
ontem, em Oslo, sobre as perspectivas do
país. “Ele disse que o interesse em ampliar a participação na nossa economia
é grande”, comentou Bauer. A Noruega é, atualmente, a oitava nação que
mais investe em solo brasileiro. O senador aproveitou a oportunidade para
divulgar Santa Catarina e tentar prospectar negócios para o estado.
paulobauer.com.br
Membros da comissão ligada a Igreja Católica participaram da qualificação sobre saúde
Na semana passada, a prefeitura de Praia Grande e a Previdência Social reinauguraram o
posto do PREVcidade na cidade.Anova sala, mais ampla e moderna, está localizada na rodovia
Prefeito Ari Pedro Borges, no Centro.
Ademir de Oliveira Santos, O gerente da agência do INSS de Sombrio, a qual o PREVcidade
de Praia Grande está vinculado, diz que a intenção é que em um futuro próximo, esta extensão
da agência sombriense ofereça todos os serviços da Previdência Social, como o encaminhamento
de aposentadorias. Por enquanto, são realizadas perícias e dadas orientações a população de
Praia Grande, São João do Sul, Mampituba/RS e parte de Jacinto Machado.
Na noite de quarta-feira, a Câmara de Vereadores de Araranguá recebeu a visita de deze-
nas de professores, aprovados no concurso público de 2016. Eles acompanharam a votação
do requerimento do vereador Diego Pires que solicita que o prefeito Mariano Mazzuco faça a
chamada dos aprovados, tendo em vista que até o momento há falta de professores nas escolas.
Prefeitoacelerainvestimentos
PREVcidade reinauguradoConcursados cobram
A
oavaliarosseusprimeirosseismesescomoprefeito
de São João do Sul, Moacir Teixeira afirma que a
maior conquista foi uma obra que não veio, porque
o município não merecia. A afirmação parece estranha, porém,
fazsentido.AobraquenãoseráconstruídaemSãoJoãoéapraça
de pedágio que o governo federal pretendia instalar na BR 101,
próximo ao viaduto de acesso a cidade. Bom para a população
sãojoãossulense, que pagaria para trafegar dentro de seu próprio
território, e bom também para toda a região, tanto que a notícia
mobilizou lideranças de diversos municípios do sul catarinense.
Moacir e outras lideranças municipais participaram de duas
discussões sobre o assunto no Rio Grande do Sul antes de con-
seguir que uma audiência pública fosse marcada para a cidade,
onde a ideia foi enterrada.
Tendo uma trajetória de vereador e vice-prefeito antes
Jabson MullerJabson Muller
Jornal Correio do Sul
Sexta-Feira, 23 de Junho de 2017
(48) 99955.5313
POLÍTICA
jabsonmuller@grupocorreiodosul.com.br
de ser eleito chefe do executivo municipal, Moacir Teixeira
possuia bastante experiência na vida pública, mesmo assim,
considera que ser prefeito é bem diferente. “Aresponsabilidade
aumenta muito, tem que ficar ligado nas coisas 24 horas por
dia”, diz.
Ele que já tinha participação ativa na comunidade, agora
precisa se fazer ainda mais presente. “Apopulação cobra nossa
participação nos eventos e em visitas, o que compromete tem-
po, no entanto, eu quis isso por muitos anos”, não se queixa.
Apesar da crise financeira, a prefeitura está conseguindo
fazer investimentos. Segundo Moacir, ruas estão sendo pavi-
mentadas na Vila Santa Catarina e seixo rolado colocado nas
estradas, a estrada da Querência vai ganhar mais um trecho
de asfalto, e a Secretaria de Agricultura ampliou de três para
quatro a quantidade de trator de pneu. A aquisição de dois
veículos já foi licitada e ontem o prefeito deu autorização para
a compra de uma ambulância. A saúde, aliás, tem sido a sua
prioridade, apesar de ser um setor em que as dificuldades são
grandes. “A saúde é um problema em todos os municípios”,
reconhece.
Para ajudar a driblar os problemas, os seis partidos que
compõem a coligação vitoriosa na eleição do ano passado vão
em busca de recursos, diz Moacir. Ele elogia esse empenho, a
câmara de vereadores e sua equipe de governo, que agora está
completa. Durante os primeiros quatro meses do ano, vários
cargos ficaram vagos, inclusive o de secretário de Obras. “Eu
levantava as cinco da manhã e ia pra secretaria despachar os
trabalhos”, conta Moacir.
Aos poucos as ações vão ficando mais fáceis, mas resta um
grande desafio: resolver o antigo problema de alagamento em
um trecho com um pouco mais de um quilômetro da SC 290,
que liga a BR 101 a São João. A cada chuva mais forte, o local
conhecido como Piritu, fica intransitável devido ao acúmulo de
água na pista.
Depois de muita insistência, a prefeitura conseguiu que
o governador Raimundo Colombo autorizasse a elaboração
de um projeto para a obra. Era uma esperança, que foi logo
apagada, pois o estudo terminou com um orçamento de quase
R$ 6 milhões para resolver a situação. É dinheiro demais
para o governo do estado, que também está mal das pernas
financeiramente. “Foram categóricos em nos dizer que não
tem recurso pra isso”, lamenta Moacir. O jeito agora é ir atrás
de um outro projeto, mesmo que paliativo, mais em conta.
Por sorte, neste final de semana o sol deve continuar
brilhando forte no céu, e a rodovia estará liberada para quem
quiser participar da festa de São João, padroeiro do município.
O dia do san-
to é no sábado,
24 de junho,
quando come-
ça a festa que
continua no
domingo, e na
segunda-feira
será feriado mu-
nicipal.
Atenção 24 horas
Unidos por São João
6 PublicidadeJornal Correio do Sul
Sexta-Feira, 23 de Junho de 2017
7Publicidade Jornal Correio do Sul
Sexta-Feira, 23 de Junho de 2017
EntretenimentoEntretenimentoNovelas - Horóscopo - Diversão
Cruzadinha Novelas
L
eopoldina convence
os representantes das
províncias a irem ao
encontro de Pedro. Thomas
impede Anna de cuidar de
Vitória. Dom Pedro decide
acabar com o sarau e Domi-
tila fica furiosa. Leopoldina
convence os representantes
a firmarem um acordo e Dom Pedro se surpreende. Anna
estranha o comportamento de Nívea. Ferdinando defen-
de Diara e os dois se encantam um pelo outro. Idalina
aconselha Wolfgang a confiar em Diara. Thomas provoca
Joaquim na cadeia.
Novo Mundo -18h
A
ntônia diz a Siqueira
que Eric não é cul-
pado pelo roubo no
hotel. Maria Pia desconfia
que foi Malagueta quem
atropelou o segurança que
monitorava as câmeras no
dia do baile. Júlio pensa em
fugir com sua família. Sabine
diz a Dom que o hotel deve ser desmembrado e vendido.
Pedrinho acusa Eric de ladrão e exige seu hotel de volta.
Malagueta elogia Maria Pia. Luíza conta a Eric que Cassio
procurou Pedrinho. Eric revela a Luíza que Cássio é o
culpado pelo crime do Pará.
B
ibi se arrepende de
beijar Caio. Heleninha
e Junqueira se preocu-
pam com Yuri. Ruy insinua
para Joyce que há algo
estranho no comportamento
de Eugênio. Caio confessa
a Cirilo que ainda é apaixo-
nado por Bibi. Bibi observa
Jeiza, eAurora teme a obsessão da filha pela policial. Irene
manipula Joyce. Silvana engana Eurico para apostar no
jogo. Cibele garante a Joyce que levará o processo contra
Ruy até o fim. Ruy pede que Caio consiga uma medida
protetiva contra Cibele.
AForça do Querer-21h
Pega Pega -19h
Rapidinhas
Áries 21/03 a 20/04
21/04 a 20/05
21/05 a 20/06
21/06 a 20/07
21/07 a 20/08
21/08 a 20/09
21/09 a 20/10
21/10 a 20/11
21/11 a 20/12
21/12 a 20/01
21/01 a 20/02
21/02 a 20/03
Leão
HoróscopoHoróscopo
Sagitário
Gêmeos Libra Aquário
Touro
Sua sorte estará provavelmente ligada em alguns
números incertos. Não deixe que a sorte defina
seu destino. Use a sua negativa de agressividade
e enfrente seus problemas sem ferir ninguém. Se
aproxime de librianos.
A sua incessante teimosia só lhe prejudicará na
relação profissional.Alguns se afastarão de você
o que pode te levar a ficar mais preguiçoso sem
vontade. Mercúrio lhe trará um pouco mais de
perseverança que irá lhe ajudar.
Seu sistema respiratório estará mais favorecido.
O ar que é seu elemento característico ajudará
neste aspecto. A curiosidade irá fazer com que
você agregue mais conhecimento para sua vida
tanto pessoal quanto profissional.
Deverá ter alguns problemas com fantasmas do
passado e alguma melancolia. Vênus e Saturno
farão parte dessa fase um pouco mais retirante.
Porém a lua deixará você livre para demonstrar
toda sua afetuosidade.
Ficará boa parte do seu tempo inflexível, tudo
devido a urano. Tente mudar alguns hábitos que
te coloque longe de outros. Sua lealdade será
testada não obstante você tende a reforçar ainda
mais esse seu lado, de forma decidida.
Sistema nervoso um pouco conturbado durante
este dia. Tudo por causa da lua lhe causando
muito stress. Seus problemas com o signo de
peixes poderão se agravar neste período. Tente
ser mais prático e coerente com o que pensa.
Dentro de um aspecto social não sofrerá basi-
camente nenhuma alteração. O que sol e Vênus
farão é realçar o seu sentido diplomático. A
relação com quem é de Áries pode melhorar um
pouco mais. Por conta do seu equilíbrio.
O magnetismo deste signo estará um pouco mais
enfraquecido. Lua e urano estarão em conflito
em relação ao seu signo. Dificultará um pouco o
seu espírito transformador. Observando e usando
seu sentido perceptivo conseguirá superar isso.
Sem muitas alterações no aspecto emocional
para este signo. Porém Júpiter tende a te aju-
dar no que diz respeito as suas finanças. Deve
aproveitar e fazer uso da sua sinceridade e mais
da sua coragem.
O trabalho que lhe dá tanto orgulho será bene-
ficiado. Apesar do desiquilíbrio entre Júpiter e
marte você irá ter sucesso. Porém seu autorita-
rismo voltará à tona. Tente ser realista sem ferir
as pessoas ao seu lado.
Momentos de turbulências irão lhe deixar com
bastante stress. A atividade de mercúrio durante
o dia pode lhe trazer equilíbrio. Irá demonstrar
algumas dificuldades para expor aquilo que você
vem pensando.
Seus pés te levarão a uma grande conquista.
A lua e a água farão com que tenha um pouco
mais de otimismo. Poderá se dedicar as questões
de carinho e romance. Precisará também evitar
voltar sempre ao passado.
Virgem Capricórnio
Câncer Escorpião Peixes
Nesta quinta-feira (22), Sabrina Sato mostrou
todas as suas curvas em uma foto para ninguém
acha defeito, mesmo se quisesse.Aapresentado-
ra postou um clique pra lá de sensual, onde ela
aparece com um biquíni que realçou seu bumbum
e saindo de uma piscina de um hotel no Rio de
Janeiro.Na legenda, ela escreveu: “Tchibunda
antes de ir embora”, brincou.
Na tarde desta quinta-feira (22), Letícia
Santiago exibiu o corpo sequinho para deixar
todo mundo boquiaberto em clique de biquíni ao
melhor estilo sereia, já que a parte de cima do
modelito imitava duas conchas.Vale lembrar que
a ex-BBB, que deu à luz seu segundo filho em
março, impressionou a todos com a boa forma
em tão pouco tempo.”Que o SOL brilhe hoje
DENTRO de você”, escreveu na legenda.
Jornal Correio do Sul
Sexta-Feira, 23 de Junho de 2017
É 50%
FORA DO EXPEDIENTE
Algumasverdadestêmqueserditas,
a vida não será tão fácil quanto se ima-
gina, mas também não será tão difícil
quanto alguns falam. O lado positivo é
que já chegou até aqui então fique tran-
quilo e viva um dia de cada vez, busque
aprender com os outros sempre, mas
crie sua própria realidade investindo
em você.
Nesse mundo de possibilidades
infinitas, cada um é responsável pelos
seus próprios caminhos e também por
suas escolhas, então seja o que você
quiser sempre e procure realmente o
que acredita que te fará feliz. Imagine
que em todas as suas escolhas terá 50%
de chance de acertar ou errar, então,
arrisque-se, vá em frente, busque a sua
felicidade, não corra o risco de se culpar
no futuro por não ter tentado.
Pare um pouco de se preocupar com
tudo e se dê o direito de acreditar em dias
melhores, sim honre seus compromisso a
curto prazo, mas tenha planejamento e
sonhos de longo prazo e seja flexível com
você mesmo e também com os outros.
Não cobre dos outros a sua felicidade
esedediqueparacolaborarcomopróximo
namedidadopossível.Vivaeentendaque
está aqui para ser sempre o melhor que
puderser.Euficoaquitorcendoporvocê!!
FRASE
“Uns sentem a chuva, outros
apenas se molham”
Parabéns aos lindos Oyara e Helton,
que completaram na última semana
um ano de casados. Que Deus continue
abençoando esse casamento.
Na foto a família Araújo
reunida curtindo um en-
contro com muita energia
positiva.
O querido
Elvio, seu es-
poso Neliton
e familiares
curtindo o
Mailing. Eba
festa!!
Guerreiro
sombriense,
o boxeador
Patrick
Teixeira
treinando
muito nos
EUA...
Vamos lá,
campeão.
Olha aí
o músico
Guilher-
me Dias
e sua
linda
família,
em mo-
mento de
passeio e
descon-
tração.
Os queridos Simara Silveira e seu esposo
Diego Padilha e familia curtindo o final
de semana.A Festa Junina da Polícia Civil da Comarca de Turvo, com muita alegria e brincadeiras!!
Jornal Correio do Sul
Sexta-Feira, 23 de Junho de 2017W
ROMILDO BLACK
romildoblack@hotmail.com facebook.com/romildoblack
No Mostra Nóis os Desbravadores Estrela do Sul de
Sombrio, entregando a revista Sinais de Esperança
para o deputado Zé Milton e sua esposa.
10 PublicidadeJornal Correio do Sul
Sexta-Feira, 23 de Junho de 2017
11Geral Jornal Correio do Sul
Sexta-Feira, 23 de Junho de 2017
APPdenunciaex-diretordeescola
Prejuízo
Queixa é de que Rodynei Reny da Silva emitiu cheque sem fundo e associação de pais perde acesso a verba do Governo Federal
Membros da Associação de Pais e Professores reclamam que ex-diretor não providência solução para a irregularidade
Representantes das polícias, prefeitura, câmara e Fórum de Segurança em Florianópolis
Comitiva vai em busca de mais segurança
O prefeito de Araranguá
Mariano Mazzuco e o presi-
dente da Câmara de Vereado-
res Daniel Viriato Afonso, es-
tiveramemFlorianópolisnesta
quinta-feira. Foram ao BRDE
(Banco Regional de Desen-
volvimento) para viabilizar a
liberação de R$ 3 milhões do
Fundam (Fundo dos Municí-
pios) que estavam garantidos
desde 2013 e participaram de
uma reunião na Secretaria de
Segurança Pública.
Sobre a liberação dos
recursos que seriam aplicados
em obras, na próxima semana
deve ser dada a resposta do
banco. “Precisamos destravar
estas obras e terminá-las o
quanto antes. Retornamos
com boas expectativas e não
mediremos esforços para ver
a população satisfeita, Na
próxima semana esperamos
ter novidades”, contou o pre-
sidente Daniel.
Na Secretaria de Segu-
rança Pública, os ararangua-
enses foram recebidos pelo
secretário adjunto Aldo Pi-
nheiro D’Ávila. Também par-
ticiparam do encontro alguns
representantes do Fórum de
Segurança Pública de Araran-
guá como o vereador Luciano
Pires, o presidente da CDL
Clézio Mota, o presidente da
subseção da OAB Laércio
Machado, delegado regional
Diego Archer de Haro, o co-
mandante da Polícia Militar
tenente- coronel Maike Val-
gas, e o deputado Zé Milton
Scheffer. Além de acertarem
detalhes da doação de veículos
Araranguá do município para as polícias
e Corpo de Bombeiros através
da Câmara de Vereadores na
importância de R$ 400 mil,
também ajustaram um acordo
para a instalação de câmeras
de videomonitoramento na
cidade e que seria de respon-
sabilidadeexclusivadoestado.
Sobre isso, o prefeito Mariano
Mazzuco se comprometeu em
bancar a metade do valor de
R$ 170 mil, e o projeto deve
serrealizadonoiníciode2018.
“Precisamosdarmaisseguran-
ça para a população e abraçar
I
ntegrantes da Asso-
ciação de Pais e Pro-
fessores(APP)daEs-
cola Patrulheiro Jucemar Paes
denunciaram o ex-diretor,
Rodynei Reny da Silva, por
improbidade administrativa.
Conforme os professores e
funcionários da escola, Rody-
neificouatéjaneironocargoe
saiu depois de ser exonerado.
Em fevereiro assumiu uma
nova diretora e começaram a
aparecer algumas irregulari-
dades, entre elas, um cheque
sem fundos de
R$ 500,00, de
uma das con-
tas da APP.
Segundo os
denunciantes,
o cheque foi
dado em janei-
ro, enquanto Rodynei era di-
retor, e pré-datado para feve-
reiro, na cidade deArroio dos
Ratos, no Rio Grande do Sul,
para pagar o aluguel de um
imóvel, para uso particular.
Desde fevereiro, a APP
daescolaentrouparaoCadas-
tro de Emitentes de Cheques
sem Fundos (CCF) e não con-
segue pegar talões de cheques
em suas quatro contas. Os
integrantes da APP afirmam
que já entraram em contato
com Rodynei várias vezes
para solucionar o problema
e ele diz que vai resolver, no
entanto, não aparece com o
cheque sem fundos, que deve
ser entregue no banco e assim
liberar os talões. O maior pro-
blema é que, sem os cheques,
a associação não consegue
usufruir da verba depositada
pelo Governo Federal nas
suas contas. Os denunciantes
explicaram que a única forma
de a escola realizar pagamen-
to com o dinheiro vindo do
Governo Federal é por meio
de cheque nominal, não é
permitido o saque direto na
agência. Por causa do cheque
sem fundos emitido pelo
ex-diretor, este mês a asso-
ciação não tem
como pagar os
monitores do
Projeto Mais
Educação.
Um bole-
tim de ocor-
rência foi re-
gistrado, pelos integrantes da
APP, na Delegacia de Polícia,
que está investigando o caso
e, como Rodynei é professor
da rede estadual, um ofício
foi entregue na Gerência
de Educação da Agência de
Desenvolvimento Regional
(ADR) de Araranguá expli-
cando a situação. De acordo
com Heriberto Afonso Schi-
midt, gerente daADR deAra-
ranguá, o ofício foi recebido
por ele na última terça-feira
e encaminhado para o de-
partamento jurídico, que tem
até a próxima segunda-feira,
para dar um parecer sobre a
situação do ex-diretor.
A Escola Patrulheiro Ju-
Gislaine Fontoura
Araranguá
cemar Paes tem 150 alunos,
de 6 a 15 anos, que estudam
do 1º ao 9º ano, do ensino fun-
damental. A reportagem en-
trou em contato com Rodynei
por telefone, ele alegou estar
em Porto Alegre e solicitou
para a reportagem retornar a
ligação na segunda-feira.
os projetos do Fórum de Segu-
rança”, disse o prefeito.
Na sessão especial da
Câmara de Vereadores de
Araranguá, agendada para o
dia 10 de julho, tanto o repas-
se dos recursos para compra
dos equipamentos, quanto o
projeto para a instalação das
câmeras de segurança serão
divulgados para a sociedade.
Nesta ocasião, devem parti-
cipar deputados, lideranças
comunitárias e políticas, polí-
cias, e as entidades do Fórum
de Segurança.
12 PublicidadeJornal Correio do Sul
Sexta-Feira, 23 de Junho de 2017
13Geral Jornal Correio do Sul
Sexta-Feira, 23 de Junho de 2017
Mutirão de castração volta a ter
implantaçãode chipemanimais
Controle
Um dos mutirões de castração de cães e gatos realizados no ano passado, ajudando a evitar a proliferação de animais abandonados e maltratados
Parceria e novo diretor do Dom Joaquim foram formalmente apresentados ontem
N
os próximos dias
15 e16 julho, a
Associação Bom
Pra Bicho e o Instituto Bicho
Urbano, entidades de prote-
ção animal, realizam mais
um mutirão de castração em
Araranguá. É o segundo do
ano, e desta vez deve voltar a
ser feita a chipagem dos ani-
mais. Os três mil microchips,
adquiridos pela prefeitura,
estão sendo implantados em
cães e gatos.
Durante o ano passado, os
mutirões foram organizados
em uma parceria entre a Bom
Pra Bicho, Bicho Urbano
e prefeitura de Araranguá,
através principalmente da Se-
cretaria de Saúde. Os mutirões
de castração são mais antigos,
porém os que também fazem
a implantação do chip são
recentes,começaramem2016.
A responsável pelo setor
de maus-tratos aos animais da
Fundação Ambiental do Mu-
nicípio de Araranguá (Fama)
Flávia Cândido, acompanhava
os mutirões e diz que foram
colocados chip em cerca de
650 animais. Porém, nem
todos os proprietários conhe-
ciam o serviço. “Apopulação
precisa ter ciência do que é
a chipagem, porque muitos
pensam que o chip é um GPS
e na verdade ele funciona
como uma identificação do
animal, com os dados do dono
-nome, telefone, endereço,
CPF. Então digamos que um
animal se perdeu na cidade e
foi encontrado por alguém que
o dono tem certeza que está
lá, porém a pessoa que achou
não quer devolver. Nestes
casos o dono vai poder entrar
em contato com a Fama, que
tem um aparelhinho de leitura
do chip, nós vamos passar o
leitor na nuca do animal e lá
vai aparecer a identificação”,
explicou.
A intenção daqui para
a frente, com a retomada da
chipagem em maior escala, é
que além da Fama e do Setor
de Bem Estar Animal da pre-
feitura, aAssociação Bom Pra
Bichotambémpossuaumapa-
relho de leitura do chip, o que
facilita não só a comprovação
de propriedade, como também
a localização do dono de um
bicho abandonado ou perdido.
“Já aconteceu de uma
senhora encontrar um animal
perdido no bairro Coloni-
nha e vir até nós, para tentar
HospitalfechaparceriacomCis/Amesc
Na noite desta quinta-
-feira, aconteceu na sala de
entrada do Hospital Dom
Joaquim (HDJ) de Sombrio,
uma cerimônia que contou
com a presença dos prefeitos
Zênio Cardoso de Sombrio e
Aldoir Cadorim de Ermo, e
dos secretários de Saúde de
Sombrio e Balneário Gaivota
Gislaine Cunha e José Luiz
Lentz. Eles foram recepcio-
nados pelo novo diretor do
HDJ Valmiro Charon Junior,
que aproveitou a solenidade
para se apresentar oficialmen-
te. Valmiro está atuando no
hospital a pouco mais de um
mês, porém, esta não é a úni-
ca novidade. O Dom Joaquim
fechou parceria com o con-
sórcio Cis/Amesc, e passa a
oferecer diferentes especia-
lidades com um preço mais
acessível.Aparceria tem dois
objetivos principais:devolver
a confiança da população ao
Dom Joaquim e gerar rendi-
mento que possibilite fazer
investimentos no hospital.
O diretor pretende bus-
car o apoio das prefeituras
Sombrio próximas, em busca de con-
vênios como o já existente
com Sombrio. Valmiro disse
que a conversa está provei-
tosa com Balneário Gaivota,
que pode voltar a repassar
recursos ao hospital, para
Gislaine Fontoura
Araranguá
identificar o proprietário, nós
encontramos a dona por meio
dochip”,contouFlávia.Econ-
tinua:“Estachipagemparanós
se tornou mais uma segurança
para evitar o abandono, para
poder localizar o dono, porque
acontecemuitodeoanimalser
pequeninho bonitinho e ele
servir, depois que ele cresce,
ele não serve mais, com o
chip nós podemos localizar
o dono e aplicar uma multa”,
asseverou Flávia.
Tãopreocupantequantoo
abandono são os maus-tratos,
e as denúncias não param de
crescer. São 123 de janeiro
até maio, e o número elevado
pode ser negativo e positivo
ao mesmo tempo. Negativo
porque obviamente o ideal
seriaquenenhumanimalfosse
maltratado, e positivo porque
as denúncias mostram que
as pessoas não aceitam mais
como normal que um cão,
gato, cavalo ou outro animal,
seja espancado, deixado sem
água, comida ou proteção.
Existecadavezmaisgentedis-
posta a defender os bichinhos,
e denunciar os agressores.
atendimento da sua popu-
lação.
O diretor se mostrou
otimista e relatou que no
mês de maio foram feitas 33
internações e até ontem elas
chegavam a 50.
14 PublicidadeJornal Correio do Sul
Sexta-Feira, 23 de Junho de 2017
15Publicidade Jornal Correio do Sul
Sexta-Feira, 23 de Junho de 2017
16 SegurançaJornal Correio do Sul
Sexta-Feira, 23 de Junho de 2017
Júricondenamotoristaporacidente
No Trânsito
Advogado de Badeco alegou que o motorista que morreu é que provocou o acidente
Ponte era local de muitas fotos por quem ia a Barrinha
Sandro foi preso porque era foragido de um presídio
O
mecânico Luiz
Antônio da Silva,
mais conhecido
comoBadeco,sentounobanco
dos réus, no Tribunal do Júri
da Comarca de Araranguá, na
manhã desta quinta-feira, e só
saiu no período da noite, após
ser sentenciado a 12 anos e seis
meses de prisão, iniciando no
regime fechado, por crime de
homicídioqualificado.Confor-
measentença,quefoiproferida
às 19h25min, pelo juiz Gui-
lherme Mattei Borsoi, Badeco
poderá recorrer em liberdade.
Segundo o promotor Ga-
briel Ricardo Zanon Meyer, da
4ª Promotoria de Justiça, que
atuou na sessão de julgamento,
o resultado já era esperado,
tendoasociedade,pormeiodos
juradossorteados,efetuadover-
dadeira justiça ao condenarem
o acusado.
Oadvogadodoréu,Ernani
Palma Ribeiro Filho, afirmou
que irá recorrer da sentença,
pois entende que não cabe no
caso, pelo menos a qualifica-
dora. “Vamos tentar todos os
recursospossíveis,estáprovado
nos autos, que ele não foi cul-
padopeloacidente”,asseverou.
Ernani sustentou, em uma de
suas teses de defesa, que a
vítima cortou a frente do carro
de Badeco, sendo a verdadeira
culpada pelo acidente”.
O réu foi julgado culpado
do acidente de trânsito, ocor-
rido em outubro de 2014, no
trevo que dá acesso ao bairro
Urussanguinha, na rodovia
SC-447, envolvendo uma Van,
dirigida por Badeco e um Fiat
Uno, dirigido por André Pos-
samai Senhoria, na época com
27 anos, que morreu na hora.
Logo após o acidente, Badeco
foi preso em flagrante e levado
para a Central de Polícia, onde
foi autuado por homicídio e
embriaguez ao volante.
ForagidodeItajaíépresoemSombrio
Clínica é assaltada em Araranguá
CorrentezadestróipontedaBarrinha
Na madrugada desta
quinta-feira, a Polícia Militar
recebeu a informação de que
um veículo suspeito, de cor
escura, estava estacionado em
uma rua no bairro Parque das
Avenidas, próximo a um posto
de combustível às margens da
BR 101.
A viatura da PM foi até o
local para verificar a situação
eencontrouumVectraGTpla-
cas EDC 1557 de cor cinza e
placas de Mostarda/RS. O car-
ro estava com registro de furto
e os policiais cautelosamente
se aproximaram e encontra-
ram três pessoas dormindo
dentro do automóvel, todas
com passagem policial. Dois
eram um casal, a garota com
20 anos e o namorado com 23,
e o outro era Sandro Acir Ba-
tista. Durante o desenrolar da
identificação, foi descoberto
No final da tarde desta
quinta-feira, por volta das
18h10min, uma clínica, loca-
lizada no bairro Cidade Alta,
foi assaltada por dois homens,
que chegaram de capacetes e
Uma das mais belas pai-
sagens turísticas da região
sofreu com um forte impacto
da natureza na manhã des-
ta quinta-feira. Trata-se da
Ponte da Barrinha, na comu-
nidade do mesmo nome,em
São João do Sul. A ponte de
30 metros foi construída a
aproximadamente seis anos
e era um dos principais sím-
bolos turísticos do município,
e ontem teve metade de sua
estruturalevadaporumaforte
correnteza, que foi da Lagoa
do Sombrio em direção a
Barrinha, arrastando tudo
pelo caminho.
De acordo com a in-
formação de Patrícia Porto
Teixeira, responsável pelo
restaurante Primo, que fica
ao lado da ponte, o fato acon-
que ocorreu um engano em
Mostarda. O Vectra pertence
a tia de um dos rapazes, que
emprestou ao sobrinho. Ao
chegar em casa, sem saber do
empréstimo e não encontran-
do o carro, outra pessoas da
família registrou um boletim
de ocorrência de furto.
armados. Após roubar uma
quantia em dinheiro, não
divulgada para a imprensa,
a dupla fugiu sentido Beira
Rio. A Polícia Militar foi
acionada e realizou rondas,
com o intuito de capturara
os marginais, no entanto eles
não foram localizados. A
teceu por volta das 7horas e
foi registrado pelas câmeras
de segurança do restaurante.
As imagens mostram quando
uma forte correnteza atingiu a
estrutura e a derrubou.
Além da ponte, parte da
Sombrio
Gislaine Fontoura
Araranguá
São João do Sul
O sobrinho da dona do
carro e sua namorada foram
liberados. Já Sandro, que ao
chegar na delegacia mentiu
sua identidade dizendo se
chamar Diogo dos Santos, é
fugitivo do presídio de Itajaí.
Ele foi preso e deve ser man-
dado de volta a prisão.
polícia acredita que a dupla
usou capacete para despistar e
encobrir o rosto, para não ser
identificada nas imagens das
câmeras de segurança e que
um terceiro envolvido estaria
esperando em um veículo, nas
proximidades, para agilizar
a fuga.
encosta do rio também foi
atingida. O restaurante Primo
continua funcionando nor-
malmente, e os proprietários
afirmam que o local é seguro
para visitações. A comunida-
delamentouoacontecimento.
Gislaine Fontoura
Araranguá
17Publicidade Jornal Correio do Sul
Sexta-Feira, 23 de Junho de 2017
18 PublicidadeJornal Correio do Sul
Sexta-Feira, 23 de Junho de 2017
19Publicidade Jornal Correio do Sul
Sexta-Feira, 23 de Junho de 2017
20 Publicações LegaisJornal Correio do Sul
Sexta-Feira, 23 de Junho de 2017
EDITAL DE INTIMAÇÃO
ARLINDO EDÍLIO DA ROSA, Titular do TABELIONATO DE NOTAS E PROTESTOS DE TÍTULOS desta
Comarca de Sombrio, situado na Av. Nereu Ramos, 1300 - Fone (48) 3533-0318 - CEP 88960-000,
atendimento das 08:00h - 12:00h e 14:00h - 18:00h, faz saber na forma da Lei aos que o presente EDITAL
virem, que se encontram nesse tabelionato para serem protestados, decorrido o prazo legal de 03 (três)
dias úteis, por não terem sido encontrados nos endereços fornecidos, ou por se recusarem a tomar
conhecimento, os títulos cujos responsáveis estão abaixo discriminados. Ficam esclarecidos, também, de
que nesse mesmo prazo poderão apresentar resposta escrita, que não impedirá a lavratura do protesto.
PROT. .......................................................APRESENTANTE / CNPJ DEVEDOR / CNPJ
Prot: 159436; Devedor(es): ROSANA PORTO - 037.820.089-52, End: Rua Reduzino Tristão de Melo,
1540, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: CONFECCOES MATTRIC LTDA; Sac:
CONFECCOES MATTRIC LTDA; Tit: 15214 ; Apr: FCDL; VEN: 05/01/2017; Esp: Duplicata de Venda
Mercantil por Indicação; Val: R$ 403,15 + Juros Legais (1% a.m.); Emol.: R$ 56,58. Apontamento R$
16,50 - Selo R$ 1,85 - Distribuição R$ 0,00 - Diligência R$ 33,00 - Condução R$ 7,08 - Digitalização R$
0,00- Total Emolumentos R$ 56,58.
Prot: 159366; Devedor(es): SASSI E PORTO ALIMENTOS LTDA ME - 23.613.810/0001-19, End: Rua
Caetano Lummertz, 111, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: SEGALASALIMENTOS
LTDA; Sac: SEGALA S ALIMENTOS LTDA; Tit: 00451473 1 ; Apr: BANCO BRADESCO S A; VEN:
08/06/2017; Esp: Duplicata de Venda Mercantil por Indicação; Val: R$ 637,19 + Juros Legais (1% a.m.);
Emol.: R$ 56,58. Apontamento R$ 16,50 - Selo R$ 1,85 - Distribuição R$ 0,00 - Diligência R$ 33,00 -
Condução R$ 7,08 - Digitalização R$ 0,00- Total Emolumentos R$ 56,58.
Prot: 159400; Devedor(es): SASSI E PORTO ALIMENTOS LTDA ME - 23.613.810/0001-19, End: Rua
Caetano Lummertz, 111, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: SEGALASALIMENTOS
LTDA; Sac: SEGALA S ALIMENTOS LTDA; Tit: 00443502 1 ; Apr: BANCO BRADESCO S A; VEN:
10/06/2017; Esp: Duplicata de Venda Mercantil por Indicação; Val: R$ 780,89 + Juros Legais (1% a.m.);
Emol.: R$ 56,58. Apontamento R$ 16,50 - Selo R$ 1,85 - Distribuição R$ 0,00 - Diligência R$ 33,00 -
Condução R$ 7,08 - Digitalização R$ 0,00- Total Emolumentos R$ 56,58.
Certifico, para os devidos fins, que o presente edital foi afixado no mural da serventia em: 23/06/2017
Sombrio - SC, 22/06/2017
ARLINDO EDÍLIO DA ROSA
ESTADO DE SANTA CATRINA
MUNICÍPIO DE BALNEÁRIO ARROIO DO SILVA
DECRETO N° 114, DE 6 DE JUNHO DE 2017.
DISPÕE SOBRE DESIGNAÇÃO DE RESPONSÁVEL PARA REPRESENTAÇÃO, RECEBIMENTO E CONFERÊNCIA
DE EQUIPAMENTOS DO KIT DE EQUIPAGEM DO CONSELHO TUTELAR JUNTO A SECRETARIA ESPECIAL DOS
DIREITOS HUMANOS DA PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA – SDH/PR, E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS.
O PREFEITO MUNICIPALJUSCELINO DASILVAGUIMARÃES, no uso de suas atribuições legais conferidas no disposto
dos Incisos I, XXII e XXVI, do Artigo 58, da Lei Orgânica do Município e,
CONSIDERANDOquecompeteaoChefedoPoderExecutivodisporsobreaorganizaçãoefuncionamentodaadministração
municipal e ainda legislar sobre assuntos de interesse local, nos termos do Inciso I, do Artigo 30 da Constituição Federal;
CONSIDERANDO que aAdministração Pública deve obedecer aos princípios da legalidade, impessoalidade, moralidade,
publicidade e eficiência, dos seus atos e ações, conforme determina o Artigo 37, da Constituição Federal;
CONSIDERANDO a necessidade de atribuir responsabilidade e representar o Município perante a Secretaria Especial
dos Direitos Humanos da Presidência da República – SDH/PR;
CONSIDERANDO a contemplação do Município de BalneárioArroio do Silva na ação de Equipagem do Conselho Tutelar
realizada pela Secretaria Especial dos Direitos Humanos da Presidência da República – SDH/PR;
CONSIDERANDO a necessidade de fortalecimento do Sistema de Garantia de Direitos do Município de Balneário Arroio
do Silva;
CONSIDERANDO finalmente, o evidente interesse e a necessidade administrativa na questão,
D E C R E T A:
Art. 1º DESIGNAR oAgente Político o Senhor FELIPE KELLER, brasileiro, maior, solteiro, nascido em 2 de novembro de
1985, portador do RG nº 12524018 – SSP/MT, inscrito no Cadastro das Pessoas Físicas do Ministério da Fazenda - CPF
sob o n° 051.237.259-46, exercendo o Cargo de Secretário deAdministração e Finanças, para representar o Município de
BalneárioArroio do Silva, Estado de Santa Catarina, perante a Secretaria Especial dos Direitos Humanos da Presidência
da República – SDH/PR, bem como fica o mesmo responsável pelo recebimento e conferência na entrega do Kit de
Equipagem do Conselho Tutelar.
Art. 2º Caberá ao referido Agente Político adotar todas as medidas complementares referentes à execução do
acompanhamento do referido Programa Equipagem dos Conselhos Tutelares.
Art. 3º Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação.
Prefeitura Municipal de Balneário Arroio do Silva, em 6 de junho de 2017.
JUSCELINO DA SILVA GUIMARÃES
Prefeito Municipal
Registrado e Publicado o presente Decreto na Secretaria de Administração e Finanças, em 6 de junho de 2017.
FELIPE KELLER
Secretário de Administração e Finanças
ESTADO DE SANTA CATRINA
MUNICÍPIO DE SÃO JOÃO DO SUL
DECRETO Nº 043 DE 22 DE JUNHO DE 2017
“Abre Crédito Suplementar ao Orçamento Vigente do Fundo Municipal de Saúde e dá outras providências”.
MOACIR FRANCISCO TEIXEIRA, Prefeito Municipal de São João do Sul, Estado de Santa Catarina, no uso de suas
atribuições legais e de acordo com o Art. 6º da Lei nº 1796 de 12 de dezembro 2016 (Lei Orçamentária);
Considerando, o pagamento realizado através da Ordem Bancária nº 99.975 de 19/06/2017, com recursos do Fundo Social,
para atendimento as emendas federais com o objetivo de aquisição de ambulância, não previsto no orçamento vigente;
DECRETA:
Art. 1º - Fica determinada a abertura de crédito adicional suplementar no valor de R$ 149.983,95 (cento e quarenta e
nove mil, novecentos e oitenta e três reais e noventa e cinco centavos), para cobertura de dotação do orçamento vigente
do Fundo Municipal de Saúde, conforme segue:
07 – SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE
01 – FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE
10.301.0127.1028 – Aquisição de Veículos para Saúde
4.4.90.00.00.00.00.00.0033 – Aplicações Diretas.........................................................R$ 149.983,95
TOTAL.........................................................................................................................R$ 149.983,95
Art. 2º - Para cobertura da dotação do artigo primeiro será utilizado recursos vinculados de excesso de arrecadação -
Estado, verificados no exercício corrente.
Art. 3º - Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação.
Gabinete do Prefeito Municipal de São João do Sul, 22 de junho de 2017.
MOACIR FRANCISCO TEIXEIRA
Prefeito Municipal
Publicado e registrado nesta Secretaria aos vinte e dois dias do mês de junho do ano de dois mil e dezessete.
TAISE DOS SANTOS ALVES
Secretária Municipal de Administração e Finanças
AVISO DE LICITAÇÃO
EDITAL Nº 24/2017
MODALIDADE: PREGÃO PRESENCIAL
TIPO: MENOR PREÇO UNITÁRIO
OBJETO: A presente Licitação tem por objeto à aquisição de equipamentos de proteção individual e coletivos, para
proteção dos servidores públicos no desenvolvimento de suas funções e a melhoria do ambiente de trabalho em todos
os Departamentos, em consonância com as especificações aduzidas no ANEXO I do presente Edital. ENTREGA DE
ENVELOPES:Até as 15h00min do dia 10 de julho de 2017, no Setor de Compras do SAMAE DEARARANGUÁ, com sede
na Rua Expedicionário Iracy Luchina, nº 711, Bairro - Urussanguinha.ABERTURADE ENVELOPES: Às 15h00min do dia
10 de julho de 2017, na sala de reuniões do Setor de Compras do SAMAE de ARARANGUÁ/SC. EDITAL COMPLETO:
está à disposição dos interessados no Setor de Compras da Autarquia, durante o horário de expediente, e através do
endereço eletrônico: www.samaeararangua.com.br. Maiores informações poderão ser obtidas pelo telefone (48) 3524.0837
ramal 226 e através do e-mail: compras.samae@contato.net. Base Legal: Leis Federais n.º: 10.520/2002 e 8.666/93, LC
nº 123/2006, Decreto Municipal nº 2.676/2005 e demais legislações aplicáveis.
Araranguá, SC, 23 de junho de 2017.
José Hilson Sasso
Diretor Geral
Margarete Timboni Baran
Diretora Administrativa
21Geral Jornal Correio do Sul
Sexta-Feira, 23 de Junho de 2017
ESTADO DE SANTA CATARINA
MUNICÍPIO DE SÃO JOÃO DO SUL
DECRETO Nº 044 DE 22 DE JUNHO DE 2017.
NOMEIA MEMBROS PARA COMPOR A COMISSÃO COORDENADORA DE MONITORAMENTO,
ACOMPANHAMENTO E AVALIAÇÃO DO PME.
MOACIR FRANCISCO TEIXEIRA, Prefeito Municipal de São João do Sul, Estado de Santa Catarina, no
uso de suas atribuições legais, em conformidade com o disposto no inciso V, Art. 55, da Lei Orgânica do
Município e em conformidade com o art. 7º, §3º, da Lei n.º 1.754, de 17/06/2015, que aprovou o Plano
Municipal de Educação;
DECRETA:
Art. 1º - Institui a Comissão Coordenadora para monitoramento, acompanhamento e avaliação do Plano
Municipal de Educação e a Equipe Técnica, que têm por objetivo acompanhar e avaliar o cumprimento
das metas e estratégias constantes na Lei Municipal n.º 1.754, de 17 de junho de 2015.
Art. 2º Designa os membros que integrarão a Comissão Coordenadora e a Equipe Técnica, de que trata
o art. 1º deste Decreto.
COMISSÃO COORDENADORA
Rita Aparecida da Silva Laureano
Eliane Maciel da Silva.
Susânia Scariot Bendo Cechinel
Claudio Junior Lima da Rocha
EQUIPE TÉCNICA
I – Representantes da Secretaria Municipal de Educação:
Vanessa Scandolara Magnus
Lilian Maria Espindola
II – Representante da Secretaria de Administração e Finanças:
Taise dos Santos Alves.
III - Representante da Secretaria de Saúde:
Anelise Espíndola Scheffer.
IV - Representante do Poder Legislativo:
Ronivon Santos de Matos.
V - Representante do Ensino Infantil:
Maria Helena Scheffer Domingos
Elizandra Perdoná Donadel
VI – Representante do Ensino Fundamental:
Marilane Souza Lopes Colares.
Fabricia de Jesus Rodrigues Alves
Adriana Fagundes dos Santos Peres.
Art. 3º Fica estabelecido que a Comissão Coordenadora para monitoramento, acompanhamento e avaliação
do Plano Municipal de Educação deverá reunir-se com vistas a estabelecer seu regimento interno, no qual
constarão suas atribuições, a periodicidade em que seus Planos de Trabalho serão elaborados, bem como
os mecanismos de ação a serem utilizados por seus membros. E a equipe técnica trabalhará na Secretaria
Municipal de Educação, sob a coordenação da Secretaria Municipal de Educação.
Art. 4º Os membros nomeados por neste Decreto terão mandato pelo período de vigência do PME,
aprovado pela Lei n.º 1.754/2015.
Art.5º - Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação, ficando revogados os Decretos nº 108 de
17 de novembro de 2014 e o nº 032 de 17 de maio de 2016.
Gabinete do Prefeito Municipal de São João do Sul, 22 de junho de 2017.
MOACIR FRANCISCO TEIXEIRA
Prefeito Municipal
Publicado e registrado nesta Secretaria aos vinte e dois dias do mês de junho do ano de dois mil e dezessete.
TAISE DOS SANTOS ALVES
Secretária Municipal de Administração e Finanças
ESTADO DE SANTA CATARINA
PREFEITURA MUNICIPAL DE MELEIRO
AVISO DE LICITAÇÃO
PREGÃO PRESENCIAL N.º 043/2017
A PREFEITURA MUNICIPAL DE MELEIRO torna público para conhecimento dos interessados que no dia
06/07/2017 às 14:00 horas estará realizando a reunião de recebimento das propostas do PREGÃO PRESENCIAL
N.º 043/2017, objetivando a CONTRATAÇÃO DE EMPRESAPARAPRESTAÇÃO DE SERVIÇO DE CONFECÇÃO
DE UNIFORMES ESCOLARES PARAALUNOS DAREDE MUNICIPALDE ENSINO INFANTILE FUNDAMENTAL.
A integra do Edital e maiores informações poderão ser obtidas na Prefeitura Municipal de Meleiro, sito a Rua Sete
de Setembro, nº 371, Centro – Meleiro/SC, no horário das 7:30 às 11:30 e das 13:00 as 17:00 horas, de Segunda
a Sexta-Feira ou pelo fone (048) 3537-8400. A retirada do Edital poderá ser feita no endereço acima citado ou
através da disponibilização no site do município www.meleiro.sc.gov.br .
Meleiro/SC, 22 de junho de 2017.
EDER MATTOS
Prefeito Municipal
ESTADO DE SANTA CATARINA
MUNICÍPIO DE SÃO JOÃO DO SUL
DECRETO N.º 045 DE 22 DE JUNHO DE 2017.
Designa servidor para homologar a opção do contribuinte de adesão ao REFIS SÃO JOÃO 2017 e, dá outras
providências.
MOACIR FRANCISCO TEIXEIRA, Prefeito Municipal de São João do Sul, Estado de Santa Catarina, no uso de
suas atribuições legais, em conformidade com o disposto no Art. 55, da Lei Orgânica do Município de São João do
Sul e em observância ao Art. 7º da Lei Municipal n.º 1.809, de 20 de junho de 2017;
DECRETA:
Art. 1o - Fica designada a servidora Carla Pereira, ocupante no cargo de Oficial de Tributos, Matrícula n.º 980, como
representante do Poder Executivo Municipal, para fins de homologação da opção do contribuinte de adesão ao
REFIS SÃO JOÃO 2017, de acordo com o previsto no Art. 7º da Lei Municipal n.º 1.809, de 20 de junho de 2017.
Parágrafo Único – O exercício das funções de que trata o caput deste Artigo, será sem ônus ao Município.
Art. 2º - A homologação ficará condicionada ao cumprimento das condições previstas na referida Lei.
Art. 3º - Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação.
Gabinete do Prefeito Municipal de São João do Sul, 22 de junho de 2017.
MOACIR FRANCISCO TEIXEIRA
Prefeito Municipal
Publicado e registrado nesta Secretaria aos vinte e dois dias do mês de junho do ano de dois mil e dezessete.
TAISE DOS SANTOS ALVES
Secretária Municipal de Administração e Finanças
22 PublicidadeJornal Correio do Sul
Sexta-Feira, 23 de Junho de 2017
23Publicidade Jornal Correio do Sul
Sexta-Feira, 23 de Junho de 2017
ARededeProteçãodaCriançaeAdolescentedoMorroGrandeestámobilizando
apopulaçãocomaCampanhadePrevençãoaousodeÀlcooleoutras
Drogas.Paraissoforamcolocadasempontosestratégicosfaixaseoutdoor
daCampanha,efinalizandoasatividadesserárealizadoumaapresentaçãode
standup-‘’AfugadoEu’’comoGrupoGargalhasdeAraranguá.
ARededeProteçãocontacomapresençadetodaComunidadenesteevento.
24 PublicidadeJornal Correio do Sul
Sexta-Feira, 23 de Junho de 2017
25Publicidade Jornal Correio do Sul
Sexta-Feira, 23 de Junho de 2017
Jornal Correio do Sul
Sexta-Feira, 23 de Junho de 2017
09-16-17-21-23-46
01-09-12-15-34-35
CONCURSO
1.658
DUPLA SENA
22/06
Com um gol em
cada tempo,
Grêmio vence o
Coxa na Arena
e já pensa no
Corinthians
C
om a tarefa cumprida, o Grêmio já pode
pensar no duelo com cara de final contra o
Corinthians, no próximo domingo. Na noite
desta quinta-feira, no encerramento da nona
rodada do Brasileirão, o Tricolor gaúcho
venceu o Coritiba por 2 a 0, na Arena, com um gol em cada
tempo – Pedro Rocha e Fernandinho marcaram. O Coxa até
conseguiu pressionar e poderia ter feito o seu, mas a fase dos
gaúchos parece iluminada.
A vitória mantém o Grêmio na segunda colocação, agora
com 22 pontos, um a menos que o Timão. Já os paranaenses
perdem duas posições e encerram a rodada em quinto, com 15.
Os dois times voltam a campo no domingo, às 16h. Enquanto
o Grêmio joga novamente na Arena, no duelo pela ponta de
cima com o Corinthians, o Coxa vai a Minas Gerais enfrentar
o Cruzeiro.
O Grêmio teve o retorno do centroavante Barrios, mas
estava sem os titulares Kannemann e Ramiro. Em seus lugares,
entraram Rafael Thyere e Fernandinho. Já o Coritiba não con-
seguiu efeito suspensivo para o atacante Kleber, e Alecsandro
seguiu na equipe.Aprimeira chance do jogo foi um chute para
foradeHenriqueAlmeida,aostrêsminutos,queatorcidatricolor
não perdoou e mandou uma sonora vaia ao atacante.
Mas os donos da casa trataram de abrir o placar logo em
seguida. Aos nove, Pedro Rocha tabelou com Luan na entrada
da área, ganhou a dividida com Dodô e soltou uma bomba
Porto Alegre de canhota, sem chances para Wilson. Aos 17, o goleiro do
Coxa salvou em dois chutes consecutivos. No terceiro, Barrios
completou para o gol, mas a arbitragem apontou impedimento.
Aos 25, Pachequinho precisou fazer a primeira troca.Alan
SantossentiuacoxaefoisubstituídoporTiagoReal.Comatro-
ca,oCoritibapassouagostardojogo,enquantoomeiodecampo
tricolor errava passes em demasia. Aos 34, William Matheus
conseguiu um bom lançamento para Matheus Galdezani, que
chutou de primeira já dentro da área, e Marcelo Grohe segurou
bem. No fim do primeiro tempo, Luan ainda "pifou" Barrios na
cara de Wilson, mas o centroavante mandou por cima.
E o Coxa seguiu melhor na volta do intervalo. Aos cinco,
Galdezani pegou a sobra da defesa e bateu por cima da meta de
Grohe.Aos12,HenriqueAlmeidatabeloucomWilliamMatheus
e finalizou muito perto da trave direita. O primeiro chute do
Grêmio na segunda etapa veio aos 17, com Fernandinho, sobre
o gol de Wilson.
Foi a deixa para oTricolor voltar a pressionar.Aos 23, Fer-
nandinho bateu na saída do goleiro, e Wilson defendeu com os
pés.Aos26,Luanentrounaáreapelaesquerdaechutoucruzado.
Lá estavaWilson para espalmar de novo.Aos 32, Bruno Cortez
foi cirúrgico ao dar um toque providencial na área do Grêmio e
evitar o chute de Iago.Aos 37, Luan entrou na área do Coritiba
a dribles e bateu colocado. Wilson pegou mais uma.
Aos 39, porém, o Tricolor matou a partida. Luan disparou
pelo meio e abriu para Fernandinho, que nem precisou domi-
nar para fuzilar. Dessa vez, não teve jeito para Wilson. Estava
liquidada a fatura naArena.
Brasileirão
Série B
Brasileirão
Série A
AECestreianomáster contraoFigueirense
KlausaproveitachanceevibracomsequêncianoInter
RodadadoGaivotãoéno8deSetembro
Araranguá
Porto Alegre
Balneário Gaivota
27Esporte Jornal Correio do Sul
Sexta-Feira, 23 de Junho de 2017
Foi definida a data de
estreia do Máster do Araran-
guá Esporte Clube, o AEC,
no campeonato catarinense
de máster. A equipe este ano
compete com outras 6 em
busca do título, já que no ano
passado conquistou o vice
campeonato, perdendo a final
para o Criciúma no clássico
do sul.
Atabela de jogos da com-
petição foi entregue a diretoria
que já começa a se preparar.
O máster do AEC estreia
nodia2desetembro,diantedo
Figueirense, velho conhecido.
Depois de vários amistosos,
os dois times voltam a se en-
Demorou, mas, enfim,
a oportunidade reapareceu.
E, mesmo que o momento
do sistema defensivo fosse
conturbado, Klaus conseguiu
corresponder. Ajudou o Inter
a completar duas partidas
seguidas sem ser vazado
(empates em 0 a 0 com Santa
Cruz e Paraná). O objetivo é
manter o nível para não sair
mais do time.
Klaus foi contratado no
N
este domingo,
Balneário Gai-
vota realiza mais
duas partidas pelo Gaivotão
2017, sendo uma valendo pela
primeira final da categoria
frentar, revivendo o clássico
do futebol catarinense nos
anos 90. Quem não lembra da
vitória nos pênaltis, na final da
Copa Santa Catarina em 1991,
em pleno Orlando Scarpelli,
onde o AEC trouxe a taça de
campeão para casa.
No confronto deste ano,
alguns jogadores que estavam
emcamponaqueledia,estarão
agora novamente. Depois são
mais cinco jogos: dia 16 joga
fora novamente, dessa vez
diante do Joinville,dia 30 fol-
ga. No dia 14 de outubro, joga
em casa contra o Sindicato
dos Atletas Profissionais de
Santa Catarina, em seguida,
dia 28, vai a Jaraguá do Sul
enfrentar o Juventus, depois
início da temporada. Desta-
que do Juventude, chegou ao
Beira-Rio referendado por
Antônio Carlos Zago, seu
técniconoperíodoemCaxias.
Recebeuumasequênciacomo
titular, mas sofreu uma lesão
muscular na coxa direita.
Agora, celebra a nova chance
dada por Guto Ferreira:
- Tive a lesão, mas tratei
e treinei. Não fiquei sem
fazer nada. Tive oportuni-
dade agora. Voltei e agarrei
firmemente.
Máster.
Máster Gaivota e
8 de Setembro entram
em campo às 13h15min
para os primeiros 90
minutos da final da cate-
goria. O time do Máster
Gaivota terá de enfrentar o 8
de Setembro jogando em casa,
que com certeza terá a
força da torcida da co-
munidade do Rio Novo
a seu favor.
No segundo jogo
dodia,pelacategoriaLi-
vre, o 8 de Setembro joga com
o Turimar. Mesmo sendo uma
disputa para cumprir tabela, já
que as duas equipes não pos-
suem chances de classificação,
a questão é buscar pontos até
o último momento. “Tivemos
um bom momento contra o
Ferpa em nossa última partida
e esperamos render mais no
nossopróximojogo”comentou
Marcelo Amaral, dirigente do
Turimar.
Os dois times que jogam
pela Livre, ainda não tiveram
êxito e sofreram duas derrotas.
O 8 de Setembro perdeu de 5 a
4 para o Ferpa e de 3 a 0 pra o
Juventus.PeloTurimaroplacar
foi de 7 a 0 para o Juventus e de
5 a 1 para o Ferpa. O jogo entre
8 de Setembro e Turimar deve
iniciar 15h15min no campo do
8 de Setembro.
em 11 de novembro joga em
casa diante do Criciúma e
fechandoaprimeirafase,volta
a jogar em casa no dia 25, com
o Blumenau.
Amistosos
Antesdaestreiaedacom-
petição, o AEC está com al-
guns amistosos agendados em
preparação ao campeonato.
Dia 28, na semana que vem,
as 19h30min, joga em Turvo,
na sede da Cersul, diante do
veterano e amigos do TAC.
No dia 8 de julho vai a Porto
Alegre enfrentar o máster do
Grêmio, depois no dia 16 é
em Novo Hamburgo o com-
promisso diante do máster do
NovoHamburgo.Alémdesses
dois amistosos, tem mais um
ou dois já agendados.
A diretoria realizará o 1º
bingo do máster do AEC para
bancar as disputas do campe-
onato catarinense de máster.
O bingo será realizado
no dia 5 de agosto no salão do
Alto Feliz, e em breve as car-
telas começam a ser vendidas.
Quanto ao fardamento
para o campeonato catari-
nense, será lançado no dia do
bingo. “Estamos no caminho
certo, a tendência é cada vez
nos crescer, levando o nome
do AEC para todo o estado e
este ano vamos levantar a taça
de campeão”, frisa o presiden-
te Cleder Maciel.
SEXTA-FEIRA, SÁBADO E DOMINGO, 23, 24 E 25 DE JUNHO DE 2017

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados (20)

Jornal digital 23 de janeiro de 2017
Jornal digital   23 de janeiro de 2017Jornal digital   23 de janeiro de 2017
Jornal digital 23 de janeiro de 2017
 
Jornal digital 30 01-18
Jornal digital 30 01-18Jornal digital 30 01-18
Jornal digital 30 01-18
 
29-05-17 Jornal Digital
29-05-17 Jornal Digital29-05-17 Jornal Digital
29-05-17 Jornal Digital
 
Jornal digital 17 10-17
Jornal digital 17 10-17Jornal digital 17 10-17
Jornal digital 17 10-17
 
Jornal digital 10 01-18
Jornal digital 10 01-18Jornal digital 10 01-18
Jornal digital 10 01-18
 
Jornal digital 15-02-17
Jornal digital 15-02-17Jornal digital 15-02-17
Jornal digital 15-02-17
 
Jornal digital 07 11-17
Jornal digital 07 11-17Jornal digital 07 11-17
Jornal digital 07 11-17
 
Jornal Digital 03-02-17
Jornal Digital 03-02-17Jornal Digital 03-02-17
Jornal Digital 03-02-17
 
Jornal digital 07 09-17
Jornal digital 07 09-17Jornal digital 07 09-17
Jornal digital 07 09-17
 
M.Grupo anuncia novos hotéis
M.Grupo anuncia novos hotéisM.Grupo anuncia novos hotéis
M.Grupo anuncia novos hotéis
 
Jornal digital 11 09-2018
Jornal digital 11 09-2018Jornal digital 11 09-2018
Jornal digital 11 09-2018
 
Jornal digital 16 01-18
Jornal digital 16 01-18Jornal digital 16 01-18
Jornal digital 16 01-18
 
Jornal digital 04 04-18
Jornal digital 04 04-18Jornal digital 04 04-18
Jornal digital 04 04-18
 
Jornal digital 4902_sex_22042016
Jornal digital 4902_sex_22042016Jornal digital 4902_sex_22042016
Jornal digital 4902_sex_22042016
 
JORNAL DO MUNICIPIO - JULHO 2014
JORNAL DO MUNICIPIO - JULHO 2014JORNAL DO MUNICIPIO - JULHO 2014
JORNAL DO MUNICIPIO - JULHO 2014
 
Jornal digital 5062 seg_12122016
Jornal digital 5062 seg_12122016Jornal digital 5062 seg_12122016
Jornal digital 5062 seg_12122016
 
Globo fake news
Globo fake newsGlobo fake news
Globo fake news
 
Jornal digital 09 07-18
Jornal digital 09 07-18Jornal digital 09 07-18
Jornal digital 09 07-18
 
Jornal digital 09 10-17
Jornal digital 09 10-17Jornal digital 09 10-17
Jornal digital 09 10-17
 
Cocal Notícias 515: versão online
Cocal Notícias 515: versão onlineCocal Notícias 515: versão online
Cocal Notícias 515: versão online
 

Semelhante a Jornal digital 23 06-17

Entrevista completa de Rui Falcão para Brasil Econômico
Entrevista completa de Rui  Falcão para Brasil Econômico Entrevista completa de Rui  Falcão para Brasil Econômico
Entrevista completa de Rui Falcão para Brasil Econômico ruifalcao13156
 
Jornal digital 13 de janeiro de 2017
Jornal digital   13 de janeiro de 2017Jornal digital   13 de janeiro de 2017
Jornal digital 13 de janeiro de 2017Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 24 de janeiro de 2017
Jornal digital   24 de janeiro de 2017Jornal digital   24 de janeiro de 2017
Jornal digital 24 de janeiro de 2017Jornal Correio do Sul
 

Semelhante a Jornal digital 23 06-17 (20)

Jornal digital 4969_qua_270720162
Jornal digital 4969_qua_270720162Jornal digital 4969_qua_270720162
Jornal digital 4969_qua_270720162
 
Jornal digital 13 04-18
Jornal digital 13 04-18Jornal digital 13 04-18
Jornal digital 13 04-18
 
Entrevista completa de Rui Falcão para Brasil Econômico
Entrevista completa de Rui  Falcão para Brasil Econômico Entrevista completa de Rui  Falcão para Brasil Econômico
Entrevista completa de Rui Falcão para Brasil Econômico
 
Jornal digital 5057 seg_05122016
Jornal digital 5057 seg_05122016Jornal digital 5057 seg_05122016
Jornal digital 5057 seg_05122016
 
Jornal digital 27 06-17
Jornal digital 27 06-17Jornal digital 27 06-17
Jornal digital 27 06-17
 
Jornal digital 13 de janeiro de 2017
Jornal digital   13 de janeiro de 2017Jornal digital   13 de janeiro de 2017
Jornal digital 13 de janeiro de 2017
 
Jornal digital 21 09-2018
Jornal digital 21 09-2018Jornal digital 21 09-2018
Jornal digital 21 09-2018
 
Jornal digital 21 11-17
Jornal digital 21 11-17Jornal digital 21 11-17
Jornal digital 21 11-17
 
Jornal digital 05 10-17
Jornal digital 05 10-17Jornal digital 05 10-17
Jornal digital 05 10-17
 
Jornal digital 5046_sex_18112016
Jornal digital 5046_sex_18112016Jornal digital 5046_sex_18112016
Jornal digital 5046_sex_18112016
 
Jornal digital 19 12-17
Jornal digital 19 12-17Jornal digital 19 12-17
Jornal digital 19 12-17
 
Jornal digital 31-03-17
Jornal digital 31-03-17Jornal digital 31-03-17
Jornal digital 31-03-17
 
Jornal digital 15-03-17
Jornal digital 15-03-17Jornal digital 15-03-17
Jornal digital 15-03-17
 
Jornal digital 26 07-18
Jornal digital 26 07-18Jornal digital 26 07-18
Jornal digital 26 07-18
 
Jornal digital 24 de janeiro de 2017
Jornal digital   24 de janeiro de 2017Jornal digital   24 de janeiro de 2017
Jornal digital 24 de janeiro de 2017
 
Jornal digital 14 06-17
Jornal digital 14 06-17Jornal digital 14 06-17
Jornal digital 14 06-17
 
Jornal digital 26 04-18
Jornal digital 26 04-18Jornal digital 26 04-18
Jornal digital 26 04-18
 
Jornal digital 23 08-18
Jornal digital 23 08-18Jornal digital 23 08-18
Jornal digital 23 08-18
 
Jornal digital 14 05-18
Jornal digital 14 05-18Jornal digital 14 05-18
Jornal digital 14 05-18
 
Jornal digital 22 09-17
Jornal digital 22 09-17Jornal digital 22 09-17
Jornal digital 22 09-17
 

Mais de Jornal Correio do Sul (20)

Jornal digital 19 12-2018
Jornal digital 19 12-2018Jornal digital 19 12-2018
Jornal digital 19 12-2018
 
Jornal digital 18 12-2018
Jornal digital 18 12-2018Jornal digital 18 12-2018
Jornal digital 18 12-2018
 
Jornal digital 17 12-2018
Jornal digital 17 12-2018Jornal digital 17 12-2018
Jornal digital 17 12-2018
 
Jornal digital 14 12-2018
Jornal digital 14 12-2018Jornal digital 14 12-2018
Jornal digital 14 12-2018
 
Jornal digital 13 12-2018
Jornal digital 13 12-2018Jornal digital 13 12-2018
Jornal digital 13 12-2018
 
Jornal digital 12 12-2018
Jornal digital 12 12-2018Jornal digital 12 12-2018
Jornal digital 12 12-2018
 
Jornal digital 11 12-2018
Jornal digital 11 12-2018Jornal digital 11 12-2018
Jornal digital 11 12-2018
 
Jornal digital 10 12-2018
Jornal digital 10 12-2018Jornal digital 10 12-2018
Jornal digital 10 12-2018
 
Jornal digital 06 12-2018
Jornal digital 06 12-2018Jornal digital 06 12-2018
Jornal digital 06 12-2018
 
Jornal digital 05 12-2018
Jornal digital 05 12-2018Jornal digital 05 12-2018
Jornal digital 05 12-2018
 
Jornal digital 04 12-2018
Jornal digital 04 12-2018Jornal digital 04 12-2018
Jornal digital 04 12-2018
 
Jornal digital 03 12-2018
Jornal digital 03 12-2018Jornal digital 03 12-2018
Jornal digital 03 12-2018
 
Jornal digital 30 11-2018
Jornal digital 30 11-2018Jornal digital 30 11-2018
Jornal digital 30 11-2018
 
Jornal digital 29 11-2018
Jornal digital 29 11-2018Jornal digital 29 11-2018
Jornal digital 29 11-2018
 
Jornal digital 28 11-2018
Jornal digital 28 11-2018Jornal digital 28 11-2018
Jornal digital 28 11-2018
 
Jornal digital 27 11-2018
Jornal digital 27 11-2018Jornal digital 27 11-2018
Jornal digital 27 11-2018
 
Jornal digital 24 11-2018
Jornal digital 24 11-2018Jornal digital 24 11-2018
Jornal digital 24 11-2018
 
Jornal digital 22 11-2018
Jornal digital 22 11-2018Jornal digital 22 11-2018
Jornal digital 22 11-2018
 
Jornal digital 21 11-2018
Jornal digital 21 11-2018Jornal digital 21 11-2018
Jornal digital 21 11-2018
 
Jornal digital 20 11-2018
Jornal digital 20 11-2018Jornal digital 20 11-2018
Jornal digital 20 11-2018
 

Jornal digital 23 06-17

  • 1. APPDEESCOLADENUNCIAEX-DIRETOR POR PASSAR CHEQUE SEM FUNDO HOSPITALDOMJOAQUIMAPRESENTANOVAS PARCERIAS E AUMENTA INTERNAÇÕES MOTORISTA É CONDENADO POR ACIDENTE COM MORTE QUE TEVE GRANDE REPERCUSSÃO Correio do SulANO XXVI EDIÇÃO Nº 5.193 R$ 2,00SEXTA-FEIRA, SÁBADO E DOMINGO, 23, 24 E 25 DE JUNHO DE 2017 www.grupocorreiodosul.com.br 25º15º Parcialmente Nublado - Sol entre poucas nuvens. Previsão para hoje Extremo Sul Catarinense ARARANGUÁ SAÚDE JÚRI POPULAR Página 11 Página 13 Página 16 Página 3 Sombrio CAMPANHA PELA VIDA MOSTRA HISTÓRIAS DE SUPERAÇÃO DE QUEM JÁ PENSOU EM SE MATAR
  • 2. OovodeColombodiantede2018 Brigaçada Na coluna de ontem publiquei nota contando a experiência traumática que um comerciante de nossa região teve ao ter seu estabelecimento assaltado a mão armada. O referido comerciante fez alu- são ao deputado federal Jair Bolsonaro (PSC/RJ), dizendo que este, se for pre- sidente, ajudaria a resolver o problema da segurança no país. A divulgação na referida nota nas redes sociais acabou gerando uma verdadeira ‘brigaçada’ entre os simpatizantes e os contrários a Bolsonaro. Acrescente a isto as lides envolvendo petistas, tucanos e os sim- patizantes de Marina Silva, e já se pode imaginar o que será essa tal campanha de 2018 à Presidência. Mão amiga Governador Raimundo Colombo (PDS) conseguiu aprovar na Assem- bleia Legislativa autorização para contrair empréstimo junto ao BNDS, no valor de R$ 1,5 bilhão. Promessa é a de que pelo menos metade destes recursos sejam destinados diretamente para as prefeituras municipais, através do Fundam 2. A tramitação do projeto na Assembleia teve a mão decisiva do deputado estadual José Milton Sche- ffer (PP), que ocupa a presidência da Comissão de Finanças do parlamento catarinense. Zé Milton retirou do pro- jeto original onze emendas feitas pelos deputados. Com estas emendas, que sugeriam investimentos pontuais dos recursos a serem contraídos, o BNDS dificilmente liberaria o financiamento. É que na prática as emendas burocrati- zariam demais a fiscalização do banco no que diz respeito a aplicação dos re- cursos. O banco, por óbvio, não quer se incomodar com isso. Quer meramente receber o dinheiro de volta com juros e correção monetária. Colombo, por sua vez, deve ter acendido uma vela para o deputado sombriense. ADVOCACIA EMPRESARIAL FONE: (48) 3533-0145 S em mais delações atingin- do sua reputação, gover- nador Raimundo Colom- bo (PSD) voltou a se animar com a ideia de disputar o Senado Federal ano que vem. A incógnita continua sendo a necessidade de renúncia no início de abril de 2018, mais de cin- co meses antes das convenções que decidirão quem serão os candidatos ao Governo do Estado. Com um quadro totalmente indefinido, e com o PMDB dando claras evidências de que pretende romper com o PSD, Colombo está, literalmente, entre a cruz e a espada. Se renunciar pode colocar em risco o projeto estadual de seu partido. Se não renunciar perde de cara a oportunidade de ser senador por oito anos. O PSD, por óbvio, não quer que Colombo renuncie. O problema é que ninguém tem coragem de falar isto para ele. A renúncia significa entregar o governo ao PMDB do vice-governador Eduardo Pinho Moreira, que pode vir a ser adver- sário do PSD ano que vem. Por outro lado, se levar sua gestão até o fim, Colombo ficará sem mandato a partir de 2019, o que não deixa de ser um grande risco para alguém citado explicitamente na Lava Jato e nas delações da JBS. É que o go- vernador perderia o chamado foro privilegiado, ficando a mercê do canetaço de qualquer juiz que venha a julgar seu caso nos desdobramen- tos ora investigados. Na prática, ser eleito senador daria a Colombo um salvo-conduto diante de tudo o vem lhe acometendo. Por conta disto, o PSD tem pro- curado se convencer do desaconse- lhável. Na verdade, o partido não tem outra saída que não seja a de aceitar o que Colombo decidir. Se não aceitar será pior ainda, porque ele poderá direcionar seu mandato para onde quiser, como fez o ex- -governador Luiz Henrique da Sil- veira (PMDB). Não custa lembrar que o PMDB não concordava em apoiar a candidatura de Colombo ao governo em 2010. O partido chegou a homologar o nome de Eduardo Moreira como candidato ao gover- no. Todavia, quem tinha a caneta nas mãos era Luiz Henrique, que se impôs e pavimentou o caminho para que Colombo chegasse ao Palácio Santa Catarina, mesmo contra todos os esforços de seu partido para que isto não acontecesse. Nada será diferente em relação ao atual governador. Ainda que sua renúncia e entrega do governo ao PMDB seja algo temerário ao PSD, o que deverá prevalecer será seu desejo pessoal, e todos sabem que este é o de ser senador.Aúnica possibilidade disto não acontecer se dará se a candidatura de Co- lombo for inviabilizada por novas denúncias de corrupção eleitoral. Se não ocorrer isto, o PSD que se vire, assim como teve que se virar o PMDB em 2010 e 2014. Sem moral Almoçando num pequeno restaurante ontem, em Florianópolis, ouvia o pro- prietário do mesmo esbravejar contra os políticos corruptos, enquanto assistia o jornal do meio dia na televisão. “Cam- bada de ladrão, safado, vagabundo”, dizia ele em alto e bom tom. Terminado o almoço, fui pagar a conta e pedi uma nota. O cidadão em voga olhou para mim e perguntou: “Vais querer uma nota no valor ou num valor maior?”. Pedi no valor e ele assim procedeu. Isto explica emmuitoaíndoledeboapartedenossos governantes. São meramente reflexo daqueles eleitores que, como o dono do restaurante, patrocinam a corrupção mas não se sentem parte integrante dela. Esperança Prefeito de Araranguá, Mariano Ma- zzuco (PP), passou os últimos três dias em Florianópolis garimpando recursos e buscando alternativa para postergar o pagamento dos mais de R$ 35 milhões que o executivo deve em precatórios. “Por nossas próprias forças, não temos a mínima condição de pagar este montante dentro do atual mandato. Teríamos que parar tudo”, comenta o prefeito. Em uma conversa com o governador Raimundo Colombo (PSD), na terça-feira, as esperanças de Mariano se reavivaram. É que, pelo menos no que diz respeito a retórica jurídica, há a possibilidade de que os depósitos judiciais do próprio governo, e das prefeituras, possam ser utilizados, a título de empréstimo, para que sejam quitados precatórios. “O governador está ciente da nossa situação, assim como da situação de vários outros municípios. Ele se comprometeu em tentar operacionalizar esta alternativa junto às esferas competentes”, comen- tou Mariano, que não obstante a isto enfrenta graves problemas financeiros em sua prefeitura. Rolando Christian CoelhoRolando Christian Coelho Jornal Correio do Sul Sexta-Feira, 23 de Junho de 2017 rolando_coelho@hotmail.com (48) 99945.6787 POLÍTICA “A corrupção não é uma invenção brasileira. Ela existe em grande parte do mundo. Agora, de uma coisa tenho certeza. Esta impunidade reinante nos casos de corrupção, com certeza é uma invenção brasileiríssima”. Jô Soares (1938) Intelectual e humorista brasileiro
  • 3. 3Geral Jornal Correio do Sul Sexta-Feira, 23 de Junho de 2017 Sombriolançacampanhapelavida Viver Vale a Pena Produtoresdiscutemalternativaderenda Conhecimento científico, misturado a conhecimento po- pular, junto a velha fórmula do ‘é fazendo que se aprende’em busca de uma colheita farta. É mais ou menos esse o processo que o agricultor Reginaldo de Freitas, o Nardo, segue há 11 anos, e com o qual tem conse- guido avanços. O uso aplicado da ciência é feito em parceria com a Epagri, que na manhã desta quinta-feira realizou um dia de campo na propriedade de Nar- do,nalocalidadedeMaracanã, em Sombrio, sobre plantio direto de maracujá, cultivo de pitaya e outras alternativas de renda para a família rural. Reginaldo, com ajuda da mulherGeneciedosdoisfilhos adultos, cultiva 2,5 hectares de maracujá, e há dois anos destinou meio hectare para ex- perimentarummanejodiferen- ciado, seguindo as orientações do extensionista da Epagri Sandoval Miguel Ferreira. O resultado foi maior produti- vidade com menos custo de produção. Uma das mudan- ças, foi manter a terra sob as parreiras coberta com plantas que nascem naturalmente. Ao primeiro olhar, parece uma lavoura sem cuidados, cheia demato,masnaverdadeéuma forma de manter o equilíbrio. “Antes a gente tirava tudo e até varria”, lembra Geneci. Em média, um hectare produz 30 toneladas da fruta, este ano, pulou para 48 to- neladas. Este não é o único benefício para a família, que ganha também em qualidade de vida ao diminuir a quanti- dade de agrotóxico aplicado na lavoura, além da vantagem óbvia para que o meio ambien- te seja mais saudável. “Em termos de produtos químicos, se é pra errar, que seja pra me- nos, e a tecnologia certa nem sempre é a mais cara”, defende Sandoval. A família Freitas também ‘ Eu tive depressão e tentei me matar’. Não é fácil dizer isso, não é fácil também ouvir isso. Mas é necessário, e é o que a campanha contra o suicídio lançada na noite desta quinta- -feira, em Sombrio, faz.Amo- bilização criada pelo assessor de comunicação da prefeitura Fabrício Espíndola, traz de- poimentos de quatro pessoas que superaram quadros graves de depressão, em que quase desistiram da vida, e agora dizem: Viver Vale a Pena. São três palavras e um artigo poderosos que dão nome a campanha, que, como explica Fabrício, não tem a tristeza como eixo, e sim a esperança como marca registrada. Viver vale a pena e quem deixou de acreditar nisso, deve procurar ajuda. O coordenador do Cen- tro de Valorização da Vida (CVV) da região Sul, Paulo Borges, esteve no lançamento realizado na noite de ontem na Câmara de Vereadores e falou sobre a dificuldade de aceitar os problemas de origem men- tal: “não é vergonhoso procu- rar ajuda psiquiátrica, triste é tirar a vida sem ter buscado ajuda”, disse. O presidente da Câmara, Nego Gomes, se emocionou ao falar sobre o suicídio do advogadoMarceloTristão,um dos cinco cometidos em Som- brio nos últimos dois meses. Nego disse que naquela noite sonhou com o funcionário público da prefeitura, que se matou. “Eu percebi que tinha algo errado, conversei com ele, mas não consegui ajudar a ponto de evitar”, lamentou. Essecaso,seguidoaosdemais, fez com que Nego e os demais vereadores incentivassem a Sombrio mobilização de valorização da vida. Esta união é mesmo bastante necessária, pondera a secretária municipal de Saúde Gislaine Cunha. Ela sente no aumento drástico da procura pelos serviços de saúde men- tal, a gravidade dos problemas relacionados aos transtornos psiquiátricos. Na sua opinião, a correria do dia a dia, a difi- culdade financeira, a situação de descrédito e instabilidade do país, colaboram para o aumento da sensação de mal estar entre a população. “É tanta ganância, tanto orgulho, easpessoasdeixadasdelado”, analisou. Último a falar, o prefeito Zênio Cardoso confessou que a cerca de 18 anos enfren- tou uma forte depressão que se estendeu por dois meses. Com a voz embargada para evitar o choro, lembrou que naquele período nada o in- teressava nem parecia bom. Um dia, depois de fracassar a última tentativa de se animar indo pescar, atividade que adorava,decidiu que precisava buscar ajuda. No dia seguinte sentiu-se bem e o mal se foi. Levantar pela manhã e deitar à noite desanimado, triste, vendo o mundo sem cor, João Paulo Peres Silvei- ra, Jane Maria, Maria Helena Clemente e Getúlio Garcia Maciel sabem bem o que é isso. Foram eles que deram os depoimentos para a cam- panha e tiveram a coragem de falar, sem se esconder, sobre o suicídio. Os depoimentos estão reunidos em um vídeo que a partir das 9h30min da manhã de hoje poderá ser visto – e compartilhado- nas redes so- ciais da prefeitura de Som- brio. Eles aparecem também em cartazes que estão sendo enviados as escolas e postos de saúde. Getúlio tem transtorno de humor bipolar, Maria Helena enfrenta a depressão, assim como Jane, que sofre ainda comcrisesdeansiedadeeJoão Paulo venceu a dependência química e está superando a esquizofrenia paranoica. Todos recebem ou receberam acompanhamento do serviço de saúde mental do município, coordenado pela psicóloga Leonete Pereira, a Netinha, que estava ao lado deles on- tem, com aixílio da também psicóloga Eliza dos Santos Policarpo. Marivânia Farias Sombrio Coragem e força começou, a três anos, a plantar pitaya. Por enquanto são ape- nas 56 pés da fruta que ainda é pouco conhecida na região e que devido ao alto preço, está fora do alcance da maioria da população.Aproveitando bem oespaçodapropriedade,foram colhidosaproximadamentemil quilos de pitaya, que foram facilmente comercializados. O novo investimento de Re- ginaldo, já em andamento, é o cultivo de oito mil pés de morangoorgânicoemestufa.A intenção é ter várias fontes de renda, otimizando o espaço e a produção, conseguindo tirar da terra o suficente para uma vida com dignidade e devolvendo a ela cuidado e menos agressão. Lançamento da campanha foi encerrada com música e apresentação dos cartazes Produtores se reuniram na propriedade de Reginaldo
  • 4. 4 GeralJornal Correio do Sul Sexta-Feira, 23 de Junho de 2017 G.C.S LTDA - ME Comercial: l48l 3533.0870 comercial@grupocorreiodosul.com.br Diretor Geral Jabson Muller l48l 9955.5313 diretor@grupocorreiodosul.com.br Redação: editor@grupocorreiodosul.com.br Publicações legais: tomaz@grupocorreiodosul.com.br Financeiro financeiro@grupocorreiodosul.com.br Radio 93FM radio93fm@grupocorreiodosul.com.br Diagramação/Arte: correiodosul@grupocorreiodosul.com.br Sul Gráfica sulgrafica@grupocorreiodosul.com.br Circulação/Assinatura l48l 3533.0870 assinaturas@grupocorreiodosul.com.br C uidados com ali- mentos, higiene e saúde foram os pontos de destaque da palestra promovida pela coordenação daVigilância Sanitária da pre- feitura de Jacinto Machado na quarta-feira, no Último Rio, para integrantes da Caep da comunidade. A fiscal da Vigilância Sanitária, Tamara Bellettini Munari, explica que na reu- nião foi distribuído material de apoio sobre segurança ali- mentar, lavagem e desinfec- ção das mãos e informações sobre manipulação de alimen- tos para os organizadores de uma festa religiosa, que vai acontecer no início de julho na comunidade. “Esta ação teve como objetivo mostrar o importante papel da vigi- lância sanitária em relação aos cuidados necessários na manipulação de alimentos, eliminando, assim, riscos à saúde”, completa. O secretário municipal Prevenção Vigilância orienta sobre alimentação de Saúde, Francisco de Assis Cardoso de Aguiar, ressalta que esse trabalho de preven- ção é importante. “Cuidados com o manejo dos alimentos são fatores primordiais no combate a multiplicação dos micro-organismos que são prejudiciais à saúde”, ressalta. Esse trabalho proporcio- na conhecimento a população e quem tiver interesse em mais informações pode entrar em contato com a Vigilância Sanitária pelo telefone 3535 1658. Jacinto Machado Investimentos de R$ 7,3 bilhões O presidente da Federação das Indústrias (Fiesc), Glauco José Côrte, apresentou ontem à imprensa dados da publicação Investimento e Competitividade, feita pela Federação com o apoio do Banco Re- gional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE). Um dos destaques do estudo foi que houve uma piora, do ano passado para agora, do custo de logística para os empresários catarinenses. De cada R$ 100,00 faturados, R$ 14,00 são despendidos com logística, principalmente com transportes, enquanto em 2016 esse valor era de R$ 13,00. Esse dado confirma outro: 79% dos entrevistados desaprovam as condições das rodovias que cortam o estado, sejam estaduais ou federais. Em que pese todas as dificuldades e o cenário nacional ainda instável, Côrte destacou o otimismo do industrial catarinense, que continua investindo. Mas houve um recuo. A projeção é que até o final do ano os industriais entrevistados vão investir R$ 7,3 bilhões, contra os R$ 7,6 bilhões investidos em 2016. “No conjunto, há predomí- nio de investimentos em tecnologia, inovação e desenvolvimento. Até o in- vestimento em máquinas e equipamentos vai nessa direção, de atualização tecnológica”, comemorou o presidente ao lembrar que essa tem sido uma tendência. Para enfrentar o momento econômico difícil, as empresas usaram como estratégia o enxugamento de custos, a qualificação de pessoal, o lança- mento de novos produtos, a busca por novas tecnologias e novos mercados. “A pesquisa confirma que a indústria enfrenta desafios, mas não se abate.” Fundam 2 Depois de uma vitória impor- tante, com a aprovação, por unanimidade, do projeto de lei que autoriza o governo estadual a tomar empréstimo de R$ 1,5 bilhão, na quarta-feira (21), na Assem- bleia, o governador Colombo promoveu, ontem, mais duas reuniões de apresenta- ção da segunda etapa do Fundo de Apoio aos Municípios (Fundam 2), que receberá parte desses recursos. A primeira foi em Rio do Sul, para prefeitos da Associação dos Municípios do Alto Vale do Itajaí, e o segundo, em Blumenau, para prefeitos dos Municípios do Vale do Itajaí. Mais apresentações Na quarta-feira mesmo, Colombo e o vice Eduardo Pinho Moreira falaram do Fundam 2 aos pre- feitos da Associação dos Municípios da Região Carbonífera, em Criciúma. Hoje, o governador estará em Lages para con- versar com os prefeitos da região Serrana. Cultura A presidente da Comissão de Educação, Cultura e Desporto da Assem- bleia, deputada Luciane Carminatti (PT), solicitou que a Fundação Catarinense de Cultura (FCC) envie ao Legislativo o pro- jeto de lei que institui o Sistema Estadual de Cultura. A proposta é tomar como base o Sistema Nacional de Cultura (SNC), que prevê a organização, o planejamento e o desenvolvimento do setor cultural, com participação e controle social. Empresário na política Na abertura da feira Exposuper - um dos maiores eventos em geração de negócios de Santa Catarina e do Brasil - que acontece em Joinville, o governador Raimundo Colom- bo encontrou-se com o empresário e novato na política, Ninfo König, e o prefeito Udo Döhler. Ninfo é um entusiasta da participa- ção do empresariado na política. “Só quem já teve o pescoço na guilhotina de contas a pagar é que sabe quanto custa fazer um negócio sobreviver.” Uma das me- tas do vereador pelo PSB é reduzir os gastos públicos e implantar as emen- das individuais, investindo a economia gerada em obras e serviços para a população. Na foto, Colombo com König e Döhler. JakssonZanco/PMJ Por Andréa Leonora redacao@peloestado.com.br 23/Jun/2017 Perspectivas para SC O presidente da Câmara de Comércio Norue- ga Brasil (BNCC), Harald Martinsen, que aparece entre o senador Paulo Bauer (PS- DB-SC) e o ministro Antônio Imbassahy, na residência oficial do embaixador do Brasil na Noruega, deu boas notícias ao parlamentar catarinense. Citou que o empresariado local ficou impressionado com a exposição feita pelo presidente Michel Temer na manhã de ontem, em Oslo, sobre as perspectivas do país. “Ele disse que o interesse em ampliar a participação na nossa economia é grande”, comentou Bauer. A Noruega é, atualmente, a oitava nação que mais investe em solo brasileiro. O senador aproveitou a oportunidade para divulgar Santa Catarina e tentar prospectar negócios para o estado. paulobauer.com.br Membros da comissão ligada a Igreja Católica participaram da qualificação sobre saúde
  • 5. Na semana passada, a prefeitura de Praia Grande e a Previdência Social reinauguraram o posto do PREVcidade na cidade.Anova sala, mais ampla e moderna, está localizada na rodovia Prefeito Ari Pedro Borges, no Centro. Ademir de Oliveira Santos, O gerente da agência do INSS de Sombrio, a qual o PREVcidade de Praia Grande está vinculado, diz que a intenção é que em um futuro próximo, esta extensão da agência sombriense ofereça todos os serviços da Previdência Social, como o encaminhamento de aposentadorias. Por enquanto, são realizadas perícias e dadas orientações a população de Praia Grande, São João do Sul, Mampituba/RS e parte de Jacinto Machado. Na noite de quarta-feira, a Câmara de Vereadores de Araranguá recebeu a visita de deze- nas de professores, aprovados no concurso público de 2016. Eles acompanharam a votação do requerimento do vereador Diego Pires que solicita que o prefeito Mariano Mazzuco faça a chamada dos aprovados, tendo em vista que até o momento há falta de professores nas escolas. Prefeitoacelerainvestimentos PREVcidade reinauguradoConcursados cobram A oavaliarosseusprimeirosseismesescomoprefeito de São João do Sul, Moacir Teixeira afirma que a maior conquista foi uma obra que não veio, porque o município não merecia. A afirmação parece estranha, porém, fazsentido.AobraquenãoseráconstruídaemSãoJoãoéapraça de pedágio que o governo federal pretendia instalar na BR 101, próximo ao viaduto de acesso a cidade. Bom para a população sãojoãossulense, que pagaria para trafegar dentro de seu próprio território, e bom também para toda a região, tanto que a notícia mobilizou lideranças de diversos municípios do sul catarinense. Moacir e outras lideranças municipais participaram de duas discussões sobre o assunto no Rio Grande do Sul antes de con- seguir que uma audiência pública fosse marcada para a cidade, onde a ideia foi enterrada. Tendo uma trajetória de vereador e vice-prefeito antes Jabson MullerJabson Muller Jornal Correio do Sul Sexta-Feira, 23 de Junho de 2017 (48) 99955.5313 POLÍTICA jabsonmuller@grupocorreiodosul.com.br de ser eleito chefe do executivo municipal, Moacir Teixeira possuia bastante experiência na vida pública, mesmo assim, considera que ser prefeito é bem diferente. “Aresponsabilidade aumenta muito, tem que ficar ligado nas coisas 24 horas por dia”, diz. Ele que já tinha participação ativa na comunidade, agora precisa se fazer ainda mais presente. “Apopulação cobra nossa participação nos eventos e em visitas, o que compromete tem- po, no entanto, eu quis isso por muitos anos”, não se queixa. Apesar da crise financeira, a prefeitura está conseguindo fazer investimentos. Segundo Moacir, ruas estão sendo pavi- mentadas na Vila Santa Catarina e seixo rolado colocado nas estradas, a estrada da Querência vai ganhar mais um trecho de asfalto, e a Secretaria de Agricultura ampliou de três para quatro a quantidade de trator de pneu. A aquisição de dois veículos já foi licitada e ontem o prefeito deu autorização para a compra de uma ambulância. A saúde, aliás, tem sido a sua prioridade, apesar de ser um setor em que as dificuldades são grandes. “A saúde é um problema em todos os municípios”, reconhece. Para ajudar a driblar os problemas, os seis partidos que compõem a coligação vitoriosa na eleição do ano passado vão em busca de recursos, diz Moacir. Ele elogia esse empenho, a câmara de vereadores e sua equipe de governo, que agora está completa. Durante os primeiros quatro meses do ano, vários cargos ficaram vagos, inclusive o de secretário de Obras. “Eu levantava as cinco da manhã e ia pra secretaria despachar os trabalhos”, conta Moacir. Aos poucos as ações vão ficando mais fáceis, mas resta um grande desafio: resolver o antigo problema de alagamento em um trecho com um pouco mais de um quilômetro da SC 290, que liga a BR 101 a São João. A cada chuva mais forte, o local conhecido como Piritu, fica intransitável devido ao acúmulo de água na pista. Depois de muita insistência, a prefeitura conseguiu que o governador Raimundo Colombo autorizasse a elaboração de um projeto para a obra. Era uma esperança, que foi logo apagada, pois o estudo terminou com um orçamento de quase R$ 6 milhões para resolver a situação. É dinheiro demais para o governo do estado, que também está mal das pernas financeiramente. “Foram categóricos em nos dizer que não tem recurso pra isso”, lamenta Moacir. O jeito agora é ir atrás de um outro projeto, mesmo que paliativo, mais em conta. Por sorte, neste final de semana o sol deve continuar brilhando forte no céu, e a rodovia estará liberada para quem quiser participar da festa de São João, padroeiro do município. O dia do san- to é no sábado, 24 de junho, quando come- ça a festa que continua no domingo, e na segunda-feira será feriado mu- nicipal. Atenção 24 horas Unidos por São João
  • 6. 6 PublicidadeJornal Correio do Sul Sexta-Feira, 23 de Junho de 2017
  • 7. 7Publicidade Jornal Correio do Sul Sexta-Feira, 23 de Junho de 2017
  • 8. EntretenimentoEntretenimentoNovelas - Horóscopo - Diversão Cruzadinha Novelas L eopoldina convence os representantes das províncias a irem ao encontro de Pedro. Thomas impede Anna de cuidar de Vitória. Dom Pedro decide acabar com o sarau e Domi- tila fica furiosa. Leopoldina convence os representantes a firmarem um acordo e Dom Pedro se surpreende. Anna estranha o comportamento de Nívea. Ferdinando defen- de Diara e os dois se encantam um pelo outro. Idalina aconselha Wolfgang a confiar em Diara. Thomas provoca Joaquim na cadeia. Novo Mundo -18h A ntônia diz a Siqueira que Eric não é cul- pado pelo roubo no hotel. Maria Pia desconfia que foi Malagueta quem atropelou o segurança que monitorava as câmeras no dia do baile. Júlio pensa em fugir com sua família. Sabine diz a Dom que o hotel deve ser desmembrado e vendido. Pedrinho acusa Eric de ladrão e exige seu hotel de volta. Malagueta elogia Maria Pia. Luíza conta a Eric que Cassio procurou Pedrinho. Eric revela a Luíza que Cássio é o culpado pelo crime do Pará. B ibi se arrepende de beijar Caio. Heleninha e Junqueira se preocu- pam com Yuri. Ruy insinua para Joyce que há algo estranho no comportamento de Eugênio. Caio confessa a Cirilo que ainda é apaixo- nado por Bibi. Bibi observa Jeiza, eAurora teme a obsessão da filha pela policial. Irene manipula Joyce. Silvana engana Eurico para apostar no jogo. Cibele garante a Joyce que levará o processo contra Ruy até o fim. Ruy pede que Caio consiga uma medida protetiva contra Cibele. AForça do Querer-21h Pega Pega -19h Rapidinhas Áries 21/03 a 20/04 21/04 a 20/05 21/05 a 20/06 21/06 a 20/07 21/07 a 20/08 21/08 a 20/09 21/09 a 20/10 21/10 a 20/11 21/11 a 20/12 21/12 a 20/01 21/01 a 20/02 21/02 a 20/03 Leão HoróscopoHoróscopo Sagitário Gêmeos Libra Aquário Touro Sua sorte estará provavelmente ligada em alguns números incertos. Não deixe que a sorte defina seu destino. Use a sua negativa de agressividade e enfrente seus problemas sem ferir ninguém. Se aproxime de librianos. A sua incessante teimosia só lhe prejudicará na relação profissional.Alguns se afastarão de você o que pode te levar a ficar mais preguiçoso sem vontade. Mercúrio lhe trará um pouco mais de perseverança que irá lhe ajudar. Seu sistema respiratório estará mais favorecido. O ar que é seu elemento característico ajudará neste aspecto. A curiosidade irá fazer com que você agregue mais conhecimento para sua vida tanto pessoal quanto profissional. Deverá ter alguns problemas com fantasmas do passado e alguma melancolia. Vênus e Saturno farão parte dessa fase um pouco mais retirante. Porém a lua deixará você livre para demonstrar toda sua afetuosidade. Ficará boa parte do seu tempo inflexível, tudo devido a urano. Tente mudar alguns hábitos que te coloque longe de outros. Sua lealdade será testada não obstante você tende a reforçar ainda mais esse seu lado, de forma decidida. Sistema nervoso um pouco conturbado durante este dia. Tudo por causa da lua lhe causando muito stress. Seus problemas com o signo de peixes poderão se agravar neste período. Tente ser mais prático e coerente com o que pensa. Dentro de um aspecto social não sofrerá basi- camente nenhuma alteração. O que sol e Vênus farão é realçar o seu sentido diplomático. A relação com quem é de Áries pode melhorar um pouco mais. Por conta do seu equilíbrio. O magnetismo deste signo estará um pouco mais enfraquecido. Lua e urano estarão em conflito em relação ao seu signo. Dificultará um pouco o seu espírito transformador. Observando e usando seu sentido perceptivo conseguirá superar isso. Sem muitas alterações no aspecto emocional para este signo. Porém Júpiter tende a te aju- dar no que diz respeito as suas finanças. Deve aproveitar e fazer uso da sua sinceridade e mais da sua coragem. O trabalho que lhe dá tanto orgulho será bene- ficiado. Apesar do desiquilíbrio entre Júpiter e marte você irá ter sucesso. Porém seu autorita- rismo voltará à tona. Tente ser realista sem ferir as pessoas ao seu lado. Momentos de turbulências irão lhe deixar com bastante stress. A atividade de mercúrio durante o dia pode lhe trazer equilíbrio. Irá demonstrar algumas dificuldades para expor aquilo que você vem pensando. Seus pés te levarão a uma grande conquista. A lua e a água farão com que tenha um pouco mais de otimismo. Poderá se dedicar as questões de carinho e romance. Precisará também evitar voltar sempre ao passado. Virgem Capricórnio Câncer Escorpião Peixes Nesta quinta-feira (22), Sabrina Sato mostrou todas as suas curvas em uma foto para ninguém acha defeito, mesmo se quisesse.Aapresentado- ra postou um clique pra lá de sensual, onde ela aparece com um biquíni que realçou seu bumbum e saindo de uma piscina de um hotel no Rio de Janeiro.Na legenda, ela escreveu: “Tchibunda antes de ir embora”, brincou. Na tarde desta quinta-feira (22), Letícia Santiago exibiu o corpo sequinho para deixar todo mundo boquiaberto em clique de biquíni ao melhor estilo sereia, já que a parte de cima do modelito imitava duas conchas.Vale lembrar que a ex-BBB, que deu à luz seu segundo filho em março, impressionou a todos com a boa forma em tão pouco tempo.”Que o SOL brilhe hoje DENTRO de você”, escreveu na legenda. Jornal Correio do Sul Sexta-Feira, 23 de Junho de 2017
  • 9. É 50% FORA DO EXPEDIENTE Algumasverdadestêmqueserditas, a vida não será tão fácil quanto se ima- gina, mas também não será tão difícil quanto alguns falam. O lado positivo é que já chegou até aqui então fique tran- quilo e viva um dia de cada vez, busque aprender com os outros sempre, mas crie sua própria realidade investindo em você. Nesse mundo de possibilidades infinitas, cada um é responsável pelos seus próprios caminhos e também por suas escolhas, então seja o que você quiser sempre e procure realmente o que acredita que te fará feliz. Imagine que em todas as suas escolhas terá 50% de chance de acertar ou errar, então, arrisque-se, vá em frente, busque a sua felicidade, não corra o risco de se culpar no futuro por não ter tentado. Pare um pouco de se preocupar com tudo e se dê o direito de acreditar em dias melhores, sim honre seus compromisso a curto prazo, mas tenha planejamento e sonhos de longo prazo e seja flexível com você mesmo e também com os outros. Não cobre dos outros a sua felicidade esedediqueparacolaborarcomopróximo namedidadopossível.Vivaeentendaque está aqui para ser sempre o melhor que puderser.Euficoaquitorcendoporvocê!! FRASE “Uns sentem a chuva, outros apenas se molham” Parabéns aos lindos Oyara e Helton, que completaram na última semana um ano de casados. Que Deus continue abençoando esse casamento. Na foto a família Araújo reunida curtindo um en- contro com muita energia positiva. O querido Elvio, seu es- poso Neliton e familiares curtindo o Mailing. Eba festa!! Guerreiro sombriense, o boxeador Patrick Teixeira treinando muito nos EUA... Vamos lá, campeão. Olha aí o músico Guilher- me Dias e sua linda família, em mo- mento de passeio e descon- tração. Os queridos Simara Silveira e seu esposo Diego Padilha e familia curtindo o final de semana.A Festa Junina da Polícia Civil da Comarca de Turvo, com muita alegria e brincadeiras!! Jornal Correio do Sul Sexta-Feira, 23 de Junho de 2017W ROMILDO BLACK romildoblack@hotmail.com facebook.com/romildoblack No Mostra Nóis os Desbravadores Estrela do Sul de Sombrio, entregando a revista Sinais de Esperança para o deputado Zé Milton e sua esposa.
  • 10. 10 PublicidadeJornal Correio do Sul Sexta-Feira, 23 de Junho de 2017
  • 11. 11Geral Jornal Correio do Sul Sexta-Feira, 23 de Junho de 2017 APPdenunciaex-diretordeescola Prejuízo Queixa é de que Rodynei Reny da Silva emitiu cheque sem fundo e associação de pais perde acesso a verba do Governo Federal Membros da Associação de Pais e Professores reclamam que ex-diretor não providência solução para a irregularidade Representantes das polícias, prefeitura, câmara e Fórum de Segurança em Florianópolis Comitiva vai em busca de mais segurança O prefeito de Araranguá Mariano Mazzuco e o presi- dente da Câmara de Vereado- res Daniel Viriato Afonso, es- tiveramemFlorianópolisnesta quinta-feira. Foram ao BRDE (Banco Regional de Desen- volvimento) para viabilizar a liberação de R$ 3 milhões do Fundam (Fundo dos Municí- pios) que estavam garantidos desde 2013 e participaram de uma reunião na Secretaria de Segurança Pública. Sobre a liberação dos recursos que seriam aplicados em obras, na próxima semana deve ser dada a resposta do banco. “Precisamos destravar estas obras e terminá-las o quanto antes. Retornamos com boas expectativas e não mediremos esforços para ver a população satisfeita, Na próxima semana esperamos ter novidades”, contou o pre- sidente Daniel. Na Secretaria de Segu- rança Pública, os ararangua- enses foram recebidos pelo secretário adjunto Aldo Pi- nheiro D’Ávila. Também par- ticiparam do encontro alguns representantes do Fórum de Segurança Pública de Araran- guá como o vereador Luciano Pires, o presidente da CDL Clézio Mota, o presidente da subseção da OAB Laércio Machado, delegado regional Diego Archer de Haro, o co- mandante da Polícia Militar tenente- coronel Maike Val- gas, e o deputado Zé Milton Scheffer. Além de acertarem detalhes da doação de veículos Araranguá do município para as polícias e Corpo de Bombeiros através da Câmara de Vereadores na importância de R$ 400 mil, também ajustaram um acordo para a instalação de câmeras de videomonitoramento na cidade e que seria de respon- sabilidadeexclusivadoestado. Sobre isso, o prefeito Mariano Mazzuco se comprometeu em bancar a metade do valor de R$ 170 mil, e o projeto deve serrealizadonoiníciode2018. “Precisamosdarmaisseguran- ça para a população e abraçar I ntegrantes da Asso- ciação de Pais e Pro- fessores(APP)daEs- cola Patrulheiro Jucemar Paes denunciaram o ex-diretor, Rodynei Reny da Silva, por improbidade administrativa. Conforme os professores e funcionários da escola, Rody- neificouatéjaneironocargoe saiu depois de ser exonerado. Em fevereiro assumiu uma nova diretora e começaram a aparecer algumas irregulari- dades, entre elas, um cheque sem fundos de R$ 500,00, de uma das con- tas da APP. Segundo os denunciantes, o cheque foi dado em janei- ro, enquanto Rodynei era di- retor, e pré-datado para feve- reiro, na cidade deArroio dos Ratos, no Rio Grande do Sul, para pagar o aluguel de um imóvel, para uso particular. Desde fevereiro, a APP daescolaentrouparaoCadas- tro de Emitentes de Cheques sem Fundos (CCF) e não con- segue pegar talões de cheques em suas quatro contas. Os integrantes da APP afirmam que já entraram em contato com Rodynei várias vezes para solucionar o problema e ele diz que vai resolver, no entanto, não aparece com o cheque sem fundos, que deve ser entregue no banco e assim liberar os talões. O maior pro- blema é que, sem os cheques, a associação não consegue usufruir da verba depositada pelo Governo Federal nas suas contas. Os denunciantes explicaram que a única forma de a escola realizar pagamen- to com o dinheiro vindo do Governo Federal é por meio de cheque nominal, não é permitido o saque direto na agência. Por causa do cheque sem fundos emitido pelo ex-diretor, este mês a asso- ciação não tem como pagar os monitores do Projeto Mais Educação. Um bole- tim de ocor- rência foi re- gistrado, pelos integrantes da APP, na Delegacia de Polícia, que está investigando o caso e, como Rodynei é professor da rede estadual, um ofício foi entregue na Gerência de Educação da Agência de Desenvolvimento Regional (ADR) de Araranguá expli- cando a situação. De acordo com Heriberto Afonso Schi- midt, gerente daADR deAra- ranguá, o ofício foi recebido por ele na última terça-feira e encaminhado para o de- partamento jurídico, que tem até a próxima segunda-feira, para dar um parecer sobre a situação do ex-diretor. A Escola Patrulheiro Ju- Gislaine Fontoura Araranguá cemar Paes tem 150 alunos, de 6 a 15 anos, que estudam do 1º ao 9º ano, do ensino fun- damental. A reportagem en- trou em contato com Rodynei por telefone, ele alegou estar em Porto Alegre e solicitou para a reportagem retornar a ligação na segunda-feira. os projetos do Fórum de Segu- rança”, disse o prefeito. Na sessão especial da Câmara de Vereadores de Araranguá, agendada para o dia 10 de julho, tanto o repas- se dos recursos para compra dos equipamentos, quanto o projeto para a instalação das câmeras de segurança serão divulgados para a sociedade. Nesta ocasião, devem parti- cipar deputados, lideranças comunitárias e políticas, polí- cias, e as entidades do Fórum de Segurança.
  • 12. 12 PublicidadeJornal Correio do Sul Sexta-Feira, 23 de Junho de 2017
  • 13. 13Geral Jornal Correio do Sul Sexta-Feira, 23 de Junho de 2017 Mutirão de castração volta a ter implantaçãode chipemanimais Controle Um dos mutirões de castração de cães e gatos realizados no ano passado, ajudando a evitar a proliferação de animais abandonados e maltratados Parceria e novo diretor do Dom Joaquim foram formalmente apresentados ontem N os próximos dias 15 e16 julho, a Associação Bom Pra Bicho e o Instituto Bicho Urbano, entidades de prote- ção animal, realizam mais um mutirão de castração em Araranguá. É o segundo do ano, e desta vez deve voltar a ser feita a chipagem dos ani- mais. Os três mil microchips, adquiridos pela prefeitura, estão sendo implantados em cães e gatos. Durante o ano passado, os mutirões foram organizados em uma parceria entre a Bom Pra Bicho, Bicho Urbano e prefeitura de Araranguá, através principalmente da Se- cretaria de Saúde. Os mutirões de castração são mais antigos, porém os que também fazem a implantação do chip são recentes,começaramem2016. A responsável pelo setor de maus-tratos aos animais da Fundação Ambiental do Mu- nicípio de Araranguá (Fama) Flávia Cândido, acompanhava os mutirões e diz que foram colocados chip em cerca de 650 animais. Porém, nem todos os proprietários conhe- ciam o serviço. “Apopulação precisa ter ciência do que é a chipagem, porque muitos pensam que o chip é um GPS e na verdade ele funciona como uma identificação do animal, com os dados do dono -nome, telefone, endereço, CPF. Então digamos que um animal se perdeu na cidade e foi encontrado por alguém que o dono tem certeza que está lá, porém a pessoa que achou não quer devolver. Nestes casos o dono vai poder entrar em contato com a Fama, que tem um aparelhinho de leitura do chip, nós vamos passar o leitor na nuca do animal e lá vai aparecer a identificação”, explicou. A intenção daqui para a frente, com a retomada da chipagem em maior escala, é que além da Fama e do Setor de Bem Estar Animal da pre- feitura, aAssociação Bom Pra Bichotambémpossuaumapa- relho de leitura do chip, o que facilita não só a comprovação de propriedade, como também a localização do dono de um bicho abandonado ou perdido. “Já aconteceu de uma senhora encontrar um animal perdido no bairro Coloni- nha e vir até nós, para tentar HospitalfechaparceriacomCis/Amesc Na noite desta quinta- -feira, aconteceu na sala de entrada do Hospital Dom Joaquim (HDJ) de Sombrio, uma cerimônia que contou com a presença dos prefeitos Zênio Cardoso de Sombrio e Aldoir Cadorim de Ermo, e dos secretários de Saúde de Sombrio e Balneário Gaivota Gislaine Cunha e José Luiz Lentz. Eles foram recepcio- nados pelo novo diretor do HDJ Valmiro Charon Junior, que aproveitou a solenidade para se apresentar oficialmen- te. Valmiro está atuando no hospital a pouco mais de um mês, porém, esta não é a úni- ca novidade. O Dom Joaquim fechou parceria com o con- sórcio Cis/Amesc, e passa a oferecer diferentes especia- lidades com um preço mais acessível.Aparceria tem dois objetivos principais:devolver a confiança da população ao Dom Joaquim e gerar rendi- mento que possibilite fazer investimentos no hospital. O diretor pretende bus- car o apoio das prefeituras Sombrio próximas, em busca de con- vênios como o já existente com Sombrio. Valmiro disse que a conversa está provei- tosa com Balneário Gaivota, que pode voltar a repassar recursos ao hospital, para Gislaine Fontoura Araranguá identificar o proprietário, nós encontramos a dona por meio dochip”,contouFlávia.Econ- tinua:“Estachipagemparanós se tornou mais uma segurança para evitar o abandono, para poder localizar o dono, porque acontecemuitodeoanimalser pequeninho bonitinho e ele servir, depois que ele cresce, ele não serve mais, com o chip nós podemos localizar o dono e aplicar uma multa”, asseverou Flávia. Tãopreocupantequantoo abandono são os maus-tratos, e as denúncias não param de crescer. São 123 de janeiro até maio, e o número elevado pode ser negativo e positivo ao mesmo tempo. Negativo porque obviamente o ideal seriaquenenhumanimalfosse maltratado, e positivo porque as denúncias mostram que as pessoas não aceitam mais como normal que um cão, gato, cavalo ou outro animal, seja espancado, deixado sem água, comida ou proteção. Existecadavezmaisgentedis- posta a defender os bichinhos, e denunciar os agressores. atendimento da sua popu- lação. O diretor se mostrou otimista e relatou que no mês de maio foram feitas 33 internações e até ontem elas chegavam a 50.
  • 14. 14 PublicidadeJornal Correio do Sul Sexta-Feira, 23 de Junho de 2017
  • 15. 15Publicidade Jornal Correio do Sul Sexta-Feira, 23 de Junho de 2017
  • 16. 16 SegurançaJornal Correio do Sul Sexta-Feira, 23 de Junho de 2017 Júricondenamotoristaporacidente No Trânsito Advogado de Badeco alegou que o motorista que morreu é que provocou o acidente Ponte era local de muitas fotos por quem ia a Barrinha Sandro foi preso porque era foragido de um presídio O mecânico Luiz Antônio da Silva, mais conhecido comoBadeco,sentounobanco dos réus, no Tribunal do Júri da Comarca de Araranguá, na manhã desta quinta-feira, e só saiu no período da noite, após ser sentenciado a 12 anos e seis meses de prisão, iniciando no regime fechado, por crime de homicídioqualificado.Confor- measentença,quefoiproferida às 19h25min, pelo juiz Gui- lherme Mattei Borsoi, Badeco poderá recorrer em liberdade. Segundo o promotor Ga- briel Ricardo Zanon Meyer, da 4ª Promotoria de Justiça, que atuou na sessão de julgamento, o resultado já era esperado, tendoasociedade,pormeiodos juradossorteados,efetuadover- dadeira justiça ao condenarem o acusado. Oadvogadodoréu,Ernani Palma Ribeiro Filho, afirmou que irá recorrer da sentença, pois entende que não cabe no caso, pelo menos a qualifica- dora. “Vamos tentar todos os recursospossíveis,estáprovado nos autos, que ele não foi cul- padopeloacidente”,asseverou. Ernani sustentou, em uma de suas teses de defesa, que a vítima cortou a frente do carro de Badeco, sendo a verdadeira culpada pelo acidente”. O réu foi julgado culpado do acidente de trânsito, ocor- rido em outubro de 2014, no trevo que dá acesso ao bairro Urussanguinha, na rodovia SC-447, envolvendo uma Van, dirigida por Badeco e um Fiat Uno, dirigido por André Pos- samai Senhoria, na época com 27 anos, que morreu na hora. Logo após o acidente, Badeco foi preso em flagrante e levado para a Central de Polícia, onde foi autuado por homicídio e embriaguez ao volante. ForagidodeItajaíépresoemSombrio Clínica é assaltada em Araranguá CorrentezadestróipontedaBarrinha Na madrugada desta quinta-feira, a Polícia Militar recebeu a informação de que um veículo suspeito, de cor escura, estava estacionado em uma rua no bairro Parque das Avenidas, próximo a um posto de combustível às margens da BR 101. A viatura da PM foi até o local para verificar a situação eencontrouumVectraGTpla- cas EDC 1557 de cor cinza e placas de Mostarda/RS. O car- ro estava com registro de furto e os policiais cautelosamente se aproximaram e encontra- ram três pessoas dormindo dentro do automóvel, todas com passagem policial. Dois eram um casal, a garota com 20 anos e o namorado com 23, e o outro era Sandro Acir Ba- tista. Durante o desenrolar da identificação, foi descoberto No final da tarde desta quinta-feira, por volta das 18h10min, uma clínica, loca- lizada no bairro Cidade Alta, foi assaltada por dois homens, que chegaram de capacetes e Uma das mais belas pai- sagens turísticas da região sofreu com um forte impacto da natureza na manhã des- ta quinta-feira. Trata-se da Ponte da Barrinha, na comu- nidade do mesmo nome,em São João do Sul. A ponte de 30 metros foi construída a aproximadamente seis anos e era um dos principais sím- bolos turísticos do município, e ontem teve metade de sua estruturalevadaporumaforte correnteza, que foi da Lagoa do Sombrio em direção a Barrinha, arrastando tudo pelo caminho. De acordo com a in- formação de Patrícia Porto Teixeira, responsável pelo restaurante Primo, que fica ao lado da ponte, o fato acon- que ocorreu um engano em Mostarda. O Vectra pertence a tia de um dos rapazes, que emprestou ao sobrinho. Ao chegar em casa, sem saber do empréstimo e não encontran- do o carro, outra pessoas da família registrou um boletim de ocorrência de furto. armados. Após roubar uma quantia em dinheiro, não divulgada para a imprensa, a dupla fugiu sentido Beira Rio. A Polícia Militar foi acionada e realizou rondas, com o intuito de capturara os marginais, no entanto eles não foram localizados. A teceu por volta das 7horas e foi registrado pelas câmeras de segurança do restaurante. As imagens mostram quando uma forte correnteza atingiu a estrutura e a derrubou. Além da ponte, parte da Sombrio Gislaine Fontoura Araranguá São João do Sul O sobrinho da dona do carro e sua namorada foram liberados. Já Sandro, que ao chegar na delegacia mentiu sua identidade dizendo se chamar Diogo dos Santos, é fugitivo do presídio de Itajaí. Ele foi preso e deve ser man- dado de volta a prisão. polícia acredita que a dupla usou capacete para despistar e encobrir o rosto, para não ser identificada nas imagens das câmeras de segurança e que um terceiro envolvido estaria esperando em um veículo, nas proximidades, para agilizar a fuga. encosta do rio também foi atingida. O restaurante Primo continua funcionando nor- malmente, e os proprietários afirmam que o local é seguro para visitações. A comunida- delamentouoacontecimento. Gislaine Fontoura Araranguá
  • 17. 17Publicidade Jornal Correio do Sul Sexta-Feira, 23 de Junho de 2017
  • 18. 18 PublicidadeJornal Correio do Sul Sexta-Feira, 23 de Junho de 2017
  • 19. 19Publicidade Jornal Correio do Sul Sexta-Feira, 23 de Junho de 2017
  • 20. 20 Publicações LegaisJornal Correio do Sul Sexta-Feira, 23 de Junho de 2017 EDITAL DE INTIMAÇÃO ARLINDO EDÍLIO DA ROSA, Titular do TABELIONATO DE NOTAS E PROTESTOS DE TÍTULOS desta Comarca de Sombrio, situado na Av. Nereu Ramos, 1300 - Fone (48) 3533-0318 - CEP 88960-000, atendimento das 08:00h - 12:00h e 14:00h - 18:00h, faz saber na forma da Lei aos que o presente EDITAL virem, que se encontram nesse tabelionato para serem protestados, decorrido o prazo legal de 03 (três) dias úteis, por não terem sido encontrados nos endereços fornecidos, ou por se recusarem a tomar conhecimento, os títulos cujos responsáveis estão abaixo discriminados. Ficam esclarecidos, também, de que nesse mesmo prazo poderão apresentar resposta escrita, que não impedirá a lavratura do protesto. PROT. .......................................................APRESENTANTE / CNPJ DEVEDOR / CNPJ Prot: 159436; Devedor(es): ROSANA PORTO - 037.820.089-52, End: Rua Reduzino Tristão de Melo, 1540, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: CONFECCOES MATTRIC LTDA; Sac: CONFECCOES MATTRIC LTDA; Tit: 15214 ; Apr: FCDL; VEN: 05/01/2017; Esp: Duplicata de Venda Mercantil por Indicação; Val: R$ 403,15 + Juros Legais (1% a.m.); Emol.: R$ 56,58. Apontamento R$ 16,50 - Selo R$ 1,85 - Distribuição R$ 0,00 - Diligência R$ 33,00 - Condução R$ 7,08 - Digitalização R$ 0,00- Total Emolumentos R$ 56,58. Prot: 159366; Devedor(es): SASSI E PORTO ALIMENTOS LTDA ME - 23.613.810/0001-19, End: Rua Caetano Lummertz, 111, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: SEGALASALIMENTOS LTDA; Sac: SEGALA S ALIMENTOS LTDA; Tit: 00451473 1 ; Apr: BANCO BRADESCO S A; VEN: 08/06/2017; Esp: Duplicata de Venda Mercantil por Indicação; Val: R$ 637,19 + Juros Legais (1% a.m.); Emol.: R$ 56,58. Apontamento R$ 16,50 - Selo R$ 1,85 - Distribuição R$ 0,00 - Diligência R$ 33,00 - Condução R$ 7,08 - Digitalização R$ 0,00- Total Emolumentos R$ 56,58. Prot: 159400; Devedor(es): SASSI E PORTO ALIMENTOS LTDA ME - 23.613.810/0001-19, End: Rua Caetano Lummertz, 111, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: SEGALASALIMENTOS LTDA; Sac: SEGALA S ALIMENTOS LTDA; Tit: 00443502 1 ; Apr: BANCO BRADESCO S A; VEN: 10/06/2017; Esp: Duplicata de Venda Mercantil por Indicação; Val: R$ 780,89 + Juros Legais (1% a.m.); Emol.: R$ 56,58. Apontamento R$ 16,50 - Selo R$ 1,85 - Distribuição R$ 0,00 - Diligência R$ 33,00 - Condução R$ 7,08 - Digitalização R$ 0,00- Total Emolumentos R$ 56,58. Certifico, para os devidos fins, que o presente edital foi afixado no mural da serventia em: 23/06/2017 Sombrio - SC, 22/06/2017 ARLINDO EDÍLIO DA ROSA ESTADO DE SANTA CATRINA MUNICÍPIO DE BALNEÁRIO ARROIO DO SILVA DECRETO N° 114, DE 6 DE JUNHO DE 2017. DISPÕE SOBRE DESIGNAÇÃO DE RESPONSÁVEL PARA REPRESENTAÇÃO, RECEBIMENTO E CONFERÊNCIA DE EQUIPAMENTOS DO KIT DE EQUIPAGEM DO CONSELHO TUTELAR JUNTO A SECRETARIA ESPECIAL DOS DIREITOS HUMANOS DA PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA – SDH/PR, E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. O PREFEITO MUNICIPALJUSCELINO DASILVAGUIMARÃES, no uso de suas atribuições legais conferidas no disposto dos Incisos I, XXII e XXVI, do Artigo 58, da Lei Orgânica do Município e, CONSIDERANDOquecompeteaoChefedoPoderExecutivodisporsobreaorganizaçãoefuncionamentodaadministração municipal e ainda legislar sobre assuntos de interesse local, nos termos do Inciso I, do Artigo 30 da Constituição Federal; CONSIDERANDO que aAdministração Pública deve obedecer aos princípios da legalidade, impessoalidade, moralidade, publicidade e eficiência, dos seus atos e ações, conforme determina o Artigo 37, da Constituição Federal; CONSIDERANDO a necessidade de atribuir responsabilidade e representar o Município perante a Secretaria Especial dos Direitos Humanos da Presidência da República – SDH/PR; CONSIDERANDO a contemplação do Município de BalneárioArroio do Silva na ação de Equipagem do Conselho Tutelar realizada pela Secretaria Especial dos Direitos Humanos da Presidência da República – SDH/PR; CONSIDERANDO a necessidade de fortalecimento do Sistema de Garantia de Direitos do Município de Balneário Arroio do Silva; CONSIDERANDO finalmente, o evidente interesse e a necessidade administrativa na questão, D E C R E T A: Art. 1º DESIGNAR oAgente Político o Senhor FELIPE KELLER, brasileiro, maior, solteiro, nascido em 2 de novembro de 1985, portador do RG nº 12524018 – SSP/MT, inscrito no Cadastro das Pessoas Físicas do Ministério da Fazenda - CPF sob o n° 051.237.259-46, exercendo o Cargo de Secretário deAdministração e Finanças, para representar o Município de BalneárioArroio do Silva, Estado de Santa Catarina, perante a Secretaria Especial dos Direitos Humanos da Presidência da República – SDH/PR, bem como fica o mesmo responsável pelo recebimento e conferência na entrega do Kit de Equipagem do Conselho Tutelar. Art. 2º Caberá ao referido Agente Político adotar todas as medidas complementares referentes à execução do acompanhamento do referido Programa Equipagem dos Conselhos Tutelares. Art. 3º Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação. Prefeitura Municipal de Balneário Arroio do Silva, em 6 de junho de 2017. JUSCELINO DA SILVA GUIMARÃES Prefeito Municipal Registrado e Publicado o presente Decreto na Secretaria de Administração e Finanças, em 6 de junho de 2017. FELIPE KELLER Secretário de Administração e Finanças ESTADO DE SANTA CATRINA MUNICÍPIO DE SÃO JOÃO DO SUL DECRETO Nº 043 DE 22 DE JUNHO DE 2017 “Abre Crédito Suplementar ao Orçamento Vigente do Fundo Municipal de Saúde e dá outras providências”. MOACIR FRANCISCO TEIXEIRA, Prefeito Municipal de São João do Sul, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições legais e de acordo com o Art. 6º da Lei nº 1796 de 12 de dezembro 2016 (Lei Orçamentária); Considerando, o pagamento realizado através da Ordem Bancária nº 99.975 de 19/06/2017, com recursos do Fundo Social, para atendimento as emendas federais com o objetivo de aquisição de ambulância, não previsto no orçamento vigente; DECRETA: Art. 1º - Fica determinada a abertura de crédito adicional suplementar no valor de R$ 149.983,95 (cento e quarenta e nove mil, novecentos e oitenta e três reais e noventa e cinco centavos), para cobertura de dotação do orçamento vigente do Fundo Municipal de Saúde, conforme segue: 07 – SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE 01 – FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE 10.301.0127.1028 – Aquisição de Veículos para Saúde 4.4.90.00.00.00.00.00.0033 – Aplicações Diretas.........................................................R$ 149.983,95 TOTAL.........................................................................................................................R$ 149.983,95 Art. 2º - Para cobertura da dotação do artigo primeiro será utilizado recursos vinculados de excesso de arrecadação - Estado, verificados no exercício corrente. Art. 3º - Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação. Gabinete do Prefeito Municipal de São João do Sul, 22 de junho de 2017. MOACIR FRANCISCO TEIXEIRA Prefeito Municipal Publicado e registrado nesta Secretaria aos vinte e dois dias do mês de junho do ano de dois mil e dezessete. TAISE DOS SANTOS ALVES Secretária Municipal de Administração e Finanças AVISO DE LICITAÇÃO EDITAL Nº 24/2017 MODALIDADE: PREGÃO PRESENCIAL TIPO: MENOR PREÇO UNITÁRIO OBJETO: A presente Licitação tem por objeto à aquisição de equipamentos de proteção individual e coletivos, para proteção dos servidores públicos no desenvolvimento de suas funções e a melhoria do ambiente de trabalho em todos os Departamentos, em consonância com as especificações aduzidas no ANEXO I do presente Edital. ENTREGA DE ENVELOPES:Até as 15h00min do dia 10 de julho de 2017, no Setor de Compras do SAMAE DEARARANGUÁ, com sede na Rua Expedicionário Iracy Luchina, nº 711, Bairro - Urussanguinha.ABERTURADE ENVELOPES: Às 15h00min do dia 10 de julho de 2017, na sala de reuniões do Setor de Compras do SAMAE de ARARANGUÁ/SC. EDITAL COMPLETO: está à disposição dos interessados no Setor de Compras da Autarquia, durante o horário de expediente, e através do endereço eletrônico: www.samaeararangua.com.br. Maiores informações poderão ser obtidas pelo telefone (48) 3524.0837 ramal 226 e através do e-mail: compras.samae@contato.net. Base Legal: Leis Federais n.º: 10.520/2002 e 8.666/93, LC nº 123/2006, Decreto Municipal nº 2.676/2005 e demais legislações aplicáveis. Araranguá, SC, 23 de junho de 2017. José Hilson Sasso Diretor Geral Margarete Timboni Baran Diretora Administrativa
  • 21. 21Geral Jornal Correio do Sul Sexta-Feira, 23 de Junho de 2017 ESTADO DE SANTA CATARINA MUNICÍPIO DE SÃO JOÃO DO SUL DECRETO Nº 044 DE 22 DE JUNHO DE 2017. NOMEIA MEMBROS PARA COMPOR A COMISSÃO COORDENADORA DE MONITORAMENTO, ACOMPANHAMENTO E AVALIAÇÃO DO PME. MOACIR FRANCISCO TEIXEIRA, Prefeito Municipal de São João do Sul, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições legais, em conformidade com o disposto no inciso V, Art. 55, da Lei Orgânica do Município e em conformidade com o art. 7º, §3º, da Lei n.º 1.754, de 17/06/2015, que aprovou o Plano Municipal de Educação; DECRETA: Art. 1º - Institui a Comissão Coordenadora para monitoramento, acompanhamento e avaliação do Plano Municipal de Educação e a Equipe Técnica, que têm por objetivo acompanhar e avaliar o cumprimento das metas e estratégias constantes na Lei Municipal n.º 1.754, de 17 de junho de 2015. Art. 2º Designa os membros que integrarão a Comissão Coordenadora e a Equipe Técnica, de que trata o art. 1º deste Decreto. COMISSÃO COORDENADORA Rita Aparecida da Silva Laureano Eliane Maciel da Silva. Susânia Scariot Bendo Cechinel Claudio Junior Lima da Rocha EQUIPE TÉCNICA I – Representantes da Secretaria Municipal de Educação: Vanessa Scandolara Magnus Lilian Maria Espindola II – Representante da Secretaria de Administração e Finanças: Taise dos Santos Alves. III - Representante da Secretaria de Saúde: Anelise Espíndola Scheffer. IV - Representante do Poder Legislativo: Ronivon Santos de Matos. V - Representante do Ensino Infantil: Maria Helena Scheffer Domingos Elizandra Perdoná Donadel VI – Representante do Ensino Fundamental: Marilane Souza Lopes Colares. Fabricia de Jesus Rodrigues Alves Adriana Fagundes dos Santos Peres. Art. 3º Fica estabelecido que a Comissão Coordenadora para monitoramento, acompanhamento e avaliação do Plano Municipal de Educação deverá reunir-se com vistas a estabelecer seu regimento interno, no qual constarão suas atribuições, a periodicidade em que seus Planos de Trabalho serão elaborados, bem como os mecanismos de ação a serem utilizados por seus membros. E a equipe técnica trabalhará na Secretaria Municipal de Educação, sob a coordenação da Secretaria Municipal de Educação. Art. 4º Os membros nomeados por neste Decreto terão mandato pelo período de vigência do PME, aprovado pela Lei n.º 1.754/2015. Art.5º - Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação, ficando revogados os Decretos nº 108 de 17 de novembro de 2014 e o nº 032 de 17 de maio de 2016. Gabinete do Prefeito Municipal de São João do Sul, 22 de junho de 2017. MOACIR FRANCISCO TEIXEIRA Prefeito Municipal Publicado e registrado nesta Secretaria aos vinte e dois dias do mês de junho do ano de dois mil e dezessete. TAISE DOS SANTOS ALVES Secretária Municipal de Administração e Finanças ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE MELEIRO AVISO DE LICITAÇÃO PREGÃO PRESENCIAL N.º 043/2017 A PREFEITURA MUNICIPAL DE MELEIRO torna público para conhecimento dos interessados que no dia 06/07/2017 às 14:00 horas estará realizando a reunião de recebimento das propostas do PREGÃO PRESENCIAL N.º 043/2017, objetivando a CONTRATAÇÃO DE EMPRESAPARAPRESTAÇÃO DE SERVIÇO DE CONFECÇÃO DE UNIFORMES ESCOLARES PARAALUNOS DAREDE MUNICIPALDE ENSINO INFANTILE FUNDAMENTAL. A integra do Edital e maiores informações poderão ser obtidas na Prefeitura Municipal de Meleiro, sito a Rua Sete de Setembro, nº 371, Centro – Meleiro/SC, no horário das 7:30 às 11:30 e das 13:00 as 17:00 horas, de Segunda a Sexta-Feira ou pelo fone (048) 3537-8400. A retirada do Edital poderá ser feita no endereço acima citado ou através da disponibilização no site do município www.meleiro.sc.gov.br . Meleiro/SC, 22 de junho de 2017. EDER MATTOS Prefeito Municipal ESTADO DE SANTA CATARINA MUNICÍPIO DE SÃO JOÃO DO SUL DECRETO N.º 045 DE 22 DE JUNHO DE 2017. Designa servidor para homologar a opção do contribuinte de adesão ao REFIS SÃO JOÃO 2017 e, dá outras providências. MOACIR FRANCISCO TEIXEIRA, Prefeito Municipal de São João do Sul, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições legais, em conformidade com o disposto no Art. 55, da Lei Orgânica do Município de São João do Sul e em observância ao Art. 7º da Lei Municipal n.º 1.809, de 20 de junho de 2017; DECRETA: Art. 1o - Fica designada a servidora Carla Pereira, ocupante no cargo de Oficial de Tributos, Matrícula n.º 980, como representante do Poder Executivo Municipal, para fins de homologação da opção do contribuinte de adesão ao REFIS SÃO JOÃO 2017, de acordo com o previsto no Art. 7º da Lei Municipal n.º 1.809, de 20 de junho de 2017. Parágrafo Único – O exercício das funções de que trata o caput deste Artigo, será sem ônus ao Município. Art. 2º - A homologação ficará condicionada ao cumprimento das condições previstas na referida Lei. Art. 3º - Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação. Gabinete do Prefeito Municipal de São João do Sul, 22 de junho de 2017. MOACIR FRANCISCO TEIXEIRA Prefeito Municipal Publicado e registrado nesta Secretaria aos vinte e dois dias do mês de junho do ano de dois mil e dezessete. TAISE DOS SANTOS ALVES Secretária Municipal de Administração e Finanças
  • 22. 22 PublicidadeJornal Correio do Sul Sexta-Feira, 23 de Junho de 2017
  • 23. 23Publicidade Jornal Correio do Sul Sexta-Feira, 23 de Junho de 2017 ARededeProteçãodaCriançaeAdolescentedoMorroGrandeestámobilizando apopulaçãocomaCampanhadePrevençãoaousodeÀlcooleoutras Drogas.Paraissoforamcolocadasempontosestratégicosfaixaseoutdoor daCampanha,efinalizandoasatividadesserárealizadoumaapresentaçãode standup-‘’AfugadoEu’’comoGrupoGargalhasdeAraranguá. ARededeProteçãocontacomapresençadetodaComunidadenesteevento.
  • 24. 24 PublicidadeJornal Correio do Sul Sexta-Feira, 23 de Junho de 2017
  • 25. 25Publicidade Jornal Correio do Sul Sexta-Feira, 23 de Junho de 2017
  • 26. Jornal Correio do Sul Sexta-Feira, 23 de Junho de 2017 09-16-17-21-23-46 01-09-12-15-34-35 CONCURSO 1.658 DUPLA SENA 22/06 Com um gol em cada tempo, Grêmio vence o Coxa na Arena e já pensa no Corinthians C om a tarefa cumprida, o Grêmio já pode pensar no duelo com cara de final contra o Corinthians, no próximo domingo. Na noite desta quinta-feira, no encerramento da nona rodada do Brasileirão, o Tricolor gaúcho venceu o Coritiba por 2 a 0, na Arena, com um gol em cada tempo – Pedro Rocha e Fernandinho marcaram. O Coxa até conseguiu pressionar e poderia ter feito o seu, mas a fase dos gaúchos parece iluminada. A vitória mantém o Grêmio na segunda colocação, agora com 22 pontos, um a menos que o Timão. Já os paranaenses perdem duas posições e encerram a rodada em quinto, com 15. Os dois times voltam a campo no domingo, às 16h. Enquanto o Grêmio joga novamente na Arena, no duelo pela ponta de cima com o Corinthians, o Coxa vai a Minas Gerais enfrentar o Cruzeiro. O Grêmio teve o retorno do centroavante Barrios, mas estava sem os titulares Kannemann e Ramiro. Em seus lugares, entraram Rafael Thyere e Fernandinho. Já o Coritiba não con- seguiu efeito suspensivo para o atacante Kleber, e Alecsandro seguiu na equipe.Aprimeira chance do jogo foi um chute para foradeHenriqueAlmeida,aostrêsminutos,queatorcidatricolor não perdoou e mandou uma sonora vaia ao atacante. Mas os donos da casa trataram de abrir o placar logo em seguida. Aos nove, Pedro Rocha tabelou com Luan na entrada da área, ganhou a dividida com Dodô e soltou uma bomba Porto Alegre de canhota, sem chances para Wilson. Aos 17, o goleiro do Coxa salvou em dois chutes consecutivos. No terceiro, Barrios completou para o gol, mas a arbitragem apontou impedimento. Aos 25, Pachequinho precisou fazer a primeira troca.Alan SantossentiuacoxaefoisubstituídoporTiagoReal.Comatro- ca,oCoritibapassouagostardojogo,enquantoomeiodecampo tricolor errava passes em demasia. Aos 34, William Matheus conseguiu um bom lançamento para Matheus Galdezani, que chutou de primeira já dentro da área, e Marcelo Grohe segurou bem. No fim do primeiro tempo, Luan ainda "pifou" Barrios na cara de Wilson, mas o centroavante mandou por cima. E o Coxa seguiu melhor na volta do intervalo. Aos cinco, Galdezani pegou a sobra da defesa e bateu por cima da meta de Grohe.Aos12,HenriqueAlmeidatabeloucomWilliamMatheus e finalizou muito perto da trave direita. O primeiro chute do Grêmio na segunda etapa veio aos 17, com Fernandinho, sobre o gol de Wilson. Foi a deixa para oTricolor voltar a pressionar.Aos 23, Fer- nandinho bateu na saída do goleiro, e Wilson defendeu com os pés.Aos26,Luanentrounaáreapelaesquerdaechutoucruzado. Lá estavaWilson para espalmar de novo.Aos 32, Bruno Cortez foi cirúrgico ao dar um toque providencial na área do Grêmio e evitar o chute de Iago.Aos 37, Luan entrou na área do Coritiba a dribles e bateu colocado. Wilson pegou mais uma. Aos 39, porém, o Tricolor matou a partida. Luan disparou pelo meio e abriu para Fernandinho, que nem precisou domi- nar para fuzilar. Dessa vez, não teve jeito para Wilson. Estava liquidada a fatura naArena.
  • 27. Brasileirão Série B Brasileirão Série A AECestreianomáster contraoFigueirense KlausaproveitachanceevibracomsequêncianoInter RodadadoGaivotãoéno8deSetembro Araranguá Porto Alegre Balneário Gaivota 27Esporte Jornal Correio do Sul Sexta-Feira, 23 de Junho de 2017 Foi definida a data de estreia do Máster do Araran- guá Esporte Clube, o AEC, no campeonato catarinense de máster. A equipe este ano compete com outras 6 em busca do título, já que no ano passado conquistou o vice campeonato, perdendo a final para o Criciúma no clássico do sul. Atabela de jogos da com- petição foi entregue a diretoria que já começa a se preparar. O máster do AEC estreia nodia2desetembro,diantedo Figueirense, velho conhecido. Depois de vários amistosos, os dois times voltam a se en- Demorou, mas, enfim, a oportunidade reapareceu. E, mesmo que o momento do sistema defensivo fosse conturbado, Klaus conseguiu corresponder. Ajudou o Inter a completar duas partidas seguidas sem ser vazado (empates em 0 a 0 com Santa Cruz e Paraná). O objetivo é manter o nível para não sair mais do time. Klaus foi contratado no N este domingo, Balneário Gai- vota realiza mais duas partidas pelo Gaivotão 2017, sendo uma valendo pela primeira final da categoria frentar, revivendo o clássico do futebol catarinense nos anos 90. Quem não lembra da vitória nos pênaltis, na final da Copa Santa Catarina em 1991, em pleno Orlando Scarpelli, onde o AEC trouxe a taça de campeão para casa. No confronto deste ano, alguns jogadores que estavam emcamponaqueledia,estarão agora novamente. Depois são mais cinco jogos: dia 16 joga fora novamente, dessa vez diante do Joinville,dia 30 fol- ga. No dia 14 de outubro, joga em casa contra o Sindicato dos Atletas Profissionais de Santa Catarina, em seguida, dia 28, vai a Jaraguá do Sul enfrentar o Juventus, depois início da temporada. Desta- que do Juventude, chegou ao Beira-Rio referendado por Antônio Carlos Zago, seu técniconoperíodoemCaxias. Recebeuumasequênciacomo titular, mas sofreu uma lesão muscular na coxa direita. Agora, celebra a nova chance dada por Guto Ferreira: - Tive a lesão, mas tratei e treinei. Não fiquei sem fazer nada. Tive oportuni- dade agora. Voltei e agarrei firmemente. Máster. Máster Gaivota e 8 de Setembro entram em campo às 13h15min para os primeiros 90 minutos da final da cate- goria. O time do Máster Gaivota terá de enfrentar o 8 de Setembro jogando em casa, que com certeza terá a força da torcida da co- munidade do Rio Novo a seu favor. No segundo jogo dodia,pelacategoriaLi- vre, o 8 de Setembro joga com o Turimar. Mesmo sendo uma disputa para cumprir tabela, já que as duas equipes não pos- suem chances de classificação, a questão é buscar pontos até o último momento. “Tivemos um bom momento contra o Ferpa em nossa última partida e esperamos render mais no nossopróximojogo”comentou Marcelo Amaral, dirigente do Turimar. Os dois times que jogam pela Livre, ainda não tiveram êxito e sofreram duas derrotas. O 8 de Setembro perdeu de 5 a 4 para o Ferpa e de 3 a 0 pra o Juventus.PeloTurimaroplacar foi de 7 a 0 para o Juventus e de 5 a 1 para o Ferpa. O jogo entre 8 de Setembro e Turimar deve iniciar 15h15min no campo do 8 de Setembro. em 11 de novembro joga em casa diante do Criciúma e fechandoaprimeirafase,volta a jogar em casa no dia 25, com o Blumenau. Amistosos Antesdaestreiaedacom- petição, o AEC está com al- guns amistosos agendados em preparação ao campeonato. Dia 28, na semana que vem, as 19h30min, joga em Turvo, na sede da Cersul, diante do veterano e amigos do TAC. No dia 8 de julho vai a Porto Alegre enfrentar o máster do Grêmio, depois no dia 16 é em Novo Hamburgo o com- promisso diante do máster do NovoHamburgo.Alémdesses dois amistosos, tem mais um ou dois já agendados. A diretoria realizará o 1º bingo do máster do AEC para bancar as disputas do campe- onato catarinense de máster. O bingo será realizado no dia 5 de agosto no salão do Alto Feliz, e em breve as car- telas começam a ser vendidas. Quanto ao fardamento para o campeonato catari- nense, será lançado no dia do bingo. “Estamos no caminho certo, a tendência é cada vez nos crescer, levando o nome do AEC para todo o estado e este ano vamos levantar a taça de campeão”, frisa o presiden- te Cleder Maciel.
  • 28. SEXTA-FEIRA, SÁBADO E DOMINGO, 23, 24 E 25 DE JUNHO DE 2017