SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 2
Entrevista



No dia 21 de Novembro de 2012, às 9h foi marcada a entrevista de trabalho de Luís, na
empresa MDC.

Luís chega à empresa MDC às 8h45 e espera que seja chamado(a).



Entrevistador: Luís, bom dia faça o favor de entrar

Luís: Bom dia (Entrando)

Entrevistador: Pode se sentar, esteja à vontade.

Luís: Obrigado (com simpatia)

Entrevistador: Ora bem, vamos lá ao nosso objetivo. Fale um pouco sobre si

Luís: Chamo-me Luís, tenho 21 anos. Terminei o meu curso de Técnico de Contabilidade há
cerca de um mês e estou à procura de trabalho nesta área. Sou pontual, trabalho bem em
grupo. Tenho experiência em contabilidade adquirida na realização do meu estágio
profissional de 1100 horas na empresa XPTO. Acima de tudo considero-me uma pessoa com
iniciativa.

Entrevistador: Quais são seus objetivos a curto prazo? E a longo prazo?

Luís: A curto prazo pretendo desenvolver as minhas competências na área de contabilidade
como por exemplo faturações e balancetes aqui na vossa empresa se me derem essa
oportunidade. A longo prazo gostaria de estabelecer-me num escritório próprio.

Entrevistador: O que o levou a enviar o seu curriculum a esta empresa?

Luís: Sei que vocês já estão no mercado de trabalho há cerca de 10 anos. Transmitem uma boa
imagem na área de contabilidade, algumas pessoas falaram-me da vossa empresa de uma
forma positiva e daí ter enviado o curriculum para tentar a minha oportunidade.

Entrevistador: Qual foi a decisão mais difícil que tomou até hoje?

Luís: A nível profissional ainda não me deparei com nenhuma situação difícil. A nível de
decisões a mais importante terá sido talvez optar por um curso profissional.

Entrevistador: O que procura num emprego?

Luís: Estabilidade, uma boa equipa de trabalho, responsabilidade e organização de preferência
desenvolvendo os meus conhecimentos a nível da contabilidade.
Entrevistador: Você é capaz de trabalhar sob pressão e com prazos definidos?

Luís: Sim, estou habituado a fazer o fecho do mês, os pagamentos à segurança social e a
entrega periódica do IVA.. Tudo isso tem prazos.

Entrevistador: Dê-nos um motivo para o escolhermos em vez dos outros candidatos.

Luís: Como sou novo e com pouca experiencia profissional não tenho vícios de trabalho, sou
uma pessoa persistente que luto sempre pelos meus objetivos, não desisto à primeira e sou
muito responsável.

Entrevistador: O que faz no seu tempo livre?

Luís: No meu tempo livre costumo estar com os amigos, ir até ao café, conversar.. também
procuro emprego…


Entrevistador: Quais são as suas maiores qualidades?

Luís: como já referi sou persistente, comunicativo, sociável e responsável.

Entrevistador: E pontos negativos/defeitos?

Luís: quando me dão uma tarefa não descanso enquanto não acabar por isso sou um pouco
teimoso ou persistente como quiserem.

Entrevistador: Que avaliação faz da sua última (ou atual) experiência profissional?

Luís: A minha ultima experiencia profissional foi o meu estágio por isso tinha regras um pouco
diferentes de um trabalho normal.. foi uma boa experiencia, fiquei a conhecer este ramo e o
ritmo de trabalho. Gostei bastante de estagiar naquela empresa.

Entrevistador: Qual seria a remuneração justa para o seu trabalho?

Luís: O habitual para um técnico de contabilidade dependendo das responsabilidades que me
quiser atribuir. Entre os 600€ e os 700€ penso eu..


Entrevistador: Há algo a acrescentar á sua entrevista?


Luís: Tenho carta de condução, carro e disponibilidade imediata.

Entrevistador: Muito bem senhor Luís, depois entrará em contacto consigo. Tenha um bom
dia e até á próxima.

Mais conteúdo relacionado

Destaque

16 j1+16j2+1791+1792 spanish
16 j1+16j2+1791+1792 spanish16 j1+16j2+1791+1792 spanish
16 j1+16j2+1791+1792 spanishjrgepc
 
Inscricoes ate o momento0505
Inscricoes ate o momento0505Inscricoes ate o momento0505
Inscricoes ate o momento0505Josete Sampaio
 
Cqep eso informacoes
Cqep eso informacoesCqep eso informacoes
Cqep eso informacoescqep
 
Turismo frente e verso programa de Governo do PT CG
Turismo frente e verso programa de Governo do PT CGTurismo frente e verso programa de Governo do PT CG
Turismo frente e verso programa de Governo do PT CGGerson Canhete Jara Jara
 
O que é discipulado
O que é discipuladoO que é discipulado
O que é discipuladoJoao Rumpel
 
Eraldo Leite apoia a CHAPA SOU IMPÉRIO SERRANO
Eraldo Leite apoia a CHAPA SOU IMPÉRIO SERRANOEraldo Leite apoia a CHAPA SOU IMPÉRIO SERRANO
Eraldo Leite apoia a CHAPA SOU IMPÉRIO SERRANOsouimperioserrano
 
Resultado 04 05-14
Resultado 04 05-14Resultado 04 05-14
Resultado 04 05-14Evandro Lira
 
Alfabetização sem traumas
Alfabetização sem traumasAlfabetização sem traumas
Alfabetização sem traumasEder Santos
 
Transplantes de maior complexidade foram os que mais cresceram no Brasil
Transplantes de maior complexidade foram os que mais cresceram no BrasilTransplantes de maior complexidade foram os que mais cresceram no Brasil
Transplantes de maior complexidade foram os que mais cresceram no BrasilMinistério da Saúde
 
( Espiritismo) # - aureo - hernani t sant'anna - universo e vida # cap 19 a...
( Espiritismo)   # - aureo - hernani t sant'anna - universo e vida # cap 19 a...( Espiritismo)   # - aureo - hernani t sant'anna - universo e vida # cap 19 a...
( Espiritismo) # - aureo - hernani t sant'anna - universo e vida # cap 19 a...Instituto de Psicobiofísica Rama Schain
 
Ed 4 oxidaçao dos ácidos graxos
Ed 4   oxidaçao dos ácidos graxosEd 4   oxidaçao dos ácidos graxos
Ed 4 oxidaçao dos ácidos graxosJúnior Santos
 
Receita gorro agulhas retas
Receita gorro agulhas retas Receita gorro agulhas retas
Receita gorro agulhas retas Aline Batista
 

Destaque (20)

16 j1+16j2+1791+1792 spanish
16 j1+16j2+1791+1792 spanish16 j1+16j2+1791+1792 spanish
16 j1+16j2+1791+1792 spanish
 
Inscricoes ate o momento0505
Inscricoes ate o momento0505Inscricoes ate o momento0505
Inscricoes ate o momento0505
 
Riserve scrutatori europee 2014
Riserve scrutatori europee 2014Riserve scrutatori europee 2014
Riserve scrutatori europee 2014
 
Cqep eso informacoes
Cqep eso informacoesCqep eso informacoes
Cqep eso informacoes
 
Gerenciamento de Certificados Digitais - PKI
Gerenciamento de Certificados Digitais - PKIGerenciamento de Certificados Digitais - PKI
Gerenciamento de Certificados Digitais - PKI
 
D turma 03
D turma 03D turma 03
D turma 03
 
Turismo frente e verso programa de Governo do PT CG
Turismo frente e verso programa de Governo do PT CGTurismo frente e verso programa de Governo do PT CG
Turismo frente e verso programa de Governo do PT CG
 
Nunca deixe de sonhar
Nunca deixe de sonharNunca deixe de sonhar
Nunca deixe de sonhar
 
Base participante
Base participanteBase participante
Base participante
 
O que é discipulado
O que é discipuladoO que é discipulado
O que é discipulado
 
23 aves e animais no astral
23   aves e animais no astral23   aves e animais no astral
23 aves e animais no astral
 
Eraldo Leite apoia a CHAPA SOU IMPÉRIO SERRANO
Eraldo Leite apoia a CHAPA SOU IMPÉRIO SERRANOEraldo Leite apoia a CHAPA SOU IMPÉRIO SERRANO
Eraldo Leite apoia a CHAPA SOU IMPÉRIO SERRANO
 
Resultado 04 05-14
Resultado 04 05-14Resultado 04 05-14
Resultado 04 05-14
 
Alfabetização sem traumas
Alfabetização sem traumasAlfabetização sem traumas
Alfabetização sem traumas
 
Universalismo crstico apostila - 015 - 2011 - lar
Universalismo crstico   apostila - 015 - 2011 - larUniversalismo crstico   apostila - 015 - 2011 - lar
Universalismo crstico apostila - 015 - 2011 - lar
 
Imagens de Divulgação
Imagens de DivulgaçãoImagens de Divulgação
Imagens de Divulgação
 
Transplantes de maior complexidade foram os que mais cresceram no Brasil
Transplantes de maior complexidade foram os que mais cresceram no BrasilTransplantes de maior complexidade foram os que mais cresceram no Brasil
Transplantes de maior complexidade foram os que mais cresceram no Brasil
 
( Espiritismo) # - aureo - hernani t sant'anna - universo e vida # cap 19 a...
( Espiritismo)   # - aureo - hernani t sant'anna - universo e vida # cap 19 a...( Espiritismo)   # - aureo - hernani t sant'anna - universo e vida # cap 19 a...
( Espiritismo) # - aureo - hernani t sant'anna - universo e vida # cap 19 a...
 
Ed 4 oxidaçao dos ácidos graxos
Ed 4   oxidaçao dos ácidos graxosEd 4   oxidaçao dos ácidos graxos
Ed 4 oxidaçao dos ácidos graxos
 
Receita gorro agulhas retas
Receita gorro agulhas retas Receita gorro agulhas retas
Receita gorro agulhas retas
 

Semelhante a Entrevista

Projeto final recrutamento e seleção
Projeto final recrutamento e seleçãoProjeto final recrutamento e seleção
Projeto final recrutamento e seleçãoÉlida Tavares
 
230388923 manual-ufcd-7842-tecnicas-de-atendimento
230388923 manual-ufcd-7842-tecnicas-de-atendimento230388923 manual-ufcd-7842-tecnicas-de-atendimento
230388923 manual-ufcd-7842-tecnicas-de-atendimentoSilvio Magalhães
 
Atenção, coordenador técnico de academias: você pode mais!
Atenção, coordenador técnico de academias: você pode mais!Atenção, coordenador técnico de academias: você pode mais!
Atenção, coordenador técnico de academias: você pode mais!Christian Munaier
 
InEvent- Cultura de uma Startup
InEvent- Cultura de uma StartupInEvent- Cultura de uma Startup
InEvent- Cultura de uma StartupInEvent
 
Perspectiva e desafios de um consultor ambiental
Perspectiva e desafios de um consultor ambientalPerspectiva e desafios de um consultor ambiental
Perspectiva e desafios de um consultor ambientalAndressa Ribeiro
 
Jh dicas do joão honorio para empregos
Jh   dicas do joão honorio para empregosJh   dicas do joão honorio para empregos
Jh dicas do joão honorio para empregosricelligoncalves
 
Jh dicas do joão honorio para empregos
Jh   dicas do joão honorio para empregosJh   dicas do joão honorio para empregos
Jh dicas do joão honorio para empregosricelligoncalves
 
Os Caminhos do Empreendedor
Os  Caminhos do EmpreendedorOs  Caminhos do Empreendedor
Os Caminhos do EmpreendedorDoug Caesar
 
Depois do 9º ano, que opções
Depois do 9º ano, que opçõesDepois do 9º ano, que opções
Depois do 9º ano, que opçõescatarinasoares7a
 
Série Aprendendo com Outros: Gerente minuto - um resumo para aprendizado
Série Aprendendo com Outros: Gerente minuto - um resumo para aprendizadoSérie Aprendendo com Outros: Gerente minuto - um resumo para aprendizado
Série Aprendendo com Outros: Gerente minuto - um resumo para aprendizadoMoacir Medrado
 
Guia pratico de como iniciar no coaching
Guia pratico de como iniciar no coachingGuia pratico de como iniciar no coaching
Guia pratico de como iniciar no coachingEderronio Mederos
 
Guia pratico de como iniciar no coaching
Guia pratico de como iniciar no coachingGuia pratico de como iniciar no coaching
Guia pratico de como iniciar no coachingEderronio Mederos
 
Guia Prático de como iniciar no Coaching
Guia Prático de como iniciar no CoachingGuia Prático de como iniciar no Coaching
Guia Prático de como iniciar no CoachingWanderson Silveira
 
Entrevista SGomes_HumanResources_SET2016
Entrevista SGomes_HumanResources_SET2016Entrevista SGomes_HumanResources_SET2016
Entrevista SGomes_HumanResources_SET2016Susana Catroga Gomes
 

Semelhante a Entrevista (20)

Relatorio ti
Relatorio tiRelatorio ti
Relatorio ti
 
Titulo
TituloTitulo
Titulo
 
Projeto final recrutamento e seleção
Projeto final recrutamento e seleçãoProjeto final recrutamento e seleção
Projeto final recrutamento e seleção
 
230388923 manual-ufcd-7842-tecnicas-de-atendimento
230388923 manual-ufcd-7842-tecnicas-de-atendimento230388923 manual-ufcd-7842-tecnicas-de-atendimento
230388923 manual-ufcd-7842-tecnicas-de-atendimento
 
Visita à agência practice
Visita à agência practiceVisita à agência practice
Visita à agência practice
 
Visita à agência practice
Visita à agência practiceVisita à agência practice
Visita à agência practice
 
Atenção, coordenador técnico de academias: você pode mais!
Atenção, coordenador técnico de academias: você pode mais!Atenção, coordenador técnico de academias: você pode mais!
Atenção, coordenador técnico de academias: você pode mais!
 
InEvent- Cultura de uma Startup
InEvent- Cultura de uma StartupInEvent- Cultura de uma Startup
InEvent- Cultura de uma Startup
 
Perspectiva e desafios de um consultor ambiental
Perspectiva e desafios de um consultor ambientalPerspectiva e desafios de um consultor ambiental
Perspectiva e desafios de um consultor ambiental
 
Entrevista em ingles
Entrevista em inglesEntrevista em ingles
Entrevista em ingles
 
Jh dicas do joão honorio para empregos
Jh   dicas do joão honorio para empregosJh   dicas do joão honorio para empregos
Jh dicas do joão honorio para empregos
 
Jh dicas do joão honorio para empregos
Jh   dicas do joão honorio para empregosJh   dicas do joão honorio para empregos
Jh dicas do joão honorio para empregos
 
Meeting IT B2finance
Meeting IT B2financeMeeting IT B2finance
Meeting IT B2finance
 
Os Caminhos do Empreendedor
Os  Caminhos do EmpreendedorOs  Caminhos do Empreendedor
Os Caminhos do Empreendedor
 
Depois do 9º ano, que opções
Depois do 9º ano, que opçõesDepois do 9º ano, que opções
Depois do 9º ano, que opções
 
Série Aprendendo com Outros: Gerente minuto - um resumo para aprendizado
Série Aprendendo com Outros: Gerente minuto - um resumo para aprendizadoSérie Aprendendo com Outros: Gerente minuto - um resumo para aprendizado
Série Aprendendo com Outros: Gerente minuto - um resumo para aprendizado
 
Guia pratico de como iniciar no coaching
Guia pratico de como iniciar no coachingGuia pratico de como iniciar no coaching
Guia pratico de como iniciar no coaching
 
Guia pratico de como iniciar no coaching
Guia pratico de como iniciar no coachingGuia pratico de como iniciar no coaching
Guia pratico de como iniciar no coaching
 
Guia Prático de como iniciar no Coaching
Guia Prático de como iniciar no CoachingGuia Prático de como iniciar no Coaching
Guia Prático de como iniciar no Coaching
 
Entrevista SGomes_HumanResources_SET2016
Entrevista SGomes_HumanResources_SET2016Entrevista SGomes_HumanResources_SET2016
Entrevista SGomes_HumanResources_SET2016
 

Mais de cont_gti

Base de dados algarve bp
Base de dados  algarve bpBase de dados  algarve bp
Base de dados algarve bpcont_gti
 
Base de dados barcelos
Base de dados barcelosBase de dados barcelos
Base de dados barceloscont_gti
 
Base de dados famalicão
Base de dados   famalicãoBase de dados   famalicão
Base de dados famalicãocont_gti
 
Base de dados guimarães
Base de dados guimarãesBase de dados guimarães
Base de dados guimarãescont_gti
 
Exemplo CV Cronológico
Exemplo CV CronológicoExemplo CV Cronológico
Exemplo CV Cronológicocont_gti
 
Base dados Braga
Base dados BragaBase dados Braga
Base dados Bragacont_gti
 
Exemplo de um contato por telefone
Exemplo de um contato por telefoneExemplo de um contato por telefone
Exemplo de um contato por telefonecont_gti
 
Exemplo de Resposta a um Anúcio
Exemplo de Resposta a um AnúcioExemplo de Resposta a um Anúcio
Exemplo de Resposta a um Anúciocont_gti
 
Exemplo de Cadidatura Espotânea
Exemplo de Cadidatura EspotâneaExemplo de Cadidatura Espotânea
Exemplo de Cadidatura Espotâneacont_gti
 

Mais de cont_gti (9)

Base de dados algarve bp
Base de dados  algarve bpBase de dados  algarve bp
Base de dados algarve bp
 
Base de dados barcelos
Base de dados barcelosBase de dados barcelos
Base de dados barcelos
 
Base de dados famalicão
Base de dados   famalicãoBase de dados   famalicão
Base de dados famalicão
 
Base de dados guimarães
Base de dados guimarãesBase de dados guimarães
Base de dados guimarães
 
Exemplo CV Cronológico
Exemplo CV CronológicoExemplo CV Cronológico
Exemplo CV Cronológico
 
Base dados Braga
Base dados BragaBase dados Braga
Base dados Braga
 
Exemplo de um contato por telefone
Exemplo de um contato por telefoneExemplo de um contato por telefone
Exemplo de um contato por telefone
 
Exemplo de Resposta a um Anúcio
Exemplo de Resposta a um AnúcioExemplo de Resposta a um Anúcio
Exemplo de Resposta a um Anúcio
 
Exemplo de Cadidatura Espotânea
Exemplo de Cadidatura EspotâneaExemplo de Cadidatura Espotânea
Exemplo de Cadidatura Espotânea
 

Último

637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 anoAdelmaTorres2
 
Doutrina Deus filho e Espírito Santo.pptx
Doutrina Deus filho e Espírito Santo.pptxDoutrina Deus filho e Espírito Santo.pptx
Doutrina Deus filho e Espírito Santo.pptxThye Oliver
 
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chaveAula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chaveaulasgege
 
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdfDIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdfIedaGoethe
 
Cartilha 1º Ano Alfabetização _ 1º Ano Ensino Fundamental
Cartilha 1º Ano Alfabetização _ 1º Ano Ensino FundamentalCartilha 1º Ano Alfabetização _ 1º Ano Ensino Fundamental
Cartilha 1º Ano Alfabetização _ 1º Ano Ensino Fundamentalgeone480617
 
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxSlides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdfO guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdfErasmo Portavoz
 
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕES
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕESPRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕES
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕESpatriciasofiacunha18
 
Geometria 5to Educacion Primaria EDU Ccesa007.pdf
Geometria  5to Educacion Primaria EDU  Ccesa007.pdfGeometria  5to Educacion Primaria EDU  Ccesa007.pdf
Geometria 5to Educacion Primaria EDU Ccesa007.pdfDemetrio Ccesa Rayme
 
Programa de Intervenção com Habilidades Motoras
Programa de Intervenção com Habilidades MotorasPrograma de Intervenção com Habilidades Motoras
Programa de Intervenção com Habilidades MotorasCassio Meira Jr.
 
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdfCurrículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdfIedaGoethe
 
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxBaladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxacaciocarmo1
 
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024Sandra Pratas
 
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024Jeanoliveira597523
 
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdfSimulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdfEditoraEnovus
 
trabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditaduratrabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditaduraAdryan Luiz
 
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaA Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaFernanda Ledesma
 
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANOInvestimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANOMarcosViniciusLemesL
 
Mapas Mentais - Português - Principais Tópicos.pdf
Mapas Mentais - Português - Principais Tópicos.pdfMapas Mentais - Português - Principais Tópicos.pdf
Mapas Mentais - Português - Principais Tópicos.pdfangelicass1
 
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autoresSociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autoresaulasgege
 

Último (20)

637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano
 
Doutrina Deus filho e Espírito Santo.pptx
Doutrina Deus filho e Espírito Santo.pptxDoutrina Deus filho e Espírito Santo.pptx
Doutrina Deus filho e Espírito Santo.pptx
 
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chaveAula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
 
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdfDIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
 
Cartilha 1º Ano Alfabetização _ 1º Ano Ensino Fundamental
Cartilha 1º Ano Alfabetização _ 1º Ano Ensino FundamentalCartilha 1º Ano Alfabetização _ 1º Ano Ensino Fundamental
Cartilha 1º Ano Alfabetização _ 1º Ano Ensino Fundamental
 
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxSlides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
 
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdfO guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
 
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕES
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕESPRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕES
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕES
 
Geometria 5to Educacion Primaria EDU Ccesa007.pdf
Geometria  5to Educacion Primaria EDU  Ccesa007.pdfGeometria  5to Educacion Primaria EDU  Ccesa007.pdf
Geometria 5to Educacion Primaria EDU Ccesa007.pdf
 
Programa de Intervenção com Habilidades Motoras
Programa de Intervenção com Habilidades MotorasPrograma de Intervenção com Habilidades Motoras
Programa de Intervenção com Habilidades Motoras
 
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdfCurrículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
 
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxBaladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
 
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
 
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
 
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdfSimulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
 
trabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditaduratrabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditadura
 
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaA Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
 
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANOInvestimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
 
Mapas Mentais - Português - Principais Tópicos.pdf
Mapas Mentais - Português - Principais Tópicos.pdfMapas Mentais - Português - Principais Tópicos.pdf
Mapas Mentais - Português - Principais Tópicos.pdf
 
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autoresSociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
 

Entrevista

  • 1. Entrevista No dia 21 de Novembro de 2012, às 9h foi marcada a entrevista de trabalho de Luís, na empresa MDC. Luís chega à empresa MDC às 8h45 e espera que seja chamado(a). Entrevistador: Luís, bom dia faça o favor de entrar Luís: Bom dia (Entrando) Entrevistador: Pode se sentar, esteja à vontade. Luís: Obrigado (com simpatia) Entrevistador: Ora bem, vamos lá ao nosso objetivo. Fale um pouco sobre si Luís: Chamo-me Luís, tenho 21 anos. Terminei o meu curso de Técnico de Contabilidade há cerca de um mês e estou à procura de trabalho nesta área. Sou pontual, trabalho bem em grupo. Tenho experiência em contabilidade adquirida na realização do meu estágio profissional de 1100 horas na empresa XPTO. Acima de tudo considero-me uma pessoa com iniciativa. Entrevistador: Quais são seus objetivos a curto prazo? E a longo prazo? Luís: A curto prazo pretendo desenvolver as minhas competências na área de contabilidade como por exemplo faturações e balancetes aqui na vossa empresa se me derem essa oportunidade. A longo prazo gostaria de estabelecer-me num escritório próprio. Entrevistador: O que o levou a enviar o seu curriculum a esta empresa? Luís: Sei que vocês já estão no mercado de trabalho há cerca de 10 anos. Transmitem uma boa imagem na área de contabilidade, algumas pessoas falaram-me da vossa empresa de uma forma positiva e daí ter enviado o curriculum para tentar a minha oportunidade. Entrevistador: Qual foi a decisão mais difícil que tomou até hoje? Luís: A nível profissional ainda não me deparei com nenhuma situação difícil. A nível de decisões a mais importante terá sido talvez optar por um curso profissional. Entrevistador: O que procura num emprego? Luís: Estabilidade, uma boa equipa de trabalho, responsabilidade e organização de preferência desenvolvendo os meus conhecimentos a nível da contabilidade.
  • 2. Entrevistador: Você é capaz de trabalhar sob pressão e com prazos definidos? Luís: Sim, estou habituado a fazer o fecho do mês, os pagamentos à segurança social e a entrega periódica do IVA.. Tudo isso tem prazos. Entrevistador: Dê-nos um motivo para o escolhermos em vez dos outros candidatos. Luís: Como sou novo e com pouca experiencia profissional não tenho vícios de trabalho, sou uma pessoa persistente que luto sempre pelos meus objetivos, não desisto à primeira e sou muito responsável. Entrevistador: O que faz no seu tempo livre? Luís: No meu tempo livre costumo estar com os amigos, ir até ao café, conversar.. também procuro emprego… Entrevistador: Quais são as suas maiores qualidades? Luís: como já referi sou persistente, comunicativo, sociável e responsável. Entrevistador: E pontos negativos/defeitos? Luís: quando me dão uma tarefa não descanso enquanto não acabar por isso sou um pouco teimoso ou persistente como quiserem. Entrevistador: Que avaliação faz da sua última (ou atual) experiência profissional? Luís: A minha ultima experiencia profissional foi o meu estágio por isso tinha regras um pouco diferentes de um trabalho normal.. foi uma boa experiencia, fiquei a conhecer este ramo e o ritmo de trabalho. Gostei bastante de estagiar naquela empresa. Entrevistador: Qual seria a remuneração justa para o seu trabalho? Luís: O habitual para um técnico de contabilidade dependendo das responsabilidades que me quiser atribuir. Entre os 600€ e os 700€ penso eu.. Entrevistador: Há algo a acrescentar á sua entrevista? Luís: Tenho carta de condução, carro e disponibilidade imediata. Entrevistador: Muito bem senhor Luís, depois entrará em contacto consigo. Tenha um bom dia e até á próxima.