#Next Convivência Glocal
#Next Espiritualidade
As convivências glocais, a
espiritualidade e a transição de
hierarquia para...
1.

CONTEXTUALIZAÇÕES
Tudo que é sólido se fluidifica no(s) fluxo(s) da rede(s).

FLUXOS (MEUS)
Next
De...

...à...

• Escola de Redes (2008)

• Redes
• Netweaver
Next
De...

...à...

• Escola de Redes (2008)

• Redes
• Netweaver

• Festival de Ideias (2011)
• Cocriação interativa
• E...
Next
De...
• Escola de Redes (2008)
• Festival de Ideias (2011)

...à...
• Redes
• Netweaver
• Co-criação interativa
• Emp...
Explorações de Augusto de Franco em A MATRIX REALMENTE EXISTE

HIERARQUIA: O LIVRO
O filme
(do Mário Salimon)
Hierarquia

Hierarquia
next
HIERARQUIA:
Explorações de Augusto
de Franco em A MATRIX
REALMENTE EXISTE
Índice:
Parte 1 – Como a Matrix é
carregada...
2.

O NEXT
As aglutinações.

OS GRUPOS DO NEXT
Fluxo(s) NEXT – os grupos
1 - COMUNIDADE | Conviventes que se comprazem na fruição da convivência em rede em
comunidades g...
Fluxo(s) NEXT e os grupos

1 - COMUNIDADE | Conviventes que se comprazem
na fruição da convivência em rede em comunidades
...
Fluxo(s) NEXT e os grupos

1 - COMUNIDADE | Conviventes que se
comprazem na fruição da convivência em rede em
comunidades ...
Fluxo(s) NEXT e os grupos

Comunidades?... Convivências Glocais.
Convivências – estamos falando de
vivências, trocas e flu...
Fluxo(s) NEXT e os grupos

1 – CONVIVÊNCIAS GLOCAIS |
3 - ESPIRITUALIDADE |
E...? Ou ‘mais’?
Fluxo(s) NEXT e os grupos

CONVIVÊNCIAS GLOCAIS |

Conviventes que se comprazem na fruição da
convivência em rede em ‘comu...
Uma observação
Grande parte do que virá a seguir são reflexões
minhas sobre o que acontece desde o começo do
NEXT, sobre c...
Nosso grupo

CONVIVÊNCIAS GLOCAIS +
ESPIRITUALIDADE
Convivências Glocais e Espiritualidade

Convivência Glocal
o tecido social - base
Espiritualidade
um “algo” - transversal ...
A espiritualidade do fazer

ESPIRITUALIDADE
Next - espiritualidade
A espiritualidade do fazer (Luiz de Campos Jr.)
O lúdico
O que nos faz ir à uma praça e ocupá-la
mo...
Next - espiritualidade
O que nos faz ir à uma praça e ocupá-la
momentaneamente com ações lúdicas.
E criar bolhas e “bombas...
Next - espiritualidade
• Lidar com o diferente em cada pessoa,
• Reconhecer o outro [ que não é igual, e muitas
vezes, nem...
O TECIDO SOCIAL

CONVIVÊNCIAS GLOCAIS
Next – convivências glocais

O tecido social:
Em tecelagem, o urdume ou urdidura é o
conjunto de fios dispostos longitudin...
Next – convivências glocais

O tecido social:
A proposta é que seria necessário haver um
“tecido social” para que ( e onde...
Next – convivências glocais

O tecido social:
... seria necessário haver um “tecido social” para
que os outros grupos se a...
Next – convivências glocais

E o que foi visto é que o ‘Convivências Glocais’
‘navegaria’ por este tecido social e seus fl...
Next – convivências glocais

Por outro lado, algumas observações sobre os
fluxos nas Convivências Glocais:
• Fluxos não sã...
Next – convivências glocais

• Conflitos/divergências dentro de zonas de
convivência glocal não necessariamente é
sinônimo...
Next – convivências glocais

Para as convivências glocais, os conflitos e
divergências seriam sinais/indicativos de
movime...
3.

O FINAL
Os dois juntos

CONVIVÊNCIAS GLOCAIS +
ESPIRITUALIDADE
Convivências Glocais e Espiritualidade

Convivência Glocal
o tecido social
Espiritualidade [transversal a todos grupos]
pe...
Convivências Glocais e Espiritualidade

Segundo Augusto de Franco (28/10/2013), uma
das maneiras de “quebrar” a MATRIX é b...
Convivências Glocais e Espiritualidade

A espiritualidade:
O lúdico
O não-racional

O ‘nós’ dentro de cada pessoa
Convivências Glocais e Espiritualidade

Então para nós, aqui e agora, para o nosso intuito no
NEXT, talvez possamos consid...
Convivências Glocais e Espiritualidade

...o conjunto dos vários ‘mundos’ democráticos que
cada vez mais irão surgir.

Até...
Convivências Glocais e Espiritualidade

Então para nós, aqui e agora, para o nosso intuito
no NEXT, talvez possamos consid...
Convivências Glocais e Espiritualidade

Em um grupo de pessoas (convivência glocal) com
baixo nível de hieraquia, alto nív...
Não
deformações
Com
fluxos
Então...
Fluxo(s) NEXT – os grupos
1 – CONVIVÊNCIAS GLOCAIS | Conviventes que se comprazem na fruição da convivência
em rede em com...
CONVIVÊNCIAS GLOCAIS | ESPIRITUALIDADE |
Tecido social e sociosferas glocais

EDUCAÇÃO E PESQUISA OU APRENDIZAGEM E
INVEST...
CONVIVÊNCIAS GLOCAIS | ESPIRITUALIDADE |
Tecido social e sociosferas glocais
Seria a base e a “liga” ( o que “dá liga)
nos...
Via Leila Bonfim:
“Transição? Vivemos um período de transição da hierarquia para redes!? "Transição", diz
Augusto de Franc...
4.

AS VIVÊNCIAS
Next

Luiz
“ ‘Ocupar’ Praças” e “Rios e Ruas”
CONVIVÊNCIAS GLOCAIS | Conviventes que se comprazem na fruição da convivênci...
Next convivência glocal - uma apresentação
Next convivência glocal - uma apresentação
Next convivência glocal - uma apresentação
Next convivência glocal - uma apresentação
Next convivência glocal - uma apresentação
Next convivência glocal - uma apresentação
Next convivência glocal - uma apresentação
Next convivência glocal - uma apresentação
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Next convivência glocal - uma apresentação

201 visualizações

Publicada em

A apresentação de maria thereza do amaral sobre o grupo convivência glocal + espiritualidade do Fluxos NEXT.

Publicada em: Mídias sociais
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Next convivência glocal - uma apresentação

  1. 1. #Next Convivência Glocal #Next Espiritualidade As convivências glocais, a espiritualidade e a transição de hierarquia para rede
  2. 2. 1. CONTEXTUALIZAÇÕES
  3. 3. Tudo que é sólido se fluidifica no(s) fluxo(s) da rede(s). FLUXOS (MEUS)
  4. 4. Next De... ...à... • Escola de Redes (2008) • Redes • Netweaver
  5. 5. Next De... ...à... • Escola de Redes (2008) • Redes • Netweaver • Festival de Ideias (2011) • Cocriação interativa • Empreendedorismo
  6. 6. Next De... • Escola de Redes (2008) • Festival de Ideias (2011) ...à... • Redes • Netweaver • Co-criação interativa • Empreendedorismo • Next (2013) • Hierarquia • Matrix • (leituras via Facebook)...
  7. 7. Explorações de Augusto de Franco em A MATRIX REALMENTE EXISTE HIERARQUIA: O LIVRO
  8. 8. O filme (do Mário Salimon) Hierarquia Hierarquia
  9. 9. next HIERARQUIA: Explorações de Augusto de Franco em A MATRIX REALMENTE EXISTE Índice: Parte 1 – Como a Matrix é carregada em você Na família Na escola Na igreja Nas organizações sociais e políticas No quartel Na universidade No trabalho
  10. 10. 2. O NEXT
  11. 11. As aglutinações. OS GRUPOS DO NEXT
  12. 12. Fluxo(s) NEXT – os grupos 1 - COMUNIDADE | Conviventes que se comprazem na fruição da convivência em rede em comunidades glocais. 2 - EDUCAÇÃO E PESQUISA OU APRENDIZAGEM E INVESTIGAÇÃO | Catalisadores de processos de aprendizagem em comunidades livres de buscadores e polinizadores e investigadores que compartilham processos de investigação OpenScience. 3 - ESPIRITUALIDADE | Compartilhadores de formas pós-religiosas de espiritualidade com outras pessoas que se dispõem a celebrar suas amorosidades e a polinizar mutuamente os modos pelos quais vivem sua mística. 4 - POLÍTICA OU NOVA POLÍTICA | Interagentes políticos - desistentes de construir inimigos - que exercitam a democracia cooperativa na base da sociedade e no cotidiano das relações entre as pessoas, em redes de interação social e política pública. 5 - EMPREENDIMENTOS EM REDE | Coempreendedores, cocriadores de ideias e correalizadores de projetos em empreendimentos compartilhados.
  13. 13. Fluxo(s) NEXT e os grupos 1 - COMUNIDADE | Conviventes que se comprazem na fruição da convivência em rede em comunidades glocais. 3 - ESPIRITUALIDADE | Compartilhadores de formas pós-religiosas de espiritualidade com outras pessoas que se dispõem a celebrar suas amorosidades e a polinizar mutuamente os modos pelos quais vivem sua mística.
  14. 14. Fluxo(s) NEXT e os grupos 1 - COMUNIDADE | Conviventes que se comprazem na fruição da convivência em rede em comunidades glocais. Comunidades?... Convivências Glocais.
  15. 15. Fluxo(s) NEXT e os grupos Comunidades?... Convivências Glocais. Convivências – estamos falando de vivências, trocas e fluxos Glocais – estamos falando em agir no seu entorno sem perder o contato com o global.
  16. 16. Fluxo(s) NEXT e os grupos 1 – CONVIVÊNCIAS GLOCAIS | 3 - ESPIRITUALIDADE | E...? Ou ‘mais’?
  17. 17. Fluxo(s) NEXT e os grupos CONVIVÊNCIAS GLOCAIS | Conviventes que se comprazem na fruição da convivência em rede em ‘comunidades’ glocais. + ESPIRITUALIDADE | Compartilhadores de formas pós-religiosas de espiritualidade com outras pessoas que se dispõem a celebrar suas amorosidades e a polinizar mutuamente os modos pelos quais vivem sua mística.
  18. 18. Uma observação Grande parte do que virá a seguir são reflexões minhas sobre o que acontece desde o começo do NEXT, sobre conversas com pessoas do grupo e fora dele, sobre observações e leituras, que foram muito dinamizadas pela apresentação do Augusto durante a apresentação do Grupo NEXT Política
  19. 19. Nosso grupo CONVIVÊNCIAS GLOCAIS + ESPIRITUALIDADE
  20. 20. Convivências Glocais e Espiritualidade Convivência Glocal o tecido social - base Espiritualidade um “algo” - transversal a todos grupos
  21. 21. A espiritualidade do fazer ESPIRITUALIDADE
  22. 22. Next - espiritualidade A espiritualidade do fazer (Luiz de Campos Jr.) O lúdico O que nos faz ir à uma praça e ocupá-la momentaneamente com ações lúdicas.
  23. 23. Next - espiritualidade O que nos faz ir à uma praça e ocupá-la momentaneamente com ações lúdicas. E criar bolhas e “bombas” de aprendizagem. “Zonas autônomas temporárias”
  24. 24. Next - espiritualidade • Lidar com o diferente em cada pessoa, • Reconhecer o outro [ que não é igual, e muitas vezes, nem semelhante a mim é] para haver possibilidade de haver o nós, • E havendo o nós, a possibilidade da construção de um ‘tecido social’ saudável.
  25. 25. O TECIDO SOCIAL CONVIVÊNCIAS GLOCAIS
  26. 26. Next – convivências glocais O tecido social: Em tecelagem, o urdume ou urdidura é o conjunto de fios dispostos longitudinalmente através dos quais a trama é tecida. A trama é o fio que é tecido para a frente e para trás, através do urdume, para se confeccionar o tecido.
  27. 27. Next – convivências glocais O tecido social: A proposta é que seria necessário haver um “tecido social” para que ( e onde) os outros grupos estivem baseados. Empreendedorismo, negócios, aprendizagem, p olítica.
  28. 28. Next – convivências glocais O tecido social: ... seria necessário haver um “tecido social” para que os outros grupos se assentem. Mas que ao contrário do tecido original, não poderia ser estático, suporia “fluxos” em sua “urdidura” e em sua “trama”.
  29. 29. Next – convivências glocais E o que foi visto é que o ‘Convivências Glocais’ ‘navegaria’ por este tecido social e seus fluxos.
  30. 30. Next – convivências glocais Por outro lado, algumas observações sobre os fluxos nas Convivências Glocais: • Fluxos não são “bons”, nem “maus”, • Abertura de fluxos não é sinônimo de paz, • Nem ao menos é sinal de não distúrbios ou de não conflitos.
  31. 31. Next – convivências glocais • Conflitos/divergências dentro de zonas de convivência glocal não necessariamente é sinônimo de guerra. • Então, enquanto para a política a “guerra” seria uma intervenção pontual da MATRIX , • Para as convivências glocais, os conflitos e divergências seriam sinais/indicativos de movimento.
  32. 32. Next – convivências glocais Para as convivências glocais, os conflitos e divergências seriam sinais/indicativos de movimento. FLUXOS
  33. 33. 3. O FINAL
  34. 34. Os dois juntos CONVIVÊNCIAS GLOCAIS + ESPIRITUALIDADE
  35. 35. Convivências Glocais e Espiritualidade Convivência Glocal o tecido social Espiritualidade [transversal a todos grupos] permeia o tecido social
  36. 36. Convivências Glocais e Espiritualidade Segundo Augusto de Franco (28/10/2013), uma das maneiras de “quebrar” a MATRIX é brincar. O brincar Brincando O lúdico
  37. 37. Convivências Glocais e Espiritualidade A espiritualidade: O lúdico O não-racional O ‘nós’ dentro de cada pessoa
  38. 38. Convivências Glocais e Espiritualidade Então para nós, aqui e agora, para o nosso intuito no NEXT, talvez possamos considerar a Espiritualidade como algo intrínseco à Convivência Glocal e mais, algo que mede a saúde dos componentes e das trocas dos vários mundos que cada vez mais vão compor a policracia, o conjunto dos vários ‘mundos’ democráticos que cada vez mais irão surgir.
  39. 39. Convivências Glocais e Espiritualidade ...o conjunto dos vários ‘mundos’ democráticos que cada vez mais irão surgir. Até que a democracia não seja mais necessária.
  40. 40. Convivências Glocais e Espiritualidade Então para nós, aqui e agora, para o nosso intuito no NEXT, talvez possamos considerar a Espiritualidade como algo intrínseco à Convivência Glocal . E algo cuja emergência seria inversamente proporcional à manutenção das hierarquias.
  41. 41. Convivências Glocais e Espiritualidade Em um grupo de pessoas (convivência glocal) com baixo nível de hieraquia, alto nível de emergência de algo chamado de ‘espiritualidade’. Em um grupo de pessoas (convivência glocal) com alto nível de hieraquia, baixo nível de emergência de algo chamado de ‘espiritualidade’.
  42. 42. Não deformações
  43. 43. Com fluxos
  44. 44. Então...
  45. 45. Fluxo(s) NEXT – os grupos 1 – CONVIVÊNCIAS GLOCAIS | Conviventes que se comprazem na fruição da convivência em rede em comunidades glocais. 2 - EDUCAÇÃO E PESQUISA OU APRENDIZAGEM E INVESTIGAÇÃO | Catalisadores de processos de aprendizagem em comunidades livres de buscadores e polinizadores e investigadores que compartilham processos de investigação OpenScience. 3 - ESPIRITUALIDADE | Compartilhadores de formas pós-religiosas de espiritualidade com outras pessoas que se dispõem a celebrar suas amorosidades e a polinizar mutuamente os modos pelos quais vivem sua mística. 4 - POLÍTICA OU NOVA POLÍTICA | Interagentes políticos - desistentes de construir inimigos - que exercitam a democracia cooperativa na base da sociedade e no cotidiano das relações entre as pessoas, em redes de interação social e política pública. 5 - EMPREENDIMENTOS EM REDE | Coempreendedores, cocriadores de ideias e correalizadores de projetos em empreendimentos compartilhados.
  46. 46. CONVIVÊNCIAS GLOCAIS | ESPIRITUALIDADE | Tecido social e sociosferas glocais EDUCAÇÃO E PESQUISA OU APRENDIZAGEM E INVESTIGAÇÃO | POLÍTICA OU NOVA POLÍTICA | EMPREENDIMENTOS EM REDE |
  47. 47. CONVIVÊNCIAS GLOCAIS | ESPIRITUALIDADE | Tecido social e sociosferas glocais Seria a base e a “liga” ( o que “dá liga) nos grupos EDUCAÇÃO E PESQUISA OU APRENDIZAGEM E INVESTIGAÇÃO | POLÍTICA OU NOVA POLÍTICA | EMPREENDIMENTOS EM REDE |
  48. 48. Via Leila Bonfim: “Transição? Vivemos um período de transição da hierarquia para redes!? "Transição", diz Augusto de Franco, "é uma narrativa porque o que vivemos concretamente são os choros e ranger de dentes". Voltei para casa na última segunda pensando a concretude desta ideia no mundo vivido durante as investigações do Next Aprendizagem e Next Trabalho/Empreendimento... Como compreender o que está acontecendo neste turbilhão de realidades tão diversas onde vivemos, ao mesmo tempo, o que há de mais dominadorhierárquico junto ao que nasce de mais fresco e oxigenado nas interações humanas?” Via Nilton Lessa: “Há os risos e gargalhadas tb. Mas acho que entendo o que Augusto quis dizer.” Via Maria Thereza do Amaral: “Mas há de se entender que mudanças de modelo de mundo nunca foram, e jamais serão, indolores. Quando você entra (e começa a navegar) na faixa entre modelos (modos de ver/viver o mundo), "...choros e ranger de dentes..." são uma das tônicas do "...o que há de mais dominador-hierárquico...". Mas a outra ( e um dos 'pulos do gato' é percebe-la) é mergulhar (como disse a Ana Barros ) no 'somos um'. Isso aglutina o "...o que nasce de mais fresco e oxigenado nas interações humanas..." O NEXT para mim é isso.”
  49. 49. 4. AS VIVÊNCIAS
  50. 50. Next Luiz “ ‘Ocupar’ Praças” e “Rios e Ruas” CONVIVÊNCIAS GLOCAIS | Conviventes que se comprazem na fruição da convivência em rede em comunidades glocais em São Paulo. + ESPIRITUALIDADE | Compartilhadores de formas pós-religiosas de espiritualidade com outras pessoas que se dispõem a celebrar suas amorosidades. Diego PermaTecnoYoga CONVIVÊNCIAS GLOCAIS | Conviventes que se comprazem na fruição da convivência em rede em comunidades glocais no estado de São Paulo. + ESPIRITUALIDADE | Compartilhadores de formas pós-religiosas de espiritualidade com outras pessoas e a polinizar mutuamente os modos pelos quais vivem sua mística.

×