Mapeamento do processo Lean 6 Sigma

62 visualizações

Publicada em

Os objetivos e passos do mapeamento do processo.

Publicada em: Negócios
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
62
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
20
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Mapeamento do processo Lean 6 Sigma

  1. 1. Copyright © 2016 Actio Consulting Group | É expressamente proibida a reprodução de qualquer parte deste manual sem autorização prévia por escrito Mapeamento do Processo Cap. 3.1 – Semana 10
  2. 2. Copyright © 2016 Actio Consulting Group Porquê mapear o processo? • Para que toda a equipa de projeto fique a conhecer o processo, tal como ele é, e não como cada um pensa que é. • Para se identificarem as atividades que acrescentam valor e se eliminarem as demais. • Para se identificarem quais são os possíveis fatores que afetam o processo (inputs). • Para se determinar a performance de cada passo do processo. • Para se colherem as oportunidades que se tornam visíveis, só porque se discute e questiona o processo. O Mapa do processo é uma representação das atividades realizadas para se converterem inputs em outputs A melhor forma de descrever o processo é ir para o terreno e observar… …seguramente, realizam-se atividades que nós não imaginamos (fábrica oculta)
  3. 3. Copyright © 2016 Actio Consulting Group Várias etapas para fazer um Mapa do Processo Estabelecer a equipa Definir o âmbito Definir nível de detalhe Ir ao terreno recolher dados Criar o Mapa do processo (MP) Identificar atividades VA e NVA Confirmar no terreno Identificar Inputs (6M) e Outputs Identificar Especificações Determinar capacidade dos processos Incorporar conhecimento no MP MELHORAR

×