O slideshow foi denunciado.
Utilizamos seu perfil e dados de atividades no LinkedIn para personalizar e exibir anúncios mais relevantes. Altere suas preferências de anúncios quando desejar.

Jornal digital 17 01-18

66 visualizações

Publicada em

Jornal Coreio do Sul

Publicada em: Notícias e política
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Jornal digital 17 01-18

  1. 1. Operação Zona Cinzenta da Polícia Federal atua em clínica da região Dom Joaquim é pauta em reunião de vereadores e Isev Obras paralisadas atrasam conclusão de escola e ginásio CORREIO DO SULANO XXVI EDIÇÃO Nº 5.333 R$ 2,00QUARTA-FEIRA, 17 DE JANEIRO DE 2018 www.grupocorreiodosul.com.br 30º23º Muitas nuvens com curtas aberturas e chuvas isoladas. Previsão para hoje Extremo Sul Catarinense Segurança - Pág 9 OperaçãoOperação ZonaZonaZonaZona e Iseve Isev Saúde - Pág 4 Educação - Pág 3 Extremo Sul Catarinense Segurança - Pág 12Segurança - Pág 12Segurança - Pág 12Segurança - Pág 12 APREENSÕES, PRISÕES, BENS RECUPERADOS: DIC FAZ BALANÇO DE 2017
  2. 2. Leia este artigo até o final Dandoumtempo Presidente da Câmara Municipal de Vereado- res de Sombrio, Fabiano Pinho (PSDB), diz que ainda não tem compromisso com nenhum candidato tucano com vistas à disputa pela Assembleia Legislativa este ano. O deputado estadualDóiaGuglielmi(PSDB)éonomena- tural da sigla para o pleito de outubro, mas, de acordo com Pinho, sua decisão quanto a quem apoiará “só será tomada mais adiante”.Abem da verdade, a própria permanência de Fabiano no PSDB ainda é uma incógnita.Vale lembrar que ele não recebeu apoio de seu partido para chegar à presidência da Câmara Municipal, o que, de certo modo, o descompromissa com a sigla diante do pleito deste ano. “Meu futuro políticoestáemconstrução.Sótenhocompro- missocomaquelesquemeapoiaram”,alfineta opresidente,quedesdequecomeçouaencarar as urnas, em 2012, teve que se virar por conta própria para alcançar suas conquistas. Ameaçado Demora do Governo do Estado em liberar os recursos do Fundam, o Fundo de Apoio aos Municípios, tem gerado uma série de especu- lações entre os prefeitos da região. Em princí- pio,oFundamprevêaliberaçãodeR$750mi- lhões do governo estadual para as prefeituras catarinenses, recurso este conseguido através de empréstimo junto ao BNDES. Para nossa região está previsto a destinação de cerca de R$30milhões.Oproblemaéquedesdeagosto do ano passado o tal do Fundam não anda. A expectativa de que os recursos começariam a ser liberados para as prefeituras no final do ano passado não se concretizou.Também não há movimentações mais concretas quanto a liberação dos recursos neste início do ano. É bomlembrarqueogovernadorRaimundoCo- lombo (PSD) irá se licenciar por 15 dias mês que vem, e já prometeu renunciar no início de abril. Ou seja, ele praticamente não terá tempo de ‘fazer política’ com o dinheiro do Fundam. Por conta disto, muitos já acreditam que o dinheiro virá só pela metade, ou que até mesmo nem chegará a vir para as prefeituras. ADVOCACIA EMPRESARIAL FONE: (48) 3533-0145 D eacordocomaAsses- soria de Imprensa da SCGÁS, a empresa ligou mais quatro indústrias à rede de distribuição de gás catarinense antes do fim de 2017, chegando ao total de 260 clientes deste segmento. Entre o final de novembro e o mês de dezembro, a Metalúrgica RS, aAltenburg, a Oregon e a Ferro Sul passaram a operar utilizando o insumo em seus processos de produ- ção. O ano passado registrou recorde de ligação de indústrias à rede da SCGÁS, com 38 novas fábricas catarinenses sendo interligadas. Neste ano, a previsão inicial é de que mais 23 indústrias sejam gaseificadas. Com sede em São Bento do Sul, a Metalúrgica RS foi interligada no último dia 30 de novembro e atua no ramo de fundição de metais não ferrosos, forjaria e usinagem. A empresa, que iniciou sua operação em 2001, passou a usar gás natural no seu refeitório, forjaria e fornos de fundição, substituindo o Gás Lique- feito de Petróleo (GLP) e o óleo de xisto. O contrato assinado entre a SCGÁS e a Metalúrgica RS prevê que o novo cliente consuma por volta de 15.000 metros cúbicos do insumo por mês. Interligada em 4 de dezembro, a Altenburg Indústria Têxtil tem sede em Blumenau e fabrica artigos de cama, mesa, banho e decoração. Neste merca- do desde 1922, a empresa hoje é líder nacional na área e na fabricação de travesseiros, produzindo, por mês, mais de mil toneladas de produtos que são vendidos em toda a América do Sul. A Altenburg utiliza o gás natural em aque- cedores e em uma rama, em substituição ao GLP e cavacos de madeira, e deve consumir aproximadamente 28.000 m³/ mês do insumo. Sediada em Içara, a Ferro Sul Indús- tria de Fundidos iniciou sua operação em 2001, mas somente em 2006 passou a atuar no ramo de fundição e ferro e aço. Interligada no último dia 5 de dezem- bro, o novo cliente da SCGÁS atende as principais empresas do país no setor de mineração, cimento e siderurgia, e passou a utilizar o gás natural em fornos de tratamento térmico, aquecedores de panela e maçaricos, deslocando o GLP. Em seu contrato com a SCGÁS, a Ferro Sul prevê consumir por volta de 20.000 m³ do insumo por mês. Outro cliente com sede em Içara, interligado no dia 14 de dezembro, é a Oregon Química do Brasil. Capaz de produzir cerca de 900 toneladas men- sais de produtos químicos para diversos mercados, como cerâmico, tintas, têxtil, papel e celulose, adesivos, mineração e sabão, a Oregon iniciou sua atividade em 2012 e utiliza o gás natural em seus fornos de fabricação de silicato de sódio, em substituição ao óleo combustível. Enquanto isso, há quase 15 anos os empresários aqui do Extremo Sul clamam, imploram, suplicam para que a SCGÁS nos traga um mero ramal de distribução de gás natural, que possa chegar com plenitude em Araranguá e Sombrio, o que serviria para ajudar a deixar nossas empresas com a mesma pujança das supracitadas. Não precisa nem dizer que o clamor entra por um ouvido e sai pelo outro, da turma lá de cima. Depois não sabem porquê nossa região é considerada a mais pobre do Estado! Justificando Prefeito de Sombrio, Zênio Cardoso (PSDB), tirou férias, de verdade, por 15 dias. O chefe do executivo entregou a chave da prefeitura para a vice-prefeita Gislaine Dias da Cunha (PR) e su- miu do mapa. Líderes políticos que têm tentado contatocomZêniotêmescutado,invariavelmen- te, a boa e velha gravação do telefone celular, dando conta de que o aparelho está fora da área de cobertura. De acordo com o vereador Nego Gomes(PMDB),principalvozdedefesadoexe- cutivonaCâmaradeVereadores,“ohomemestá dandoumtempoparaacabeçaparavoltarcomas baterias recarregadas para os próximos meses”. Conforme Nego, ainda este ano a prefeitura deverá lançar um novo pacote de obras, mesmo com todas as dificuldades que tem assolado as finanças da municipalidade. “Tem que dar uma esfriada boa na cabeça mesmo, porque o que vem por aí em termos se trabalho exigirá muito esforço do Zênio”, comenta o vereador. Infraestrutura Crise financeira que acomete o Rio Grande do Sul tem criado um fenômeno bastante inte- ressante. O governo gaúcho tem apertado sua fiscalização junto a empresas, na tentativa de aumentar sua arrecadação, objetivando tirar o Estado do atoleiro fiscal em que está metido. Porcontadisto,muitosempresáriostêmprocu- rado as regiões de divisa para instalar suas em- presas,oqueestásendoumarealidadetambém aqui no Extremo Sul. Em São João do Sul, por exemplo, prefeito Moacir Teixeira (PSD) tem ressaltado que não são poucos os empresários gaúchosqueprocuramaprefeituraembuscade algum incentivo, visando instalar suas empre- sasnomunicípio.Oproblemaéqueaprefeitura não tem como atender a todas as solicitações, geralmente ligadas a disponibilização de áreas para construção, aterros ou incentivos fiscais. Seria uma ótima oportunidade do Governo do Estado dar as caras aqui pelo Extremo Sul, fo- mentando a geração de empregos e renda para nossa população, na medida em que bancasse esta infraestrutura almejada, o que, por óbvio, seria bom para o próprio governo. Rolando Christian CoelhoRolando Christian Coelho JORNAL CORREIO DO SUL Quarta-Feira, 17 de Janeiro de 2018 rolando_coelho@hotmail.com (48) 99945.6787 POLÍTICA “O grande benefício da democracia é o de oportunizar a todos o mesmo ponto de partida. No que diz respeito ao ponto de chegada, aí vai da capacidade e da astúcia de cada um”. Fernando Sabino (1923/2004) Escritor e jornalista brasileiro
  3. 3. 3Educação Jornal Correio do Sul Quarta-Feira, 17 de Janeiro de 2018 Desleixo Gislaine Fontoura Araranguá Obras paralisadas atrasam entrega de escola e ginásio E m agosto de 2014 ini- ciou a obra de constru- ção de uma escola municipal ao lado do Colégio Caic, no bairro Jardim das Avenidas, em Araranguá. A escola, com 12 salas de aula, foi projetada para atender 480 alunos em período parcial e 240 em pe- ríodo integral, do pré-escolar até o 9º ano. Acontece que, mesmo com previsão de entrega para maio de 2015, desde dezembro de 2016, último mês de governo da gestão municipal anterior, ela está paralisada. A construção da escola, orçada em R$ 3.396.089,15, se dá por meio de recurso do Governo Federal, prove- niente do Fundo Nacional para o Desenvolvimento da Educação e, segundo o engenheiro civil e diretor do Departamento de Obras Urbanas da Prefeitura de Araranguá, Cristiano Coral, a empresa responsável pela execução dos serviços já re- cebeu mais de R$ 2 milhões e executou cerca de 80% da obra, no entanto existem danos que precisam ser re- parados e chegam a 10% da construção, fazendo com que e escola esteja em torno de 70 % concluída. O engenheiro civil da Prefeitura de Araranguá ex- plicou que atualmente a obra não está em andamento, pois a empresa executora dos serviços requereu valores aditivos, ainda na gestão municipal anterior, que es- tão sendo analisados pela equipe do prefeito Mariano Mazzuco. De acordo com Cristiano, os valores eram muito expressivos, chegando a mais de R$ 700 mil, que foram reduzidos para cerca de R$ 200 mil, chegando a uma economia de em torno de R$ 500 mil. Como o le- vantamento das patologias da obra foi realizado, o governo municipal exige que elas se- jam sanadas, para só depois autorizar o pagamento do reajuste dos serviços e a em- presa executora concorda em executar os reparos. Ainda, a construtora solicitou um rea- juste de equilíbrio de preços, para a entrega da escola. Conforme Cristiano ex- Obra de ginásio também está paralisada Outra construção iniciada na gestão municipal anterior, que está pa- ralisada e ainda não foi concluída, é a do ginásio da Escola Municipal Otávio Manoel Anastácio, do bairro Jardim Cibele. Conforme Cristia- no, a obra já estava paralisada antes de Mariano Mazzuco assumir a Prefeitura de Araranguá e a empresa executora abandonou o serviço. “Tentamos entrar em contato com esta empresa e não conseguimos, fizemos um parecer técnico de engenharia e solicitamos que o De- partamento Jurídico da Prefeitura de Araranguá se manifeste e faça a quebra de contrato com a empresa, para que nós possamos realizar nova licitação e terminar a obra”, disse. O engenheiro civil acredita que até o final deste ano, o ginásio da escola esteja concluído. “Já existe o dinheiro em conta para esta obra, assim, como para a obra da outra escola (ao lado do Caic)”, revelou. plicou, o Departamento de Obras Urbanas realizou o estudo técnico da obra e encaminhou para o Departa- mento Jurídico da Prefeitura de Araranguá. O engenheiro civil acredita que até o final deste mês um acordo seja realizado com a empresa prestadora do serviço e que a obra seja concluída até o final deste ano.
  4. 4. 4 SaúdeJornal Correio do Sul Quarta-Feira, 17 de Janeiro de 2018 G.C.S LTDA - ME Comercial: l48l 3533.0870 comercial@grupocorreiodosul.com.br Diretor Geral diretor@grupocorreiodosul.com.br Redação: Aline Bauer editor@grupocorreiodosul.com.br Publicações legais: tomaz@grupocorreiodosul.com.br Financeiro financeiro@grupocorreiodosul.com.br Radio 93FM radio93fm@grupocorreiodosul.com.br Diagramação/Arte: Erivaldo Ferreira (Aldo) cristian@grupocorreiodosul.com.br Sul Gráfica sulgrafica@grupocorreiodosul.com.br Circulação/Assinatura l48l 3533.0870 assinaturas@grupocorreiodosul.com.br “Nosso futuro está no agro!” S ou otimista com o agronegócio nacional e com sua capacidade de gerar renda às famílias, divisas ao Brasil e produ- ção para o mundo. Nesse aspecto, é crescen- te a importância do Brasil na produção e no abastecimento alimentar mundial. O Brasil é um dos poucos países com potencial elevado de crescimento da produção: combina vantagens comparativas como terra, clima e mão de obra, com diferenciais competitivos, como tecnologia, processo e inovação. Todas as previsões fundamentam nosso otimismo. O conceituado Rabobank divulgou estudo no qual prevê que o con- sumo de carnes no mundo deve crescer 45 milhões de toneladas nos próximos 10 anos. É evidente que o aumento da demanda global por proteínas sustenta a importância da oferta brasileira, que tem potencial de expandir. Temos condi- ções de ampliar a produção – mediante ganhos de produtividade – sem precisar aumentar a área de lavouras ou pastagens. Santa Catarina tem muito a ga- nhar com o mercado mundial de carnes, pois ostenta avançadas cadeias produ- tivas de aves e suínos, as quais sustentam um poderoso esforço exportacionista. A cadeia produtiva da carne de frango é uma das mais avançadas do mundo e se destaca pelo alto nível de coordenação. Em 2016, o Brasil produziu 13,1 milhões de toneladas de carne de frango, tendo Santa Catarina como segundo produtor nacional. Até 2026, a produção brasileira de carne frango crescerá para 16,4 milhões de toneladas, com incrível incremento de 20% ao ano. A exportação passará de 4,3 milhões para 5,9 milhões de toneladas, com média 3,2% de crescimento ao ano. O país, portanto, manterá a condição de maior exportador mundial. A carne suína, por outro lado, é a mais consumida no mundo. Brasil é o quarto maior produtor e exportador mundial. A produção nacional foi de 3,7 milhões de toneladas e a exportação de 720 mil toneladas. O estado barriga-verde é o maior produtor brasileiro. Até 2021, a produção subirá para 4,15 milhões de toneladas e a exportação chegará perto de 900 mil tonela- das/ano. Além de preço, volume de produção e qualidade, Santa Catarina tem um diferencial único: seu status sanitário de área livre de aftosa sem vacina- ção e, também, livre de epizootias que afetam países produtores concorrentes do Brasil. Não há dúvidas, o nosso futuro está no agro! Assistência Junto com o Senar-SC, a Faesc intensificou, em 2017, as ações do Programa de Assistência Técnica e Ge- rencial (ATeG). O programa começou em 2016 e atua em oito cadeias produtivas: bovinocultura de leite e corte, ovinocul- tura de corte, piscicultura, olericultura, apicultura, maricultura e fruticultura. Mais de 1.500 produtores rurais recebem assistência técnica e gerencial de maneira totalmente gratuita. Santa Catarina na CNA O presiden- te da Faesc, José Zeferino Pedrozo, assu- miu em dezembro a vice-presidência de finanças da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA). Pedrozo está vinculado ao associativismo há mais de 40 anos e leva o Estado de Santa Catarina a ocupar uma cadeira de destaque na maior entidade representativa do setor no país. A CNA atua na defesa técnica e política da agricultura brasileira. Mercado de Grãos A Faesc, em par- ceria com a CNA e o Senar-SC, promoveu no ano passado, no município de Chapecó, o 5º Dia de Mercado de Grãos do Projeto Campo Futuro, desenvolvido em todo o país nas mais diferentes cadeias produti- vas. O evento reuniu lideranças, pesquisa- dores e produtores rurais para debater o cenário e as perspectivas para a produção de grãos no Brasil, mais especialmente em Santa Catarina. A intenção foi fortalecer o agronegócio e difundir conhecimentos para o desenvolvimento do setor. Cancro europeu Com o objetivo de erradicar o cancro europeu dos pomares de maçã de Santa Catarina, a Faesc uniu forças com entidades representativas do setor em uma força-tarefa. O estado é o maior produtor nacional da fruta. Em território catarinense, mais de 3 mil pro- dutores dedicam-se ao cultivo da maçã. Isso representa 41% da produção da fru- ticultura barriga-verde e 51% do valor bruto de produção (VBP) estadual do setor frutícola. Segundo a Companhia Integrada de Desenvolvimento Agrícola (Cidesc), o índice de plantas com a doen- ça é de 10% nos pomares do estado. Mes- mo sendo um índice baixo, é necessária a adoção de normas para a erradicação da doença. Retrospectiva 2017/Perspectiva 2018 - Agronegócio Editado por Andréa Leonora redacao@peloestado.com.br Com apoio da Assessoria de Imprensa da entidade ArquivoFaesc/Senar Presidente da Federação da Agricultura e Pecuária (Faesc) e do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar-SC), José Zeferino Pedrozo N esta ter- ça-feira, e s t e v e presente na Câma- ra de Vereadores de Som- brio o diretor administrativo, Walmiro Charão, e Fatiado Voltz, coordenador regional do Hospital Dom Joaquim – Isev (Instituto de Saúde e Educação Vida). O encontro foi para esclarecer sobre o transtorno causado pela di- vulgação de uma nota emitida pela médica Cyntia Mota Elchandy Lima no sábado, na qual fazia parte do quadro funcional do Hospital Dom Sombrio Esclarecendo HDJ é assunto na Câmara Reunião serviu para esclarecer pontos sobre situação do HDJ Joaquim. Vereadores presentes debateram com os represen- tantes do Isev todos os pontos que a comunidade encontra maiores dificuldades em suas demandas. O presidente da casa, Fabiano Pinho, cobrou mais empenho e transparên- cia e uma boa divulgação para que a comunidade saiba de todos os serviços que o hospital está oferecendo, em especial as internações, pois muitas pessoas desconhecem o desenvolvimento desta ati- vidade no momento. Nesta oportunidade, os vereadores já agendaram outras iniciativas e reuniões com outros órgãos para discu- tir a viabilidade do Hospital Dom Joaquim. Em entrevista à Rádio 93FM, na manhã de ontem, Walmiro também falou so- bre a situação do hospital, definindo que não houve fe- chamento do Pronto Socorro do HDJ, que ele se mantém operando normalmente, além de esclarecer outros pontos na atuação da entidade. O Isev, tão logo tomou conhecimento da nota di- vulgada no sábado pela dra. Cyntia, publicou uma res- posta nas redes sociais e mídia regional desmentindo a informação, garantindo que o HDJ nunca esteve com as portas fechadas.
  5. 5. Timbé do Sul começou o ano com o quadro médico completo no município, um total de 4 profissionais atendendo de segunda a sexta-feira, todas as tardes. Na foto, Maria Eduarda Costi, especialista que trabalhará atendendo na saúde de Timbé do Sul. Em outubro de 2018 os brasileiros irão às urnas mais uma vez a fim de escolher um novo Presidente da República. O ServiçodeProteçãoaoCrédito(SPCBrasil)eaConfederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) pesquisaram quais são as características desejadas para o próximo presidente na opinião dos brasileiros e também a lista de prioridades para aquele que vencer a disputa. O levantamento mostra que para 47% dos brasileiros o combate à corrupção deve estar na lista deprincipaisprioridadesdonovogovernante–já39%citaram o investimento na saúde e 33% o investimento na educação. Em seguida aparecem a segurança pública (32%) e a geração de empregos (29%). Ao avaliar como deveria ser o próximo presidente, 70% desejamquesejaalguémquerealizeprojetosdemelhoriaspara a população na saúde e educação e em obras de infraestrutura. Entre as principais características pessoais que são determi- nantes para que votem em um candidato estão a honestidade (50%), ser alguém que cumpre o que promete (35%) e que saiba abrir mão dos seus interesses particulares em benefício dos interesses da população (32%). Já a maior parte dos entrevistados (63%) afirma que não votaria de forma alguma em um candidato envolvido em escândalos de corrupção e 34% jamais votariam em alguém distantedapopulaçãoequenãoconheceosproblemasdopovo. Paraquasemetadedosbrasileiros, combate à corrupção deve ser a prioridade do próximo presidente Município fecha quadro médico P ara quem quer se movimentar neste verão, o município de Balneário Arroio do Silva oferece uma atividade física ao ar livre, promovendo o bem-estar e a saúde: Ginástica na Praça. Fazendo partedaprogramaçãodatemporada,aatividadeé realizadatodosossábadosedomingospelamanhã,das9hàs10h. As aulas são orientadas por profissionais daAcademia Saúde e Movimento e despertam o interesse de quem passa pelo local. "Vim na beira da praia, vi o movimento e acabei me juntando ao grupo.Adorei a aula, é bem descontraída e animada", enfatizou a veranista Aline Amaral. Amúsica é o estímulo na hora da prática da atividade física. JORNAL CORREIO DO SUL Quarta-Feira, 17 de Janeiro de 2018 A comunidade de Pintada, em Praia Grande, recebeu uma ponte nova, reinvidicação antiga dos moradores. O prefeito Henrique Maciel celebrou a obra nas redes sociais. Secretário da Agricultura e da Pesca, Moacir Sopelsa. “O setor produtivo de carnes é muito importante para Santa Catarina e nós temos que nos unir para manter o status sanitário catarinense. Essa é uma responsabilidade de todos”. Ginástica na Praça atrai veranistas As músicas, os passos e os mo- vimentos varia- dos e repetitivos fazem com que a atividade seja feita de maneira descontraída. As aulas de ginástica fazem parte do calendário de verão e é aberta para todos participarem. Lembrando que as aulas acontecem em frente ao palco principal.
  6. 6. EntretenimentoEntretenimentoNovelas - Horóscopo - Diversão Cruzadinha Novelas J osé Augusto assume seus erros e pede per- dão a Celeste Hermínia. Pé de Cabra ameaça Natália e Helena, mas Giuseppe e Tomaso as defendem. Alzira conta a Balbina que descobriu que Artur perten- ce a uma rica família. José Augusto confessa que nunca deixou de amar Celeste. Bernardo e Pepito visitam o galpão onde fabricarão as geleias. Helena e Natália pensam em como quitar sua dívida com Lucerne. Inácio brinca com Mariana e pensa em Maria Vitória. Tempo de Amar -18h T iago tenta consolar Amália. Catarina pede explicações a Cons- tantino sobre sua decisão de partir repentinamente de Artena. Cássio avisa a Samuel que não pode auto- rizar a parada temporária do trabalho na mina por decisão de Afonso. Virgílio finge se importar com o clima de desa- vença entre Diana e Amália. Amália conta a Constância que não existe nenhum ferreiro chamado Afonso em Montemor. Rodolfo avisa que decidiu criar a Lei da Justa Punição para fazer justiça a pessoas traídas. R aquel não deixa Bruno se explicar e vai em- bora do restaurante. Estela se irrita com Juvenal e o expulsa de sua casa. Adinéia tenta se entender com Cido. Adriana explica a Clara sobre as técnicas que utiliza com seus clientes. Bruno descobre a armação de Tônia e pede que Patrick dê entrada em seu divórcio. Josafá entrega a Clara uma pasta com documentos do filho. Mercedes tem um mau pressentimento sobre o processo da guarda de Tomaz. Renato reclama da proximidade de Patrick e Clara. OOutroLadodoParaíso-21h Deus Salve o Rei -19h Rapidinhas Áries 21/03 a 20/04 21/04 a 20/05 21/05 a 20/06 21/06 a 20/07 21/07 a 20/08 21/08 a 20/09 21/09 a 20/10 21/10 a 20/11 21/11 a 20/12 21/12 a 20/01 21/01 a 20/02 21/02 a 20/03 Leão HoróscopoHoróscopo Sagitário Gêmeos Libra Aquário Touro Diante das dificuldades terá pouca habilidade para se acalmar. Tira esse orgulho do pensamento e se aproxime de alguém do signo de Libra. O grande astro rei sol pode permitir que mostre forças para superar algumas dificuldades. Colocar-se acima dos outros será algo muito nocivo para um relacionamento profícuo e vanta- joso para ambas as partes. Urano em queda irá lhe prejudicar para superar algumas pequenas situações periclitantes. Passará um dia sem muitas preocupações e chegará há uma decisão sábia e condizente com o que precisas. Filho do ar, passará por este inconveniente da melhor pessoa possível. Não tema seus desafios, isso é importante. Virá a apresentar um estado de pensamento mais estressado, vai conseguir apenas ferir seu próprio coração desta forma. Sinta mais amor próprio e valorize seus esforços em todas as áreas. A intervenção de Saturno não deve lhe abalar. Sua magnanimidade vai ficar um pouco em baixa neste período, porém não se desiluda, siga em frente buscando sua maestria. Pessoas próximas a você podem achá-lo dema- siadamente chato, isso é devido algumas de suas manias e insistências. Não deixar levar por diva- gações sem resultado vai fazer com que obtenha melhores resultados. Muita agonia será sentida se não souber dife- renciar aquilo que você quer daquilo que você precisa. A incessante busca pelo equilíbrio deve permanecer principalmente neste período. Sen- tirá dentro de você uma grande força de Vênus. Você ficará muito nervoso devido a problemas no campo das ideias, e essas confusões se arru- marão com o tempo. Momentos de raiva estarão presentes em alguns momentos. Não deixe que Lua lhe baixe o astral. Poucos momentos memoráveis durante este dia, oscilará entre o sorriso e siso, e por isso passará boa parte do tempo confuso. Nem Vênus e muito menos Plutão irão ajudar você neste aspecto, ficará por conta de você. Será que tudo que reluz é ouro? Este com certeza vai ser um questionamento presente durante boa parte do dia. A falta de uma resposta concreta é o que será a mola propulsora do resgate de suas reflexões. Contemple seus feitos de forma discreta e aja nas missões do dia de forma astuta e firme, condizentemente com o que você necessita de fato. Neste momento imaginação e trabalho em grupo se fazem necessário. Agir com praticidade, é difícil certo, então reveja suas atitudes para compreender a falta de ação positiva no seu dia. Para encontrar a luz no fim do túnel, o filho de Urano sentirá o ápice de sua capa- cidade de executar ao focar apenas no necessário. Virgem Capricórnio Câncer Escorpião Peixes Giovanna Ew- bank arrancou suspiros de seus seguidores, na tarde desta terça- -feira (16), ao com- partilhar foto em que aparece usan- do um look branco da Galeria Tricot. O clique rendeu mais de 25 mil li- kes, em apenas nove minutos de postagem."Linda", "belíssima", "que gata", foram al- guns dos comen- tários deixados pelos fãs. Carolina Oliveira aproveitou o dia ensolarado para curtir a piscina. Nas redes sociais, a atriz chegou a compartilhar belíssima foto.Na legenda, ela contou: “Curtindo uma piscininha aqui no Re- serva Imperial. O condomínio fica entre Maresias e Cambury e pertinho das praias de Juquehy, da Baleia e Barra do Say!” JORNAL CORREIO DO SUL Quarta-Feira, 17 de Janeiro de 2018
  7. 7. GISLAINE FONTOURA VariedadesVariedades JORNAL CORREIO DO SUL Quarta-Feira, 17 de Janeiro de 2018 guifontoura@hotmail.com facebook.com/gislaine.fontoura.90 *PARCELAS À PARTIR DE R$458,89 CONSÓRCIOS PARA IMÓVEIS INVISTA NOS SEUS PROJETOS DE FORMA ECONÔMICAE SEGURA www.consorciomenegalli.com.br A pequena Sara viajou com os pais, Alice e Edgar Martins, nesta segunda-feira para Brasília, lá ela vai passar por um tratamento de duas semanas, no Hospital Sarah Kubitschek. Sara tem três anos e em março do ano passado foi vítima de um choque elétrico, o acidente ocorreu na casa de sua família, em Araranguá e a menina teve paralisia cerebral. Desde então a vida de Sara, Alice e Edgar tem sido uma batalha diária, com muitas conquistas, Sarinha, que no começo se alimentava só por sonda, já não depende mais dela e também evoluiu em sua coordenação motora. Sucesso Sarinha! A protetora dos animais Evelize Rocha ganhou um novo amigo em uma das manifestações em defesa do Hospital Regional de Araranguá, em que participou e esta colunista aproveitou para fazer o registro. Confraternização de virada de ano dos trabalhadores do Centro Espírita Luz, Paz e Caridade, o mais antigo de Araranguá. O encontro aconteceu na casa da vice-presidente Meri. O Luz, Paz e Caridade funciona no bairro Cidade Alta, com palestra aberta ao público todas as quartas-feiras, às 20 horas. A engenheira ambiental Michele Pereira da Silva em um selfie lindo na Praia da Ferrugem. O casal Cleonice Canto e Ozair da Silva, curtindo o Sesc Verão em Laguna, com amigos, no último fim de semana. Para refletirmos! A imagem foi retirada da página do Facebook naosecale_ Os moradores da Cidade das Avenidas, Nilvana, Anavlin e Valdinei Cardoso, aproveitaram o fim de semana encalorado para curtir em família as delícias do Poço do Violão, em Timbé do Sul.
  8. 8. 8 PublicidadeJornal Correio do Sul Quarta-Feira, 17 de Janeiro de 2018
  9. 9. 9Segurança JORNAL CORREIO DO SUL Quarta-Feira, 17 de Janeiro de 2018 Viatura parada no centro da cidade chamou atenção de populares na manhã chuvosa de terça-feira N a manhã dessa ter- ça-feira, uma ação da Polí- cia Federal chamou aten- ção em Sombrio, após uma viatura da PF ser vista em frente a uma clínica, na rua Padre João Reitz em frente ao colégio Catulo da Paixão Cearense, no Centro da cida- de. Rapidamente populares sacaram de seus celulares e repassaram nas redes so- ciais.Areportagem do Jornal Correio do Sul buscou infor- mações para saber do que se tratava. Segundo informações, é uma ação da Polí- cia Fede- r a l cumprindo 61 mandados de busca e apreensão em 18 estados e no Distrito Federal contra fraude em importação de equipamentos médicos. Na região sul de Santa Ca- tarina teve cumprimento nas cidades de Tubarão e Sombrio. A operação foi batizada de Zona Cinzenta e segundo Sombrio Zona Cinzenta Polícia Federal cumpre mandado em clínica a PF é a segunda fase da Operação Equipos, que bus- ca identificar organização criminosa que usa a aduana de Dionísio Cerqueira no oeste de Santa Catarina para contrabando. Segundo infor- mações, foram apreendidos equipamentos em Sombrio. Em conversa com os res- ponsáveis pela clínica som- briense, teria sido comprado em 2011 um equipamento de fornecedores do Rio Grande do Sul e São Paulo, e foi devido esse equipamento que a administração preferiu não especificar que a Polícia Federal realizou a diligência. Ainda segundo os responsá- veis pelo estabelecimento, o equipamento nem mesmo chegou a funcionar, e foi preciso, inclusive, comprar outro. A administração da clínica, ao procurar os for- necedores, descobriram que eles simplesmente desapare- ceram. Após a diligencia da PF, a clínica voltou a funcio- nar normalmente. Ainda de acordo com a Polícia Federal, foram cum- pridos mandados em Santa Catarina, Alagoas, Amapá, Bahia, Espirito Santo, Goiás, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Minas Gerais, Pa- raíba, Pernambuco, Paraná, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Roraima, São Paulo, Sergipe e no Distrito Federal. cia Federal chamou aten- ção em Sombrio, após uma viatura da PF ser vista em frente a uma clínica, na rua Padre João Reitz em frente ao colégio Catulo da Paixão tratava. Segundo informações, é uma ação da Polí- cia Fede- r a l nas cidades de Tubarão e Sombrio. A operação foi batizada de Zona Cinzenta e segundo mações, foram apreendidos equipamentos em Sombrio. Em conversa com os res- ponsáveis pela clínica som- briense, teria sido comprado em 2011 um equipamento de
  10. 10. 10 PublicidadeJornal Correio do Sul Quarta-Feira, 17 de Janeiro de 2018
  11. 11. 11Publicidade Jornal Correio do Sul Quarta-Feira, 17 de Janeiro de 2018
  12. 12. 12 SegurançaJornal Correio do Sul Quarta-Feira, 17 de Janeiro de 2018 Balanço Gislaine Fontoura Araranguá DIC de Araranguá prende mais de 100 criminosos em 2017 A Divisão de I n v e s t i g a - ção Criminal (DIC) da Po- lícia Civil de Araranguá, coordenada pelo delegado Lucas Rosa, divulgou o balanço das atividades reali- zadas por seus agentes no ano passado e as prisões por homi- cídio, tráfico de drogas e roubo lideram o ranking, evidenciando o grande esforço da delegacia especializada no combate aos crimes graves. Também no ano passado, os policiais da DIC cumpriram 81 mandados de busca e apreensão, expedidos pelo Poder Judiciário. Prisões De 1º de janeiro de 2017 a 31 de dezembro do mesmo ano foram realizadas 60 prisões em flagrante e 46 prisões em decorrência de cumprimento de mandados de pri- são, pelos policiais da DIC. Das 60 prisões em flagrante, 46 foram por tráfico de drogas e seis por roubo, crimes considerados graves, o número de prisões em flagrante por porte de arma de fogo e munição realizado pela DIC também chegou a seis, seguido de uma prisão por extorsão e uma por receptação. Das 46 prisões por força de mandado judicial, cumpridas pelos agentes da DIC em 2017, 12 foram por crimes contra a vida - tentativa de homicídio ou homicídio; dez por roubo e sete por tráfico de entorpecentes. As outras 17 prisões foram: duas por estupro, duas por posse de arma ou munição, duas por receptação, duas por estelionato e 13 por crimes diversos, como uso de documento falso, furto e dívida de pensão alimentícia. Ainda, três mandados de busca e apreensão de adolescentes foram cumpridos pelos agentes da delegacia especializada. Apreensões Em 2017 os agentes da DIC de Araranguá apreenderam mais de 800 gramas de cocaína; quase 3 quilos e meio de maconha; 360 gramas de crack, entre elas 907 pedras; 35 micropontos de LSD e 228 comprimidos de ecstasy.ADIC também apreendeu e tirou de circulação 15 armas de fogo e 144 munições. Também, R$ 28.804,15, em dinheiro oriundo do crime foi apreendido pelos agentes da delegacia especializada. Bens recuperados No ano de 2017 um grande número de baterias de antenas de telefone celular foi recuperado pela DIC - ao todo 133, além de seis telefones celulares e cinco veículos, que puderam ser restituídos aos seus proprietários. “O ano de 2017 foi muito produtivo, conseguimos alcançar números importantes para a segurança dos cidadãos. Neste ano que se inicia vamos continuar firmes, na luta diária contra os criminosos”, declarou o delegado Lucas Rosa.
  13. 13. 13Segurança Jornal Correio do Sul Quarta-Feira, 17 de Janeiro de 2018 Um assalto foi registrado em uma farmácia, no bairro São Luiz, em Sombrio, onde por volta do meio dia de terça-feira um rapaz teria abordado a proprietária do estabelecimento, que estava indo para casa almoçar. O criminoso falou para mulher, que necessitava comprar ur- gentemente alguns remédios. Adona da farmácia, inocente, não vendo as más intenções do homem, retornou e abriu a farmácia para atender o rapaz. Foi o momento que o bandido anunciou o assalto e fingindo estar com uma arma por baixo da roupa, obrigou a mulher de 35 anos a entregar todo dinheiro existente no caixa, inclusive as moedas. Após isso, o bandido saiu correndo, subiu na bicicleta e fugiu. A mulher, que nunca tinha sido assaltada, ficou em estado de choque, e depois orientada pelo esposo, fez um boletim de ocorrência na Polícia Civil de Sombrio. A polícia, então, iniciou a investigação, e rapidamente chegou ao autor do crime. Após apurar informações, a Polícia Civil foi até o bairro No final da tarde desta terça-feira, a Divisão de In- vestigação Criminal (DIC) da Polícia Civil deAraranguá recuperou uma motocicleta furtada nas primeiras horas da manhã do mesmo dia em Criciúma. Conforme infor- mações do delegado Lucas Rosa, coordenador da DIC, a motocicleta CG Honda Fan, de cor preta, foi furtada no bairro no bairro Brasília e em diligências, no perío- do da tarde, os policiais da DIC de Araranguá tomaram conhecimento que ela estava na localidade de Lagoa do Caverá. Diante dos fatos, o de- legado Lucas e os agentes da DIC se deslocaram até a O s Direitos Hu- manos englo- bam o direito à vida e à liberdade.Aliberda- Em Subseção da OAB Polícia Civil prende assaltante poucas horas após o crime No mesmo dia: Polícia Civil recupera motocicleta furtada Januária, na casa de Leandro Correia de Matos, de 25 anos, que já tem passagem pela po- lícia e é alvo de reclamação da população nas redes sociais, conhecido por pedir dinheiro na cidade. Leandro foi encon- trado escondido em um paiol, atrás de sua casa, e recebeu voz de prisão sendo conduzi- do para delegacia da Polícia Civil, preso em flagrante por roubo. Segundo Luís Otávio Pohlmann, o roubo seria para Lagoa do Caverá e tiveram êxito em localizar a moto- cicleta. Em ato contínuo, um homem de 31 anos, que estava na posse do veículo foi conduzido para a delegacia e contou que adquiriu a moto- cicleta por meio de um anún- de de opinião e expressão, ao trabalho, à educação, entre muitos outros. Todos devem ter garantidos esses direitos, com o reconhecimento de suas diferenças e sem dis- o consumo de drogas. A vítima falou com a reportagem e disse que ficou muito surpresa e grata com a ação rápida da Polícia Civil, pois mesmo com a sensação de insegurança deixada pela ação criminosa do bandido, os agentes, em poucas ho- ras, conseguiram desvendar o crime e prender o autor, dando uma resposta rápida à sociedade sobre o crime cometido. cio na rede social Facebook. A Polícia Civil continua as investigações, para apurar a autoria do furto e, ao final do Inquérito Policial, o morador da Lagoa do Caverá poderá ser autuado pelo crime de receptação. criminação. Com esse espírito de compromisso com a pro- fissão e com a sociedade, advogadas se reuniram na última quinta-feira, dia 11, Araranguá Sombrio Gislaine Fontoura Araranguá Advogadas formalizam Comissão de Direitos Humanospara formalizar a Comissão de Direitos Humanos da Subseção da OAB de Ara- ranguá e planejar ações para o ano. Fazem parte desta Co- missão: Sayonara de Araújo Pessoa, Paula de Bem, Sara deAraújo Pessoa,Ana Caro- lina Cândido Ricardo,Vivian Marroni, Lígia Luchtemberg Mota Tobias, e Gislane de Farias. Segundo a presidente da Comissão, a advogada Sayonara de Araujo Pessoa, as ações planejadas para 2018 incluem a elaboração de estatuto, a criação de uma página virtual para a divulgação dos mecanismos de proteção destes direi- tos e também de casos em que ocorre a sua violação. “Haverá a promoção de seminários e encontros, vi- sando ao esclarecimento das pautas de direitos humanos e promoção dos meios de sua defesa, e criação de um canal com a comunidade que viabilizem o reconhecimento de denúncias de violação dos Direitos Humanos para que se tome as medidas adequadas em cada caso”, esclareceu Sayonara. A próxima reunião da Comissão será realizada no dia 22 de fevereiro.
  14. 14. Futebol suíço segue nesta noite com dois grandes jogos Araranguá 04-08-35-38-46-48 11-18-22-25-30-46 CONCURSO 1.744 DUPLA SENA 16/01 11-21-33-59-62 CONCURSO 4.5182 QUINA 16/01 JORNAL CORREIO DO SUL Quarta-Feira, 17 de Janeiro de 2018 N anoitedes- ta quarta- -feira,mais dois jogos s e g u e m pelo campeonato de futebol suíço no Balneário Morro dos Conventos, categoria livre.As quatro equipes que irão entrar em campo nesta noite, são as mesmasquefizeramaabertura da competição e agora farão suas segundas partidas no campeonato deste ano. Naprimeirapartidadanoi- te, às 19h45min, se enfrentam Cruzeiro x Verdinho/Mara- cajá. A equipe do Cruzeiro empatou na estreia contra o atual campeão, esse ano vem com um time de jovens e base da cidade de Meleiro. Já o Verdinho veio com sua base e algumas peças de Maracajá, perdeu a primeira partida, mas conta com uma boa equipe e precisa vencer. Na segunda partida, às 21h, talvez a mais aguardada da noite, em campo o Inter- lagos/Imóveis Bitencourt/ Maciel Assessoria Imprensa xRafaCabeleireiro/LuckBerg Veiculos/Carminatti. O Inter- lagos time local, esse ano veio com reforços, veio forte para a competição, estreou com vitó- ria, sabe que se ganhar estará já praticamente classificado. O atual campeão Rafa, sempre é favorito, tropeçou no primeiro jogo mas precisa vencer nesta noite. Arroio do Silva E as competições não param também no Balneário Arroio do Silva. Na noite des- ta quarta-feira, acontece mais uma rodada do campeonato de futebol sintético, catego- ria máster, na Praça Fábio Borges. Essa será a segunda rodada da categoria. Às19h15minjogamBola Facera/Máster AEC x SNW FC/Campos Embalagens. As duas equipes venceram na estreia. Em seguida se enfren- tam Clube de Jovens x Cesta Básica Tia Vena, a equipe do Clube de Jovens perdeu o pri- meiro jogo, já aTiaVena atual campeão, venceu de goleada na estreia. Fechando a rodada, às 21h30min jogam Mercado Fernandes x Céu Azul. As duas equipes perderam nos primeiros jogos e precisam vencer nesta rodada. Noite de três jogos no sintético Máster na Praça Fabio Borges
  15. 15. Campingsediacampeonatodeslackline Timbé do Sul 15Geral Jornal Correio do Sul Quarta-Feira, 17 de Janeiro de 2018 A conteceu no início do mês, no Balneário e Camping Poço do Caixão, o primeiro campeonato de Slackline, com diferencial de ter sido realizado sobre as águas da belíssima piscina natural do balneário. A competição teve início às 13 horas, e se estendeu até o início da noite, com duas categorias,Amador e Experiente,além de premiação para o três primeiros colocados de cada categoria. O Slackline, é um esporte que vem ganhando seu espaço a cada dia, e com toda certeza encontrará as portas do município abertas para a prática. Em nome da PMTS e da Secretaria de Turismo, a coordenação agradece ao Poço do Caixão pelo espaço cedido e pela parceria. EDITAL DE INTIMAÇÃO ARLINDO EDÍLIO DA ROSA, Titular do TABELIONATO DE NOTAS E PROTESTOS DE TÍTULOS desta ComarcadeSombrio,situadonaAv.NereuRamos,1300-Fone(48)3533-0318-CEP88960-000,atendimento das 08:00h - 12:00h e 14:00h - 18:00h, faz saber na forma da Lei aos que o presente EDITAL virem, que se encontram nesse tabelionato para serem protestados, decorrido o prazo legal de 03 (três) dias úteis, por não terem sido encontrados nos endereços fornecidos, ou por se recusarem a tomar conhecimento, os títulos cujos responsáveis estão abaixo discriminados. Ficam esclarecidos, também, de que nesse mesmo prazo poderão apresentar resposta escrita, que não impedirá a lavratura do protesto. PROT.............................................................APRESENTANTE / CNPJ DEVEDOR / CNPJ Prot: 165139; Devedor(es): JAIRO GIOVANNI FREITAS COELHO - 580.091.169-04, End: Estrada Geral, S/N, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: AYMORE CREDITO, FINANCIAMENTO E INVESTIMENTO; Sac:AYMORE CREDITO, FINANCIAMENTO E INVESTIMENTO; Tit: 00317704540 ;Apr: PORTAL DE DOCUMENTOS S/A; VEN: 22/09/2017; Esp: Cédula de Crédito Bancária por Indicação; Val: R$ 3.401,98 + Juros Legais (1% a.m.); Emol.: R$ 79,49. Apontamento R$ 17,00 - Selo R$ 1,90 - Distribuição R$ 0,00 - Diligência R$ 52,20 - Condução R$ 10,29 - Digitalização R$ 0,00- Total Emolumentos R$ 79,49. Prot: 163648; Devedor(es): MARCIO SILVADOS SANTOS - 900.204.720-72, End: Capela N.S. da Luz, 3961, MonteAlegre dos Campos;Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: QUINTINO BARBOSADOMINGOS; Sac: ; Tit: ÚNICA ; Apr: QUINTINO BARBOSA DOMINGOS; VEN: 09/10/2017; Esp: Nota Promissória; Val: R$ 490,00 + Juros Legais (1% a.m.); Emol.: R$ 57,08. Apontamento R$ 17,00 - Selo R$ 1,85 - Distribuição R$ 0,00 - Diligência R$ 33,00 - Condução R$ 7,08 - Digitalização R$ 0,00- Total Emolumentos R$ 57,08. Prot: 165198; Devedor(es): SIDNEI SILVEIRA REUS - 939.177.599-34, End: Rua Aires Medeiros de Souza, 310, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: POSTO RECANTO LTDA EPP; Sac: POSTO RECANTO LTDA EPP; Tit: 850087/4 ; Apr: COOPERATIVA DE CREDITO DE LIVRE ADMISSAO; VEN: 15/09/2017; Esp: Duplicata Venda Mercantil por Indicação; Val: R$ 500,00 + Juros Legais (1% a.m.); Emol.: R$ 58,08. Apontamento R$ 17,00 - Selo R$ 1,90 - Distribuição R$ 0,00 - Diligência R$ 34,00 - Condução R$ 7,08 - Digitalização R$ 0,00- Total Emolumentos R$ 58,08. Prot: 165199; Devedor(es): SIDNEI SILVEIRA REUS - 939.177.599-34, End: Rua Aires Medeiros de Souza, 310, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: POSTO RECANTO LTDA EPP; Sac: POSTO RECANTO LTDA EPP; Tit: 850087/5 ; Apr: COOPERATIVA DE CREDITO DE LIVRE ADMISSAO; VEN: 02/10/2017; Esp: Duplicata Venda Mercantil por Indicação; Val: R$ 500,00 + Juros Legais (1% a.m.); Emol.: R$ 58,08. Apontamento R$ 17,00 - Selo R$ 1,90 - Distribuição R$ 0,00 - Diligência R$ 34,00 - Condução R$ 7,08 - Digitalização R$ 0,00- Total Emolumentos R$ 58,08. Prot: 165200; Devedor(es): SIDNEI SILVEIRA REUS - 939.177.599-34, End: Rua Aires Medeiros de Souza, 310, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: POSTO RECANTO LTDA EPP; Sac: POSTO RECANTO LTDA EPP; Tit: 850091/1 ; Apr: COOPERATIVA DE CREDITO DE LIVRE ADMISSAO; VEN: 16/10/2017; Esp: Duplicata Venda Mercantil por Indicação; Val: R$ 500,00 + Juros Legais (1% a.m.); Emol.: R$ 58,08. Apontamento R$ 17,00 - Selo R$ 1,90 - Distribuição R$ 0,00 - Diligência R$ 34,00 - Condução R$ 7,08 - Digitalização R$ 0,00- Total Emolumentos R$ 58,08. Prot: 165201; Devedor(es): SIDNEI SILVEIRA REUS - 939.177.599-34, End: Rua Aires Medeiros de Souza, 310, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: POSTO RECANTO LTDA EPP; Sac: POSTO RECANTO LTDA EPP; Tit: 850091/2 ; Apr: COOPERATIVA DE CREDITO DE LIVRE ADMISSAO; VEN: 02/11/2017; Esp: Duplicata Venda Mercantil por Indicação; Val: R$ 500,00 + Juros Legais (1% a.m.); Emol.: R$ 58,08. Apontamento R$ 17,00 - Selo R$ 1,90 - Distribuição R$ 0,00 - Diligência R$ 34,00 - Condução R$ 7,08 - Digitalização R$ 0,00- Total Emolumentos R$ 58,08. Prot: 165202; Devedor(es): SIDNEI SILVEIRA REUS - 939.177.599-34, End: Rua Aires Medeiros de Souza, 310, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: POSTO RECANTO LTDA EPP; Sac: POSTO RECANTO LTDA EPP; Tit: 850091/3 ; Apr: COOPERATIVA DE CREDITO DE LIVRE ADMISSAO; VEN: 16/11/2017; Esp: Duplicata Venda Mercantil por Indicação; Val: R$ 500,00 + Juros Legais (1% a.m.); Emol.: ESTADO DE SANTA CATARINA MUNICÍPIO DE SOMBRIO FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE CHAMADA PÚBLICA PARA CREDENCIAMENTO Nº 001/2018-FMS Fundamento Legal: Lei Federal nº. 8.080, de 19 de setembro de 1990, Portaria nº. 1286/93 do Ministério da Saúde e Lei Federal nº 8.666, de 21 de junho de 1993 e demais legislações aplicáveis. Objeto: Chamada Pública para credenciamento de Laboratórios de Análises Clínicas a serem contratados por inexigibilidade de licitação para prestação dos serviços de REALIZAÇÃO DE EXAME AMBULATORIAL CITOPATOLÓGICO CERVICO-VAGINAL/MICROFLORA (TABELA SUS), no atendimento aos serviços de saúde ofertados pela Rede Municipal de Saúde aos usuários do SUS – Sistema Único de Saúde, usando como referência os procedimentos e valores do Grupo 02, Subgrupo 03, constantes na tabela de exames laboratoriais do Sistema de Informações Ambulatoriais do Sistema Único de Saúde (SIA/SUS) - Tabela Unificada de Procedimentos (SIGTAP), conforme Anexo I deste Edital, pelo prazo de até 60 meses contados da primeira publicação deste edital. A entrega dos envelopes de nº 01 e 02 será realizada na sede da Prefeitura Municipal de Sombrio/SC. O Edital e demais informações poderão ser obtidas na Prefeitura Municipal de Sombrio,Avenida Nereu Ramos, nº 861, Centro, de segundas às sextas feiras das 08h00min às 13h00min. Sombrio - SC, em 16 de Janeiro de 2018. Gislane Dias da Cunha Secretaria do Fundo Municipal de Saúde R$ 58,08. Apontamento R$ 17,00 - Selo R$ 1,90 - Distribuição R$ 0,00 - Diligência R$ 34,00 - Condução R$ 7,08 - Digitalização R$ 0,00- Total Emolumentos R$ 58,08. Prot: 165203; Devedor(es): SIDNEI SILVEIRA REUS - 939.177.599-34, End: Rua Aires Medeiros de Souza, 310, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: POSTO RECANTO LTDA EPP; Sac: POSTO RECANTO LTDA EPP; Tit: 850091/4 ; Apr: COOPERATIVA DE CREDITO DE LIVRE ADMISSAO; VEN: 01/12/2017; Esp: Duplicata Venda Mercantil por Indicação; Val: R$ 500,00 + Juros Legais (1% a.m.); Emol.: R$ 58,08. Apontamento R$ 17,00 - Selo R$ 1,90 - Distribuição R$ 0,00 - Diligência R$ 34,00 - Condução R$ 7,08 - Digitalização R$ 0,00- Total Emolumentos R$ 58,08. Prot: 165204; Devedor(es): SIDNEI SILVEIRA REUS - 939.177.599-34, End: Rua Aires Medeiros de Souza, 310, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: POSTO RECANTO LTDA EPP; Sac: POSTO RECANTO LTDA EPP; Tit: 850091/5 ; Apr: COOPERATIVA DE CREDITO DE LIVRE ADMISSAO; VEN: 15/12/2017; Esp: Duplicata Venda Mercantil por Indicação; Val: R$ 500,00 + Juros Legais (1% a.m.); Emol.: R$ 58,08. Apontamento R$ 17,00 - Selo R$ 1,90 - Distribuição R$ 0,00 - Diligência R$ 34,00 - Condução R$ 7,08 - Digitalização R$ 0,00- Total Emolumentos R$ 58,08. Prot: 165205; Devedor(es): SIDNEI SILVEIRA REUS - 939.177.599-34, End: Rua Aires Medeiros de Souza, 310, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: POSTO RECANTO LTDA EPP; Sac: POSTO RECANTO LTDA EPP; Tit: 850092/1 ; Apr: COOPERATIVA DE CREDITO DE LIVRE ADMISSAO; VEN: 02/01/2018; Esp: Duplicata Venda Mercantil por Indicação; Val: R$ 500,00 + Juros Legais (1% a.m.); Emol.: R$ 58,08. Apontamento R$ 17,00 - Selo R$ 1,90 - Distribuição R$ 0,00 - Diligência R$ 34,00 - Condução R$ 7,08 - Digitalização R$ 0,00- Total Emolumentos R$ 58,08. Certifico, para os devidos fins, que o presente edital foi afixado no mural da serventia em: 17/01/2018. Sombrio - SC, 17/01/2018 Publicações Legais
  16. 16. QUARTA-FEIRA, 17 DE JANEIRO DE 2018

×