Spartak, o salvador            Disciplina: Português            Professora: Graça Cruz            Trabalho realizado por: ...
Spartak era um cavalo que vivia numa pequenaterra na Colômbia junto de todos os outros animaisda sua espécie. Ele era dife...
Certo dia, quando todos dormiam, aconteceu umacoisa muito estranha: desapareceram dois cavalos...Quando Spartak tomou conh...
No dia seguinte, à mesma hora,aconteceu exatamente a mesmacoisa: dois cavalos voltaram adesaparecer. Como pode ser resolvi...
Na noite seguinte, a situação voltou a repetir-se,mas desta vez o número de cavalos foi aumentando,pois desapareceram não ...
Spartak ia ficando cada vez mais preocupado, poisa situação era muito grave. Depois de muito pensar,o cavalo decidiu agir,...
Nessa mesma noite, Spartak resolveu ficar toda anoite acordado, mas em vão, pois a noite foi,surpreendentemente, tranquila...
Passaram dias e dias e nada aconteceu, o que fezcom que Spartak acreditasse que esta brincadeiratinha parado. Passada uma ...
O belo cavalo não sabia o que fazer, porém, maistarde, teve uma excelente ideia: esconder-se na cela,tal como todos os out...
Tal como todos os outros, Spartak foi transportadopara uma enorme carrinha onde permaneceu cercade três horas, três horas ...
Spartak, naquela viagem, observou atentamente ohomem e, de tanto observar, concluiu que conheciaaquela cara, no entanto, n...
Agora, tudo fazia sentido; este homem raptaratodos estes cavalos, com o fim destes se tornaremcorredores. Agora o que vou ...
Depois de pensar em tudo isto, acarrinha parou finalmente. Estava nahora de agir. Durante a viagemplaneou a sua fuga, a qu...
Esse dia foi o dia maisfeliz da vida de Spartak,pois todos ficaram a salvo,incluindo ele. Para alémdisso, o raptor acabou ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

15 português spartak, o salvador gonçalos

412 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
412
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
237
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

15 português spartak, o salvador gonçalos

  1. 1. Spartak, o salvador Disciplina: Português Professora: Graça Cruz Trabalho realizado por: Gonçalo Leonardo, 7ºB nº13 Gonçalo Pinho, 7ºB nº14 Ano lectivo: 2012-2013
  2. 2. Spartak era um cavalo que vivia numa pequenaterra na Colômbia junto de todos os outros animaisda sua espécie. Ele era diferente de todos, poisdesempenhava funções de agente secreto. Quanto àaparência, Spartak revelava ser o mais belo detodos, pois era um cavalo bonito e atraente. Escola Secundária Augusto Gomes
  3. 3. Certo dia, quando todos dormiam, aconteceu umacoisa muito estranha: desapareceram dois cavalos...Quando Spartak tomou conhecimento do que seestava a passar, tentou agir de imediato, mas, maistarde, recordou-se que o problema não podia serresolvido assim, pois ninguém tinha conhecimentoque ele era um agente secreto. Escola Secundária Augusto Gomes
  4. 4. No dia seguinte, à mesma hora,aconteceu exatamente a mesmacoisa: dois cavalos voltaram adesaparecer. Como pode ser resolvido esteproblema? Como vou eu manter aminha entidade secreta? -questionava-se o belo cavalo. Escola Secundária Augusto Gomes
  5. 5. Na noite seguinte, a situação voltou a repetir-se,mas desta vez o número de cavalos foi aumentando,pois desapareceram não um ou dois cavalos mas simquatro. Escola Secundária Augusto Gomes
  6. 6. Spartak ia ficando cada vez mais preocupado, poisa situação era muito grave. Depois de muito pensar,o cavalo decidiu agir, mesmo sabendo que corria orisco da sua identidade ser desvendada. Escola Secundária Augusto Gomes
  7. 7. Nessa mesma noite, Spartak resolveu ficar toda anoite acordado, mas em vão, pois a noite foi,surpreendentemente, tranquila. Mesmo não tendoacontecido nada, ele não se convencia que estabrincadeira tinha acabado. Este vivia dias deansiedade, pois acreditava que esta história não erapura coincidência, mas sim uma brincadeira trágicae de muito mau gosto. Escola Secundária Augusto Gomes
  8. 8. Passaram dias e dias e nada aconteceu, o que fezcom que Spartak acreditasse que esta brincadeiratinha parado. Passada uma semana, o ladrão “voltou a atacar”. Desta vez, Spartak resolveu agir, pois ele era oguardião daquela terra. Escola Secundária Augusto Gomes
  9. 9. O belo cavalo não sabia o que fazer, porém, maistarde, teve uma excelente ideia: esconder-se na cela,tal como todos os outros cavalos, na esperança deser também raptado. Onde vou eu? O que será que me vão fazer? Seráque vamos ficar todos a salvo? - interrogava-seSpartak com algum receio. Escola Secundária Augusto Gomes
  10. 10. Tal como todos os outros, Spartak foi transportadopara uma enorme carrinha onde permaneceu cercade três horas, três horas de sofrimento e angústia.Mais tarde, o cavalo foi numa longa viagem, numacarrinha cujo condutor era um homem feio e commau aspeto. Escola Secundária Augusto Gomes
  11. 11. Spartak, naquela viagem, observou atentamente ohomem e, de tanto observar, concluiu que conheciaaquela cara, no entanto, não sabia de onde ouquando o poderia ter conhecido. Pensou, pensou,pensou até que se lembrou … Era um homem quefazia corridas ilegais de cavalos . Escola Secundária Augusto Gomes
  12. 12. Agora, tudo fazia sentido; este homem raptaratodos estes cavalos, com o fim destes se tornaremcorredores. Agora o que vou fazer? Como vou eu salvar osoutros? Será que já não é tarde de mais? -questionava-se novamente Spartak . Escola Secundária Augusto Gomes
  13. 13. Depois de pensar em tudo isto, acarrinha parou finalmente. Estava nahora de agir. Durante a viagemplaneou a sua fuga, a qual decorreuna perfeição, deixando o ladrãoextremamente aborrecido e zangado. Correu, correu até que chegou aum centro policial onde pediu ajuda. Escola Secundária Augusto Gomes
  14. 14. Esse dia foi o dia maisfeliz da vida de Spartak,pois todos ficaram a salvo,incluindo ele. Para alémdisso, o raptor acabou porapanhar uma grande pena. Escola Secundária Augusto Gomes

×