Pcns bases resumo geral

30.432 visualizações

Publicada em

0 comentários
5 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
30.432
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
318
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
512
Comentários
0
Gostaram
5
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Pcns bases resumo geral

  1. 1. OS PARÂMETROS CURRICULARES NACIONAIS – ENSINO MÉDIO - BASES LEGAIS
  2. 2. LDB 9394/96-ENSINO MÉDIO É EDUCAÇÃO BÁSICA, PASSA A SERUM NÍVEL DE ENSINO-REFORMA CURRÍCULAR DO ENSINO MÉDIO: NOVAPROPOSTA PARA TRABALHAR O CURRÍCULOCONTEMPLANDO CONTEÚDOS E ESTRATÉGIA DEAPRENDIZAGEM QUE CAPACITEM O SER HUMANOPARA A REALIZAÇÃO DE ATIVIDADES NOS TRÊSDOMÍNIOS DA AÇÃO HUMANA – A VIDA EMSOCIEDADE, A ATIVIDADE PRODUTIVA E AEXPERÊNCIA SUBJETIVA.
  3. 3. - BUSCAM DAR SIGNIFICADO AO CONHECIMENTO ESCOLAR MEDIANTE A CONTEXTUALIZAÇÃO EEVITAR A COMPARTIMENTALIZAÇÃO, MEDIANTE A INTERDISCIPLINARIDADE
  4. 4. O CURRÍCULO DO ENSINO MÉDIO DESTACA DOIS FATORESMUDANÇA ESTRUTURAIS QUE DECORREM DACHAMADA “REVOLUÇÃO DO CONHECIMENTO” EXPANSÃO CRESCENTE DA REDE PÚBLICA
  5. 5. O ENSINO MÉDIO É UMA ETAPA FINAL DE UMA EDUCAÇÃO DE CARATER GERAL QUE SITUA O EDUCANDO COMO SUJEITO PRODUTOR DECONHECIMENTO E PARTICIPANTE DO MUNDO DO TRABALHO
  6. 6. O CURRÍCULO DEVE CONTEMPLAR CONTEÚDOS EESTRATÉGIAS DE APRENDIZAGEM QUE CAPACITEM O ALUNO PARA A VIDA EM SOCIEDADE
  7. 7. PARÂMETROS CURRICULARES NACIONAIS PARA O ENSINO MÉDIO - PCNEM DOCUMENTO ELABORADO PELA SECRETARIA DE EDUCAÇÃO MÉDIA E TECNOLÓGICA DO MEC, O QUE É? RESULATDO DE DISCUSSÕES REALIZADAS POR ESPECIALISTAS E EDUCADORES DE TODO PAÍS. CRIAR UMA ESCOLA MÉDIA COM IDENTIDADE QUE ATENDA ÀS INTENÇÃO EXPECTATIVAS DE FORMAÇÃO ESCOLAR DOS ALUNOS PARA O MUNDO CONTEMPORÂNEO
  8. 8. ORGANIZAÇÃO DOS PCNEM O DOCUMENTO ESTÁ ORGANIZADO NAS TRÊS ÁREAS DO CONHECIMENTO, CONTEMPLANDO UM ESTUDO DE CADA ÁREA NOS ASPECTOS:A) VISÃO DA ÁREA E DE SUAS DISCIPLINAS POTENCIAIS;B) REFLEXÃO SOBRE O SENTIDO DO PROCESSO DE ENSINO-APREDIZAGEM DE COMPETÊNCIAS GERAIS A SEREM OBJETIVADAS NO ENSINO MÉDIO.
  9. 9. OBJETIVOS DOS PCNEM PARA A ESCOLA- SUBSIDIAR A EXECUÇÃO DO PROJETOPEDAGÓGICO, NORTEANDO A PRÁTICA PEDAGÓGICADENTRO DO PROCESSO ENSINO-APRENDIZAGEM.- DAR SIGNIFICADO AO CONHECIMENTO ESCOLAR,MEDIANTE A CONTEXTUALIZAÇÃO.- EVITAR A COMPARTIMENTALIZAÇÃO, MEDIANTE AINTERDISCIPLINARIDADE.- POSSIBILITAR AOS ALUNOS INTEGRAREM-SE AOMUNDO CONTEMPORÂNEO NAS DIMENSÕESFUNDAMENTAIS DA CIDADANIA E DO TRABALHO.
  10. 10. PARA O PROFESSOR- AUXILIAR NA EXECUÇÃO DE SEU TRABALHO.- APOIAR À REFLEXÃO SOBRE SUA PRÁTICA DIÁRIAAO PLANEJAMENTO DE SUAS AULAS E SOBRETUDOAO DESENVOLVIMENTO DO CURRÍCULO DA SUAESCOLA.- CONTRIBUIR PARA A SUA ATUALIZAÇÃOPROFISSIONAL.
  11. 11. Premissas apontadas pela Unesco como eixos estruturais da educação na sociedade contemporânea APRENDER A APRENDER A CONHECER FAZER APRENDER A APRENDER A VIVER SER
  12. 12. NOVO DESENHO CURRICULARCURRÍCULO CONTEXTUALIZADO, FLEXÍVEL,BASEADO NO DOMÍNIO DE COMPETÊNCIAS BÁSICAS, INTERDISCIPLINAR.
  13. 13. FORMAÇÃO GERAL EM OPOSIÇÃO A FORMAÇÃO ESPECÍFICA - DESENVOLVIMENTO DAS CAPACIDADES DEPESQUISAR, BUSCAR INFORMAÇÕES, ANALISÁ-LAS E SELECIONÁ-LAS.
  14. 14. O ENSINO MÉDIO DEVE, SEM SER PROFISSIONALIZANTE, PROPICIAR UM APRENDIZADO ÚTIL À VIDA E AO TRABALHO, DESENVOLVENDOINSTRUMENTOS REAIS DE JULGAMENTO,ATUAÇÃO E APRENDIZADO PERMANENTE
  15. 15. A VALORIZAÇÃO DO CONHECIMENTO E DA CRIATIVIDADE DEMANDA CIDADÃOSCAPAZES DE APRENDER CONTINUAMENTE, O QUE EXIGE UMA FORMAÇÃO GERAL, E NÃO UM TREINAMENTO ESPECÍFICO.
  16. 16. UM DOS DESAFIOS É A CONVERGÊNCIA DE TODA A COMUNIDADE ESCOLAR EM TORNO DE UM PROJETO ESCOLAR EPEDAGÓGICO QUE INTEGRE NÃO SÓ AS DISCIPLINAS, MAS TODAS AS ÁREAS DE CONHECIMENTO
  17. 17. O ENSINO MÉDIO DEVE ESTIMULAR A CURIOSIDADE, O RACIOCÍNIO E ACAPACIDADE DE INTERPRETAR E INTERVIR NO MUNDO QUE O CERCA
  18. 18. DIMENSÃO CURRICULARDIRETRIZES CURRICULARES NACIONAIS DOENSINO MÉDIO – DCNEM, APRESENTACURRÍCULO PAUTADO NOS TRÊS DOMÍNIOSDA AÇÃO HUMANA: “A VIDA EM SOCIEDADE” “A ATIVIDADE PRODUTIVA” “A EXPERIÊNCIA SUBJETIVA”
  19. 19. PRINCÍPIOS FILOSÓFICOS POLÍTICA DA ESTÉTICA DA ÉTICA DA IGUALDADE SENSIBILIDADE IDENTIDADE- BUSCAR DA -CRIATIVIDADE -AUTONOMIAEQUIDADE,- OPORTUNIDADE, - INCLUSÃO, - RESPONSABILIDADE- TRATAMENTO - TOLERÂNCIA, - SOLIDARIEDADEDIFERENCIADO,- RECONHECIMENTO ENTENDIMENTO - - RECONHECIMENTODOS DIREITOS E DA IDENTIDADE - CONTEXTUALIZAÇÃODEVERES, PRÓPRIA E DO- COMBATE AO OUTRO.PRECONCEITOE DISCRIMINAÇÃO.
  20. 20. Parâmetros Curriculares Nacionais do Ensino - Médio PCNEMINTERDISCIPLINARIDADE CONTEXTUALIZAÇÃO •INTEGRAR OS CONECIMENTOS •APRENDIZAGEM SIGNIFICATIVA •ANALISAR •COMPREENDER FENÔMENOS •GERAR CAPACIDADE DE COMPREEDER E INTERVIR NA E FATOS A PARTIR DE REALIDADE, NUMAPONTOS DE VISTA QUE UTILIZEM PERSPECTIVA AUTÔNOMA E SABERES DE DIVERSOS DESALIENANTE CAMPOS ESPECÍFICOS
  21. 21. LINGUAGENS, CÓDIGOS E SUAS TECNOLOGIAS CIÊNCIAS DA NATUREZA, MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS CIÊNCIAS HUMANAS E SUAS TECNOLOGIAS
  22. 22. ORGANIZAÇÃO DAS ÁREAS EM :LINGUAGENS,CÓDIGOS E SUAS CIÊNCIA DA •CIÊNCIASTECNOLOGIAS: NATUREZA , HUMANAS E SUAS MATEMATICA E TECNOLOGIAS• LÍNGUAS SUAS TECNOLOGIAS: PORTUGUESA •FILOSOFIA •FÍSICA• LÍNGUAS •HISTÓRIA ESTRANGEIRA •QUÍMICA •GEOGRAFIA• ARTE E •BIOLOGIA EDUCAÇÃO •SOCIOLOGIA •MATEMÁTICA• E. FÍSICA
  23. 23. LINGUAGEM, CÓDIGOS E SUAS TECNOLOGIAS A LINGUAGEM PERMEIA O PERMITIR CONHECIMENTO E AS AOS ALUNOS A FORMAS DE CONHECER,PROBLEMATIZAÇÃO DE AGIR E DE PENSAR NÃO A LINGUAGEM É HUMANA- NO VAZIO, SEU GRANDE DESTACA PELO OBJETIVO ÉCARÁTER CRIATIVO A INTERAÇÃO
  24. 24. A LINGUAGEM CAPACIDADE HUMANA DE ARTICULARSIGNIFICADOS COLETIVOS E COMPARTILHÁ-LOS EM SISTEMAS ARBITRÁRIOS DE REPRESENTAÇÃO
  25. 25. LINGUAGEM CÓDIGOS E SUAS TECNOLOGIAS A LINGUAGEM O HOMEM REPRODUZ E TRANSFORMA ESPAÇOS PRODUTIVOS É UMA GARANTIA DE PARTICIPAÇÃO ATIVA NA VIDA SOCIAL, A CIDADANIA DESEJADAORGANIZAÇÃO COGNITIVA DA REALIDADE PELA CONSTITUIÇÃO DE SIGNIFICADO, EXPRESSÃO, COMUNICAÇÃO E INFORMAÇÃO OBJETO DE REFLEXÃO E ANÁLISE
  26. 26. CIÊNCIAS DA NATUREZA,MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS
  27. 27. O ENSINO MÉDIO PRECISA DESENVOLVER O SABER MATEMÁTICO, CIENTÍFICO E TECNOLÓGICO COMO CONDIÇÃO DE CIDADANIA, E NÃO COMO PRERROGATIVA DE ESPECIALISTAS
  28. 28. CIÊNCIAS HUMANAS E SUAS TECNOLOGIAS
  29. 29. CONHECIMENTOS DE FILOSOFIA E CIÊNCIAS HUMANAS SÃO INDISPENSÁVEISÀ FORMAÇÃO BÁSICA DO CIDADÃO
  30. 30. NO CURRÍCULO DO ENSINO MÉDIO, O ESTUDO DAS CIÊNCIAS E DAS HUMANIDADES DEVE SERCOMPLEMENTAR E NÃO EXCLUDENTE.
  31. 31. É HORA DE RETOMAR E ATUALIZAR A EDUCAÇÃO HUMANISTA, ATRAVÉS DE UMA ORGANIZAÇÃO ESCOLAR E CURRICULAR BASEADA EM PRINCÍPIOS ESTÉTICOS, POLÍTICOS E ÉTICOS. O QUE IMPORTA NA EDUCAÇÃO BÁSICA NÃO É A QUANTIDADE DE INFORMAÇÕES, MAS A CAPACIDADE DE LIDAR COM ELAS,ATRAVÉS DE PROCESSOS QUE IMPLIQUEM SUA APROPRIAÇÃO, COMUNICAÇÃO, PRODUÇÃO E RECONSTRUÇÃO

×