O slideshow foi denunciado.
Seu SlideShare está sendo baixado. ×

Jornal digital 04 09-2018

Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Juiz do Trabalho
Ricardo Jahn inicia
série de artigos no
Correio do Sul
Condenados integrantes
de organização
criminosa de...
Candidatura àAssembleia Legislativa de Silvia
Regina da Silva, do Progressista de Balneário
Arroio do Silva, parece longe ...
3Geral Jornal Correio do Sul
Terça-feira, 4 de Setembro de 2018
G.C.S LTDA - ME CNPJ 17.467.695/0001-19
Comercial:
l48l 35...
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Próximos SlideShares
Jornal digital 14 07-17
Jornal digital 14 07-17
Carregando em…3
×

Confira estes a seguir

1 de 16 Anúncio

Mais Conteúdo rRelacionado

Diapositivos para si (20)

Semelhante a Jornal digital 04 09-2018 (20)

Anúncio

Mais de Jornal Correio do Sul (20)

Mais recentes (20)

Anúncio

Jornal digital 04 09-2018

  1. 1. Juiz do Trabalho Ricardo Jahn inicia série de artigos no Correio do Sul Condenados integrantes de organização criminosa de Araranguá que atuava no Buraco Quente Correio do SulANO XXVIII EDIÇÃO Nº 5.490 R$ 2,00 www.grupocorreiodosul.com.br 19º14º Sol com muitas nuvens. Períodos de céu nublado com chuva. À noite o tempo fica firme. Previsão para hoje Extremo Sul Catarinense Página 11 Página 3 Página 10 TERÇA-FEIRA, 4 DE SETEMBRO DE 2018 HOMEM É ASSASSINADO EM ARARANGUÁ Página 11 Série “Os livros que nós devemos ler” traz “Cônego João Adão Reitz”
  2. 2. Candidatura àAssembleia Legislativa de Silvia Regina da Silva, do Progressista de Balneário Arroio do Silva, parece longe de decolar. Não se observa nenhuma ressonância de seu nome junto às bases de seu partido na região, e nem mesmo em seu município. A bem da verdade, conversei com alguns vereadores do Progressista aqui do Extremo Sul e todos disseram que sequer sabiam da existência de tal candidatura. Em princípio, todo o partido parece fechado com o projeto de reeleição do deputado estadual José Milton Scheffer (PP), sem deixar margem para o projeto de Silvia, e tampouco para candidaturas da sigla vindas de fora. Presidente do DEM de Sombrio, Jair de Souza Cândido, o Pingo, diz que não pretende seguir determinação nacional do partido, que tem orientado voto em Geraldo Alckmin (PSDB) à Presidência da República. De acordo com ele, seu voto, e de toda sua família, será em Jair Bolsonaro (PSL). “Acho que chegou a hora de darmos um basta em tudo o que está ai. O único diferencial que temos hoje disputando a Presidência é a candidatura do Bolsonaro”, comenta. Em relação às demais candidaturas, Pingo diz que está com Zé Milton Scheffer (PP) a estadual, e com Esperidião Amin (PP) ao Senado, pelo fato de GeraldoAlthoff (DEM) estar disputando como suplente deste. “No mais está tudo em aberto”, comenta. D esacreditados pela grande massa de eleitores do país, uma significativa parcelas dos políticos, que estão concor- rendo a cargos eletivos neste ano, têm feito questão de descredibilizar o Estado. Neste sentido, o que não faltam são as famosas propostas de cunho liberal, que estiveram tão em voga na década de 1990, quando os governos se viram incapazes de resolver as mazelas sociais e econômicas diante da nova ordem mundial. Agora, em que pese a notória falência do Estado, nitidamente há um forte movimento para descredibilizar a essência dos governos, enquanto poder regulador da sociedade. De uma hora para outra, não são mais os políticos os responsáveis pelos desgovernos, e sim o governo o responsável pelos maus políticos. Por esta lógica, a campanha eleitoral deste ano, de forma quase generalizada, tem batido na tecla de que, em se acabando com a estrutura estatal também se acaba com os maus políticos. De fato, não deixa de ser uma verdade. O problema é que a melhor verdade seria aquela em que os políticos normatizassem o Estado para que ele funcionasse como deveria funcio- nar, sem a necessidade de aniquilá-lo. Afinal de contas, não faz sentido eleger políticos, se eles têm predileção por acabar com aquilo que o obrigará a trabalhar. Líderes do Progressista em nossa região têm orientadoseuscorreligionáriosavotaremGeraldo Alckmin (PSDB) à Presidência da República, por óbvio, por conta do fato da senadora gaúcha Ana Amélia Lemos (PP) ser a candidata a vice do tucano. Problema é que em Santa Catarina a candidatura deAlckmin vem sendo bancada pelo MDB e pelo PSDB, partidos que estão aliados no projetodeeleiçãoaoGovernodoEstadodeMauro Mariani (MDB). O Progressista, por sua vez, está com Gelson Merisio (PSD). O partido de Merisio também está apoiando Geraldo Alckmin à Presi- dência. Problema é que se ele começar a enfatizar isto acabará trabalhando por tabela para Mariani. Sargento Mariozam Pereira, que disputa a Câmara Federal pelo Patriota de Sombrio, está se dizendo surpreso com a receptividade a seu projeto político. “Tenho observado que a des- crença no meio político é generalizada, mas, por outro lado, projetos novos, como o meu, tem tido uma boa aceitação junto à sociedade”, comenta o candidato. Nascido em Jacinto Machado, e radi- cado em Sombrio há 26 anos, Mariozam diz que está apostando na retomada da consciência dos eleitores. “Se a população quiser mesmo mudar o quadro político atual, alternativas é o que não falta.Agora,paraisto,éprecisoapostaremnomes novos, principalmente naqueles que já provaram seu compromisso com a sociedade através de outras formas”, comenta o Sargento. Rolando Christian CoelhoRolando Christian Coelho Jornal Correio do Sul Terça-feira, 4 de Setembro de 2018 rolando_coelho@hotmail.com (48) 99945.6787 POLÍTICA NOTAS Encurralados, candidatos atacam o próprio Estado MPSC questiona LAC O Ministério Público de Santa Catarina (MPSC) ingressou com Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADIn) contra a lei estadual que alterou o Código Ambiental de Santa Catarina e criou a Licença Ambiental por Adesão e Compromisso (LAC), via internet. O auto licen- ciamento ambiental permite o início da atividade que, no entendimento do MP, não tem qualquer controle prévio por parte do órgão ambiental competente. No material divulgado ontem à tarde, o Ministério Público classifica a LAC como “um risco ao meio ambiente por eliminar etapas essenciais no processo de licenciamento estabelecidas pela União”. O Li- cenciamento Ambiental por Adesão e Compromisso foi lançado na semana passada na Federação das Indústrias (Fiesc) e tratado como uma solução para dar celeridade aos processos para empresas cujas atividades apresen- tam baixo risco. Mas, pelo procurador-geral de Justiça, Sandro José Neis, e pelo coordenador do Centro de Apoio Operacional de Controle da Cons- titucionalidade do MPSC (Ceccon), procurador de Justiça Durval da Silva Amorim, o Estado não possui competência para criar licença ambiental nos moldes propostos. No texto da Adin o MPSC pede que a lei seja de- clarada inconstitucional no julgamento, que pode ocorrer a partir desta semana com a inclusão do parecer do Ministério Público no processo, uma vez que não cabe mais manifestação do Estado na ação. Sem dúvida, se a ação anular os efeitos da lei que criou o LAC, o setor produtivo catarinen- se, que comemorava a medida, vai passar por uma frustração. Suplente assumida! Ivete Appel da Silveira (MDB), viúva do ex- -governador Luiz Henrique da Silveira, está com a corda toda nesta campanha eleitoral. Primeira suplente de Jorginho Mello (PR) ao Senado Federal pela coligação “Santa Cata- rina Quer Mais”, dona Ivete tem percorrido todo estado para apoiar a eleição de seu ti- tular, além de Mauro Mariani ao governo do Estado e de Paulo Bauer também ao Senado. Ela já participou de reuniões em Joaçaba, Joinville, Araquari e Florianópolis, para citar apenas algumas cidades. E tem deixado claro que não será “suplente decorativa”. Já está combinado que vai assumir o mandato por alguns períodos e ajudará na decisão sobre emendas para o Norte do estado, assim como o se- gundo suplente, Beto Martins, vai ajudar nas definições para o Sul. RafaelWiethorn Por Andréa Leonora redacao@peloestado.com.br 04/Set/2018 A Coluna Pelo Estado, como ferramenta de integração editorial dos diários associados e parceiros da Associação de Diários do Interior (ADI-SC), é parte do projeto Cobertura Eleições SC 2018 – Jornais Impressos e Digitais, realizado em parceria com a Associação dos Jornais do Interior (Adjori-SC) e com a participação do SCPortais de Notícias (scportais.com.br) e da Rede Catarinense de Notícias (rcnonline.com.br). ENTREVISTA Camasão - Candidato ao Governo do Estado - PSOL Nos primeiros dias de cada semana, a Coluna Pelo Estado vai publicar breves entrevistas com os candidatos ao governo do Estado, seguindo ordem alfabética conforme nome de urna. Entre os temas apresentados, o candidato pelo Partido Socialismo e Liberdade (PSOL), Camasão, escolheu falar sobre “Justiça social e reformas trabalhista e previdenciária”. [PeloEstado] - Uns dependem que a justiça social só será possível com as reformas trabalhista e previdenciária. Outros afirmam o contrário. Qual a sua posição? Camasão – A reforma trabalhista, que já foi aprovada, é um grande desserviço para o país. Aprovaram com a desculpa de modernização da economia, mas o que vemos é o aumento do desemprego e das situações de precariedade de trabalho, assim como a desistência e a queda abrupta na Justiça do Trabalho, pelo veto ao acesso gratuito à Justiça imposto por esta lei, o que entendemos como inconstitucional. Queremos a revogação imediata dessa lei como forma de reverter o cenário de desesperança. Em um governo do estado temos pouca ingerência sobre uma lei federal, mas vamos pressionar o presidente da República eleito para revogar a reforma, rejeitada por 70% dos brasileiros segundo pesquisas. [PE] - Mas é uma questão de competitividade, de reduzir o custo Brasil. Camasão – Não adianta ter um custo Brasil bom para o mercado internacional, se o poder de compra das pessoas cai, se há desemprego, se o jovem não tem expectativa de futuro, se o nosso povo passa fome. Existem bons exemplos na Europa e em outras partes do mundo que desmentem os que defenderam a reforma trabalhista. [PE] - E em relação à previdenciária? Camasão – Ter barrado a reforma da previdência foi uma grande vitória do movimento social, do movimento sindical e do povo brasileiro. As pessoas contribuem para a Previdência e não se pode admitir que o governo dê o calote . DivulgaçãoPSOL-SC
  3. 3. 3Geral Jornal Correio do Sul Terça-feira, 4 de Setembro de 2018 G.C.S LTDA - ME CNPJ 17.467.695/0001-19 Comercial: l48l 3533.0870 comercial@grupocorreiodosul.com.br ali@grupocorreiodosul.com.br Diretor Geral diretor@grupocorreiodosul.com.br Redação: Gislaine Fontoura editor@grupocorreiodosul.com.br Publicações legais: tomaz@grupocorreiodosul.com.br Financeiro financeiro@grupocorreiodosul.com.br Diagramação/Arte: Cristian Mello cristian@grupocorreiodosul.com.br Sul Gráfica sulgrafica@grupocorreiodosul.com.br Circulação/Assinatura l48l 3533.0870 assinaturas@grupocorreiodosul.com.br OAB traz jurista para palestras na região Reforma tributária e Custo Brasil A convite do presi- dente da Ordem dos Advogados do Brasil, subseção de Som- brio, André Barreto, empre- sários da região assistiram palestra com um dos mais renomados estudiosos de te- mas como reforma tributária e o chamado Custo Brasil. O jurista Felipe Lückmann Fa- bro, de Florianópolis, esteve em Araranguá e Sombrio, onde fez um apanhado so- bre o panorama atual dessas questões e outras que ele acompanha bem de perto. Dr. Felipe Fabro, por exem- plo, integra o grupo que está discutindo mudanças no Código Comercial. “São temas importantes para o empresariado, e tivemos a honra de convidar e receber a visita do dr.Fabro, que con- cordou em conversar com empreendedores locais”, disse André Barreto. O jurista esteve na Aci- va (Associação Empresarial de Araranguá), se reuniu também com empresários em Sombrio e deu uma en- Marivânia Farias Sombrio/Araranguá trevista na Rádio 93.3 FM. Fabro enfatizou que empre- ender é caro no Brasil, e que o setor empresarial perde muito tempo para prestar informações exigidas por vários órgãos governamen- tais. “O custo de tudo isso é repassado ao consumidor”, lamentou. Quanto à sonegação fiscal, a informação é boa. O palestrante crava em cinco anos para acabar a sonega- ção no Brasil. “Isso é posi- tivo porque a concorrência será legal. Hoje, aqueles que pagam seus impostos, têm desvantagem em relação a quem não paga e por isso pode cobrar menos”, disse. O presidente da OAB de Sombrio afirma que a fisca- lização tributária é bastante eficiente no país, diferente de tantos outros serviços públicos. Portanto, é acon- selhável que quem ainda não trabalha na legalidade, comece a fazê-lo. Felipe Lückmann Fa- bro aborda ainda assuntos relacionados a proteção pa- trimonial, economia tribu- tária e sucessão familiar. “Administrar o patrimônio construído ao longo da vida e assegurar a perfeita gestão de seus frutos em uma suces- são tranquila para herdeiros e comandados são medidas de prudência e economia, mas de difícil execução”, escreveu em um dos tantos artigos que já publicou. Ele é advogado e bacharel em Relações Internacionais. Membro da Comissão de Juristas responsável pela elaboração de anteprojeto do novo Código Comer- cial Brasileiro, nomeado por Ato do Presidente do Senado Federal, membro O trabalho é essencial para a vida, promoção e felicidade das pessoas. Na Constituição Federal, art. 1º, é apontado como um dos fundamentos de nossa República, o que demonstra a importância que o trabalho tem para uma nação como valor social; no art. 3º, consta que os objetivos da nação são construir uma sociedade livre, justa e solidária, ga- rantir o desenvolvimento nacional, erradicar a pobreza e a marginalização, reduzindo as desigualdades sociais e regionais, bem como promover o bem de todos sem preconceitos ou outras formas de discriminação; no art. 6º, registra que o trabalho é um direito social; no art. 170 estabelece que a ordem econômica é fundada na valorizaçãodotrabalhohumano,nalivreiniciativae,tem porfim,asseguraraexistênciadignadetodasaspessoas; no art. 7º, elenca diversos direitos dos trabalhadores. Isso, por si só, já demonstra a importância atribuída ao trabalho e ao trabalhador, pela Lei Maior. Aliás, a proteção da dignidade da pessoa humana nostextosconstitucionaisdospaísesocidentais,noperí- odopós-guerra,importounaampliaçãodesuaproteção no âmbito das relações de trabalho. Assim, a partir do séculoXX,otrabalhoadquireumcarátermaisdignifican- te, inclusive em relação à pessoa do trabalhador. Deste modo, o trabalho digno será aquele que garanta saúde e segurança ao trabalhador, além de remuneração que lhe garanta um patamar mínimo de existência. Soboaspectogeral,otrabalhoégeradorderiqueza para a sociedade, fundamental para o desenvolvimento de uma nação, crescimento e fortalecimento da econo- mia das empresas e pessoas, o que resulta na melhoria das condições sociais e econômicas. Sob o aspecto individual é essencial para o crescimento do indivíduo, formação do cidadão, melhoria da condição social e econômica do trabalhador, sustento da família, além da melhoria da qualidade de vida. Portanto, a finalidade do trabalho não deve trilhar caminho diverso do previsto na Constituição Federal. Noentanto,verificamosqueotrabalho,semasdevi- dascondiçõesecuidados,sejaporpartedoempregador ou por parte do empregado, ao contrário de assegurar a existência digna do trabalhador, tem ocasionado muita dor e sofrimento a este, sua família e sociedade em geral. O trabalho deve servir para ser base de estru- turação social, com base no que consta como princípio, fundamento, objetivos constitucionais, e não de morte/ adoecimento dos trabalhadores. Assim, a sequência de artigos pretende propiciar uma reflexão sobre os temas abaixo elencados e inter- -relacionados com o acima exposto, bem como cons- cientizar a sociedade como um todo (empregados, empregadores, famílias e governos), pois todos somos são afetados negativamente pela ocorrência de um acidente de trabalho. A divisão dos artigos é a seguinte: O trabalho e sua finalidade constitucional; Saúde e segurança no trabalho; O meio ambiente de trabalho; Acidentes de trabalho: Dados; ProgramaTrabalho Seguro doTST;Tra- balhoSegurodoTRT-SC;ViolêncianoTrabalho;Violência organizacional; Discriminação; Bullying; Assédio moral; assédio sexual; Exploração do trabalho infantil; Papel dos gestores na prevenção da violência no ambiente de trabalho; Estratégias de pacificação no trabalho. ARTIGOARTIGOO Trabalho e sua finalidade constitucional Juiz do Trabalho Substituto do TRT12 Gestor e Integrante do Comitê Regional do Programa do Trabalho Seguro do TRT12 GABRIELA MANENTI RONSANI Servidora Pública Federal RICARDO JAHN da Comissão de Juristas de Revisão do Projeto de Códi- go Comercial Brasileiro na Câmara dos Deputados, es- pecialista em Direito Tribu- tário pela Fundação Getúlio Vargas (FGV/RJ). Fabro é professor convidado per- manente da Escola Superior da Magistratura (ESMESC) e foi fundador e primeiro presidente da Comissão de Direito Empresarial da OAB-SC durante o perío- do de 2010-2012, além de ter ocupado várias outras funções.
  4. 4. 4 PublicidadeJornal Correio do Sul Terça-feira, 4 de Setembro de 2018
  5. 5. 5Geral Jornal Correio do Sul Terça-feira, 4 de Setembro de 2018 Sombrio Campanha da vacinação de Sombrio atinge mais de 100% da meta A campanha contra o sarampo e a poliomie- lite em Sombrio manteve critérios que obedeceram as metas por etapas do Ministério da Saúde e da Agência de Desenvolvi- mento Regional (ADR), atingindo no final até mais do que o número estabe- lecido. Foram vacinadas 1.603 crianças, de um a quatro anos, 11 me- ses e 29 dias, enquanto a meta era de 1.520, ou seja, 100,18%. Durante todo o mês de agosto. Postos de Saúde dos bairros São Luiz, Januária e do Centro, anexo ao Hospital Dom Joaquim, realizaram as va- cinas, com dois sábados usados como Dia D e ainda abertura das unidades à noite na Guarita, Boa Es- perança, São José e Nova Brasília. “Foi uma campanha muito grande em todos os setores, desde a dedicação de nossa equipe, a quem temos que agradecer, aos agentes de saúde, por avisa- rem os cidadãos nas casas, nas redes sociais, rádios e jornais e com a compreen- são dos pais, que levaram seus filhos e nos ajudaram a afastar a possibilidade deste grupo de crianças ser infectado com uma das duas doenças”, comemorou a diretora de epidemiologia de Sombrio,Andrea Simon. “A saúde é movida por campanhas, de vacinação, de alerta e educação de outros fatores, como o Se- tembro Amarelo, que está em andamento agora, para cuidados com a saúde men- tal e todos os setores da Se- cretaria Municipal de Saúde se empenham muito no cumprimento das metas”, salientou a vice-prefeitura, Gislane Cunha. Atingir a meta significa manter o município dentro dos programas do Ministé- rio da Saúde, continuando assim a receber recursos para trabalhar pela saúde da população. “Estas campanhas têm incentivos importantes do Marivânia Farias - Sombrio/Região Cônego João Adão Reitz Os livros que nós devemos ler Nossa região é pródiga em escritores, ou em ser objeto de escritos. Muitas obras são desconhecidas do público, e o Correio do Sul está, em suas edições de terça-feira, apresentando alguns destes livros, muitos deles bastante antigos, nem por isso menos importantes, outros talvez com pequena repercussão, mas ainda assim merecedores de atenção, como todos os livros, pois quem escreve um livro é porque tem algo a dizer. Quem tem alguma obra e quer vê-la comentada no jornal, pode encaminhar um resumo ou o próprio livro, se preferir. Muitos, muitos deles ficarão de fora, pois em princípio trataremos daqueles que possuímos em nosso arquivo, mas abertos a ampliar essa publicação. Padre João Reitz Qualquer morador de Sombrio logo percebe a importância do padre João Reitz para o município. Ele dá nome a uma das ruas mais centrais da cidade, nomeia a biblioteca pública e também uma escola, que hoje pertence a Santa Rosa do Sul. Existe um livro chamado Cônego JoãoAdão Reitz - Biografia do primeiro vigário de Sombrio. O livro foi escrito pelo padre Raulino Reitz, irmão do padre João, em 1988, quatro anos após a morte do biografado. Não se trata de uma biografia nos moldes das que são publicadas hoje em diasobrepersonalidadesfamosas,expondo,algumasdelas,tambémosseuserros e ‘podres’. Padre Raulino fez mais uma homenagem ao irmão, contando a sua vida desde a infância e dedicando várias páginas ao início de seu sacerdócio em Sombrio. Início, em 1937, que nem sempre foi tranquilo, conta padre Raulino. Acompanhe um trecho do livro Cônego João Adão Reitz - Biografia do primeiro vigário de Sombrio DIAS CONTURBADOS – No início de seu apostolado, em Sombrio, alguns passos não foram fáceis. A falta de recursos inibia o desenvolvimento das obras paroquiais. As faculdades criativas do padre removeram, em parte, os obstáculos. Apopulação de Sombrio, especialmente aos sábados, domingos e dias feriados era atraída para o Centro Social MonsenhorTopp e a Praça de Esportes Cairú, mantidos pela paróquia, e que geravam recursos para as obras paroquiais.Aperda de freguesia por parte do salão de baile e do café locais, trouxeram a pacata vida de Sombrio, anos de intranquilidade, quando as pessoas que se sentiam desprestigiadas e prejudicadas em seus negócios se insurgiram violentamente contra o vigário. O mentor desse desenvolvimento, que sur- giu em 1944, era o alienígena Martin Jorge Fernandes (...). Martin retrucava que as Filhas de Maria, proibidas de participar do forró domingueiro, não eram mon- jas, e queria atraí-las a seu salão. (...) Aos 3 de dezembro do mesmo ano, os ânimos se acirraram. Compareceram à missa dominical cinco capangas, a mandado do uruguaio,que ficou espiando de longe. Pene- traram na igreja dispostos a surrar o vigário durante a missa, caso no sermão fizesse restrições ao salão de baile e ao café. Foi um domingo de grande tensão. Como os avisos paroquiais giravam em torno de outros assuntos, nada aconteceu. *Padre João Reitz nasceu em 1904 e faleceu em 8 de junho de 1984 Governo Federal, para que realmente seja feito o traba- lho de prevenção, de cuidado com nossos pequenos, para que o município tenha quali- dade de vida e se desenvolva junto das crianças, de forma mais saudável”, completou o prefeito Zênio Cardoso.
  6. 6. EntretenimentoEntretenimentoNovelas - Horóscopo - Diversão Cruzadinha Novelas E lisabeta culpa Lady Margareth pela falsa morte de Darcy. Ema e Ernesto procuram Edmundo para pedir um empréstimo financeiro. Julieta se machu- ca ao cair do cavalo.Tibúrcio pede para que Rômulo vol- te para casa. Brandão se afasta do quartel e promove Otávio a major e Randolfo, a capitão. Lady Margareth exige que Xavier dê fim à vida de Susana. Baltazar questiona Lady Margareth e Xavier sobre o atentado contra Elisabeta. Lady Margareth descobre que Darcy não morreu. E lmo ajuda Betina, e Samuca se preocupa com o estado da ex- -noiva. Eliseu aconselha Paulina. Dom Sabino pede mais tempo a Coronela para pagar as diárias da pensão. Dom Sabino tenta arrumar um emprego na padaria. Coronela e Januza cochicham sobre Marocas. Elmo e Samuca tentam descobrir quem revelou o local do noivado a Pedro Parede. Marocas começa a trabalhar na Samvita. Z efa confronta Severo por colocar a mansão à venda, e ele acaba passando mal. Rochelle dá uma festa na casa de Ro- berval. Maura e Ionan ten- tam resistir, mas se beijam novamente. Dodô procura Gorete para oferecer ajuda financeira. Valentim se enfurece ao ver Remy na casa de Karola. Roberval revela que é o comprador da mansão de Severo. Naná vai até a casa de Karola, e a flagra na cama com Remy. Segundo Sol -21h O Tempo Não Para-19h Rapidinhas Áries 21/03 a 20/04 21/04 a 20/05 21/05 a 20/06 21/06 a 20/07 21/07 a 20/08 21/08 a 20/09 21/09 a 20/10 21/10 a 20/11 21/11 a 20/12 21/12 a 20/01 21/01 a 20/02 21/02 a 20/03 Leão HoróscopoHoróscopo Sagitário Gêmeos Libra Aquário Touro Não terá uma habilidade muito boa para mostrar que você será alguém muito mais forte. No planeta Marte sua excelência para enfrentar problemas fi- cará muito melhor agora. Faça uso de uma grande e forte determinação. Tente não se apegar ao que estiver esteticamente valorizado neste grande momento da sua boa vida. Não deixe de colocar a humildade acima de qual- quer coisa. Com arrogância só irá se prejudicar, mas tenha tranquilidade. Tente dialogar com ações bem mais intensifica- das para definir aquilo que lhe é muito bom. O planeta Júpiter trará para você tudo aquilo que mais precisa no momento. Cobre-se mais para alcançar o que quer. A sua sensibilidade pode não vir a incomodar agora, mas viverá um dia marcado com muita sensibilidade. Busque toda a cautela que puder ter quando vier a ser estigmatizada agora. O planeta Marte refletirá muito bem em você. O teu carisma irá iluminar a sua criatividade mais producente neste grande dia da sua vida.Aqueles que tentarão chegar em você precisarão de mais energia. Mostrará uma grande potência neste momento da sua vida. As coisas próprias das tuas características mais evidentes trarão uma especial habilidade para você neste momento. Boas emoções virão com uma carga negativa neste momento.Aja de forma mais simples para ajustar as coisas. A paciência que caminhará diretamente a você por causa do que vem ocorrendo no terceiro pla- neta Marte, estará com alguns problemas neste momento. Precisará ser mais diplomático neste momento de se conciliar. Procure controlar mais os espaços que tem dei- xado para executar aquilo que você tanto quer agora. Pense muito bem, o elemento Água virá com Plutão alimentar bons pensamentos. Tente facilitar mais as coisas para você mesma. Todas as modificações que estão para acontecer virão desta sua constelação pura e sincera. O planeta Marte que apresentará um sentimento moderno em você poderá estar propenso para a modificação necessária. Muitas coisas difíceis para ter que agir agora farão tudo para que as coisas fiquem mais negativas agora. O planeta Júpiter poderá dar uma influência bem negativa agora. Sua autoridade também irá mostrar uma grande capacidade. O que for de melhor deverá acontecer se você tiver mais paciência agora neste momento muito bom. As diferenças serão mitigadas agora nesta sua fase mais isonômica. Tenha mais coragem para afastar problemas. Não deixe de ser uma pessoa amorosa neste momento crucial para você, poderá dar certo para você. A força que carrega será muito importante. Os signos do elemento Água receberão essa influência boa que bem da Lua agora. Virgem Capricórnio Câncer Escorpião Peixes Bella Falconi vem celebrando imensamente a chegada de sua segunda filha, Stella. Desde os primórdios, ela tem revelado cada instante, descobertas e curiosidades dos primeiros dias da pequena, com os seguidores.Diante de alguns rumores que afirmavam que sua barriga já estaria chapada, ou seja, sem resquícios da gravidez, com apenas 20 dias após o parto, por meio de sua conta oficial no Instagram, a nutricionista decidiu entrar no assunto e fez algumas revelações.“Vou cuidar disso no momento certo. Não tenho pro- blemas com minha aparência pós-parto. Sou muito feliz porque estou conseguindo amamentar e isso por si só já alimenta minha autoestima", destaca a diva. Anitta não tem papas na língua na hora de mandar recado e, desta vez, não seria diferente! Ao ver dois homens brigando no camarote de seu show em Florianópolis, no último domingo (2), a cantora parou o show e deu uma bronca neles na frente de todo mundo. "Com o país do jeito que está, vocês são privilegiados de estarem em uma festa, no camarote, bebendo... e estão arrumando briga com os outros, gente?! Vão dor- mir! Vão para casa dormir! Vocês não têm o que fazer? Sério! Não é bonito, não é legal. É podre, é horrível", desabafou a musa, que foi aplaudida e ovacionada pelo público. Jornal Correio do Sul Terça-feira, 4 de Setembro de 2018 Orgulho e Paixão-18h
  7. 7. TÂNIA DUARTE Jornal Correio do Sul Terça-feira, 4 de Setembro de 2018 tania@grupocorreiodosul.com.br facebook.com/tania.duartecoelho SocialSocial Baile de Debutantes do Grêmio Fronteira.. algumas das belas que abrilhantaram a noite! Foto: Espaço Vip Ivete Rodrigues da Revista Sul Fashion e a Dra. Michelle Scarsanella participaram na última quinta (30) do Desfile Beneficente Passarela Solidária , no Interclass Hotel em Criciúma. Vestidos no melhor estilo jeca, membros do grupo que está a frente da organização do Arraial Cultural de Sombrio fizeram o pré-lançamento no Calçadão, no sábado, em parceria com a CDL. O Arraial Cultural acontece de 7 a 9 de setembro. A competente equipe do Caps de Sombrio, em uma pausa para foto durante um evento oferecido aos usuários do serviço de saúde mental. Debutantes Grêmio Fronteira: Luci e Tiago Zilli com a filha Maria Emília e a afilhada Lara Ramos.
  8. 8. 8 PublicidadeJornal Correio do Sul Terça-feira, 4 de Setembro de 2018
  9. 9. profissionais prefere trabalhar com adultos, com as crianças, têm que ter muito amor e ca- rinho, e também com os pais. 9Geral Jornal Correio do Sul Terça-feira, 4 de Setembro de 2018 Marivânia Farias Sombrio Hospital projeta novos mutirões O hospital Dom Joaquim de Sombrio conseguiu se inte- grar a rede de participação em mutirões de cirurgias eletivas organizados pela Secretaria de Estado da Saúde. A mobi- lização realizada durante três dias da semana passada, foi coordenadapelomédicourolo- gistapediátricoCharlesRamos Souza. Ele elogiou a estrutura oferecida pelo hospital para os procedimentos. “A equipe é bem treinada e o material bom. Mereceberamdebraçosaberto e não faltou nada”. Foram feitas cirurgias de baixa e média complexidade, tanto em adultos quanto em crianças. A intenção é enca- minhar todos os pacientes que estão na fila de espera do SUS, para o hospital sombriense. “Queremos dar vazão ao que está represado na fila e ajudar estas pessoas. Com o tempo faremos aqui cirurgias mais Dom Joaquim difíceis”, disse o especialista. Os beneficiados chegam de vários municípios com pré- -diagnóstico, esperando em uma fila por atendimento, pas- sam por uma triagem e são encaminhados para a cirurgia. Charles atende em Floria- nópolisenaregião,ondepresta serviços ao Instituto Maria Schmitt, proprietário do Dom Joaquim. “Me trouxeram pra cá para sanar essa falta técnica na região”, contou. O administrador do HDJ, Walmiro Charão, explica que a partir do processo de contra- tualização com o governo do estado, o hospital está apto a fazer cirurgias gerais, vascular, deortopediaedeurologia,estas que já começaram na última semana.“Acreditoqueteremos uma média de 200 cirurgias/ mês”, antecipa. Na sua avaliação, este processo é fundamental para reconquistar a confiança da população. “Vamos fazendo com que o usuário perceba que NASF, psicóloga Ieda Ma- chado, trabalha diretamente com o grupo e afirma que o propósito é contribuir com as pessoas que passam por tratamentos, alguns há muitos anos, e enfrentam os males da depressão. “O intuito é di- minuir os tratamentos longos de depressão, oportunizando algo novo dentro da saúde município”. Além das cerca de 15 pes- soas que estão em tratamento também podem participar do grupo outros interessados que tenham sintomas comuns da depressão, como: insônia, aperto no peito, angústia an- siedade, desânimo e tristeza. tudos pelas belezas naturais do município. O dia rendeu muita aprendizagem e belís- simas fotos. Jacinto Machado Morro Grande Jacinto promove encontros parapessoascomdepressão Estudantes passeiam pelas belezas de Morro Grande O NASF – Núcleo de Apoio à Saúde da Família, da Secretaria de Saúde de Jacinto Machado, atua dire- tamente com os pacientes das unidades de saúde, as ESFs – Estratégias Saúde da Famí- lia. Com o objetivo de ajudar os pacientes que passam pela depressão, o núcleo criou o Grupo de Apoio à Pessoas com Depressão (GAP), que ser reúne uma vez por mês, a sala da academia da saú- de, atrás do posto de saúde central. Na reunião de agosto, o grupo teve uma palestra com Alunos do Ensino Fundamental e dos Anos a farmacêutica Laís Crescên- cio, que falou um pouco sobre os antidepressivos. A coordenadora do Finais, da EMEF Prefeito Dário Crepaldi, de Morro Grande, realizaram no mês de agosto um passeio de es- realmente o hospital mudou para melhor”, acrescenta. Anovagestãotambémestá investindo em melhorias no prédio, com reforma da parte externa e reabertura do antigo setor de emergêrncia, que está passando por reforma. O Correio do Sul conver- sou com o dr. Charles. Acom- panhe: C.S: Quais são os casos mais comuns que chegam ao seu consultório? Charles: O mais comum, tanto em homens quanto em crianças, é a fimose. Aquele doença em que a pele do pênis recobre a glande. Mesmo em adultos isso é muito comum. Em parte porque os pais não levaramaomédicoemcriançae emoutroscasos,pacientescom maisidade,àsvezesdiabéticos, mesmo quando não tinham fimose na infância, na idade adulta desenvolvem. Outro problema é a hi- drocele, quando o escroto do paciência incha, com água ou cistos. A varicocele e as lesões no pênis e na bexiga também são comuns. C.S: Nos mutirões são realizadas várias cirurgias por dia. São procedimentos simples? Charles: Não considera- mos simples, dizemos que é de baixa complexidade. Um pacientepodetercomplicações em uma cirurgia de menor risco? Pode. Procuramos nos cercar de toda segurança, com bons materiais de cirurgia, bons profissionais, para que dê tudo certo e todos voltem para casa bem. C.S: O senhor é um dos raros urologistas pediátricos do estado. Por que existem tão poucos nesta especiali- dade? Charles: A formação do urologista já é muito longa. Todos nós fizemos clínica ge- ral para depois prestar prova para urologia, e depois disso somente dois ou três locais do país oferecem preparação para urologia infantil.Amaioria dos
  10. 10. 10 SegurançaJornal Correio do Sul Terça-feira, 4 de Setembro de 2018 Gislaine Fontoura Araranguá A investigação e a sentença Quadrilha é condenada por tráfico U ma organização criminosa, que atuou durante anos na Vila Samaria, mais conhecida como Buraco Quente, no Centro de Ara- ranguá, foi desmantelada após investigação da Divisão de Investigação Criminal (DIC) da Polícia Civil de Araranguá, presidida pelo delegado Lucas Fernandes da Rosa. Em janeiro de 2017, seis pessoas foram presas, as investigações continuaram e com fortes provas juntadas, no final do mês passado, o Poder Judiciário de Araran- guá condenou os integrantes a penas, que somadas, ultra- passam os 60 anos. De acordo com a inves- tigação, seis pessoas, sendo cinco da mesma família, atuavam em crimes de tráfico de entorpecentes, associação Buraco Quente para o tráfico de drogas, porte ilegal de arma de fogo e la- vagem de dinheiro. A inves- tigação resultou na prisão de cinco dos indiciados, apenas a mulher do chefe da organi- zação criminosa, não teve a prisão preventiva decretada pelo judiciário. “A Vila Samaria tem localização privilegiada, no Centro de Araranguá e há muito era dominada por uma organização criminosa, que se prevalecendo das condi- ções geográficas do local, tinha um ambiente propício para o crime de tráfico de drogas, sem que nada fosse descoberto”, ponderou o delegado. Ediclésio Lopes, mais conhecido como Nego Edi, de 37 anos, foi apontado no IP como o chefe da qua- drilha. “Nego Edi, como era conhecido no Buraco Quente, levava o negócio da narcotraficância em família, com mãos de ferro e não per- mitia que outros traficantes fornecessem entorpecentes para o local, somente a droga fornecida por ele podia entrar na Vila Samaria”, asseverou o delegado. Ele foi conde- nado a 18 anos e dois meses de prisão. Alessandra de Assunção Lopes, de 34 anos, irmã de Nego Edi, vendia a droga fornecida pelo irmão dentro do Buraco Quente. Ela foi condenada a nove anos de prisão. Outro irmão de Nego Edi, Cleidemar de Assunção Lopes, de 28 anos, vendia a droga fornecida pelo patrão do tráfico. Ele foi condenado a 9 anos e quatro meses de prisão. Nenhum dos três irmãos citados acima tinha passagem pela polícia até janeiro de 2017, apenas André Luis de Assunção Lopes, de 29 anos, também irmão de Nego Edi, tinha passagens criminais. Ele atuavajuntocomosirmãosno tráfico do local e foi condena- do a 11 anos de prisão. JulianoSpidodosSantos, o Rato, de 20 anos, é o único que não pertence à família de Nego Edi e atuava na organi- zação criminosa, ele também já tinha passagens pela polícia antes da investigação da DIC. Rato foi condenado a 8 anos de prisão. Assim como os outros integrantes da quadrilha, a mulher de Nego Edi também vendia a droga fornecida por ele. Ela foi condenada a 7 anos e oitos meses e poderá responder recurso em liberda- de. Todos os outros integran- tes da organização criminosa continuam presos. “É importante ressaltar a brilhante atuação do Mi- nistério Público e do Poder Judiciário de Araranguá, que restou na condenação de to- dos os envolvidos, com penas exemplares, visto que o líder da organização criminosa foi condenado a mais de 18 anos de prisão”, declarou o delegado Lucas.
  11. 11. 11Segurança Jornal Correio do Sul Terça-feira, 4 de Setembro de 2018 Balneário Gaivota Proprietário furta carro após vendê-lo e receber vários cheques sem fundos Na última sexta-feira, dia 31, a Polícia Miliar de Balneário Gaivota estava re- alizando rondas, na Rua W4, próximo ao posto de saúde, quando abordou o veículo GM/Chevette, ao consultar o documento do carro no sis- tema da Segurança Pública, foi constatado que o veículo possuía registro de furto ou roubo. Um homem se identifi- cou como proprietário do au- tomóvel e disse que possuía o veículo informalmente e que tinhaanunciadooChevettena rede social Facebook, a cerca de dois meses e que apareceu um interessado, que este de lhe deu vários cheques e os cheques não possuíam fundos. Segundo o homem, após inúmeras tentativas de resolver Ronda Policial - Na noite de sexta-feira, dia 31, por volta das 22 horas, uma guarnição da Polícia Militar de Maracajá foi aciona- da via Central de Operações da Polícia Militar (Copom - 190),paraatenderumaocorrênciadeviolênciadoméstica no bairro São Cristóvão. No local, a vítima relatou que após discutir com seu marido, este tentou sufocá-la e a agrediu com uma faca de cozinha, restando um pequeno corte. Ainda no local, o homem tentava amedrontar a vítima, para que ela não representasse contra ele. Além disso, proferiu diversas ameaças contra a mulher. Diante dos fatos, o homem recebeu voz de prisão e foi encami- nhado à Central de Plantão Policial (CPP) deAraranguá, para os procedimentos cabíveis. - Na madrugada do último domingo, dia 2, por volta das 04h30min, a Polícia Militar de Praia Grande atendeu uma ocorrência de furto, em um bar, localizado na rua Abel Esteves de Aguiar. O proprietário do estabeleci- mento informou que por volta das 2 horas da manhã, teria ocorrido do bar. Além do dinheiro, o proprietário sentiu falta do chip e do cartão de memória do celular, que possui imagens pessoais. A PM confeccionou um Boletim de Ocorrência. - Por volta das 10 horas da manhã do último domingo, dia 2, em Balneário Gaivota, um homem procurou a Polícia Militar, para registrar um Boletim de Ocorrência contra sua ex-sogra, segundo o homem, ainda na manhã de do- mingo, ele foi até a casa de sua ex-sogra, localizada em Balneário Gaivota, para entregar seu filho de três anos, que vive com sua ex-companheira e com a ex-sogra. O homem alega que, ao chegar na residência, a ex-sogra lhe ameaçou com um facão e mandou ele retirar o veículo da frente da casa, dizendo que iria lhe matar, contou ainda que a mulher tentou jogar pedras no seu carro e que a ex- -esposa teve que segurar sua mãe, para ela não danificar o veículodele.OhomemdeixouacriançaeprocurouaPM. Os militares foram até a residência indicada pela vítima e não havia ninguém na casa. O Boletim de Ocorrência foi registrado. - Na tarde de domingo, dia 2, por volta das 12h30min, uma guarnição da Polícia Militar de Araranguá foi acionada via Central de Operações da Polícia Militar (Copom - 190), para atender uma ocorrência de furto em um supermercado no bairro Cidade Alta. No local, o autor do furto estava detido pelos funcionários do es- tabelecimento. O homem havia furtado uma vodka no valor de R$ 174,00 e relatou que iria trocar por pedras de crack. Diante dos fatos, o homem recebeu voz de prisão e foi encaminhado à Central de Plantão Policial (CPP) de Araranguá, para os procedimentos cabíveis. Gislaine Fontoura Araranguá HomeméassassinadoemAraranguá P or volta das 17 horas desta se- gunda-feira, dia 03, agentes da Divisão de Investigação Criminal (DIC) da Polícia Civil deAraranguá e o delegado Lucas Fernan- des da Rosa, coordenador da DIC, receberam a infor- mação de que um homem havia sido assassinado no bairro Polícia Rodoviária, em Araranguá. De imediato, os policiais se dirigiram para o local da ocorrência e lá encontraram um homem caído em via pública e um pouco mais à frente, um veículo Fiat Uno, de cor prata, que havia co- lidido em um muro de uma residência. As informações preli- minares recebidas pela DIC, foram de que a vítima esta- va trafegando no Fiat Uno, quando uma motocicleta Execução pareou com o automóvel e foram efetuados disparos de arma de fogo contra o Fiat Uno, a vítima perdeu o con- trole e colidiu no muro. Na sequência ela desceu do carro e correu em via pública. Os autores do crime seguiram a vítima pela via pública, na motocicleta, a alcançaram e acabaram baleando ela, que caiu no chão. De acordo com o delega- do Lucas, no chão, os autores ainda efetuaram pelo menos dez tiros na nuca da vítima e fugiram na sequência. Dentro do Fiat Uno foi localizada uma balança de precisão di- gital e um rádio que copiava a frequência da Polícia Militar. “Nós estamos trabalhando com a hipótese de que a ví- tima trabalhava com o delito de tráfico de drogas e que isto pode ter dado causa ao seu homicídio”, esclareceu a autoridade policial. A vítima é Andre Luiz Sieglitz, de 31 anos, e o de- a situação, não obtendo êxito, a cerca de duas semanas, ele visualizou o veículo em frente ao Hospital Dom Joaquim, em Sombrio,esperouocomprador, para que ele entregasse o veí- culo, como este não apareceu abriu o Chevette e tomou a posse do mesmo. Diante dos fatos o veículo e os envolvidos foram encami- nhados à Delegacia de Polícia Civil de Sombrio, para os pro- cedimentos cabíveis. legado não sabe dizer ainda se apenas o caroneiro da motocicleta atirou ou se os dois ocupantes deflagraram os tiros, pois foram efetua- dos muitos disparos de arma de fogo, podendo ter sido utilizado mais de uma arma no crime. A Polícia Militar, o Instituto Geral de Perícias (IGP) e o Instituto Médico Legal (IML) também foram acionados e trabalharam na ocorrência.
  12. 12. 12 Publicações LegaisJornal Correio do Sul Terça-feira, 4 de Setembro de 2018 PREFEITURA MUNICIPAL DE BALNEÁRIO ARROIO DO SILVA DECRETO N° 109, DE 31 DE AGOSTO DE 2018. DISPÕE SOBRE A NOMEAÇÃO DOS MEMBROS QUE INTEGRAM A COMISSÃO CENTRAL ORGANIZADORA – CCO, DA “16ª SEMANA FARROUPILHA”, E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. JUSCELINO DA SILVA GUIMARÃES, Prefeito Municipal de Balneário Arroio do Silva, no uso de suas atribuições legais conferidas no disposto dos Incisos I, XXII e XXVI, do Artigo 58, da Lei Orgânica do Município, e CONSIDERANDO que compete ao Chefe do Poder Executivo dispor sobre a organização e funcionamento da administração municipal e ainda legislar sobre assuntos de interesse local, nos termos do Inciso I, do Artigo 30 da Constituição Federal; CONSIDERANDO que em nosso Município grande parte da população advém do Rio Grande do Sul, e em homenagem à sociedade gaúcha foi criada a Semana Farroupilha; CONSIDERANDO que foi instituído o Feriado Municipal no dia 20 de setembro, dedicado a Revolução Farroupilha, pela Lei Municipal nº 800, de 22 de outubro de 2013; CONSIDERANDO a Lei Estadual nº 17.228, de 18 de agosto de 2017, que instituiu a Semana Farroupilha, no Estado de Santa Catarina. CONSIDERANDO que entre os dias 09 e 20 de setembro de 2018 será realizada a tradicional Semana Farroupilha, “16ª SEMANA FARROUPILHA”, evento este reconhecido regionalmente e incluído na Programação de Eventos do Município; CONSIDERANDO a necessidade de nomear os membros da Comissão Central Organizadora – CCO, da “16ª SEMANA FARROUPILHA”, para desempenhar as atividades inerentes à realização deste evento; CONSIDERANDO que a Semana Farroupilha rompeu fronteiras e acontece em diversos lugares do Brasil e em diversas cidades do Estado, inclusive em Balneário Arroio do Silva, e tem como objetivo rememorar a luta dos heróis farrapos e de incentivar o movimento tradicionalista gaúcho nos municípios catarinenses; CONSIDERANDO que a “16ª SEMANA FARROUPILHA” é um evento importante para a cidade, revestido de extrema significação cultural, proporcionando momentos de diversão e lazer para a população arroiosilvense e turistas atraídos por este evento; CONSIDERANDO finalmente, o evidente interesse e a necessidade administrativa na questão, D E C R E T A: Art. 1º Para composição da Comissão Central Organizadora – CCO, da “16ª SEMANAFARROUPILHA”, visando à coordenação e elaboração das atividades referentes ao evento, ficam nomeados os seguintes membros: I - Patrão: Alinor Vieira Pires; II - Coordenação Geral: Jaime Silveira da Silva; Walter Marcelino Alves; III - Coordenação do Espaço Campeiro: José Mota; Everton dos Santos; IV - Coordenação dos Cavaleiros: Manoel Sergio Costa; Valcir Francisco Fontana; V - Coordenação do Parque: José Tramontin; Sérgio Tavares Policarpo; VI - Coordenação das Apresentações Culturais: Sandra Peruchi. Art. 2º As despesas decorrentes da aplicação deste Decreto correrão por conta das dotações orçamentárias correspondentes e constantes da Lei Orçamentária vigente. Art. 3º As atividades desenvolvidas pelos membros da Comissão Central Organizadora - CCO da “16ª SEMANA FARROUPILHA” são considerados relevantes ao Município, porém não serão remuneradas ou gratificadas a qualquer título. Art. 4º Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação. Prefeitura Municipal de Balneário Arroio do Silva/SC, em 31 de agosto de 2018. JUSCELINO DA SILVA GUIMARÃES Prefeito Municipal Registrado e Publicado o presente Decreto na Secretaria de Administração e Finanças, em 31 de agosto de 2018. PREFEITURA MUNICIPAL DE BALNEÁRIO ARROIO DO SILVA EXTRATO DO CONTRATO Nº 90/2018 – PROCESSO Nº 79/2018 - CONTRATANTE: MUNICÍPIO DE BALNEÁRIO ARROIO DO SILVA. CONTRATADO: LIGAARARANGUAENSE DE FUTEBOL - LAF. OBJETO: Seleção e contratação de empresa especializada em serviços de arbitragem para a realização do Campeonato de Futebol “Sete Society Sintético”, Município de BalneárioArroio do Silva, no período de setembro a outubro de 2018, conforme termo de referência, em anexo. VALOR DO CONTRATO: R$ 11.400,00 (Onze mil e quatrocentos reais). VIGÊNCIA: 31.12.2018. EXTRATO DO CONTRATO Nº 91/2018 – PROCESSO Nº 48/2018 - CONTRATANTE: MUNICÍPIO DE BALNEÁRIO ARROIO DO SILVA. CONTRATADO: ASPEKTO – COMUNICAÇÃO LTDA. OBJETO: Contratação de serviços de publicidade prestados por intermédio de agência de propaganda, compreendendo o estudo, o planejamento, a conceituação, a concepção, a criação, a execução interna, a intermediação, a supervisão da execução externa e a distribuição de publicidade aos veículos e demais meios de divulgação, com o objetivo de promover a venda de bens ou serviços de qualquer natureza, difundir ideias ou informar o público em geral, bem como, a contratação de serviços pertinentes complementares, para atendimento das necessidades de comunicação da Prefeitura Municipal de Balneário Arroio do Silva, conforme especificações técnicas descritas no Anexo I (briefing) do presente edital. VALOR DO CONTRATO: R$ 190.000,00 (cento e noventa mil reais). VIGÊNCIA: 31.12.2018. EXTRATO DO CONTRATO Nº 92/2018 – PROCESSO Nº 80/2018 - CONTRATANTE: MUNICÍPIO DE BALNEÁRIO ARROIO DO SILVA. CONTRATADO: SOMVERIO-SONORIZAÇOES E EVENTOS LTDA ME. OBJETO: Contratação de Empresa(s) tecnicamente especializada(s) para Locação, Montagem e Desmontagem de Estruturas de Tendas, palco, Grade, Tablado, Sonorização e Banheiros Químicos, para fins de realização do Desfile Cívico 7 de Setembro – Dia da Independência do Brasil, bem como da Semana Farroupilha a serem realizadas no Município de Balneário Arroio do Silva, conforme quantitativos e especificações contidas no Anexo I do Edital. VALOR DO CONTRATO: R$ 5.195,00 (Cinco mil cento e noventa e cinco reais). VIGÊNCIA: 31.12.2018. EXTRATO DO CONTRATO Nº 93/2018 – PROCESSO Nº 80/2018 - CONTRATANTE: MUNICÍPIO DE BALNEÁRIO ARROIO DO SILVA. CONTRATADO: GALATAS MIDIAS E EVENTOS LTDA - ME. OBJETO: Contratação de Empresa(s) tecnicamente especializada(s) para Locação, Montagem e Desmontagem de Estruturas de Tendas, palco, Grade, Tablado, Sonorização e Banheiros Químicos, para fins de realização do Desfile Cívico 7 de Setembro – Dia da Independência do Brasil, bem como da Semana Farroupilha a serem realizadas no Município de Balneário Arroio do Silva, conforme quantitativos e especificações contidas no Anexo I do Edital. VALOR DO CONTRATO: R$ 14.630,00 (Quatorze mil seiscentos e trinta reais). VIGÊNCIA: 31.12.2018. EXTRATO DO CONTRATO Nº 94/2018 – PROCESSO Nº 80/2018 - CONTRATANTE: MUNICÍPIO DE BALNEÁRIO ARROIO DO SILVA. CONTRATADO: NOVA CONSTRUÇÕES LTDA - EPP. OBJETO: Contratação de Empresa(s) tecnicamente especializada(s) para Locação, Montagem e Desmontagem de Estruturas de Tendas, palco, Grade, Tablado, Sonorização e Banheiros Químicos, para fins de realização do Desfile Cívico 7 de Setembro – Dia da Independência do Brasil, bem como da Semana Farroupilha a serem realizadas no Município de Balneário Arroio do Silva, conforme quantitativos e especificações contidas no Anexo I do Edital. VALOR DO CONTRATO: R$ 3.800,00 (Três mil e oitocentos reais). VIGÊNCIA: 31.12.2018. PREFEITURA MUNICIPAL DE BALNEÁRIO ARROIO DO SILVA AVISO DE LICITAÇÃO PROCESSO LICITATÓRIO Nº 82/2018 EDITAL DO PREGÃO PRESENCIAL Nº 41/2018 OBJETO: Aquisição de Equipamentos para Academias de Ginástica ao Ar Livre em atendimento ao Contrato de Repasse nº 852845/2017/ME/CAIXA, firmado entre o Município de Balneário Arroio do Silva e a União Federal - Ministério do Esporte, representada pela Caixa Econômica Federal, conforme quantitativos e especificações contidas no Anexo I deste Edital. TIPO DE JULGAMENTO: Menor preço por lote. REGIME LEGAL: Mediante as especificações e condições previstas no Edital, sob a regência da Lei 10.520/2002, Lei nº 8.666/1993 e suas alterações, e Lei Complementar nº 123/2006, e posteriores alterações. ABERTURA DOS ENVELOPES: Iniciará às 14h00min, do dia 18 de setembro de 2018, na Sala de Licitações, na Sede da Prefeitura Municipal, situada na Avenida Santa Catarina, nº 1122, Centro, na Cidade de Balneário Arroio do Silva/SC. INFORMAÇÕES: Pessoalmente ou pelo telefone: (48) 3526-1445. E-mail: licitacao@arroiodosilva.sc.gov.br. Balneário Arroio do Silva/SC, 03 de setembro de 2018. JUSCELINO DA SILVA GUIMARÃES Prefeito Municipal PREFEITURA MUNICIPAL DE JACINTO MACHADO AVISO DE LICITAÇÃO N° 60/2018 LEILÃO PÚBLICO O Município de Jacinto Machado-SC, Pessoa Jurídica de Direito Público, inscrito no CNPJ sob nº: 82.960.758/0001-36, com sede na Rua Pool Jorge Zacca, 75, centro, Jacinto Machado, Santa Catarina, CEP 88585-000, de acordo com a Lei n° 8.666/93 de 21 de junho de 1993 e suas alterações, e as disposições contidas no Decreto nº 21.981/32, bem como no presente Edital 60/2018 e seu(s) anexo(s), sob a coordenação e condução do Leiloeiro Público Oficial e Rural, BEL. ULISSES DONIZETE RAMOS, registrado na JUCESC, sob nº AARC- 309 e FAESC-041, CPF nº 102.471.938-36, estabelecido em Balneário Camboriú/SC, à Rua Nepal, 910 Pavimento Térreo - Nações - CEP 88.338-215, leva ao conhecimento dos interessados que fará realizar licitação na modalidade LEILÃO, tipo MAIOR LANCE, nas modalidades PRESENCIAL E ON-LINE simultaneamente, para alienação de bens móveis inservíveis ao município, distribuídos em lotes conforme ANEXO I do edital. O Leilão realizar-se-á em 03 de outubro de 2018, às 10horas, nas dependências do Centro de Convivência da Terceira Idade, sito a Rua Oscar de Oliveira Lopes, Bairro Figueira, Jacinto Machado/SC. Cópias do presente Edital, poderão ser visualizadas e retiradas no site www.donizetteleiloes.com.br, e site da Prefeitura Municipal de Jacinto Machado-SC. Demais informações poderão ser obtidas através dos telefones (47) 9911-1606 (Leiloeiro), (47) 3063 0319 (Escritório), ou através do e-mail: contato@donizetteleiloes. com.br. Jacinto Machado – SC, 27 de agosto de 2018. João Batista Mezzari Prefeito Municipal
  13. 13. 13Publicidade Jornal Correio do Sul Terça-feira, 4 de Setembro de 2018
  14. 14. Odair ressalta invencibilidade do Inter após empate: "Não perdemos mais um jogo" 08-15-19-31-49 CONCURSO 4.767 QUINA 03/09 Jornal Correio do Sul Terça-feira, 4 de Setembro de 2018 A intenção, cla- ro, é sempre os três pontos. Mas o Inter não saiu insatisfeito com o empate em 0 a 0 com o Cruzeiro, na noite deste domingo, no Mineirão. O técnico Odair Hellmann va- lorizou o ponto conquistado em Belo Horizonte e, somado a isso, a campanha colorada, com sete jogos sem perder e sem levar gol no Campeonato Brasileiro. Como o São Paulo tam- bém empatou, a distância de três pontos para a liderança se mantém. Além disso, por conta da derrota do Flamen- go para o Ceará, o Colorado abriu dois pontos do terceiro colocado. tivemos mais posse e passes. Significa que não só marca- mos, mas também tentamos jogar - comentou Odair. O treinador colorado elogiou o adversário, mas viu sua equipe bem em cam- po no Mineirão. Com o resultado, o Inter chegou aos 43 pontos, dois à frente do Flamengo, rival na próxima quarta-feira, no Beira-Rio. Todo o foco passa a ser o Rubro-Negro no duelo direto. - Sabíamos que era um jogo muito difícil, com uma equipe muito forte, na semi da Copa do Brasil, quartas da Libertadores. Fizemos um bom jogo. Gostaríamos e lutamos até o final pelo três pontos. Fizemos um e agora temos o jogo quarta que temos que nos voltar, concentração total, recupe- rar todos os jogadores para buscar os três pontos em casa - completou. Porto Alegre O Inter retorna nesta segunda, à tarde de Belo Horizonte, após treinamento pela manhã aos que não jo- garam. O zagueiro Rodrigo Grêmio ganha posição, é único no G-4 a vencernarodadaetiradistânciaderivais Porto Alegre Na noite de sábado, ainda não se tinha real noção da importância da goleada por 4 a 0 sobre o Botafogo, na Arena. A rodada foi benéfica para o Grêmio, que ganhou uma posição na tabela, retomou seu espaço no G-4 justa- mente por conta do saldo de gols e ainda se aproximou dos rivais diretos, todos sem vencer na 22ª rodada do Campeonato Brasileiro. Os três pontos fizeram o Grêmio subir para a quarta colocação na tabela. Mas foram os quatro gols a ga- rantir a posição na concor- rência com o Palmeiras. O time de Luiz Felipe Scolari também venceu na rodada, a Chapecoense. Em determi- nado momento fazia o 2 a 0 e retomava o espaço no G-4. Mas ao balançar a rede, o zagueiro da Chape, Rafael Thyere, emprestado pelo Tricolor, diminuiu o saldo palmeirense para 17, contra 18 da equipe de Renato. Além disso, o Grêmio se aproximou dos rivais diretos. Começou a roda- da quatro pontos atrás do Flamengo, derrotado pelo Ceará; cinco do Inter, o vice-líder, que ficou no 0 a 0 com o Cruzeiro; e a oito do líder São Paulo, outro a empatar na rodada, com o Brasileirão - Série B Pos. Equipes PG J V E D GP GC SG % 1 Fortaleza 46 24 14 4 6 37 22 15 63.9 2 CSA 40 24 11 7 6 31 25 6 55.6 3 Goiás 39 24 12 3 9 34 31 3 54.2 4 Avaí 39 24 10 9 5 31 19 12 54.2 5 Guarani 37 24 10 7 7 33 26 7 51.4 6 Figueirense 37 24 10 7 7 31 26 5 51.4 7 Atlético-GO 37 24 10 7 7 34 34 0 51.4 8 Vila Nova 37 25 9 10 6 22 16 6 49.3 9 Ponte Preta 34 24 9 7 8 28 21 7 47.2 10 Oeste 34 25 8 10 7 26 28 -2 45.3 11 Coritiba 33 24 8 9 7 25 25 0 45.8 12 Londrina 30 24 8 6 10 27 28 -1 41.7 13 CRB 28 24 7 7 10 19 26 -7 38.9 14 São Bento 28 24 6 10 8 23 26 -3 38.9 15 Juventude 28 24 5 13 6 20 24 -4 38.9 16 Criciúma 26 24 6 8 10 23 30 -7 36.1 17 Paysandu 26 24 6 8 10 23 32 -9 36.1 18 Brasil de Pelotas 25 24 5 10 9 20 24 -4 34.7 19 Sampaio Corrêa 21 24 5 6 13 20 31 -11 29.2 20 Boa Esporte 21 24 5 6 13 19 32 -13 29.2 Classificação 20h00 Vila Nova 1 x 1 Oeste 19h15 Atlético-GO x Ponte Preta 19h15 Avaí x CRB 19h15 Coritiba x Boa Esporte 19h15 Guarani x Goias 20h30 CSA x Londrina 20h30 Juventude x Criciúma 20h30 São Bento x Paysandu 21h30 Fortaleza x Figueirense 21h30 Sampaio Corrêa x Brasil de Pelotas 25ª Rodada Segunda - 03/09/2018 Terça - 04/09/2018 Marcelo Lomba termi- nou a partida como figura do jogo, mas o Inter também teve lá suas chances para balançar as redes de Fabio. William Pottker, no entanto, parou no travessão na primeira eta- pa, enquanto Jonatan Alvez finalizou para defesa do go- leiro cruzeirense no segundo tempo. - Em todos os jogos es- tamos entrando para buscar os três pontos. No final, não vencemos a partida, acaba- mos somando um ponto. Não perdemos, não tomamos gols em mais um jogo. No início do primeiro tempo, mas, além de marcar muito bem, ter consistência defensiva, começamos a ter a posse, criar, ficar com a bola. Tanto que na parte final da etapa Moledo volta normalmente ao time após cumprir sus- pensão pelo terceiro cartão amarelo contra o Flamengo, na quarta-feira, às 21h45. Fluminense em 1 a 1. Só viu o Palmeiras manter- -se na cola, embora tenha tomado à frente na briga por uma vaga direta na Libertadores.
  15. 15. 15 Jornal Correio do Sul Terça-feira, 4 de Setembro de 2018Esporte Publicações Legais Criciúma S e por um lado Eduardo lamenta a fase do Crici- úma na Série B do Cam- peonato Brasileiro, com a proximidade da zona de rebaixamento, por outro o volante comemora o bom momento pessoal usando a camisa preta, branca e amarela. Homem de confiança do técnico Mazola Júnior, Eduardo é titular no meio de campo e coringa na hora de ser improvisado na lateral direita. Em 24 jogos dis- putados na competição na- cional, o jovem de 21 anos recebeu 16 oportunidades. - Particularmente, está sendo um bom ano. Estou vindo em uma sequência boa, mas é ruim pela cam- panha do Criciúma, é uma grande equipe e não pode passar por isso. Todos estão trabalhando e se esforçando. Vamos trabalhar para somar pontos e tentar sair o mais rápido possível - disse em entrevista coletiva. De volta ao time após cumprir suspensão na roda- da passada, Eduardo está à disposição contra o Juven- tude e não pensa em outro resultado que não seja a vitória. O adversário gaúcho está a dois pontos de dife- rença, e o Tigre mira o triun- fo para ganhar a posição na classificação. A partida acontece na terça-feira, às 20h30 (horário de Brasília), no estádio Alfredo Jaconi. - É muito difícil jogar contra o Juventude lá. Acho que o nosso time tem que estar focado e concentrado para buscar os três pontos, que é o nosso objetivo. Es- tamos pagando o preço pelo começo ruim no campeo- Situação na tabela preocupa, mas Eduardo também tem motivos para sorrir no Tigre nato e trabalhando no dia a dia para reagir. Pensar lá em cima acho que não dá. Te- mos que pensar lá embaixo, EDITAL DE INTIMAÇÃO ClaudeteAraújo da Cunha Medeiros, Titular do TABELIONATO DE NOTAS E PROTESTOS DE TÍTULOS desta Comarca de Sombrio, situado na Av. Nereu Ramos, 458 - Fone (48) 3533-0318 - CEP 88960-000, atendimento das 08:00h - 12:00h e 14:00h - 18:00h, faz saber na forma da Lei aos que o presente EDITAL virem, que se encontram nesse tabelionato para serem protestados, decorrido o prazo legal de 03 (três) dias úteis, por não terem sido encontrados nos endereços fornecidos, ou por se recusarem a tomar conhecimento, os títulos cujos responsáveis estão abaixo discriminados. Ficam esclarecidos, também, de que nesse mesmo prazo poderão apresentar resposta escrita, que não impedirá a lavratura do protesto. PROT. APRESENTANTE / CNPJ DEVEDOR / CNPJ Prot: 171209; Devedor(es): EDVAN CARDOSO RAUPP - 030.115.559-31, End: Rua Francisco Caetano Lummertz, 217, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: DB S.A COMERCIO DE MOVEIS E ELETRODOMESTICOS; Sac: DB S.A COMERCIO DE MOVEIS E ELETRODOMESTICOS; Tit: 31735 ; Apr: DB S.A COMERCIO DE MOVEIS E ELETRODOMEST; VEN: 07/07/2018; Esp: Duplicata Venda Mercantil por Indicação; Val: R$ 805,00 + Juros Legais (1% a.m.); Emol.: R$ 58,08. Apontamento R$ 17,00 - Selo R$ 1,90 - Distribuição R$ 0,00 - Diligência R$ 34,00 - Condução R$ 7,08 - Digitalização R$ 0,00- Total Emolumentos R$ 58,08. Prot: 171005; Devedor(es): JOSOE GOMES DE BORBA - 062.761.899-52, End: Rua Santos Coelho, 1280, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: DB S.A COMERCIO DE MOVEIS E ELETRODOMESTICOS; Sac: DB S.ACOMERCIO DE MOVEIS E ELETRODOMESTICOS; Tit: 134047 ;Apr: DB S.A COMERCIO DE MOVEIS E ELETRODOMEST; VEN: 15/03/2014; Esp: Espécie de Contrato; Val: R$ 550,00 + Juros Legais (1% a.m.); Emol.: R$ 58,08. Apontamento R$ 17,00 - Selo R$ 1,90 - Distribuição R$ 0,00 - Diligência R$ 34,00 - Condução R$ 7,08 - Digitalização R$ 0,00- Total Emolumentos R$ 58,08. Prot: 170913; Devedor(es): JUDITE FEIJO JOAQUIM - 646.138.529-00, End: Tav. Maximo Rodrigues da Silva, 150, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: DB S.A COMERCIO DE MOVEIS E ELETRODOMESTICOS; Sac: DB S.A COMERCIO DE MOVEIS E ELETRODOMESTICOS; Tit: 74394 ; Apr: DB S.ACOMERCIO DE MOVEIS E ELETRODOMEST; VEN: 15/05/2014; Esp: Espécie de Contrato; Val: R$ 340,00 + Juros Legais (1% a.m.); Emol.: R$ 58,08. Apontamento R$ 17,00 - Selo R$ 1,90 - Distribuição R$ 0,00 - Diligência R$ 34,00 - Condução R$ 7,08 - Digitalização R$ 0,00- Total Emolumentos R$ 58,08. Prot: 170960; Devedor(es): JUREMA LENTZ GOMES RIBEIRO - 898.545.789-68, End: Rua Alvaro SIlveira, 78, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: DB S.A COMERCIO DE MOVEIS E ELETRODOMESTICOS; Sac: DB S.ACOMERCIO DE MOVEIS E ELETRODOMESTICOS; Tit: 93156 ; Apr: DB S.A COMERCIO DE MOVEIS E ELETRODOMEST; VEN: 16/10/2014; Esp: Espécie de Contrato; Val: R$ 89,70 + Juros Legais (1% a.m.); Emol.: R$ 58,08. Apontamento R$ 17,00 - Selo R$ 1,90 - Distribuição R$ 0,00 - Diligência R$ 34,00 - Condução R$ 7,08 - Digitalização R$ 0,00- Total Emolumentos R$ 58,08. Prot: 170918; Devedor(es): LETICIA ROSA DE OLIVEIRA - 086.626.949-50, End: RuaAlfredo Teixeira da Rosa, 620, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: DB S.ACOMERCIO DE MOVEIS E ELETRODOMESTICOS; Sac: DB S.ACOMERCIO DE MOVEIS E ELETRODOMESTICOS; Tit: 109506 ;Apr: DB S.A COMERCIO DE MOVEIS E ELETRODOMEST; VEN: 10/12/2013; Esp: Espécie de Contrato; Val: R$ 1.622,50 + Juros Legais (1% a.m.); Emol.: R$ 58,08. Apontamento R$ 17,00 - Selo R$ 1,90 - Distribuição R$ 0,00 - Diligência R$ 34,00 - Condução R$ 7,08 - Digitalização R$ 0,00- Total Emolumentos R$ 58,08. Prot: 171062; Devedor(es): MARIBELPEREIRA- 009.423.660-77, End: Rua Maximo Rodrigues da Silva, 1262, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: DB S.A COMERCIO DE MOVEIS E ELETRODOMESTICOS; Sac: DB S.ACOMERCIO DE MOVEIS E ELETRODOMESTICOS; Tit: 70335 ; Apr: DB S.A COMERCIO DE MOVEIS E ELETRODOMEST; VEN: 15/07/2014; Esp: Espécie de Contrato; Val: R$ 431,20 + Juros Legais (1% a.m.); Emol.: R$ 58,08. Apontamento R$ 17,00 - Selo R$ 1,90 - Distribuição R$ 0,00 - Diligência R$ 34,00 - Condução R$ 7,08 - Digitalização R$ 0,00- Total Emolumentos R$ 58,08. Prot: 171064; Devedor(es): MIRLAINE ALVES NUNES - 034.022.569-67, End: Rua Pref. Fioravante Minatto, 334, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: DB S.ACOMERCIO DE MOVEIS E ELETRODOMESTICOS; Sac: DB S.ACOMERCIO DE MOVEIS E ELETRODOMESTICOS; Tit: 139620 ;Apr: DB S.A COMERCIO DE MOVEIS E ELETRODOMEST; VEN: 14/05/2014; Esp: Espécie de Contrato; Val: R$ 740,00 + Juros Legais (1% a.m.); Emol.: R$ 58,08. Apontamento R$ 17,00 - Selo R$ 1,90 - Distribuição R$ 0,00 - Diligência R$ 34,00 - Condução R$ 7,08 - Digitalização R$ 0,00- Total Emolumentos R$ 58,08. Prot: 171039; Devedor(es): RENATA PACHECO DE MATOS - 019.711.700-70, End: Av. Getulio Vargas, 972, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: DB S.A COMERCIO DE MOVEIS E ELETRODOMESTICOS; Sac: DB S.ACOMERCIO DE MOVEIS E ELETRODOMESTICOS; Tit: 44027 ; Apr: DB S.A COMERCIO DE MOVEIS E ELETRODOMEST; VEN: 07/09/2013; Esp: Espécie de Contrato; Val: R$ 155,70 + Juros Legais (1% a.m.); Emol.: R$ 58,08. Apontamento R$ 17,00 - Selo R$ 1,90 - Distribuição R$ 0,00 - Diligência R$ 34,00 - Condução R$ 7,08 - Digitalização R$ 0,00- Total Emolumentos R$ 58,08. Prot: 170981; Devedor(es): RICARDO DABOIT POSSAMAI - 102.385.249-73, End: Rua Manoel Elias de Oliveira, 501, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: DB S.ACOMERCIO DE MOVEIS E ELETRODOMESTICOS; Sac: DB S.A COMERCIO DE MOVEIS E ELETRODOMESTICOS; Tit: 152525 ; Apr: DB S.ACOMERCIO DE MOVEIS E ELETRODOMEST; VEN: 10/08/2014; Esp: Espécie de Contrato; Val: R$ 99,60 + Juros Legais (1% a.m.); Emol.: R$ 58,08. Apontamento R$ 17,00 - Selo R$ 1,90 - Distribuição R$ 0,00 - Diligência R$ 34,00 - Condução R$ 7,08 - Digitalização R$ 0,00- Total Emolumentos R$ 58,08. Prot: 170915; Devedor(es): RICARDO DABOIT POSSAMAI - 102.385.249-73, End: Rua Manoel Elias de Oliveira, 501, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: DB S.A COMERCIO DE MOVEIS E ELETRODOMESTICOS; Sac: DB S.A COMERCIO DE MOVEIS E ELETRODOMESTICOS; Tit: 148293 ; Apr: DB S.ACOMERCIO DE MOVEIS E ELETRODOMEST; VEN: 05/07/2014; Esp: Espécie de Contrato; Val: R$ 106,50 + Juros Legais (1% a.m.); Emol.: R$ 58,08. Apontamento R$ 17,00 - Selo R$ 1,90 - Distribuição R$ 0,00 - Diligência R$ 34,00 - Condução R$ 7,08 - Digitalização R$ 0,00- Total Emolumentos R$ 58,08. Prot: 170936; Devedor(es): ROSA SILVEIRA VICENTE - 026.359.999-02, End: Rua Aires Medeiros de Souza, 697, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: DB S.A COMERCIO DE MOVEIS E ELETRODOMESTICOS; Sac: DB S.A COMERCIO DE MOVEIS E ELETRODOMESTICOS; Tit: 150205 ; Apr: DB S.ACOMERCIO DE MOVEIS E ELETRODOMEST; VEN: 14/07/2014; Esp: Espécie de Contrato; Val: R$ 249,60 + Juros Legais (1% a.m.); Emol.: R$ 58,08. Apontamento R$ 17,00 - Selo R$ 1,90 - Distribuição R$ 0,00 - Diligência R$ 34,00 - Condução R$ 7,08 - Digitalização R$ 0,00- Total Emolumentos R$ 58,08. Prot: 170988; Devedor(es): ROSA SILVEIRA VICENTE - 026.359.999-02, End: Rua Aires Medeiros de Souza, 697, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: DB S.A COMERCIO DE MOVEIS E ELETRODOMESTICOS; Sac: DB S.A COMERCIO DE MOVEIS E ELETRODOMESTICOS; Tit: 175127 ; Apr: DB S.ACOMERCIO DE MOVEIS E ELETRODOMEST; VEN: 15/06/2014; Esp: Espécie de Contrato; Val: R$ 315,00 + Juros Legais (1% a.m.); Emol.: R$ 58,08. Apontamento R$ 17,00 - Selo R$ 1,90 - Distribuição R$ 0,00 - Diligência R$ 34,00 - Condução R$ 7,08 - Digitalização R$ 0,00- Total Emolumentos R$ 58,08. Prot: 171018; Devedor(es): SONIA RODRIGUES DIAS - 322.878.280-87, End: Rua Aniceto Silveira, 60, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: DB S.A COMERCIO DE MOVEIS E ELETRODOMESTICOS; Sac: DB S.ACOMERCIO DE MOVEIS E ELETRODOMESTICOS; Tit: 130336 ;Apr: DB S.A COMERCIO DE MOVEIS E ELETRODOMEST; VEN: 13/03/2014; Esp: Espécie de Contrato; Val: R$ 377,30 + Juros Legais (1% a.m.); Emol.: R$ 58,08. Apontamento R$ 17,00 - Selo R$ 1,90 - Distribuição R$ 0,00 - Diligência R$ 34,00 - Condução R$ 7,08 - Digitalização R$ 0,00- Total Emolumentos R$ 58,08. Certifico, para os devidos fins, que o presente edital foi afixado no mural da serventia em: 04/09/2018. Sombrio - SC, 04/09/2018 Claudete Araújo da Cunha Medeiros Tabeliã Interina que é a realidade, e procurar somar pontos para ficar cada vez mais distante da zona de rebaixamento - finalizar.
  16. 16. TERÇA-FEIRA, 4 DE SETEMBRO DE 2018

×